Paraná ganha primeiro cinema em Outlet no Brasil

Rede Cineplus vai inaugurar cinco salas no City Center Outlet em Campo Largo

O público paranaense tem uma nova opção para assistir a sessões de Cinema. A rede Cineplus inaugurou, no último sábado (14/01) sua segunda sala, de cinco previstas, nas dependências do City Center Outlet Premium – Grupo Tacla. Segundo a administração do cinema, até o final de janeiro serão três salas que comportam 160 lugares cada, em formato 3D, uma já está em funcionamento, a segunda abriu neste fim de semana e a terceira na próxima quinta-feira (19/01).

A Cineplus destaca ainda que até o mês de março entra em operação uma sala TSX, com tela de mais de 140 metros quadrados e que vai comportar 363 lugares. O espaço também será utilizado para realização de palestras, eventos e apresentações multiuso. Para finalizar as inaugurações dos serviços ao público, em julho está previsto a disponibilização de uma sala semi-vip com 88 lugares.

“É um diferencial que o primeiro outlet do Paraná traz para seu público. Milhares de pessoas que circulam pela BR-277 entre Litoral e Interior e moradores de Curitiba e Região terão mais opções para assistir seus filmes preferidos, seja na pausa durante a viagem, seja no programa de compras no Outlet”, diz o superintendente do City Center Outlet, Maikon Bruno.

Atrações por vir
Junto ao cinema do City Center haverá um Pub anexo a um restaurante que será aberto ao público no mês de fevereiro segundo a Cineplus. Além de muitos petiscos e cardápio variado de drinks, chopp em dobro no happy hour de sextas e sábados, a programação prevê uma vez por semana uma banda ao vivo, denominada ‘Banda da Casa’, que vai tocar músicas que fazem parte de trilhas de filmes. As pessoas terão a possibilidade de locar o espaço ainda para fazer suas comemorações de aniversário por exemplo.

Atendimento e Ingresso

Domingo a quinta-feira - 13h30 às 22h.

Sextas e sábados - 13h30 às 23h.

Ingressos a R$ 30,00 e meia entrada a R$ 15,00.

Promoção – Todas as terças-feiras e todas as últimas quartas-feiras do mês, ingressos a R$ 15,00.

Bomboniere diversificada – destaque para os baldes de pipocas doces e salgadas com preços que variam de R$ 10,00 a R$ 28,00
Ingressos pelo site - www.cinemacineplus.com.br

Horário de Atendimento City Center Outlet Premium

Diariamente das 10h às 22h.

Endereço - Rua João Bertoja, 1995 – Itaqui de Cima – Campo Largo.

BR 277 – Acesso pelo KM 122 em ambos os sentidos.

Endereço eletrônico- www.citycenteroutlet.com.br

Campari Group expande seu portfólio e apresenta Uísque Howler Head® no Brasil

A marca estende sua expansão com a primeira distribuição na América do Sul

São Paulo,16 de janeiro de 2023 -- O Grupo Campari, uma das maiores empresas de bebidas destiladas premium do mundo, junto com a Catalyst Spirits, anuncia a chegada ao Brasil do Uísque Howler Head® -- drink premium original com aroma natural de banana. A partir de 16 de janeiro, amantes da “água da vida”, como é popularmente conhecido em sua tradução, terão a oportunidade de saborear a bebida.

Após sua destilação, o uísque é envelhecido por dois anos em barris de carvalho branco americano com o alligator char nº 4. Em seguida, é misturado seu aroma natural de banana, retendo um sabor suave e inesquecível. No Brasil, a distribuição começa no Rio de Janeiro e depois será expandida para todo o país. A Campari detém uma participação de 15% da marca que também está disponível nos Estados Unidos, Canadá e Reino Unido.

“O uísque bourbon é um dos pilares com prioridade global para o Grupo Campari. Seguindo as recentes tendências positivas da categoria no Brasil, Howler Head é ideal para o nosso portfólio local”, afirma Gustavo Rela Bruno, CEO do Campari Group no Brasil.

As vendas do uísque americano em todo o mundo dispararam nos últimos anos, impulsionadas em grande parte por uísques aromatizados. Desde que foi lançado nos EUA em 2021, o Howler Head vendeu quase 70.000 caixas de 9L em 2022 e rapidamente se tornou uma das marcas de uísque com crescimento mais veloz nos Estados Unidos.

No Brasil, a garrafa de 750ml será vendida por R$149,90 e estará disponível em lojas selecionadas no Rio de Janeiro inicialmente, com previsão de expansão para São Paulo e outras regiões a partir de fevereiro.

Para conhecer mais, acesse @howlerheadbrasil

SOBRE CAMPARI  
O Campari Group é uma empresa importante no setor global de bebidas, comercializando suas marcas em mais de 190 países ao redor do mundo com posições de liderança na Europa e nas Américas. O Campari Group foi fundado em 1860 e hoje é a sexta maior empresa mundial na indústria de bebidas destiladas premium. O portfólio do Campari Group, com mais de 50 marcas, está dividido em bebidas destiladas (seu principal negócio), vinhos e refrigerantes. As marcas de renome internacional incluem Aperol, Appleton, Bulldog, Campari, Cinzano, SKYY Vodka e Wild Turkey. Com sede em Sesto San Giovanni, na Itália, a Campari possui 22 fábricas em todo o mundo, tem a sua própria rede de distribuição em 22 países e possui mais de 4 mil colaboradores no mundo, sendo 180 no Brasil. A empresa tem sede corporativa em São Paulo e uma unidade fabril em Pernambuco.    

Para mais informações: Link  

20MINUTOS.MOV estreia nona edição com oficina e mostra de curtas-metragens na Biblioteca Pública do Paraná

A artista Fernanda Bevilaqua em cena de um dos três curtas da série documental "Deixa eu te contar"

A nona edição do programa de residências artísticas 20MINUTOS.MOV começa em janeiro de 2023 em Curitiba. A plataforma criativa idealizada em 2010 por Cândida Monte e Wellington Guitti incentiva artistas de diversas linguagens com bolsas de pesquisa, intercâmbio com artistas de outras localidades e ações compartilhadas com o público.

A primeira ação dessa nova edição será a oficina “Po.éticas da decisão” com os artistas Jorge Alencar e Neto Machado. A dupla de artistas de Salvador (BA) participa desse encontro na capital paranaense entre os dias 10 e 14 de janeiro no Espaço Nó, já com as vagas esgotadas. Mas ainda é possível participar da exibição da série documental “Deixa eu te contar”, dirigida pelos mesmos artistas, na próxima sexta-feira, 13, às 18 horas na Biblioteca Pública do Paraná, com entrada gratuita e conversa com os realizadores.

São três curtas-metragens que trazem “depoimentos dançados” dos artistas brasileiros Alexandre Roiz, Fernanda Bevilaqua e Jeremias Brasileiro que relembram performances que assistiram e marcaram suas vidas. Os filmes são um desdobramento do projeto Biblioteca de Dança que também esteve na Biblioteca Pública do Paraná no ano passado.

Todas as ações deste projeto são gratuitas e realizadas com recursos do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura, da Fundação Cultural de Curitiba e da Prefeitura Municipal de Curitiba.

20MINUTOS.MOV - nona edição

Nos últimos treze anos, o programa já realizou nove edições e incentivou dezenas de artistas, tendo sido em muitos casos a incubadora de pesquisas artísticas que mais tarde se transformariam em espetáculos ou se desdobrariam em outras ações. A curadoria em todas as edições sempre foi feita por Cândida Monte e Neto Machado.

Neste ano, a edição será realizada entre janeiro e março. Durante esse período, o programa convidou para desenvolver suas pesquisas três artistas residentes: Bernardo Stumpf, Priscilla Pontes e Renata Roel. Além de bolsistas que participam pela primeira ou segunda vez: Cayo Vieira, Giovanni Venturini, Lívea Castro, Laremi Paixão e Vitória Gabarda.

O programa oferece a troca com artistas de outras cidades através de oficinas, também abertas para a comunidade, e ações compartilhadas com o público. Nesta edição, além de Jorge e Neto, também deve participar o artista paulistano Eduardo Fukushima. E uma outra participação deve ser confirmada em breve. Todos os detalhes do programa e as inscrições nas ações estão no endereço www.instagram.com/20minutosmov.

SERVIÇO 20MINUTOS.MOV #9
"DEIXA EU TE CONTAR" (Exibição de três curtas seguida de conversa com realizadores)
Dia 13 de janeiro de 2023, sexta-feira, às 18 horas
Local: Biblioteca Pública do Paraná - Auditório Paul Garfunkel (Rua Cândido Lopes, 133, Centro, Curitiba/PR)
Entrada gratuita
Classificação indicativa: livre

FICHA TÉCNICA COMPLETA DOS FILMES A SEREM EXIBIDOS
Com: Alexandre Roiz, Fernanda Bevilaqua, Jeremias Brasileiro
Concepção: Neto Machado, Jorge Alencar, Marcelo Camargo, Alexandre Molina
Direção e roteiro: Jorge Alencar e Neto Machado
Direção de fotografia, montagem e co-direção: Yuji Kodato
Co-direção e assistência de direção: Nara Sbreebow
Preparação de Elenco: Neto Machado, Jorge Alencar, Alexandre Molina, Nara Sbreebow
Direção de arte: Marcelo Camargo
Assistência de arte e Iluminação: Mário Leonardo
Trilha Sonora: Danilo Camargo
Som direto: Giovanna Castro
Coordenação de Produção: Vanessa Garcia
Equipe de Produção: Alexandre Molina, Marcelo Camargo
Identidade visual: Marcelo Camargo
Realização: Paralela plataforma de arte
Co-produção: Dimenti Produções Culturais, Ekobé Filmes e Produtora NÓIS.

Coca-Cola estreia primeira série de antologia natalina “O Natal Sempre Encontra O Caminho” no Prime Video

Pela primeira vez, a Coca-Cola anuncia o lançamento de sua série de antologia de Natal, sob uma nova plataforma criativa, “A Magia Acontece Apresenta”.

A marca apresentará novos filmes em diferentes formatos no Prime Vídeo, todos centrados em uma premissa: compartilhar e celebrar histórias de conexões humanas, narradas de maneiras mágicas. A série de antologia natalina “O Natal Sempre Encontra o Caminho” é composta por três curtas-metragens - ‘Alma’, ‘Pequeno Natal’ e ‘Mordidas de Natal’ - e estreará no Prime Video na quarta-feira, 07 de dezembro. Também será lançada no YouTube dia 09 de dezembro.

A série de antologia foi criada em colaboração com a Imagine Entertainment e os filmes foram dirigidos por diretores premiados - Vellas (Brasil), JB Braud (França) e Alex Buono (EUA).

O Natal vem vindo 🎁
Sinopse da série de antologia
“O Natal Sempre Encontra o Caminho”

O que acontece quando o Papai Noel encontra um vampiro? Uma vitrine de Natal em miniatura pode despertar um antigo amor? Um computador mágico ajudará uma cidade a recuperar seu espírito natalino perdido? “A Magia Acontece Apresenta” e Imagine Entertainment apresentam três contos emocionantes sobre o Natal, a união e a descoberta da magia que está ao nosso redor.

A campanha “O Natal Sempre Encontra O Caminho” reflete a filosofia ‘A Magia Acontece’ (Real Magic) plataforma global que a Coca-Cola lançou em 2021, convidando todos, em todos os lugares, a celebrar a verdadeira magia da humanidade. A marca acredita que nossas diferenças tornam o mundo verdadeiramente rico e interessante, e que encontramos magia quando nos reunimos e compartilhamos experiências.

‘Alma’ (12 minutos) se passa em uma cidade do México, famosa por fazer decorações de Natal para o mundo durante todo ano. Os moradores da cidade não sentem mais a magia do Natal, até que um evento acontece para reacender a magia. Este curta-metragem é dirigido pelo premiado diretor brasileiro Vellas, considerado um dos melhores diretores comerciais brasileiros e que está prestes a fazer uma série latino-americana na Netflix.
'Pequeno Natal' (11 minutos) é uma história de amor entre dois amantes distantes que trabalham em uma livraria e uma loja de discos vizinhas em Paris, e que revivem sua relação enquanto criam suas decorações de vitrines para o Natal. O diretor parisiense JB Braud foi aclamado pela crítica por seu curta-metragem In the Still Night (2019) e pela campanha da Apple para iPhone Le Peintre (Os Pintores) (2021).
'Mordidas de Natal' (10 minutos) é uma comédia ambientada nos Estados Unidos que gira em torno de um vampiro que se encontra pela primeira vez com os pais de sua namorada e do que acontece quando ele conhece seu rival de longa data, o Papai Noel. O filme é dirigido pelo cineasta americano indicado ao Oscar e ao Emmy, Alex Buono, aclamado pela crítica pelas séries Boneca Russa (Netflix - 2ª temporada), de ficção científica/ação/comédia Future Man (Hulu) e Detroiters (Comedy Central).

