TERRENO FLORIANÓPOLIS  –  Group @ FIR

Development Land Deal FLORIANÓPOLIS
Request Showing
TERRENO FLORIANÓPOLIS
$2,500,000
LISTING PRICE
0
BEDS
0
BATHS
326,628
LIVING SIZE
Land located in the city of Florianópolis - SC. Land with a large area and with feasibility for construction of subdivision or closed condominium Located in the Pantanal district, region. Florianópolis center It is predominantly a neighborhood residential, highly sought after by students, for their proximity to the Federal University of Santa Catarina. The neighborhood is distributed along its main road, Rua Deputado Antônio Edu Vieira, which is also the main route connection between Avenida Beira Mar North, in the central region, and Expressa South, in the south of the Island.
Amenities

Land located in the Pantanal district.
Near the Federal University - UFSC
Registered more than 100 beaches in the city
It is 5.7 km from the center of Florianópolis
Main access, Rua Deputado Antônio Edu Vieira, is being duplicated.
Predominantly residential region, much sought after by students.
Main indication of land use for Gated community.
City with high quality of life
PIB per capita: R$ 42.719,16 (2018)
Population of approximately 500,973 inhabitants
One of the ten most dynamic cities in the world, according to Newsweek.
More than 40% of the population are from classes A and B

Destaque da gastronomia paranaense, Lênin Palhano será homenageado na CASACOR Paraná

O profissional será a estrela do espaço “Gourmet Raízes”, da marca de móveis planejados Evviva, projetado pelas arquitetas Claudia Pimentel Bueno e Raisa Bueno Ribeiro

CURITIBA, 01/09/2021 – Nos últimos anos, poucos profissionais da gastronomia brasileira ganharam tanto destaque no segmento quanto o chef paranaense Lênin Palhano. Após uma passagem premiada pelo Nomade – restaurante de sua concepção, que funciona no Nomaa Hotel – o chef inaugurou no último mês de janeiro seu primeiro empreendimento próprio na cidade de Curitiba: o Obst. Em poucos meses, o restaurante caiu no gosto dos curitibanos e se consolidou como um dos principais endereços da gastronomia nacional.

Agora, todo o sucesso do chef Lênin Palhano será celebrado na CASACOR Paraná 2021, que será realizada entre os dias 05 de setembro e 17 de outubro, no antigo espaço da escola de natação Aquacenter Batel, na capital paranaense. Durante a principal mostra de arquitetura e decoração do Brasil, a marca de móveis personalizados Evviva vai apresentar o espaço Gourmet Raízes, que terá como grande homenageado o chef Lênin Palhano, reconhecendo o profissional pelo seu trabalho de resgate da cultura alimentar e pela manutenção de uma gastronomia que se conecta a tudo que vem da natureza.

O espaço, assinado pela Interarquit Arquitetos, sob o comando de Claudia Pimentel Bueno e Raisa Bueno Ribeiro, trará como novidade a nova linha ÂNIMA da Evviva, que traduz um conceito diferenciado da marca. O ambiente Gourmet Raízes retrata o ciclo da vida em movimento e propõe uma reflexão sobre o equilíbrio entre arquitetura e natureza. Para isso, as arquitetas agregaram elementos naturais no projeto, com três espaços – living, adega e home office – alinhados de forma circular, em torno de uma grande árvore central. Além disso, todos os conceitos são mesclados com tecnologia, minimalismo, atemporalidade e contemporaneidade.

“Eu sou de uma geração de chefs que lutou e continua lutando muito para a consolidação da gastronomia paranaense. Em minha infância, lá em Jataizinho, no interior do Paraná, não passava pela minha cabeça atingir esse patamar profissional, e essa homenagem na CASACOR Paraná me deixou extremamente feliz e orgulhoso, ainda mais por destacar conceitos que sempre valorizei em minha cozinha”, comenta Lênin Palhano.

A 27ª edição da Casa Cor Paraná acontece entre os dias 05 de setembro e 17 de outubro na antiga escola de natação Aquacenter Batel, na Rua Álvaro Alvim (nº 91), no bairro Batel, em Curitiba (PR). Com o tema “A Casa Original”, a Casa Cor volta depois de ter a edição de 2020 cancelada devido à pandemia. O evento contará com um formato híbrido, com suporte digital que vai ampliar as possibilidades de visitação. Os ingressos para a CASACOR Paraná 2021 podem ser adquiridos no site (https://casacor.abril.com.br/mostras/parana/).

Empreendimentos para pessoas com mais de 60 anos são tendência crescente no mercado imobiliário brasileiro

Clientes têm potencial de compra, são mais questionadores e atentos a detalhes. Soluções para atender diferentes públicos, incluindo pessoas acima de 60 anos, inspiram projetos da Construtora A.Yoshii

Até 2060, o número de brasileiros com idade acima de 60 anos deve representar 25,5% da população, ou seja, mais de 58 milhões de pessoas. Esse cenário se deve ao aumento da expectativa de vida no Brasil ao longo das últimas décadas. Em 2019, a projeção do IBGE (Instituto Brasileiro de Estatística e Geografia) chegou à média de 76,6 anos. São 31,1 anos a mais desde 1940.

Essa longevidade se reflete no ambiente socioeconômico do País. Dados do Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) apontam que no final de 2019, quase 23% da população com mais de 60 anos estava trabalhando.

Assim como a expectativa de vida incide nas transformações do mercado de trabalho e nos sistemas de saúde, ela também envolve soluções para melhor atender a esse grupo. É o caso do mercado imobiliário, que nos últimos anos vem observando mais atentamente o público 60+ dentro do conceito de Senior Living, que são empreendimentos alinhados às necessidades de pessoas dessa faixa etária.

Alguns exemplos interessantes já são realidade em países como Dinamarca, Estados Unidos e Canadá, que seguem fortemente a tendência do cohousing, onde moradores da terceira idade vivem em residências individuais, porém, em um mesmo terreno, compartilhando espaços como hortas, academia e piscina.

No Brasil, essas demandas também vêm ganhando mais atenção. No Grupo A.Yoshii, referência em construção civil há 56 anos, a gerente de Marketing Maria Fernanda Beneli Vicente observa que há uma boa parcela consumidora com mais de 60 anos. E lembra que este é mais um público para o qual a A.Yoshii vem olhando, a fim de atender e superar expectativas.

“Estamos sempre alinhados às tendências de mercado, o que nos permite incorporar soluções que atendam a diferentes públicos, incluindo o das pessoas acima de 60 anos. Esse é um público que tem potencial de compra, é mais questionador e atento a detalhes. Alguns destaques fazem muita diferença como acessibilidade, passagens amplas, tamanhos de portas e mobiliário ergonômico e adequado, espaços compartilhados na área comum, preparados para as atividades que atendam essa faixa etária. Outro ponto de atenção são as facilidades para o dia a dia”, destaca a gerente.

