Como planejar encontros de fim de ano com segurança

Laboratório oferece três tipos de testagem para COVID-19 e resultados em até 2h

Final de ano é sinônimo de reuniões familiares, confraternizações e aglomeração. Em meio a pandemia, é possível planejar um encontro familiar em segurança? Segundo o diretor técnico do LANAC, o especialista em bacteriologia Marcos Kozlowski, todo cuidado é pouco durante este momento em que vivemos. “Em novembro, tivemos um aumento de 300% nos resultados positivos para COVID-19 no laboratório”, afirma. Até o final de outubro, o LANAC realizava 100 a 120 testes por dia, entre sorológico e RT-PCR. Em novembro, a média diária foi de 350 testes/dia.

O laboratório oferece três tipos de testagem para o coronavírus: o sorológico, o antígeno e o RT-PCR. “É possível pedir aos familiares que realizem a testagem antes dos encontros. Neste caso, o ideal é consultar o médico, que irá avaliar cada caso e ver qual metodologia garante maior segurança para todos”, afirma.

O laboratório realizará as coletas até o dia 23 de dezembro, e respeitará o prazo de cada testagem para os resultados. Entre os dias 25 e 27 de dezembro, a coleta será feita somente nas unidades hospitalares. Para quem deseja fazer a testagem para o Ano Novo, coletas feitas até o dia 30 e, entre os dias 1 a 3 de janeiro, coleta apenas nas unidades hospitalares.

Conheça os testes para COVID-19:

Fabricado pela Roche, o teste sorológico utilizado no LANAC apresenta registro na ANVISA e conta com o certificado Emergency Use Authorization (EUA) da U.S. Food and Drug Administration (FDA). O teste apresenta 99,9% de especificidade e 98,3% de sensibilidade e identifica s anticorpos totais ( IgG / IgM / IgA). Segundo Kozlowski, quanto maior a sensibilidade, menor a chance de resultados falsos negativos. "Atingimos 99,9% de sensibilidade nesse teste quando é realizado a partir do 14º dia de contágio", explica. O resultado sai em até 24h e o valor é R$200, realizado em todos os postos de coleta do laboratório.

O RT-PCR é considerado o padrão ouro da testagem para COVID.19. Em parceria com o Genoprimer, laboratório especialista em diagnóstico molecular, o resultado sai em até 48h, e indica se a pessoa está com o vírus ativo no organismo. O teste é realizado exclusivamente na sede central, na Rua Itupava, 998, e custa R$350.

No começo de novembro, o LANAC passou a oferecer também o COVID-19 Ag ECO Teste, que faz a detecção de antígeno do vírus da COVID-19, com especificidade de 99% e sensibilidade de 96%. A coleta é feita por Swab, com a secreção nasal, e o resultado sai em até duas horas. Ele é indicado para pessoas a partir do terceiro dia de sintomas ou possível contato com o vírus. Este teste é uma opção em emergências, e é oferecido apenas nas unidades hospitalares do LANAC: Hospital das Nações, Hospital Pilar, Instituto de Neurologia de Curitiba – Hospital INC, Hospital do Rocio, Hospital Vita Curitiba e Hospital Vita Batel e na Unidade Paranaguá.

Sobre o LANAC:

Há 29 anos, o LANAC - Laboratórios de Análises Clínicas se diferencia por se manter, com orgulho, como empresa 100% paranaense. A empresa possui 45 unidades de atendimento em diversos bairros de Curitiba, além da Região Metropolitana, Litoral do Paraná, Ponta Grossa, Palmeira e Rio Branco do Sul. Hoje, o laboratório oferece mais de dois mil tipos de exames, além de coleta domiciliar e assessoria científica para médicos e conta com mais de 400 colaboradores. Recebe exames de 25 laboratórios, atuando como laboratório de apoio. A sede central, com 1.200 m², é o maior centro de análises clínicas de Curitiba. A empresa participa de testes de proficiência do Controle Nacional de Qualidade da Sociedade Brasileira de Análises Clínicas, com nota excelente desde 1992 e mantêm a certificação ISO 9001/2015 atualizada desde 2004.

Projeto Amor em Fios

O Projeto Amor em Fios conta com mais de 60 voluntárias que trabalham em prol do resgate da autoestima de pacientes de câncer, confeccionando perucas de cabelo, toucas, bonés e toucas temáticas para crianças. A matéria-prima para a confecção dessas peças é fruto de doações da comunidade de Cascavel e região.
Independente e apartidário, o Projeto Amor em Fios Cascavel não possui vínculo com nenhuma instituição de saúde. Seus produtos são enviados para qualquer parte do Brasil, via Correios, basta uma solicitação. Neste ano, vários hospitais do câncer e também asilos receberam peças do Amor em Fios.
O Projeto foi criado em 2017 pela odontóloga Simone Sarolli Preisner Braga Côrtes, ex-paciente de câncer por duas vezes.
Você enviou Hoje às 14:19
Reflexões de Suellen Trianda em prol da “Amor em Fios”
A empresária Suellen Trianda lança o seu livro “Momentos com Deus - reflexões para despertar baseadas nos Salmos.
A ideia surgiu em um momento especial de muita fé e da necessidade de transmitir força e ânimo para as pessoas que atravessam difíceis momentos. "A autora explica que, nos momentos de instabilidade, encontrou nos Salmos um precioso caminho rumo ao despertar e à felicidade genuína". Os Salmos por ela comentados já fazem sucesso no Instagram onde mantem 12 mil seguidores. São 40 reflexões para alimentar a alma em tempos difíceis. Além dos benefícios que essa obra traz para os leitores, a renda obtida com a venda será destinada para a instituição “Amor em Fios” que trabalha em prol das pessoas com câncer. Crocheteria, artesanato em fios, enxoval do bebê e muito mais. Tudo perfeito a mostra no Face Book.
São peças lindas feitas com muito carinho com total renda para a causa.
Suellen é empresária graduada em Direito com pós em Direito Empresarial. Fundadora da rede de franquias “Casa da Bruxa” com lojas pelo Brasil a fora.
Tendo como forte seu empreendedorismo Suellen atuou como Diretora da Câmara da Mulher Empreendedora de Curitiba. O lançamento será no mês de dezembro. Além do bem que a obra oferece aos leitores estarão colaborando com uma causa nobre. Uma instituição que trabalha incansavelmente para o bem das pessoas com câncer. Adquira antecipadamente o seu exemplar.
https://www.caixaderespostas.com/shop

Curitiba recebe primeiro plano de cuidado veterinário domiciliar do Brasil

My Pet Care começa a operar em novembro com plano único de R$64,90 mês e inclui vacinas anuais, vermífugos, consultas ilimitadas e atendimento a urgências e emergências em casa

Não é exagero afirmar que nos últimos anos os pets passaram a fazer parte da família do brasileiro. Para se ter uma ideia, em 2018 foram contabilizados no país 54,2 milhões de cães e 23,9 milhões de gatos, de acordo com números levantados pelo IBGE e atualizados pela inteligência comercial do Instituto Pet Brasil.

Este cenário colocou bichanos e peludinhos como foco de atenção de muitos tutores (antigamente chamados de donos), ainda mais entusiasmados para darem mais qualidade de vida aos bichinhos. Dessa maneira, os serviços do segmento pet passaram por um grande incremento, especialmente na atenção à saúde do animal, área em que se vê médicos veterinários e prestação de serviços cada vez mais especializados.

A partir de novembro, Curitiba recebe o primeiro plano de cuidado veterinário domiciliar do Brasil. O My Pet Care é uma inovação no setor, com plano único de R$64,90, que inclui urgências e emergências 24h, e também todo o tipo de atendimento que possa ser realizado na casa do tutor, como consultas, vacinas e exames, nos 365 dias do ano. A partir do segundo pet, o plano oferece desconto de 30%.

O aspecto econômico teve especial atenção no desenvolvimento do modelo de negócio, que visa trazer mais comodidade às pessoas. O cliente pode chamar quantas vezes precisar, sem limite para atendimentos. Tudo isso com valor mensal menor que uma consulta simples. “O My Pet Care nasceu de pessoas que possuem e amam animais de estimação. Somos a união de grandes especialistas em medicina veterinária com profissionais muito bons em gestão empresarial, com objetivo de oferecer um atendimento completo com foco na saúde geral do animal”, sentencia o diretor geral do My Pet Care, Bruno Mello Ferreira.

