Beto Carrero anuncia espetáculo ao vivo com mais de 50 artistas e gera revolta nas redes sociais

O “O Sonho do Cowboy”, maior musical da América Latina, será apresentado ao vivo nesta sexta-feira, dia 3 abril, às 20 horas, pelas redes sociais do parque Beto Carrero. Fãs do espetáculo e artistas de todo o país tem se manifestado nas redes sociais contra a exibição, que contraria as recomendações do governo e expõe os artistas a riscos de saúde em troca de likes para a empresa. “Que exemplo está sendo passado às pessoas em casa?” “Utilizar da fragilidade de profissionais num momento em que podem perder seus empregos é algo que passa do ridículo”, “Mais uma empresa que se aproveita do poder do capital para explorar seus funcionários, que aproveita a situação grave, pisa em cima da OMS e coloca uma mordaça em seus funcionários”, são alguns dos comentários do público, incluindo dos atores protagonistas do espetáculo na montagem original.

O autor, dramaturgo, diretor e coreógrafo do musical “O Sonho do Cowboy”, Maicon Clenk, discorda da atitude e reforça que não possui qualquer envolvimento com a exibição. Além disso, ele ressalta que o “Beto Carrero World” não poderia utilizar a obra, tampouco veicular a apresentação, pois não possui autorização para sua exibição e comercialização, tendo inclusive feito um registro da obra na Biblioteca Nacional, na tentativa de apropriação. Maicon Clenk é o autor da obra que estreou em 2010 e foi diretor artístico geral do parque entre os anos de 2009 a 2011.

Segundo os advogados do autor, o parque não possui o direito de transmitir a obra, muito menos de exibi-la desrespeitando a lei autoral e o autor. O parque utiliza ilegalmente duas obras do autor que são objeto de ações judiciais para apuração dos danos causados por exploração ilegal, plágios, modificações não autorizadas, venda de produtos e omissão de créditos. O Tribunal de Justiça do Paraná em Curitiba proibiu com uma liminar, ainda em 2013, o Beto Carrero World de apresentar o espetáculo fora das diretrizes do autor e da lei, porém, quando a multa ultrapassava a casa dos 15 milhões de reais por descumprimento, o processo foi transferido para a comarca de Piçarras em Santa Catarina, onde o juiz desconsiderou a decisão do Tribunal Paranaense.

O processo segue a passos lentos aguardando avaliação, inclusive com fatos no mínimo curiosos como o desaparecimento de provas do cartório local. Um novo pedido emergencial de interrupção total das exibições do “O Sonho do Cowboy” foi protocolado pelos advogados do autor e aguarda decisão. “Os danos aos artistas e o descumprimento às determinações de saúde são questões exclusivas que responderá unicamente o Beto Carrero World, JB World. Nesta quinta feira, dia 02, protocolamos uma petição de urgência que visa proibir a exibição do espetáculo também pela internet devido à falta de regularização”, disse o advogado do autor, Marcio Andraus.

O espetáculo musical “O Sonho do Cowboy”, no Parque Beto Carrero World já foi assistido por mais de dez milhões de pagantes desde sua estreia, em 2010. A plateia lota um teatro com capacidade para quatro mil pessoas, que adquire ingressos de até duzentos reais para frequentar o parque e chega a pagar quarenta reais extras por um lugar VIP no espetáculo. Só em 2019 o parque recebeu mais de 2 milhões de pessoas.

Show de ZECA BALEIRO em Curitiba é adiado para julho

Foto: Silvia Zamboni

A produtora Orth Produções comunica o adiamento do show de Zeca Baleiro “O amor no caos, voz e violões”, que aconteceria no dia 19 de junho na Ópera de Arame, em Curitiba. O show na capital paranaense confirmou a nova data para dia 18 de julho de 2020, às 21h, na Ópera de Arame.

A produção está atenta aos recentes acontecimentos relacionados ao COVID-19 e a importância das restrições de aglomerações de pessoas. "É muito sério o que estamos vivendo, mas temos que enfrentar este momento com serenidade e prevenção seguindo as orientações dos órgãos oficiais de saúde e não propagando fake news. É momento de solidariedade e de cuidados necessários, onde devemos fazer a nossa parte para que tudo passe da maneira mais rápida e com os menores danos possíveis. A saúde do público e de todos os profissionais envolvidos nas nossas produções é a nossa prioridade".

Quem comprou o ingresso

As pessoas que compraram ingressos, e querem assistir o show na nova data, não precisam trocar os mesmos bilhetes, eles continuam valendo para a nova na poltrona adquirida.

Se optar pela restituição de valor de compra, os clientes devem enviar e-mail para: atendimento@diskingressos.com.br ou entrar em contato com 41 3315-0808.