Em Curitiba (PR), o lançamento do Quintessence, no coração do bairro Batel, conta com amplos halls de acesso e um espaço refrigerado na portaria para conservar produtos perecíveis, pensando na comodidade do delivery; detalhes que estão alinhados ao novo modo de viver nos centros urbanos e ao conceito de Senior Living.

Outra tendência muito forte é o espaço para o “mercado autônomo” nos empreendimentos, assim como galerias de lojas e serviços. Diferenciais que estão no Terrazza di Rimini, novidade da construtora no alto do Bela Suíça, região nobre de Londrina (PR).

A socialização desse grupo específico também é extremamente importante. Diferente de anos atrás, os 60+ hoje participam ativamente da vida em sociedade, estão conectados e ocupando postos de trabalho.

A proposta de coworking para reuniões e home office no Harmonie, lançamento de alto padrão em Campinas (SP), são outras inovações da construtora que atendem a diversos públicos. Mais um ponto de destaque é o conceito de Biofilia - proposta de integração entre pessoas e natureza - aplicado nos jardins externos e espaços ao ar livre destinados à prática de exercícios e lazer.

Para Beneli, a busca por projetos mais modernos também deve estar no foco do Senior Living. Como exemplo, ela cita o wine bar para um encontro com amigos ou familiares, na companhia de bons vinhos.

No Sky Parque do Ingá, mais novo empreendimento em Maringá (PR), os moradores poderão desfrutar desses momentos no rooftop, com vista panorâmica para a Catedral Metropolitana e o Parque do Ingá. O espaço de convivência no alto dos 27 andares, contará com wine bar e fireplace (lareira).

Sobre a A.Yoshii

Desde 1965, a A.Yoshii atua na construção e incorporação de imóveis residenciais e comerciais de alto padrão. Localizados nos bairros nobres de Londrina, Maringá, Curitiba e Campinas, os empreendimentos se tornaram cartões postais dessas cidades. Com pontualidade na entrega e excelente padrão de acabamento, a construtora executa suas obras com excelência e inovação, priorizando as demandas do mercado, os anseios dos compradores, a segurança do trabalhador e a conservação ambiental. Mais informações: www.ayoshii.com.br.

Sobre o Grupo A.Yoshii

Fundado há mais de 55 anos, o Grupo A.Yoshii já construiu mais de 2 milhões de m² do Sul ao Nordeste do Brasil, entre obras industriais, edifícios corporativos e residenciais, escolas, universidades, teatros e centros esportivos. É composto pela A.Yoshii Engenharia, com sólida atuação em construções de edifícios residenciais e comerciais de alto padrão em Londrina, Maringá, Curitiba e Campinas; pela Yticon Construção e Incorporação, que realiza empreendimentos econômicos, localizados em regiões de potencial valorização em municípios do Paraná; e pelo Instituto A.Yoshii, voltado para a inserção social e democratização cultural. Além disso, atua em Obras Corporativas, atendendo grandes corporações em suas plantas industriais, nos mais variados segmentos da economia, como papel e celulose, alimentício, químico, agronegócio, energia, assim como usinas sucroalcooleiras, centros logísticos, plantas automobilísticas, entre outros. Mais informações: www.ayoshii.com.br.

Fruto do 1º aberto nacional de arquitetura WEEFOR ARQ, empreendimento cocriado com diferenciais que fogem do padrão é lançado em Curitiba

O MUDA WF, projeto da incorporadora Weefor, aposta em um conceito que tem as pessoas como foco, resultando em um residencial que vai conectar os moradores com a cidade

CURITIBA, 13/08/2021 – Em 2019, a incorporadora curitibana Weefor surpreendeu o mercado ao lançar o 1º aberto nacional de arquitetura WEEFOR ARQ, que tinha por objetivo selecionar o projeto de seu primeiro empreendimento na cidade de Curitiba (PR). A ideia era buscar arquitetos dispostos a usar a sua força de ação e todo o seu conhecimento técnico em prol de algo que revolucionasse o segmento, integrando pessoa e histórias, resultando em uma conexão única com a cidade.

Agora, o fruto dessa ideia inovadora acaba de ser lançado oficialmente: o MUDA WF, que vai ocupar um terreno de 1.383,60 m² no bairro Água Verde, um dos mais tradicionais e completos da capital paranaense, propondo uma importante integração com o entorno. O empreendimento está localizado próximo à shoppings, transporte público, clubes, praças, hipermercados, farmácias, escolas, hospitais e comércio no geral. Com o projeto arquitetônico assinado pelo escritório Nachtergaele Navarro Arquitetos Associados, vencedor do concurso lançado pela Weefor, o MUDA WF traz um conceito com forte apelo social, apostando em um público que, além de morar bem, esteja preocupado com o desenvolvimento da cidade e de seus moradores.

“O MUDA WF é resultado de um projeto inclusivo feito por pessoas para pessoas. Um empreendimento que integra o viver, o conviver, o trabalhar e o relaxar, baseado em um amplo e verdadeiro conceito de comunidade. Criamos processos inovadores, abrimos as portas para os arquitetos, projetistas e para os moradores do Água Verde. O resultado de tudo isso é um residencial cocriado por muitos, que consegue refletir melhor aquilo que buscamos em nós, em nossas casas e em nossas cidades: a mudança. Nesta sintonia, a arquitetura proposta pelo escritório Nachtergaele Navarro Arquitetos Associados traz o design como aliado na construção de ambientes integrados que proporcionam o convívio de forma leve e agradável”, detalha Maria Eugenia Fornea, CEO da Weefor.

O edifício de oito andares, construído em concreto aparente, oferece 52 unidades com oito tipos de plantas adaptáveis que variam de 53,37 m² a 112,76 m². As opções incluem apartamentos com um, dois ou três dormitórios, todos com uma suíte, além de coberturas duplex. As unidades do MUDA contam com sacada com churrasqueira e hortas autônomas, além de infraestrutura para ar-condicionado e uma vaga de garagem. Para o paisagismo do empreendimento, com destaque para o jardim que envolve o prédio, o Arquiteto e Urbanista Felipe Ferreira escolheu a vertente “naturalista”, composto somente por espécies nativas pertencentes à Floresta Ombrófila Mista, entre elas diversas em risco de extinção, promovendo a regeneração da vegetação local com diretrizes de plantio saudável. “O projeto do MUDA foge do comum, é um empreendimento vencedor de concurso, garantindo, além da boa arquitetura, conforto, bem-estar e uma relação harmônica entre o empreendimento e a cidade. Um prédio integrado ao seu entorno, que promove fruição aos caminhantes e que teve todos os seus materiais selecionados pensando não somente no conforto para aqueles que ali moram, mas no impacto no ecossistema”, comenta Maria Eugenia.

