+ 55 marca retorno das atividades com festa Grand Opening que inicia quinta-feira (13)

Após a reabertura do +55 em 2021, o bar promete iniciar 2022 com o pé direito e a energia lá em cima. A segunda semana do ano, vai contar com uma inusitada lista de programação que marca o retorno das atividades da casa nesse novo período. O tradicional japonês estará disponível no restaurante na quarta-feira como de costume, e a festa de abertura acontece em seguida na quinta-feira (13). O Grand Opening vai receber atrações como Jo Hauer, Jazzy Jam, Edo Krause e Berbush, que serão os responsáveis pelo som da noite e as festas vão encerrar somente no domingo com o clássico Sunday Sunset.

Os ingressos para o evento terão o custo de R$30 feminino e R$50 masculino, assim como reservas de mesas e camarotes podem ser garantidos através do WhatsApp: (41) 3322-0900.

Imagens: https://we.tl/t-B8TFGWKTWt
Serviço:
+55 Bar
Av. Vicente Machado, 866 – Batel (41) 99214-6660 www.cincocinco.com.br

Aromas e Sabores para o Ano NovoGrand Cru promove ativação compre e ganhe com vinhos sustentáveis e brinde exclusivo

Parceria entre Grand Cru e Osklen (Rótulo da foto: Matetic Corrarilo Pinot Noir)
Aquela energia especial de fim de ano, de buscar novos ares e ir em busca de novos projetos, se encaixa perfeitamente no presente que a maior importadora de vinhos finos do Brasil preparou para o último mês do ano.

Celebrando um ano de muitas parcerias e sucesso, a Grand Cru se une à Osklen para uma ativação especial de final de ano, um presente para acompanhar a entrada de 2022. Em compras acima de R$ 2.000,00, o cliente é presenteado com icônico home Spray da Osklen, o Aroma Vento, e um vinho sustentável especialmente selecionado - entre orgânicos e biodinâmicos, respeitando o meio ambiente, que leva, através do paladar e também do aroma, o frescor dos campos e das uvas.

Os rótulos selecionados pela curadoria Grand Cru para o kit são: Ermínia Perini Merlot, um vinho vegano e orgânico; o Sauvignon Blanc Matetic, Matetic Corrarilo Pinot Noir, Berne Emotion e o Fonterutolli Chianti Mazzei. Uma seleção perfeita para iniciar 2022 com a energia renovada.

O kit pode ser adquirido tanto nas lojas físicas, como pelo site. Para mais informações, acesse: www.grandcru.com.br

Sobre a Grand Cru

A Grand Cru é a maior importadora e distribuidora de vinhos premium do Brasil. Fundada em 1998, hoje possui um portfólio com mais de 1300 rótulos de todo o mundo entregue para qualquer região do país. É a única empresa do segmento com forte atuação multicanal, incluindo franquias, lojas de operação própria, live commerce, app, e-commerce, clube de assinaturas e distribuição aos melhores restaurantes, hotéis e bares, além de empórios e supermercados. São décadas de tradição sendo reconhecida como sinônimo de qualidade pela experiência única que proporciona aos apaixonados por vinhos, dos experts aos iniciantes, com selo Great Place to Work (GPTW), que reconhece a empresa como uma das melhores para se trabalhar. Site: www.grandcru.com.br

Alta | Web
Parceria entre Grand Cru e Osklen (Rótulo da foto: Matetic Corrarilo Pinot Noir) (Divulgação)
Parceria entre Grand Cru e Osklen (Rótulo da foto: Matetic Corrarilo Pinot Noir)
(Divulgação)
Alta | Web
Kit Grand Cru e Osklen com home spray 'Vento' e rótulo de vinho orgânico (Divulgação)
Kit Grand Cru e Osklen com home spray 'Vento' e rótulo de vinho orgânico
(Divulgação)

Olá, Verão! Confira três drinques refrescantes assinados por especialistas da coquetelaria

Criadas por bartenders brasileiros e internacionais, receitas são de fácil execução e refrescam em meio ao clima da nova estação
Sol, calor, praia e dias mais longos anunciam a chegada da estação queridinha pelos brasileiros. Para darmos as boas-vindas ao Verão, que se inicia nesta terça-feira (21), elencamos três drinques não alcoólicos assinados por nomes da coquetelaria brasileira e internacional, como Marquinhos Felix, do grupo DRK, Thiago Carvalho, do Lar Mar e a húngara Koroknai Klári. Com ingredientes simples, as receitas são fáceis de fazer em casa, refrescam em meio à temporada de altas temperaturas e garantem uma energia extra às confraternizações de final de ano. Confira!

Crédito: Divulgação

Gitaya - por Thiago Carvalho
-50 ml de xarope de pitaya artesanal (receita abaixo)
-30 ml suco de limão siciliano
-1 lata de Red Bull Summer Edition Pitaya
-Gelo
Modo de preparo: Antes de iniciar a preparação do drink, vale deixar o seu xarope de pitaya artesanal pronto. É simples: em uma panela, coloque 500ml de água, 500g de açúcar e 150g de pitaya in natura. Leve ao fogo e mexa até alcançar a consistência de xarope: nesse momento, seu xarope artesanal estará pronto. Após isso, em um copo alto, coloque 50ml do xarope, 30ml de suco de limão siciliano e mexa. Acrescente o Red Bull de Pitaya e adicione bastante gelo. Para finalizar, coloque uma rodela de limão siciliano fresco ou desidratado, se preferir.

Crédito: Divulgação

Fresh Summer - por Koroknai Klári
-3 unidades de morango ou 5 unidades de framboesa
-1 limão siciliano
-4 ramos de hortelã
-1 lata de Red Bull Summer Edition Pitaya
-Gelo
Modo de preparo: Em um copo largo, coloque os morangos ou framboesas (receita com ambos também pode ser feita). Esprema um pouco do limão e, na sequência, coloque as rodelas no copo. Complete com o Red Bull de Pitaya, novo sabor da linha especial e temporária Summer Edition. Para finalizar, coloque os ramos de hortelã por cima. Se preferir um sabor mais intenso, vale macerar as frutas juntamente com as ervas.

Crédito: Divulgação

Pitaya do amor - por Marquinhos Felix
-25 ml de suco de limão siciliano
-15 ml de xarope de gengibre
-50 ml de suco de cranberry
-Gelo
-1 Red Bull Summer Edition - Sabor Pitaya
Modo de preparo: Para o xarope de gengibre: bata bem no liquidificador 300g de gengibre descascado, 300g de açúcar cristal e 300ml de água filtrada. Quando estiver bem homogêneo (sem pedaços da especiaria), basta levar ao fogo, deixar ferver por cerca de 10 minutos, coar, e pronto! Em seguida, encha uma taça com gelo, adicione 15 ml de xarope de gengibre, 25 ml de suco de limão siciliano e 50 ml de suco de cranberry. Complete com Red Bull Summer Edition - Sabor Pitaya. Mexa delicadamente com uma colher. Finalize com folhas de hortelã frescas, um twist de limão siciliano e amoras.

22 chefs de Curitiba se reúnem para comemorar o reinício do setor gastronômico

Se ter um chef por perto já é bom, imagine 22 dos principais chefs da grande Curitiba juntos em um mesmo ambiente. O espetáculo dos pratos está garantido!

O setor gastronômico foi um dos mais atingidos pela pandemia. Mas depois de quase dois anos de apreensões e dificuldades, a vida do setor começa a ser retomada. E para comemorar este reinício, 22 renomados chefs da grande Curitiba vão se reunir na primeira edição do Chefs Table do Paraná. O evento vai acontecer no dia 6 de dezembro na Casa Dobis, uma plataforma gastronômica sediada no município de Teixeira Soares, a 150 quilômetros da capital.

