Selo de Qualidade Técnica para ópticas é lançado no Paraná como um benefício para a população e para o mercado de saúde visual

Iniciativa do Conselho Regional de Óptica e Optometria do Paraná e do SINDIÓPTICA/PR auxilia os consumidores na busca de bons serviços, qualifica o trabalho dos profissionais da área e promove a percepção de que as óticas são estabelecimentos de saúde

Os paranaenses que necessitam de óculos e o mercado de óticas do estado vão contar com um benefício na busca pela qualidade em lentes para correção visual. O Conselho Regional de Óptica e Optometria do Paraná – CROO/PR e o Sindicato do Comércio Varejista de Material Óptico, Fotográfico e Cinematográfico no Estado do Paraná – SINDIÓPTICA/PR lançarão um Selo de Qualidade Técnica, que será conferido aos estabelecimentos que cumprirem com as exigências da categoria para oferecer produtos de qualidade e apropriados para a saúde dos olhos.

“A visão é o mais importante dos sentidos humanos, merece ser tratada com respeito e cuidado. A ideia do selo nasceu da necessidade de sinalizar, tanto para o consumidor, quanto para o próprio setor óptico, que estabelecimentos trabalham de acordo com os critérios técnicos e éticos exigidos para o setor”, explica Franklin Kerber, vice-presidente do CROO/PR e optometrista. O selo será concedido a estabelecimentos que contam com profissionais ópticos aptos para garantir: a interpretação correta da prescrição, armações adequadas para o rosto, medidas para uma perfeita adaptação dos óculos e as melhores lentes.

O lançamento do selo está marcado para 1º de outubro (sexta-feira) às 19h, no Senac Centro (Curitiba/PR), em um evento para convidados. Na ocasião, será realizado um coffee break seguido de uma apresentação, que contará com cinco profissionais envolvidos na iniciativa: Reginaldo Alberto Pereira (bacharel em optometria e pós-graduado em ortóptica e reabilitação visual), Carlos Eduardo Scarpim Winnikes (bacharel em optometria), Arlindo Mitsuo Tsumanuma, (técnico óptico e optometria), Fabio Prestes Barbosa Meger (assessor jurídico do CROO/PR) e José Alberto Pereira (presidente do SINDIÓPTICA/PR).

Esta ação conjunta entre os representantes dos profissionais técnicos em óptica e dos comércios varejistas de artigos ópticos visa valorizar aqueles que trabalham de forma adequada, bem como dar visibilidade aos consumidores sobre a importância de escolher bem os estabelecimentos em que irão adquirir suas lentes. “O selo é ao mesmo tempo uma forma de certificar as boas práticas do estabelecimento óptico, e um compromisso de que a óptica aplica com rigor critérios técnicos e éticos estabelecidos por lei e pelo código de ética profissional do Conselho Brasileiro de Óptica e Optometria. Para o consumidor, é a garantia de receber o melhor para suas necessidades de saúde visual. Para o profissional de óptica, a segurança de uma concorrência leal, balizada nas melhores práticas”, aponta Franklin Kerber.

Óticas precisam ser encaradas como lojas de saúde
Não existe hoje a percepção de que uma óptica seja uma casa de saúde, tanto quanto uma farmácia. No entanto, esta é uma visão que precisa ser mudada, e a criação do Selo de Qualidade Técnica pode contribuir com essa mudança. “De fato não há como negar que a escolha dos óculos, das armações, têm um grande impacto sobre a imagem pessoal, e estes são sim itens de moda. Porém, o propósito principal desses itens não pode ser ignorado. Óculos bem adaptados, lentes produzidas com material de qualidade, construídas com precisão, são essenciais para um bom desempenho no trabalho, nos estudos, e na vida em geral. Especialmente em tempos onde tanto da visão tem sido exigido. Boa parte de nós passa horas a frente de uma tela, dependemos cada vez mais de nossa capacidade de enxergar bem e com conforto. Então é preciso encarar a óptica como estabelecimento de saúde, e que a escolha adequada das lentes, dos óculos, é uma responsabilidade compartilhada entre o óptico e o cliente, aliando um excelente design com perfeição técnica que o sentido da visão merece”, afirma Franklin Kerber.

Sobre o CROO/PR
Com sede em Curitiba, o Conselho Regional de Óptica e Optometria do Paraná – CROO/PR é uma associação privada que representa no estado os técnicos em óptica (responsáveis pelos estabelecimentos que comercializam lentes e óculos) e os optometristas, que são profissionais da área da saúde visual que trabalham na atenção primária com prevenção de disfunções oculares e correção de erros refrativos, além de atuarem em terapia visual e adaptação de lentes de contato. O CROO/PR tem entre seus objetivos lutar pela regulamentação do exercício do profissional optometrista, esclarecer para a sociedade questões que envolvem o desenvolvimento da saúde visual da população paranaense, e também fazer propostas de readequação e reorganização dos atendimentos em saúde ocular.

