MON fecha temporariamente ao público, mas intensifica seu conteúdo virtual

Seguindo as recomendações do governo do Estado do Paraná, no contexto de enfrentamento do COVID-19 no Brasil, a partir de terça-feira, dia 17, o Museu Oscar Niemeyer (MON) estará fechado para visitação por tempo indeterminado, visando preservar a saúde e a segurança de seus visitantes e colaboradores.

Durante esse período, informações sobre nossa programação e acervo poderão ser consultados em nossos canais digitais, como Instagram e Facebook, que terão seus conteúdos reforçados para oferecer o maior número possível de informações, visitas digitais e novidades do Museu aos visitantes. Estarão disponíveis, por exemplo, entrevistas com artistas do acervo, vídeos e conteúdo detalhado sobre obras e sobre o próprio museu.

Lembramos também que seis exposições do MON podem ser vistas na íntegra virtualmente no Google Arts & Culture, sem sair de casa. São elas: “Luz ≅ Matéria”; “Ásia: a terra, os homens, os deuses”; “Nos pormenores um universo – Centenário de Vilanova Artigas”; “Irmãos Campana”; “Não está claro até que a noite caia”, da artista Juliana Stein, e “Circonjecturas”, do artista Rafael Silveira.

Serviço:

Museu Oscar Niemeyer (MON)

www.museuoscarniemeyer.org.br

https://artsandculture.google.com/partner/museu-oscar-niemeyer

Facebook e Instagram: @museuoscarniemeyer

Rogéria Holtz e Daniel Migliavacca fazem shows de lançamento do novo álbum “Pra ser feliz”

São treze faixas com releituras de clássicos da música popular brasileira, de Pixinguinha a Chico Buarque, e algumas composições próprias em versões inéditas. A dupla fará uma série de shows gratuitos de lançamento na Alfaiataria, em Curitiba nos dias 20, 21 e 22 de março

“Pra ser feliz” é o título do álbum e show que a cantora Rogéria Holtz e o músico bandolinista Daniel Migliavacca lançam juntos nos dias 20, 21 e 22 de março, na Alfaiataria, em Curitiba. O álbum estará disponível nas plataformas digitais, assim como a venda do CD físico e digital. Rogéria e Daniel estarão acompanhados dos músicos: Glauco Solter no baixo elétrico, Gustavo Moro no violão 7 cordas e Luís Rolim na bateria e percussão, que forma o “Daniel Migliavacca Quarteto”. O grupo apresenta uma sonoridade ao mesmo tempo leve, dançante e virtuosística passeando pelo Choro, Baião, Bolero e, principalmente, pelo Samba.
Ao longo de treze faixas, o álbum traz releituras de clássicos da música popular brasileira como: “Mundo Melhor” de Pixinguinha e Vinícius de Moraes, “É” de Gonzaguinha e “Tem mais samba” de Chico Buarque, além de composições próprias de Daniel Migliavacca como: “Santo Forte” em parceria com Jô Nunes e “Pé Quente” em parceria com Ricardo Ribeiro. Vale destacar também o samba-canção “Silêncio” do compositor e ícone da música paranaense Lápis em parceria com Jorge Segundo. A direção musical e os arranjos são de Daniel Migliavacca e a direção artística dos shows, de Márcio Juliano.
Criado para celebrar anos de parceria e encontros na música, segundo Daniel, o foco do projeto é apresentar músicas que representam toda a alegria e espontaneidade desse encontro, tanto nas letras quanto nas melodias. Sobre o novo álbum, Rogéria comenta: “De um lado o virtuosismo do quarteto e de outro pérolas de compositores brasileiros imprimem, respectivamente, desafio e orgulho pro meu canto”.
Os shows de lançamento do álbum acontecem em Curitiba, na Alfaiataria - Rua Riachuelo 274, nos dias 20, 21 e 22 de março (sexta a domingo), sendo dias 20 (sexta) e 21 (sábado) às 20h30, e dia 22 (domingo) com duas sessões: 17h e 19h. A entrada é gratuita e os ingressos começam a ser distribuídos no local, uma hora antes do início de cada show.
SERVIÇO
PRA SER FELIZ - Show de lançamento do novo álbum de Rogéria Holtz e Daniel Migliavacca Quarteto
Quando: 20, 21 e a 22 de março (sexta e sábado, às 20h30; domingo com duas sessões, às 17h e às 19h)
Onde: Alfaiataria Cultural | Rua Riachuelo, 274 - Centro, Curitiba/PR
ENTRADA GRATUITA, com ingressos distribuídos uma hora antes do início de cada show