Com a tendência do conceito “farm to table’’ se popularizando, o chef Dobis, proprietário da Casa Dobis, ofertou uma experiência Gastro Rural, que mantém a ideia da culinária rústica em uma atmosfera gastronômica diversa. Desta forma, seus 22 amigos e colegas de profissão irão se reunir em uma celebração para trocarem experiências e expectativas para o setor.

A organização do evento está sendo feita pela Gastrotiba, grupo criado pelos chefs Délio Canabrava, da Cantina do Délio, Banoffi e Bar Cana Benta; chef Rafael Kula, do Quitutto Gastropub, Quitutto Distrito, Quitutto Sanduberia e Quitutto Pizza; chef Alê Gonçalves, professor de gastronomia do Instituto Gastronômico das Américas (IGA); e chef Fernando Matsushita, do Peruano Gastronomia & Cultura.

Esta equipe planeja a comemoração de forma que os cozinheiros se sintam livres e à vontade para cozinhar sem as pressões cotidianas do negócio e clientes à espera. O principal objetivo é que cada chef prepare um prato famoso de seu restaurante, porém com o desafio instigante de utilizar parrillas (churrasqueiras no estilo uruguaiano) e o forno a céu aberto da Casa Dobis.

O evento não contará com a presença do público. Mas lives e vídeos serão postados em todo o decorrer da confraternização através do Instagram @gastrotibaguia.

Completando a lista de presença (além dos organizadores), participam os chefs:

- Mauricio Fontana, do Gordo & Magro Gastrobar e Será o Benedito Gastrobar

- Vania Krekniski e Divaldo Maciel, do Limoeiro Casa de Comidas

- Marco Henrique Schafer da Silveira, do Jardim Secreto

- Rodrigo da Silva Pinto, do Paco Cocina y Bar

- Claudinei Oliveira Ferreira

- Pietro Collere, do Massa Trattoria

- Délcio Marques Buzinaro, do Quitutto Distrito

- Junior Neves, do Instituto Eleven

- Silion de Conto

- Breno Luis Santos da Rosa, especialista em eventos

- Flávia Francine Gazola da Silva, especialista em eventos

- Anderson Laffaiete, professor de gastronomia

- Larissa Regina Guzzo e Kauê Henrique Rodrigues, da Inspirar Gourmet

- Andrews de Souza da Rosa, da Fogo de Chão Brasil

- Fabrício Paixão, do Street 444 Batel e New House Night Club

- Taylor Moresco, da TMM Eventos, especialista em buffet e eventos

De Munique para o Brasil: Spaten, uma das primeiras puro malte do mundo, traz experiência dos biergartens alemães para a Pedreira

Spaten Garten acontece a partir de 25/11 e promete muita cerveja e comida com toque alemão. Atração ainda estará em Salvador
Um verdadeiro ambiente alemão e o melhor de tudo: uma das mais tradicionais cervejas do mundo para completar a festa! Tudo isso, sem precisar sair de Curitiba. Inspirado nos biergartens – espaço comum no sul da Alemanha, uma área externa onde são servidas culinária local, cervejas e outras bebidas –, o Spaten Garten aterrissa na Pedreira Paulo Leminski, trazendo um novo estilo de curtir a cidade e consumir a cerveja em uma experiência ao ar livre. Criada em 1397, a cervejaria Spaten marca a sua chegada ao Brasil com um espaço que será aberto na quinta-feira (25/11), com o exclusivo chope da marca, além da Bastards, cervejaria curitibana convidada que vai produzir uma cerveja do estilo Munich Helles especialmente para o evento.. No cardápio, ingredientes típicos alemães e, para deixar o ambiente ainda mais agradável, estão previstas atrações musicais de rock e folk.
Com a iniciativa, Spaten, cerveja da Ambev, oferece aos curitibanos uma verdadeira viagem a Munique, uma oportunidade de novas memórias e novos encontros ao ar livre. O evento acontece na capital paranaense de 25 a 28 de novembro, com entrada a partir das 18h na quinta e sexta-feira, e das 12h no sábado e no domingo. Os ingressos já estão à venda no site da Get In Tickets.
“O desembarque de Spaten no Brasil propõe uma imersão cultural no universo cervejeiro alemão. Só quem tem uma expertise de mais de 600 anos poderia trazer um novo jeito de curtir a cidade, brindando ao melhor estilo alemão. O Spaten Garten vai rodar quatro cidades, e a ideia é promover esses encontros ao livre em muitas outras localidades brasileiras”, afirma Joice Carvalho, gerente de Marketing da marca.
Salvador também receberá o Spaten Garten
Spaten chega ao Brasil mostrando que expertise, qualidade e sabor andam juntos para se manter sempre atual e surpreendente, seja em Munique ou qualquer outro lugar do país. Até o final do ano, o Spaten Garten, que já passou por São Paulo e Porto Alegre, chegará ainda em Salvador (02 a 05/12), oferecendo uma ampla área para as pessoas vivenciarem a melhor experiência cervejeira com Spaten, acompanhadas de comidas típicas alemãs com releituras regionais e atrações musicais em meio a um jardim amplo, cercado de bastante área verde.
Spaten é um dos rótulos mais tradicionais do mundo, uma puro malte diferente de todas as conhecidas no país. Do estilo Munich Helles, é a cerveja tradicional da sangria do barril na Oktoberfest de Munique, e está disponível em garrafas de 355ml e 600ml, além da lata sleek de 350ml.

SERVIÇO
Spaten Garten Curitiba
Data: 25 a 28/11 (quinta a domingo)
Horário: Quinta e sexta das 18h às 23h, sábado das 12h às 23h e domingo das 12h às 20h
Local: Pedreira Paulo Leminski
Valor: R$ 35
*Entrada contempla uma caneca exclusiva de Spaten por pessoa.
Link compra: Get In Tickets
**O evento segue todas as recomendações sanitárias e protocolos de segurança. Só será permitida a entrada mediante a apresentação do comprovante de vacinação. Proibida a entrada para menores de 18 anos.

Conheça as melhores cervejas caseiras do Paraná

Aconteceu no último final de semana o X Concurso Paranaense de Cervejas Feitas em Casa, na sede de Gastronomia do Centro Europeu, em Curitiba. O evento é promovido pela Associação dos Cervejeiros Artesanais Paranaenses (Acerva), e nessa edição contou com o apoio do Centro Europeu.

A medalha de ouro do "Best Of Show", que define os três melhores rótulos do evento, ficou com o curitibano Jean Nascimento, que produziu a cerveja "Grand Cru 2019", no estilo Wild Specialty Beer.

"Foram anos produzindo e estudando sobre cervejas, sobre os insumos, fermentos e processo de produção com o meu parceiro Wagner Stumpf. Essa cerveja ficou maturando mais de um ano e oito meses no barril, além de aproximadamente um ano na garrafa até o concurso", afirma o vencedor.

A prata foi para Foz do Iguaçu, com o cervejeiro Plati Pedraja. Ele fez a cerveja "Arlovi Rauchbier", no estilo Rauchbier. O bronze está em Maringá, com Flávio Meneguetti, que fez a cerveja "Meu Porão", no estilo Kellerbier.

Do total dos 140 rótulos inscritos no concurso, nove vencedores vão participar da Copa Acerva Brasil. Foram classificados os ouros de cada categoria, entre elas: Lagers claras; Amber Lager, Dark Lager & Bock; Pales Ales; IPAs e Amber Ale & Brown Ale.