Serviço:
Lançamento do Selo de Qualidade Técnica CROO/PR e SINDIÓPTICA/PR
Local: Senac Centro (Rua André de Barros, 750, 10º Andar – Curitiba/PR)
Data e horário: 1º de outubro (sexta-feira) às 19h

Inspiração: 4 projetos que apostaram nas pedras naturais para a área externa

Partilhar bons momentos ao ar livre tem tudo a ver com a chegada da primavera, não é mesmo? Com as temperaturas mais altas, aproveitar os últimos momentos do dia ou um fim de semana de sol na área externa é um dos must have da estação.

Se você deseja investir em um décor singular e impactante para esse ambiente da casa, apostar no uso de pedras naturais é uma tendência que não sai de moda. Dentre as opções, travertinos, limestones e mármores em tons claros, para não absorver o calor. Seja qual for a escolha, uma dica é optar pelo acabamento levigado, como ressalta a diretora da NPK Mármores, Debora Merhy. “Por se tratar de uma área com piscina e grande circulação de pessoas, o acabamento levigado garante mais segurança, já que tem um efeito mais antiderrapante”, explica.

Além disso, os materiais tem alta durabilidade, resistência e fácil manutenção – quando bem impermeabilizados, é claro. Outro ponto positivo é o conforto térmico que a pedra oferece, já que não esquenta com tanta facilidade quanto outros tipos de revestimento, além das sensações que desperta pelo contato direto com o material natural – pisar em uma pedra é sempre relaxante. “Nesse sentido, pedras como travertinas e limestone também trazem mais frescor ao ambiente, porque são atérmicas”, comenta Debora.

Vale lembrar que cada bloco de pedra natural carrega consigo a força de milhares de anos de sua formação, trazendo além da beleza a energia da natureza aos projetos. Confira alguns projetos que tem como destaque a beleza das pedras naturais. Confira:

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=221795&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253C013801d7b46d%2524a8dbefe0%2524fa93cfa0%2524%2540primecomunicacao.com.br%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3C013801d7b46d%24a8dbefe0%24fa93cfa0%24%40primecomunicacao.com.br%3E-1.2

Projeto: Priscilla Muller, com Travertino Navona da NPK | Foto: Eduardo Macarios

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=221795&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253C013801d7b46d%2524a8dbefe0%2524fa93cfa0%2524%2540primecomunicacao.com.br%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3C013801d7b46d%24a8dbefe0%24fa93cfa0%24%40primecomunicacao.com.br%3E-1.3

Projeto: Marcos Bertoldi, com Limestone Monclair da NPK

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=221795&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253C013801d7b46d%2524a8dbefe0%2524fa93cfa0%2524%2540primecomunicacao.com.br%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3C013801d7b46d%24a8dbefe0%24fa93cfa0%24%40primecomunicacao.com.br%3E-1.4

Projeto: Marchetti Bonetti, com Travertino Romano da NPK | Foto: Rô Reitz

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=221795&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253C013801d7b46d%2524a8dbefe0%2524fa93cfa0%2524%2540primecomunicacao.com.br%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3C013801d7b46d%24a8dbefe0%24fa93cfa0%24%40primecomunicacao.com.br%3E-1.5

Projeto: Jayme Bernardo, com Limestone Vermont da NPK | Foto: Eduardo Macarios

Montanha russa é a atração do mês das crianças no Shopping Mueller

Brinquedo tem safári como tema e pode ser aproveitado por crianças a partir de 3 anos, sem limite máximo de idade
Durante todo o mês de outubro, crianças e adultos podem se divertir na Montanha Russa Safári Radical instalada no piso L 4 do Shopping Mueller. A atração vai reunir toda a família porque a partir de três anos de idade todo mundo poderá brincar. O carro da montanha russa lembra os veículos 4x4 utilizados nos safáris da África do Sul. Para completar a temática, o local foi ambientado com réplicas de animais como zebras, girafas, tigres e macacos, além de vegetação típica da região.

A Montanha Russa Safári Radical é um brinquedo seguro e segue todos os protocolos sanitários. A atração tem capacidade máxima para receber quatro crianças ou dois adultos e duas crianças simultaneamente. O ingresso individual custa R$ 30 e dá direito a três voltas no percurso. Para garantir ainda mais segurança, é feita a higienização constante do brinquedo e o uso de máscara de proteção é obrigatório durante todo o período de permanência no shopping.

