Artistas brasileiras selecionadas para a exposição “The Venice Glass Week” na Itália

As artistas brasileiras Désirée Sessegolo e Cristine Baena foram selecionadas para expor suas obras “Vuoti” e “Viva La Vida”, respectivamente no “The Venice Glass Week”, a maior exposição de arte em vidro na cidade de Veneza, na Itália.

VUOTI-DESIREE-SESSEGOLO-FOTO2

Uma iniciativa promovida pela Câmara Municipal de Veneza e concebida por Fundação dos Museus Cívicos de Veneza, Fundação Giorgio Cini-LE STANZE DEL VETRO, Instituto Vêneto de Ciências, Letras e Artes e pela mais importante associação do setor, a Consorzio Promovetro Murano, gerente da marca da Região Veneto Vetro Artistico® Murano – faz parte do programa de “Grandes Eventos” apoiado pela Região do Vêneto.

Centenas de pedidos de participação foram recebidos pelo secretariado do “The Venice Glass Week” e selecionados pelo Comitê Científico, presidido por Rosa Barovier Mentasti – historiadora do vidro veneziano e composto por Rainald Franz – diretor do MAK-Museu Austríaco de Artes Aplicadas / Arte Contemporânea de Viena, Susanne Jøker Johnsen – diretora da Royal Danish Academy – Architecture, Design e Conservação de Copenhague e Diretora do Centro Europeu de Vidro e Cerâmica em Bornholm, na Dinamarca, acompanhados pelo curador Jean Blanchaert e o artista Marcantonio Brandolini d’Adda. 

Pedidos de fundações, galerias de arte, museus, instituições culturais, universidades, institutos de ensino superior, vidrarias, fornos, empresas, artistas e colecionadores privados italianos e estrangeiros confirmam a grande vivacidade do cenário artístico, cultural e produtivo na cidade e a força atrativa de um tema que também é sentido no exterior, como uma “linguagem universal”.

O programa do festival, de acordo com a tradição, consistirá em iniciativas das mais variadas espalhadas pela região, em sua maioria com entrada gratuita e terão como tema principal o vidro artístico e terá apelo a públicos de todas as idades, envolvendo as cidades de Mestre, Veneza e Murano. 

Forte pela valorização das edições anteriores, um dos centros nevrálgicos do evento na cidade será o HUB da Semana do Vidro de Veneza, no Campo Santo Stefano, no Instituto Vêneto de Ciências, Letras e Artes na sede do Palazzo Loredan, que nesta edição hospedará uma seleção de obras de cerca de vinte artistas locais e internacionais, onde duas artistas brasileiras exporão suas obras.

 “The Venice Glass Week” é realizado desde 2017 e este ano, acontece de 04 a 12 de setembro, nas cidades de Veneza, Murano e Mestre na Itália. Serão expostas obras de mais de vários artistas do mundo todo e este ano, do Brasil, somente duas artistas foram selecionadas.

Em sua terceira participação, a artista brasileira Désirée Sessegolo apresenta sua obra intitulada de “Vuoti” (vazio, em português). A instalação é composta por 300 peças em vidro branco, suspensas por fios de nylon, medindo 2,5 metros de comprimento por 0, 50 metros de largura e profundidade, pesando 10 quilos. As peças foram produzidas por meio de uma técnica própria no atelier da artista em Curitiba, que com suas diferentes formas, compõem uma obra inspirada no abstracionismo orgânico de Henry Moore, Barbara Hepworth e no surrealismo de Joan Miró.

“Vuoti” expressa a linguagem da artista, caracterizada por criar espaços vazados em vidro, evidenciados por efeitos de luz e sombra, como forma poética de evidenciar o vazio onipresente no universo, instigando o observador a reflexões.

O material utilizado é de origem tcheca, fabricado seguindo legislações europeias de proteção do meio ambiente e todos os resíduos gerados na realização da obra, foram integralmente reciclados na produção de acessórios de moda, à venda no site da artista –www.desireesessegolo.com, comprovando o inesgotável potencial de transformação e reciclagem do material. Como técnica, Désirée Sessegolo desenvolveu a sua própria, denominada como “Vidro Celular”, definida pelo seu processo de fusão, onde as partículas de vidro se movimentam buscando um equilíbrio físico, originando texturas orgânicas compostos por espaços vazados que remetem a texturas celulares.