De acordo com o vice-presidente da Acerva e diretor de prova, Daniel Dallagassa, o nível das amostras inscritas foi surpreendente. "Eu nunca tinha visto um Best Of Show com um nível tão alto. A cerveja que ganhou é envelhecida em barril e tem uma dificuldade técnica enorme em ser feita. O cervejeiro entregou uma bebida em padrão de classe mundial. Foi excepcional", afirmou.

O presidente da associação, Lenir Filho, afirma que a expectativa de premiação das cervejas paranaenses na Copa Brasil é alta. "Os resultados expressam uma franca evolução do cervejeiro caseiro, com cervejas cada vez mais elaboradas e bem executadas".

Para Rogério Gobbi, diretor Acadêmico do Centro Europeu, "foi uma experiência única poder abrigar em nossa estrutura de gastronomia, um concurso dessa grandeza, além de contribuir com a divulgação e valorização da cerveja artesanal, considerando ainda, que há mais de 6 anos o Centro Europeu incluiu em seu portfólio, o curso de Beer Sommelier & Home Brewer, pois sempre acreditamos no crescimento e na profissionalização desse setor". Esse concurso vem coroar nossa aposta".

O resultado de cada categoria está disponível em: https://bit.ly/2YOjAYx . A 1ª Copa Brasil, vai acontecer em Brasília, entre os dias 06 e 07 de novembro.

APRENDA A PRODUZIR CERVEJAS ARTESANAIS - Os amantes de cervejas que desejam se especializar podem ingressar no Curso Beer Sommelier & Home Brewer que é oferecido nos formatos presenciais e online pelo Centro Europeu. Além de preparar o aluno para produzir sua própria cerveja, o curso ensina técnicas de degustação, análise sensorial e harmonização gastronômica com a bebida.

São ministradas aulas de insumos, produções, técnicas de harmonização e contamos também com técnicas de serviços da bebida e glassware - adequação de taças à bebida. Os alunos recebem um case com taças para degustação, livro de conteúdos, caderno de análise sensorial, abridor de cerveja, kit de análise sensorial (on off flavors) e aproximadamente 40 rótulos de cervejas das principais escolas cervejeiras mundiais, para que possam acompanhar as degustações que serão conduzidas para cada aula.

Para saber mais e realizar a sua matrícula, acesse: centroeuropeu.com.br

Orgulho nacional em borbulhas premiadas

12º Concurso do Espumante Brasileiro realizado pela ABE premia 134 espumantes, sendo oito com Grande Medalha de Ouro e 126 com Ouro

Não é moda. É história reconhecida e virou rotina. O espumante brasileiro está no topo dos melhores do mundo. O 12º Concurso do Espumante Brasileiro, maior e único a avaliar 100% de rótulos nacionais, reafirma o que já é unânime no mercado: o espumante brasileiro é sinônimo de qualidade. Das 424 amostras inscritas por 93 vinícolas, 134 foram premiadas, oito delas com Grande Medalha de Ouro, ou seja, alcançaram mais de 92 pontos. As medalhas foram para espumantes de vinícolas dos estados da Bahia, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Sul e Santa Catarina, além do Distrito Federal. O evento, promovido pela Associação Brasileira de Enologia (ABE), foi realizado de 13 a 15 de outubro, em Garibaldi (RS).

“A qualidade dos nossos espumantes é inerente a nossa história de muito trabalho, estudo e tecnologia. Hoje, vendemos um conceito, uma história construída ao logo do tempo. É história engarrafada, o que nos orgulha, ainda mais com o reconhecimento técnico”, comemora o presidente da ABE, enólogo André Gasperin. Foram quase oito horas de concentração total. Os 45 degustadores convidados pela Associação, trabalharam em seis júris. Enólogos, sommeliers e jornalistas especializados tivera a missão de degustar e avaliar às cegas os 424 espumantes das 93 vinícolas de Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo, além do Distrito Federal.

Com mais vinícolas e muito mais amostras, esta foi a maior edição da história do Concurso, registrando um aumento de 13% no número de espumantes em relação a 2019. Como a maior e principal vitrine do espumante brasileiro, o Concurso promove a bebida no Brasil e no exterior. O resultado foi anunciado na noite de sexta-feira, 15 de outubro, no Trattoria Mamma Gema, no Vale dos Vinhedos.

O concurso avaliou espumantes naturais, provenientes de uvas vitis viníferas, obtidos a partir dos diferentes métodos, que estejam sendo comercializados normalmente pelas empresas nas categorias: espumantes de segunda fermentação (Charmat e Tradicional) e espumantes de primeira fermentação (Moscatéis). Foram premiados os espumantes melhores classificados por categoria, respeitando o limite de 30% dos inscritos conforme normas internacionais.

PRÊMIO DESTAQUE SABRE DE OURO
O 12º Concurso do Espumante Brasileiro seguiu o formato da edição anterior, prevendo uma distinção especial concedida a espumantes que se sobressaíram em suas categorias. O objetivo é exaltar ainda mais a produção nacional. O Sabre de Ouro foi entregue a seis espumantes, um em cada categoria. Para isso, ao final do concurso, foi realizada uma degustação de preferência entre os produtos que conquistaram Medalha de Ouro e melhores medianas, a fim de destacar a preferência dos jurados.

DESTAQUES SABRE DE OURO
Destaque Sabre de Ouro – Categoria Espumante Branco Charmat
Salton Espumante Brut – Vinícola Salton (Bento Gonçalves – RS)

Destaque Sabre de Ouro – Categoria Espumante Branco Tradicional
Cave de Pedra Espumante Brut D.O. – Vinícola Cave de Pedra (Bento Gonçalves – RS)

Destaque Sabre de Ouro – Categoria Espumante Rosé Charmat
Salton Espumante Brut Rosé – Vinícola Salton (Bento Gonçalves – RS)

Destaque Sabre de Ouro – Categoria Espumante Rosé Tradicional
Casa Valduga Espumante Premium Brut Rosé – Casa Valduga (Bento Gonçalves – RS)

Destaque Sabre de Ouro – Categoria Espumante Moscatel
Casacorba Espumante Moscatel – Vinícola Casacorba (Nova Roma do Sul – RS)

Destaque Sabre de Ouro – Categoria Espumante Nature
Don Guerino Espumante Blanc de Blanc Nature – Vinícola Don Guerino (Alto Feliz – RS)

GRANDE MEDALHA DE OURO
Aracuri Collector Espumante Blanc de Noir Sur Lie Nature 2017 - Aracuri Vinhos Finos - Aliprandini e Meyer Vinhos (Vacaria – RS)
Casa Valduga 130 Espumante Brut Rosé – Casa Valduga Vinhos Finos (Bento Gonçalves – RS)
Casa Valduga Espumante Arte Brut Rosé – Casa Valduga Vinhos Finos (Bento Gonçalves – RS)
Oremus Espumante Moscatel Rosé – Fante Indústria de Bebidas (Flores da Cunha – RS)
Varanda Espumante Brut 2019 – Indústria Vinícola São Luiz (Garibaldi – RS)
Ponto Nero Cult Espumante Brut Rosé – Ponto Nero Indústria de Bebidas (Garibaldi – RS)
Casacorba Espumante Brut Rosé – Vinhos Casacorba (Nova Roma do Sul – RS)
Salton Gerações Azir Antonio Salton Espumante Nature – Vinícola Salton (Bento Gonçalves – RS)