Além da montanha russa indoor, o Shopping Mueller tem outras opções de lazer para a família, confira:

Pista de Patinação Roller Boogie (últimos dias)

A atração é para toda a família e fica aberta ao público até o dia 3 de outubro. Com mais de 200 metros quadrados de pista, o espaço tem capacidade para receber até 25 pessoas, dependendo da idade dos usuários que estiverem no local. A Roller Boogie conta com uma equipe de monitores treinados que ajudam na troca de patins, com os equipamentos de proteção, além de prestarem o auxílio necessário aos usuários da pista. Podem participar da brincadeira crianças a partir de cinco anos. O valor é de R$25 para 30 minutos e R$40 por uma hora de patinação. Os valores incluem todos os equipamentos, como patins, joelheiras, cotoveleiras, capacete, proteção para as mãos e kit de higiene com touca e meias descartáveis para garantir uma diversão segura. Quem preferir levar seu próprio roller ou patins convencional poderá utilizar a pista pelo dobro do tempo, ou seja, paga meia hora e pode permanecer na pista por até uma hora ou paga por uma hora e fica até duas horas.

Kids Park
O Kids Park é um espaço com brinquedos eletrônicos, televisão com desenhos animados, jogos de computador, fliperama e brinquedos de aventura. O local conta com o apoio de uma equipe treinada para garantir a tranquilidade dos pais e a segurança dos filhos. Atende crianças de até 12 anos. O ingresso custa R$30 por 30 minutos e R$35 por 1 hora.

SERVIÇO:
Mês das Crianças – Shopping Mueller
Local: Shopping Mueller - Avenida Cândido de Abreu, 127 – Centro Cívico, Curitiba (PR) – Piso L4
Horário: De segunda a sábado, das 10h às 22h. Domingo e feriados, das 14h às 20h.
Telefone: 41 3074-1000
Informações: www.shoppingmueller.com.br
Facebook: www.facebook.com/MuellerCtba
Instagram: @muellercwb

Sobre o Shopping Mueller
Desde sua inauguração, em 1983, o Mueller se preocupou em permanecer como uma referência em estilo, conforto e sofisticação. São mais de 200 lojas de marcas de renome nacional e internacional, além do moderno complexo de cinemas Cinemark, que conta com salas de exibição em 3D, restaurantes, atividades culturais e as melhores experiências.

Armazém do Espetinho defende os butecos do Paraná na Final Nacional do Comida di Buteco

COMIDA DI BUTECO 2021: FASE NACIONAL APONTARÁ O MELHOR BUTECO DO PAÍS

Armazém do Espetinho - Petisco: “De Lamber os Dedos” - Foto: Divulgação
Os butequeiros de todo o país estão em festa. Afinal, os apreciadores da culinária de raiz conhecerão o grande campeão do Concurso Comida di Buteco 2021. Após as etapas regionais por todo o país, realizadas entre 20 de julho e 30 de agosto, o principal concurso do gênero elegerá o vencedor entre os 21 campeões. O sistema segue o mesmo, com três jurados visitando os butecos, avaliando as categorias petisco, atendimento, higiene e temperatura da bebida.

O representante de Curitiba é o Armazem do Espetinho, que depois de ter ficado em quarto no ano passado, nesta edição foi o grande vencedor. O petisco é “De lamber os dedos”, feito com tulipas de frango assadas na brasa, refogadas na mostarda e mel com gengibre, salpicadas de coentro, acompanhado de chips de batatas. “A ideia era fazer um prato simples, que remetesse ao que nós realmente somos, nossa essência, e também nossas raízes”, destaca Eliane Martins, uma das comandantes do estabelecimento ao lado de Gil Martins.

A escolha do campeão nacional acontece pelo quinto ano consecutivo. Os integrantes da comissão de jurados específica para esta etapa visitarão os estabelecimentos em cada uma das cidades, entre 16 e 30 de setembro. A premiação da Fase Nacional acontecerá no dia 6 de outubro, na cidade de São Paulo.

SERVIÇO
ARMAZEM DO ESPETINHO
“De Lamber os Dedos”
Endereço: Rua Barão de Santo Angelo, 1507
Telefone: (41) 3779-1950

Números de sucesso

Apesar das dificuldades provocadas pela pandemia, especialmente no começo, o Comida di Buteco festeja o sucesso de mais uma edição e os números confirmam essa avaliação positiva. Em um mês, o concurso movimentou mais de 40 cidades, totalizando 400 mil votos (50% do atingido em 2019), mas se consideradas a perda de butecos, as restrições com número de mesas/capacidade de atendimento e restrições de horário, o resultado é positivo. Além disso, o movimento “Salve os Butecos”, criado para garantir um fluxo de caixa para os butecos, conseguiu gerar mais de dois milhões de reais, em espécie, produtos doados aos butecos e mídia bonificada pelos veículos, que foram fundamentais neste momento para a manutenção dos participantes.

A participação nas redes sociais também teve saldo positivo. As redes sociais geraram, ao longo dos 30 dias, 13 milhões de pessoas atingidas, com mais de 60 milhões de impressões. O site teve nada menos que 2 milhões de page views e média de 4,5 min de permanência. Melhor ainda foi que não registrou nenhum comentário negativo relativo à realização do concurso, apenas interações de apoio e participação positiva, indicando a predisposição do público em ajudar os butecos na sua luta para se manterem abertos e poderem colher resultados durante o concurso.