Para os cães, o plano inclui as vacinas polivalente, antirrábica, de prevenção contra traqueobronquite infecciosa canina e vacina para prevenção da giardíase. Para os gatos, são duas vacinas anuais: quádrupla felina e antirrábica. Para as duas espécies, acontece ainda a administração de anti parasitário oral, semestralmente. Além disso, a implantação do microchip também faz parte do plano – o que garante maior tranquilidade segurança para os pets e seus tutores.

O My Pet Care conta com veterinários especialistas em diversas áreas e capacitados para realizar procedimentos na própria casa do cliente. Ainda, uma UTI móvel com estrutura completa estará pronta para atender casos, do mais simples ao mais complexo.

Daniel Cooper, um dos médicos veterinários à frente do projeto, esclarece que quando necessário, o plano faz também o encaminhamento do animal para um hospital conveniado. “O atendimento em casa garante mais tranquilidade e conforto não somente para o tutor, mas para o pet em si. O ambiente de um consultório veterinário pode ser muito estressante para o animal, por isso, atender no domicílio pode resultar até em uma consulta mais efetiva em muitos casos”, esclarece ele. Em um primeiro momento, os encaminhamentos serão feitos para o Hospital Veterinário Batel, porém outros parceiros estão em fase de credenciamento, com expectativa de fechar o primeiro ano com 10 hospitais credenciados.

Serviço agrega conceitos de APH

O Atendimento Pré-Hospitalar (APH) corresponde a todo atendimento, seja de urgência, emergência ou simples consulta, que ocorre fora do ambiente hospitalar. Um tipo de atendimento muito difundido na saúde humana (exs.: empresas de socorro médico e Samu). “Agora, o princípio de estar presente com qualidade quando o paciente mais precisa será aplicado aos pets. Ou seja, oferecer toda a demanda de atendimento médico veterinário que o animal de estimação precisa e que pode ser feito no conforto e comodidade das residências, o que corresponde à grande maioria das demandas de saúde dos pets”, esclarece Bruno, que presta consultoria de planejamento e gestão para empresas de APH em todo o país.

Como funciona

O funcionamento do plano My Pet Care é simples. Equipes de atendentes e médicos veterinários estão de plantão 24h por dia. O cliente chama sempre que precisar, sem limite de chamados, pagando apenas a mensalidade.

Primeiro, o plano é contratado pelo site ou por telefone. Depois que o pagamento é processado, é agendada a primeira consulta, quando o pet recebe os primeiros cuidados e os tutores todas as orientações. A partir daí, o cliente pode solicitar atendimento sempre que precisar por meio do telefone 4007-1309. Se o caso for urgência ou emergência, uma equipe vai na hora até o local. Se for uma consulta, o cliente agenda a melhor data e horário, e o atendimento será feito na residência.

O plano oferece ainda desconto em internações e procedimentos hospitalares nos principais hospitais veterinários credenciados de Curitiba; desconto em serviços e produtos de petshop; desconto em clínicas e laboratórios especializados, conteúdos de saúde e cuidados exclusivos e remoções e transportes, com agendamento.

Sobre o My Pet Care

O My Pet Care é o primeiro plano de cuidado veterinário domiciliar do Brasil, sediado em Curitiba. Com mensalidade fixa, além de urgências e emergências 24h, 365 dias do ano, o plano cobre todo tipo de atendimento que possa ser realizado na casa do tutor, como consultas, vacinas anuais, colocação de microchip e exames. Com a atuação de veterinários especializados e capacitados para realizar procedimentos em domicílio, o My Pet Care conta com UTI móvel pronta para atender casos, do mais simples ao mais complexos.

Cirurgia plástica em jovens cresceu 141% nos últimos 10 anos

Médico alerta para os riscos da realização precoce desses procedimentos

A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) afirma que nos últimos 10 anos, a busca por cirurgias plásticas entre jovens de 13 e 18 anos registrou aumento e 141%. O Brasil lidera o ranking mundial de procedimentos realizados por esse público.

O médico cirurgião plástico Bruno Legnani afirma que não há problema em realizar o procedimento nessa idade, porém alerta que é preciso analisar qual a real necessidade do procedimento. “Pacientes muito novos muitas vezes ainda estão com o corpo em formação, então é preciso entender o real motivo da cirurgia para ver se é necessária mesmo, ou pode esperar a maioridade”, afirma.

A pesquisa TIC Kids Online Brasil 2019 mostra que cerca de 24,3 milhões de crianças e adolescentes, com idade entre nove e 17 anos, são usuários de internet no Brasil, o que corresponde a cerca de 86% do total de pessoas dessa faixa etária no país. Segundo a pesquisa, 82% das crianças e adolescentes usuárias de internet relatam usar e ter perfil nas redes sociais, o que corresponde a cerca de 22 milhões de usuários dessa faixa etária no país.

O padrão de beleza e vaidade excessiva disponíveis nas redes sociais fazem com que as pessoas procurem por uma cirurgia cada vez mais cedo. “Muitas vezes as pacientes chegam no consultório com uma referência que encontraram na internet e querem ficar igual. Porém, a cirurgia plástica respeita o biotipo de cada um e adolescentes ainda estão com o corpo em formação para uma mudança drástica” explica.

É preciso avaliar a real necessidade do procedimento e ver se ele está de acordo com a faixa etária do paciente. “A cirurgia plástica é uma grande aliada para resolver problemas estéticos. Uma orelha de abano, por exemplo, pode ser corrigida desde os 5 anos de idade”, afirma.

As pessoas estão cada vez mais críticas com sua imagem, e muitas vezes não querem fazer uma dieta, mudar um estilo de vida para chegar no resultado esperado. “A cirurgia plástica para remoção da gordura localizada, a famosa lipoaspiração, por exemplo, existe para os pacientes que têm hábitos saudáveis e, mesmo assim, não conseguem eliminar as gordurinhas. Não vai deixar uma pessoa com sobrepeso, magra”, afirma. O médico indica procurar um profissional habilitado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e muitas vezes, até um apoio psicológico, para entender a real necessidade do procedimento.

Sobre Bruno Legnani:
O médico cirurgião plástico Bruno Legnani possui título de especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), tem residência médica em cirurgia plástica e microcirurgia pelo Instituto Nacional do Câncer e fellow internacional em cirurgia plástica estética na Akademikliniken, na Suécia

‘Novo normal’ do Brasil em pandemia da Covid-19 joga luz sobre o público sênior

• Temática central da Maratona Digital da Longevidade Expo + Fórum 2020, a maturidade no cenário durante e pós-Covid-19 é debatida por médicos e especialistas
• Evento digital acontece até domingo (22)

Teve início nesta sexta-feira, 20, a Maratona Digital da Longevidade Expo + Fórum 2020, com painéis, palestras, talkshows, atividades e experiências que seguirão até domingo, 22. O evento online é direcionado para o público sênior 50+ e ao mercado que atende a esse segmento e tem como temática central a maturidade no cenário durante e pós-Covid-19.

"A pandemia de coronavírus jogou luz na 'velhofobia' e tirou da invisibilidade os idosos. É preciso lutar contra esse preconceito 24 horas por dia e não só em nossas casas, mas em nós mesmos. Temos que entender que o público sênior pode tudo, até o último dia das suas vidas", declarou a antropóloga e escritora brasileira, Mirian Goldenberg. Ela participou do primeiro painel da Maratona Digital, que abordou o equilíbrio do bem-estar pessoal dos longevos com os fatores que foram adicionados neste ‘novo normal’ que estamos vivenciando.

Miriam está ativamente em contato com grupo de superidosos 90+ que são fontes da sua nova pesquisa. Ela aproveitou esse conhecimento diário para elencar cinco pontos que observou como essenciais para estes idosos no que diz respeito ao viver o agora e o futuro.