Sobre a The Coca-Cola Company
A The Coca-Cola Company (NYSE: KO) é uma empresa de bebidas completa com produtos vendidos em mais de 200 países e territórios. O propósito da nossa empresa é refrescar o mundo e fazer a diferença. Vendemos várias marcas avaliadas em bilhões de dólares, em várias categorias de bebidas em todo o mundo. Nosso portfólio de marcas de refrigerantes com gás inclui Coca-Cola, Sprite e Fanta. Nossas marcas de hidratação, esportes, café e chá incluem Dasani, smartwater, vitaminwater, Topo Chico, BODYARMOR, Powerade, Costa, Georgia, Gold Peak e Ayataka. Nossas marcas de bebidas de nutrição, sucos, lácteas e à base de plantas incluem Minute Maid, Simply, inocente, Del Valle, fairlife e AdeS. Estamos constantemente transformando nosso portfólio, desde a redução do açúcar em nossas bebidas até o lançamento de novos produtos inovadores no mercado. Buscamos impactar positivamente a vida das pessoas, comunidades e o planeta por meio da reposição de água, reciclagem de embalagens, práticas de fornecimento sustentável e reduções de emissões de carbono em toda a nossa cadeia de valor. Juntamente com nossos parceiros de envasamento, empregamos mais de 700 mil pessoas, ajudando a trazer oportunidades econômicas para comunidades locais em todo o mundo.

Parceria entre Boticário e Netflix traz itens de beleza e cuidados inspirados em séries de sucesso do streaming

Campanha combina conteúdos de Sex Education, Stranger Things e La Casa de Papel com a edição limitada de itens de maquiagem, cuidados pessoais e perfumaria cocriados pelas marcas

5=MmM6YWM5UDZ2ojci5SbvNmLhJnclRHQpxGblNWdsFWbhN3cl5WY2pTOzYDM4cjNzUTM6cmbw5yN2UmZwYTM1ATY3kDZ0ATMmRDZzEGOhdDOmFDM1MDOzYkMlMDOzYkMlMTO1MzMGJTJxEDOxgTM4kTNy8VL0ETLfpzN

Novembro de 2022 -- O mundo das séries nos faz mergulhar em outras realidades, afinal quem nunca se imaginou estudando na escola Moordale com o Otis? Ou dançando Bella Ciao com o macacão marcante ao lado da Tokyo? Ou até mesmo desvendando mistérios com a Eleven e seus amigos? Pensando nisso, O Boticário se uniu com a Netflix para fazer com que o fã das séries Sex Education, La Casa de Papel e Stranger Things “sinta na pele o que rola na série”, um conceito criativo que traz comunicação descontraída, gerando conexão com os botilovers e os fandons das séries, que são verdadeiros fenômenos na rede de streaming, ao lançar produtos exclusivos, em edição limitada, das marcas Cuide-se Bem, Intense e Egeo.

“Estamos muito felizes em dar continuidade a essa parceria com a Netflix, que começou entre Floratta e Bridgerton no início deste ano, e agora segue com uma collab de produtos inspirados em algumas das séries mais amadas pelos brasileiros e mundialmente. Conseguimos unificar a rotina de autocuidado com produtos de cuidados facial e corporal, aromatizador de ambiente, maquiagem e perfumaria, com o momento de descontração e relaxamento que existe ao maratonar uma série. Mais uma vez, observamos que o movimento de colaboração entre marcas que têm sinergia entrega estrategicamente para a geração de valor e de consumo”, aponta Renata Gomide, Diretora de Marketing do Grupo Boticário.

A proposta criativa da PROS, agência de public relations do Boticário, conta a novidade em etapas que geram, inicialmente, curiosidade e desejo aos consumidores, com vídeos produzidos pela Square Pixel. “Vimos aqui a união de duas potências em suas expertises e a possibilidade de explorar ao máximo o mundo das séries. Por isso, trouxemos os spoilers, que são grandes conhecidos dos fandoms, para as redes sociais do Boti e para proporcionar o anúncio oficial do lançamento dos produtos. Contamos com filmes especiais em que os produtos são alocados nos cenários e cenas mais icônicas dos títulos, como easter eggs das séries”, comenta Fernanda Tchernobilsky, Co-CEO da Agência PROS.

0=MmM6MmMlljY4ojci5SbvNmLhJnclRHQpxGblNWdsFWbhN3cl5WY2pTOzYDM4cjNzUTM6cmbw5yYmZWNwQDOjFzMkFTN0YDO5QmMwIGZ2ATNlNzM2QjMxYkMlQjMxYkMlMTO1MzMGJTJxEDOxgTM4kTNy8VL0ETLfpzN
Nas cenas, ao terem a claquete para o corte de cena da série, todos os produtos das linhas ganham vida. Com ilustrações irreverentes de olhos, boca e braços, eles interagem entre si, ressaltando o “sinta na pele o que rola na série” com alto-astral. Em Sex Education, a cena se passa no banheiro da escola Moordale, onde Otis costumava aconselhar os colegas que também eram “pacientes”. Por lá, com tom jovem e descolado, Egeo Sex Education Desodorante Colônia, Loção Hidratante Desodorante Cuide-se Bem Menina Hidratante, Super Glitter Multifuncional Menina Brilhante e a Pallete de Lápis de Olhos ressaltam os pontos ideais para um ritual de empoderamento com base nos produtos de autocuidado e maquiagem.

Para La Casa de Papel, o Banco da Espanha, local marcante da série, onde os assaltantes mais famosos reuniam os reféns, é o palco do show. Ao som de uma versão funk de Bella Ciao, Máscara para Pés Cuide-se Bem La Casa de Papel, Loção Hidratante Cuide-se Bem La Casa de Papel -- Bella Ciao Pele Ressecada! entregam simpatia e muita hidratação -- já o Batom Tint Superfix Intense reforça sua duração por até 16 horas. Para ilustrar Stranger Things, temos a clássica sala dos Byers com o famoso jogo de lâmpadas e as mensagens codificadas que ajudaram a Eleven e seus amigos a se conectarem com o Mundo Invertido. Lá, Spray de ambiente Cuide-se Bem -- ‘Cheiro de mistério no ar’ comenta que poderia ter chamado a Onze com o cheirinho de Waffle -- enquanto a Máscara Facial Peel Off Cuide-se Bem -- Terror dos Poros lamenta não ter ajudado a remover a oleosidade dos rostos dos jovens assustados com as descobertas do Mundo Invertido.

Os filmes estão disponíveis em todas as redes proprietárias do Boticário, assim como as iniciativas de campanha com criadores de conteúdo -- com curadoria realizada pela agência Publination. Já a estratégia de mídia é conduzida pela AlmapBBDO e de redes sociais pela agência W3Haus.

O Boticário + Netflix: coleção completa em período limitado e preços especiais
Em edição limitada, os consumidores podem conferir os produtos de cuidados pessoais, maquiagem e perfumaria inspirados em três sucessos da Netflix: La Casa de Papel, Stranger Things e Sex Education. As novidades de Cuide-se Bem, Intense e Egeo vêm com o intuito de deixar a rotina de autocuidado ainda mais especial, em edição exclusiva, com um portfólio que apresenta variação de dez produtos que carregam bom-humor, leveza e criatividade.

Para os fãs de La Casa de Papel, a linha conta com itens que entregam hidratação, como a Máscara para Pés Cuide-se Bem La Casa de Papel e a Loção HidratanteCuide-se Bem La Casa de Papel -- Bella Ciao Pele Ressecada. A fim de compor um look marcante e bem típico à série, o Batom Tint Superfix Intense não poderia ficar de fora. Com todos os mistérios e diversão de Stranger Things, os fãs da série podem encontrar o Spray de ambiente Cuide-se Bem Stranger Things -- ‘Cheiro de mistério no ar’, que traz o mood da série a cada borrifada de produto, com inspiração na floresta de Hawkins, cidade fictícia e cenário da série, e a Máscara Facial Peel Off Cuide-se Bem Stranger Things -- Terror dos Poros, que remove as células mortas e extermina a oleosidade excessiva da pele.

Para Sex Education, as fragrâncias alegres e divertidas dialogam com o tom de descobertas da série. Egeo Sex Education Desodorante Colônia apresenta uma combinação inusitada de morango cheio de cremosidade e madeiras ambaradas. Já a Loção Hidratante Desodorante Cuide-se Bem Sex Education -- Menina Hidratante vem para deixar a pele iluminada, cheirosa e macia. Com muita cor e brilho, o Super Glitter Multifuncional Menina Brilhante Sex Education -- com tom rosado e partículas douradas, formulado com ecoglitter -- é ótimo para auxiliar na criação de looks únicos. A Pallete de Lápis de Olhos Sex Education, composta por quatro lápis macios, também é multifuncional e chega ao Boti nas cores preta, branca, azul e roxa.

Até o dia 27 de novembro, a linha estará com descontos especiais: na compra de dois itens, os consumidores terão 20% de desconto; e na compra de três itens ou mais, serão 30% off em todos os canais de venda do Boticário, conforme disponibilidade de estoque.

Ficha técnica
Agência: PROS
Anunciante: O Boticário
Título: Sinta na pele o que rola na série
Produto: Cuide-se bem, Egeo e Intense

Aprovação cliente: Marcela De Masi, Raquel Abdala, Mayara Miranda, Luceli Miola, Fernanda Printes, Thais Ferreira, Isabella Franceschi, Alessandra Santos, Ariana Deschamps e Fernanda Gallerani

CEO e Co-CEO: Daniela Graicar e Fernanda Tchernobilsky
Direção de Criação: Maria Cláudia Vasconcellos
Planejamento: Pedro Capellão
Criação: Vitoria Bernardes, Lucas Ribeiro e Maria Confort
Atendimento: Ana Assaly, Daniela Sartori, Gabriela Fioroto, Gabriela Lemos, Bianca Santiago e Beatriz Siqueira
Produção: André Patrício, Paulo Espinoza e Mariana Campanha
Produção Digital: SQUARE PIXEL

Direção de Cena: Rapha Dias
Diretora de Atendimento: Carol Pivato
Assistente de Direção I: Carul Derzie
Direção de Fotografia: Leo Angeli
Direção de Arte: Lueli Marks
Assistente de Arte: Helena Dib
Direção de Produção: Marcelo Bombarda
Produtor Executivo: Aramis Barros e Rapha Dias
Produção: Fernando Nadai
Pós- Produção: HUB VFX
Diretor Vfx : Matheus Akkari
Editor: Welthon Lopez
Motion: Igor Bineli
Color Grade: Kassia Oliveira
Compositor: Kassia Oliveira
Ilustrador: Caio Gomes
Animador: Caio Gomes
Finalizador: Welthon Lopez
Atendimento Pós: Aline Santos
Coordenadora de Pós-Produção: Juliana Silva
Edição Teasers: Hugo Freitas
Motion Teasers: Bernardo Ribeiro
Fechamento/Finanças: Vitor Hugo
Produtora de Som: Play It Again
Produtor Executivo: André Minnassian
Produtor Musical: Caio Zan
Coordenadora de Produção: Pauliana Reis
Dubladores/Vozes: Camila Masri, Henrique Reis, Julia Ribas e Mana Muniz
Locutor: André Minnassian

Sobre O Boticário
O Boticário é uma empresa brasileira de cosméticos e marca primogênita do Grupo Boticário. A marca de beleza mais amada e preferida dos brasileiros* foi inaugurada em 1977, em Curitiba (Paraná), e tem hoje a maior rede franqueada** do Brasil com pontos de venda em 1.650 cidades brasileiras e presença em 15 países. O Boticário conta com um amplo portfólio composto por itens de perfumaria, maquiagem e cuidados pessoais e está presente nos canais de loja, venda direta e e-commerce. Comprometida com as pessoas e o planeta, a marca possui o maior programa de logística reversa em pontos de coleta do Brasil, o Boti Recicla, além de fazer parte do movimento Diversa Beleza -- um compromisso com a beleza livre de estereótipos -- e não realizar testes em animais.
*Kantar, divisão Worldpanel, LinkQ On-line, campo realizado durante o mês de dezembro de 2020. Total no Brasil: 3.079 lares. **Oldiversity. Grupo Croma, novembro de 2017.

