Obras de arte serão leiloadas para ajudar pessoas em tratamento contra o câncer

Os recursos serão destinados aos pacientes oncológicos em situação de vulnerabilidade social
No próximo dia 26 de outubro (terça-feira) ocorrerá um leilão beneficente de obras de arte para gerar recursos em prol de pacientes oncológicos em situação de vulnerabilidade social. Não há lance mínimo e todas as pessoas podem participar. Metade da renda obtida por meio da iniciativa será destinada à ONG Anjos Sem Asas, dedicada exclusivamente para a oncologia. No total serão oito pinturas que retratam o céu de Curitiba. As obras são inéditas de autoria da artista plástica Raquel de Andrade. O leilão começa às 18h e ocorrerá por meio da plataforma www.kronbergleiloes.com.br.

“Há muitas pessoas sem condições para arcar com despesas básicas e inerentes ao tratamento do câncer. Algumas delas vêm de cidades do interior, outras são estrangeiras, refugiadas, que já lidam com diversas dificuldades pregressas à própria doença”, revela Liz Tratz, fundadora da instituição Anjos Sem Asas, beneficiada pelo leilão.

Diante desta realidade, a jornalista e artista plástica Raquel de Andrade criou a exposição “Céus de Curitiba”, como um vislumbre de novos dias, horizontes e fé na cura, para passar adiante sua visão sobre Curitiba e uma mensagem de esperança para os que lidam com o desafio de superar o câncer. “Sou carioca, muito ligada à natureza, o que sempre me levou a contemplar o céu de Curitiba, elemento que considero um dos mais bonitos e fascinantes da capital paranaense. Suas cores, nuances, texturas e formas me inspiraram a criar oito obras, por meio das quais resumo a fé em dias melhores, enquanto também desejo contribuir com a causa oncológica”, comenta.

Andrade diz ainda que escolheu a instituição Anjos Sem Asas porque, além da causa ser séria, considera a aplicação de todos os recursos muito transparente. “Percebi que a instituição é extremamente idônea, o que se somou à sensibilidade quanto a esta causa humanitária, para que a Anjos sem Asas fosse contemplada”, explica.

“Céus de Curitiba” reúne acrílicas sobre tela, em diferentes formatos e dimensões e estará disponível no dia 26, às 18h, por meio da plataforma de leilões www.kronbergleiloes.com.br.

Serviço
Leilão beneficente em prol de pacientes com câncer
Data: 26/10, às 18h
Onde: Na plataforma de leilões www.kronbergleiloes.com.br

Pacientes pós-covid precisam ficar atentos aos sintomas que exigem continuidade no tratamento

Síndrome pós-Covid: Pilar Hospital alerta para a importância de buscar tratamento

Curitiba, outubro de 2021 – Redução da força e resistência muscular, disfunção respiratória e comprometimento da mobilidade são alguns exemplos de sequelas que podem ocorrer em pacientes que foram contaminados pela covid-19. E a recuperação, muitas vezes, passa por um processo delicado e que exige uma série de cuidados especiais. Segundo o pneumologista do Pilar Hospital, Dr. Daniel Bruno Takizawa, os principais sintomas da chamada “síndrome pós-Covid” são: fadiga, falta de ar, tosse, dor torácica, dor nas articulações, dificuldade para se concentrar e dor de cabeça
“Estes sinais podem acometer tanto pacientes que tiveram casos leves, que não necessitam de internação, quanto casos graves. Caso esses sintomas persistam após a fase aguda, é melhor procurar um médico especialista para realizar exames complementares, como tomografia de tórax ou outros mais específicos”, explica.
O especialista explica que é difícil estimar uma porcentagem de pacientes que passam por essas complicações, pois os estudos mostram grandes variações. “Sabemos que quanto mais grave for a Covid, maior a chance de o paciente ter a síndrome. O problema pode acometer pacientes todas as idades, sendo mais comum em idosos”, relata.
A coordenadora de fisioterapia do Pilar, Emmanuelle Monteiro Groszewicz, afirma que há uma tendência de pacientes que se recuperaram em desenvolver fibrose nos pulmões, ou seja, doença que causa lesão e cicatrização do tecido pulmonar, o que dificulta a respiração e afeta a qualidade de vida, podendo levar à óbito. Ela explica que essa é uma doença crônica com alta taxa de mortalidade, que causa uma destruição difusa, progressiva e irreversível do pulmão, causada por uma cicatrização que leva à perda da função pulmonar, pois impede a troca gasosa. Essa cicatriz, por fim, é oriunda de um processo inflamatório grave e acomete cerca de 2% dos pacientes que tiveram covid-19. “O tratamento é realizado através de medicação e exercícios para melhorar a capacidade pulmonar e ainda retardar a evolução da doença. A reabilitação é feita para aliviar os sintomas, melhorar a qualidade de vida e consequentemente a oxigenação pulmonar”, diz a fisioterapeuta. A profissional conta que o transplante de pulmão é a única solução de cura. Os sintomas são dispneia (falta de ar), tosse seca, cansaço e perda de peso sem causa aparente.
A procura pelo profissional fisioterapeuta, segundo a Emmanuelle, deve ocorrer a partir do momento em que o paciente não consegue mais realizar algumas atividades que fazia anteriormente sem dificuldades, ou ainda quando sente algum cansaço para realizá-la. Até mesmo coisas simples, como subir um lance de escada ou andar uma quadra.
Centro de Cuidados pós-covid
Para prestar uma assistência ainda mais completa ao paciente e auxiliar no processo de recuperação, o Pilar Hospital inaugurou o seu Centro de Cuidados Pós-Covid, localizado ao lado da Instituição (na Rua Emílio de Menezes, 811 - 3º andar). O local tem como objetivo disponibilizar um serviço de saúde para a readequação físico-funcional e a reintegração dos pacientes por meio da reabilitação pulmonar. O espaço é exclusivo a esse público e conta com diferentes especialidades e serviços. Os que tiveram diagnóstico confirmado de Covid-19 deverão ligar para a Central de Atendimento (41 3072-7272) e solicitar o ambulatório de Cuidados Pós-Covid para agendamento da consulta inicial. O atendimento pode ser realizado em caráter particular ou via convênio.

Com 600 atletas, Volta CWB 10K marca retomada de corridas de rua em Curitiba neste domingo

Corrida com 5 km e 10 km tem largada em frente ao Shopping Mueller e percurso pelo Centro Cívico da capital paranaense - Crédito das fotos: Sportion/Divulgação
Curitiba, 20 de outubro de 2021 - A Volta CBW 10K, neste domingo (24), marca a retomada das corridas de rua em Curitiba. A partir das 7 horas, em ondas, 600 atletas largam em frente ao Shopping Muller para os percursos de 5 e 10 quilômetros pelo Centro Cívico da capital paranaense. Será o primeiro evento esportivo do segmento após o arrefecimento da pandemia de Covid-19 e, ainda, servirá para balizar os próximos na cidade.

A Volta CWB 10K segue uma série de protocolos estabelecidos pelos órgãos de saúde e também as orientações da Associação Brasileira dos Organizadores de Corrida de Rua e Eventos Outdoor (ABRACEO), que criou os documentos para a retomada de corridas de rua em todo o país. Os atletas precisam usar máscaras nas áreas comuns do evento, na largada e chegada. Somente durante o percurso poderão correr sem máscara facial. Além disso, haverá recipientes com álcool gel e marcações para evitar aglomerações.

“Estamos contentes com a retomada das corridas presenciais em Curitiba, e também muito cientes da responsabilidade que temos para que tudo transcorra de forma segura para todos. Quem vive o esporte, seja da forma que for, está ansioso com a volta depois de tanto tempo. Começou com algumas modalidades, alguns segmentos, e agora chegou a vez das corridas de rua”, celebra Marcos Pinheiro, sócio da Sportion, idealizadora do evento, e vice-presidente da ABRACEO.

Retirada de kits
Os cuidados começam já na entrega dos kits, na sexta-feira (22) e sábado (23), das 10h às 22h, horário de funcionamento do Shopping Muller, local da retirada. Os atletas precisam apresentar a carteira de vacinação com pelo menos uma dose de qualquer vacina contra a Covid-19. Além disso, devem levar 2 quilos de alimentos não perecíveis, que serão doados para a Associação de Moradores do Bairro São João, que ampara famílias vulneráveis da região.