SERVIÇO:

A nova data: dia 18 de julho de 2020

Local: Ópera de Arame – Curitiba/ PR

Horário: 21h

Os ingressos continuam à venda pelo Disk Ingressos. Para mais informações, acesse www.diskingressos.com.br ou entre em contato pelo telefone (41) 3315-0808

Virtualmente a Orquestra Sinfônica do Paraná apresenta trilha sonora de “2001: Uma Odisseia no Espaço”

A apresentação do concerto “Assim Falou Kubrick” da Orquestra Sinfônica do Paraná ao público foi cancelada para priorizar a saúde da comunidade devido à pandemia do COVID-19 e, também, para cumprir a solicitação do Governo do Paraná.

Mas os músicos e o maestro Stefan Geiger subiram ao palco do Teatro Guaíra no último domingo (15) e executaram e gravaram as peças do espetáculo para que todos pudessem assistir. Neste sábado e domingo, os vídeos do concerto serão disponibilizados por meio das redes sociais e site do Instituto de Apoio à Orquestra Sinfônica do Paraná (IAOSP). Não perca!

Acesse:
Insta: @apoiosinfonicaparana
Facebook: facebook.com/apoiosinfonicaparana/
http://www.apoiosinfonicaparana.com.br/

Cancelamento: Lauren Daigle

COMUNICADO À IMPRENSA

Em virtude do plano de emergência da pandemia do COVID-19 imposto pelas autoridades governamentais e para garantir a segurança e o bem-estar da população, a turnê sul-americana da cantora Lauren Daigle será cancelada. A turnê incluiria três shows no Brasil, que aconteceriam em São Paulo (Espaço das Américas), no dia 4 de junho; Rio de Janeiro (Vivo Rio), no dia 6 de junho; e Curitiba (Teatro Positivo), no dia 7 de junho.

Lamentamos a decisão e recomendamos que você siga todas as medidas de segurança fornecidas pelas autoridades locais. 

Mais do que tudo, somos gratos por todo o apoio dos fãs e da comunidade neste momento difícil, pois isso envolve todos nós.

Para os clientes que já haviam adquirido os ingressos para as referidas apresentações, o reembolso será feito da seguinte maneira:

São Paulo e Rio de Janeiro:

Para compras efetuadas pelo site da www.livepass.com.br, o reembolso do valor pago será feito automaticamente, por meio de estorno no cartão de crédito utilizado para pagamento do(s) ingresso(s), não havendo necessidade de dirigir-se à bilheteria ou qualquer ponto de venda.

As compras parceladas no cartão de crédito (com ou sem juros) serão estornadas em única vez e, se houver parcelas a vencer, serão antecipadas na mesma fatura em que ocorrer a devolução. Este prazo poderá variar de acordo com o banco emissor e tem validade a partir da data de confirmação do cancelamento.

Os clientes que adquiriram ingressos na Bilheteria Oficial e demais pontos de venda presenciais, deverão enviar um e-mail para faleconosco@livepass.com.br com assunto “Reembolso Lauren Daigle São Paulo” ou “Reembolso Lauren Daigle Rio de Janeiro”. No corpo do e-mail, informar o número do pedido (8 dígitos após #, que constam no canto inferior direito do ingresso, acima do logo da Livepass) e uma foto nítida do ingresso para receber a orientação de reembolso. Não há necessidade de dirigir-se à bilheteria ou qualquer ponto de venda.

Curitiba:

Compras realizadas pela internet: O estorno das compras realizadas no site da Disk Ingressos (diskingressos.com.br) foram realizadas automaticamente no próprio cartão utilizado na compra, não há necessidade de dirigir-se à bilheteria. O valor dos ingressos será creditado na próxima fatura em aberto.

Compras realizadas nos pontos de venda e bilheteria: Ingressos adquiridos poderão ser reembolsados mediante devolução do ingresso físico no mesmo ponto de venda em que foi realizada a compra. Deverá ser apresentado documento pessoal e o cartão de crédito/débito utilizado na compra.

Em caso de dúvida, os clientes poderão entrar em contato com a Disk Ingressos, através do email  atendimento@diskingressos.com.br ou (41)3315-0808, informando número do pedido que consta no próprio ingresso ou recibo de compra (site).

ATENÇÃO: Não nos responsabilizamos por ingressos adquiridos fora dos canais oficiais de venda. Os ingressos de cortesia não dão direito a restituição de valores, uma vez não houve pagamento para sua aquisição.

Turnê de Bonnie Tyler no Brasil é adiada para outubro

As produtoras FG Music e Orth Produções, comunicam o adiamento do show comemorativo aos 50 anos da carreira da cantora Bonnie Tyler, que aconteceria no dia 17 de maio, no Teatro Positivo, em Curitiba. A turnê que passaria por várias cidades do Brasil foi adiada para o mês de outubro. Na capital paranaense, o show ficou confirmado para o dia 11 de outubro, às 20 horas, no Teatro Positivo.

O motivo do adiamento é para evitar a aglomeração de pessoas, seguindo as recomendações dos órgãos públicos, com o objetivo maior de evitar a propagação da contaminação das pessoas pelo COVID-19.

Quem comprou o ingresso

As pessoas que adquiriram os ingressos não precisam trocar, os mesmos bilhetes continuam valendo para a nova data e poltrona adquirida.