“São número muitos bons e que, em meio a pandemia, devem ser ainda mais valorizados. Os participantes estão de parabéns pelo profissionalismo e compromisso com o concurso e nosso muito obrigado aos fãs do Comida di Buteco que, mais que a fidelidade ao nosso concurso, foram sensíveis ao objetivo de ajudarem os butecos a continuarem em atividade. Agora, o foco é para a eleição do melhor do país, uma missão difícil para os jurados em razão do alto nível dos finalistas”, destaca Flávia Rocha, organizadora do Comida di Buteco.

A relação de finalistas e seus petiscos é a seguinte:
Belém (PA) - Egua Tche – Belém – “Pão da Terra”
BH (MG) - Café Palhares – Belo Horizonte – “Bochecha de porco ao vinho, vatapá de banana da terra e beterraba”
Brasília (DF) - Bem Amigos Bar – Brasília – “Bolinho de Salmão”
Campinas (SP) - Eskina Bar – Campinas – “Escondidinho Maluco Beleza”
Curitiba (PR) - Armazém do Espetinho – Curitiba – “De Lamber os Dedos”
Florianópolis (SC) - Centro Social da Cerveja – Florianópolis – “Canoa do Portuga”
Fortaleza (CE)- O Camocim – Fortaleza – “Melhor do Mundo”
Goiás (GO) - Bar do Chicão - Goiânia – “Casal Raiz”
Juiz de Fora (MG) - Reza Forte – Juiz de Fora – “Mineiroca”
Manaus (AM) - Quiosque Beer (Tetracampeão) – Manaus - ”Raízes de Cabôco”
Monte Claros (MG) - Thom Bar - Montes Claros – “Rapunzel no sertão das raízes "encantadas"
Poços de Caldas (MG) - Rota do Petisco – “Poços de Caldas - Uai Sô
Porto Alegre (RS) – Tuim - Porto Alegre - “Até Gaúcho Come”
Recife (PE) – Esquina do Malte - Areais – “Minhas Raízes”
Ribeirão Preto (SP) – Empório Mobiglia – Ribeirão Preto – “Tá na Tábua”
Rio de Janeiro (RJ) – Boteco do Portuga - Baixada Fluminense – “Roupa Velha”
Salvador (BA) – Forças Bar – Salvador – “Mix de Raízes”
São José do Rio Preto (SP) - Bar do Cidinho – S.J. Rio Preto – “Costeleti de batata-doce”
São Paulo (SP) - Bar do Jão – São Paulo – “Lascas Madeirense da Vó Encarnação”
Uberlândia (MG) - Camindo d' Casa – Uberlândia – “Costela Cura Cachaça”
Vale do Aço (MG) - Bar Galpão – Ipatinga – “É a Rapa de Um e o Fucinho do Outro”

NATAL DO BRADESCO CONFIRMADO EM 2021

Pelo segundo ano consecutivo, espetáculo será virtual

Para atender as normas de distanciamento social ainda vigentes em Curitiba, o Bradesco promoverá o Natal do Palácio Avenida em formato virtual pelo segundo ano consecutivo. Com o tema “O Segredo das Janelas, O Natal da Esperança”, a apresentação será um show especial, que será gravado e então transmitido no dia 18 de dezembro no YouTube do banco e YouTube do Teatro Bradesco.

A celebração contará com a participação de artistas brasileiros e de crianças coralistas com muita música, diversão e esperança de dias melhores para todos. Também estão previstas ações de interação com o público, que, assim como os artistas confirmados nesse ano, serão comunicadas em breve. Com uma nova transmissão do evento de forma online, o Bradesco democratiza ainda mais o espetáculo natalino mais tradicional do Brasil, levando-o de norte a sul do país.

Programa Educação: transformação social através da música
Tradicionalmente, o coral natalino é composto por crianças e adolescentes de instituições de acolhimento apoiadas pelo Programa Educação, do Bradesco, que promove desenvolvimento psicossocial através da oferta de plano de saúde e de aulas de educação musical.

A musicalização normalmente tem início no começo do segundo semestre e vai até o fim de outubro. Em novembro, começam os ensaios para o espetáculo de Natal. Diante da importância das aulas - que contribuem para estimular o autoconhecimento, a criatividade, a socialização e a interação entre os participantes -, o programa segue com seu compromisso junto às crianças com as atividades de educação musical também acontecendo de maneira online com a equipe da maestrina Dulce Primo.