Abordando a tendência global do home office, que ganhou muita força durante a pandemia e veio para ficar no mercado corporativo, o MUDA WF contará com um coworking. O espaço vai ocupar uma área reservada no térreo do condomínio, cercado de plantas que podem trazer um sentimento de proximidade com a natureza. Além disso, o espaço será todo em vidro, o que dará a impressão de amplitude e conforto para quem irá trabalhar por lá. “O acesso ao coworking será independente, separado da entrada de moradores, o que traz ainda mais segurança tanto para quem visita o local, quanto para quem reside no empreendimento. O espaço será todo em vidro, garantindo a permeabilidade visual, indo de encontro ao conceito dos ‘Olhos da Rua’, da ativista e teórica urbana Jane Jacobs. As pessoas que utilizam o espaço público e/ou costumam contemplá-lo de suas casas exercem uma vigilância natural sobre o que ali acontece. Para que os “olhos da rua” possam atuar, os edifícios precisam oferecer permeabilidade visual entre o interior e o espaço público”, detalha a CEO da Weefor.

Além de todas essas vantagens, o MUDA WF terá ainda várias novidades tecnológicas, começando pela garagem, implantada no subsolo, que vai oferecer pontos para a instalação de carregadores para carros elétricos. Outro grande diferencial do residencial ficará por conta do conforto térmico, planejado a partir de uma consultoria de eficiência, conforto e sustentabilidade com a Bloco Base. “No MUDA WF, todos os apartamentos atendem no mínimo ao nível intermediário da NBR 15.575, norma nacional de desempenho de ambientes construídos. Com isso, há conforto térmico independentemente da face escolhida, garantindo um ambiente muito mais agradável e aconchegante aos moradores”, destaca Maria Eugenia.

No terraço, o morador do MUDA WF encontrará diversas áreas comuns. Quem gosta de conviver em espaços de uso coletivo poderá aproveitar, por exemplo, a lavanderia coletiva, que será integrada com a brinquedoteca; e uma área focada em entretenimento com salão de festas e espaço gourmet. “Todos esses espaços serão instalados no terraço, com a melhor vista do empreendimento. Um dos pilares da Weefor é a democratização da arquitetura e democratizar a arquitetura também é democratizar o uso dos espaços. Ambientes integrados e compartilhados que têm por objetivo mudar também a forma como nos relacionamos”, comenta a CEO da Weefor. “O MUDA WF não é um condomínio clube, acreditamos que a vitalidade urbana só será possível se vivermos a cidade. Consumir os serviços do entorno, apoiando o comércio local, cria um ambiente mais equilibrado e saudável para todos”, complementa Maria Eugenia.

Para completar, todo os apartamentos do MUDA WF contam com uma horta autônoma e autoirrigável, desenvolvida pela startup curitibana Favo Tecnologia, que será irrigada com água da chuva. O empreendimento possui um sistema de captação de água da chuva, que será utilizado também na limpeza das áreas comuns, na irrigação do jardim do prédio e nos vasos sanitários. Para tornar tudo ainda mais eficiente, o empreendimento também conta com louças e metais economizadores, que juntamente com o reuso de água da chuva promoverão um benefício ao planeta e reduzirão a conta de água dos moradores em até 59%.

Weefor ECO/Cidade Ecoa

Durante a fase de aprovação do projeto do MUDA WF, a Weefor abriu o terreno do empreendimento para diversas atividades. No local, foram realizadas, por exemplo, cursos de agroecologia, aulas gratuitas de yoga e meditação, degustação de plantas alimentícias não convencionais (PANC) e sucos vivos; rodas de conversa sobre Economia Circular, Horta Urbana e Feirismo; e eventos culturais com shows de artistas como Léo Fressato, Vivian Kuczynski e Míopes da MPB. Não faltaram, também, ações realizadas em parcerias com os moradores do bairro, que buscavam identificar pontos de insegurança, tudo para tornar a região mais viva e acolhedora.

“Como incorporadora, acreditamos que pessoas, bairro e empreendimento devem convergir e conviver em sintonia, formando um ecossistema de ideais, vivencias e colaboração. Desde o concurso Weefor Arq, passando pelas ações no terreno, fomos capazes de criar uma nova forma de desenvolver empreendimentos imobiliários. Cocriando durante esses processos chegamos à um resultado ótimo, que responde às necessidades dos nossos clientes e da cidade. O MUDA é resultado de um processo inclusivo, feito por pessoas, para pessoas”, destaca Maria Eugenia.

Para a corretora de imóveis Maya Ávila, da Dante Negócios Imobiliários, o MUDA, assim como a inspiração para o nome do empreendimento, aponta para inovação e uma busca profunda pelo bem-estar do futuro morador. “Sem contar a preocupação real da Weefor com a sustentabilidade. Vemos uma incorporadora realmente empenhada em fazer a diferença na vida dos seus clientes, cuidando do meio ambiente e tornando a cidade melhor para todos”, completa Maya.

O MUDA WF fica na Rua Pará (n° 900), no bairro Água Verde. No local, funciona o plantão de vendas do MUDA. A previsão é de que o empreendimento seja entregue em julho de 2023. Mais informações pelo e-mail contato@weefor.com.br, no site www.weefor.com.br/muda ou pelo telefone/WhatsApp (41) 3121-3033.

Empreendimentos em Miami by Peter Green

Quem é o Grupo da Fortune International Realty (FIR)?
O Group @FIR é composto por agentes imobiliários de alto desempenho e altamente experientes, com mais de 80 anos de experiência no mercado de Miami.

Eles trabalham com brasileiros, representando vendedor e comprador, neste momento vendedor, o mercado está aquecido bom para vendas e ou reinvestir em Miami. O Peter Green e o Grupo que ele trabalha no Brasil acha que este é o melhor momento para venda e ou outro investimento.

Ótimo momento para você fazer o contato, conhecer, tirar dúvidas e se atualizar no mercado financeiro. Trazer o seu investimento e fundos para o Brasil & Dupla transação. Reinvestir trocar ideias e orientar seus negócios compra, venda.

Importante nas relações Internacionais Financeiras. Confiança. Falar o mesmo idioma inglês- português-espanhol, facilita o entendimento.