Percurso pelo Centro Cívico
O percurso das duas distâncias, 5 e 10 quilômetros, será todo no Centro Cívico. Em frente ao Shopping Muller, na Avenida Cândido de Abreu, as largadas serão em ondas, para evitar aglomerações, a partir das 7h. Os atletas do 5 km têm um bom trecho na Avenida Mateus Leme, passam ao lado do Bosque Papa João Paulo II e voltam à Avenida Cândido de Abreu, alternando com outras ruas. Ainda passam em frente à Prefeitura de Curitiba, antes de retornarem ao Shopping Muller para cruzar a linha de chegada.

Já no trajeto dos 10 km, após o contorno do Bosque Papa João Paulo II, os corredores voltam para a Avenida Mateus Leme até passarem pelas ruas José Komamm, Cap. Manoel Pacheco da Costa, quando tomam a direção de retorno ao Shopping Muller. Ainda passam cruzam diferentes ruas e avenidas Centro Cívico antes de cruzarem a linha de chegada em solo curitibano, após mais de um ano e meio sem corridas de rua na cidade.

Sobre o evento
O desejo pela retomada das corridas de rua em Curitiba, com segurança, mobilizou atletas. As 600 inscrições disponíveis para a Volta CWB 10k foram esgotadas em um intervalo de apenas 30 horas desde a abertura. Uma surpresa para a idealizadora do evento, a Sportion, que previa que acabassem em pouco tempo, mas não tão rapidamente. O evento esportivo deste domingo é o quarto da retomada de corridas presenciais no Brasil.

A Volta CWB 10K é uma realização da Sportion, com apoio da Nosso Time Eventos Esportivos, Glpromo Eventos Esportivos, Global Vita Sports, Thomé e Santos e Kenya Sports. A corrida conta com a supervisão da ABRACEO, apresentação do Shopping Mueller, patrocínio da Foxlux/Famastil, além do apoio da Unimed Curitiba, Jasmine, Voit, Best For You, Laura, Airtrak, Live, Phosfato, AmendoBirl e Fotop.

Jantar do Bem celebra 102 anos do Hospital Pequeno Príncipe

Os pratos serão entregues no sistema delivery para serem degustados em casa com todo conforto e segurança

Foto: Camila Hampf Mendes/Hospital Pequeno Príncipe

Curitiba, 15 de outubro de 2021 – Nos dias 19, 20, 21, 26, 27 e 28 de outubro o Pequeno Príncipe realiza a 2º edição do Jantar do Bem em comemoração aos 102 anos do maior hospital exclusivamente pediátrico do país. A iniciativa é uma das fontes de arrecadação para as atividades de assistência e pesquisa da instituição e reunirá sabor, solidariedade e união em prol da causa saúde infantojuvenil.

O menu que serve duas pessoas, criado pelo Buffet Nuvem de Coco, pode ser adquirido por WhatsApp ou e-mail no valor de R$340 e será entregue no sistema delivery, na data escolhida, para que seja degustado no conforto e segurança de casa. “Ações como essa e contar com o apoio da sociedade fazem possível o nosso dia a dia acontecer em prol das crianças. Nos permitem ousar, sonhar e fazer mais por nossos pacientes ”, explica a diretora executiva do Hospital Pequeno Príncipe, Ety Cristina Forte Carneiro.

Confira o menu preparado para essa celebração

– Entrada: burrata com miniverdes ao molho de limão siciliano

– Prato principal: mignon na manteiga Paris com bolacha de gnocchi à romana com molho de queijos

– Sobremesa: ravióli de chocolate com calda de chocolate branco

Valor: R$ 340, com frete incluso.

Data: As entregas ocorrerão nos dias 19, 20, 21, 26, 27 ou 28 de outubro, das 19h30 às 21h conforme a ordem de compra.

Para adquirir o menu: WhatsApp número (41) 98885-7018 ou e-mail para sarah.santos@hpp.org.br.

Sobre o Pequeno Príncipe
O Hospital Pequeno Príncipe é uma instituição filantrópica, sem fins lucrativos, que desde 1919 se dedica à causa da saúde infantojuvenil. Possibilita desde consultas até tratamentos complexos, como transplantes de rim, fígado, coração, ossos e medula óssea. Oferece atendimento em 32 especialidades, com equipes multiprofissionais especializadas. Com 384 leitos, sendo 68 em UTIs, destina cerca de 70% da sua capacidade de atendimento a pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).
Junto com a Faculdades Pequeno Príncipe e o Instituto de Pesquisa Pelé Pequeno Príncipe, forma o Complexo Pequeno Príncipe e mantém-se como um centro de referência no qual se pratica, ensina e pesquisa, com excelência técnico-científica, o que há de mais moderno para o diagnóstico e o tratamento de crianças e adolescentes de todo o país.
Em 2020, realizou 159 mil atendimentos ambulatoriais e 12 mil cirurgias, mesmo com a pandemia de coronavírus, dispondo de sua estrutura única pensada exclusivamente para oferecer o melhor e aliando a tecnologia à humanização em prol do bem-estar e da garantia dos direitos de seus pequenos pacientes.

O DESTAQUE PARANAENSE DA ORTOPEDIA

Ortoart se consolida no sul do país como uma das maiores empresas de órteses e próteses e com expansão exponencial, mira em filiais espalhadas pela região

Arthur Moro – CEO da Ortoart – Créditos: Valterci Santos

Há quinze anos, o empresário paranaense Arthur Moro iniciou sua empreitada profissional no ramo de representação de produtos hospitalares. O passar do tempo e a sua crescente penetração e reconhecimento no mercado fizeram com que o jovem, na época com 25 anos, estabelecesse contatos que seriam importantes em sua trajetória.
Depois de uma crise enfrentada pelo segmento, Moro propôs ao seu empregador, receber os produtos do estoque como parte do pagamento pelos seus serviços. A estratégia deu certo e ali nascia a Ortoart, hoje referência paranaense que está ganhando cada vez mais espaço e notoriedade no mercado nacional quando o assunto são as próteses ortopédicas.
De 15 anos para cá, o cenário mudou bastante. O empresário concretizou parcerias, iniciou novos contratos e atualmente responde como distribuidor exclusivo para os estados do sul do país da companhia Depuy Synthes, marca de próteses da gigante mundial da saúde, Johnson & Johnson.  
Em média, a Ortoart intermedia cerca de 30 cirurgias ortopédicas por dia somente em Curitiba/PR. Sua atuação se dá, principalmente, pelos planos de saúde, hospitais e médicos. Entre os destaques estão as próteses de joelho, quadril, ombro e implantes para traumatologia e medicina esportiva.

Crescimento expressivo
O setor no qual a Ortoart atua sofreu os impactos negativos da pandemia, pois as cirurgias eletivas foram suspensas, e com isso houve a queda expressiva dos procedimentos cirúrgicos. Porém, com o avanço da vacinação e retomada dos procedimentos, o segmento experimentou significativa melhora, o que trouxe à Ortoart a um crescimento expressivo (400%) somente em 2021. Reflexo disso são os investimentos realizados no negócio somente neste ano, cerca de R$ 25 milhões.
Desde maio de 2021, a empresa está localizada em sede nova, deixando para trás um espaço de 250m², ocupando atualmente um de 700m², “que já está pequeno”, afirma Arthur Moro.
A matriz congrega um moderno espaço de educação continuada, com o que há de mais tecnológico para apresentações, inclusive comportando treinamentos com realidade virtual. O espaço também é concedido aos médicos para que utilizem a estrutura para apresentações e treinamentos de suas equipes.
Na contramão de um cenário econômico que se mostrava pouco promissor, a empresa triplicou seu quadro de funcionários.
Para oferecer o que há de melhor e um serviço completo, desde a indicação cirúrgica, a empresa investe também em instrumentadores qualificados. “Hoje, quando chega uma solicitação de cirurgia à Ortoart, imediatamente buscamos a melhor solução em nosso estoque. Com a cirurgia confirmada e o material pronto para ser disponibilizado, encaminhamos nossa equipe, com todo o equipamento necessário para auxiliar o médico durante o procedimento. Isso fez com que as cirurgias ortopédicas acompanhadas pela equipe da Ortoart ganhassem mais qualidade e agilidade”, revela.