Serviço:
O que: Natal do Bradesco 2021
Quando: 18 de dezembro
Horário: 20h
Onde: YouTube do Bradesco e YouTube do Teatro Bradesco

OSKLEN CURITIBA RECEBEM VESTIDOS DA LINHA “BIG HEART” QUE SÃO PRODUZIDOS COM VISCOSE DE MADEIRA REFLORESTADA

As peças fazem parte da cápsula "batidas do coração" e carregam o conceito da marca com material diferenciado e sustentável

Os vestidos da linha "Big Heart" da coleção Balance que já se encontram nas lojas da Osklen em Curitiba refletem a leveza do verão e da moda sustentável. A estampa exclusiva da linha tem cores intensas e envolventes. E o tecido leve e fresquinho é de viscose-e, produzido a partir de madeira reflorestada. Uma iniciativa sustentável que reduz em 50% o uso de água e a emissão de CO2 quando comparada com a viscose tradicional. A viscose-e utilizada pela Osklen é confeccionada a partir da celulose de madeiras oriundas de reflorestamento e manejo sustentável certificadas pelo Forest Stewardship Council (FSC), Programme for the Endorsement of Forest Certification (PEFC) e EU Ecolabel.
Outra característica é a versatilidade do Big Heart Midi Destacável, no qual o top pode ser usado separadamente da saia – transformando o vestido em duas peças multifuncionais.
Os vestidos Big Heart podem ser encontrados nas lojas de Curitiba, no ParkShoppingBarigui e Pátio Batel.
Sobre a Osklen
Fundada em 1989 por Oskar Metsavaht, OSKLEN é a expressão de um lifestyle genuíno definido pelo equilíbrio de uma vida urbana integrada à natureza em que o orgânico e o tecnológico, o local e o global, o luxo e a simplicidade são complementares. Design, arte e sustentabilidade compõem o universo da marca que representa a visão do "novo luxo" – a associação de um produto de design, com qualidade e estética universal alinhadas às práticas sustentáveis socioambientais. De forma pioneira, o conceito ASAP - As sustainable as possible, as soon as possible, vem norteando as iniciativas da marca desde 98 na busca permanente por práticas e produtos cada vez mais alinhados aos princípios da sustentabilidade. Uma atuação que faz da Osklen o maior laboratório de desenvolvimento de matérias-primas sustentáveis do Brasil e uma das mais expressivas referências no cenário internacional, focada na redução do impacto ao meio ambiente, envolvendo mão de obra de comunidades, gerando renda e melhorando a qualidade de vida e autoestima dessas populações.

Serviço:
Osklen
Pátio batel – piso l1, loja 158
Telefone: (41) 3020-3376 / (41) 99638-0157
Parkshoppingbarigüi – piso superior, loja 216
Telefone: (41) 3149-6295 / (41) 99638-0149
Site: www.osklen.com/
Facebook: www.facebook.com/osklen
Instagram: www.instagram.com/osklen/

OPUS ENTRETENIMENTO É A NOVA ADMINISTRADORA DA LIVE CURITIBA E PROMETE REVOLUÇÃO NO MERCADO DO ENTRETENIMENTO

Maior plataforma de eventos ao vivo do Brasil desembarca na capital dos paranaenses para assumir a administração da famosa casa de shows curitibana

Uma nova parceria no mercado do entretenimento brasileiro promete levar o melhor da cultura nacional e internacional ao Paraná, revolucionando a volta aos shows em 2021. Neste dia 28 de setembro, a Opus Entretenimento, maior plataforma de entretenimento ao vivo do Brasil, fechou negócio e agora é administradora da consagrada casa de espetáculos Live Curitiba.

Há mais de quatro décadas, a Opus produz cultura e grandes espetáculos em todo país. A empresa é responsável pelo gerenciamento e operação de importantes casas de shows nas regiões Nordeste, Sudeste e Sul do Brasil. São elas o Teatro Bradesco e o Teatro Opus (São Paulo/SP), o Teatro do Bourbon Country (Porto Alegre/RS), o Teatro Riachuelo (Natal/RN), o Teatro RioMar Recife (Recife/PE) e o Teatro RioMar Fortaleza (Fortaleza/CE).

Além disso, agencia carreiras de grandes expoentes da música brasileira e do entretenimento, como Luccas Neto, EME Dj, Daniel, Maurício Manieri, Seu Jorge, Alexandre Pires, Hello Adele Tribute e Sinatra 1915 Tribute. Também é proprietária da plataforma Uhuu.com - conhecida como um canal de comunicação, venda de ingressos, produtos e serviços. Ao longo de 45 anos de atuação, foram mais de 14 mil eventos produzidos para um público de mais de 21 milhões de espectadores.

Agora, a Opus desembarca na capital dos paranaenses para continuar a escrever a trajetória de sucesso da Live Curitiba. A história da casa de shows começou ainda antes de ser inaugurada, em 2016. Foi há quase 30 anos, em 1994, que o Coração Melão chegou à Rua Itajubá, no bairro Portão. O estabelecimento logo virou referência na noite de Curitiba.