“Nós nos consideramos os melhores consultores em todas as facetas de imóveis residenciais e comerciais de luxo que se especializam em Miami

Também somos investidores e estamos cada vez mais envolvidos com o desenvolvimento imobiliário em Miami, por meio de nosso rico conhecimento e experiência no mercado”. Me relatou Peter Green.

Temos acesso a muitas listagens (mailing) fora do mercado, a maioria dos agentes não pode oferecer.

Nosso escritório está localizado na área South of 5th Office, que é a parte mais exclusiva de Miami Beach.

Mais importante, oferecemos um serviço de alto nível que inclui: gestão de contratos, equipes jurídicas de topo, marketing direcionado e tempo de resposta rápida que nos separa da maior parte da concorrência.

Nossos clientes abrangem o Nordeste, Califórnia, Brasil e América Latina, pois somos proficientes em português e espanhol. Facilitando a comunicação com nossos clientes.

Sobre o Peter Green (socio do grupo)

Mais de 11 anos de experiência abrangente na indústria e mercado residencial de luxo em, Miami.

Vendeu mais de $150 milhões por meio de estratégia e colaboração e parcerias.

Trabalhou com a divisão Internacional da Fortuna em

promovendo novas vendas de desenvolvimento para os compradores globais

mercado.

Lançou o 1 hotel e casas em South Beach

portfólio de desenvolvimento com a organização lefrak e

Starwood Capital Group.

Liderou uma aliança nacional entre residências da cidade

e Grupo Internacional Fortuna em 2015, com sucesso

identificar parcerias de marca.

Histórico impressionante e especialização em Miami

propriedades de luxo à beira-mar.

Domina a língua portuguesa e lida com o Tour de Tênis Profissional Feminino e Masculino (ATP / WTA).

Jogou tênis universitário no Trinity College e tem uma verdadeira paixão pelo esporte.

Se você quiser mais informações sobre o mercado ou tem imoveis em Miami

Entre em contato pelo WhatsAp +1.305815.9595 | Email: pgreen@fir.com

Seria um prazer conhecê-lo!

Peter Green

Fortune International Realty| Group

High End Residential | Investment

Platinum Club Top Producer

110 Washington Ave | CU-5 Miami Beach, FL 33139
Cel |WhatsAp | +1.305.815.9595 | Office | 305.867.5500

petergreenrealestate.com | fir.com

Instagram: peter_green_realty

Peter_Green_RealEstate

http://TheGroupatFIR.com

Créditos videos Peter Green

A Casas pelo Mundo é referência em locação de casas e apartamentos de alto padrão para a sua viagem

Disponibilizando a você e sua família o melhor conforto e hospitalidade.

Tenha um Personal Concierge para a sua hospedagem em qualquer cidade do mundo. Escolhemos a melhor localização para a sua estadia conforme a sua necessidade: seja um final de semana a trabalho ou férias com a família. O nosso staff conhece os locais mais decolados com as melhores dicas de restaurantes, passeios e compras.

Disponibilizamos serviços exclusivos e os melhores locais para se hospedar no portfólio, para que você relaxe e aproveite casa instante da sua viagem. Conte conosco para sua estadia nos lugares mais inesquecíveis do mundo.

E-mail: contato@casaspelomundo.com
Instagram: @casaspelomundo
Facebook: https://www.facebook.com/casaspelomundo
WhatsApp: +55 11 99970 6501

Top Soluções Imobiliárias comemora 32 anos de atuação no mercado paranaense

Empresa faz ação de rebranding para renovar a marca

O ano de 2020 vem sendo desafiador. No atual cenário, resiliência é palavra de ordem e, neste momento, a Top Soluções Imobiliárias resolveu inovar ao redesenhar sua marca mantendo seus pilares sólidos de negócios imobiliários.

Tudo começou em 1988, quando a antiga Top Imóveis atuava como incorporadora de edifícios residenciais e, consequentemente, imobiliária pois vendia seus próprios bens. Buscando atender a demanda de alguns clientes, a empresa começou a construir prédios corporativos. Na época, Curitiba começava a se modernizar e foi conquistando grandes empresas para fazerem negócios na capital do Estado.

Antes, as lajes eram pequenas, o pé direito baixo, sem piso elevado, sem sistemas de segurança, ar condicionado ou detecção de incêndio. Nisso, a Top enxergou oportunidade, se inspirando em grandes centros urbanos para desenvolver novos produtos em Curitiba.

“Queria diferenciar nossos serviços. Sempre gostei da área comercial. Aprendi muito com as empresas e consultorias internacionais que desde sempre lidavam com esse tipo de demanda”, comenta Eduardo Schulman, sócio-presidente da Top Soluções Imobiliárias.

Evolution Towers

Um marco importante foi a construção e comercialização do edifício Evolution Towers um empreendimento que reúne torre corporativa – o Corporate Evolution – com onze andares, laje de 1.350m², piso elevado, ar condicionado central, sprinklers, sistema BMS de supervisão, gerador de energia e dentre outros diferenciais. Atualmente, é sede de empresas multinacionais como a ExxonMobil, Furukawa e Regus. A localização privilegiada também tem loft, restaurante, centro de eventos, o Espaço Cultural David Carneiro e o Hotel Pestana, maior grupo multinacional de hotéis de Portugal.

Curitiba Office Park

Outro desafio foi a construção do Curitiba Office Park de Curitiba cujas lajes alcançam 2.374,91m², mais de 3m de pé direito, certificado Leed Silver (Green Building Council), Life Safety Code - NFPA 101 Com localização estratégica é sede de empresas como Wipro, Sascar, Becomex e Amcham – Câmara Americana de Comércio.

A Top sempre se preocupou em atender os clientes de maneira integral. Seja na busca por bons negócios, seja no estudo de vocação e auxílio no processo de venda, seja o simples acompanhamento do contrato.

“O atendimento é completo desde a prospecção do imóvel ao desenvolvimento do produto, da comercialização à administração imobiliária. O conhecimento e aconselhamento da Top sempre foram fundamentais para o crescimento da nossa empresa. Sem falar na credibilidade, atenção e dedicação da equipe” comenta Patricia Prolik, diretora da Patriarca.

A empresa criou um grupo afinado de pessoas, cada uma com sua especialidade, onde todos sabem de tudo o que acontece ali e tem capacidade de atender qualquer tipo de operação. Seja a administração de patrimônio imobiliário, o desenvolvimento de condomínios de galpões, built to suit, contratos de permuta de grandes terrenos.