De olho no futuro
Para o último trimestre do ano, a gigante paranaense começa a expandir os horizontes. Em outubro, a Ortoart inaugura a primeira filial fora do Paraná, em Joinville/SC, em seguida, firma raízes em Porto Alegre, Estado do Rio Grande do Sul, e em 2022, segue para novas filiais no interior dos três estados.
“Nosso objetivo é, até o fim de 2022, ter ao menos uma filial nas principais cidades do Sul do Brasil. Nossos planos de expansão são ousados, mas conscientes. Queremos levar a toda região o que há de melhor em tecnologia e qualidade no seguimento de órteses e próteses”, conclui o empresário.

Selo de Qualidade Técnica para ópticas é lançado no Paraná como um benefício para a população e para o mercado de saúde visual

Iniciativa do Conselho Regional de Óptica e Optometria do Paraná e do SINDIÓPTICA/PR auxilia os consumidores na busca de bons serviços, qualifica o trabalho dos profissionais da área e promove a percepção de que as óticas são estabelecimentos de saúde

Os paranaenses que necessitam de óculos e o mercado de óticas do estado vão contar com um benefício na busca pela qualidade em lentes para correção visual. O Conselho Regional de Óptica e Optometria do Paraná – CROO/PR e o Sindicato do Comércio Varejista de Material Óptico, Fotográfico e Cinematográfico no Estado do Paraná – SINDIÓPTICA/PR lançarão um Selo de Qualidade Técnica, que será conferido aos estabelecimentos que cumprirem com as exigências da categoria para oferecer produtos de qualidade e apropriados para a saúde dos olhos.

“A visão é o mais importante dos sentidos humanos, merece ser tratada com respeito e cuidado. A ideia do selo nasceu da necessidade de sinalizar, tanto para o consumidor, quanto para o próprio setor óptico, que estabelecimentos trabalham de acordo com os critérios técnicos e éticos exigidos para o setor”, explica Franklin Kerber, vice-presidente do CROO/PR e optometrista. O selo será concedido a estabelecimentos que contam com profissionais ópticos aptos para garantir: a interpretação correta da prescrição, armações adequadas para o rosto, medidas para uma perfeita adaptação dos óculos e as melhores lentes.

O lançamento do selo está marcado para 1º de outubro (sexta-feira) às 19h, no Senac Centro (Curitiba/PR), em um evento para convidados. Na ocasião, será realizado um coffee break seguido de uma apresentação, que contará com cinco profissionais envolvidos na iniciativa: Reginaldo Alberto Pereira (bacharel em optometria e pós-graduado em ortóptica e reabilitação visual), Carlos Eduardo Scarpim Winnikes (bacharel em optometria), Arlindo Mitsuo Tsumanuma, (técnico óptico e optometria), Fabio Prestes Barbosa Meger (assessor jurídico do CROO/PR) e José Alberto Pereira (presidente do SINDIÓPTICA/PR).

Esta ação conjunta entre os representantes dos profissionais técnicos em óptica e dos comércios varejistas de artigos ópticos visa valorizar aqueles que trabalham de forma adequada, bem como dar visibilidade aos consumidores sobre a importância de escolher bem os estabelecimentos em que irão adquirir suas lentes. “O selo é ao mesmo tempo uma forma de certificar as boas práticas do estabelecimento óptico, e um compromisso de que a óptica aplica com rigor critérios técnicos e éticos estabelecidos por lei e pelo código de ética profissional do Conselho Brasileiro de Óptica e Optometria. Para o consumidor, é a garantia de receber o melhor para suas necessidades de saúde visual. Para o profissional de óptica, a segurança de uma concorrência leal, balizada nas melhores práticas”, aponta Franklin Kerber.

Óticas precisam ser encaradas como lojas de saúde
Não existe hoje a percepção de que uma óptica seja uma casa de saúde, tanto quanto uma farmácia. No entanto, esta é uma visão que precisa ser mudada, e a criação do Selo de Qualidade Técnica pode contribuir com essa mudança. “De fato não há como negar que a escolha dos óculos, das armações, têm um grande impacto sobre a imagem pessoal, e estes são sim itens de moda. Porém, o propósito principal desses itens não pode ser ignorado. Óculos bem adaptados, lentes produzidas com material de qualidade, construídas com precisão, são essenciais para um bom desempenho no trabalho, nos estudos, e na vida em geral. Especialmente em tempos onde tanto da visão tem sido exigido. Boa parte de nós passa horas a frente de uma tela, dependemos cada vez mais de nossa capacidade de enxergar bem e com conforto. Então é preciso encarar a óptica como estabelecimento de saúde, e que a escolha adequada das lentes, dos óculos, é uma responsabilidade compartilhada entre o óptico e o cliente, aliando um excelente design com perfeição técnica que o sentido da visão merece”, afirma Franklin Kerber.

Sobre o CROO/PR
Com sede em Curitiba, o Conselho Regional de Óptica e Optometria do Paraná – CROO/PR é uma associação privada que representa no estado os técnicos em óptica (responsáveis pelos estabelecimentos que comercializam lentes e óculos) e os optometristas, que são profissionais da área da saúde visual que trabalham na atenção primária com prevenção de disfunções oculares e correção de erros refrativos, além de atuarem em terapia visual e adaptação de lentes de contato. O CROO/PR tem entre seus objetivos lutar pela regulamentação do exercício do profissional optometrista, esclarecer para a sociedade questões que envolvem o desenvolvimento da saúde visual da população paranaense, e também fazer propostas de readequação e reorganização dos atendimentos em saúde ocular.

Serviço:
Lançamento do Selo de Qualidade Técnica CROO/PR e SINDIÓPTICA/PR
Local: Senac Centro (Rua André de Barros, 750, 10º Andar – Curitiba/PR)
Data e horário: 1º de outubro (sexta-feira) às 19h

Pilar Hospital transmitiu procedimento cardiológico ao vivo durante congresso mundial de Cardiologia, o CSI

No último sábado (18/09) a cardiologia brasileira fez história no maior congresso mundial de tratamento intervencionista de cardiopatias estruturais. Representando o Brasil, o cardiologista intervencionista, Dr. Ênio Guérios, transmitiu ao vivo para o CSI (Congenital and Structural Interventions) uma Oclusão de Apêndice Atrial Esquerdo, por meio de cateterismo, direto do Pilar Hospital, em Curitiba (PR).

Durante todo o dia 18, evento CSI, direto de Frankfurt, fez transmissões online de 9 procedimentos realizados ao vivo na Alemanha, na Índia, na Itália e em Curitiba (Brasil). Em mais de 20 anos do congresso, é apenas a segunda vez que um centro brasileiro foi convidado a participar com casos ao vivo.

Pilar Hospital inaugura novo Centro Médico em Curitiba

Unidade será aberta ao público no próximo dia 20 de setembro

Curitiba, setembro de 2021 – O Pilar Hospital abrirá, no próximo dia 20 de setembro, seu novo Centro Médico. A unidade é moderna e equipada com tecnologia de ponta, visando o conforto e a qualidade no atendimento dos pacientes com consultórios médicos, unidade primária de oncologia e hematologia e estrutura para procedimentos cirúrgicos e de alta complexidade. A iniciativa faz parte do projeto de expansão e revitalização do Pilar Hospital, com obras previstas para serem iniciadas ainda em 2021.

“Esse espaço de destaque na cidade, e tão próximo ao hospital, será muito importante para o atendimento de qualidade e segurança dos pacientes de diversas especialidades médicas. Uma das nossas necessidades no momento é expandir nossa estrutura, mas oferecendo toda comodidade que já proporcionamos no Pilar. Vimos, nesse local, uma oportunidade de aproveitar o espaço e mostrarmos toda versatilidade que dispõe um ambiente como esse, agora, abrigando nossas clínicas médicas”, explica o Diretor Presidente do Pilar Hospital, Rodrigo Milano.

Para o Diretor Presidente da Hospital Care, holding administradora de serviços de saúde em que o Pilar Hospital faz parte, Rogério Melzi, os investimentos reiteram os compromissos firmados no final do ano passado. “A implementação de modelos de gestão integrada de saúde requer uma parceria sólida na busca de resultados que gerem benefícios à população em aumento de qualidade dos serviços prestados e no aprimoramento do atendimento no Estado do Paraná. O mercado de Curitiba é estratégico para a nossa atuação regional, principalmente, por conta do seu perfil sociodemográfico e pela importância da cidade como um dos principais polos de saúde do país”, conta Melzi.