O primeiro é a valorização da liberdade de ir e vir e do tempo. Em seguida, o amor, afeto, confiança e apoio das pessoas próximas, mesmo que à distância. O terceiro é aprender coisas novas todos os dias. E o quarto é viver uma vida com significado, com o sentimento de serem úteis, ativos e produtivos. Por último, a vontade de viver acima de tudo. "Os idosos serão os protagonistas de uma transformação da sociedade, mais amorosa, digna e compreensiva", afirmou Miriam.

O painel contou ainda com a participação do autor e fundador do Makers - plataforma de educação e inovação - Ricardo Cavallini e o arquiteto e professor de Planejamento Urbano da Universidade de São Paulo (USP), Nabil Bonduki. A conversa foi mediada pelo diretor executivo da UNIBES Cultural, Bruno Assami.

Cavallini abordou uma outra reflexão da infinidade de transformações que foram aceleradas pela pandemia e como isso está ‘obrigando’ a sociedade a evoluir mais rápido para acompanhar o ritmo. Um exemplo é o home-office, que já existia em alguma capacidade, mas que hoje é considerado uma realidade que vai seguir no pós-pandemia. "O motor das transformações pode até ser a tecnologia, mas o maior impacto no ambiente de negócios é cultural. Estamos vivendo cinco anos em cinco meses", disse ele, que ainda acrescentou: esse momento em que estamos mais abertos às mudanças é o ideal para colocar em pauta a questão da idade e aproveitarmos a oportunidade para achar novos caminhos, mais interessantes para o longevo".

Já Bonduki chamou a atenção para as políticas públicas que devem garantir os direitos dos idosos de diferentes classes sociais, uma vez que vivemos em uma sociedade desigual. Ele explicou alguns pontos fundamentais para que as cidades estejam preparadas para os longevos, entre eles, a mobilidade física para a circulação sem dificuldades nas ruas e mobilidade digital com o acesso à internet, algo que ganhou ainda mais importância no cenário atual.

Outras questões centrais apontadas pelo arquiteto são as políticas públicas que incluem os programas habitacionais e a integração de espaços de entretenimento, de cultura, lazer e esportes em um único ambiente. E também o aspecto da saúde, que vai além do atendimento médico e é estendida a outros fatores, traduzidos em qualidade de vida, como uma alimentação saudável, saneamento básico e a disponibilidade de espaços verdes com ar puro.

Cerimônia de abertura com o anfitrião Ronnie Von

A Maratona Digital da Longevidade Expo + Fórum 2020 foi pensada como uma alternativa ao evento original devido à nova realidade de distanciamento social. O Longevidade Expo + Fórum teve uma exitosa edição conceito no ano passado, com mais de 150 expositores e um público superior a 10 mil pessoas, em São Paulo. Em meio à pandemia do Covid-19, o encontro virtual pretende manter unida a comunidade de longevos em todo o país, que está conectada à internet e interagindo ativamente no ambiente online.

A abertura oficial do evento aconteceu com a apresentação dos dirigentes de instituições parceiras, que deram as visões deles sobre a longevidade e o conteúdo programado para o evento - que será baseado em saúde, comportamento e consumo. A conversa no formato talkshow foi liderada pelo apresentador, ator e cantor, Ronnie Von e o empreendedor, idealizador e presidente da Longevidade Expo + Fórum, Francisco Santos.

Entre os convidados, o diretor executivo da União Brasileira Israelita do Bem Estar Social (UNIBES) Cultural, Bruno Assami, apontou que o preconceito contra o envelhecimento é o grande desafio do século 21. Já o presidente da Seguros Unimed, Dr. Helton Freitas, comentou que a longevidade só tem sentido quando acompanhada de qualidade de vida, e que não é possível imaginar uma vida longeva sem a completa inclusão digital que deve ser acompanhada de ferramentas mais intuitivas e pensadas para o público sênior.

Participou da conversa também a presidente da Associação Brasileira de Gerontologia (ABG), Eva Bettine, que é uma entidade formada por vários especialistas que estudam o processo de envelhecimento. Ela salientou que a importância do público sênior escrever a história da qual é protagonista e que as 27 horas de conteúdo da maratona vão demonstrar como fazer isso. Para finalizar, o bate-papo com a gerente de Programas Sociais do Sesc São Paulo, Cristina Madi, lembrou que são muitas as possibilidades de reinventar-se em qualquer momento da vida e revelou que divulgará, em primeira mão, durante a programação da Maratona Digital, os resultados de uma pesquisa sobre os idosos no Brasil que foi concluída em março deste ano.

Os aspectos do atendimento médico ao público longevo

Outro assunto que ganhou destaque neste primeiro dia da Maratona Digital da Longevidade Expo + Fórum 2020 foi o atendimento médico ao público longevo. Para abordar o tema, foram convidados os médicos da especialidade de geriatria, Dr. Venceslau Coelho, Dra. Maísa Kairalla, Dr. Luiz Antônio Gil e Dra. Kellen Negreiros.

Dra. Maísa falou sobre o envelhecimento sustentável, que engloba, entre os principais pilares, a imunização por meio de vacinas. "Estamos de frente à uma revolução no envelhecimento, em que hoje, no mundo, já existem mais pessoas com 65 anos do que crianças com menos de 5 anos de idade", destacou e ainda acrescentou: "é preciso compreender que 30% do envelhecimento é genética e os outros 70% são consequências das nossas atitudes e do meio externo".

A médica apontou as três vacinas que são imprescindíveis para o público sênior: pneumonia, influenza e herpes-zoster. "80% das mortes causadas pela pneumonia são com pacientes idosos. E a vacinação contra a influenza pode reduzir o risco de infarto do miocárdio em pacientes com coronariopatia", salientou. Sobre a vacinação contra herpes-zoster, uma infecção viral pouco conhecida, a Dra. Maísa revelou que a incidência e nível de gravidade da doença aumentam com a idade. "Estudos realizados nos Estados Unidos mostram que, dos estimados 1 milhão de casos por ano, aproximadamente 70% ocorrem em adultos com mais de 50 anos de idade".

Na sequência, o Dr. Luiz Antônio Gil fez uma apresentação sobre o atendimento geriátrico em emergências. Ele ressaltou que a expectativa de vida além dos 60+ e 80+ anos serão uma regra e não excepcionalidade nas próximas décadas. Por isso, é importante que os hospitais, postos de saúde e clínicas estejam preparados para atender esse público.

"Os idosos são responsáveis por cerca de 16% de todas as visitas recebidas nos pronto-socorros", afirmou o médico. Ele apontou que, entre as mudanças para alcançar um atendimento geriátrico de qualidade, o aspecto prioritário é o olhar diferenciado para cada idoso. Além disso, também são fundamentais a educação e o treinamento das equipes de médicos, enfermeiros e todo o pessoal que trabalha nesses lugares, além de protocolos de avaliação para pontos específicos.

Já a Dra. Kellen Negreiros falou sobre como o atendimento geriátrico personalizado é a chave para a prevenção de quedas em idosos. Segundo ela, os malefícios que as quedas podem trazer às pessoas longevas podem ser, desde lesões e fraturas, à restrição de atividades, à síndrome de ansiedade pós-queda (o medo de cair novamente) até a hospitalização e óbito.

A médica explicou que a prevenção de quedas é atingida com uma intervenção multidimensional, que leva em conta as circunstâncias da queda, o inventário de medicamentos utilizados, o histórico de doenças prévias e a avaliação de acuidade visual. "A população idosa tem suas fragilidades individuais e muitas vezes não recebe o tratamento potencialmente adequado. Por isso, é importante a personalização", afirmou.

Para finalizar, o painel do Dr. Venceslau Coelho abordou a importância da inclusão digital para melhorar os cuidados com a saúde. "A inclusão digital é apenas um galho em uma árvore frondosa, uma gama multifatorial que precisamos debater", afirmou. Ele destacou que o acesso ao dispositivo tecnológico e à internet não são suficientes para incluir digitalmente. O mais importante é a capacidade das pessoas em usar essas tecnologias para se engajarem em práticas sociais significativas e cuidados com a saúde.