RESULTADO COMPLETO AQUI

O JÚRI
1. Adalberto Bortolini - Degustador
2. Alejandro Cardozo - Degustador
3. Alexandra Aranovich - Degustador
4. Andre Donatti - Degustador
5. Andreia Debon - Degustador
6. Artur Tremper Farias - Degustador
7. Bruna Cristófoli - Presidente de Júri
8. Carlos Abazúa - Degustador
9. Carlos Zanus - Degustador
10. Cedenir Fortunatti - Degustador
11. Cláudia A. Stefenon - Degustador
12. Daniel Dalla Valle - Degustador
13. Dirceu Scottá - Degustador
14. Edegar Scortegagna - Presidente de Júri
15. Emerson Haas - Degustador
16. Fábio Greghy - Degustador
17. Flavio Zílio - Degustador
18. Gilberto Pedrucci - Presidente de Júri
19. Gilberto Simonaggio - Presidente de Júri
20. Irineo Dall’Agnol - Degustador
21. João Valduga - Degustador
22. Jorge Cattani - Degustador
23. Juciane Casagrande Doro - Degustador
24. Júlio César Kunz - Degustador
25. Leandro Santini - Degustador
26. Luciana T. Marques - Degustador
27. Luiz Milani - Degustador
28. Magnos Basso - Degustador
29. Maicol Zanella - Degustador
30. Marcel Miwa - Degustador
31. Marco A. Salton - Degustador
32. Marcos Gabbardo - Presidente de Júri
33. Marcos Vian - Degustador
34. Maria Amélia Flores - Degustador
35. Nara Caviquioli - Degustador
36. Natália Cavagnoli - Degustador
37. Nelson Rotta Randon - Degustador
38. Ricardo Morari - Presidente de Júri
39. Rodrigo Ferraz - Degustador
40. Samuel Cervi - Degustador
41. Séfora Kniphoff - Degustador
42. Sérgio Chesini - Degustador
43. Silvia Mascella Rosa - Degustador
44. Vanderlei Gazzi - Degustador
45. William Vaccaro - Degustador

Fotos: Jeferson Soldi

A Espanha chegou no Festival @restaurantweekbrasil 💃🤩

A Espanha chegou no Festival @restaurantweekbrasil 💃🤩
Até dia 31/10 você conhece a culinária espanhola com um menu especial por R$69 no almoço e jantar por R$89,90.
🇪🇸 Entrada:
Salada Verde ou
Croqueta
🇪🇸 Principal:
Mignon suíno ou
Tilápia com legumes
🇪🇸 Sobremesa:
Mousse de chocolate com pranilé de Jamon e doce de leite ou
Churros de doce de leite
Cardápio delicioso e rico nos sabores da Catalunha, venha aproveitar o Festival de terça a domingo exceto aos feriados.
Faça sua reserva (41) 99915 8041
📍 Alamenda Dom Pedro II, 699 - Batel
#PacoCocinayBar #comidaespanhola

Do mar para o bar: Curitiba vai ganhar casa de peixes e frutos do mar com preparos descomplicados e preços acessíveis

O Fish*me, que será inaugurado no próximo mês de outubro, conta com a assinatura de José Araújo Netto, fundador da rede Porks – Porco & Chope e dos fenômenos Bar Quermesse e Bar do Açougueiro, e cofundador da rede Mr. Hoppy

O preparo de peixes e frutos do mar focado em atendimento descontraído, prático e com preço justo é o grande foco do Fish*me, que será inaugurado no próximo mês de outubro, em Curitiba, com o conceito “do mar para o bar”. O empreendimento é a nova empreitada do inquieto e criativo empresário José Araújo Netto, fundador da rede Porks – Porco & Chope e dos fenômenos Bar Quermesse e Bar do Açougueiro, e cofundador da rede Mr. Hoppy.

Com toda a expertise do empresário, que já lançou mais de uma centena de empreendimentos gastronômicos pelo Brasil, o Fish*me pretende se transformar na grande referência em peixes e frutos do mar na capital paranaense, chegando ao mercado com um modelo de negócios pronto para expansão. Outro grande diferencial da casa será a localização: ela vai funcionar em frente ao Parque Barigui, um dos principais pontos turísticos da cidade.

“Boa parte das opções de restaurantes focados em peixes e frutos do mar na cidade oferecem pratos complexos em ambientes mais tradicionais. Nós queremos ser um bar de peixes e frutos do mar, ideal para confraternizações entre pessoas que querem curtir bons momentos saboreando bebidas de qualidade acompanhadas por receitas exclusivas”, comenta Netto. “A ideia do Fish*me é ter um espaço descontraído que ninguém sinta que precisa se arrumar para conhecer, que possa aproveitar uma porção ou pedida mais rápida, sem perder a qualidade e mantendo preço barato. Queremos democratizar o consumo desses preparos”, complementa o empresário.

Instalado em uma casa de três andares rodeada por um deck aconchegante e cheio de vida, perfeito para os dias mais quentes do ano, o empreendimento terá capacidade para atender 120 pessoas sentadas. Além disso, ele contará com uma sacada reservada para apresentações musicais e demais demonstrações artísticas. O Fish*me, que abrirá durante todo o dia, vai aproveitar toda a versatilidade do modelo de bar para atender os mais variados perfis de cliente. “Queremos aproveitar todo o movimento do Parque Barigui durante os finais de semana e feriados, além de transformar o Fish*me em uma ótima opção gastronômica para os moradores e profissionais que trabalham na região, sempre pensando em peixes e frutos do mar preparados com muita excelência”, detalha Netto.

Cardápio

Uma das principais apostas do Fish*me será a versatilidade, descomplicando o consumo de peixes e frutos do mar frescos, fornecidos pelos principais produtores e distribuidores do mercado, na capital paranaense. Um dos grandes destaques da casa serão os preparos na parrilla, tipo de assadeira bem conhecida do churrasco argentino que valoriza o calor indireto e não defuma as peças assadas. Assim, escolhas como o Camarão Pistola com vinagrete (duas unidades a R$ 40), o Espeto misto de camarão e polvo (R$ 30) e até o Filé de atum selado com crosta de castanha e maionese de wasabi (porção de 200 gramas a R$ 45) vão ganhar muito em sabor e textura.

Outra técnica que trará boas opções ao Fish*me é o Deep Fry, no qual a comida é submersa em óleo quente, alcançando ótima crocância. Entre as pedidas individuais, o Espetinho de camarão com provolone (R$ 25) e o Cone de frutos do mar, que leva polvo, lula, peixe e camarão (R$ 35). Para dividir, o cardápio apresentará o Bolinho de siri (5 unidades a R$ 24) e o Camarão empanado com parmesão servido com sour cream (oito unidades por R$ 35).

“Quando falamos em democratizar o acesso aos frutos do mar de qualidade, englobamos também métodos de preparo que ainda não são tão difundidos no Brasil. Tenho certeza de que o nosso cardápio vai surpreender os curitibanos, propondo experiências gastronômicas até então inéditas na cidade”, comemora Netto.

Os peixes crus também vão ganhar uma atenção especial no bar. O Ceviche, típico preparo peruano de peixe cru marinado e limão, tem versões de atum (R$ 25), tilápia (R$ 22), salmão (R$ 25) ou misto (R$ 25). Outra pedida bem interessante será o Tuna tartar, que apresenta atum cortado na ponta de faca com alcaparras, mostarda dijon, azeite de oliva, sal e pimenta negra (R$ 35), numa receita bem temperada e aromática.

Fãs de ostra poderão aproveitar as versões Gratinada ou A Provençal, ambas servidas em três unidades a R$ 25 por porção. Já a Panelinha de mexilhões na manteiga terá oito unidades saindo a R$ 35. A inspiração ibérica estará presente nas sobremesas: o Churros espanhol fica a R$ 18. Há ainda a Taça de morangos com chantilly (R$ 20) e o Sorvete de pistache com calda de caramelo (R$ 20).