“Escolhemos trabalhar com a TOP pela seriedade, credibilidade, amplo portfólio de imóveis, e um fator determinante: buscaram entender a nossa necessidade sendo muito assertivos na apresentação dos imóveis, inclusive oferecendo oportunidades de negociação transparente e flexíveis, diria até que disruptivas em relação aos modelos já existentes no mercado. Acredito que nossa parceria será cada vez mais forte e duradoura” afirma Marcio Viana, CEO da TOTVS Curitiba

A mudança para Top Soluções Imobiliárias veio corroborar um serviço que a empresa vinha se dedicando há algum tempo: a entrega real de soluções imobiliárias. Assim, a empresa ganha nova logomarca, novas placas nas ruas, novo site e uma nova missão de estar de olho no mercado, pensando grande, com alegria e amizade com seus clientes.

Top Soluções Imobiliárias

Desde 1988, atua no setor imobiliário paranaense com foco em espaços empresariais. Tem a missão de gerar bons negócios para proprietários de imóveis, locatários, investidores imobiliários ou parceiros de mercado. Sua equipe possui sólidos conhecimentos sobre imóveis industriais - galpões e terrenos - e corporativos - salas ou prédios comerciais, lojas, strip centers e outros empreendimentos de varejo de Curitiba e região metropolitana. Alguns de seus clientes são: Ebanx, Bradesco, Itaú, Claro, Petrobras, Laguna, ESSEX, DCL, Andrade Ribeiro, Blue, Invespark, AG7, Monarca, dentre outras.

Top Soluções Imobiliárias
Telefone: (41) 2105-0500
WhatsApp: (41) 2105-0505
E-mail: contato@topsi.com.br
Endereço: Rua Mal.Deodoro, 950, Conj.301 I Centro I Curitiba-PR
Redes Sociais: Facebook, LinkedIn, Youtube, Instagram
www.topsi.com.br

TAGs #TopSolucoesImobiliarias #imoveiscuritiba #imobiliariacorporativa #realestate #imoveisindustriais #imoveiscorporativos #TopSI #galpoeslogisticos #administracaodepatrimonio #BTS #builttosuit #EvolutionTowers #CorporateEvolution #CuritibaOfficePark #COP #Totvs #Patriarca #centroempresarial #imobiliariatop

--

Na contramão da pandemia, incorporadora vende R$100 milhões em imóveis

De acordo com a empresa, estratégias digitais e condições exclusivas foram os principais fatores para o sucesso de vendas

A paranaense GT Building, uma das principais incorporadoras imobiliárias do estado, divulgou balanço referente ao faturamento parcial alcançado em 2020. Apesar do ano caótico em diversos setores, a empresa segue em crescimento e registrou Valor Geral de Vendas (VGV) de R$ 100 milhões entre janeiro e julho.

O diretor comercial da incorporadora, Rodolfo Baggio Pereira, conta que o planejamento que vinha sendo aplicado em janeiro e fevereiro foi totalmente alterado a partir de março, mas, dadas as devidas proporções, não chegou a causar grande impacto na programação. “Nosso cronograma de 2020 estava pronto e bem fundamentado. Tínhamos grandes planos de lançamentos, eventos, convenções e entregas, que foram adaptados ao contexto que começamos a vivenciar em março com o início da pandemia”, diz.

Ele explica que o rápido entendimento do cenário global e a criação de estratégias virtuais foram fundamentais para a permanência ativa no mercado. “Quando o novo coronavírus ainda chegava ao Brasil, por precaução, já migramos para o estilo de trabalho híbrido e investimos em ferramentas digitais que fizeram toda a diferença. Isso, ao invés de causar grandes danos àquilo que havíamos programado, na verdade nos apresentou uma nova modalidade de vendas que pode se fortalecer mesmo quando a pandemia passar, e que vai desde a visita virtual até a assinatura de contrato”, comenta Pereira.

Além disso, no primeiro semestre, a empresa promoveu diferentes campanhas que ofereciam uma série de vantagens ao cliente. Na Campanha Compra Digital, foram lançados os benefícios de recompra garantida, que dava ao cliente que comprasse um apartamento a possibilidade de devolvê-lo, caso necessário, e recebesse o valor pago até o momento; de parcela reduzida que consistia na diminuição do valor pago à incorporadora no período de construção do empreendimento; e de descontos digitais que dava descontos exclusivos aos compradores que optassem pelo processo virtual ao adquirir um imóvel. Já em junho, foi lançada a Campanha Compra Certa, que além dos benefícios citados, também oferecia personalização inclusa, imposto sobre imóveis (ITBI) e custas de cartório absorvidos pela incorporadora, desconto de 6.6% ao ano com antecipação das mensalidades, 0% no aumento da taxa mensal, parcelamento e condomínio bonificado até dezembro de 2020.

Mercado imobiliário aquecido

A Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), a Brain Inteligência Estratégica e o Senai realizaram uma pesquisa com mais de 900 empresários do setor da construção civil entre abril e maio. O estudo avaliou os Indicadores Imobiliários Nacionais no 1º Trimestre de 2020 e 56% dos respondentes sinalizaram que fecharam vendas durante a pandemia. Ainda, 55% iniciaram as negociações após 20 de março, quando notícias e impactos causados pelo vírus já estavam sendo amplamente abordados no Brasil.

Em julho, a Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc) e a Fipe divulgaram uma análise do mercado durante o mês de maio. O documento aponta que vendas de imóveis novos somaram 10.085 unidades, totalizando 29.847 unidades no último trimestre móvel e 118.060 nos últimos 12 meses (alta de 2,7%).

O economista, professor da USP e coach de finanças pessoais, Marcos Silvestre, explica que os argumentos para comprar um imóvel estão ficando cada vez mais fortes, visto o comportamento do mercado, o recuo em investimentos na renda fixa e as condições apresentadas pelas empresas do setor. “O meio imobiliário hoje está sendo visto como uma moeda forte e deve ser um dos principais propulsionadores da economia quando voltarmos à estabilidade. Essa é a oportunidade ideal para comprar um imóvel, já que os financiamentos estão muito bons, a taxa Selic está a 2% e as vantagens estão muito convidativas”, ressalta.

Uma comparação feita pelo especialista é com relação ao crédito imobiliário. “Vamos considerar o financiamento de 50% de um imóvel com valor de venda de R$ 840 mil (R$ 420 mil de saldo financiado). Há dois anos, por exemplo, a taxa de juros do crédito imobiliário era de 10% ao ano (0,80% ao mês), mas caiu muito de lá para cá, e hoje se encontra no patamar de 7% ao ano (0,56% ao mês). Parece que não, mas trata-se de uma enorme diferença para o bolso do comprador! Essa redução faz com que a primeira parcela mensal caia 23%, assim como todas as demais, gerando uma economia em juros equivalente a 50% do valor financiado. O financiamento nestas condições, além de possibilitar o acesso a um imóvel de maior valor partindo da mesma faixa de comprovação de renda, gera uma economia total de 1/4 do valor do imóvel, o que pode servir, por exemplo, para o comprador decorar seu novo lar. Na prática, é como comprar um novo imóvel e "ganhar" o projeto de design interior”, explica o economista.