O poder transformador do Mindfull Eating

Ainda no bloco da manhã desta sexta-feira, 20, a Maratona Digital da Longevidade Expo + Fórum 2020 recebeu o médico especialista em Nutrologia, Dr. Andrea Bottoni, para falar sobre o conceito de mindfull eating, que é a prática de alimentação consciente que demanda a atenção plena à comida no momento das refeições.

O médico chamou a atenção para o conceito de mindfullness - que derivou o mindfull eating - que permite uma vida fora do piloto automático, o que favorece o contato com a sabedoria interna e a possibilidade de construir uma vida mais plena. "É uma abordagem simples, não fácil e profunda, em que os alicerces são a autocompaixão, não julgamento, presença, consciência, entre outros", apontou.

O Dr. Bottoni explicou que a alimentação consciente envolve a experiência de beber e comer, com toda a atenção necessária para sentir os efeitos sobre o corpo, a atenção para os aromas, cores, sabores, texturas e temperatura do alimento. Também comentou que a perda de peso pode ser uma consequência da prática, mas não é o objetivo.

Para participar da Maratona Digital da Longevidade Expo + Fórum e interagir com os speakers, enviando perguntas pelo WhatsApp, é necessária inscrição prévia no site www.longevidade.com.br. As inscrições são gratuitas.

Serviço:
Longevidade Expo+Fórum 2020 - Maratona Digital
Data: 20 a 21 de novembro de 2020, das 9 às 21 horas.
22 de novembro de 2020, das 9 às 13 horas.
Onde: Plataforma Zoom, com transmissão simultânea pelo Facebook, Instagram e YouTube.
Inscrições: www.longevidade.com.br
Para conhecer a programação completa, acesse:
www.longevidade.com.br/maratonadigital

Medicina Esportiva é novo serviço do Pilar Hospital

Com consultas bem individualizadas e detalhistas, o objetivo da nova área de atendimento é melhorar a qualidade de vida do paciente, analisando e otimizando diferentes hábitos, como alimentação, sono e exercício físico

Curitiba, novembro de 2020 – Atletas profissionais, amadores e aqueles que querem começar a praticar atividades físicas contam agora com um atendimento especializado no Pilar Hospital, que passa a oferecer o novo serviço de Medicina Esportiva - representado pelo médico Dr. Pedro Bruno Costa Murara, especialista em Medicina Esportiva, com o apoio do ortopedista esportivo, Luis Antônio Bauer e o cardiologista esportivo, José Mauro Espósito.

Com consultas bem individualizadas e detalhistas, o objetivo da nova área de atendimento é melhorar a qualidade de vida do paciente, analisando diferentes hábitos, como alimentação, sono e capacidade física. “Existem vários fatores que precisamos analisar em cada consulta, que envolve desde pressão alta, à estrutura óssea, muscular, composição corporal, diabetes e outras fragilidades que envolvem cada uma das idades e o nível de experiência em atividade física de cada pessoa. Por isso, nosso propósito é ajudar os pacientes a terem mais qualidade de vida com a prática de exercícios feita corretamente”, explica Dr. Pedro Murara.

Atletas de nível
Os atletas competidores, das mais variadas idades, contam com um atendimento personalizado, voltado à melhoria de performance, adaptação de alimentação adequada, prevenção e tratamento de lesões desenvolvidas no dia a dia dos treinos. Uma das novidades é que o serviço passa a atender, inclusive, adolescentes, a partir de 12 anos, que já treinam competitivamente.

Amadores e iniciantes
Os atletas amadores e aqueles que estão começando a fazer exercícios precisam contar com um atendimento ainda mais individualizado, voltado a identificar quaisquer possíveis restrições corporais, bem como peso, doenças pré-existentes, capacidade física, muscular, cardíaca e pulmonar. Além disso, o direcionamento de uma alimentação adequada e, até mesmo, a orientações sobre quais as práticas físicas para cada biotipo. “Como médicos do esporte voltamos nossa atenção para um conjunto de fatores no atendimento, que vai desde a condição física do paciente, seu histórico de vida, alimentação, até uma análise cardiológica bem detalhada, que visa a proteger a saúde cardíaca de quem está começando a praticar exercícios”, diz.

Idosos ou pessoas com doenças pré-existentes
Todos precisam praticar atividades físicas para melhorar a qualidade de vida, mas os cuidados com cada fase da vida são fundamentais para que os exercícios promovam melhorias, e não mais danos à saúde. Os idosos, por exemplo, que já têm uma perda muscular muito grande, dificuldades de mobilidade, precisam de um atendimento mais específico. “Para algumas pessoas é preciso que avaliemos todo um conjunto de fatores que possam ajudar, inclusive, na prevenção de quedas, no fortalecimento muscular para melhorar a qualidade de vida, como é o caso de idosos que estão em uma situação mais frágil. O mesmo ocorre com as pessoas que já têm doenças crônicas e/ou pré-existentes, pois não podem fazer toda e qualquer atividade física, é preciso adequar as orientações para cada caso e, também, o modo de praticá-la, quantidade, peso aplicado e corrigir as formas de prática, com um acompanhamento mais regular para aumentar a dose de acordo com o desenvolvimento de cada paciente”, explica o especialista.

Mulheres nas mais diversas etapas da vida
As mulheres também contam com uma atenção ainda mais especial da Medicina Esportiva. De atletas profissionais, à amadoras e aquelas que querem começar a fazer exercícios, todas têm particularidades físicas que o atendimento especializado se propõe a orientar. "O organismo da mulher é muito diferente e precisa ser entendido como único, pois, além da nutrição, dos exercícios ideais para cada uma, ainda precisamos ter em conta a necessidade de vitaminas, as alterações hormonais e as mudanças corporais de cada fase da paciente. Assim, uma análise individualizada ajuda que elas consigam atingir seus objetivos com os exercícios físicos”, destaca Murara.

Dia da Diabetes: cinco alimentos que ajudam a controlar a doença

Data foi criada para conscientizar as pessoas sobre o risco do problema, que afeta cerca de 460 milhões de pessoas em todo o mundo

O dia 14 de novembro é o Dia Mundial da Diabetes, data escolhida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pela Federação Internacional da Diabetes (IDF) para conscientizar as pessoas sobre a importância de manter uma alimentação saudável e realizar exames regularmente para evitar ou controlar a doença. Segundo dados da IDF, no Brasil cerca de 17 milhões de pessoas vivem com diabetes. O país é o quinto colocado no ranking internacional da doença, que afeta cerca de 464 milhões de pessoas, entre crianças, adultos e idosos, em todo o mundo.

Segundo a engenheira de alimentos Melissa Gomide Carpi, o cuidado com a alimentação é essencial, tanto para prevenir, quanto para controlar a diabetes. “Alguns alimentos, quando consumidos regularmente, ajudam a controlar o nível de glicose no sangue e a baixar o colesterol, o que ajuda a melhorar a qualidade de vida, na prevenção ou controle da doença. Lembrando que se já houver o diagnóstico, a alimentação saudável não dispensa o uso dos medicamentos de controle da diabetes”, afirma a gerente de inovação de produto da Jasmine Alimentos, empresa especializada em alimentos saudáveis.

Conheça cinco alimentos que ajudam a controlar a diabetes:

Aveia: A quantidade de fibras presente na aveia ajuda a manter um nível estável de glicose no sangue. A aveia também pode colaborar com a melhoria da sensibilidade à insulina.

Arroz integral: Diferente do arroz branco tradicional, o arroz integral não é submetido a um processo de refinação, o que deixa o alimento mais rico em fibras e nutrientes. As fibras atuam retardando a passagem da glicose para o sangue, impedindo que o nível de açúcar aumente rapidamente.

Maçã: a casca da maçã concentra uma fibra solúvel chamada pectina, que ajuda a controlar a glicemia, promovendo uma absorção mais gradativa da glicose, além de reduzir o mau colesterol.

Semente de linhaça: A linhaça ajuda a melhorar a sensibilidade do corpo à insulina, principalmente devido às qualidades antioxidantes desse grão. A linhaça também traz impactos positivos no triglicérides e colesterol.

Stevia natural: a stevia natural é um poderoso substituto ao açúcar tradicional, por ser um adoçante natural que, em pequenas quantidades, é capaz de adoçar mais do que o açúcar, sem alterar os níveis glicêmicos no sangue.