Se optar pela restituição de valor de compra, os clientes devem seguir as seguintes etapas para reembolso:

Compras on-line: Caso você seja de Curitiba pode comparecer a um dos quiosques e solicitar a devolução. Os clientes fora de Curitiba, devem enviar e-mail para: atendimento@diskingressos.com.br solicitando o reembolso.

Compras Lojas: crédito e débito e dinheiro: comparecer a um dos quiosques e solicitar a devolução de acordo com a forma de pagamento.

A nova data: dia 11 de outubro de 2020

Local: Teatro POSITIVO – Curitiba/ PR

Horário: 20h

Os ingressos continuam à venda pelo Disk Ingressos. Para mais informações, acesse https://www.diskingressos.com.br/ ou entre em contato pelo telefone (41) 3315-0808.

ADIAMENTO dos shows de lançamento do novo álbum de Rogéria Holtz e Daniel

Devido à pandemia de Coronavírus e a necessidade de contenção da doença no Brasil, a produção decidiu pelo ADIAMENTO dos shows de lançamento do novo álbum de Rogéria Holtz e Daniel Migliavacca: "Pra Ser Feliz" que aconteceriam dias 20, 21 e 22 na Alfaiataria em Curitiba. Os shows serão remarcados para o segundo semestre e iremos comunicar a nova data via imprensa e redes sociais. Até breve!

PAIXÃO DE CRISTO DO GRUPO LANTERI ADIADA PARA SETEMBRO

A encenação, tradicionalmente apresentada na Sexta-Feira Santa, será realizada dia 06/09, em Araucária.

Por conta da pandemia do Covid-19 a apresentação do espetáculo “Paixão de Cristo”, do Grupo Lanteri, foi transferida para o dia 06 de setembro (domingo), véspera do feriado da Independência do Brasil. Os ensaios foram temporariamente cancelados. Como nos anos anteriores, a apresentação será no Parque Cachoeira, em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC).

A encenação do Grupo Lanteri é a segunda maior, ao ar livre, do Brasil, ficando atrás apenas da Nova Jerusalém, em Pernambuco, e envolve cerca de 1.200 mil voluntários entre atores, técnica e produção e atrai um público superior a 20 mil pessoas. A deste ano será a 43ª montagem da peça que teve início na Vila São Paulo/Uberaba, em Curitiba, no ano de 1978.

Produção e Coordenação

Edson Luiz Martins

41 99935 8698

edsonluizmartins@gmail.com

Direção Geral

Aparecido Massi

41 99974 6330

massi@aparecidomassi.com.br

Rogéria Holtz e Daniel Migliavacca fazem shows de lançamento do novo álbum “Pra ser feliz”

São treze faixas com releituras de clássicos da música popular brasileira, de Pixinguinha a Chico Buarque, e algumas composições próprias em versões inéditas. A dupla fará uma série de shows gratuitos de lançamento na Alfaiataria, em Curitiba nos dias 20, 21 e 22 de março

“Pra ser feliz” é o título do álbum e show que a cantora Rogéria Holtz e o músico bandolinista Daniel Migliavacca lançam juntos nos dias 20, 21 e 22 de março, na Alfaiataria, em Curitiba. O álbum estará disponível nas plataformas digitais, assim como a venda do CD físico e digital. Rogéria e Daniel estarão acompanhados dos músicos: Glauco Solter no baixo elétrico, Gustavo Moro no violão 7 cordas e Luís Rolim na bateria e percussão, que forma o “Daniel Migliavacca Quarteto”. O grupo apresenta uma sonoridade ao mesmo tempo leve, dançante e virtuosística passeando pelo Choro, Baião, Bolero e, principalmente, pelo Samba.
Ao longo de treze faixas, o álbum traz releituras de clássicos da música popular brasileira como: “Mundo Melhor” de Pixinguinha e Vinícius de Moraes, “É” de Gonzaguinha e “Tem mais samba” de Chico Buarque, além de composições próprias de Daniel Migliavacca como: “Santo Forte” em parceria com Jô Nunes e “Pé Quente” em parceria com Ricardo Ribeiro. Vale destacar também o samba-canção “Silêncio” do compositor e ícone da música paranaense Lápis em parceria com Jorge Segundo. A direção musical e os arranjos são de Daniel Migliavacca e a direção artística dos shows, de Márcio Juliano.
Criado para celebrar anos de parceria e encontros na música, segundo Daniel, o foco do projeto é apresentar músicas que representam toda a alegria e espontaneidade desse encontro, tanto nas letras quanto nas melodias. Sobre o novo álbum, Rogéria comenta: “De um lado o virtuosismo do quarteto e de outro pérolas de compositores brasileiros imprimem, respectivamente, desafio e orgulho pro meu canto”.
Os shows de lançamento do álbum acontecem em Curitiba, na Alfaiataria - Rua Riachuelo 274, nos dias 20, 21 e 22 de março (sexta a domingo), sendo dias 20 (sexta) e 21 (sábado) às 20h30, e dia 22 (domingo) com duas sessões: 17h e 19h. A entrada é gratuita e os ingressos começam a ser distribuídos no local, uma hora antes do início de cada show.
SERVIÇO
PRA SER FELIZ - Show de lançamento do novo álbum de Rogéria Holtz e Daniel Migliavacca Quarteto
Quando: 20, 21 e a 22 de março (sexta e sábado, às 20h30; domingo com duas sessões, às 17h e às 19h)
Onde: Alfaiataria Cultural | Rua Riachuelo, 274 - Centro, Curitiba/PR
ENTRADA GRATUITA, com ingressos distribuídos uma hora antes do início de cada show