E-commerce
Instagram | YouTube | Facebook | Twitter
oboticario
#BotiNetflix

Mostra de animação com entrada gratuita e filmes com recursos de acessibilidade, neste final de semana, em Curitiba (PR)

A 1ª Semana Animadonas encerra a programação com duas mostras, uma exibida nesta sexta (4) e outra neste sábado (5) na Cinemateca

Apneia_C05P02_03.jpg
Curta "Apneia" será exibido em Libras, legenda para surdos e ensurdecidos e audiodescrição neste sábado

Com a proposta de refletir sobre a experiência feminina no cinema de animação, a 1ª Semana Animadonas encerra a sua programação com duas mostras temáticas, neste final de semana. Nesta sexta-feira (04), animações dirigidas e/ou co-dirigidas por mulheres e que colocam em evidência a produção atual serão destacadas na Mostra Animadonas. No sábado (05), a Mostra Acessibilidade exibe filmes da programação com recursos de acessibilidade. A entrada é gratuita e as sessões começam às 19h, na Cinemateca de Curitiba (Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 1174 - São Francisco). Para conferir a programação completa, clique aqui.

Cinco curtas-metragens serão exibidos nesta sexta-feira (04) na Mostra Animadonas, que enfatiza a produção da atualidade. Todos os filmes foram realizados entre os anos de 2019 e 2021. No sábado (05), a Mostra Acessibilidade exibe filmes da programação com recursos de acessibilidade, entre eles: Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS), legenda para surdos e ensurdecidos e audiodescrição.

“As Donas da Animação” marca o conceito da edição de estreia da Semana Animadonas, uma mostra temática de filmes de animação formada por uma programação que exibe um conjunto diverso de filmes deste gênero dirigidos ou co-dirigidos por mulheres, a partir de diferentes técnicas e visualidades, selecionados de diversos estados do País. Nesta primeira edição, iniciada em 31 de outubro, um total de 25 curtas-metragens entraram em cartaz na programação, que contou também com oficinas e debates, ao longo de cinco dias de evento.

A 1ª Semana Animadonas é realizada pela produtora Julieta Audiovisual e conta com Recursos do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura – Fundação Cultural de Curitiba e da Prefeitura Municipal de Curitiba.

1ª Semana Animadonas
Programação oficial
DATA: 04/11 (sexta-feira) – ÀS 19H

MOSTRA ANIMADONAS
Filmes dirigidos e/ou co-dirigidos por mulheres que destaca a produção recente

Aurora - A Rua que Queria ser um Rio
2021 | 10’
Direção: Radhi Meron.
Classificação Indicativa: Livre.

Mitos Indígenas em Travessia
2019 | 21’
Direção: Julia Vellutini &
Wesley Rodrigues em colaboração com as comunidades da Aldeia Afukuri (Kuikuro), Aldeia São João (Javaé) e Aldeia São João (Kadiwéu).
Classificação Indicativa: Não recomendado para menores de 10 anos.

Nonna
2021 | 10’
Direção: Maria Augusta V.Nunes.
Classificação Indicativa: Livre.

Solitude
2021 | 13’
Direção: Tami Martins e Aron Miranda.
Classificação Indicativa: Livre.

Subsolo
2020 | 08’
Direção: Erica Maradona e Otto Guerra.
Classificação Indicativa: Livre.

DATA: 05/11 (sábado) – ÀS 19H
MOSTRA ACESSIBILIDADE
Filmes com recursos de acessibilidade

Aurora - A Rua que Queria
ser um Rio
Libras + legenda para surdos e
ensurdecidos + audiodescrição

Apneia
Libras + legenda para surdos e
ensurdecidos + audiodescrição

Batchan
Legenda para surdos
e ensurdecidos

Meu Nome é Maalum
Libras + audiodescrição

Vivi Lobo e o Quarto Mágico
Libras + legenda para surdos e
ensurdecidos + audiodescrição

Serviço:
1ª Semana Animadonas - As Donas da Animação
Local: Cinemateca de Curitiba (Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 1.174 – bairro São Francisco)
De 31 de Outubro a 05 de novembro de 2022.

Informações para imprensa:
Lídia Ferreira (41) 98869-2440
PARA FOTOS E IMAGENS DE FILMES, ACESSE AQUI: https://drive.google.com/drive/folders/1k4fO3n7DLDYmarUTklLPFAlz593UVZCI?usp=sharing *

FOTOS:
1- FOTO DO FILME NONNA_ Crédito_ Nonna (divulgação)
2-Crédito_ Aurora - A rua que queria ser um rio (divulgação)
--

CINE PASSEIO RECEBE FESTIVAL DE CINEMA SUPER 8

Mais de 100 filmes serão exibidos, além da realização de oficina e masterclasses, com todas as sessões e eventos franqueados ao público

O “CURTA 8 - Festival Internacional de Cinema Super 8 de Curitiba”, chega em 2022 a sua 17ª edição exibindo, no Cine Passeio, de 27 a 30 de outubro, o que há de melhor no mundo na chamada “bitola pequena”.

Desenvolvido em meados dos anos 60, o filme super 8 foi criado tendo como proposta seu uso amador, para registrar imagens familiares, viagens e eventos sociais. Com o passar do tempo, no entanto, em função da facilidade de operação e o baixo custo, ele foi utilizado por estudantes e cineastas iniciantes para o desenvolvimento de experiências cinematográficas.

Ao todo o CURTA 8 exibirá 103 filmes de 15 países. Segundo Fábio Allon, curador do evento, isto prova que a produção de super 8 continua firme e forte, apesar dos pesares! “O super 8 é leve, é descontraído, é amador, é experimental, é ousado, é afrontoso, e é cinema”, comemora ele.

Na categoria “Tomada Única”, que é o grande diferencial do Festival, concorrem os filmes captados e montados na própria câmera, sem edição. Vinte deles foram realizados a partir de uma oficina que o CURTA 8 promoveu no começo do mês de setembro. Fábio Allon, destaca que ao realizador é permitido utilizar efeitos de manipulação fotográfica durante a exposição para criar as transições nos cortes. “Contudo, é proibida qualquer edição posterior nas imagens captadas, o que exige planejamento prévio e conhecimento básico de fotografia de cinema”, explica ele.

O resultado, segundo Allon, é sempre uma surpresa, tanto para o público como para os produtores, que assistirão aos filmes pela primeira vez somente durante o festival. A sonorização também fica a critério dos próprios realizadores, que podem optar pela execução de um CD com a trilha sonora, ou realizar performances, dublagens, e até mesmo executar o som ao vivo a partir de instrumentos tocados durante a exibição do filme.

Além das competitivas, o CURTA 8 deste ano terá várias mostras especiais. Entre elas se destacam a de homenagem ao cineasta Nivaldo Lopes, o Palito; a do Straight 8, um dos maiores festivais de super 8 do mundo; e a que apresentará o lançamento do filme do superoitista francês Remy Batteault “O açougueiro cineasta”. Este filme conta a história do pai do diretor, também um aficionado pelo cinema super 8.

Também merece destaque a sessão do Dia do Filme Caseiro. Nela o público pode encaminhar os filmes que possui que, após revisados, são exibidos. O Festival terá ainda duas masterclasses “O potencial do super 8 no mercado mundial”, com Ivan Cordeiro; e “História do cinema super 8 brasileiro”, com Flávio Rocha; além da oficina “Projeção em cinema super 8”, com Lucas Vega.

O CURTA 8

Criado em 2005 por Leandro Schip (de saudosa memória), o Festival cresceu rapidamente impulsionado pela paixão que ainda permanece pelo filme analógico. Ao longo dos anos o Curta 8 conseguiu parcerias fora do país, até se consolidar como evento mundial do gênero em 2008. Atualmente é uma das maiores iniciativas de super 8 já realizadas no Brasil, um dos poucos festivais dedicados exclusivamente ao culto desta bitola nas Américas, sendo o mais longevo realizado ininterruptamente no mundo.

O festival é uma realização da PERFIL comunicação e cultura e da Processo MultiArtes, que este ano tem patrocínio da Uninter, via Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Curitiba, contando ainda com os apoios da Fundação Cultural de Curitiba e da Prefeitura Municipal de Curitiba, além do Cine Passeio, do ICAC e da rádio Educativa.

SERVIÇO

CURTA 8 – Festival Internacional de Cinema Super 8 de Curitiba

Data: 27 a 30 de outubro de 2022

Local: Cine Passeio (rua Riachuelo, 410)

Horário: Confira a programação detalhada no site www.curta8.com.br

Ingressos: Entrada franca

Pátio Batel terá Halloween com apresentações e caça aos doces

Evento gratuito com performance musical e de dança fazem parte do roteiro de uma diversão assustadora, de 25 a 27 de outubro

O Halloween chegou ao Pátio Batel! Nos dias 25, 26 e 27 de outubro, o shopping estará ambientado para uma aventura cheia de surpresas para a criançada: é o Halloween dos Doces Enfeitiçados, uma expedição cheia de surpresas, com turmas formadas por ordem de chegada, das 16h às 20h, durante os três dias.
A aventura é recomendada para crianças de 3 a 12 anos, e conta com cenografia temática exclusiva, apresentações de dança e música e, é claro, uma emocionante caça aos doces em 20 lojas participantes. A recepção e início desta brincadeira será no piso L1.
"A cada ano buscamos trazer inovações nas experiências para que não seja mais um evento de Halloween, e sim seja algo realmente especial. Este ano convidamos a arquiteta Bárbara Cassou para participar do desenho do projeto, e contamos com a produção cenográfica da Perverts, uma referência no segmento. Com esse time de experts garantimos que a experiência será mesmo inédita!", destaca Henrique Kuntzler, head de marketing e relacionamento do Pátio Batel.

Principais atrações
As crianças terão à disposição uma aventura na Boca da Bruxa, no Piso L1, onde poderão brincar em um espaço com instrumentos gigantes e, após as atividades recreativas, poderão sair nas turmas de expedição para assistir apresentações de música e dança. No piso L3, ao fim da expedição, receberão uma sacolinha e um mapa para que realizem a caça aos doces, logo após a apresentação musical.
No lounge Bolhas, no Piso L2 do Pátio, uma cenografia de cemitério contará com uma apresentação de dança e uma performance artística para entreter a criançada.
Já no Piso L3, uma Feira dos Doces Assombrados trará uma máquina de algodão doce temático – preto e laranja – e apresentação de uma banda de rock, com músicas e trajes especiais para a ocasião.

Roteiro do Halloween dos Doces Enfeitiçados
As expedições sairão a cada 15 minutos, com turmas de 30 crianças, com cadastros feitos por ordem de chegada. No total, serão atendidas 510 crianças em 17 turmas, por dia. No ponto de saída, haverá uma animação dos recreadores para o início da aventura horripilante.
Algumas observações sobre o roteiro:
– Recepção e início, no Piso L1, com atividades recreativas, a partir das 16h;
– Cadastro em uma das turmas, por ordem de chegada, para a expedição do Halloween;
– A cada 15 minutos, uma turma com até 30 crianças seguirá para o circuito dos Doces Enfeitiçados, com três espaços cenográficos, nos pisos L1, L2 e L3;
– Carrinhos de bebê não são recomendados pois o circuito tem deslocamento por vários pisos do shopping;
– Não será possível realizar pré-inscrição para o próximo dia.

Os pais podem ficar tranquilos, pois no Piso L1 haverá uma área com atividades paralelas, caso as turmas estejam lotadas. Os recreadores farão atividades lúdicas e entregarão, também, uma sacolinha com doces.

Serviço
Halloween dos doces enfeitiçados no Pátio Batel
Quando: 25, 26 e 27 de outubro, das 16h às 20h
Onde: Pátio Batel, Av. do Batel, 1868 – Batel
Ingresso: Atividade gratuita, por ordem de chegada, saída da expedição no Piso L1, em frente à Ginger

FESTIVAL DO CINEMA ITALIANO COMEÇA EM 03 DE NOVEMBRO, E TERÁ SESSÕES ONLINE E PRESENCIAIS EM 38 CIDADES

Evento gratuito acontece entre 04 de novembro e 04 de dezembro, e terá filmes inéditos e retrospectiva destacando musas do cinema italiano
O FESTIVAL DE CINEMA ITALIANO NO BRASIL é uma iniciativa promovida pela Câmara de Comércio Italiana de São Paulo em colaboração com a Embaixada da Itália e a rede consular italiana no Brasil.

Filme - Nostalgia

Materiais: https://1drv.ms/u/s!AuE8oJHSrL6Uhukuo-0lopXiSLVhBA?e=A4P2SK
A edição 2022 do FESTIVAL DE CINEMA ITALIANO já tem data confirmada. O evento acontecerá entre 04 de novembro e 04 de dezembro de forma presencial e online, e exibirá, ao todo, 33 longas entre inéditos e a retrospectiva Musas do Cinema Italiano. A abertura acontecerá no dia 03 de novembro, apenas para convidados no Auditório do Ibirapuera, em São Paulo.