“Ao associar as formas vazias, estabelecemos uma relação que vai além do pensamento estético, propondo também uma reflexão sobre a frágil e delicada presença da vida no universo.”, explica Désirée Sessegolo sobre a concepção de suas obras.

Desiree_Sessegolo_01_Credito Luana CaetanoDesiree_Sessegolo_01_Credito Luana Caetano.

Já a artista Cristine Baena, apesar de já ter participado de outras exposições, estreia no “The Venice Glass Week” com sua obra “Viva La Vida” (Viva a vida, em português).

Cristine_Baena01

Cristine_Baena01.jpeg

Toda construída com descarte de copos de vidro adquiridos por quilo de uma cristaleira paulistana e fundidos, estes cacos são tecnicamente retrabalhados e esculpidos para surgir a obra numa sincronia entre o velho e o novo ao utilizar ainda garrafas de vidro recortadas e recicladas. “Viva La Vida” é uma obra que retrata as máscaras que todos nós usamos diariamente buscando aprovações e nos libertamos quando finalmente conseguimos transformá-las, mostrando realmente como somos, de corpo e alma.

“Este trabalho é sobre as máscaras que todos usamos e a coragem de nos libertarmos da aprovação dos outros”, explica Cristine Baena sobre a ideia da concepção de sua obra. “A força dentro de nós rompendo paredes e energias acumuladas durante nossas vidas. Podemos amar a nós mesmos, aos outros. Podemos AMAR.”, conclui a artista.

“Viva la Vida” leva o espectador a se colocar dentro da obra vivenciando a emoção de liberdade e autoconhecimento, convidando-o a olhar através, entre ou contra as imagens disformes, procurando por um ângulo, uma sombra, uma composição que faça sentido dentro de sua própria busca.

Cristine tem grande parte de seu trabalho em obras de arte suspensa, mas trabalha também com a criação de peças exclusivas de decoração e acessórios de moda, misturando outros materiais ao vidro, sempre sua principal matéria prima.

A composição da obra de Cristine Baena mede 40 x 40 x 40cm, pesa dois quilos, utilizando o método de fusão em vidro, que possibilita infinitas formas, texturas, densidade e VIDA ao vidro, diferente e contrapondo como conhecemos o material, rígido, geométrico e frágil. Sua inspiração vem da transparência e seus estados. As cores ou a ausência delas, as dimensões associadas a emoções que transcendem e sublimam sentimentos ocultos.

O festival The Venice Glass Week é promovido pela Câmara Municipal de Veneza e organizado pela Fundação dos Museus Cívicos de Veneza, LE STANZE DEL VETROFundação Giorgio Cini, Instituto Vêneto de Ciências, Letras e Artes e Consórcio Promovetro Murano.

Para acompanhar tudo o que estará acontecendo sobre o The Venice Glass Week, os interessados devem assinar a newsletter no site oficial do evento, no https://www.theveniceglassweek.com/.

Sobre o festival:

Com um programa de eventos, no conceito híbrido, tanto on-line como presencial na cidade de Veneza, o festival “The Venice Glass Week” conta com exposições, demonstrações e visitas guiadas, tendo como base o sucesso alcançado em 2019 quando 103.000 visitantes reuniram-se em Veneza, Murano e Mestre para participar dos mais de 200 eventos propostos em mais de 100 locais diferentes. Mesmo em um ano complicado pela Covid-19, como foi 2020, obrigando a indústria do vidro a fechar por meses, a edição #TheHeartOfGlass teve mais de 62.000 visitantes.

A “fabricação” do vidro é um conhecimento repassado de tradições ancestrais por gerações, enraizadas no DNA de Veneza, uma cidade que respira arte e produção, sempre inovando, unindo tradição e modernidade, tornando-se um orgulho italiano, admirado no mundo todo.