Em 1996, o local passou a se chamar Fórum, além de ter a capacidade de público duplicada e a incrementação de novos estilos musicais. Nesta época, a casa tornou-se o terceiro polo de shows do Brasil, com apresentação internacional da cantora Shakira.

Já em 2005, trocou novamente de nome e se transformou no Curitiba Master Hall, com show de inauguração de Zé Ramalho.

E, há cinco anos, uma reestruturação fez nascer a Live Curitiba, colocando novamente a cidade na rota de shows internacionais, além de receber atrações renomadas do cenário nacional. A casa possui uma moderna estrutura e capacidade para até cinco mil pessoas, sendo possível adequá-la a qualquer formato de evento.

Nos últimos anos, a Live Curitiba recebeu um público de quase 1 milhão de espectadores. Ao todo, foram mais de 300 eventos realizados e aproximadamente 1.500 horas de muita música e diversão. Para cada evento produzido, foram necessários cerca de 500 profissionais envolvidos que trabalharam incansavelmente para proporcionar o encontro entre o fã e o artista.

Agenda

Além da tão esperada retomada dos eventos, a Live Curitiba já abre a sua agenda em grande estilo com nove novos shows confirmados. Entre as atrações, grandes nomes como Jorge e Mateus, Maiara e Maraisa, e Dilsinho. Vale ressaltar que os shows anunciados antes da pandemia continuam na programação da casa de shows que em breve vai informar as novas datas e demais procedimentos aos clientes.

Confira os espetáculos que já estão confirmados na nossa programação:

31/10 – Jorge & Mateus
01/11 - Jorge & Mateus
05/11 - Dilsinho
12/11 – Marcos e Belutti
13/11 – Hello Adele Tribute
20/11 - Queen Celebration in Concert + Orquestra Sinfônica de Curitiba
26/11 - Maiara e Maraisa
27/11 - Maneva
10/12 – Diego e Victor Hugo

Os ingressos para os shows de Jorge & Mateus já estarão à venda nesta sexta-feira (01/10), a partir das 10h. A compra poderá ser feita online pela plataforma uhuu.com.

Os trabalhos estão a todo vapor e, em breve, será possível desfrutar desse novo espaço e de todas as novidades e momentos incríveis que ele vai proporcionar aos amantes do entretenimento!

Assessoria de Imprensa:

Simone Bello: (41) 999850332
Adriano Rattmann (41) 9 99764020

Créditos: divulgação

No mês das crianças, tem espetáculo “Bita e os Animais” no Shopping Estação

Sucesso do universo infantil tem sessões marcadas para os dias 09 e 10 de outubro, no Teatro Ebanx Regina Vogue

O Mundo Bita é um planeta que fica na Galáxia da Alegria, ao lado do planeta Música, do planeta Circo e de muitos outros astros divertidos. Sucesso entre as crianças, o espetáculo já tem datas marcadas em outubro, nos dias 09 e 10, no Teatro Ebanx Regina Vogue, que fica dentro do Shopping Estação.

A principal missão do Bita é fazer com que os seus amiguinhos tenham experiências de aprendizado de forma leve e atrativa. Todas as músicas têm foco nos ambientes da natureza em que vivem diferentes espécies. O Bita sai em suas viagens musicais cantando e brincando com muitos tipos de animais, apresentando os habitats, os costumes e principais características dos bichos, sempre com muita alegria.

As sessões acontecem no sábado e domingo, às 15h30, e têm duração de 50 minutos. Os ingressos custam a partir de R$46 a meia entrada, válida para professores, doadores de sangue (dentro da validade de 6 meses), crianças até 12 anos, clientes EBANX, estudantes e idosos.

Serviço

Datas: 09 e 10 de Outubro
Horário: 15h30
Gênero: Infantil
Duração: 50 min
Classificação: Livre
Ingressos:
R$46,00 (Meia)
R$92,00 (Inteira)

Onde comprar: http://teatroebanxreginavogue.com.br/agenda/

Não é permitido consumir ou entrar com alimentos e bebidas no teatro.

Shopping Estação

Av. Sete de Setembro, 2.775, Rebouças

Curitiba (PR)

(41) 3094-5300

https://www.instagram.com/shopping_estacao/

www.shoppingestacao.com.br

A NOVA VERSÃO DE CHAPEUZINHO VERMELHO NO FESTIVAL DE TEATRO INFANTIL “ERA UMA VEZ…ERAM DUAS, ERAM TRÊS”

“A nova adaptação do clássico da literatura infantil em formato online, que estreia na quinta (30.09) traz à tona a saúde mental das pessoas em tempos de isolamento social na pandemia, principalmente dos idosos. Toda a renda será revertida para as crianças e adolescentes atendidos pelo Programa Dedica e na ala Pediátrica do HC”.