O Embaixador, Francesco Azzarello, explica como nasceu a versão do festival deste ano: "O projeto que idealizamos com Graziano Messana, a quem agradeço de coração junto com todos os seus talentosos colaboradores, nasceu com base em um Festival de Cinema de São Paulo já bem sucedido e com grande participação. A ambição deste ano é oferecer o cinema italiano para todo o Brasil. Devo dizer que, graças também ao trabalho da nossa rede consular, tivemos uma primeira excelente resposta do território. Faremos o balanço ao final, mas estou confiante de que ele se tornará gradualmente uma referência anual para todo o país.”.

Neste ano, a versão presencial selecionada do Festival acontecerá em 49 salas em cerca de 38 cidades do país, e a versão completa de todos os filmes no streaming estará disponível em todo território nacional na plataforma acessada pelo site do Festival. As sessões, tanto presenciais quanto on-line, são gratuitas. E, como no ano passado, o filme mais assistido receberá o Prêmio Pirelli de Cinema Italiano.

Já Cesar Alarcon, CEO e vice-presidente executivo da Pirelli para a América Latina, empresa que é patrocinadora do festival, diz: “A arte está no DNA da nossa companhia. Apoiar essas ações que fomentam a cultura é parte viva do que a Pirelli acredita, ainda mais jogando luz na história tão rica e bonita que Brasil e Itália viveram – e vivem – juntas. Para nós é um orgulho novamente apoiar o Festival de Cinema Italiano e estimular a difusão da cultura cinematográfica italiana aqui no país”.

A seleção contemporânea destaca o melhor do cinema produzido na Itália nessa temporada, contemplando uma diversidade de temas e formatos. Filmes exibidos em importantes festivais pelo mundo fazem parte do evento. O escolhido para representar Itália no Oscar 2023 NOSTALGIA, de Mario Martone, teve première mundial no Festival de Cannes, exibido na competição oficial, e com Pierfrancesco Favino, como protagonista, esse filme é o único que terá apenas sessões presenciais. Do Festival de Veneza vêm SICCITÀ (Seca), de Paolo Virzì, que recebeu os Prêmios Francesco Pasinetti 2022, dado pelos Jornalistas Cinematográficos Italianos e Soundtrack Stars Award de melhor trilha sonora; a comédia ACQUA E ANICE (Água e Anis) com direção de Corrado Ceron, e traz Stefania Sandrelli, no elenco; e IL BAMBINO NASCOSTO (O garoto escondido), de Roberto Andò. Já CALCINCULO (Carrossel), de Chiara Bellosi, estreou no Festival de Berlim de 2022.

Do Festival de Locarno, serão apresentados: a animação YAYA E LENNIE: The Walking Liberty, Alessandro Rak; o drama I GIGANTI (Os gigantes), dirigido e protagonizado por Bonifacio Angius; e IL COLIBRÌ (O Colibri), de Francesca Archibugi, que também traz Pierfrancesco Favino, no elenco, junto com o famoso diretor, Nanni Moretti, que neste filme atua só como ator.

Ainda na seleção de inéditos do Festival estão: L'OMBRA DEL GIORNO (A Sombra do Dia), de Giuseppe Piccioni, com Riccardo Scamarcio; COMEDIANS, de Gabriele Salvatores; TOILET, dirigido e protagonizado por Gabriele Pignotta; HILL OF VISION - L’INCREDIBILE STORIA DI MARIO CAPECCHI (Hill of Vision - A Incrível História de Mario Capecchi), de Roberto Faenza; (IM)PERFETTI CRIMINALI ((Im) Perfeitos Criminosos), de Alessio Maria Federici; GHIACCIO (Gelo), de Fabrizio Moro e Alessio De Leonardis; SETTEMBRE (Setembro), de Giulia Louise Steigerwalt; PRIMA DI ANDARE VIA (Antes de Partir), de Massimo Cappelli; e I FRATELLI DE FILIPPO (Os Irmãos De Filippo), de Sergio Rubini, vencedor em 2022 do David di Donatello de melhor trilha sonora.

Retrospectiva MUSAS DO CINEMA ITALIANO:

A Retrospectiva do FESTIVAL DE CINEMA ITALIANO de 2022 homenageará as Musas do Cinema Italiano, exibindo 16 longas entre clássicos e recentes protagonizados pelas maiores divas da cinematografia do país. Anna Magnani poderá ser vista em ROMA, CIDADE ABERTA; Sofia Loren, em A BELA MOLEIRA e PÃO, AMOR E…; Claudia Cardinale, em A MOÇA COM A VALISE, À MEIA-NOITE, A RONDA DO PRAZER e VIOLÊNCIA E PAIXÃO, no qual divide a tela com Silvana Mangano. Monica Vitti, falecida no começo desse ano, será homenageada com a exibição de CIÚME À ITALIANA.

A retrospectiva conta ainda com filmes com Gina Lollobrigida: PÃO, AMOR E FANTASIA; Stefania Sandrelli: O CONFORMISTA e MAL OBSCURO; Ornella Muti: OS COSTUMES OCULTOS DA BURGUESIA, PRIMEIRO AMOR e VENHA DORMIR LÁ EM CASA ESTA NOITE; Laura Antonelli: O INOCENTE; Sandra Milo: ÁDUA E SUAS COMPANHEIRAS; e Claudia Gerini e Margherita Buy: INIMIGAS ÍNTIMAS.

O filme PÃO, AMOR E FANTASIA (Pane, amore e fantasia) de Luigi Comencini, terá sessões especiais no streaming e presencial com acessibilidade.

“É muito importante destacar o trabalho dessas atrizes, e a importância delas para o cinema italiano e do mundo. A seleção do Festival comprova que elas não apenas belas, mas grandes atrizes que se destacam numa grande variedade de papeis”, concluí Erica Bernardini, curadora do Festival.

A versão presencial do FESTIVAL DE CINEMA ITALIANO acontecerá nas cidades: Campinas (SP), Cuiabá (MT), Mococa (SP), Porto Velho (RO), Porto Velho (RO), Rio Claro (SP), Santos (SP), São Paulo (SP), Belo Horizonte (MG), Barbacena (MG), Jacutinga (MG), Juiz de Fora (MG), Montes Claros (MG), São João Del Rei (MG), Uberaba (MG),Uberlândia (MG), Búzios (RJ), Niterói (RJ), Rio de Janeiro (RJ), Teresópolis (RJ), Curitiba (PR), Joinville (SC), Nova Venezia (SC), Fortaleza (CE), Recife (PE), Salvador (BA), São Luís (MA), Brasília (DF), Anápolis (GO), Belém (PA), Caldas Novas (GO), Goiânia (GO), Itumbiara (GO), Jataí (GO), Manaus (AM), Caxias do Sul (RS), Passo Fundo (RS), Porto Alegre (RS), e Santa Maria (RS)

SOBRE a ANICA:

Pela primeira vez foi concluído um acordo de cooperação entre o Festival e a ANICA (Associação Italiana das Indústrias Cinematográficas Audiovisuais) com o objetivo de promover o intercâmbio cinematográfico entre o Brasil e a Itália, através de incentivos para a distribuição de filmes italianos.

ITALIAN SCREENS é uma inciativa promovida pelo Ministério das Relações Internacionais e da Cooperação Internacional (MAECI), Cinecittà, Direção para o Cinema e Audiovisual do Ministério da Cultura (DGCA-MiC) e Acadêmia do Cinema Italiano - Prêmio David di Donatello.

Abaixo, a lista dos longas do Festival.
Filmes Inéditos
PRIMA DI ANDARE VIA (Antes de Partir)

Direção: Massimo Cappelli

Elenco: Riccardo Maria Manera, Jenny De Nucci, Pino Quartullo, Tiziana Foschi

L'OMBRA DEL GIORNO (A Sombra do Dia)

Direção: Giuseppe Piccioni

Elenco: Riccardo Scamarcio, Benedetta Porcaroli, Lino Musella, Valeria Bilello, Waël Sersoub, Sandra Ceccarelli, Vincenzo Nemolato, Antonio Salines, Costantino Seghi

COMEDIANS

Direção: Gabriele Salvatores

Elenco: Alessandro Besentini, Francesco Villa, Natalino Balasso, Demetra Bellina, Marco Bonadei, Elena Callegari, Vincenzo Zampa, Christian De Sica

YAYA E LENNIE: The Walking Liberty

Direção: Alessandro Rak

Elenco: Ciro Priello, Fabiola Balestriere, Lina Sastri, Francesco Pannofino, Massimiliano Gallo

TOILET

Direção: Gabriele Pignotta

Elenco: Gabriele Pignotta

I GIGANTI (Os gigantes)

Direção: Bonifacio Angius

Elenco: Bonifacio Angius, Stefano Deffenu, Michele Manca, Riccardo Bombagi, Stefano Manca, Francesca Niedda, Noemi Medas, Roberta Passaghe, Mila Angius

CALCINCULO (Carrossel)

Direção: Chiara Bellosi

Elenco: Gaia Di Pietro, Andrea Carpenzano, Barbara Chichiarelli, Giandomenico Cupaiuolo, Francesca Antonelli

HILL OF VISION - L’INCREDIBILE STORIA DI MARIO CAPECCHI (Hill of Vision - A Incrível História de Mario Capecchi)

Direção: Roberto Faenza

Elenco: Laura Haddock, Edward Holcroft, Elisa Lasowski, Francesco Montanari, Jake Donald – Crookes, Sofia D’Elia, Ruben Buccella, Lorenzo Ciamei

(IM)PERFETTI CRIMINALI ( (Im) Perfeitos Criminosos)

Direção: Alessio Maria Federici

Elenco: Filippo Scicchitano, Fabio Balsamo, Guglielmo Poggi, Babak Karimi, Anna Ferzetti, Massimiliano Bruno, Sara Baccarini, Roberta Bruzzone

GHIACCIO (Gelo)

Direção: Fabrizio Moro, Alessio De Leonardis

Elenco: Vinicio Marchioni, Giacomo Ferrara, Beatrice Bartoni, Claudio Camilli, Mauro Cremonini, Valerio Morigi, Emanuele Propizio, Lidia Vitale

País: Itália

SETTEMBRE (Setembro)

Direção: Giulia Louise Steigerwalt

Elenco: Fabrizio Bentivoglio, Barbara Ronchi, Federica Victoria Caiozzo (Thony), Tesa Litvan, Margherita Rebeggiani, Luca Nozzoli, Andrea Sartoretti

IL BAMBINO NASCOSTO (O garoto escondido)

Direção: Roberto Andò

Elenco: Silvio Orlando, Giuseppe Pirozzi, Lino Musella, Imma Villa, Francesco Di Leva, Salvatore Striano, Enzo Casertano, Tonino Taiuti

IL COLIBRÌ (O Colibri)

Direção: Francesca Archibugi

Elenco: Pierfrancesco Favino, Kasia Smutniak, Bérénice Bejo, Laura Morante, Sergio Albelli, Fotinì Peluso, Alessandro Tedeschi, Benedetta Porcaroli, Nanni Moretti

I FRATELLI DE FILIPPO (Os Irmãos De Filippo)

Direção: Sergio Rubini

Elenco: Giancarlo Giannini, Mario Autore, Domenico Pinelli, Anna Ferraioli Ravel, Biagio Izzo

NOSTALGIA

Direção: Mario Martone

Elenco: Pierfrancesco Favino, Francesco Di Leva, Tommaso Ragno, Aurora Quattrocchi

(Exibido apenas nas sessões presenciais do Festival)

SICCITÀ (Seca)

Direção: Paolo Virzì

Elenco: Monica Bellucci, Silvio Orlando, Valerio Mastandrea, Elena Lietti, Tommaso Ragno, Claudia Pandolfi

ACQUA E ANICE (Água e Anis)

Direção: Corrado Ceron

Elenco: Stefania Sandrelli, Silvia D'Amico, Paolo Rossi, Luisa De Santis, Diego Facciotti

Retrospectiva Musas do Cinema Italiano
O CONFORMISTA (Il Conformista)

Direção: Bernardo Bertolucci

Elenco: Stefania Sandrelli, Jean-Louis Trintignant, Dominique Sanda, Gastone Moschin, Enzo Tarascio e Fosco Giachetti

O INOCENTE (L'Innocente)

Direção: Luchino Visconti

Elenco: Laura Antonelli, Giancarlo Giannini, Jennifer O'Neill, Massimo Girotti, Rina Morelli

ROMA, CIDADE ABERTA (Roma Città Aperta)

Direção: Roberto Rossellini

Elenco: Anna Magnani, Aldo Fabrizi, Marcello Pagliero, Vito Annichiarico, Nando Bruno, Harry Feist, Giovanna Galletti, Maria Michi

VIOLÊNCIA E PAIXÃO (Gruppo di Famiglia in un Interno)

Direção: Luchino Visconti

Elenco: Silvana Mangano, Claudia Cardinale, Burt Lancaster, Helmut Berger, Claudia Marsani, Stefano Patrizi e Romolo Valli