Sobre Désirée Sessegolo:

Désirée Sessegolo, é uma artista multidisciplinar ítalo-brasileira nascida na cidade de Curitiba, Brasil. Formada em Design pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), seu trabalho é reconhecido pelo Museu Alfredo Andersen, Casa João Turin, Museo del Vidrio de Bogotá, International Biennale of Glass na Bulgária e The Venice Glass Week na Itália dentre outros. Já participou de mais de 50 mostras, sendo 8 individuais, 27 coletivas e 15 internacionais. Possui escultura no acervo da International Biennale of Glass na Bulgária e além do Brasil, um atelier também em Vicenza, na Itália.

Outras conquistas da artista em 2021:

– The Glass Prize – Reino Unido (artista selecionada) com a obra “Empty”
– International Biennale of Glass – Bulgária (artista selecionada) com a obra “Voids”

Contatos:
Site: www.desireesessegolo.com
Facebook: www.facebook.com/veniceglassweek/
Instagram: @desireesessegolo
WhatsApp: 055 41 99963-2784
E-mail: desiree_sessegolo@hotmail.com

Sobre Cristine Baena

Cristine Baena é paulistana de nascença, mas com alma inquieta, viveu em Miami, Curitiba e Cidade do México. Formou-se em Artes Visuais na Universidade Tuiuti em Curitiba, onde inicia sua carreira. Mudou-se para o México, onde trabalhou como artista residente no Studio Romero Gurman, de 2008 a 2011.

É membro da Glass Art Society (GAS), e participa de conferências anuais nos EUA. Também é membro da Scottish Glass Society e da Contemporary Glass Society (UK), além de ter participado da Masterclass com Richard Wentworth no North Lands Creative Glass em Lybster, na Escócia, em Setembro de 2016, um marco em sua vida.

Fez uma série de oficinas em Barcelona, EUA e São Paulo para aprender e desenvolver técnicas de manipulação de vidro.

Modernistas como Antoni Gaudí, Alexander Calder, Henry Moore e Wassily Kandinsky são alguns dos grandes mestres inspiradores de suas obras.

Executou obras nos Estados Unidos e teve duas exposições próprias entituladas “Alma de Vidro”, uma em Ouro Preto, em 2017 e a outra em São Paulo no D&D, em 2019. Vivendo agora no Brasil está com projetos em andamento.

Teve seu recente trabalho “Hope” avaliado por um júri da Glass Art Society (GAS) que a levou a participar da exposição “Visions in Glass” em St. Petersburg, FL, em Abril de 2019 e em 2020, teve sua outra obra “Tribo” selecionada pelo júri da Glass Art Society, sendo convidada a expor na Suécia.

Participação de Cristine Baena no The Venice Glass Week

2021 – Viva la Vida

Outras conquistas de 2021

– The Glass Prize – Reino Unido (artista selecionada) com a obra “Hope”

– Exhibition Textures da Contemporary Glass Society – Reino Unido (exposição on-line)

Contatos:

Site: http://www.cristinebaena.com/

Facebook: www.facebook.com/cristinebaenaglass

Instagram: @cristinebaena_art / @baenaglassstudio

WhatsApp: +55 11 99858-1777

E-mail: cristinebaena.art@gmail.com

Serviço:
Exposição – The Venice Glass Week
Data: 04 a 12 de setembro de 2021
Local: Instituto Vêneto de Ciências, Letras e Artes
Endereço: Campo Santo Stefano, 2945, Veneza
Entrada: Gratuita
Informações: www.theveniceglassweek.com
Site do evento: www.theveniceglassweek.com

VIVA-LA-VITA-CRISTINE-BAENA

*com divulgação

Categorias:AGÊNCIAS DE COMUNICAÇÃO, AGENDA DA SEMANA, AGENDA DO FIM DE SEMANA, ARQUITETURA/DESIGN, BRASIL, COLUNA VANESSA MALUCELLI, CULTURA, DIVIRTA-SE, evento, FREE LIFESTYLE, LANÇAMENTOS, mostra, MUSEUTags:, , , , , , , , , , , ,

VanessaMalucelliAndersen

Colunista do Site — Divirta-se Curitiba!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s