Mais Cor, Mais Vida mobiliza empresárias na revitalização de escola

A produtora cultural Beth Capponi está mobilizando empresárias de Curitiba a colaborarem com a revitalização da Escola Estadual Professora Maria Balbina, no bairro do Tarumã. A iniciativa é mais uma ação do Mais Cor, Mais Vida, projeto viabilizado pela Lei de Incentivo à Cultura da Prefeitura Municipal de Curitiba e Fundação Cultural com incentivo da Celepar e Ademilar Consórcio de Imóveis.

Nesta semana, a Moca Arquitetura, das arquitetas Katia Azevedo e Ana Sirkoski doou para a escola os projetos arquitetônicos da nova biblioteca, sala de artes e sala de empreendedorismo. A construção dos novos espaços será viabilizada por meio de financiamento coletivo a ser lançado em breve.

“Aproveitamos a repercussão positiva do projeto e o conhecimento sobre as demandas da escola para ir além das ações culturais. A cada desejo da comunidade mobilizamos parceiros com interesse em transformar a realidade do colégio, tudo com muita disposição e sem tempo para ativismo de sofá”, conta Beth Capponi.

douglareder1

Ação socioambiental e voluntariado

Durante o mês de janeiro, a segunda edição do Mais Cor, Mais Vida realizou uma série de  intervenções na Escola Estadual Professora Balbina, vítima de um incêndio criminoso em 2017.

Na primeira semana, as edificações internas ganharam cores com os grafittis de Marciel Conrado, as artes-muralistas de Yvy Capponi e Douglas Reder e o abraço de alunos, professores e funcionários da escola com os lambe-lambes de Estevan Reder. Nesta ação colaboraram como voluntárias as sócias do Estúdio de Arte e Design Hardecore, Heloise Sabatella e Giovana Zardo.

O projeto segue com a pintura do muro externo realizada por artistas convidados e voluntários, com a retomada da horta em parceria local e uma extensa programação de oficinas artísticas on-line para alunos, professores e o público em geral.

Em outra parceria realizada por Beth, o Mais Cor, Mais Vida se aliou ao Instituto Biológico do Meio Ambiente – BIOMA para fazer a coleta seletiva e o destino apropriado para as embalagens de tinta e lixo gerados pela ação. Como compensação ao impacto ambiental causado pelos resíduos, o BIOMA também fornecerá mudas para o plantio de duzentas árvores frutíferas.

Para saber mais sobre o projeto visite: http://maiscormaisvida.com
facebook.com/artemaiscormaisvida
instagram.com/maiscor.maisvida

estevan_reder

*com divulgação

Categorias:AGÊNCIAS DE COMUNICAÇÃO, AGENDA DA SEMANA, AGENDA DO FIM DE SEMANA, ARQUITETURA/DESIGN, BRASIL, COLUNA VANESSA MALUCELLI, CULTURA, DIVIRTA-SE, evento, FREE LIFESTYLE, LANÇAMENTOSTags:, , , , , , , ,

VanessaMalucelliAndersen

Colunista do Site — Divirta-se Curitiba!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s