PÃO, AMOR E FANTASIA (Pane, Amore e Fantasia)

Direção: Luigi Comencini

Elenco: Gina Lollobrigida, Vittorio De Sica, Marisa Merlini, Virgilio Riento, Tina Pica, Maria-Pia Casilio, Roberto Risso, Memmo Carotenuto

A MOÇA COM A VALISE (La Ragazza con la Valigia)

Direção: Valerio Zurlini

Elenco: Claudia Cardinale, Jacques Perrin, Gian Maria Volontè, Corrado Pani, Luciana Angiolillo e Romolo Valli

PRIMEIRO AMOR (Primo Amore)

Direção: Dino Risi

Elenco: Ornella Muti, Ugo Tognazzi, Riccardo Billi, Caterina Boratto, Mario Del Monaco, Enzo Maggio

CIÚME À ITALIANA (Dramma della Gelosia - Tutti i Particolari in Cronaca)

Direção: Ettore Scola

Elenco: Monica Vitti, Giancarlo Giannini, Marisa Merlini, Marcello Mastroianni, Josefina Serratosa, Corrado Gaipa

A BELA MOLEIRA (La Bella Mugnaia)

Direção: Mario Camerini

Elenco: Sophia Loren, Marcello Mastroianni, Vittorio De Sica, Paolo Stoppa, Yvonne Sanson

MAL OBSCURO (Il Male Oscuro)

Direção: Mario Monicelli

Elenco: Stefania Sandrelli, Giancarlo Giannini, Emmanuelle Seigner

País: Itália

VENHA DORMIR LÁ EM CASA ESTA NOITE (La Stanza del Vescovo)

Direção: Dino Risi

Elenco: Ornella Muti, Ugo Tognazzi, Patrick Dewaere, Lia Tanzi, Gabriella Giacobbe

INIMIGAS ÍNTIMAS (Nemiche per la Pelle)

Direção: Luca Lucini

Elenco: Claudia Gerini, Margherita Buy, Giampaolo Morelli, Paolo Calabres

À MEIA-NOITE, A RONDA DO PRAZER (A Mezzanotte va la Ronda del Piacere)

Direção: Marcello Fondato

Elenco: Claudia Cardinale, Vittorio Gassman, Renato Pozzetto, Monica Vitti, Giancarlo Giannini e Giorgio Trestini

PÃO, AMOR E… (Pane, Amore e…)

Direção: Dino Risi

Elenco: Sophia Loren, Vittorio De Sica, Antonio Cifariello, Lea Padovani

ÁDUA E SUAS COMPANHEIRAS (Adua e le Compagne)

Direção: Antonio Pietrangeli

Elenco: Sandra Milo, Marcello Mastroianni, Simone Signoret, Emmanuelle Riva, Gina Rovere

OS COSTUMES OCULTOS DA BURGUESIA (Ritratto di Borghesia in Nero)

Direção: Tonino Cervi

Elenco: Ornella Muti, Senta Berger, Capucine, Stefano Patrizi, Christian Borromeo

Serviço: FESTIVAL DO CINEMA ITALIANO

Data: 04 de novembro até 04 dezembro

Todas as sessões, presenciais e online são gratuitas

Mais informações: https://festivalcinemaitaliano.com/

Online: no site do Festival através do Belas Artes à La Carte

Salas de cinema: Campinas (Auditório da ADunicamp - Associação dos Docentes da UNICAMP); Cuiabá (Cineteatro de Cuiabá, UFMT – Cine-fórum Coxiponês); Mococa (Cine Mococa - Cineclube Prof. Máximo Barro); Porto Velho (Cine Veneza, SESC Porto Velho); Rio Claro (Sala de Cinema da Escola de Língua Italiana); Santos (Cine Arte Posto 4); São Paulo (Cine Belas Artes, Teatro Galileo no Colégio Dante Alighieri, Teatro Italia no Circolo Italiano di San Paolo, CINUSP - O Cinema da USP), Barbacena (Cine Plaza); Belo Horizonte (Fondazione Torino - Auditório da Escola, Cinema Minas Tenis Clube, Palácio das Artes - Cine Humberto Mauro, UFMG - Auditório da Faculdade de Letras da Universidade Federal de Minas Gerais); Jacutinga (Sala cinematográfica do Município); Juiz de Fora (Museu de Arte Murilo Mendes); Montes Claros (a definir); São João del Rei (Centro Cultural Solar da Baronesa da UFSJ); Uberaba (a definir); Uberlândia (Cineteatro Nininha Rocha); Niterói (Espaço Cultural Oscar Niemeyer); Rio de Janeiro (UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro, Auditório Istituto Italiano di Cultura); Teresópolis (Sala privada dedicada); Curitiba (Cineplex Batel); Joinville (Circolo Italiano di Joinville); Nova Venezia (Teatro Municipal de Nova Veneza); Fortaleza (Casa da Cultura da Universidade Federal do Ceará (UFCE)); Recife (Fundação Giacomo e Lucia Perrone, Teatro Fundação Joaquim Nabuco); Salvador (Casa d'Italia); São Luís (Teatro SESC de São Luís); Anápolis (Auditório SESC); Belém (Cine SESC (Mostra Inéditos) e Cine Estação (Mostra Musas do Cinema Italiano)); Caldas Nova (Auditório SESC); Goiânia (Auditório SESC); Itumbiara (Auditório SESC); Jataí (Auditório SESC); Manaus (Cineteatro Guarani, Cinema do Centro Cultural Casarão de Ideias); Caxias do Sul (Universidade de Caxias do Sul | AVERS - Associazione Veneta RS); Passo Fundo (Universidade de Passo Fundo); Porto Alegre (Cinemateca Capitólio, Cinemateca Paulo Amorim); e Santa Maria (UFSM - Universidade Federal de Santa Maria | AISM - Associazione Italiana di Santa Maria)

“Ennio, o Maestro”, de Giuseppe Tornatore,estreia nesta quinta, 29, nas salas do Brasil

O longa de Giuseppe Tornatore chega a 13 cidades: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Santos, Salvador, Recife, Florianópolis, Curitiba, Porto Alegre, Maceió e Palmas

Documentário homenageia o mestre Ennio Morricone, que ao longo de sua carreira compôs mais de 500 trilhas sonoras para o cinema e TV e teve seis indicações e dois prêmios Oscars (um honorário pela carreira em 2007 e outro pela trilha sonora de "Os Oito Odiados", de Quentin Tarantino, em 2016).

Pedidos de screeners e visionamento online,
contatar a assessoria de imprensa

PRESSKIT: https://bit.ly/PRESSKIT_ENNIO
TRAILER: https://youtu.be/D0qe3pu-Tks

Cena de "Ennio, o Maestro"
"Ennio, o Maestro", documentário se Giuseppe Tornatore (de "Cinema Paradiso" e "Malena") sobre a vida e obra do grande maestro Ennio Moricone, estreia nas salas do Brasil no dia 29 de setembro. O filme, que teve grande sucesso na última edição de 8 ½ Festa do Cinema Italiano, chega a 13 cidades do país: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Santos, Salvador, Recife, Florianópolis, Curitiba, Porto Alegre, Maceió e Palmas.

Em "Ennio, o Maestro", Tornatore, grande parceiro do maestro e compositor, reconta a história de Ennio desde a infância até a vida adulta, passando pelos anos de conservatório e, claro, por seus grandes filmes e prêmios, sem esquecer do Oscar: seis indicações e dois prêmios (Um honorário pela carreira em 2007 e outro pela trilha sonora de "Os Oito Odiados", de Quentin Tarantino, em 2016). Mais que uma aula de cinema, é também uma aula de música, uma lição sobre a genialidade de Morricone, que criava para o cinema como quem desenhava a música em sua mente antes de escrevê-la ou gravá-la.

"Papai pode ser considerado um compositor versátil, que em mais de meio século, escreveu tanto música "absoluta" (ou seja, concebida como um ato criativo livre e não condicionado) quanto música "aplicada" (ou seja, a serviço de outra arte: cinema, teatro, televisão)", comenta Marco Moricone, filho do Maestro.

Um dos maiores nomes não só da música para o cinema, mas da música contemporânea, Ennio Morricone compôs mais de 500 trilhas sonoras para o cinema e TV. Ousado, sempre fugiu do convencional e sempre propôs partituras e músicas que não fossem óbvias. Como resultado, ajudou a criar obras-primas do cinema como "Três Homens em Conflito", "A Missão", "Era Uma Vez na América", "Os Intocáveis", "Cinema Paradiso", "A Balada de Sacco e Vanzetti", entre outros.

"Ainda hoje é um clichê bastante difundido considerar os dois lados de sua atividade como compositor como separados: por um lado, a grande produção de música "absoluta", que pertence ao universo das neovanguardas e experiências como a no Grupo de Improvisação Nuova Consonanza (onde ingressou em 1965), que sempre manteve uma forte tensão e caráter modernista; por outro lado, o trabalho ainda mais extenso no campo da música "aplicada", marcado por colaborações com os mais importantes diretores italianos e internacionais, de Bernardo Bertolucci e Pier Paolo Pasolini aos irmãos Paolo e Vittorio Taviani, de Brian De Palma a Quentin Tarantino, de Roman Polanski a Pedro Almodóvar e, em particular, das parcerias com Sergio Leone, Gillo Pontecorvo e Giuseppe Tornatore", analisa Marco.

Exibido também no 78º Festival de Veneza, "Ennio, o Maestro" revela o compositor e maestro por meio de uma longa entrevista conduzida por Tornatore, além de depoimentos de realizadores e músicos, incluindo alguns muito conhecidos do grande público como Bernardo Bertolucci, Marco Bellocchio, Dario Argento, Quentin Tarantino, Wong Kar Wai (um dos produtores e distribuidor do filme), Bruce Springsteen, Joan Baez, Lina Wertmüller, John Williams e Hans Zimmer.

A esta longa lista de admiradores e colaboradores, juntam-se fragmentos da vida privada de Morricone, e além de todas as particularidades envolvendo a genialidade criativa do maestro, Marco divide mais uma surpreendente, relacionada a vida em família:

"Na minha casa a gente podia fazer de tudo, a bagunça que fosse. A única coisa que não era permitida era ouvir música, nem mesmo as músicas que meu próprio pai compunha, para não influenciar os outros trabalhos dele. Então eu fui um adolescente que cresceu enquanto os Beatles estavam explodindo e eu só podia ouvir fora de casa. Na época a gente achava que isso não era legal, mas com o tempo a gente foi compreendendo. Meu pai sempre foi muito rigoroso, mas ao mesmo tempo muito carinhoso, e me ensinou muito sobre ética e sobre o respeito ao trabalho sério, duro e constante que ele sempre fez a vida toda", relembra o filho do maestro.

O documentário conta também com gravações dos espectáculos, excertos dos filmes e imagens inéditas dos arquivos pessoais. Embora seja impossível definir o grande gênio superlativo e revolucionário de Ennio Morricone em duas horas e meia, este belo tributo ao “Il Maestro" consegue revelar parte do mistério por trás de sua extraordinária criatividade.

O filme será distribuído pela Risi Film Brasil, com o apoio da Bomfilm e da 8 ½ Festa do Cinema Italiano.

SINOPSE
ENNIO, O MAESTRO, de Giuseppe Tornatore
(Ennio) - Itália, 2021, 150', Documentário, Legendas Português, M/12

O documentário segue a carreira do lendário compositor Ennio Morricone, duas vezes vencedor do Oscar e autor de mais de 500 trilhas sonoras. Com entrevistas e depoimentos de artistas e diretores como Quentin Tarantino, Quincy Jones, Bruce Springsteen, John Williams e Clint Eastwood, o longa traz fatos não revelados sobre o compositor, como seu amor por xadrez, que pode ter ajudado em suas composições e seus pensamentos por trás de cada faixa.

Ennio é um retrato profundo de Ennio Morricone, o compositor de cinema mais popular e prolífico do século 20, o mais amado pelo público internacional, duas vezes vencedor do Oscar e autor de mais de quinhentas partituras inesquecíveis.

O documentário, exibido no 78º Festival de Veneza, apresenta-nos o compositor e maestro por meio de uma longa entrevista conduzida por Tornatore e de depoimentos de realizadores e músicos, incluindo alguns bem conhecidos do grande público como Bernardo Bertolucci, Marco Bellocchio, Dario Argento, Quentin Tarantino, Wong Kar Wai (um dos produtores e distribuidor do filme), Bruce Springsteen, John Williams e Hans Zimmer. A esta longa lista de admiradores e colaboradores, juntam-se fragmentos da vida privada de Morricone, gravações dos espectáculos, excertos dos filmes e imagens inéditas dos arquivos pessoais. Embora seja impossível retratar o gênio superlativo e revolucionário de Ennio Morricone em duas horas e meia, este belo tributo ao “Il Maestro" consegue revelar parte do mistério por trás da sua extraordinária criatividade.