Primeira unidade de Hospital Dia de Curitiba fora da estrutura hospitalar

O Pilar Centro Médico está localizado a poucos metros do Pilar Hospital e foi abrigado em um espaço com aproximadamente 3.000 metros quadrados de área interna e um investimento de R$15 milhões para a sua construção. O local foi totalmente revitalizado e adaptado para abrigar 35 consultórios médicos, além de alianças estratégicas com parceiros de excelência, como a unidade primária de oncologia e hematologia com atendimento ambulatorial e centro de infusão, da Oncoclínicas, que traz uma unidade para o projeto específica para o tratamento de câncer.

O Centro abrigará também a primeira unidade de Hospital Dia de Curitiba fora da estrutura hospitalar, que oferecerá uma autonomia para procedimentos cirúrgicos, já que o espaço foi desenhado para melhor atender médicos e pacientes, disponibilizando estrutura e equipamentos modernos. Com isso, o Pilar Hospital expandirá também sua atual capacidade de atendimento aos procedimentos de alta complexidade.

Com a implantação, foram contratados 50 novos colaboradores e o Centro Médico contará também com a atuação de cerca de 70 médicos especialistas do próprio Pilar Hospital, das mais diversas áreas, desde atendimento geral até ortopedia, oncologia, cardiologia, dermatologia, otorrinolaringologia, pneumologia, urologia, entre outras, contando com várias equipes multidisciplinares dando continuidade ao atendimento ainda mais personalizado oferecido pela instituição.

O espaço contará também com estacionamento próprio, com capacidade para 50 veículos/hora, e atendimento do Centro Médico ao público será das 8h às 19h30, na Rua Paulo Graeser Sobrinho, nº 270, no bairro São Francisco, em Curitiba (PR), com atendimento particular para os principais planos de saúde.

Sobre o Pilar Hospital
Localizado no bairro Bom Retiro, em Curitiba (PR), o Pilar é referência em procedimentos de alta complexidade com o seu moderno centro cirúrgico, que traz equipamentos de ponta. A infraestrutura inclui ainda uma Unidade de Atendimento 24 Horas para o acolhimento de qualquer tipo de urgência e emergência e um centro médico voltado para consultas. Um diferencial é o investimento constante em padrões rígidos de qualidade, que garantem o bom funcionamento de todos os processos hospitalares. A empresa possui o selo “Nível III – Acreditado com Excelência”, ponto máximo da certificação de qualidade hospitalar outorgada pela Organização Nacional de Acreditação (ONA) por meio de avaliação do Instituto de Planejamento e Pesquisa para a Acreditação em Serviços de Saúde (IPASS). Mais informações no site https://www.hospitalpilar.com.br, ou pelas redes sociais do hospital, no Facebook, Instagram e Youtube.

Sobre a Hospital Care
A Hospital Care é uma holding administradora de serviços de saúde. Criada em 2017, é a primeira companhia no Brasil a trabalhar com o modelo de gestão baseado nas ACO´s (Accountable Care Organizations) dos Estados Unidos, organizações responsáveis pelo cuidado e compartilhamento de risco com as operadoras. Este modelo integrado de gestão da saúde tem o objetivo de promover o equilíbrio de interesses entre pacientes, médicos, fontes pagadoras, parceiros e acionistas. Pertencente à gestora Crescera e aos fundos Santa Maria e Abaporu, a Hospital Care tem como estratégia de atuação a presença em cidades que funcionam como polos regionais para a gestão de saúde populacional, como São José do Rio Preto, Campinas, Ribeirão Preto, Sorocaba, Florianópolis e Curitiba, fortalecendo todo o sistema de saúde do país.

Carla Sarni encantou empresárias em mentoring promovido pelo LIDE Mulher

A mentoria multiplicou sorrisos de empreendedoras dispostas em aprender a empreender com muito trabalho, agilidade de reação e organização

Uma oportunidade única! Essa frase foi unanimidade entre as filiadas ao LIDE Mulher depois da mentoria da empresária e dentista Carla Sarni. "Desde criança as pessoas precisam acreditar que são capazes de realizar seus sonhos".

Transformar os Nãos em sins, essa foi a batalha que permeou a trajetória da dentista que mudou os sorrisos no Brasil. Carla contou sobre a infância pobre e com poucas oportunidades. Sarni nasceu em Pitangueiras, no interior do estado de São Paulo. No colegial, começou a estudar na carreira de Magistério. Porém, incentivada por um primo que fazia cursinho pré-vestibular para se tornar dentista, ela prestou o vestibular para Odontologia e passou de primeira. "Estava na lista dos aprovados, mas minha mãe tinha três filhos e não poderia me sustentar em outro estado. Fiz uma proposta: compraria roupas da loja dela, a preço de custo, e sobreviveria vendendo as peças por lá. Se isso não desse certo em seis meses, voltaria e terminaria a carreira de Magistério", conta.

Empreendedora, ela custeou seus estudos vendendo bijuterias, água, bombons e roupas. Além de pagar suas próprias contas, ela mandava dinheiro para sua família em Pitangueiras. A vontade de usar a Odontologia para ajudar famílias carentes veio durante um estágio em comunidades próximas da faculdade. "Eu gostava muito de ir nesse estágio, fazia-me muito bem atender quem tinha menos do que eu, mas continuava sorrindo. Operei muita gente de graça e me formei com mais experiência do que muitos." Enfatiza.

Formada, em 1995, Sarni foi morar de favor na casa do tio na capital paulista. No primeiro emprego ela tinha de tirar os recursos do próprio bolso para comprar material de trabalho. "O que existia na época era dentista de rico e dentista de pobre. Ou eram clínicas lindíssimas, com material de primeira linha, ou eram clínicas de sobreloja nas quais mal se esterilizavam os materiais", afirma. "Pedi as contas. Queria fazer uma odontologia moderna para qualquer um, já que sempre achei que todos têm o direito de morar bem, comer bem e ter saúde."

Outra decepção no segundo emprego, onde os dentistas ganhavam por dia, então faziam "corpo mole" em atendimentos propositalmente demorados. Não satisfeita, ela se demitiu novamente. Em um terceiro consultório, ela conseguiu trabalhar da forma que queria, ganhando por atendimento. "Mesmo sendo funcionária, eu fazia relacionamento com os pacientes. Dava um atendimento humanizado, chamando pelo nome, parcelando os procedimentos e ligando após as cirurgias para saber como andava a recuperação. Fazia pelo propósito, e não pelo dinheiro. Cada paciente me indicava mais pacientes", conta.

Depois de seis meses de trabalho, um presente acendeu o desejo de abrir o próprio negócio, uma cadeira odontológica que foi paga pela sua avó. Resultado, ela comprou o consultório do chefe.Sarni contou que quando já estava com 40 clínicas odontológicas construídas, uma linha de crédito prometida pelo governo federal foi cancelada. Assim a empresária acumulou 23 milhões de reais em dívidas. Desesperada, pensou em vender a rede para a concorrência, mas adotou estratégias que mudariam a história de seu negócio.

Com muita determinação e persistência a empresária criou a maior rede de clínicas odontológicas do Brasil, a Sorridents. Paralelamente, ela fundou o Grupo Salus, a rede de atendimento oftalmológico Olhar Certo e a Giolaser, de serviços de estética. Esse ano, Carla criou o hospital oftalmológico, chamado mira.Uma sua trajetória construída em cima de muito trabalho há mais de duas décadas. Durante a pandemia, Carla contou que transformou a crise em uma grande oportunidade de crescimento e conseguiu mais de dois dígitos de expansão no ano de 2020, que ela atribuiu ao fato de ter agido rapidamente. Quando praticamente todas as clínicas do País fecharam as portas, o grupo, em 24 horas, abriu o primeiro canal de odontologia para atender as urgências. Dessa forma, conquistou mais 600 novos clientes por dia e 240 cirurgias por semana.

O grupo Salus já está com 760 unidades entre Sorridents, Giolaser e Olhar Certo. Ela acredita que "sonho tem que ter prazo" e almeja chegar a mil unidades do Grupo Salus até 2023.Para a empresária, é necessário planejamento e foco para quem quer empreender com franquias e fazer bons negócios. O trabalho social e voluntário junto às comunidades carentes, em especial no extremo leste da capital paulista. Trabalho que inspirou a criação do Instituto Sorridents, uma associação sem fins lucrativos para dar continuidade aos trabalhos sociais praticados pela empresa.