Rogéria Holtz
Rogéria é cantora e compositora. Em sua carreira, lançou 3 CD’s e ganhou 5 troféus como melhor intérprete. Foi contralto do Grupo Vocal Brasileirão do Conservatório de MPB e participou de diversos projetos musicais. Como locutora e apresentadora, trabalhou em estações de rádio tradicionais do estado. Atualmente, está à frente dos programas ao vivo da Rádio Educativa do Paraná e também é locutora da CBN Curitiba.

Daniel Migliavacca
Daniel é um dos jovens representantes do Choro e do bandolim no Brasil. Se destaca em diversos projetos como instrumentista, compositor, arranjador e diretor musical. Já conquistou prêmios pelo Brasil como instrumentista e compositor, e possui 7 CD´s lançados, além de inúmeras participações em diversas produções. Em 2011 formou-se Bacharel em Música Popular pela UNESPAR em Curitiba e em 2019 concluiu o Mestrado Profissional em Música na UFRJ no Rio de Janeiro.

FICHA TÉCNICA
Rogéria Holtz (voz) e Daniel Migliavacca (bandolim, cavaco, guitarra baiana)
Músicos: Glauco Solter (baixo elétrico), Gustavo Moro (violão 7 cordas) e Luís Rolim (bateria e percussão)
Produção Musical: Daniel Migliavacca
Direção Cênica: Marcio Juliano
Cenário e Figurinos: Eduardo Giacomini
Iluminação: Nadja Naira
Assessoria de Imprensa e Mídias Sociais: Luísa Bonin e Thays Cristine - Platea Comunicação e Arte
Produção Executiva: Adriano Esturrilho - Processo Multiartes
Incentivo: CELEPAR

Projeto realizado com o Programa de Apoio e Incentivo à Cultura - Fundação Cultural de Curitiba e Prefeitura Municipal de Curitiba.

Léo lança single inédito “Quando a Gente Sonha”

Faixa aborda amor, família e a constante busca por conquistas

Léo lança single inédito “Quando a Gente Sonha”, já disponível em todas as plataformas digitais. Sobre realizações e conquistas, faixa revela lado sonhador e esperançoso do cantor mineiro.

Ouça “Quando a Gente Sonha” aqui.

“Hoje eu me considero uma pessoa que acorda todos os dias para entender o que eu posso construir no dia de hoje, como eu posso ser diferente do que fui, o que eu posso experimentar. Então isso me trouxe muito mais sentido na vida”, Léo comenta o processo criativo da canção. “O sinônimo de felicidade e realização é exatamente aquela montanha que você não subiu ainda, aquilo que você ainda pode construir, aquilo que você ainda pode realizar.”

“Quando a Gente Sonha” traz como tema as conquistas individuais e coletivas, em família. Uma celebração de amor e busca pela realização de sonhos. Blener Maycom, produtor musical, analisou a faixa: “Achei uma mensagem extremamente forte e acho que tudo se resume a quando a gente ama”.

Em constante mudança e evolução, Léo compartilha sua visão: “Quando eu percebi que o ser humano tende a sentar na cadeira do ontem achando que aquela felicidade e realização são eternas, isso é uma ilusão, essa cadeira é ilusória, eu me levantei e fui buscar outras cadeiras. É assim que vivo hoje, buscando novas conquistas, novos desafios.”

Sobre Léo
Mineiro nascido em Ponte Nova e Criado em Abre Campo, Léo é compositor, cantor, arranjador e produtor, sendo reconhecido como um dos principais artistas nacionais há mais de uma década, quando, ao lado do irmão Victor, sua voz conquistou fãs por todo o país.

Além de músico, é também empresário do agronegócio e Presidente Fundador e Executivo do Instituto Hortense, que tem como objetivo desenvolver habilidades socioemocionais em crianças e adolescentes de instituições públicas e ONGs.

É escritor e palestrante há 3 anos, apresentando mais de 50 palestras nos últimos doze meses. É também Embaixador do programa Jovem Aprendiz, sendo porta-voz de jovens entre 14 e 24 anos que têm o direito de serem contratados por médias e grandes empresas.

