Instituto TMO incentiva doação de sangue no Biobanco

 

Instituto TMO logo 800x600

Coletas são realizadas em ambiente seguro, em um espaço anexo do Hospital de Clínicas da UFPR; estoque está baixo devido à falta de doadores

Neste ano, os bancos hospitalares de sangue passam por um desabastecimento em escala mundial por causa da quarentena gerada pela pandemia de Covid-19, de acordo com o Ministério da Saúde. Segundo informações do Biobanco, em Curitiba, o estoque está baixo devido ao número reduzido de doadores. É preciso reverter este quadro, pois as demandas continuam. Há pacientes que não podem esperar, entre eles estão os que passam por transplantes, que são realizados mesmo na quarentena.

 

O Instituto TMO, que há 31 anos apoia ações em prol do transplante de medula óssea, está incentivando pessoas a realizar doações de sangue no Biobanco. O ambiente é seguro, uma vez que está localizado em um anexo do Hospital de Clínicas da UFPR. Os procedimentos de coleta são feitos dentro das normas de segurança sanitária necessárias durante a atual conjuntura.

 

Quem doa sangue também pode se tornar doador de medula óssea

O momento da coleta de uma bolsa de sangue também é a oportunidade da pessoa se registrar para ser um possível doador de medula óssea. Para isso, é feito um cadastro no Redome (Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea) e é coletada uma pequena amostra de sangue, que será analisado para que sejam identificadas as características das células.

 

Com estas informações, a pessoa poderá ser chamada futuramente para doar medula óssea, caso seja um doador compatível para um paciente que necessite de um transplante.

 

Quem pode doar sangue

Segundo orientações do Biobanco, o doador deve ter idade entre 16 a 59 anos, peso acima dos 52 quilos, não ter viajado recentemente e nem apresentar sintomas de gripe ou Covid-19. Adolescentes devem estar acompanhados de um responsável.

 

As doações devem ser agendadas pelo telefone (41) 3360-1875, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. As coletas são feitas com hora marcada, para evitar aglomerações.

 

No momento da ligação, também é feita uma orientação sobre alguns fatores que podem ser determinantes para saber se a pessoa pode doar, relacionados a vacinas, medicamentos, cirurgias, tatuagens ou uso de piercing.

 

Sobre o Instituto TMO

Em atividade desde 1988, o Instituto TMO é uma associação de apoio sem fins lucrativos que concentra seu esforço, trabalho e dedicação a ações em prol do transplante de medula óssea, tais como ações beneficentes, jornadas e encontros nacionais, lançamentos de campanhas solidárias, além de levantar recursos para aquisição de equipamentos médicos e de insumos que beneficiam profissionais de saúde e pacientes em tratamento de TMO no HC-UFPR/EBSERH.

Para conhecer outras campanhas do Instituto TMO, basta acessar www.institutotmo.org.br/apoie

 

Redes sociais do Instituto TMO:
www.instagram.com/institutotmocasamalice
www.facebook.com/institutotmo

 

Serviço:
Biobanco
Endereço: Av. Agostinho Leão Junior, 108 – Alto da Glória (Curitiba – PR)

Agendamento de doação de sangue pelo telefone (41) 3360-1875

Foto: Agência Brasil

Instituto TMO - casa-malice

Categorias:AGÊNCIAS DE COMUNICAÇÃO, AGENDA DA SEMANA, AGENDA DO FIM DE SEMANA, BRASIL, COLUNA VANESSA MALUCELLI, CULTURA, DIVIRTA-SE, evento, FREE LIFESTYLE, LANÇAMENTOS, OPORTUNIDADE, SAÚDETags:, , , , , , , , , , , ,

VanessaMalucelliAndersen

Colunista do Site — Divirta-se Curitiba!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s