Bebidas

Propondo uma harmonização completa, o Fish*me trará várias opções de bebida especiais, que combinam muito bem com frutos do mar. O chope será uma ótima pedida, mas não a única. Uma carta de vinhos com mais de 50 rótulos vai compor a adega do empreendimento, com garrafas a partir de R$ 70. Já na parte de drinks, serão mais de 20 opções entre clássicos e criações originais, como o Fish*me Gin: um gin tônica com morangos e cobertura de algodão doce.

Expansão

Motivado pelo novo conceito que será apresentado ao mercado, o empresário José Araújo Netto, uma das grandes referências do Brasil em gestão gastronômica, desenvolveu o Fish*me já de olho no projeto de expansão. A casa nasce preparada para em poucos meses ter seu modelo replicado em todos os cantos do país. “Pensamos em cada detalhe do empreendimento já vislumbrando a expansão da marca. Para isso, desenvolvemos conceito e cardápio que podem ser facilmente implantados nas principais cidades brasileiras, seja com unidade próprias ou franqueadas”, completa Netto.

O Fish*me vai funcionar a partir da segunda quinzena de outubro, em frente ao Parque Barigui, na Rua General Mario Tourinho (nº 2465). A casa abrirá de terça a sexta, das 17h às 01h; aos sábados, das 11h30 às 01h; e aos domingos, das 11h30 às 23h. Para mais informações, acesse o perfil oficial do bar no Instagram (@fishmebar).

Cerveza Patagonia cria experimento social nas montanhas para reduzir níveis de estresse

Vídeo com participação da filósofa Viviane Mosé propõe uma reflexão sobre conciliar a rotina diária em meio à natureza como forma de ver o mundo sobre outras perspectivas

A ansiedade se tornou uma constante nos dias de hoje, onde milhares de pessoas vêm buscando maneiras de como combater os efeitos dessa pressão em sua rotina, especialmente amplificada durante os tempos de pandemia. Experimentar os benefícios de passar um período vivendo em regiões montanhosas como forma de combater o estresse é a proposta do “Experimento da Montanha”, idealizado pela Cerveza Patagonia, cervejaria argentina entusiasta desse movimento de reconexão com a natureza das montanhas, lançado nesta quinta-feira (23), Dia Mundial de Combate ao Estresse. Com participação da filósofa Viviane Mosé, “Experimento da Montanha” convidou três pessoas com altos níveis de ansiedade para equilibrar as tarefas diárias com períodos em contato com a montanha.
“Estamos todos exaustos”, afirma Viviane de forma categórica. “A cidade é cheia de gente, para conviver você precisa se adaptar e acaba sendo menor do que poderia ser”. O Brasil possui atualmente a maior taxa de transtorno de ansiedade do mundo, conforme estimativas da Organização Mundial da Saúde (OMS) do último ano, onde 23,9% dos brasileiros possuem algum tipo de transtorno de ansiedade e 5,8% são afetados por depressão. Em pesquisas do próprio Ministério da Saúde, que reuniram informações sobre a saúde mental dos brasileiros durante a pandemia no ano passado, foi verificada uma elevada proporção de ansiedade, atingindo 86,5% dos entrevistados. A poetisa e psicanalista reforça durante o vídeo a necessidade de descobrir novas trilhas e novos horizontes para questionarmos a própria correria, viver coisas mais imediatas e ganharmos força.
O Experimento da Montanha entrevistou 20 pessoas com elevados níveis de estresse e ansiedade e selecionou três participantes para passarem uma semana hospedados em cabanas em Cambará do Sul, região montanhosa gaúcha. Todos foram acompanhados pela psicóloga e psicanalista Lia Luz antes, durante e depois do experimento, para mapear os pontos sensíveis e motivos de irritabilidade, a fim de verificar a melhora no bem-estar. O propósito foi estimular os participantes a seguir com suas rotinas diárias em meio às montanhas, para constatar os aspectos terapêuticos proporcionados por estar nesse ambiente, sentindo o ar das alturas e apreciando a vida silvestre, em contraste com a vida nos grandes centros urbanos.
A gaúcha Roberta Abrantes, empresária de moda, sentiu um forte baque nas vendas de sua marca de roupas, e equilibrar toda a operação sozinha acabou a afastando de viver a vida fora do trabalho. Muito comunicativa, sofreu o efeito da pandemia através do estresse e isolamento. Durante a estadia nas montanhas, ela pode meditar e organizar melhor seus compromissos, ficando mais atenta ao que acontece à sua volta. Estar sozinha nesse ambiente por vontade própria fez com que Roberta sentisse que agora tornou-se uma boa companhia para si mesma, ficando mais tranquila e menos impulsiva.
Já a advogada e sanitarista Fernanda Weinzmann, que nunca gostou de ficar parada, sente na pele os efeitos da impulsividade e irritabilidade desde que começou a trabalhar em home office. Sempre preocupada em perder qualquer mensagem, costuma checar e-mails e aplicativos de conversa a todo instante. O efeito benéfico do experimento trouxe de volta noites de um sono bem dormido, que antes pareciam impossíveis. Agora ela sente a importância do contato da natureza em seu próprio bem-estar, comentando que foi sua primeira oportunidade de viver essa experiência nas montanhas. Agora ela sente que consegue deixar tudo fluir naturalmente, sem a ansiedade de depender de ninguém, equilibrando vida profissional e voluntariado.
O engenheiro eletricista Roberto Franceschini afirma que durante a pandemia apresentou uma irritabilidade aumentada e impaciência constante. Acostumado ao trabalho presencial, precisou se adequar à rotina de home office, em meio a uma mudança de residência com sua família, que também contou com o barulho de obras e reparos. O contato com a natureza e a calma das montanhas proporcionou a ele se reconectar com antigos hobbies que não praticava há anos, como escrita e desenho, além de descobrir um lado mais espontâneo, gravando vários vídeos de si mesmo durante a estadia nas montanhas para guardar na memória. Roberto afirma estar com grandes expectativas após essa transformação e com vontade de reviver a experiência em breve.
Esse experimento faz parte das diversas ações da cervejaria que tem como seu próprio local de origem as cordilheiras argentinas. “Queremos fazer um convite, neste momento em que estamos todos pressionados é importante mudarmos nossa rotina e vermos tudo de cima. Explorar a montanha é cansar o corpo e descansar a mente, isso sim é transformador”, comenta Daniel Silber, head de marketing da Cerveza Patagonia no Brasil. O “Experimento da Montanha” está disponível no canal do YouTube oficial da Cerveza Patagonia.