Sobre a Jasmine Alimentos

A Jasmine Alimentos é uma empresa referência em alimentação saudável. Com produtos categorizados em orgânicos, zero açúcar, integrais e sem glúten, a marca visa atingir o público que busca alimentos saudáveis de verdade e qualidade de vida. A operação da Jasmine começou de forma artesanal no Paraná, há 30 anos. A Jasmine está consolidada em todo Brasil e ampliando sua atuação para a América Latina. Desde 2014 a marca pertence ao grupo francês Nutrition et Santé, detentor de outras marcas líderes no segmento saudável na Europa.

A importância dos óleos essenciais

Benefícios do uso desses óleos sem agressão ao meio-ambiente

Os óleos essenciais são substâncias vegetais voláteis e extremamente concentradas, são extraídos a partir de flores, frutos, sementes, folhas, raízes e até do caule por diferentes métodos de extração. Eles conseguem penetrar em nosso organismo ao serem inalados ou através da pele, sendo absorvidos pela corrente sanguínea e metabolizados pelo corpo. Eles infelizmente são muito pouco usados na indústria cosmética brasileira, sendo usados em baixas porcentagens, porém suas utilidades são inúmeras sendo 50 a 70 vezes mais potentes que as ervas, além de não refletirem um impacto negativo a natureza. Por isso Lígia Mocelin, diretora e fundadora da Piunature fitocosméticos, 100% veganos, que vem para suprir a carência do mercado brasileiro de produtos a base desses óleos tanto essenciais como vegetais, apresenta as importâncias e impactos positivos e vantagens do uso desses óleos no uso cotidiano.

A utilização dos óleos essenciais pide ser feita atraves da inalacao com aromatizadores de ambientes chamada aromaterapia, que devido à riqueza e complexidade de seus componentes químicos abrangem diversas propriedades terapêuticas como recuperação, fortalecimento e equilíbrio da nossa saúde física, mental, emocional e energética. Os componentes atuam em conjunto e o uso do óleo essencial pode ser isolado ou uma sinergia de vários oleos que se complementam potencializando sua ação . Podem ser usados misturados com oleos vegetais, loções, sabonetes, aromatizadores e em.imumeras formulas cosmeticas. Sempre em baixas concentrações pois são muito concentrados e precisam ser usados com parcimônia. “O resultado do uso dos óleos é uma pele mais uniforme, hidratada, viçosa sem risco de irritações.” Diz Lígia. As propriedades benéficas dos óleos vão além das técnicas usuais acima, podem também ser usados em técnicas estéticas, como na massagem modeladora. Por ser uma técnica que combina manobras intensas e rápidas sobre a pele, realizando pressão a partir de movimentos de deslizamentos e amassamentos, a massagem realiza seu papel atuando sobre células mortas, acelerando a sua eliminação, também levando a estimulação da circulação e hidratando, sendo os óleos de alecrim, betula , hortelã e lavando os mais indicados para tal. Esses tipos de procedimentos juntamente com os óleos essenciais vão com certeza trazer muito resultado positivo não somente do lado de fora, mas, do lado de dentro também resultando em uma melhora na sua vida como um todo e com benefícios para o mundo.

Então se você deseja, de forma sustentável, adquirir todos esses benefícios dos óleos essenciais entre em contato conosco.

Marechal Deodoro, 2024- Alto da XV

www.piunature.com.br

(41) 98410-7489

Bernadete & Esteticista

Primeiro, Gratidão a Deus!
Primeiro, Gratidão a Deus!
Por permitir retornar ao trabalho.
Esse novo Normal, que teremos , nos adaptar. Comprindo todos os Protocolos, da Secretaria de Saúde, e vigilância Sanitária.
Agendamento as Terças-feiras e Quintas feiras, com intervalo de 1hora. Para. Energização da sala.
E com toda segurança. Assim nos vamos adaptando, com esse Novo Recomeço!!
Bernadete. Esteticista. (41) 999862875.

LANAC realiza PCR com resultado em até 24 horas para viajantes

Laboratório garante entrega do resultado para garantir exigências de alguns países do exterior e cidades brasileiras

Para atender as exigências de alguns países, como Portugal, Estados Unidos, Uruguai e Alemanha, o LANAC – Laboratório de Análises Clínicas realiza o RT-PCR com resultados em até 24h. No Brasil, alguns lugares também já começaram a exigir a testagem, como é o caso de Fernando de Noronha.
O RT-PCR detecta o vírus logo após a contaminação. “Logo nos primeiros dias de infecção pode se detectar o agente, basta existir cinco copias de vírus em 2 ml de material”, explica o bioquímico, especialista em bacteriologia do LANAC, Kozlowski.
Os resultados podem ser acessados online, mediante login e senha entregue no dia da coleta, o que facilita a apresentação do resultado para locais que exigem a testagem 24 horas antes da chegada ao destino. “Segundo a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD), não é permitido informar login e senha ao cliente por telefone ou email, por isso indicamos que o cliente tire uma foto do protocolo recebido, para não perder o acesso”, alerta Kozlowski. Um novo acesso pode ser solicitado pessoalmente, em qualquer uma das 45 unidades de coleta do laboratório.
O exame pode ser coletado na sede central do LANAC, na Rua Itupava, 998. Não há necessidade de jejum ou agendamento. O valor é R$350.

Sobre o LANAC:
Há 29 anos, o LANAC - Laboratórios de Análises Clínicas se diferencia por se manter, com orgulho, como empresa 100% paranaense. A empresa possui 45 unidades de atendimento em diversos bairros de Curitiba, além da Região Metropolitana, Litoral do Paraná, Ponta Grossa, Palmeira e Rio Branco do Sul. Hoje, o laboratório oferece mais de dois mil tipos de exames, além de coleta domiciliar e assessoria científica para médicos e conta com mais de 400 colaboradores. Recebe exames de 25 laboratórios, atuando como laboratório de apoio. A sede central, com 1.200 m², é o maior centro de análises clínicas de Curitiba. A empresa participa de testes de proficiência do Controle Nacional de Qualidade da Sociedade Brasileira de Análises Clínicas, com nota excelente desde 1992 e mantêm a certificação ISO 9001/2015 atualizada desde 2004.

Perfumarias oferecem cortes de cabelo gratuitos para quem quiser doar

No sábado (31), a Léo Cosméticos e a Emy Perfumaria disponibilizarão técnicos para atender em suas lojas

 

 

Neste sábado, dia 31 de outubro, todas as lojas da Léo Cosméticos e da Emy Perfumaria nos estados do Paraná, Santa Catarina e São Paulo terão técnicos para atender quem quiser cortar os cabelos na hora, sem nenhum custo. O objetivo é arrecadar fios para confeccionar perucas, que serão distribuídas gratuitamente, pelas instituições credenciadas, às mulheres que ficaram carecas devido à quimioterapia. A campanha JUNTOS OUTUBRO ROSA é resultado da união das perfumarias, que deixaram a concorrência de lado e se uniram em prol da autoestima das pacientes oncológicas.

Todos os tipos de cabelo, de qualquer cor, inclusive grisalhos e os com química, podem ser doados. É importante que o cabelo tenha, no mínimo, 20 cm de comprimento. Quem optar em cortar em outro local e apenas entregar o cabelo nas lojas, deve informar ao cabeleireiro que está cortando para doar. O cabelo deverá ser preso bem firme com elástico e o corte deve ser feito com o cabelo seco.

O JUNTOS OUTUBRO ROSA é um convite direto ao consumidor, para que abrace e causa e entre junto com as perfumarias na missão de elevar a autoestima de tantas mulheres que lamentam a perda dos fios devido ao tratamento. Para engajar ainda mais pessoas, a campanha convida quem for doar a tirar uma foto segurando o cabelo cortado e postar nas redes sociais usando as hashtags: #JuntosOutubroRosa #LeoCosméticos #EmyPerfumaria #OutubroRosaSolidário

No dia 30 de outubro, às 19 horas, acontecerá uma live no Instagram das duas redes (@emyararaquara e @leocosmeticos_), para reforçar o convite a quem ainda não participou da ação.