Concerto cancelado “Assim falou Kubrick”

Em virtude do COVID-19 (coronavírus) e por se tratar de uma questão de saúde pública, o concerto “Assim falou Kubrick” deste domingo, 15 de março, no Teatro Guaíra, foi cancelado ao público. A medida atende as orientações da Secretaria de Saúde do Paraná. Os espectadores que já adquiriram os ingressos, podem entrar em contato diretamente com o Ticket Fácil, por meio do site www.ticketfacil.com.br, para o reembolso, caso tenham feito a compra on-line, ou procurar a bilheteria responsável. Mais informações na bilheteria do Ticket Fácil no Teatro Guaíra: 0300-778-1818.

Em dose dupla: Circo da Cidade recebe dois espetáculos gratuitos de Circo-Teatro com o coletivo Palhaçx Gourmet

#palhacxgourmet Palhaçx Gourmet
As peças, que acontecem no mesmo dia e contam com elencos grandes, estreiam no dia 07 de março e ficam em cartaz aos sábados e domingos, às 15h e às 17h, até o dia 22 de março. A entrada é gratuita
As obras “A Pequena Loja Mística da Madame Sinistro” e “Fim dos Tempos” terão sua estreia na lona do Circo da Cidade - Zé Priguiça, no dia 07 de março (sábado) e ficam em cartaz até o dia 22 - aos sábados e domingos - com apresentações sempre às 15h e às 17h, respectivamente. Os ingressos são gratuitos e começam a ser distribuídos uma hora antes do início do espetáculo.
As duas dramaturgias inéditas fazem parte do CIRCO-TEATRO BOQUEIRÃO, novo projeto do coletivo curitibano Palhaçx Gourmet. Por meio de apresentações gratuitas, a iniciativa nasceu com o propósito de movimentar o Circo da Cidade, além de alimentar espaços de convivência e socialização, prática comum de companhias de Circo-Teatro tradicionais.
Essencialmente, os espetáculos são sobre grupos que resistem à imposição de forças maiores, sejam elas grandes empresas ou figuras de autoridades que sequer dão as caras. Em “A Pequena Loja Mística da Madame Sinistro” que acontece às 15h, a personagem Valkiria, mais conhecida como a paranormal Madame Sinistro, juntamente com seu filho Gigi, um jovem que consegue ouvir os objetos falarem, e Adalberto, um aspirante a atirador de facas, trabalham numa loja mística prestes a falir. O sonho de Valkiria sempre foi ter uma loja, mas esse desejo está ameaçado por uma dupla trambiqueira que quer construir um estacionamento na região e para isso precisam expulsar a família do local.
Já em “Fim dos tempos”, apresentada às 17h, a personagem Sandra Pereira sonha em montar sua nova peça chamada “Fim dos Tempos” assim que terminar a última apresentação de uma temporada de 10 anos do espetáculo Chapeuzinho Vermelho. Porém, quando o patrocinador chega com mais 300 crianças para uma sessão extra, toda a equipe artística se atrapalha para fazer essa peça que já não queria mais. Enquanto apresenta, uma confusão fora do circo chama a atenção da companhia. A cada dia de exibição, serão apresentadas as duas peças, respectivamente às 15h e às 17h, nas quais o elenco exerce diferentes funções, dividindo-se em atuação, contrarregragem e técnica, trabalhando simultaneamente dentro e fora do espaço cênico. Além disso, as peças se cruzam, com objetos cênicos, cenários e referências que atravessam de uma para a outra.
Para diversificar seu repertório artístico e criar as dramaturgias, as palhaças e os palhaços do coletivo partiram da pesquisa e experimentação sobre a linguagem do Circo-Teatro, um formato popular e originalmente brasileiro. Como parte do processo, o elenco fez, inclusive, uma breve residência artística no Circo de Teatro Tubinho, referência no fazer circo-teatral.
“Estamos propondo um modelo de ocupação de espaço em que as pessoas são convidadas a ficar lá mais tempo do que muitas costumam em peças de teatro ou espetáculos circenses na cidade, vendo as trocas de cenário, a circulação de artistas”, conta Edran Mariano, diretor de produção da peça, sobre a importância do circo como a escolha do palco.
Além das apresentações gratuitas no Circo da Cidade, o projeto promove outras ações, que incluem sessões exclusivas para alunos de escola pública mediante agendamento, oficinas artísticas gratuitas de Técnicas Circenses, que acontecerão sempre às quartas-feiras (manhã e tarde) entre os dias 11 de março e 15 de abril, intituladas “Palhaçaria Para Iniciantes” e “Números Circenses, além de um Cabaré com os artistas do CIRCO-TEATRO BOQUEIRÃO e os participantes das oficinas artísticas, como forma de encerramento.
SERVIÇO
De 07 a 22 de março, sábados e domingos
15h | A Pequena Loja Mística da Madame Sinistro - Classificação indicativa: 10 anos
17h | Fim dos Tempos - Classificação indicativa: 12 anos
Circo da Cidade - Zé Priguiça | Rua Dr. Benedicto Siqueira Branco, s/nº- Alto Boqueirão
Entrada franca, com ingressos distribuídos uma hora antes do início do espetáculo
Ônibus gratuito aos domingos (15 e 22 de março), com saída da Praça Tiradentes (em frente à Catedral) às 14h e retorno para o mesmo local logo após o fim da sessão. Os ingressos para xs tripulantes começam a ser distribuídos às 13h30.
Informações: (41) 3287-5307
A Pequena Loja Mística da Madame Sinistro
Em cena: Karina Pereira, Má Ribeiro e Diogo Bonito. Foto: Mateus Tropo.
Fim dos Tempos
Cena de “Fim dos Tempos”. Foto: Mateus Tropo.