Divertida, com bom humor e temática atual, a nova adaptação da peça “Chapeuzinho Vermelho” traz à tona a saúde mental das pessoas em tempos de pandemia, principalmente dos idosos. A terceira obra do Festival de teatro infantil “Era uma vez...Eram duas, eram três”, que este ano apresenta novo formato em versão online, realizado pela Montenegro, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura e apoio da Associação dos Amigos do HC, estreia na quinta, dia 30 de setembro. A partir desta data, quem adquirir o ingresso poderá assistir ao vídeo da peça em alta qualidade com duração de 40 minutos de onde quiser, independente de horário, e ficará disponível até fevereiro de 2022. Os espetáculos produzidos com exclusividade para o Festival estão sendo gravados no palco do Teatro Bom Jesus, cumprindo todos os protocolos de segurança e prevenção a disseminação da Covid. As gravações contam com uma plateia diferenciada, formada por bonecos dos personagens pintados por pacientes do programa DEDICA, da Associação dos Amigos do HC e terão suas transmissões na plataforma Hotmart (www.hotmart.com). A primeira exibição foi Cinderela, em seguida João e Maria, e após Chapeuzinho Vermelho (30.09), o festival encerra com João e o Pé de Feijão (28.10) que terá plateia presencial.

As produções trazem leituras contemporâneas dos clássicos com linguagens que refletem temas cotidianos de pais e filhos. Um festival de múltiplas ideias, incontáveis saberes, diversas expressões de linguagens e qualificação, com atrações que ao mesmo tempo aproximam o tradicional teatro para a infância e juventude, da produção teatral contemporânea. Como seria a convivência de dois irmãos com muita energia e seu pai, que deve conciliar trabalho em casa e ainda enfrentar o desafio de cuidar dos filhos ao mesmo tempo? Muitas situações vividas na peça são cotidianas e comuns na época da quarentena e será facilmente reconhecida pelos pais, já que atualmente todos tiveram que se adaptar.

Esse clássico dos contos de fadas foi publicado pela primeira vez pelo francês Charles Perrault, e depois pelos Irmãos Grimm (da versão mais conhecida). Chapeuzinho Vermelho sofreu inúmeras adaptações, mudanças e releituras da cultura popular mundial, e é uma das fábulas mais conhecidas de todos os tempos em todo o mundo.

A montagem que o público terá oportunidade de assistir traz a Vovó que adora fazer vários doces e sobremesas quando Chapeuzinho vai passar as férias em sua casa. O que ela não imaginava é que no período da pandemia, ela iria se reinventar e fazer dos doces seu novo trabalho! Nessa nova versão adaptada pela ContArte, toda história se passa na cozinha da vovó, sempre com boas histórias, curiosidades e muita doçura. Mas, Chapeuzinho começa notar algo diferente ao pedir para o Lobo fazer a entrega dos doces. Qual o grande mistério por trás de toda história? Diferente da versão original que o Lobo mau decide enganar a Chapeuzinho e devorar a vovó, aqui surge como um Lobo que já se redimiu através do amor e carinho que lhe foi dado. O Lenhador, também aparece como uma figura importante que ajuda a vovó nos afazeres do dia-a-dia e assim, tem-se uma família formada com muito amor! Todos sempre ao redor de uma mesa na cozinha, que é onde todas as reuniões, ideias e confraternizações acontecem.

Através de uma adaptação divertida, são abordados muitos assuntos relevantes nessa nova montagem, devido ao nosso cenário atual com o Coronavírus. Muitos problemas decorrentes dessa pandemia surgiram, como crises financeiras, liberdade de ir e vir, solidão causada por essas restrições e a saúde mental nesse período. “De forma leve e lúdica, tratamos também a questão dos idosos e suas dificuldades na compreensão desse isolamento, bem como alguns problemas devido à idade, como o Alzheimer. Tal fato será abordado pelos demais personagens com todo cuidado e toda importância que merece ser abordado”, revela Gizah Ferreira, diretora da ContArte.

A contrapartida social desse projeto é realizada em parceria com a Associação dos Amigos do HC, que ficará com a renda integral da bilheteria, além de apresentações exclusivas aos pacientes do DEDICA – Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, programa de enfretamento à violência infantil mantido pela associação, oficinas criativas e de contação de histórias. Ainda como parte do projeto, a construção de um novo espaço de leitura nas instalações do DEDICA está prevista para ser entregue no segundo semestre. Escolas públicas vão receber também apresentações dos espetáculos, que devem atingir um público total de 5.000 mil pessoas, entre alunos e professores.