Silvestre finaliza afirmando que, nesse momento, falta apenas o encontro entre imóvel e comprador para a negociação acontecer, já que todo o cenário e favorável. “Os juros do financiamento imobiliário não devem cair mais do que estão hoje. Quem for esperar, pode perder o melhor momento de mercado em termos de preço, de estoque, de variedade de empreendimento. A hora é agora. Seja para quem quer investir em um patrimônio que tem valorização a longo prazo, para quem quer obter renda por meio do imóvel e até mesmo para quem quer realizar uma grande conquista que vem sendo adiada”, argumenta.

Sobre a GT Building

A partir de um conceito inovador, aliado à tecnologia, modernidade, qualidade e diferentes projetos de vida, a GT Building faz parte do grupo GT Company, que desde 2017 empreende no setor imobiliário em Curitiba por meio da GT Invest. Com foco na construção de alta qualidade, no comprometimento com a excelência e nas ideias inovadoras guiadas pelas mãos dos líderes, a incorporadora chega como uma das maiores empresas do ramo em Curitiba, com 13 empreendimentos em diferentes fases, como o Rio Rhône, o Denmark, o Bosco Centrale, o Maison Champagnat, o Maison Alto da Glória, entre outros. Para saber mais, acesse: www.gtbuilding.com.br.

Multicelli & Lançamento em Irati/PR

Lindo sobrado com área construída de 109,93m² e área de terreno de 134,57m².
Suíte ampla com closet mais dois quartos e Banheiro Social no andar superior.
Sala de estar e jantar integrada com a cozinha. Lavanderia e churrasqueira na edícula gourmet.
Duas vagas de garagem. Piso porcelanato interno e forro em gesso.

Venha nos fazer uma visita ainda hoje!
Rua Ambrósio Calistrato Andreassa, 96
www.multicelli.com.br
multicelli@multicelli.com.br
(41) 33386944 / 9 9854-1666
www.multicelli.com.br
multicelli.com.br

Por que a construção civil é atividade socialmente essencial?

*Por Maurício Fassina

Em meio à pandemia, o que realmente é essencial? A princípio, serviços de saúde humana e animal, comércio farmacêutico, mercado, entre outros. E como a construção civil se enquadra no que foi definido por governos e prefeituras? Economicamente falando, se enquadra, e muito.

De acordo com a Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), o setor impacta diretamente outros 97 segmentos da economia, além de empregar dois milhões de trabalhadores com carteira assinada. O Produto Interno Bruto (PIB) de 2019, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), aumentou 1,1% chegando a R$ 7,257 trilhões. Já o PIB da construção civil fechou o ano com crescimento de 1,6% ou uma alta de 5,4 pontos percentuais na comparação com 2018.

Porém, a importância do mercado imobiliário e da construção civil vai muito além do setor econômico, por si só. A Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc) divulgou que mais de 71 mil vagas de trabalho foram geradas por meio do setor em 2019, o que equivale a 11% dos empregos criados no país. Ou seja, mais de 71 mil famílias passaram a ter renda e suprirem suas necessidades básicas ou superficiais por meio do emprego de um membro que atua nesse mercado.

Mas, vamos mais além. Esse montante é referente aos empregos diretos da equipe de incorporadoras, engenheiros, corretores, mestres e operários de obra. Todavia, a cadeia é muito maior quando os trabalhos indiretos são acrescentados. O processo de construção de um empreendimento, por exemplo, passa por diferentes fases desde os profissionais citados acima, até a equipe do escritório de arquitetura, do escritório de projetistas, do escritório de design de interiores, de comunicação digital, de comunicação interna e externa, bem como equipe jurídica, administrativa, contadora e de cartório. Todo esse ciclo de fornecedores de serviço pode chegar a gerar cerca de oito mil empregos diretos e indiretos em apenas um edifício de 15 andares, por exemplo. Ainda, se o comprador do imóvel for um empresário e tiver uma loja na região, toda a economia do bairro fica aquecida porque os outros moradores se tornam potenciais consumidores do negócio.

É dessa forma que cresce a economia local e circular que, além de orgânica, é essencial para o desenvolvimento do bairro e dos moradores. Partindo desse ponto de vista, a construção civil possibilita o sustento de milhares de famílias que estão, de certa forma, associadas ao setor. Por fim, quem ganha com tudo isso é a sociedade.

Com essa perspectiva, entende-se que o mercado imobiliário deve ser cada vez mais valorizado não só pelo que representa economicamente, mas por conseguir impactar diversas esferas, inclusive, a de ascensão social. Apesar da pandemia ter causado situações irreparáveis ou, no mínimo, conturbadas, também despertou um olhar mais humano e empático para várias situações. Com isso, percebeu-se que o meio imobiliário e da construção civil poderá transformar a sociedade em um ambiente cada vez mais progressista e democrático, seja pelas campanhas e demonstrações de solidariedade que muitas empresas têm ofertado nos últimos meses, ou simplesmente pelo que o setor é e representa na vida de milhares de famílias.

*Maurício Fassina é Diretor de Negócios da GT Building.

Sobre a GT Building

A partir de um conceito inovador, aliado à tecnologia, modernidade, qualidade e diferentes projetos de vida, a GT Building faz parte do grupo GT Company, que desde 2017 empreende no setor imobiliário em Curitiba por meio da GT Invest. Com foco na construção de alta qualidade, no comprometimento com a excelência e nas ideias inovadoras guiadas pelas mãos dos líderes, a incorporadora chega como uma das maiores empresas do ramo em Curitiba, com 20 empreendimentos em diferentes fases, como o Rio Rhone, o Denmark, o Bosco Centrale, o Maison Champagnat, o Maison Alto da Glória, entre outros. Para saber mais, acesse: www.gtbuilding.com.br.

Fundo de Investimento Imobiliário compra edifício na região central de Curitiba

Com as alterações que o mercado financeiro sofreu em virtude da queda da taxa básica de juros Selic (2% em agosto/20 – Fonte: Banco Central do Brasil), os imóveis passaram a ser uma das principais opções para quem busca uma remuneração maior e, bastante segura, para seus investimentos. Assim, a Top Imóveis está em sintonia com o mercado.