Sobre o Palhaçx Gourmet
Originado em 2015, o coletivo Palhaçx Gourmet investiga e pratica palhaçaria, improvisação e música. Atualmente com 12 integrantes, o grupo se apresenta um sábado por mês na Casa da Flor Bistrô, em Curitiba, de forma independente e com entrada gratuita. O coletivo acredita na contribuição livre no chapéu como forma de democratizar o acesso ao trabalho produzido, movimentando a cidade culturalmente e instigando reflexão sobre a valorização da arte. Dentre as produções, destacam-se as “Palhaças Gourmet”, o “Cabernet” e o “Ocupa Rua”.
FICHA TÉCNICA
Direção: Ricardo Nolasco
Elenco e Criação: Bruno Lops, Diogo Bonito, Fernanda Fuchs, Igor Ribeiro, Karina Flor, Larissa Lima, Lucri Regianni, Má Ribeiro, Mateus Tropo, Paulo Henrique Carneiro, Rodrigo Fowolski
Provocação e Orientação Artística: Jo Mistinguett (sonoplastia), Leonarda Glück (dramaturgia), Patrícia Cipriano (figurino)
Cenotécnicos: Anderson Quinsler e Felipe Gustavo Casagrande
Costureiras: Adelaide dos Santos Silva, Ana Luiza Costa de Melo, Catarina Ribeiro e Lurdes - Lú Confecções
Iluminação: Victor Sabbag
Produção de Áudios: Jo Mistinguett
Locuções: Ricardo Nolasco
Design Gráfico: Ju Stin
Assessoria de Imprensa e Mídias Sociais: Luísa Bonin e Thays Cristine - Platea Comunicação e Arte
Fotos de Divulgação: Mateus Tropo (registro) e Francineli Valdeira (edição)
Registro Fotográfico: Francineli Valdeira
Registro Audiovisual: Bruno Mancuso
Captação: Renata Cunali e Rumo de Cultura
Assistência de Produção: Dânatha Siqueira e Francineli Valdeira
Direção de Produção: Edran Mariano
Coordenação do Projeto: Bruno Lops, Larissa Lima, Má Ribeiro
Realização: Palhaçx Gourmet
GRUPOS DE TRABALHO - CRIAÇÃO
- Dramaturgia: Bruno Lops, Diogo Bonito e Ricardo Nolasco
- Figurino: Fernanda Fuchs, Karina Flor, Larissa Lima e Patrícia Cipriano
- Sonoplastia: Jo Mistinguett e Rodrigo Fowolski
- Cenários e traquitanas: Igor Ribeiro, Lucri Reggiani, Má Ribeiro, Paulo Henrique Carneiro e Mateus Tropo
OFICINAS PARA COMUNIDADE
Oficinas de Palhaçaria e Orientação Cênica: Larissa Lima e Má Ribeiro
Oficinas de Técnicas Circenses: Sabrina Almeida e Luis Borges
RESIDÊNCIA ARTÍSTICA
Circo de Teatro Tubinho
Projeto realizado com o apoio do Programa de Apoio de Incentivo à Cultura - Fundação Cultural de Curitiba e da Prefeitura Municipal de Curitiba, com incentivo do CEDIP e Celepar.

Carlinhos Maia enfrenta a Turma do Ratinho, ao vivo, no Passa ou Repassa deste domingo (15)

A diversão está garantida no Domingo Legal do próximo dia 15 de março, a partir das 11h. Pra começar, Celso Portiolli comanda o “Passa ou Repassa” com a participação de Carlinhos Maia e a turma da sua vila que conta com Lucas, Cauã e Gicleide enfrentando a Turma do Ratinho com Valentina, Murilo, Marquito e Milene Pavorô. Vai rolar muita diversão e torta na cara.

Tem também atração musical no programa o cantor e compositor Murilo Ruff. Ele estará, ao vivo, no palco para cantar e falar de suas composições de sucesso como: Bem Pior Que Eu, Transplante, Bye Bye, Some Que Ele Vem Atrás e Casal Modão.

A atração continua com muita paquera no “Xaveco. Num clima de balada, com muita música e alto-astral, 60 homens ou mulheres respondem perguntas com o intuito de conquistar uma única pessoa. São três etapas, onde os que têm o perfil mais alinhado com o do pretendente vão avançando, até que reste o vencedor e o “match” estará dado. E o desfecho das histórias estará nas redes sociais oficiais do Domingo Legal.