A Dra. Carla Sarni é filada ao LIDE Ribeirão Preto. Para a presidente da entidade no Paraná, Heloisa Garrett, a presença da Dra. Carla trouxe muito incentivo para as filiadas do LIDE Mulher Paraná e disse também que se identifica muito com a trajetória da empresária. Ressaltou uma frase usada pela empreendedora, "Tem muita águia que age e pensa que é galinha, passa a vida ciscando. Eu adorei isso". Concluiu.

Accor estimula vacinação entre os colaboradores

Empresa, pioneira no lançamento do selo de segurança ALLSAFE no início da pandemia, sai na frente mais uma vez ao anunciar ação que tem como objetivo garantir a segurança do cliente e de todo quadro de colaboradores

2==QZhhzM2MmOyJmLt92YuEmcyVGdAlGbsV2Y1xWYtF2czVmbhZnO3MzM4IDMzEzN6cWZwpmL39GbzMTMxUjM3kTY1ETNmNDNyUzY3ITNyM2YiJDZ1YWYyYjRyUSYyYjRyUyNyIDNGJTJ2IjNxEzXtUTMt8VbvNmLyBXbtkmRyUiRyUSQzUycwRHdopzM
ibis São Paulo Paulista, um dos hotéis da Accor com vacinômetro para incentivar seus colaboradores quanto a importância da vacinação contra a COVID-19

A Accor sai na frente mais uma vez no setor hoteleiro no combate à pandemia da Covid-19. A empresa, que no início da crise sanitária global foi pioneira em mostrar aos clientes que seus hotéis são ambientes seguros, agora anuncia mais uma medida nessa missão. No mês de agosto, gestores de 180 hotéis de marcas operadas pela Accor no país receberam um termo de compromisso para ser assinado por todos os colaboradores de cada unidade.

O documento engaja o colaborador nessa missão e informa que deve manter sua carteira de vacinação em dia, principalmente com vacinas contra doenças contagiosas, incluindo a Covid-19 e suas variantes. O termo ainda esclarece que o gestor do hotel pode pedir para qualquer colaborador a apresentação da carteira de vacinação como comprovação para que todos à sua volta e hóspedes estejam mais seguros dentro dos hotéis da operadora.

"O objetivo aqui é garantir ao nosso cliente que os hotéis são 100% seguros, além de dar segurança ao próprio colaborador ao ter contato com outros colegas no ambiente de trabalho adequado", explica Daniel Battistini, Gerente de Relações do Trabalho & Sindicais na Accor Brasil.

6==wN3I2NlljOyJmLt92YuEmcyVGdAlGbsV2Y1xWYtF2czVmbhZnO3MzM4IDMzEzN6cWZwpmL39GbkZWM0QWN0cTOjBTYhNTMjFjN0EWOmljM2U2MjZWO0UmRyUSO0UmRyUyNyIDNGJTJ2IjNxEzXtUTMt8VbvNmLyBXbtkmRyUiRyUSQzUycwRHdopTN
Vacinômetro do ibis São Paulo Paulista

"Até o momento, a aceitação por parte dos colaboradores tem sido surpreendente, o que nos enche de orgulho do nosso time. Mais de 6.500 profissionais que atuam na linha de frente dos hotéis da Accor assinaram o termo. O índice de não engajamento até agora não chega a 0,5%, bem abaixo de outras ações internas, até menos expressivas", contabiliza o executivo.

O termo de compromisso que aborda a questão de vacinação compõe um código interno chamado "Regras do Jogo". Trata-se de um guia de conduta para que os colaboradores se integrem à cultura de serviços da Accor. O documento define regras claras para que todos trabalhem com disposição, bem-estar, segurança e responsabilidade. O material, disponibilizado a todos os colaboradores da empresa, aborda questões diversas como o uso de armários e vestiários, crachás e uniformes, segurança e proteção, primeiros socorros, saúde e segurança no trabalho, entre outros pontos que são importantes na convivência das equipes e bem-estar do cliente.

Para motivar ainda mais seus colaboradores quanto ao avanço da vacinação contra a Covid-19, alguns hotéis da Accor adotaram ações individuais internas como a elaboração de vacinômetros, indicando quantos colaboradores tomaram a primeira dose ou quantos completaram seu primeiro ciclo vacinal contra a doença. "Não queremos impor a vacinação, mas sim conscientizar a todos que esse é o caminho para vencermos mais essa batalha, juntos", finaliza Battistini.

Selo ALLSAFE

O cuidado em garantir ao cliente que seus hotéis são ambientes seguros é uma preocupação da Accor desde o início da pandemia do novo coronavírus. Em 2020, a empresa foi a primeira do setor de turismo no mundo a anunciar a criação de um selo de segurança, que garante que os hotéis operados pela marca são ambientes limpos, seguindo os mais rígidos padrões de limpeza exigidos por órgãos competentes no Brasil e no mundo.

Atualmente todos os serviços ofertados pelos hotéis Accor contam com a garantia do ALLSAFE, selo exclusivo de limpeza, sanitização e segurança da Accor. Os padrões globais do ALLSAFE foram desenvolvidos e aprovados pela Bureau Veritas. A certificadora internacional segue as diretrizes dos órgãos sanitários, auditando e revisando documentos, inspecionando remota ou presencialmente a implementação das ações de biossegurança, assim como fazendo a emissão do certificado ALLSAFE - Bureau Veritas.

Para download de imagens, clique aqui.

Acesse a nossa press room para mais informações sobre a Accor e as suas marcas, clique aqui.

Sobre a Accor

A Accor é um Grupo líder global em hospitalidade, composto por mais de 5.100 propriedades e 10.000 locais de comidas e bebidas em 110 países. O grupo tem um dos ecossistemas de hospitalidade mais diversificados e totalmente integrados do setor, abrangendo marcas de luxo e premium; ofertas de classe média e econômica; conceitos de estilo de vida exclusivos; locais de entretenimento e vida noturna; restaurantes e bares; residências privadas de marca; propriedades de acomodação compartilhada; serviços de concierge; espaços de co-working e muito mais. A Accor também possui um portfólio incomparável de marcas distintas e aproximadamente 260.000 membros de equipe em todo o mundo. Mais de 68 milhões de membros se beneficiam do abrangente programa de fidelidade da empresa ALL - Accor Live Limitless - um companheiro de estilo de vida diário que oferece acesso a uma ampla variedade de recompensas, serviços e experiências. Por meio das iniciativas Planeta 21 - Acting Here, Accor Solidarity, RiiSE e ALL Heartist Fund, o grupo está focado em impulsionar ações positivas por meio da ética nos negócios, turismo responsável, sustentabilidade ambiental, engajamento comunitário, diversidade e inclusão. Fundada em 1967, a Accor SA está sediada na França e listada publicamente na Bolsa de Valores Euronext Paris Stock Exchange (código ISIN: FR0000120404) e no Mercado OTC (Ticker: ACCYY) nos Estados Unidos. Para obter mais informações, visite o site group.accor.com ou siga a Accor no Twitter, Facebook, LinkedIn e Instagram.

Hospital Universitário Cajuru Hospital SUS de Curitiba completa 63 anos com histórias de superação e de comprometimento social

Referência em traumas e transplantes, Hospital Universitário Cajuru faz parte da trajetória de profissionais que buscam "humanizar" atendimento a pacientes

A técnica em enfermagem, Maria Olinda Alves Stoco, perdeu a conta de quantos pacientes já atendeu em duas décadas como profissional da linha de frente do sistema de saúde. Hoje, com 51 anos, ela dedicou quase metade de sua vida a salvar a dos outros, sem nunca esquecer o porquê de ter escolhido essa profissão, a qual chama de “chamado divino”. Com uma dedicação ininterrupta de 23 anos, a profissional faz parte do quadro de funcionários do Hospital Universitário Cajuru (HUC), instituição com atendimento 100% Sistema Único de Saúde (SUS), em Curitiba (PR), que completa 63 anos no próximo dia 30 de agosto.

“Assim que terminei o curso de enfermagem, em 1998, o Hospital me acolheu de uma forma muito fraterna. Desde então, o hospital tem sido a minha segunda casa, onde fiz amizades, aprendi e continuo aprendendo muito a cada dia, mesmo após tantos anos. Por ser um ambiente universitário, a troca de conhecimento e experiências é muito grande. Olhando para trás, vejo que evoluí consideravelmente, como pessoa e profissional, desde a primeira vez que entrei por aquelas portas”, relembra.