A gestora de fundos REC GESTÃO estava em busca de um imóvel comercial classe A, visando incrementar a rentabilidade do fundo RECT11, que atua na gestão de ativos imobiliários de uso comercial.

Como parte essencial da negociação é encontrar um ativo que atenda a todas as premissas apontadas pelo cliente. Ou seja, o imóvel deveria estar tecnologicamente atualizado e ter apresentação e estado de conservação compatível com os demais imóveis que compõem o Fundo; o valor deveria ser compatível com o mercado; o inquilino deveria ter solidez, ou seja, com valores e prazos de locação adequados; e a taxa de retorno (valor do aluguel X valor do imóvel) deveria ser algo em torno de 9% ao ano.

O desafio era encontrar um imóvel de boa qualidade, que já estivesse locado para um inquilino sólido, garantindo assim uma boa taxa de retorno ao Fundo.

Como a Top Imóveis possui uma carteira de clientes também bastante sólida, imediatamente a equipe analisou que o edifício Corporate Emiliano atingia o patamar de exigências requerido pelos gestores do Fundo.

Com um perfil muito ágil e dinâmico para novos negócios, o grupo proprietário do edifício concordou em evoluir negociações sobre uma eventual venda. Primeiramente, foram realizados laudos técnicos e de valores para corroborar as condições do negócio. Exigência legal da CVM (Câmara de Valores Mobiliários) onde o Fundo é credenciado.

O gestor do Fundo realizou uma visita técnica no imóvel para conhecer a localização e avaliar o investimento. E, num segundo momento, uma série de propostas foram apresentadas até se chegar a um valor comum que permitiu que o negócio fosse efetivado com Fundo capitalizado, imóvel pago e escritura assinada.

Com as bases do negócio definidas, o Fundo adquiriu 86% do edifício Corporate Emiliano com 5.935m² ABL (área bruta locável) e 100% de taxa de ocupação com contratos típicos de Optum (2025) e Banco do Brasil (2027).

Para Guilherme Politi, gestor do Fundo “existe um mercado bom em Curitiba. Tem demanda por escritórios. O investidor quer segurança, mas não sabe que pode ter um bom retorno fora de São Paulo. A transparência, agilidade e flexibilidade da Top Imóveis fez com que conseguíssemos comprar o imóvel.”

O Fundo é composto por imóveis (82%), CRI (9%), Renda Fixa (6%) e outros ativos (3%). Seu patrimônio líquido é de R$671.142.212,00. Em julho/20 distribuiu R$0,8100 por cota para seus mais de 32mil cotistas. Fonte: Relatório Mensal, julho 2020, REC Gestão.

Top Imóveis Curitiba

Desde 1988, atua no setor imobiliário paranaense com foco em espaços empresariais. Tem a missão de gerar bons negócios para proprietários de imóveis, locatários, investidores imobiliários ou parceiros de mercado. Sua equipe possui sólidos conhecimentos sobre imóveis industriais - galpões e terrenos - e corporativos - salas ou prédios comerciais, lojas, strip centers e outros empreendimentos de varejo de Curitiba e região metropolitana.

Top Imóveis Curitiba

Telefone: (41) 2105-0500

WhatsApp: (41) 2105-0505

E-mail: contato@topimoveis.com.br

Endereço: Rua Mal.Deodoro, 950, Conj.301 I Centro I Curitiba-PR

Redes Sociais: Facebook, LinkedIn, Youtube, Instagram

www.topimoveis.com.br

TAGs #TopImoveis #imoveiscuritiba #imobiliariacorporativa #realestate #imoveiscorporativos #imobiliariatop #imobiliariacuritiba #RECGestao #FII #RECT11 #CorporateEmiliano

PARAMOUNT DOWNTOWN MIAMI | PRICED TO SELL FAST OR LEASE

For Sale. Just Re-Listed & Priced To Sell Fast

PARAMOUNT MIAMI WORLD CENTER

REDUCED PRICE : $ 1,300,000

LEASE PRICE: $ 5,900/ month

Priced to rent fast!!!

851 NE 1 ST AVE UNIT # 3601
MIAMI, FL 33132

3 BED + DEN + CUSTOM CLOSETS
INTERIOR : 2500 SF

Description

This is an amazing northast facing corner unit. Private elevator access, electronic blinds through out and custom closets. The famous 01 Line at Paramount MiamiWorldCenter. Live in the building that has the most amenties in the United States.

As an investent, downtown is the fastest growing place in Miami.

Peter Green
Fortune International Group
Development Specialist
+1.305.815.9595
Insta: Peter_Green_Realty
petergreenrealestate.com
fir.com
fortuneintlgroup.com

Facebook ‌ Twitter ‌ Pinterest ‌

GT Building Live do bem: Live com Ricardo Amorim, Clóvis Arns e diretores de incorporadoras imobiliárias irá debater cenário atual e ajudar no combate à pandemia

O movimento W/Move, da W/Investments e parceiros, irá contribuir com o projeto 'O amor Contagia', que beneficia hospitais, lares e asilos paranaenses

No dia 28 de julho (terça-feira), às 19h, o economista Ricardo Amorim se unirá ao presidente da Sociedade Brasileira de Infectologia, Clóvis Arns da Cunha, e aos diretores da W/Investiments, GT Building, Laguna e AG7 em uma live nas redes sociais. O encontro tem o objetivo de discutir como a pandemia está impactando o mercado imobiliário, e também anunciar o projeto W/MOVE, que une as empresas citadas em prol de uma nobre atitude: beneficiar financeiramente hospitais, lares e asilos paranaenses por meio da campanha O Amor Contagia.

Rodrigo Mendes de Camargo, sócio-diretor da W/Investments e um dos idealizadores da W/Move, afirma que o movimento foi criado com a intenção de unir forças para contribuir com a sociedade pelos vieses da saúde e da economia. “Por conta da pandemia, muitas pessoas estão considerando que esses setores estão em lados opostos ou anulam um ao outro. No entanto, queremos mostrar que é possível existir um equilíbrio por meio de atitudes responsáveis e verdadeira contribuição social. Queremos estimular a economia, ajudar a saúde e contagiar o amor”, reflete.

A contribuição a qual Camargo se refere está diretamente ligada às empresas que fazem parte do projeto, que são: GT Building, Laguna e AG7. As incorporadoras imobiliárias se uniram ao W/MOVE e, por conta disso, irão doar parte dos valores das vendas de imóveis de todos os empreendimentos até o final de 2020 para o projeto O Amor Contagia. A W/Investments também irá doar uma porcentagem do faturamento. Durante a live, os espectadores também poderão fazer a sua parte.