E ainda mais um episódio da nova temporada do Comprar É Bom, Levar É Melhor, com uma nova roupagem e o prêmio agora é de R$80 mil. A família Resplande de Palmas/TO, terá o valor do prêmio para dividir entre os quatro participantes. São 30 minutos para comprar o que quiserem na mega loja. Só que, para levar os produtos para casa, a família precisa passar por um “quiz” e responder sete perguntas sobre conhecimentos gerais. Cada pergunta terá um valor determinado e, se for respondida corretamente, dará ao participante a possibilidade de levar para casa todos os produtos selecionados pelos jogadores. Se errar, no entanto, o participante deve decidir qual dos produtos devolver (pode ser um dos produtos escolhidos por ele ou por seus demais familiares), o que acaba gerando conflitos, situações divertidas e tensas entre os membros da família. Durante a nova temporada, o quadro pode pagar mais de 1 milhão de reais.

O Domingo Legal vai ao ar logo após Chaves, a partir das 11h, no SBT. Site oficial: http://www.sbt.com.br/domingolegal/

Espetáculo de dança “A Maré de Maria” circula pela Fazenda Rio Grande

Aprovada no 2o. Edital do PROFICE a obra é voltada para o público infantil e mostra grandes aventuras no fundo do mar

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=163817&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253C041d01d5f89a%25241c8c5ab0%252455a51010%2524%2540smartcom.net.br%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3C041d01d5f89a%241c8c5ab0%2455a51010%24%40smartcom.net.br%3E-1.1.2

Desenvolvido especialmente para o público infantil, o espetáculo solo de dança contemporânea “A Maré de Maria” conta a história de uma menina especial, que costuma navegar em sua própria imaginação com um barquinho de papel. Por meio de um visual lúdico repleto de bonecos coloridos que dançam em cena com a bailarina, o público é envolvido pelas aventuras da pequena sonhadora. O espetáculo, que foi contemplado com o Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna, em 2013, terá circulação por oito cidades do Paraná nos meses de março e abril com entrada franca, viabilizada pelo Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura da Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura, do Governo do Paraná.

O espetáculo, colorido, alegre, poético e sensível, se passa no fundo do mar, onde a personagem principal viaja após navegar em um barquinho de papel. Para contar as aventuras da menina Maria neste mundo misterioso, animais marinhos aparecem em cena e são manipulados pela própria bailarina.

Para a diretora, coreógrafa e criadora do projeto, Eunice Oliveira, que também está em cena no espetáculo, o Paraná tem uma certa carência por criações de dança voltadas ao público infantil, especialmente direcionadas à Primeira Infância. A obra passará por Apucarana, Arapongas, Araucária, Campo Mourão, Fazenda Rio Grande, Francisco Beltrão, Paranavaí e Toledo, cidades com 50 a 150 mil habitantes. “Queremos levar o espetáculo aos municípios do estado por entender a importância de democratizar o acesso à cultura na região”, diz. No total, são 28 espetáculos gratuitos, sendo 16 dirigidos aos alunos de escolas públicas.

Professores e educadores de cada cidade contam ainda com uma palestra gratuita que abordará o papel da arte no desenvolvimento do ser humano, bem como sua importância na formação de futuros agentes da economia criativa. As palestras serão ministradas por Eunice Oliveira, que é mestre e doutora em Educação.
O projeto “A Maré de Maria” estreou em Curitiba em fevereiro de 2015, e agora volta aos palcos com produção da BPC Produções Culturais.

SERVIÇO
A Maré de Maria
Circulação
Aberto ao público
Fazenda Rio Grande - Teatro Municipal - 21/03 às 16h
Arapongas - Cine Teatro Mauá - 28 e 29/03 às 16h
Paranavaí - Casa da Cultura Carlos Drummond de Andrade - 01/04 às 16h
Apucarana - Cine Teatro Fênix - 04 e 05/04 às 16h
Araucária - Teatro da Praça - 18/04 às 16h

Escolas
Nos espetáculos para as escolas, o projeto disponibiliza transporte para alunos residentes em cidades pequenas (com menos de 50 mil habitantes) localizadas próximas às cidades-sede, que não têm a possibilidade de receber a obra. Veja quais são:

- Região de Fazenda Rio Grande: Mandirituba, Quitandinha e Agudos do Sul
- Região de Arapongas: Pitangueiras, Astorga e Mandaguari
- Região de Paranavaí: Alto Paraná, São João do Cauiá, Paraíso do Norte e Amaporã
- Região de Apucarana: Rio Bom, Jandaia do Sul, Califórnia e Novo Itacolomi
- Região de Araucária: Contenda e Balsa Nova