Serviço
O quê: “Experimento da Montanha - Cerveza Patagonia”
Quando: 23 de setembro de 2021
Onde: YouTube https://www.youtube.com/watch?v=J3mn0g3qWvE

Festival de Carne de Onça chega à quinta edição

Evento comemora 5 anos do petisco como patrimônio cultural imaterial de Curitiba

Servida na maioria dos bares e botecos curitibanos, a famosa Carne de Onça é tradição há mais de 80 anos. A receita leva carne bovina crua (não é do felino, ninguém precisa se preocupar!), servida sobre fatias de broa e coberta de cebola e cebolinha. O prato está completando cinco anos como Patrimônio Cultural Imaterial de Curitiba e para comemorar a data, a Curitiba Honesta, portal de gastronomia que realizou as pesquisas para elevar o prato a patrimônio, promove a quinta edição do Festival de Carne de Onça, de 21 de setembro a 10 de outubro. Participam 30 bares da cidade, servindo suas versões para o tradicional petisco ao valor fixo de R$ 19 a porção.
Segundo Sergio Medeiros, editor do portal Curitiba Honesta, “o objetivo do festival é principalmente ajudar o setor de gastronomia em sua retomada e cada vez mais fortalecer a carne de onça como nosso patrimônio cultural”. A Curitiba Honesta realiza anualmente vários festivais gastronômicos, entre eles também o Festival do Pão com Bolinho (também muito típico da cidade), Circuito do Sanduíche, Festival do Pêéffe e Circuito de Pizzas.
A Carne de Onça lembra três receitas internacionais muito conhecidas: o Hackepeter alemão, o Steak Tartare francês e o Quibe Cru libanês. Porém, como é servido em Curitiba, é algo próprio da cidade. A iguaria curitibana é feita da seguinte forma: uma fatia de broa preta, coberta com carne bovina moída (normalmente patinho), cebola branca cortada fininha, cebolinha verde picada, temperada com sal, pimenta do reino e regada com bom azeite de oliva extravirgem. No Festival, cada cozinheiro traz sua versão, com temperos e ingredientes que agregam sabores, mas tem tirar a essência do prato.
O 5º Festival de Carne de Onça tem o patrocínio da Gold Food Service, Roots Cerveja Artesanal e o Apoio do Instituto de Turismo de Curitiba, Curta Curitiba e Abrasel-PR.
Origem da “Carne de Onça”
A carne de onça tornou-se Patrimônio Cultural e Imaterial Curitiba em setembro de 2016. A pesquisa e encaminhamento foram feitos por Sérgio Medeiros, um entusiasta da gastronomia curitibana. Na pesquisa, Medeiros descobriu a verdadeira história da carne de onça.
Na década de 40, existia um time que foi várias vezes campeão paranaense, o Britânia. Seu diretor era o Cristiano Schimidt. Além do time, ele era dono de um bar na Marechal Deodoro, chamado Toca do Tatu – seu apelido. Para comemorar as vitórias do Britânia, o Schimidt, que não pagava bicho, fazia uma baciada de carne crua e colocava sobre fatias de broa, junto com cebola branca e cebolinha picadas, e servia para os jogadores. Um belo dia, Duia, o goleiro, reclamou: “Poxa, Schimidt, você só serve essa carne aí que nem onça come!”. Pronto! Estava criado o nome do petisco que todos os clientes da Toca do Tatu começaram a pedir e que hoje é servida nos bares da cidade.
Participantes
Confira os participantes do 5° Festival de Carne de Onça de Curitiba:
1) A Ostra Bêbada
2) Academia das Cervejas
3) Armazém Santa Ana
4) Bar do Dante
5) Barbaram
6) Baroneza
7) Bodesza
8) Brasil Craft Food
9) Burguer Bar
10) Canabenta
11) Cartolas
12) Charles Burguer
13) Dom Cervantes
14) Green Gate
15) Hamburgueria Água Verde
16) Hamburgueria das Américas
17) Jabuti
18) Jackson Assados
19) Maia Box & Oba Gastronomia
20) Mas Será o Benedito?
21) Mavy Pub – São José dos Pinhais
22) Mavy Pub Mondri – São José dos Pinhais
23) Quermesse
24) Quintal 68
25) Rancho da Joaninha (delivery)
26) Silzeus
27) The Barbecue
28) Ushuaia
29) Wit Bar
30) Zeppe Focacceria

Para conhecer todos as receitas e endereços, basta acessar o site www.curitibahonesta.com.br.
Serviço:
5° Festival de Carne de Onça de Curitiba
De 21 de setembro a 10 de outubro de 2021
#festivaldecarnedeonça
Informações: www.curitibahonesta.com.br
Instagram @curitibahonesta
Facebook: https://www.facebook.com/curitibahonesta

Vodca Grey Goose lança linha Essences no Brasil com teor alcoolico reduzido

Morango & Capim-limão e Melancia & Manjericão são os novos saboress da linha; leves e refrescantes, as novidades chegam com o objetivo de celebrar os pequenos e grandes momentos em diversas ocasiões do dia

Grey Goose anuncia o lançamento de dois novos produtos no Brasil: Grey Goose Essences Morango & Capim-Limão e Grey Goose Essences Melancia & Manjericão. A novidade é uma vodca infusionada com frutas e botânicos naturais, leve, suave, e um teor alcoolico reduzido. De acordo com IWSR, fonte de dados e análises sobre o mercado de bebidas alcoólicas, espera-se que bebidas com ABV reduzido cresçam 31% até 2024 no Brasil. Pensando nessa perspectiva, Grey Goose continua investindo em criações de novos sabores e possibilidades a partir da bebida.

Todos os ingredientes selecionados para Grey Goose Essences foram escolhidos pelo Mestre Grey Goose Cellar, François Thibault. Ele escolheu sabores vibrantes para representar perfeitamente as essências e seus sabores no momento de pico de frescor. O processo de produção começa no colhimento de frutas frescas no auge de sua maturação para suas essências e, em seguida, elas são completadas com notas aromáticas de botânicos. Estes são então misturados com vodka Grey Goose a 40% ABV e diluído para 30% ABV. Para isso, é utilizada a mesma água das essências da vodca, retirada de um poço natural de calcário, localizado na instalação de Grey Goose, na França, local onde também acontece toda a mistura, diluição e engarrafamento das bebidas.

Segundo os embaixadores de marcas do portfólio Bacardi, detentor da marca, Maíra Marquez e Marcello Gaya, as novidades são fáceis de trabalhar, combinam com o paladar dos brasileiros e mixam bem com outros ingredientes, principalmente os cítricos.

"Queremos incentivar o nosso consumidor a elevar suas pequenas comemorações em casa com Grey Goose Essences, ensinando novas formas de consumo de acordo com o estado de espiríto, tornando qualquer ocasião uma experiência deliciosa", conta Veridiana Carvalho, Head de Marketing da Bacardi Brasil.

Os novos produtos já estão disponíveis nas principais redes de varejo de São Paulo e Rio de Janeiro em parceiros no e-commerce como por exemplo o The Gin Flavors , com o valor sugerido de R$189,90.

Baixe as fotos do produto:
https://we.tl/t-nZr3pGyDvQ
https://we.tl/t-PVHXohYl2e
https://we.tl/t-sQItgJ9FcU

Sobre o grupo Bacardí:

Fundada por Don Facundo Bacardí Massó, em Santiago de Cuba no ano de 1862, a Bacardi está na sua sétima geração da família a comandar a empresa. Com presença em mais de 170 países, a companhia tem um portfólio com mais de 200 marcas e rótulos, incluindo o rum Bacardi, líder de vendas e premiações no mundo; o gin Bombay Sapphire, líder mundial em sua categoria; e a vodka Grey Goose, líder na categoria super premium.

Welcome to Sunday Sally! Mustang Sally Batel traz programação especial neste domingo

Unidade Batel do bar e restaurante Mustang Sally estará aberta exclusivamente neste domingo (5) com happy hour, Wine Bar e um acústico especial

O Neste domingo, dia 5 de setembro, a partir das 16h, a unidade Batel do bar e restaurante Mustang Sally estará aberta e com uma programação especial para quem quer curtir o primeiro pré-feriado do semestre com muita alegria, sabor e segurança. O Mustang Sally Batel preparou uma agenda com Happy Hour (das 17h às 20h), sugestões incríveis para curtir o Wine Bar e muita música ao vivo a partir das 20h com o rock acústico especial de Daniel Siwek.

No cardápio de Happy Hour, serão mais de 15 opções de drinks (incluindo diversas opções sem álcool). Do Gin Tonic a Mire Sweet Tea, das caipirinhas às saquerinhas, da sangria ao clericot e da Margarita ao Mojito, difícil mesmo é não encontrar algo que combine com a programação de domingo. Completam as opções, as sodas italianas (sem álcool) e muito chopp gelado (claro e escuro).