Distribuição Brasileira: Risi Film Brasil

****
CINEMAS:

Belo Horizonte
UNA Cine Belas Artes

Brasília
Espaço Itaú de Cinema Brasília Casa Park

Curitiba
Cineplex Batel
Cine Passeio

Florianópolis
Paradigma Cine Arte

Maceió
Centro Cultural Arte Pajuçara

Palmas
Cine Cultura Palmas

Porto Alegre
Espaço de Cinema Bourbon Country
GNC Moinhos

Recife
Moviemax Rosa e Silva

Rio de Janeiro
Espaço Itaú de Cinema Rio de Janeiro
Estação NET Rio
Kinoplex Fashion Mall

Salvador
Cine Metha Glauber Rocha

São Paulo
Espaço Itaú de Cinema Augusta
Espaço Itaú de Cinema Frei Caneca
Cine Marquise
Kinoplex Itaim

Santos
Cineflix Shopping Miramar Santos

Campinas
Kinoplex Dom Pedro

Cinemateca de Curitiba exibe “São Ateu” no dia 06 de outubro

Paulo Cesar Peréio é 'Deus' no longa de estreia de Hiro Ishikawa.
Zemanuel Piñero e Clemente Tadeu Nascimento, das bandas Plebe Rude e Inocentes, também estão no elenco.

Trailer: https://youtu.be/3zSuOfWpGS4
Imagens para divulgação em alta neste link.
O filme "São Ateu", de Hiro Ishikawa, será exibido no dia 06/10, às 19h, na Cinemateca, em Curitiba. O diretor Hiro Ishikawa vai estar presente e participa de um bate-papo ao final da sessão.

A obra gira em torno de Dido, um homem de vida bastante comum, até o dia em que é escolhido por Deus para ser o profeta que vai anunciar ao mundo sua aposentadoria. Se até Deus se cansou da humanidade, o mundo dos deuses também se agita, afinal, é preciso redefinir a ordem espiritual do planeta. A vida de Dido, o 'São Ateu', muda radicalmente, e ele fica na mira da humanidade, do Diabo e de outros Deuses, que querem se aproveitar dos seus poderes de profeta.

Falando de religião e relações de poder de maneira questionadora e bastante irreverente, o longa de estreia de Hiro Ishikawa mistura comédia, fantasia e ficção científica. "Tento mostrar no filme um mundo paradoxal, quase sem sentido, onde a fé e o poder se combinam de maneira divertida e trágica, o que nos leva a uma estranha sensação lúdica de viver num mundo onde tudo é possível apesar de todas as impossibilidades", comenta o diretor.

Formado em Imagem e Som pela UFSCar (Universidade Federal de São Carlos), Hiro Ishikawa é diretor de diversos curtas-metragens premiados em festivais nacionais, e dois documentários televisivos, incluindo "A Plebe é Rude", que estreou em 2016, no Canal Brasil, e colocou Hiro em contato com Clemente Tadeu Nascimento, músico na banda Plebe Rude e fundador da banda Inocentes. Considerado um dos pioneiros do punk rock no país, ele encarna uma versão de Jesus no filme 'São Ateu".
Paulo César Peréio, um dos grandes atores do cinema nacional, é o próprio Deus. Com cerca de 80 longas metragens no currículo, o gaúcho também acumula inúmeros trabalhos na televisão, e, por muitos anos, foi uma das vozes mais requisitadas no mercado da propaganda.

O Diabo é representado pelo personagem de Zemanuel Piñero, que iniciou carreira no teatro na década de 1970. Com passagens pela televisão, em novelas da TV Globo como Caminho das Índias, Passione, Avenida Brasil e, mais recentemente Amor de Mãe (2021), atuou em séries como A Vida Secreta dos Casais (HBO) e Rua Augusta (TNT). No cinema, os trabalhos incluem "O Cheiro do Ralo", "O Doutrinador" e "Trabalho Sujo".

Mesmo com Deus, Jesus e o Diabo, a família de Dido é, no fundo, a personagem principal do filme. "Afinal, quando se fala de religião, automaticamente falamos de família, de verdade", pontua o cineasta, que escolheu um casal real, Dado e Paula Marcondes, atores de circo e teatro de Araraquara/SP, que contracenam com sua filha Laura no filme.

"São Ateu" nasce das experiências pessoais do diretor Hiro Ishikawa, que passam pela infância católica e adolescência punk. Agora, como cineasta, dá vida a essa mistura na tela, de maneira bem peculiar. "Na forma, optei por mudanças bruscas na narrativa, como se a cada momento fosse possível acontecer um milagre, um acontecimento inesperado, um mistério...", explica.

Segundo o diretor, o desenvolvimento do roteiro levou em conta as limitações de orçamento, a começar pelo tema. "Sempre gostei de roteiros ambiciosos que trabalham com grandes questões da humanidade, com complexas estruturas narrativas no espaço-tempo. Queria falar sobre algo que fosse grandioso, mas que ao mesmo tempo fosse nada, no sentido material, por causa dos custos. Um filme sobre fé precisa só de pessoas", conta Hiro, que pensou em locações e pessoas conhecidas para trabalharem como assistentes na equipe técnica ou atuando em papéis secundários. "Fiquei muito animado porque essa experiência de certa forma me remete aos elencos de Fellini, em que grandes atores contracenavam com não-atores que foram escolhidos pela aparência e gestos singulares."

Feito basicamente com recursos próprios de Ishikawa e da equipe técnica, que disponibilizou serviços, equipamentos e apoio, São Ateu se tornou um filme bem paulista, com gravações feitas nas cidades de Bragança Paulista, Socorro, São Roque Monte Alegre do Sul e Pinhalzinho, ao longo de dois anos, com imagens de estúdio feitas em São Paulo. Contando com a fase de pós-produção, o trabalho levou quatro anos para ser finalizado, e mais um longo tempo de espera para chegar às telas, em razão das restrições para encontros presenciais com o público durante a pandemia do coronavírus.

Como numa turnê musical o filme fez sua pré-estreia no festival internacional 'Sci-Fi Floripa International', na Mostra de filmes convidados, em Florianópolis, em julho. Em agosto, São Ateu estreou no Cine Bijou, em São Paulo, percorrendo também as cidades de Araraquara e Campinas, sempre em sessões especiais, que contaram com presença do diretor e parte da equipe, para dialogar sobre o filme após a exibição.
"São Ateu" é produzido e distribuído pela Pietà Filmes e Produções. Contemplado no edital de licenciamento do PROAC Expresso Lei Aldir Blanc 41/2020, o filme ficará disponível também na plataforma gratuita de streaming #CulturaEmCasa, pelo https://culturaemcasa.com.br/. Idealizada pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, a plataforma reúne centenas de conteúdos inéditos das instituições culturais do Governo de São Paulo, além de conteúdos de outras instituições e de artistas e produtores independentes, com acesso 100% gratuito para o público.

Serviço
São Ateu em Curitiba
Sessão especial com presença do diretor
Data: 06/10 (5ªf)
Horário: 19h
Local: Cinemateca - Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 1174 - São Francisco, Curitiba - PR

Mais informações:
Gênero: Comédia, Fantasia, Ficção Científica
Ano de produção: 2019
Duração: 71'
Classificação indicativa: 12 anos

Elenco
Paulo Cesar Peréio, Zemanuel Piñeiro, Clemente Tadeu Nascimento, Dado Marcondes, Heitor Goldflus, Laura Marcondes, Lianna Mateus, Luana Siqueira, Maurício Salles Vasconcelos, Paula Marcondes, Paulo Campos, Renata Jesion, Tano Sotelo Palacios, Thaís Pace.

Direção - Hiro Ishikawa
Formado em Imagem e Som pela UFSCar (Universidade Federal de São Carlos), Hiro Ishikawa dirigiu curta-metragens que foram exibidos e premiados em festivais importantes do Brasil, com destaque para "Em Flor" (2007), "Aeroporto" (2008), "Let's Take a Walk" (2008), "Verão" (2010) e "Assassino do Bem" (2010). Diretor do documentário televisivo "Destino Mágico" (estreou em 2014 na TVE São Carlos), também dirigiu "A Plebe é Rude", documentário que estreou no Dia Mundial do Rock em 2016, no Canal Brasil.

Produção - Diego da Costa
Diego da Costa dirigiu e produziu todos os seus filmes: Argentino (curta-metragem, 2011), Ato I, Um Artista da Fome (curta-metragem, 2013), A Plebe é Rude (Telefilme, 2016), Os Caubóis do Apocalipse (longa-metragem, 2018), NipoBrasileiros (webserie, 2019) e Selvagem (longa-metragem, 2019)

Pietà Filmes e Produções
Produtora independente dedicada à criação de projetos para cinema, web e televisão, criada em 2011 em Paulínia/SP. A essência da Pietà reside em explorar diversas formas de se contar histórias através do cinema. Em uma sociedade carente de representatividade no meio audiovisual, busca histórias com personagens normalmente invisibilizados, fazendo cinema brasileiro para brasileiros.

Nestes 11 anos de existência, a Pietà Filmes já produziu 3 filmes de longa-metragem de ficção. "São Ateu" (finalizado), uma comédia sci-fi, non-sense, do diretor Hiro Ishikawa, se insere na tradição do Cinema de Invenção para tratar de nossa difícil convivência entre crenças diferentes. Antes dele vieram "Os Caubóis do Apocalipse" (2018) e "Selvagem" (2021), de Diego da Costa. O primeiro, feito de modo totalmente independente, foi exibido e premiado em festivais, fez carreira em circuito comercial distribuído pela própria Pietà Filmes, em parceria com a Kinorama e foi licenciado pelo Telecine e Canal Brasil. "Selvagem" (2021), além de receber dezenas de prêmios em festivais, esteve na seletiva "filme brasileiro" para a vaga de melhor filme estrangeiro no Oscar 2022, foi selecionado para o Prêmio Platino del Cine Iberoamericano, foi finalista dos Melhores Filmes do Ano do SESC e do Prêmio ABC de Cinema. O novo projeto de longa-metragem, "Sonhos em 3d" (em desenvolvimento), foi contemplado na Lei Aldir Blanc e já está com o roteiro desenvolvido e parte dos recursos para produção, aguardando complemento para ser realizado.

A Pietà Fimes produziu também as webséries "Feiqui Nius" em parceria com SESC Campo Limpo, e "NipoBrasileiros", em parceria com a Fundação Japão e a Universidade Federal do Paraná, vencedora do prêmio "Brave New Series" no Seoul Webfest (2019), um dos mais importantes festivais de webseries do mundo. Também merece destaque o documentário musical para televisão "A Plebe é Rude" (2016), uma coprodução com Doctela e Canal Brasil, dirigido por Diego da Costa e Hiro Ishikawa, e a produção da websérie "Atadas", realizada com recursos do edital PROAC 42/2017 de Tarsila Nakamura, ainda sem previsão de lançamento, além de diversos curtas e videoclipes.

Equipe – São Ateu
Roteiro, Direção e Edição: Hiro Ishikawa
Produção Executiva: Diego da Costa e Rodrigo da Costa
Produção e Assistência de direção: Diego da Costa
Direção de Fotografia: Nelson Kao
Assistência de Fotografia: Ayslam Bcl e Plínio Rozani
Som Direto, Mixagem e Trilha Sonora: Rafael Berteli Sartori
Direção de Arte: Mari Kinoshita
Figurino: Mayara Sousa
Objeto de Arte: Daniel Lima
Preparação de Atores: Renata Jesion
Efeitos Visuais: Ric Oliveira, Mateus Henrique, Lucas Pasquini

Mais informações sobre o filme nas redes sociais da Pietà Filmes:
Facebook: https://www.facebook.com/pietafilmes/
Youtube: https://www.youtube.com/c/pietafilmes
Instagram: @pietafilmes

Sesc Paço da Liberdade abre inscrições para oficina de cinema “Como Escrever um Curta”

Sistema Fecomércio Sesc Senac PR

Entre os dias 3 e 7 de outubro o Sesc Paço da Liberdade promoverá oficina em audiovisual Como Escrever um Curta, com a escritora, diretora e roteirista Ana Johann.

Com carga horária total de 15h, a oficina abordará as etapas de um processo de roteirização por um percurso crítico e criativo. Os participantes serão orientados a transformar uma ideia em roteiro, o processo e as diferenças entre um projeto de curta-metragem, longa-metragem e série de TV. Nos encontros também serão abordados aspectos do mercado de trabalho da profissão de roteirista, bem como da experiência prática de profissionais da área ao escrever roteiros.

