Cirurgia robótica ganha nova regulamentação pelo CFM e Pilar Hospital está na vanguarda

 No final do mês de março deste ano, o Conselho Federal de Medicina publicou a regulamentação para os novos procedimentos cirúrgicos no Brasil com o uso da tecnologia robótica. Aprovada sua utilização desde 2008, pela Anvisa, a chancela do CFM vem reforçar os benefícios dessa plataforma para os pacientes.

            Em Curitiba (PR), o Pilar Hospital iniciou sua atuação em cirurgia robótica em outubro de 2020 com a chegada de um dos mais reconhecidos sistemas de cirurgia robótica do mundo: o robô Da Vinci. Essa tecnologia é a mais testada, com maior número de estudos científicos publicados, e a mais utilizada nos países de primeiro mundo, como nos Estados Unidos, e em diversas regiões da Europa e da Ásia. “O robô Da Vinci é o que há de mais avançado em termos de tecnologia para realização de cirurgias na atualidade, oferecendo todos os benefícios da cirurgia minimamente invasiva para o paciente e trazendo até mais conforto para o cirurgião que irá realizar o procedimento”, explica o cirurgião Ari Adamy Jr, coordenador do programa de cirurgia robótica do hospital.

O coordenador comenta que o principal benefício é para os pacientes. “A cirurgia robótica oferece uma melhor visualização do local a ser operado com maior facilidade na realização do procedimento, tendo o potencial de melhorar os resultados, auxiliando também para a diminuição do tempo de internação, bem como menor sangramento. Nosso objetivo é tratar a doença de forma adequada e reabilitar o paciente, para que ele conquiste o ‘máximo de vida normal’, que tinha antes da cirurgia, no menor tempo possível”, analisa.

Os benefícios, segundo a cirurgião, não são só para o sistema de saúde, mas para toda a sociedade, porque se uma pessoa consegue retornar antes às suas atividades habituais, mais rapidamente, ela volta ao seu trabalho e à sua vida cotidiana. “É toda a sociedade que ganha e não apenas o sistema de saúde. Apesar de o sistema também se beneficiar, já que as cirurgias robóticas estão associadas à menores complicações quando comparadas às cirurgias convencionais. Isso resulta em menor custo final e melhores desfechos”, comenta.

Cirurgia_Robótica_Hospital_Pilar_-_imprensa_-_crédito_Rafael_Danielewicz_(37)

*com divulgação

Categorias:AGÊNCIAS DE COMUNICAÇÃO, AGENDA DA SEMANA, AGENDA DO FIM DE SEMANA, BRASIL, COLUNA VANESSA MALUCELLI, DIVIRTA-SE, evento, FREE LIFESTYLE, LANÇAMENTOS, OPORTUNIDADE, SAÚDETags:, , , , , , , , , , , ,

VanessaMalucelliAndersen

Colunista do Site — Divirta-se Curitiba!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s