Os ingressos para o espetáculo Chapeuzinho Vermelho estão à venda através da plataforma Hotmart (http://campanha.amigosdohc.org.br/festivaleraumavez). Podem ser adquiridos em duas modalidades: CHAPEUZINHO VERMELHO (ingresso digital dá acesso para assistir ao vídeo da peça + 1 livreto digital para colorir “Brincando com Chapeuzinho Vermelho” para download ou impressão) – R$25,00 / CHAPEUZINHO VERMELHO – COMBO (ingresso digital + 1 mini almofada Chapeuzinho Vermelho, que será enviada por correio para o endereço informado no cadastro do comprador com frete já incluso + 1 livreto digital para colorir “Brincando com Chapeuzinho Vermelho” para download ou impressão) – R$60,00.

Com uma equipe de produção formada por criativos, cenógrafos, figurinistas, jornalistas, designers, fotógrafos, cinegrafistas, técnicos de som e luz, músicos, produtores, advogados, contadores, intérpretes, entre outros, o festival movimenta a cena cultural desse início de ano. Com essa terceira edição, o festival deverá ultrapassar a marca de 10 mil espectadores. “Gerar valor aos produtos culturais é a fórmula de sustentabilidade de um segmento tão sensível as oscilações da política e economia. Ao nos colocarmos como parte da máquina, gerando empregos, renda, impactos sociais e de imagem, garantimos a continuidade das produções artísticas”, afirma Carolina Montenegro, diretora da empresa, que já aprovou e executou mais de 80 projetos.

A edição 2021 do “Era uma vez...Eram duas, eram três conta com os patrocínios da Credipar, Fertipar Fertilizantes, Cattalini, Jaguáfrangos, Tecnolimp, RDP Petróleo, Servopa, Engepeças, Trützschler, Elejor, Sanepar, Banco Digimais, PASA (Paraná Operações Portuárias), Ravato, Greca Asfaltos, Impress The Decor Company, Nórdica, Quasar, Ítalo Supermercados, Magnetron Componentes Elétricos. Apoio: Teatro Bom Jesus, Teatro Guaíra, Tutu Ateliê de Sapatilhas, Kromossomos Estranhos, Espaço Fantástico das Artes, Padaria América, Atelie Miniart. Instituição Beneficiada: Associação dos Amigos do HC

O ERA UMA VEZ...ERAM DUAS, ERAM TRÊS conta com o apoio financeiro de mais de 70 empresas patrocinadoras, sendo que 70% dessas mantém seus investimentos em todas as edições do projeto. As notícias do festival computam mais de 1 bilhão de reais em mídia espontânea, somados ao plano de mídia com inserções em rádio, mobiliário urbano, impressos e internet.

Sobre a Montenegro
Atuando há 11 anos, a Montenegro sempre apostou na cultura, o maior valor do Brasil. A empresa busca, com a realização de seus espetáculos, debater e desenvolver o teatro para a infância e juventude no Brasil, movimentando e valorizando o cenário artístico com as suas contribuições.

Além de colaborar com a formação artístico-pedagógica das crianças e adolescentes, a empresa oferece, através de espetáculos, exposições, oficinas, contação de histórias, encontros temáticos e rodas de conversa, toda a bagagem necessária para o fortalecimento da cultura no país.

FICHA TÉCNICA
Direção: Gizáh Ferreira
Elenco: Kenni Rogers, Patrícia Pluschkat , Tay Stofella, Thiago Mique
Direção Musical: Gilson Fukushima
Sonoplastia: Ilton Correia
Cenário: Cenarium
Figurinos: Wanessa Silva, Midori Ohata
Vídeo: Fábio Ortolan

Dias das exibições pela plataforma hotmart (www.hotmart.com):

Cinderela – já está disponível na plataforma até fevereiro de 2022
João e Maria – já está disponível na plataforma até fevereiro de 2022
Chapeuzinho Vermelho – a partir de 30 de setembro
João e o Pé de Feijão – a partir de 28 de outubro

Serviço:
Ministério da Cidadania e Montenegro apresentam
“Era uma vez...Eram duas, eram três”
CHAPEUZINHO VERMELHO
Estreia: a partir de 30 de setembro de 2021
Transmissão Online: www.hotmart.com
Duração vídeo da peça: 40 minutos
Vendas: http://campanha.amigosdohc.org.br/festivaleraumavez . CHAPEUZINHO VERMELHO (ingresso digital dá acesso para assistir ao vídeo da peça + 1 livreto digital para colorir “Brincando com Chapeuzinho Vermelho” para download ou impressão) – R$25,00 / CHAPEUZINHO VERMELHO – COMBO (ingresso digital + 1 mini almofada da Chapeuzinho Vermelho, que será enviada por correio para o endereço informado no cadastro do comprador com frete já incluso + 1 livreto digital para colorir “Brincando com Chapeuzinho Vermelho” para download ou impressão) – R$60,00.
Classificação etária: Livre. De 04 a 08 anos para o público infantil, e 08 a 12 anos para o público infanto-juvenil.
Informações: www.montenegroproducoes.com
Realização: Montenegro