Em meio a tantas experiências e histórias, que se confundem com sua própria vida pessoal, já que até mesmo um de seus filhos trabalhou no hospital, Maria Stoco recorda com carinho os laços afetivos criados com colegas e pacientes. “Eu já cuidei de muita gente, não sei o número exato, mas algumas histórias nunca saem da minha cabeça. Uma vez, por exemplo, eu estava no ônibus, a caminho do trabalho, quando fui abordada por um senhor. Simpático, perguntou se eu me lembrava dele, mas disse que não. Então ele me abraçou e disse que, cinco anos antes, o tratei muito bem, quando esteve internado no Hospital. Ele disse que eu o ajudei a salvar sua vida. Aquilo me emocionou, pois meu trabalho o tocou de tal forma que ele lembrava do meu rosto após todo aquele tempo. É por isso que, mesmo durante a pandemia, nós seguimos na linha de frente da saúde. Todos nós, que estamos nesse trabalho, amamos nosso ofício e somos gratos por isso”, conta emocionada.

Superação

Enfermeira do Centro Cirúrgico do Hospital Universitário Cajuru, Nadira Francisca dos Santos viu a instituição como uma porta de entrada para uma nova realidade em sua vida. “Eu venho de uma família pobre, que morava em terrenos de ocupação irregular. Trabalhei muito tempo como diarista para poder sobreviver. Quando concluí meu curso de auxiliar de enfermagem, o Hospital me deu uma oportunidade e mudou completamente a minha vida. Hoje, tenho condições de ter a minha casa própria, meu carrinho e posso comprar carne para o meu filho. Tudo isso com o fruto do meu esforço para mudar minha realidade”, comemora.

Há 16 anos como funcionária do HUC, Nadira é pós-graduada com foco em Central de Materiais e Centro Cirúrgico pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR) que, assim como o HUC, faz parte do Grupo Marista. “Já trabalhei em outras instituições, mas o Hospital Universitário Cajuru é diferente. Sempre falo para os meus colegas que essas paredes têm algo mágico, que eu não sei explicar. Acho que o olhar humanizado é o nosso grande diferencial, pois você sente que a instituição é uma família. Sinto prazer e realizada aqui dentro, pois sempre tive oportunidades de crescer. Comecei como auxiliar e fui ‘subindo os degraus’, sempre atenta aos cursos oferecidos pelo Hospital aos seus colaboradores”, completa.

Incentivo à solidariedade

Atualmente, o Hospital Universitário Cajuru conta com 944 colaboradores, 309 voluntários, 308 médicos e 110 residentes. Por ano, a instituição realiza em média 147 mil atendimentos, entre internamentos, urgências e emergências, cirurgias e consultas ambulatoriais. E para celebrar seus 63 anos, o HUC promove uma live comemorativa no dia 30 de agosto, às 19h30, no canal do YouTube do hospital e contará com chat ao vivo, depoimentos de voluntários, enfermeiras, pacientes e estudantes de medicina. Durante o evento, será lançado o “Amigo Essencial do Cajuru”, um programa de incentivo à doação para o Hospital.

“O Hospital Universitário Cajuru é uma instituição feita por pessoas que amam atender ao próximo. E a conscientização da população e da sociedade como um todo na arrecadação de fundos para a manutenção desse serviço, que hoje tem um déficit de cerca de R$ 1,5 milhão ao mês, é essencial”, comenta o diretor do hospital, Juliano Gasparetto. Os voluntários do hospital, que fazem parte do projeto que completa 15 anos em 2021, também serão homenageados para marcar ainda o Dia do Voluntariado (28/8).

Livraria da Vila dá desconto para quem já tomou vacina contra a Covid-19

Consumidores que apresentam a carteira de vacinação contra Covid-19 tem direito a desconto de 20% na compra de livros. Ação acontece nos próximos dois finais de semana em todas as unidades da rede em São Paulo, Curitiba, Guarulhos, Londrina e São Caetano do Sul

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=216482&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253CCP2P15201MB246693466346FFFCCA987029A5C19%2540CP2P15201MB2466.LAMP152.PROD.OUTLOOK.COM%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3CCP2P15201MB246693466346FFFCCA987029A5C19%40CP2P15201MB2466.LAMP152.PROD.OUTLOOK.COM%3E-1.2

Fotos em alta: https://drive.google.com/drive/u/2/folders/1hK1IYUCmcmSgSLacUjMRabWXU3itW36Z

Em apoio à campanha de vacinação contra Covid, a Livraria da Vila lançou a campanha “Vacina sim!” para ressaltar a importância da vacinação no enfrentamento da pandemia no país. Nos próximos dois finais de semana (dias 21 e 22/08 e 28 e 29/08), os consumidores que já tiverem sido vacinados contra Covid-19 ganharão 20% de desconto na compra de livros em qualquer uma das 14 unidades da Vila em São Paulo, Curitiba, Guarulhos, Londrina e São Caetano do Sul. Para usufruir do desconto, basta apresentar a carteira de vacinação com ao menos uma dose.

Lançada no último sábado, dia 14 de agosto, a promoção acontece sempre aos finais de semana. Como efeito, o movimento gerou 20% de aumento de público no final de semana. Com o lema “vacinar é cuidar do outro também”, a campanha vale para todos os livros disponíveis em estoque nas unidades da Vila (exceto didáticos).

SERVIÇO
Campanha Virada da Vacina Livraria da Vila
Período: todos os finais de semana até 29/08/2021
Local: Unidades físicas da Livraria da Vila em Curitiba, Guarulhos, Londrina, São Caetano do Sul e São Paulo
Observações: Desconto de 20% válido a cada compra, para aquisição de livros disponíveis em estoque nas lojas físicas da Livraria da Vila. Não aplicável a livros didáticos. Promoção não cumulativa com outros descontos. Necessária apresentação da carteira de vacinação da Covid-19 original no momento da compra.

Sobre a Livraria da Vila - Com 36 anos de mercado, a Livraria da Vila conta com doze lojas na Grande São Paulo e duas no Paraná. Consolidada como referência no cenário editorial, busca cada vez mais apresentar-se como um local acolhedor, receptivo e democrático, tornando-se ponto de encontro dos amantes dos livros, da literatura, da música e das artes. Muito mais do que um lugar que reúne grandes obras da literatura – são mais de 200 mil títulos em seu acervo, continuamente atualizado –, a Livraria da Vila se preocupa em participar ativamente das comunidades que cercam suas unidades. Em tempos normais, sem pandemia, todos os dias, os mais variados eventos são oferecidos gratuitamente ao público: palestras, rodas de conversa, pocket shows, clubes de leitura e atividades infantis diversas compõem uma programação para lá de especial. Neste momento, a rede conta com uma programação de lives no Instagram com autores e personalidades do universo literário que falam de seus lançamentos e debatem temas diversos em um bate-papo conduzido por Samuel Seibel, presidente da Vila.

8 alimentos aliados da pele e dos cabelos

Para ver os efeitos estéticos, é necessário o consumo diário adequado de nutrientes essenciais para a produção, manutenção e a proteção dos componentes que fazem parte dos tecidos cutâneo e capilar

Não é só uma rotina de uso de dermocosméticos e produtos capilares que garante a saúde e a beleza da pele e dos cabelos. De acordo com a nutricionista consultora da Jasmine Alimentos, Fernanda Seiffer, uma alimentação rica em nutrientes específicos pode ser o grande diferencial para deixar mais saudáveis e bonitos os cabelos, pele e unhas.

“Muito além da rotina de beleza, precisamos incluir em nossas vidas hábitos alimentares equilibrados e que proporcionem o aporte diário adequado de nutrientes essenciais para a produção, manutenção e a proteção dos componentes que fazem parte dos tecidos cutâneo e capilar, como o colágeno, o ácido hialurônico e a queratina, além de vitaminas e minerais, como o zinco, vitamina C, vitamina A e ferro. Além de se preocupar com a saúde intestinal, responsável pela absorção dos nutrientes ingeridos.”, afirma a nutricionista.

Ela acrescenta que o cuidado com a escolha de ingredientes para cada uma das refeições deve levar em consideração o perfil “pro-aging”, ou seja, que cada alimento contribuam para a desaceleração do envelhecimento cutâneo e do enfraquecimento capilar.