Cardápio renovado também no Tex-Mex
E para saborear com os amigos ou em família, claro que tem as melhores opções da culinária Tex-Mex. Com o cardápio renovado, o Mustang Sally tem pratos para todos os gostos. Para quem pretende aproveitar cedo, a partir das 17h, e curtir ao máximo o Happy Hour, a cozinha do Mustang Sally Batel traz três sugestões recém-saídas do forno:
GUINNESS Burrito - tortilla de trigo artesanal frita e recheada com steak em tiras, queijo muçarela e tradicional molho Guinness.
Dallas Steak – 500g de suculentas tiras de maminha cortadas para aperitivo, acompanhadas de batatas rústicas e molho barbecue.
Chili Fries - generosa porção de batatas fritas, carne com chili, queijo muçarela e cebolinha servidos em uma chapa quente.

Reservas podem ser feitas pelo WhatsApp 41 9759-6000 ou no 3018-8118.

Já para quem for ao shopping neste final de semana, tem Happy hour também nas unidades Mustang Sally Mueller e Mustang Sally Palladium, no horário também das 17h às 20h. Vale destacar que todas as unidades do bar e restaurante Mustang Sally estão cumprindo rigorosamente os protocolos de saúde para manter os ambientes higienizados e seguros.

Aproveite para conferir a programação musical da casa pelo @mustangsallybar. De segunda-feira a sábado, a partir das 20h, o melhor do rock de todas as décadas, realizado ao vivo no Mustang Sally Batel.

Serviço
Mustang Sally Batel
Horário funcionamento*: de segunda a sexta-feira, das 17 às 23h. Sábados, das 12 às 23h. Endereço: Rua Cel. Dulcídio, 517 (esq. com D. Pedro II) – Batel. Mais informações: (41) 3018-8118

Mustang Sally Shopping Mueller
Horário de funcionamento*: de segunda a sábado, das 12h às 22h. Endereço: Shopping Mueller Praça de alimentação (Piso G1). Avenida Cândido de Abreu, 127 - Centro Cívico. Mais informações: (41) 3077-3772.

Mustang Sally Shopping Palladium
Horário de funcionamento*: de segunda a sábado, das 12h às 22h. Endereço: Shopping Palladium Boulevard de restaurantes (Piso L3). Avenida Presidente Kennedy, 4121 – Portão. Mais informações: (41) 3212-3772.

Primeira Feira de Carreiras da Ambev acontece dia 31/08 e contará com a presença dos principais líderes da Cia.

Evento interativo vai atrair quem quer conhecer melhor os bastidores da companhia e tem interesse em oportunidades de trabalho. O CEO Brasil e vice-presidentes de diversas áreas, entre elas, RH, inovação, tecnologia, supply e vendas, estarão entre os painelistas

0=IWNyMmYxojci5SbvNmLhJnclRHQpxGblNWdsFWbhN3cl5WY2pDN2IzMzADNzIDN6cWZwpmL39GbhFjNxUDZmVzNkRWMjZ2M0IjNjVmM5cDO1czN4MmMzIjRyUiMzIjRyUiMyQzMGJTJyIDM0EzXtUTMt8VbvNmLyBXbtkmRyUiRyUSQzUycwRHdopDO
Créditos: Ambev/ Programação completa no anexo do final do texto

São Paulo, agosto de 2021 - Estão abertas as inscrições para o Ambev Conecta, primeira edição da Feira de Carreiras exclusiva da companhia, que vai reunir seus líderes em painéis interativos entre 31 de agosto e 2 de setembro. Se você tem vontade de trabalhar em uma das maiores empresas do país e tem curiosidade de conhecer os bastidores da companhia, quais são as áreas de atuação e como pensam os seus respectivos líderes, essa é a hora em que as portas estarão abertas para profissionais de todas as idades, gerações e regiões do país. Para se inscrever, é só clicar aqui.

O evento online funcionará no formato de uma feira presencial, com lobby, stands, trilhas de carreiras, painel de vagas, auditórios para os bate-papos, ambiente de despressurização envelopado com a Cerveja Corona, espaços institucionais e de encantamento, avaliação do engajamento dos participantes, e um espaço focado em aprendizado e desenvolvimento (Ambev On). Tudo isso com muita tecnologia e gamificação para tornar a experiência ainda mais interessante. Ao todo, serão três dias de evento, sendo os dois primeiros abertos ao público em geral, e o terceiro dedicado às pessoas que mais se engajarem nos dias anteriores.

"É a primeira Feira de Carreiras própria da Ambev e com conteúdos exclusivos sobre a companhia. Queremos aproximar, acolher, atrair e encantar as pessoas que sonham em fazer parte do time Ambev, além de mostrar as oportunidades que temos no radar", comenta Nathalya Crisanti, Gerente de Atração da Ambev. "Logo no processo de inscrição, teremos perguntas que vão nos ajudar a direcionar o melhor conteúdo para aquela pessoa com base em seus interesses pessoais e profissionais. Nosso objetivo é proporcionar uma experiência única e personalizada para cada um. Estamos muito animados por aqui", complementa.

Conexão de dentro para fora

O primeiro dia do Ambev Conecta será recheado de bate-papos com os principais executivos da companhia. Ao todo, serão 11 apresentações que vão abordar, entre outros temas, a evolução cultural da Ambev, o foco da empresa no consumidor, os mundos de atuação, conversas sobre rentabilidade, o futuro da Ambev, os próximos caminhos da empresa (future beverages), e a transformação digital e seu impacto nas operações.

Entre os executivos confirmados estão o Ricardo Melo, VP de People & Management, Eduardo Horai, CTO de Tecnologia, Carla Crippa, VP de Corporate Affairs, Daniel Cocenzo, VP de Vendas, Bruno Stefani, Diretor Global de Inovação, Mauricio Soufen, VP de Supply, e Eduardo Lacerda, BU Brazil President, que fará a abertura do evento.

No segundo dia, o foco estará nas trilhas de carreiras, que são Logística, Marketing, Supply, Tech, Finanças, Bebidas Não Alcóolicas e Internacional. O objetivo de cada trilha é aprofundar ainda mais cada área e aproximar os ouvintes do dia a dia de trabalho. Por fim, o último dia funcionará como um "hall de networking", voltado apenas para o público que será selecionado com base no seu engajamento e interação nos dois primeiros dias. Serão utilizadas tecnologia e gamificação para fazer essa análise. Aqui, os ouvintes terão a oportunidade de se apresentar e interagir com o time de recrutamento e hunting, além de ter a chance de apresentar um pitch e possivelmente ser direcionado para uma vaga.

"Nosso foco é realmente atrair talentos em potencial a partir de uma experiência horizontal, interativa e informal. Aqui na Ambev buscamos brilho no olho e vontade de aprender, independente de idade e formação profissional. É isso que faz a geração Ambev ser tão especial. Estamos falando de pessoas diversas, inquietas e com espírito de dono, com sede de ensinar e, principalmente, aprender", finaliza Nathalya. Os participantes ganharão diversos materiais de apoio durante o evento e poderão interagir com pessoas de todas as regiões do país pela plataforma.

Cervejas artesanais sem álcool e mais saudáveis são tendência no mercado

Escola de profissões de Curitiba oferece curso completo de especialização em Beer Sommelier e Home Brewer.
A inovação do mercado cervejeiro artesanal nacional já trouxe uma série de novos aromas e sabores à bebida e tende a chegar, também, no ramo saudável.