A cineasta Ana Johann é escritora-roteirista, diretora e consultora de roteiros, com ênfase nos gêneros: drama, thriller psicológico, ficção científica, comédia dramática e documentário. Recebeu, na 24ª Mostra de Tiradentes (2021), o prêmio Helena Ignez como destaque feminino pelo seu primeiro longa-metragem de ficção “A mesma parte de um homem”. Ganhou também o prêmio de melhor filme internacional no RIFF Roma.

As inscrições são limitadas.

Serviço:

Oficina em cinema Como Escrever um Curta

Período: De 3 a 7 de outubro – 18h30 às 21h30

Local: Sesc Paço da Liberdade – Praça Generoso Marques, 189 – Centro – Curitiba

Investimento: Trabalhadores do comércio e/ou dependentes (com cartão cliente Sesc) – R$ 67,50 | Público em geral: R$ 135,00

Mais informações podem ser obtidas no SAC do Sesc Paço da Liberdade | Telefone (41) 3234-4200 ou pelo e-mail: sac.pacodaliberdade@sescpr.com.br.

Curso com emissão de certificado.

“Ennio, o Maestro”, de Giuseppe Tornatore,estreia dia 29 de setembro nas salas do Brasil

O longa de Giuseppe Tornatore chega às cidades de Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Londrina, Goiânia, Santos, São Paulo, Rio de Janeiro,
Belo Horizonte, Brasília, Vitória, Salvador, Recife, Curitiba,
Porto Alegre, Maceió, Aracaju, Palmas, Niterói e Ribeirão Preto

Documentário homenageia o mestre Ennio Morricone, que ao longo de sua carreira compôs mais de 500 trilhas sonoras para o cinema e TV e teve seis indicações e dois prêmios Oscars (um honorário pela carreira em 2007 e outro pela trilha sonora de "Os Oito Odiados", de Quentin Tarantino, em 2016).

Pedidos de screeners e visionamento online, contatar a assessoria de imprensa

PRESSKIT: https://bit.ly/PRESSKIT_ENNIO
TRAILER: https://youtu.be/D0qe3pu-Tks

"Ennio, o Maestro", documentário se Giuseppe Tornatore (de "Cinema Paradiso" e "Malena") sobre a vida e obra do grande maestro Ennio Moricone, estreia nas salas do Brasil no dia 29 de setembro. O filme, que teve grande sucesso na última edição de 8 ½ Festa do Cinema Italiano, chega a 15 cidades do país: Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Londrina, Goiânia, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Brasília, Porto Alegre, Vitória, Salvador, Recife, Maceió, Aracaju, Palmas, Niterói, Ribeirão Preto, Santos, entre outras.

Em "Ennio, o Maestro", Tornatore, grande parceiro do maestro e compositor, reconta a história de Ennio desde a infância até a vida adulta, passando pelos anos de conservatório e, claro, por seus grandes filmes e prêmios, sem esquecer do Oscar: seis indicações e dois prêmios (Um honorário pela carreira em 2007 e outro pela trilha sonora de "Os Oito Odiados", de Quentin Tarantino, em 2016). Mais que uma aula de cinema, é também uma aula de música, uma lição sobre a genialidade de Morricone, que criava para o cinema como quem desenhava a música em sua mente antes de escrevê-la ou gravá-la.

"Papai pode ser considerado um compositor versátil, que em mais de meio século, escreveu tanto música "absoluta" (ou seja, concebida como um ato criativo livre e não condicionado) quanto música "aplicada" (ou seja, a serviço de outra arte: cinema, teatro, televisão)", comenta Marco Moricone, filho do Maestro.

Um dos maiores nomes não só da música para o cinema, mas da música contemporânea, Ennio Morricone compôs mais de 500 trilhas sonoras para o cinema e TV. Ousado, sempre fugiu do convencional e sempre propôs partituras e músicas que não fossem óbvias. Como resultado, ajudou a criar obras-primas do cinema como "Três Homens em Conflito", "A Missão", "Era Uma Vez na América", "Os Intocáveis", "Cinema Paradiso", "A Balada de Sacco e Vanzetti", entre outros.

"Ainda hoje é um clichê bastante difundido considerar os dois lados de sua atividade como compositor como separados: por um lado, a grande produção de música "absoluta", que pertence ao universo das neovanguardas e experiências como a no Grupo de Improvisação Nuova Consonanza (onde ingressou em 1965), que sempre manteve uma forte tensão e caráter modernista; por outro lado, o trabalho ainda mais extenso no campo da música "aplicada", marcado por colaborações com os mais importantes diretores italianos e internacionais, de Bernardo Bertolucci e Pier Paolo Pasolini aos irmãos Paolo e Vittorio Taviani, de Brian De Palma a Quentin Tarantino, de Roman Polanski a Pedro Almodóvar e, em particular, das parcerias com Sergio Leone, Gillo Pontecorvo e Giuseppe Tornatore", analisa Marco.

Exibido também no 78º Festival de Veneza, "Ennio, o Maestro" revela o compositor e maestro por meio de uma longa entrevista conduzida por Tornatore, além de depoimentos de realizadores e músicos, incluindo alguns muito conhecidos do grande público como Bernardo Bertolucci, Marco Bellocchio, Dario Argento, Quentin Tarantino, Wong Kar Wai (um dos produtores e distribuidor do filme), Bruce Springsteen, Joan Baez, Lina Wertmüller, John Williams e Hans Zimmer.

A esta longa lista de admiradores e colaboradores, juntam-se fragmentos da vida privada de Morricone, e além de todas as particularidades envolvendo a genialidade criativa do maestro, Marco divide mais uma surpreendente, relacionada a vida em família:

"Na minha casa a gente podia fazer de tudo, a bagunça que fosse. A única coisa que não era permitida era ouvir música, nem mesmo as músicas que meu próprio pai compunha, para não influenciar os outros trabalhos dele. Então eu fui um adolescente que cresceu enquanto os Beatles estavam explodindo e eu só podia ouvir fora de casa. Na época a gente achava que isso não era legal, mas com o tempo a gente foi compreendendo. Meu pai sempre foi muito rigoroso, mas ao mesmo tempo muito carinhoso, e me ensinou muito sobre ética e sobre o respeito ao trabalho sério, duro e constante que ele sempre fez a vida toda", relembra o filho do maestro.

O documentário conta também com gravações dos espectáculos, excertos dos filmes e imagens inéditas dos arquivos pessoais. Embora seja impossível definir o grande gênio superlativo e revolucionário de Ennio Morricone em duas horas e meia, este belo tributo ao “Il Maestro" consegue revelar parte do mistério por trás de sua extraordinária criatividade.

O filme será distribuído pela Risi Film Brasil, com o apoio da Bonfilm e da 8 ½ Festa do Cinema Italiano.
**

SINOPSE

ENNIO, O MAESTRO, de Giuseppe Tornatore
(Ennio) - Itália, 2021, 150', Documentário, Legendas Português, M/12

O documentário segue a carreira do lendário compositor Ennio Morricone, duas vezes vencedor do Oscar e autor de mais de 500 trilhas sonoras. Com entrevistas e depoimentos de artistas e diretores como Quentin Tarantino, Quincy Jones, Bruce Springsteen, John Williams e Clint Eastwood, o longa traz fatos não revelados sobre o compositor, como seu amor por xadrez, que pode ter ajudado em suas composições e seus pensamentos por trás de cada faixa.

Ennio é um retrato profundo de Ennio Morricone, o compositor de cinema mais popular e prolífico do século 20, o mais amado pelo público internacional, duas vezes vencedor do Oscar e autor de mais de quinhentas partituras inesquecíveis.

O documentário, exibido no 78º Festival de Veneza, apresenta-nos o compositor e maestro por meio de uma longa entrevista conduzida por Tornatore e de depoimentos de realizadores e músicos, incluindo alguns bem conhecidos do grande público como Bernardo Bertolucci, Marco Bellocchio, Dario Argento, Quentin Tarantino, Wong Kar Wai (um dos produtores e distribuidor do filme), Bruce Springsteen, John Williams e Hans Zimmer. A esta longa lista de admiradores e colaboradores, juntam-se fragmentos da vida privada de Morricone, gravações dos espectáculos, excertos dos filmes e imagens inéditas dos arquivos pessoais. Embora seja impossível retratar o gênio superlativo e revolucionário de Ennio Morricone em duas horas e meia, este belo tributo ao “Il Maestro" consegue revelar parte do mistério por trás da sua extraordinária criatividade.

Distribuição Brasileira: Risi Film Brasil

CINEMAS:

Aracaju
Cinema Vitória

Belo Horizonte
UNA Cine Belas Artes
Cineart Ponteio
Cinemark Pátio Savassi
Centro Cultural Minas Tênis Unimed - BH

Brasília
Espaço Itaú de Cinema Brasília Casa Park
Cine Cultura Liberty Mall

Curitiba
Cineplex Batel
Cine Passeio

Florianópolis
Paradigma Cine Arte
Cineshow Beiramar
Cinemulti

Maceió
Centro Cultural Arte Pajuçara

Niterói
Cine Arte UFF

Palmas
Cine Cultura Palmas

Porto Alegre
Espaço de Cinema Bourbon Country

Recife
Moviemax Rosa e Silva
Fundação Joaquim Nabuco - Cinema do Museu
Fundação Joaquim Nabuco - Cinema do Derby

Ribeirão Preto
Cinépolis Santa Úrsula

Rio de Janeiro
Espaço Itaú de Cinema Rio de Janeiro
Estação NET Rio
Estação NET Gávea
Cine Santa
Cinemark Downtown
Instituto Moreira Salles
Kinoplex Leblon
Kinoplex São Luiz

Salvador
Cine Metha Glauber Rocha
Saladearte - Cinema do Museu
Saladearte - MAM
Saladearte - Cine Paseo

São Paulo
Cinesala
Espaço Itaú de Cinema Augusta
Espaço Itaú de Cinema Frei Caneca
Espaço Itaú de Cinema Pompéia
Cinemark Iguatemi SP
Instituto Moreira Salles
Cine Marquise
Petra Belas Artes
Kinoplex Itaim

Vitória
Cine Jardins

Palladium Curitiba convida público para o

Essa é uma das atrações em novo espaço para troca de figurinhas inaugurado pelo shopping e que promete ser ponto de muito interação entre os colecionadores do álbum da Copa do Mundo 2022

Curitiba e Região ganham mais um grande ponto de troca de figurinhas do álbum da Copa do Mundo 2022 que já é febre em todo o país. O espaço fica dentro do Palladium Curitiba, o mais movimentado da Capital. O Shopping disponibilizou uma área de 220 metros quadrados que vai receber os colecionadores de álbuns e famílias que entraram na brincadeira, em um clima descontraído e com atividades paralelas.

Uma das brincadeiras queridinhas dos amantes do futebol, o ‘Chute ao Gol’ compõe este novo espaço. Clientes que participarem do desafio e fizerem o gol, em ao menos uma das três tentativas permitidas nas regras, ganham um par de ingressos para o Imax, o qual pode ser usado em qualquer sessão até o fim de 2022.

Para receber o público apaixonado por futebol, o Palladium equipou o local com mesas e pufes, grama artificial e fez uma decoração aérea totalmente ligada ao clima esportivo, onde as famílias podem sentir-se a vontade e interagir com as pessoas na busca daquela figurinha tanto desejada para completar o álbum. O quiosque da Panini que dispõe de álbuns e de envelopes também foi deslocado para este local que fica no piso L1.

“Ano de Copa do Mundo sempre é um período de muita alegria. A paixão do brasileiro pelo futebol fica ainda mais evidente e as pessoas têm essa necessidade de interagir e conversar com outras pessoas sobre seus ídolos e de outros temas relacionados ao Mundial. Por isso, montamos este espaço que agora se consolida como mais uma alternativa para as famílias curitibanas que querem viver esse momento”, diz Cida Oliveira, gerente de marketing do Palladium Curitiba.

Serviço

Evento gratuito - espaço troca de figurinhas
Desafio Chute ao Gol - R$ 10,00 para 3 tentativas de acertar ao alvo. Acertando ganha um par de ingressos IMAX.

Mostra apresenta o cinema poético e polêmico de Pasolini

No ano do centenário do diretor italiano, Mia Cara 2022 exibe sete obras fundamentais de sua filmografia

Um século após o nascimento do cineasta, poeta e escritor italiano Pier Paolo Pasolini (1922-1975) o Mia Cara 2022 exibe sete obras fundamentais de sua filmografia entre os dias 09 e 14 de setembro no Cine Passeio, em Curitiba.

A mostra Pasolini + 100 traça um panorama dos filmes icônicos da carreira do artista que segue incomodando e encantando quase 50 após sua morte.

Escolhidos pelo curador Marden Machado, os títulos da mostra vão de seu filme de estreia Accattone – Desajuste social, de 1961, ao último trabalho, Salò ou Os 120 Dias de Sodoma, de 1975, um dos mais controversos filmes da história que retrata as extremas violências física, mental e sexual de adolescentes por autoridades fascistas. Finalizado poucos dias antes do assassinato do cineasta, Salò foi proibido durante décadas em muitos países, inclusive no Brasil.