“É importante lembrar, ainda, do papel do ômega-3, que proporciona efeito anti-inflamatório e dos compostos bioativos presentes nos alimentos, como licopeno, betacaroteno, sesamina, catequinas, antocianinas e ácido elágico, que fornecem efeito antioxidante, combatendo os radicais livres gerados por fatores como exposição ao sol, padrão alimentar inadequado, estresse, tabagismo e poluição. Todos afetam a estrutura da pele, podendo estimular a flacidez, a presença de rugas e manchas e, nos cabelos, levar à despigmentação, proporcionando um aumento dos fios brancos”, completa Fernanda.

Entretanto, é essencial atentar para a observação destacada pela engenheira de alimentos da Jasmine, Erika de Almeida Rodrigues Zifchak. Ela explica que, para que exerçam efeitos positivos, os alimentos precisam ser consumidos associados a outros hábitos saudáveis, como uma alimentação variada. “Por isso, o envolvimento de médicos e nutricionistas no processo é tão importante”, reforça.

Os 8 aliados da saúde e da estética

"Pela oferta de nutrientes, alguns alimentos são mais indicados para a manutenção de uma pele saudável e de um cabelo bem nutrido", aponta a analista de pesquisa e desenvolvimento da Jasmine Alimentos. Erika de Almeida. Confira 8 indicados pela engenheira de alimentos:

Quinoa: Uma pesquisa do Programa de Mestrado e Doutorado em Biotecnologia Industrial da Universidade Positivo (UP) descobriu que as propriedades hidratantes e antioxidantes do óleo de Quinoa fazem dele um componente valioso para aplicação em produtos cosméticos. O estudo foi desenvolvido em parceria com O Boticário e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), publicada na renomada revista Scientific Reports. Ao ser ingerida na alimentação, a Quinoa pode trazer ao organismo oferta de magnésio, vitaminas do complexo B, ferro, potássio, cálcio, fósforo, vitamina E e antioxidantes. A semente fornece, ainda, os aminoácidos essenciais para o bom funcionamento do corpo.
Red berries: goji berry, cranberry e açaí são frutas vermelhas e roxas que atuam como aliadas da saúde capilar e cutânea. O consumo de goji berry, além de favorecer a amenização de desordens estéticas, como a celulite, já que apresenta flavonóides e polissacarídeos em sua composição, substâncias com efeito antioxidante, é uma excelente fonte de vitamina C, nutriente essencial para a síntese de colágeno. O cranberry e o açaí, ricos em antocianinas e resveratrol, respectivamente, pode oferecer também proteção à pele e aos cabelos.
Amêndoas: os efeitos do consumo diário de amêndoas na pele de mulheres menopausadas se mostraram muito benéficos, segundo estudos, e demonstraram que estas oleaginosas contribuíram com a melhora da hiperpigmentação da pele e da presença de rugas faciais, ocasionadas pelo fotoenvelhecimento. Tais benefícios podem se relacionar com o fato de as amêndoas serem uma rica fonte de polifenóis e vitamina E, que atuam como antioxidantes, protegendo a pele.
Chia: por ter aminoácidos essenciais, contribui com a síntese proteica, essencial para a manutenção dérmica e o crescimento dos fios capilares, favorecendo o fortalecimento dos cabelos e da pele. Também concentra alto teor de ômega-3, que irá modular a inflamação e outras desordens cutâneas associadas, como celulite e acne.
Castanha do Brasil: são uma das principais fontes alimentares de selênio, mineral com efeito antioxidante que protege a pele e o cabelo dos radicais livres.
Gergelim: uma semente rica em sesamina, um composto bioativo que tem potencial papel na redução da queda de cabelo e na proteção da coloração dos fios capilares. Além disso, contém excelentes concentrações de vitamina B1, ferro, magnésio, manganês, cobre e zinco, que podem auxiliar a manutenção da saúde capilar e cutânea.
Aveia: é fonte de silício, um importante mineral para a saúde capilar e cutânea, por atuar na sustentação do colágeno, proteína presente em ambos os tecidos.
Molho de tomate orgânico: o licopeno do molho de tomate contribui com a saúde cardiovascular e, associado a outros nutrientes e nas quantidades adequadas, exerce efeito fotoprotetor, favorecendo a amenização dos danos causados pelos radicais livres produzidos após a exposição solar.

Sobre a Jasmine Alimentos

A Jasmine Alimentos é uma empresa referência em alimentação saudável. Com produtos categorizados em orgânicos, zero açúcar, integrais e sem glúten, a marca visa atingir o público que busca alimentos saudáveis de verdade e qualidade de vida. A operação da Jasmine começou de forma artesanal no Paraná, há 30 anos. A Jasmine está consolidada em todo Brasil e ampliando sua atuação para a América Latina. Desde 2014 a marca pertence ao grupo francês Nutrition et Santé, detentor de outras marcas líderes no segmento saudável na Europa. Mais informações: www.jasminealimentos.com.

Alimentação rica em nutrientes pode minimizar sequelas cognitivas causadas pela Covid-19

De acordo com o levantamento do Incor, 80% dos pacientes que enfrentaram a infecção viral tiveram problemas, como a perda de memória

Renata Guirau, nutricionista do Oba Hortifruti, destaca a importância de incluir alimentos ricos em ômega-3, antioxidantes e vitaminas para auxiliar na recuperação

Em fevereiro deste ano, o Instituto do Coração do Hospital das Clínicas (Incor), da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), realizou um estudo com pacientes recuperados da Covid-19. De acordo com o levantamento, foi possível identificar sequelas cognitivas em 80% dos avaliados, como a perda de memória recorrente.

Renata Guirau, nutricionista do Oba Hortifruti, explica que a infecção viral pode afetar o sistema neurológico, trazendo a confusão mental e, consequentemente, a falha na memória. Apesar de não haver uma estratégia comprovada para auxiliar os problemas posteriores causados pelo coronavírus, a alimentação rica em nutrientes pode auxiliar o corpo na recuperação.

“O consumo adequado de nutrientes ajuda na recuperação de um modo geral. Isso porque a nutrição reduz o estresse oxidativo e, no que diz respeito à atividade cerebral, garante a saúde das células relacionadas à memória por mais tempo”, explica.

De acordo com a nutricionista, é importante buscar alimentos ricos em ômega-3, visto que essa gordura - presente principalmente nos peixes - ajuda na formação de uma camada importante na estrutura dos neurônios e, portanto, é indicada que o seu consumo seja frequente.

Os compostos com ação antioxidante também favorecem a saúde das células do sistema nervoso central. Para as pessoas que sofrem com a perda de memória, é interessante incluir legumes e verduras no dia a dia das refeições.

“Quando o assunto é o cuidado com o cérebro, frutas como o morango, uva roxa e melancia são uma excelente opção. Esses alimentos são fontes de antocianinas, resveratrol e licopeno, respectivamente. Todas elas trazem efeitos positivos para a nossa mente”, destaca Renata.

Além disso, a vitamina B12, presente em grande quantidade nas carnes e nos ovos, está muito associada à saúde cerebral. Por essa razão, é importante avaliar a necessidade de suplementação para vegetarianos e veganos.

Com base nas informações passadas pela nutricionista, é possível concluir que alguns alimentos podem ser benéficos para minimizar as probabilidades de perda de memória. Contudo, também é importante destacar que há vilões no que diz respeito aos cuidados com a mente. Um deles, muito presente no nosso dia a dia, é o açúcar. Portanto, Renata alerta: é necessário dosar a quantidade.

“Já é bem definido pela ciência que o consumo frequente de açúcar pode favorecer doenças neurológicas, como o Alzheimer. Isso porque, quando em excesso, há o aumento do estresse oxidativo no nosso organismo, que prejudica diversos sistemas e funcionalidades internas”, pontua.

Saudabilidade
O consumo adequado de nutrientes gera um sistema nervoso saudável, principalmente a longo prazo. Quando há a busca por alimentos ricos em vitaminas, o sistema imune é favorecido. Esse hábito, segundo Renata, pode reduzir inflamações causadas pela Covid-19.

O consumo de proteínas e vegetais, durante o processo da infecção viral e no momento de recuperação após a doença, também é extremamente indicado para manter a saudabilidade do corpo. Porém, é fundamental estar atento aos casos mais graves do coronavírus. “Quando é necessário fazer reabilitação pulmonar, precisamos adequar a quantidade de calorias ingeridas, assim como o total de proteínas, para auxiliar na recuperação da massa muscular perdida e, também, na melhora da função pulmonar”, informa.