Serviço

JUNTOS OUTUBRO ROSA

Arrecadação de cabelos em todas as lojas da Léo Cosméticos e da Emy Perfumaria até o dia 31 de outubro

Cortes gratuitos no dia 31 de outubro

Mais informações no site www.juntosoutubrorosa.com.br

CONFIRA ABAIXO OS ENDEREÇOS DAS LOJAS QUE FARÃO O CORTE DE CABELO GRATUITO NO DIA 31

Lojas da Léo Cosméticos no Paraná

CURITIBA

Shopping Paladium – Av. Presidente Kennedy, 4121 | 41 3216-1002

Whats 43 991330848

Shopping Estação - Av Sete de Setembro ,2775| 41 3013-3508

Whats 43 99133-0843

Shopping Curitiba- Rua Brigadeiro Franco, 2300| 41 3149-5982

Whats 43 991318109

Shopping Jockey-  R. Konrad Adenauer, 370 - Tarumã, Curitiba - PR, 82821-020| 41 3216-1090

 

SÃO JOSÉ DOS PINHAIS

Shopping Saõ José - Rua Dona Izabel A Redentora, 1434 - Centro

Telefone: (41) 3058-5211 | WhatsApp (43) 99133-5639

 

LONDRINA

 

Rua Maranhão, 170 – Centro | 3375-2500

Rua Benjamin Constant, 777 – Centro | 43 3372-6565/3339-2525

Whats  43 9649-3456/43 9133-9838

Boulevard Londrina Shopping – Av Theodoro Victorelli, 150

Loja 32/33 – Jd. Helena | 43 3378-6565

Catuaí Shopping Londrina – Rod. Celso Garcia Cid, s/n

Térreo – Gleba Londrina | 43 3321-8569

Londrina Norte Shopping – AV. Américo Deolindo Garla, 224 – Pacaembu | 43 3339-9156

 

APUCARANA

 

Rua Ponta Grossa, 1462 – Centro | 43 3423-0088

Whats 43 988346133

ARAPONGAS

Rua Flamingos, 316 – Centro | 43 3172-0000

Whats 43 99134-0617

MARINGÁ

Av. Brasil, 3974 – Zona 01 | 44 3222-1522

Whats 44 984394728

ZAZ Perfumaria – Av. Herval, 346 – Zona 01 | 44 3028-8464

Whats 44 991699157

Av. Brasil, 3645 – Zona 01 | 44 3346-4003

Whats 44 991727169

Lojas da Léo Cosméticos em Santa Catarina

JOINVILLE

Shopping Garten- Av. Rolf Wiest,333 Sala L.58| 47 3043-9067

SÃO JOSÉ

Shopping Continente - Rodovia BR 101 - KM 210 Esquina Rod, SC-281 - Distrito Industrial | 48 3094-9108

Whats  43 99133-3199

 

Shopping Itaguaçu - R. Gerôncio Thives, 1079 - Barreiros| 48 3039-3907

 

Loja da Léo Cosméticos em São Paulo

Shopping West Plaza -  Av. Francisco Matarazzo, s/n - Água Branca, São Paulo - SP, 05003-020 | (11) 27685976

 

Loja da Emy Cosméticos em São Paulo

Emy - R. Nove de Julho, 990 - Centro, Araraquara - SP, 14801-295

LANAC oferece teste sorológico de COVID-19 a R$100

Durante o mês de novembro, o laboratório pratica tabela especial do exame, com resultado no mesmo dia da coleta

A partir do dia 3 de novembro, o LANAC – Laboratório de Análises Clínicas passa a oferecer o teste sorológico de coronavírus a R$100. O valor especial será praticado nos primeiros cinco mil testes realizados no laboratório durante o mês.

O teste apresenta 99,9% de especificidade e 98,3% de sensibilidade e identifica o IgG e IgM. Segundo o diretor do LANAC, o bioquímico e especialista em bacteriologia, Marcos Kozlowski, quanto maior a sensibilidade, menor a chance de resultados falsos negativos. “Atingimos 99,9% de sensibilidade nesse teste quando é realizado a partir do 14º dia de contágio”, explica.

A IgM é a molécula que é formada rapidamente no corpo logo após o primeiro contato com uma infecção. E a IgG demora mais tempo para ser formada e indica a doença em fase convalescente ou possível imunização do paciente. Fabricado pela Beckman Coulter, o teste apresenta registro na ANVISA e conta com o certificado Emergency Use Authorization (EUA) da U.S. Food and Drug Administration (FDA).

O exame pode ser coletado em qualquer unidade do LANAC, observando os horários especiais durante a pandemia e feriados. Não há necessidade de jejum ou agendamento, e o resultado sai no mesmo dia da coleta, se realizada até às 17h. O valor é R$100 e até o momento não é coberto pelos planos de saúde.

Sobre o LANAC:
Há 29 anos, o LANAC - Laboratórios de Análises Clínicas se diferencia por se manter, com orgulho, como empresa 100% paranaense. A empresa possui 45 unidades de atendimento em diversos bairros de Curitiba, além da Região Metropolitana, Litoral do Paraná, Ponta Grossa, Palmeira e Rio Branco do Sul. Hoje, o laboratório oferece mais de dois mil tipos de exames, além de coleta domiciliar e assessoria científica para médicos e conta com mais de 400 colaboradores. Recebe exames de 25 laboratórios, atuando como laboratório de apoio. A sede central, com 1.200 m², é o maior centro de análises clínicas de Curitiba. A empresa participa de testes de proficiência do Controle Nacional de Qualidade da Sociedade Brasileira de Análises Clínicas, com nota excelente desde 1992 e mantêm a certificação ISO 9001/2015 atualizada desde 2004.

Mesmo num ano atípico, ainda é tempo de chegar em forma para o verão

Exercícios físicos orientados, alimentação balanceada e dedicação do aluno são fundamentais para ter o corpo saudável para o verão

Durante 2020, muito se falou sobre a necessidade de se manter ativo, se exercitando, mesmo no período em que grande parte da população estava em isolamento social. Algumas pessoas não conseguiram por diversos fatores e outras cancelaram os planos das academias e agora falta motivação para voltar.
Com o verão chegando, os casos da Covid-19 dando trégua, o brasileiro começa a se animar com a possibilidade de aproveitar um pouco o verão, uma das estações mais amadas por grande parte da população. No entanto, fica a pergunta: é possível entrar em forma para o verão?
Para o personal trainer Fabiano Cristopoliski, aliando boa vontade, controle na alimentação e exercícios físicos orientados é possível sim entrar em forma e se sentir melhor para o verão. “É claro que, não adianta apenas fazer exercícios físicos se o aluno não melhora o padrão da alimentação, se adaptando a uma dieta mais equilibrada”, salienta.
Para aquelas pessoas que passaram o ano sem se exercitar, alguns cuidados devem ser retomados no retorno. “As atividades devem ser realizadas respeitando o limite de cada aluno, pois não adianta começar no pique total, e não dar continuidade. Como também não é recomendável colocar o tênis e sair para correr, ou jogar futebol – por exemplo – com a falta de atividade física, um esforço como esse pode machucar e causar lesões sérias”, alerta Fabiano. “Quando o exercício é orientado, a motivação para a regularidade da atividade física é muito maior. Se a pessoa está acima do peso, são indicados exercícios de baixo impacto para evitar que as articulações não sejam prejudicadas”, ressalta.
A pandemia também trouxe novas formas para se exercitar. Antes, sinônimo de exercício físico era academia. Hoje, depois do isolamento social, as pessoas perceberam que podem treinar nas suas casas, e manter a qualidade de vida, ou ainda, quando viajam, podem manter uma rotina de treinos. “Basta um celular, cabo de vassoura, pesos alternativos e um espaço escolhido da casa”, comenta Fabiano.
Nessa proposta existem várias consultorias esportivas que se adaptaram para essa nova forma de se exercitar. Entre elas a Treine 33, composta por educadores físicos que passam regularmente treinos diferenciados e orientados aos alunos inscritos, via Instagram. “O Treine 33 surgiu no auge da pandemia e a adesão foi muito boa, tanto que se tornou um plano mensal para os alunos, de forma que eles possam escolher criar um novo estilo de vida mais natural, saudável e possam treinar em qualquer local, em casa, na praia, na chácara ou na academia”, reforça Fabiano.
Independente se a pessoa optar pelos treinos online ou presencial, o segredo é paciência e planejamento junto ao educador físico para atingir os objetivos esperados. “Não adianta imaginar que em uma semana de treino alcançará resultados visíveis. A consistência dos exercícios físicos, aliados a dedicação do aluno é que farão diferença no resultado. E melhor do que chegar com o corpo almejado no verão, é ter saúde durante todo o ano”, finaliza Fabiano.