Completam a mostra os filmes Mamma Roma, Teorema, Medeia e os premiados O Evangelho Segundo São Mateus e Decameron.
Todos as sessões têm entrada franca e serão exibidas no Estúdio Valêncio Xavier, no Cine Passeio, com capacidade para 30 pessoas.

Os ingressos podem ser retirados na bilheteria 60 minutos antes da exibição presencial. As sessões também estarão disponíveis de forma virtual no site: https://www.cinepasseio.org/

Biografia
Pier Paolo Pasolini nasceu em Bologna, em 1922. Formou-se em literatura em 1945. Mudou-se para Roma e dez anos depois publicou seu primeiro romance, 'Meninos da Vida', que lhe valeu um processo do governo italiano por obscenidade.

Em 1961, a estreia de seu primeiro filme, Accattone foi alvo de protestos violentos de grupos conservadores, um tipo de agressão que o acompanharia ao longo da vida. Dirigiu outros 11 longas de ficção. Foi assassinado na Praia de Ostia (Roma), em 1975, em circunstâncias nunca bem esclarecidas.

Cinema-Poesia
Pasolini foi um artista completo e complexo. Um exemplo intelectual politicamente militante. Seu cinema é conhecido pela narrativa poética, também chamada de “cinema-poesia”. Pasolini preferia trabalhar com atores amadores e pessoas do povo e demonstrou uma versatilidade cultural incomum que serviu para transformá-lo numa figura controversa. Cristão, marxista e homossexual, é autor de obra cinematográfica e literária que ainda atraem muito engajamento artístico e acadêmico.

Dez anos de Mia Cara

Com o tema “Salute a Tutti” (saúde para todos), a décima edição do Mia Cara 2022 retorna com eventos presenciais, de 02 a 11 de setembro, nas cidades de Curitiba e Colombo (PR). Durante dez dias, o festival oferece uma rica programação cultural com festivais de cinema, teatro, danças folclóricas, apresentações musicais, exposições, ações de gastronomia, esportes e a iluminação de pontos turísticos. A programação completa está no site https://miacara.com.br/

Realização, apoios e patrocínios

Com patrocínio da Havan, Santa Maria, Helisul Aviação, Celepar e Sanepar. A realização do evento é feita pelo Consulado Geral da Itália em Curitiba, pela ONG Unicultura e pela Trento Edições, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura com apoio da ENIT, ITALOCAM – Câmara Ítalo Brasileira de Comércio e Indústria do Paraná, Sociedade Garibaldi, Sistema SESC Fecomércio Paço da Liberdade, Museu Oscar Niemeyer, Solar do Rosário, Comites Paraná e Santa Catarina, UFPR, Shopping Itália, Centro Cultural Dante Alighieri Curitiba, BRDE, Editora LT, Hospital Angelina Caron, Festval, Prefeitura Municipal de Curitiba, Fundação Cultural de Curitiba, Instituto Curitiba de Arte e Cultura - Icac e Cine Passeio.

PROGRAMAÇÃO

Mostra Pasolini + 100
Mia Cara 2002

Sexta (09/09)
19h: Accattone – Desajuste social (Accattone, 1961, 120 min. Classificação 16 anos).

Sábado (10/09)
16h30:– Debate sobre a obra cinematográfica do Pasolini com o crítico de cinema Paulo Camargo e o curador do Cine Passeio Marden Machado.
19h: Salò ou Os 120 Dias de Sodoma (Salò o Le 120 Giornate di Sodoma,1975, 116 min, 18 anos)

Domingo (11/09)
17h: Mamma Roma (Mamma Roma, 1962, 106 min, Classificação 14 anos)
19h: O Evangelho Segundo São Mateus (1964, 132 min. Classificação 12 anos) Vencedor do Grande Prêmio do Júri do Festival de Veneza.

Terça (13/09)
17h - Teorema (Teorema, 1968, 98 min, 18 anos)
19h - Medeia (Medea, 1969, 110 min, 16 anos).
Quarta – 14/09
19h - Decameron (Il Decameron, 1971, 112 min. Classificação 18 anos)
Vencedor do Urso de Prata no Festival de Cinema de Berlim.

Mostra de cinema “Giallo” é destaque no Mia Cara 2022

Programação reúne 13 filmes clássicos do cultuado movimento de cinema italiano das décadas de 1960 e 70

A seleção de 13 filmes icônicos da mostra “Giallo, a Cor do Suspense” é um dos destaques da programação do Mia Cara 2022 e a melhor forma de conhecer e apreciar o movimento cinematográfico italiano que lançou grandes diretores, produziu muitos filmes e influenciou o cinema mundial.

Entre os dias 1º e 8 de setembro, a mostra reúne 13 filmes de diretores como Mario Bava, Dario Argento e Umberto Lenzi, entre outros, que criaram a mitologia do subgênero de suspense e terror que só poderia ter surgido na Itália da década de 1960.

O curador Antonio Cava, explica que giallo em italiano significa amarelo e remete à cor da capa de uma série de romances policiais de grande apelo popular e publicadas em material barato com equivalente no termo de língua inglesa pulp fiction.

Quando a geração de diretores italianos cujos filmes compõem a mostra levou o gênero ao cinema, o fez incorporando um tom mais violento, carregado de suspense e erotismo.

As produções de baixo orçamento das produções tem características peculiares como a composição visual, a trilha sonora expressiva, a estetização da violência e o terror psicológico que criaram um estilo de cinema exclusivamente italiano.

“O Giallo tornou-se uma versão mais sensual, colorida e pop do filme noir”, afirma Cava. Com o passar dos anos, as produções Giallo passaram a ser cultuadas e serviram de inspiração a muitos cineastas contemporâneos fãs do gênero como Quentin Tarantino, Guillermo Del Toro, Eli Roth e James Wan.

Todos as sessões têm entrada franca e serão exibidas no Estúdio Valêncio Xavier, no Cine Passeio, com capacidade para 30 pessoas. Os ingressos podem ser retirados na bilheteria 60 minutos antes da exibição presencial. Mais informações no site https://www.cinepasseio.org/

Dez anos de Mia Cara

Com o tema “Salute a Tutti” (saúde para todos), a décima edição do Mia Cara 2022 retorna com eventos presenciais, de 02 a 11 de setembro, nas cidades de Curitiba e Colombo (PR). Durante dez dias, o festival oferece uma rica programação cultural com festivais de cinema, teatro, danças folclóricas, apresentações musicais, exposições, ações de gastronomia, esportes e a iluminação de pontos turísticos. A programação completa está no site https://miacara.com.br .

Realização, apoios e patrocínios

Com patrocínio da Havan, Santa Maria, Helisul Aviação, Celepar e Sanepar. A realização do evento é feita pelo Consulado Geral da Itália em Curitiba, pela ONG Unicultura e pela Trento Edições, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura com apoio da ENIT, ITALOCAM – Câmara Ítalo Brasileira de Comércio e Indústria do Paraná, Sociedade Garibaldi, Sistema SESC Fecomércio Paço da Liberdade, Museu Oscar Niemeyer, Solar do Rosário, Comites Paraná e Santa Catarina, UFPR, Shopping Itália, Centro Cultural Dante Alighieri Curitiba, BRDE, Editora LT, Hospital Angelina Caron, Festval, Prefeitura Municipal de Curitiba, Fundação Cultural de Curitiba, Instituto Curitiba de Arte e Cultura - Icac e Cine Passeio.

PROGRAMAÇÃO
Mostra “Giallo, a Cor do Suspense”
Quinta 01/09
17h: Sete Orquídeas Manchadas de Sangue (“Sette orchidee macchiate di sangue”, 1972, 92 min.)
De Umberto Lenzi. Com Antonio Sabato, Uschi Glas, Marina Malfatti.
Um misterioso assassino está matando jovens mulheres com violência, deixando sempre um adorno em formato de meia-lua junto aos cadáveres.

19h: O pássaro das plumas de cristal (“L'uccello Dalle Piume Di Cristallo” – 1970. 97 min.)
De Dario Argento. Com Tony Musante, Suzy Kendall e Enrico Maria Salerno.
Brilhante estreia de Argento, marco da popularização do Giallo. Escritor testemunha ação de um serial killer vestido de preto e decide investigar por conta própria até entrar na lista do assassino.

Sexta 02/09
17h: A Cauda do Escorpião (La Coda dello Scorpione, 1971, 95 min.)
De Sergio Martino. Com George Hilton, Anita Strindberg, Alberto de Mendoza.
Após a misteriosa morte de um milionário, tem início uma série de sangrentos assassinatos. Giallo clássico trilha antológica de Bruno Nicolai.

19h: Prelúdio para matar (“Profondo Rosso”, 1975, 127 min.)
De Dario Argento. Com David Hemmings, Daria Nicolodi e Clara Calamai. Um pianista inglês testemunha o brutal assassinato de uma famosa médium, mas não consegue identificar o criminoso.

Sábado 03/09
17h: Debate com o curador da mostra Antonio Cava e o convidado Fernando Brito, curador da Série Giallo da DVD Versátil.
19h30: Seis Mulheres para o Assassino (“Sei donne per l’assassino”, 1964, 89 min.)
De Mario Bava. Com Cameron Mitchell, Eva Bartok, Thomas Reiner.
Após fundar o Giallo com “A Garota que Sabia Demais”, o mestre Mario Bava realiza uma influente obra-prima que codifica as convenções do gênero.

Domingo 04/09
17h: Os Passos (Le Orme, 1975, 96 min.)
De Luigi Bazzoni. Com Florinda Bolkan, Peter McEnery, Klaus Kinski.
Atormentada por estranhos sonhos de astronautas na lua, uma mulher visita uma cidade litorânea cujos moradores afirmam já conhecê-la. Com a atriz brasileira Florinda Bolkan, fotografia do mestre Vittorio Storaro e trilha sonora de Nicola Piovani.

19h: Tenebre (“Tenebre”, 1982, 106 min.)
De Dario Argento. Com Anthony Franciosa, Christian Borromeo, Mirella D’Angelo.
Sangrento e metalinguístico, esse Giallo é uma das obras-primas de Dario Argento, o maior diretor do gênero.

Terça, 06/09
17h: Quem a viu morrer? (“Chia l’ha vista morire?”, 1972, 95 min.)
De Aldo Lado. Com George Lazenby, Anita Strindberg e Adolfo Celi.
Escultor hospeda filha de seu fracassado casamento, em Veneza, enquanto um assassino de crianças está atacando nos canais da cidade. Com trilha de Ennio Morricone, este é um dos melhores Gialli de todos os tempos.

19h - O Segredo do Bosque dos Sonhos (“Non si Sevizia um Paperino”, 1972, 98 min.)
De Lucio Fulci. Com Florinda Bolkan, Barbara Bouchet, Irene Papas e Tomas Milian.
Em um vilarejo italiano, estranhos assassinatos de crianças aterrorizam a população, levando grande número de policiais e jornalistas ao local.

Quarta, 07/09
17h – As Lágrimas de Jennifer (Perché quelle strane gocce di sangue sul corpo di Jennifer?, 1972, 96 min.)
De Giuliano Carnimeo. Com Edwige Fenech, George Hilton, Paola Quattrini.
Uma linda modelo e sua amiga mudam-se para um apartamento cuja última inquilina foi assassinada brutalmente. Eletrizante giallo estrelado pelo “casal 20” do gênero: Edwige Fenech e George Hilton.

19h - O que vocês fizeram com Solange? (“Cosa Avete Fatto a Solange?”, 1972, 102 min.)
De Massimo Dallamano. Com Fabio Testi, Cristina Galbó, Karin Baal.
Várias moças são brutalmente assassinadas em uma escola feminina. Com uma ótima trilha de Ennio Morricone e a presença marcante do astro Fabio Testi, este é um dos maiores clássicos do gênero.

Quinta 08/09
17h – O Perfume da Senhora de Preto (Il Profumo della Signora in Nero, 1974, 104 min.)
De Francesco Barilli. Com Mimsy Farmer, Maurizio Bonuglia, Mario Scaccia. Uma cientista industrial, é assombrada por estranhas alucinações relacionadas à trágica morte de sua mãe nessa é uma obra-prima do giallo e do cinema horror italiano.

19h - Premonição (“Sette Note in Nero”, 1977, 96 min.)
De Lucio Fulci. Com Jennifer O’Neill, Gabriele Ferzetti e Marc Porel.
Mulher acometida por estranhas visões encontra um esqueleto atrás da parede de sua sala. Perturbada, ela decide investigar o que aconteceu. Com ótima trilha de Fabio Frizzi.
Classificação 18 anos para todos os filmes.