O CEO da GT Building, Geninho Thomé, ressalta a importância da construção civil em toda a esfera econômica e aponta para a relevância de empresas de grande porte desse setor agirem em favor da sociedade. “A construção civil é uma área fundamental em âmbito econômico e social, pois é responsável pela geração de diversos empregos diretos e indiretos e, consequentemente, pelo mantimento de milhares de famílias. O impacto que o novo coronavírus vem causando é inegável, porém, o mercado imobiliário é uma potência que tem tido reflexos menos severos, o que comprova a força do setor”, reforça.

Thomé propõe que, nesse sentido, o movimento W/MOVE vem para demonstrar que é preciso movimentação, pró-atividade e comprometimento para contribuir efetivamente com a sociedade. “É com essa união de forças que conseguiremos promover, por meio da construção civil, o desenvolvimento de ações de saúde para conter a pandemia e estimular uma atuação mais justa e voltada àqueles que realmente precisam”, conclui.

Boas ações

Desde o início da pandemia, empresas de diversos segmentos têm doado bens materiais e financeiros para ajudar a conter as dificuldades que hospitais e projetos sociais estão enfrentando. A GT Building beneficiou a Santa Casa de Misericórdia de Curitiba com 200 mil reais que foram revertidos para a compra de novos respiradores e monitores. A AG7, por sua vez, está promovendo lives com vários especialistas para oferecer conhecimento e conteúdo durante o isolamento social.

De acordo com o site Monitor de Doações, que contabiliza semanalmente a quantidade de empresas e a valoração doada desde o início da pandemia no Brasil, mais de seis bilhões de reais beneficiaram diversas instituições por meio de mais de 400 mil empresas ou doadores individuais.

Serviço

Live Ricardo Amorim, Clóvis Arns Cunha e integrantes W/MOVE

Data: 28 de julho, terça-feira

Horário: 19h

Canal: YouTube da W/Investments, Facebook da W/Investments ou Instagram da W/Investments

Para saber mais e doar: W/MOVE

Para saber mais e doar: O Amor Contagia

Sobre a GT Building

A partir de um conceito inovador, aliado à tecnologia, modernidade, qualidade e diferentes projetos de vida, a GT Building faz parte do grupo GT Company, que desde 2017 empreende no setor imobiliário em Curitiba por meio da GT Invest. Com foco na construção de alta qualidade e na excleência por meio de ideias inovadoras guiadas pelas mãos dos líderes, a incorporadora chega como uma das maiores empresas do ramo no Paraná, com 20 empreendimentos em diferentes fases, entre eles o Denmark, Bosco Centrale, o Maison Alto da Glória e o Fly Top Life, em Londrina. Para saber mais, acesse: www.gtbuilding.com.br

O imóvel que você comprou em leilão está ocupado?

Confira o que fazer quando não se pode entrar no bem que foi adquirido

Comprar um imóvel em leilão pode ser um ótimo negócio, pois é possível adquirir o bem por até 60% de seu valor de avaliação, mas também existem riscos. Há casos onde o antigo proprietário sequer sabe que seu imóvel foi vendido, ou não teve tempo o bastante para sair, ou ainda não quer sair do bem.
Quando o novo proprietário se depara com o imóvel ocupado, existem algumas alternativas do que pode ser feito, mas o primeiro passo é procurar um advogado ou assessoria jurídica para seguir com a ordem legal ou fazer um acordo com os ocupantes.
“É necessário visitar o local para confirmar a informação sobre a ocupação. Além disso, é importante saber se a pessoa que tem a posse do imóvel quer permanecer no local após a transferência da propriedade”, conta a Dra. Sabrina Rui, advogada em direito imobiliário e tributário.
Caso seja o caso, é possível fazer um acordo e instituir aluguel, com contrato desenvolvido pelo advogado. Dessa forma, facilitará a situação para ambos os envolvidos. Porém, se o arrematante quiser de fato ocupar o imóvel, é imprescindível agir de forma amigável.
“O ideal é negociar para que a desocupação ocorra de maneira rápida e amigável, segura e sem conflitos, sendo elaborado um termo com prazos e garantias para o arrematante, evitando maiores conflitos e gastos com ações na justiça”, explica a Dra.
Se o termo não for cumprido e vença o prazo que foi estipulado, o indivíduo que detém a posse ainda não tenha desocupado o imóvel, será necessário ingressar com uma ação judicial denominada imissão na posse ou uma ação reivindicatória.

Serviço: Dra. Sabrina Marcolli Rui

Advogada em direito tributário e imobiliário

www.sr.adv.br

SR Advogados Associados

@sradvogadosassociados

@sradvassociados

(41) 3077-6474

Rua Riachuelo, nº 102 - 20º andar - sala 202, centro – Curitiba.

Vai deixar o inventário para depois?

Documentação pode barrar vendas de imóveis

Lidar com uma morte na família é algo difícil, o período de luto que se segue afeta todos que eram ligados ao falecido, por isso, muitas famílias acabam deixando de lado algo importante: o inventário.

O inventário é um processo judicial ou extrajudicial, feito após a morte de alguém, registrando todos os bens pertencentes para que sejam passados aos herdeiros. É obrigatório por lei que isso aconteça, mas muitas famílias deixam de lado.

“O que preocupa, é o fato de que com certeza haverá problemas se o inventário não for feito. Talvez não de imediato, mas anos depois. Até mesmo para vender um imóvel, você poderá perder a chance se não tiver a documentação correta”, relata Dra. Sabrina Rui, advogada em direito tributário e imobiliário.

Sabrina conta que, em um caso, atendeu um homem que desejava vender seu terreno, pois ao lado estava um mercado que desejava aumentar seu estacionamento. O mercado se disponibilizou a pagar até 30% acima do valor avaliado, por ser urgente. Ao tentar vender esse terreno, os problemas começaram a aparecer, pois o homem não havia feito o inventário, e o bem foi “passado a ele” por seu pai que havia falecido.

“O processo já dura mais de um ano, para fazer a documentação necessária, e o mercado desistiu, comprou outro terreno próximo. Agora o que iria ser vendido com valor acima está a preço de banana, já que está entre o mercado e o estacionamento e parece não ter uso”, relata a Dra.

Não fazer o inventário se torna uma pedra no sapato, ou então uma rocha que pode desabar a qualquer momento. Apesar de passar por um momento difícil, a família deve se precaver ao invés de perder oportunidades no futuro.

Serviço: Dra. Sabrina Marcolli Rui

Advogada em direito tributário e imobiliário

www.sr.adv.br

SR Advogados Associados

@sradvogadosassociados

@sradvassociados

(41) 3077-6474

Rua Riachuelo, nº 102 - 20º andar - sala 202, centro – Curitiba.