FICHA TÉCNICA
EUNICE OLIVEIRA
Iniciou os estudos de dança no Teatro Guaíra em 1975 e ingressou o Balé Teatro Guaíra em 1980. Em 1993 foi dançar na Alemanha, em Gelsenkirchen e, mais tarde, em Nordhausen. No MusiktheaterImRevierGelsenkirchen colaborou com a criação coreográfica na obra La BelleetlaBète. No StadtheaterNordhausen participou das três Oficinas Coreográficas realizadas com os trabalhos In YourHands, Em Louvor e Gratidão, NotreAmour e Theeof a Kind. Coreografou também duas peças para teatro: Heinrich V de IgnaceCornelissen e Kleiner Mann, wasnun? De T.Dorst e P.Zadek. Retornou ao Brasil e ao Centro Cultural Teatro Guaíra em 2001, onde atuou até 2012 como ensaiadora do Balé Teatro Guaíra. Coreografou Sem texto, sem contexto para o Atelier Coreográfico do Balé Teatro Guaíra em 2007, e em 2009, o espetáculo Faces para a G2 Cia de Dança. Graduou-se em pedagogia em 2008 e concluiu em 2010 o Mestrado e em 2017 o Doutorado em Educação, pela Universidade Federal do Paraná.

Projeto aprovado no Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura | PROFICE da Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura | Governo do Estado do Paraná.
Apoio: Copel

Mais informações:
www.facebook.com/bpcproducoes/

BPC Produções - A BPC Produções Culturais foi criada em outubro de 2017 pela produtora cultural Simone Bönisch. A empresa atua na elaboração, execução, produção, gerenciamento e consultoria de projetos culturais e iniciativas artísticas socioeducacionais. Desde a sua fundação, vem atuando na coordenação e produção dos projetos: Brasil x Israel (intercâmbio cultural entre artistas da dança contemporânea brasileira e israelense), Vilosidade (trabalho solo em dança contemporânea da artista Lívea Castro aprovado no Edital da Área da Dança – Solar 2018), Vário (espetáculo de dança-música aprovado no Edital de Mecenato Subsidiado da Fundação Cultural de Curitiba), Autorretrato (projeto de Cayo Vieira que usa a fotografia em intervenções psicoterapêuticas no tratamento de adolescentes internos no Hospital San Julian)

ENSAIOS A TODO VAPOR PARA PAIXÃO DE CRISTO DO GRUPO LANTERI

A tradicional encenação, que atrai um público de mais de 20 mil pessoas, será apresentada dia 10 de abril, na Sexta-Feira Santa, em Araucária.

Os ensaios e preparativos para a tradicional apresentação do espetáculo “Paixão de Cristo”, do Grupo Lanteri, de Curitiba, já começaram e estão a todo vapor. Os encontros acontecem todos os finais de semana até a data da encenação, que este ano será no dia 10 de abril. Assim como nos anos anteriores, a apresentação será no Parque Cachoeira, em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC).

Qualquer pessoa interessada pode participar, não precisa ter experiência com teatro e não há idade limite, basta comparecer aos ensaios realizados nos finais de semana, no Colégio CEEP, localizado no Boqueirão, próximo ao terminal do Carmo (Rua Frederico Maurer, 3015). Aos sábados, às 19h e aos domingos, às 14h30. Para mais informações é só acessar: www.grupolanteri.com.br ou facebook.com/GrupoLanteri e instagram:@grupolanterioficial

A encenação do Grupo Lanteri é a segunda maior, ao ar livre, do Brasil, ficando atrás apenas da Nova Jerusalém, em Pernambuco, e envolve cerca de 1.200 mil voluntários entre atores, técnica e produção. Esta será a 43ª montagem da peça que teve início na Vila São Paulo/Uberaba, em 1978.

CONTATOS:

Produção e Coordenação

Edson Luiz Martins

41 99935 8698

edsonluizmartins@gmail.com

Direção Geral

Aparecido Massi

41 99974 6330

massi@aparecidomassi.com.br

COMUNICADO

A produção do Festival de Curitiba informa a decisão do adiamento de toda a sua programação devido a pandemia do Covid 19, o Coronavírus.

A decisão se deve à segurança e ao cuidado com a saúde do público, dos artistas e de toda a equipe de trabalho. O evento está reagendado para setembro de 2020, entre os dias 1° e 13.

Os ingressos já adquiridos continuam válidos para a programação nas datas informadas.
Mais informações em breve.

Att

Produção do Festival de Curitiba

Novozymes apoia o Programa Guritiba, mostra infantil do Festival de Curitiba 2020

Curitiba, março 2020 - A Novozymes, por meio da Lei Rouanet, é uma das empresas apoiadoras do Programa Guritiba 2020, mostra que faz parte do Festival de Curitiba, um dos maiores eventos culturais do Brasil e um dos mais importantes em artes cênicas do mundo, que será realizado de 24 de março até 5 de abril, em aproximadamente 70 espaços da capital paranaense e região metropolitana, com mais de 400 atrações. O Guritiba surgiu como a mostra infantil do Festival e hoje, na sua 11ª edição, é um projeto independente que atende mais de 8 mil crianças em situação de vulnerabilidade social e suas famílias, integrantes 31 instituições em 7 municípios, levando as apresentações teatrais gratuitas e muita diversão a esses locais.