De acordo com Gabriel Sant’anna Vasques, sommelier e professor do Centro Europeu a cerveja é uma bebida rica em vitaminas e considerada saudável quando produzida de forma artesanal. "As bebidas artesanais tem um processo de produção sem aditivos químicos ou qualquer forma de conservante, tornando a cerveja mais natural, com água, malte, cevada e lúpulo, sem os outros ingredientes utilizados nas grandes indústrias", afirma.

Uma pesquisa realizada pela agência Mintel (2020) aponta que cerca de um terço dos adultos brasileiros que já consumiram álcool afirmam que experimentariam uma cerveja em versão menos calórica e alcoólica.

Ainda de acordo com o levantamento Mintel, os consumidores de álcool com idades entre 18 e 24 anos apresentam maior interesse em experimentar bebidas não alcoólicas do que os de outras idades.

CARBOIDRATOS: A composição da bebida com e sem álcool é parecida, sendo que no segundo caso a cerveja passa por um processo específico para a retirada do teor alcoólico.

"Durante o processo de produção da cerveja (alcoólica ou não) fazemos o cozimento dos maltes que seriam as principais fontes de carboidratos e que, em sua maior parte são desfeitos ou consumidos pelas leveduras, reduzindo de forma significativa a quantidade. A fonte existe, mas na comparação com outros elementos se torna baixa concentração", explica Gabriel.

ISOTÔNICO OU UMA CERVEJA APÓS O TREINO?

A cerveja é uma ótima fonte de vitamina B e de acordo com Gabriel auxilia a melhorar nosso desempenho. "Essas vitaminas, principalmente a B9, são responsáveis pela produção de energia no corpo. Durante o treino, se consumida com parcimônia, é uma ótima fonte de energia. O lúpulo é rico em antioxidantes e a única forma de alimentação que temos com o lúpulo é a cerveja, que nos auxilia principalmente nesse processo de regeneração de células", afirma.

As cervejas também nos hidratam. "Grandes quantidades fazem nosso corpo usar água para nos purificar e retirar o álcool do organismo. Por outro lado, a bebida sem álcool acaba sendo quase isotônica, servindo muito bem como fonte de hidratação após um treino pesado". Gabriel.

Algumas cervejarias artesanais já trabalham com as opções de cervejas sem álcool, como desenvolver uma IPA zero, por exemplo. "Esse processo é mais caro devido a levedura e a tecnologia que é utilizada. A cerveja também chega mais cara para o consumidor final.", explicou Spindola.

CURSO - Os amantes de cervejas que desejam se especializar podem ingressar no Curso Beer Sommelier - Home Brewer que é oferecido nos formatos presenciais e online pelo Centro Europeu que prepara o aluno para além de produzir sua própria cerveja, desenvolver técnicas de degustação, análise sensorial e harmonização gastronômica com a bebida.

As aulas no formato online iniciam no dia 27 de setembro, sempre às segundas e quartas. De acordo com Edinéia Biassi, Coordenadora do curso de Beer Sommelier e Sommelier, o aluno sai preparado para o mercado de trabalho. "São ministradas aulas de insumos, produções, técnicas de harmonização e contamos também com técnicas de serviços da bebida e glassware - adequação de taças à bebida. Os alunos receberão um case com taças para degustação, livro de conteúdos, caderno de análise sensorial, abridor de cerveja, kit de análise sensorial (on off flavors) e aproximadamente 40 rótulos de cervejas das principais escolas cervejeiras mundiais, para que possam acompanhar as degustações que serão conduzidas para cada aula".

Os alunos recebem a certificação da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes. Para saber mais e realizar a sua matrícula, acesse: centroeuropeu.com.br

BRASSARIA AMPOLIS LANÇA BIRITIS SEM FILTRIS

Dia dos pais inspira novo rótulo sazonal para celebrar a data

Como forma de homenagear o lendário Mussum, ícone do humor brasileiro e conhecido por ser um superpai dedicado aos seus seis filhos, a Brassaria Ampolis lança no próximo dia 2 de agosto, semana de Dia dos Pais, mais um rótulo sazonal: a Biritis sem Filtris. A cerveja será vendida em long necks de 355ml, exclusivamente no e-commerce Bom de Beer (www.bomdebeer.com.br), por R$ 11,90.

De cor âmbar, com turbidez típica de uma cerveja não filtrada, a Biritis sem filtris tem como principais características aromas de malte e notas de fermentação. Além disso, possui características do malte tipo Vienna Larger, apresentando um delicado sabor tostado e caramelizado, equilibrado com as notas de fermentação e amargor. Com teor alcóolico de 5,3% v/v e amagor de 22,0 IBU, é aconselhável degustá-la em copo Stange, em temperatura que varia de 4 a 6°C.

“Em casa meu pai chamava a cerveja de Ampola. Nos Trapalhões, ele chamava de Ampolis. E no programa, brincava: ‘Traz minha Biritis!’. A Biritis foi o primeiro rótulo da Brassaria e conseguimos perpetuar a imagem do Mussum, trazendo-o de volta à vida das pessoas. O rótulo tem um estilo mais propício a combinações gastronômicas”, explica Sandro Gomes, filho do humorista e um dos sócios da Brassaria Ampolis.

“O lançamento ocorre na semana do dia dos pais, uma forma de homenagear meu pai e todos os pais do Brasil. É uma cerveja que a família inteira vai gostar. Trouxemos uma derivação da nossa primeira cerveja, de forma sazonal, muito refrescante e com uma cremosidade sutil perceptível devido a presença de leveduras. O final seco agradável convida para o próximo gole”, diz Gomes.

Para uma perfeita harmonização, a Biritis sem filtris é indicada para acompanhar carnes e aves assadas ou grelhadas, legumes grelhados, salsichas alemãs, pizza de sabores quatro queijos ou marguerita, hamburguer grelhado e pratos condimentados. Vai bem ainda com queijos tipo Brie, Camembert, Gouda, Emmental, Provolone, Queijo Bola e Minas Meia Cura.

SOBRE A BRASSARIA AMPOLIS - Fundada em 2013 por Sandro Gomes e Diogo Mello, a cervejaria é uma homenagem ao saudoso humorista Mussum e conta com quatro rótulos fixos: Cacildis, Biritis, Ditriguis e Forévis. Desde 2017, a marca faz parte do portfólio do Grupo Petrópolis. "Brassagem" é o nome do processo para se fazer uma cerveja. “Brassaria” é uma forma, em português, de se traduzir os termos estrangeiros "Brasserie" ou "Brewery", que se referem à brassagem. Já “Ampolis” deriva da palavra “ampola”, expressão usada por Mussum para se referir às garrafas de cerveja, trazendo a linguagem característica com “is” ao final das palavras. Saiba mais sobre essas cervejas em www.brassariaampolis.com.br e @cervejacacildis

SOBRE O BOM DE BEER - Criado em 2016 como um blog cervejeiro para entusiastas e consumidores, com conteúdo sobre harmonização, estilos e história da cerveja, o espaço cresceu e em 2019 passou a investir na venda online de marcas consagradas do Grupo Petrópolis, como Cacildis, Petra, Weltenburger, Black Princess e TNT, além de acessórios personalizados. Hoje o portal também é uma vitrine para o setor com marcas regionais, a exemplo da Lund, de Ribeirão Preto, Imperatriz, de Sorocaba, e Farm, de Indaiatuba. Com abrangência de atendimento nacional, em 2020 o Bom de Beer passou a vender seus produtos também em grandes marketplaces, como Magalu, Amazon, Carrefour e Via Varejo.

www.bomdebeer.com.br @bomdebeer