Sorriso alinhado: Oito fatos sobre o uso de alinhadores transparentes

Alternativa tem sido cada vez mais escolhida por dentistas e pacientes para tratamentos ortodônticos

Eles literalmente conquistaram o sorriso do público. Os alinhadores transparentes são placas customizadas de acordo com a necessidade ortodôntica do paciente e que, ao serem encaixadas na arcada dentária, fazem uma leve e contínua pressão nos dentes, movimentando-os até a posição desejada. Essa solução tem ganhado destaque no mercado ortodôntico, sendo uma opção mais confortável, segura e discreta.

1. Os alinhadores são removíveis

Os alinhadores transparentes não são fixos e podem ser removidos para que o paciente possa comer e escovar os dentes sem complicações. Os aparelhos convencionais dificultam a escovação, já que os ferros são colados no dente e não permitem o acesso completo da escova e fio dental. Além disso, há o risco de que algum bráquete se quebre e incomode.

2. Não machucam

Os alinhadores transparentes são mais fáceis de utilizar, podendo o próprio paciente colocá-los ou removê-los. Já os aparelhos convencionais são compostos por um fio de metal ligado aos bráquetes ou borrachas e fixados nos dentes do paciente. “Conforme os dentes são movimentados, o fio de metal muda de posição, podendo machucar a gengiva ou a parte interna da bochecha, além do fato de que alguma peça pode desencaixar ou quebrar”, diz a cirurgiã-dentista Caroline Aranalde, especialista da ClearCorrect. “Com os alinhadores transparentes, não tem esse problema. As placas são encaixadas nos dentes sem complicações, o que permite ao paciente mais conforto durante o tratamento”, afirma.

3. São muito discretos

Por serem transparentes, os alinhadores são quase imperceptíveis, se comparados aos aparelhos convencionais. A solução é uma ótima opção para jovens e adultos que desejam um tratamento ortodôntico discreto e eficiente. A ideia é continuar sorrindo para as fotos, sem precisar ficar com vergonha daquele sorriso metálico.

4. Permitem previsão com planejamento digital para correção dos dentes

Todo o processo é digital e permite que o paciente veja como poderão ficar os seus dentes no final do tratamento, assim como saber o tempo de duração e as mudanças que serão feitas a cada etapa. Após tirar fotos, fazer radiografia e o escaneamento, o profissional submete as informações para que seja feito o planejamento digital para o tratamento ortodôntico. Em seguida, o paciente recebe do dentista uma série de alinhadores transparentes que farão uma leve e contínua pressão nos dentes, devendo ser trocados a cada 15 dias. O dentista acompanha todo o processo e entrega periodicamente novos alinhadores para uso.

5. O escaneamento é digital

Muitas pessoas temem a chamada “moldagem” feita para ter uma visão mais certeira da arcada dentária. Mas no caso dos alinhadores não é preciso. “O paciente, junto com o dentista, pode optar por uma escaneamento digital dos dentes, sem precisar fazer a moldagem que, além de desconfortável, gera medo e mal estar em muitos casos, sem contar que os escaneamentos digitais são mais rápidos e eficientes", garante Caroline.

6. A manutenção pode ser feita a distância

Dependendo do caso, com o planejamento digital, a manutenção dos alinhadores pode ser feita de forma remota e as consultas presenciais com um intervalo de tempo maior, fatores que contribuem para o distanciamento social durante a pandemia da Covid-19. “O dentista pode entregar para o paciente mais de uma placa para que ele mesmo faça a troca a cada 15 dias. E como já tem um planejamento digital sobre como os dentes devem ficar a cada troca, o acompanhamento fica muito mais fácil e efetivo, mesmo a distância”, explica Caroline.

7. No final, o tratamento pode ter preço similar ao dos aparelhos convencionais

Muitas pessoas apontam como desvantagem o preço dos alinhadores transparentes, mas, quando comparado aos aparelhos convencionais, o tempo de tratamento é menor quando se utiliza os aparelhos ortodônticos transparentes. A cirurgiã-dentista explica que os aparelhos fixos tendem a ser mais baratos, já que o tempo de tratamento é geralmente mais longo o que possibilita um prazo maior de parcelamento dos valores a serem pagos. “Além da percepção de custo baixo, as peças podem quebrar durante o tratamento, o que gera um investimento maior para substituí-los”, considera a especialista.

8. Não é usado para bruxismo

Por fim, fica o alerta: alinhadores transparentes não são usados para diminuir os efeitos do bruxismo. É comum confundir, mas os alinhadores servem exclusivamente para corrigir o posicionamento dos dentes e a má oclusão e não apresentam outra finalidade senão essa.

Sobre a ClearCorrect

A ClearCorrect é a segunda maior marca de alinhadores transparentes para tratamentos ortodônticos do mundo, pertencente Grupo Straumann, com produção concentrada na fábrica da Neodent em Curitiba (PR). O sistema da ClearCorrect promove a movimentação dentária por meio de pressões exercidas em determinadas regiões do dente, resultando na remodelação óssea.

Oral Unic Implantes chega a dez unidades no Paraná e segue investindo no estado

Clínica especializada em implantodontia e estética orofacial vai inaugurar mais duas unidades neste ano, uma em União da Vitória e outra em Araucária

Mesmo com o grande impacto da pandemia no setor de serviços odontológicos, o segmento segue crescendo e recebendo investimentos em inaugurações de clínicas e novas tecnologias. Segundo o Conselho Federal de Odontologia (CFO), o setor tem movimentado R$ 38 bilhões por ano e continua crescendo em ritmo acelerado neste ano.

Inclusive, a procura por procedimentos estéticos, como colocação de lentes de contato, clareamento dentário, alinhamento ortodôntico e implantes segue em ascensão, impulsionada pela própria pandemia. "Algumas pessoas estão aproveitando o momento pelo qual estamos passando para realizar os tratamentos, já que podem fazer a recuperação em casa, por conta do home office", aponta o Dr. Rafael Kanan da Oral Unic Pinhais.

A franquia de clínicas especializadas em implantodontia e estética orofacial já está presente em 13 estados do país e planeja inaugurar 12 unidades em 2020 - apesar das dificuldades impostas pela Covid-19. No Paraná, a marca acaba de inaugurar duas clínicas (em Campo Largo e Pinhais) e vai abrir mais duas: em União da Vitória e Araucária, uma das cidades com o maior PIB do estado. Com isso, a Oral Unic contará com dez unidades no Paraná e 96 espalhadas pelo Brasil.

Em média, o investimento realizado é de R$ 1,1 milhão em cada unidade. Ou seja, só em 2020, o aporte para a abertura de novas clínicas será de aproximadamente R$ 20 milhões. De acordo com o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), a odontologia é a segunda profissão mais rentável do Brasil. "Isso é, também, um reflexo do avanço tecnológico e de especializações na área. Por isso, seguimos investindo em modernização e na ampliação da nossa rede, pensando em melhorar a saúde bucal de todos os brasileiros", reforça Nadim Farid Nicolau Neto, CEO da Oral unic Franchising.

INVESTIMENTOS EM ALTA

Atualmente, 74% dos atendimentos odontológicos ocorrem em clínicas particulares, o que favorece o crescimento desse tipo de negócio. Por isso, a especialista em endodontia, Dra. Monique First, decidiu investir numa franquia da Oral Unic neste ano. Ao lado dos empresários Helder Gustavo Leal, Elaine Silvana Leal e Eloir Sebastião Leal, ela inaugurou uma unidade em Campo Largo, cidade próxima a Curitiba, com um investimento de R$ 2 milhões.