Algumas outras estratégias, segundo a nutricionista, também são bem-vindas, já que a Covid-19 é uma doença que afeta diversos órgãos. Portanto, o consumo de nutrientes que ajudam na melhora da coagulação, na função renal e hepática que podem ficar prejudicadas, deve ser avaliado junto com profissionais da área.

SOBRE O OBA HORTIFRUTI
A rede é referência em qualidade e variedade de produtos, e oferece diariamente um atendimento mais próximo, que prioriza o relacionamento com o cliente, garantindo o equilíbrio perfeito entre sabor e saúde para a vida das pessoas. Acredita que reunir a família e os amigos ao redor da mesa é um momento gostoso e saudável. Referência em saudabilidade e prazer em comer bem, O Oba é fonte para quem deseja manter uma boa alimentação.

A rede já foi premiada duas vezes pela Folha de S. Paulo, na pesquisa Top Of Mind, como a marca mais lembrada pelos brasileiros na categoria hortifruti, pela edição da revista Veja Comer & Beber, como o estabelecimento mais amado pelos paulistanos e também no ranking IBEVAR – FIA 2020, como uma das empresas mais eficientes do varejo brasileiro.

Atualmente, a marca possui mais de 60 lojas espalhadas pelos Estados de São Paulo, Goiás e Distrito Federal. Com mais de 40 anos de história, o Oba expandiu sua atuação no mercado com setores de frios e laticínios, açougue, adega, mercearia, importação própria, pré-lavados, lanchonete, floricultura, padaria e restaurante, que complementam o setor de hortifruti.

Como suporte para o processo de recuperação dos pacientes que enfrentaram o coronavírus, a nutricionista indica quatro receitas saborosas, fáceis e nutritivas que auxiliam na funcionalidade do corpo. Confira:

*Crédito das imagens das receitas: Divulgação

Salada de bacalhau com endívias
Ingredientes:
100g de endívias
2 xícaras de chá de salada de bacalhau Oba
2 colheres de sopa de creme de ricota ou cream cheese

Preparo:
1) Abra as folhas de endívia em uma travessa;
2) Espalhe uma pequena quantidade de creme de ricota ou cream cheese em cada folha;
3) Recheie com a salada de bacalhau Oba e sirva em seguida.

Pasta de avelã caseira com morangos
Ingredientes:
1 xícara de avelãs sem casca
1 colher de sopa de cacau em pó
2 xícaras de tâmaras sem caroço

Preparo:
1) Deixe as tâmaras picadas de molho por 30 minutos;
2) Bata as avelãs no liquidificador até formar uma farinha;
3) Acrescente o cacau em pó e as tâmaras hidratadas;
4) Bata até formar uma pasta. Se necessário, acrescente um pouco de água (o mínimo possível).
5) Corte os morangos ao meio e decore com uma pequena porção da pasta de castanhas.

Smoothie de uva com açaí

Ingredientes:
1 xícara de chá de uvas roxas com casca
1 xícara de chá de polpa de açaí
1 xícara de chá de banana picada congelada
2 colheres de sopa de mel

Preparo: bata tudo no liquidificador e sirva em seguida

Carne louca de pernil
Ingredientes:
1 kg de pernil suíno sem osso
2 tomates cortados em tiras
Suco de 2 limões
1 xícara de pimentão verde cortado em tiras
3 dentes de alho amassados
1 cebola cortada em tiras
½ xícara de cheiro verde picado
3 colheres de sopa de azeite
Orégano e sal a gosto

Preparo:
1) Corte a carne em fatias finas;
2) Tempere com sal, orégano, o azeite e o limão e deixe na geladeira por pelo menos duas horas;
3) Misture o tomate, o alho, a cebola e o cheiro verde à carne temperada;
4) Leve para a panela de pressão e cozinhe até que a carne fique bem macia (cerca de 50 minutos);
5) Retire da panela e termine de desfiar a carne;
6) Recheie tortas, sanduíches ou use como acompanhamento de saladas e batatas cozidas.

The Group at FIR collabora com Dr.Z de Miami Anti Ageing Insitute

Dr. Zayed is the owner of miami antiaging institute, a leading cutting edge boutique practice in miami, Florida.

Dr. Zayed is tripled board certified in conventional medicinal as well as functional Medicine (please read his Bio on antiagingmiami.com as well as usueful information)

Dr. Zayed believes in practicing tomorrow’ Medicine today through cutting edge lab testing ,
There is not ile limits on the consultations , He was able to help patients with ailments that conventional Medicine simply couldn’t.

From hormonal imbalances, to optimizing the beautiful symphony you have inside of you (vitamins, minerlas, antioxidants) so you can feel and be your best Dr. Zayed has got the answer for you.
XMA Header Image
Miami Antiaging
antiagingmiami.com

The Group at FIR collabora com Dr.Z de Miami Anti Ageing Insitute

https://antiagingmiami.com/about/

Puravida promove evento online gratuito abordando o tema Saúde é felicidade

Evento Puravida Day contará com a presença de especialistas em saúde, nutrição e filosofia
São Paulo, 23 de julho de 2021 - A Puravida, expoente no mercado nacional de produtos saudáveis e que acredita que a nutrição é a matéria-prima para a saúde, promoverá no domingo 25/07 a 3ª edição do Puravida Day. Em formato online, o evento reunirá alguns dos maiores especialistas de todo o Brasil para discutir o tema ‘Saúde é Felicidade’. A live acontecerá no Youtube da Puravida e será totalmente gratuita.

O Puravida Day surgiu com o propósito de brindar atuais e potenciais interessados pela marca com um dia especial de estudos e compartilhamento de informações para quem tem interesse em fazer as melhores escolhas possíveis, transmitindo grandes dicas e conhecimento.

“Para nós da Puravida conhecimento é o que permite fazer todas as pequenas escolhas que, somadas, fazem uma imensa diferença pela forma como desfrutamos nossas vidas” explica Flávio Passos, fundador da Puravida. No Puravida Day, Flávio se juntará a Pedro Calabrez, PHD pelo Lab de Neurociências Clínicas da UNIFESP, e Leandro Karnal, professor e pesquisador, para conversar sobre como a felicidade e a busca pela mesma podem impactar na saúde e vice e versa.

Desde o dia 18 de julho, médicos, professores e outros profissionais de saúde estão promovendo uma série de Lives no Instagram da Puravida dando dicas e orientando quem enxerga a saúde como elemento necessário e importante para uma vida equilibrada em busca de longevidade.

LIVE 1 - Saúde é felicidade com Flavio Passos.

Dia 18, domingo, às 20h.

Youtube Puravida

LIVE 2 - Vida em equilíbrio, o poder da concentração com Alessandra Feltre e Ligia Costa.

Dia 19, segunda, às 19h.

Youtube Puravida

LIVE 3 - A fantástica conexão cérebro-intestino, com Alessandra Feltre e o professor Murilo Pereira. Dia 20, terça, às 19h. Youtube Puravida

LIVE 4 - Fortalecimento muscular é longevidade, com Alessandra Feltre e Andreia Nave. Dia 21, quarta, às 19h. Youtube Puravida

LIVE 5 - Receita para viver melhor, com Dani Faria Lima. Dia 22, quinta, às 17h. Youtube Puravida

LIVE 6 - Proteína: a aliada do emagrecimento, com Alessandra Feltre e Marcelo de Carvalho. Dia 23, sexta, às 19h. Youtube Puravida

LIVE 7 - Aulas pura saúde, com Betina Dantas + professor Le Cinq

Dia 24, sábado.

Às 10h: Ballet Fitness

Às 11h: Aula HIIT

Youtube Puravida

Sobre a Puravida

A Puravida, empresa parte do grupo independente de investimento Aqua, tem como propósito oferecer aos consumidores a prática de um estilo de vida orgânico, saudável e harmonioso baseado nas melhores escolhas nutricionais.

A empresa oferece um portfólio com mais de 200 produtos entre suplementos concentrados, vitaminas e cosméticos. Entre os mais consumidos pelos adeptos dos produtos Puravida estão o Coco Cream, Curcumax+, Brain TCM. Todos os itens são criados seguindo parâmetros sustentáveis, oferecendo assim a melhor qualidade e o máximo potencial de cada ingrediente utilizado.