A clínica especializada em implantodontia e em procedimentos de estética orofacial como lentes de contato dental, ortodontia, botox, bichectomia, entre outros, da qual Dra. Monique é a diretora clínica e responsável técnica, fica localizada na Rua Dom Pedro II, 1357 – Centro, próximo ao Hospital São Lucas. Esta é a primeira clínica da cidade com o conceito All-in-one, que possibilita aos pacientes realizar todos os exames e acompanhamentos necessários para o tratamento em um só lugar.

Também em outubro, a unidade de Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, foi inaugurada com esse mesmo padrão. Para o diretor clínico e responsável técnico da unidade, Dr. Rafael Agis Kanan, a chegada de uma clínica com essa estrutura e qualificação valoriza e amplia a área odontológica para a população da cidade. “A Oral Unic conta com uma estrutura moderna e diferenciada na qual o paciente esquece que está no dentista. Nossos especialistas são extremamente qualificados, oferecendo um atendimento humanizado, que trata o paciente de forma única e com muito respeito, transformando assim não somente o sorriso, mas a vida desses pacientes”, afirma.

Como sócios da nova unidade, os responsáveis pela clínica serão o Dr. Kanan, e a Dra. Bruna Araújo dos Santos, especialista em Implantodontia e franqueada da unidade de Curitiba, e os empresários Frederico de Oliveira Nicolau e Amauri Batista de Oliveira Nicolau. A Oral Unic Pinhais está localizada na Rua República Dominicana, 129 – Centro, próximo ao antigo Cartório.

Sobre a Oral Unic

A Franquia Premium Oral Unic Implantes foi fundada em junho de 2016 em Itajaí (SC), conta com a melhor gestão no ramo, e está presente em mais 84 cidades, espalhadas por 13 estados (Santa Catarina, Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul, Ceará, Bahia, Mato Grosso do Sul, Espírito Santo, Goiás, Pernambuco, Rio de Janeiro e Tocantins). Em 2020, há previsão que mais 12 unidades sejam inauguradas pelo Brasil.

Linha de frente: a realidade dos atendimentos odontológicos durante a pandemia

Relatório do Ministério da Saúde aponta que dentistas representam o menor índice de contaminados entre profissionais da saúde na linha de frente contra Covid-19

Se as máscaras e luvas descartáveis já faziam parte da rotina dos dentistas ao atender os pacientes, essa realidade se intensificou com a Covid-19. Protetores faciais, desinfecção mais intensa e ainda mais cuidados nos consultórios e salas de espera, utilização de máscaras especiais, redução nos números de agendamentos e constante aplicação de álcool em gel são algumas das medidas adotadas pelos profissionais da saúde bucal durante a pandemia. E alguns estudos têm mostrado que essas mudanças têm sido efetivas na proteção dos dentistas.

De acordo com o Conselho Federal de Odontologia (CFO), cirurgiões-dentistas, auxiliares e técnicos em saúde bucal representam o menor índice de contaminados entre os profissionais da saúde que estão na linha de frente contra a Covid-19 no Brasil. O relatório divulgado no início do segundo semestre pelo Ministério da Saúde apontava que, do total de pessoas infectadas, 0,17% eram cirurgiões-dentistas, o que representava 2.737 profissionais contaminados, do total nacional de 1.603.055 pessoas infectadas entre os meses de março e junho.

Outro estudo divulgado recentemente pelo The Journal of the American Dental Association mostra que, nos Estados Unidos, menos de 1% dos dentistas foram infectados pelo novo coronavírus. Em março, o jornal The New York Times havia colocado a odontologia como uma das profissões com maior risco de contágio da Covid-19, segundo dados do Departamento do Trabalho dos EUA.

O baixo número de profissionais infectados mostra que protetores faciais e desinfecção mais intensa têm auxiliado na proteção tanto dos dentistas quanto dos pacientes. Segundo uma pesquisa realizada pelo Conselho Federal de Odontologia, com 40 mil cirurgiões-dentistas, 82% dos profissionais continuam atendendo os pacientes em consultórios odontológicos com base nos cuidados de biossegurança recomendados pelo Conselho.

Essa foi a realidade do cirurgião-dentista e gerente de novos produtos e práticas clínicas da Neodent, Sérgio Bernardes, que manteve operando e seguindo todos as orientações e protocolos de segurança durante a pandemia. Ele faz parte de um universo de 328 mil cirurgiões-dentistas brasileiros, de acordo com números do CFO, que precisaram adaptar procedimentos com a chegada do novo coronavírus. A categoria foi diretamente impactada pela pandemia, já que a saliva e a propagação de aerossóis são os principais meios de transmissão da Covid-19.

Ele conta que atender os pacientes em meio a uma pandemia é uma experiência nova, desafiadora e de muita responsabilidade, visto que, além dos atendimentos de emergência, a rotina dos cuidados com a saúde bucal não pode parar. “Mesmo os consultórios sendo ambientes reconhecidamente preparados para evitar qualquer tipo de transmissão de doenças, nós tivemos que reforçar e criar novas rotinas de segurança. Novos EPIs foram incluídos e uma rotina mais rigorosa de cuidados foi implantada”, afirma.

O presidente científico da Neodent, Geninho Thomé, também é professor no Instituto Latino Americano de Pesquisa e Ensino Odontológico e esteve à frente da criação de um manual com orientações de biossegurança para consultórios odontológicos dentro do movimento “Conta Comigo”. Ele avalia que a busca pela atualização de conhecimentos foi algo fundamental para os profissionais nesse período. “É uma realidade que ninguém nunca tinha vivenciado, então tudo é muito novo. O compartilhamento de informações e tomadas de decisões criteriosas foram armas extremamente importantes nesses meses”, explica.

O manual foi uma das principais iniciativas de suporte aos dentistas elaboradas durante a pandemia. “É um momento de união do setor, como forma de resgatar a confiança do brasileiro na saúde, para que o paciente se sinta seguro ao visitar um dentista, sem medo de ser contaminado” conta Matthias Schupp, CEO da Neodent. “A proposta é tão efetiva e necessária, que foi adaptada em nível internacional e traduzida para diversos idiomas”, comenta.

Força do setor

Segundo o CFO, o setor de odontologia tem movimentado, em média, R$ 38 bilhões por ano. É a segunda profissão mais rentável no país, de acordo com o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), reflexo principalmente do avanço tecnológico e de especializações na área. Novas tecnologias que têm sido observadas de maneira bastante consistente na odontologia estética. A área também sentiu os reflexos da pandemia com o aumento considerável da busca por procedimentos, como alinhamentos e implantes.

No consultório da cirurgiã-dentista e especialista da ClearCorrect Caroline Aranalde, a procura por alinhadores transparentes deu um salto. “A pandemia trouxe uma busca pela saúde em todos os seus aspectos. Hoje, recebo em meu consultório pacientes que se viram motivados a conhecer alternativas que podem trazer melhorias tanto na autoestima quanto na qualidade de vida”, conta. A média de vendas dos alinhadores da ClearCorrect, marca utilizada pela dentista, teve um crescimento de quase 60% durante a pandemia. Para atender a demanda, a empresa adquiriu uma nova linha de impressoras 3D, um terceiro turno de operações foi implantado e o volume de produção dobrou em três meses.

“A nova realidade vivida pelos dentistas reforça a dedicação e o comprometimento dos profissionais da saúde bucal com os pacientes, mantendo os atendimentos necessários com segurança e eficiência durante a pandemia da Covid-19”, finaliza Matthias.

Sobre a Neodent

Fundada há mais de 25 anos, a Neodent é a empresa líder em implantes no Brasil, onde vende mais de um milhão de implantes anualmente. A Neodent está entre os três principais fornecedores de implantes do mundo e está disponível em mais de 60 países. O sucesso da marca se deve a suas soluções odontológicas diretas, progressivas e acessíveis, que trazem novos sorrisos para milhões de pessoas. Sediada em Curitiba, Brasil, a Neodent® é uma empresa do Grupo Straumann (SIX: STMN), líder global em substituição de dentes e soluções odontológicas que restauram sorrisos e confiança.