Rogéria Holtz
Rogéria é cantora e compositora. Em sua carreira, lançou 3 CD’s e ganhou 5 troféus como melhor intérprete. Foi contralto do Grupo Vocal Brasileirão do Conservatório de MPB e participou de diversos projetos musicais. Como locutora e apresentadora, trabalhou em estações de rádio tradicionais do estado. Atualmente, está à frente dos programas ao vivo da Rádio Educativa do Paraná e também é locutora da CBN Curitiba.

Daniel Migliavacca
Daniel é um dos jovens representantes do Choro e do bandolim no Brasil. Se destaca em diversos projetos como instrumentista, compositor, arranjador e diretor musical. Já conquistou prêmios pelo Brasil como instrumentista e compositor, e possui 7 CD´s lançados, além de inúmeras participações em diversas produções. Em 2011 formou-se Bacharel em Música Popular pela UNESPAR em Curitiba e em 2019 concluiu o Mestrado Profissional em Música na UFRJ no Rio de Janeiro.

FICHA TÉCNICA
Rogéria Holtz (voz) e Daniel Migliavacca (bandolim, cavaco, guitarra baiana)
Músicos: Glauco Solter (baixo elétrico), Gustavo Moro (violão 7 cordas) e Luís Rolim (bateria e percussão)
Produção Musical: Daniel Migliavacca
Direção Cênica: Marcio Juliano
Cenário e Figurinos: Eduardo Giacomini
Iluminação: Nadja Naira
Assessoria de Imprensa e Mídias Sociais: Luísa Bonin e Thays Cristine - Platea Comunicação e Arte
Produção Executiva: Adriano Esturrilho - Processo Multiartes
Incentivo: CELEPAR

Projeto realizado com o Programa de Apoio e Incentivo à Cultura - Fundação Cultural de Curitiba e Prefeitura Municipal de Curitiba.

Academia Alfredo Andersen abre inscrições com proposta beneficente

Alunos são convidados a doar cestas básicas e latas de leite em pó para a “Matrícula Solidária”, que serão encaminhadas para entidade de acolhimento a crianças em vulnerabilidade social

Unir conhecimento, desenvolvimento pessoal e beneficência é a proposta do projeto “Saber Solidário” do Museu Casa Alfredo Andersen. Os interessados em realizar os cursos regulares ou workshops da Academia Alfredo Andersen são convidados a contribuir com a doação de cestas básicas e latas de leite em pó no momento da matrícula, que serão revertidas para a Associação Caminho da Vida – Lar Dona Vera. As inscrições estão abertas e as aulas têm início previsto para a próxima segunda-feira, dia 23 de março de 2020, podendo sofrer alterações.

“O projeto Andersen Saber Solidário é inovador porque traz a função social da arte. Mais do que a doação de cestas básicas, nós focamos no desenvolvimento do cidadão e entendemos como função social da arte o aprendizado, o saber, mudar o olhar, aprender um ofício. A cultura transversaliza todas as áreas e está presente em tudo”, comenta o diretor do museu Luiz Gustavo Vidal Pinto.

MODALIDADES – São duas modalidades diferentes de oficinas ofertadas pela Academia Alfredo Andersen. Os cursos regulares da casa são os de pintura (iniciante, intermediário e avançado), cerâmica (iniciante, intermediário e avançado), desenho de observação e audiovisual, com aulas de 23 de março a 3 de julho de 2020.

Já os workshops são realizados com professores convidados, com aulas de 23 de março a 24 de abril de 2020. Artistas de diferentes áreas ensinam sobre ilustração botânica, fotografia, pintura, história da arte descomplicada, leitura de portfólio artístico, psicologia através da arte, roda de leitura e gravura em metal (teórico).

INSCRIÇÕES – As inscrições estão abertas de 16 a 20 de março de 2020 e devem ser feitas diretamente na secretaria do museu, que funcionada das 8h30 às 12h e das 13h30 às 18h. É necessário levar cópia de RG e CPF e cópia de comprovante de endereço atualizado. Além disso, é solicitada a contribuição da “Matrícula Solidária”, que consiste na doação de uma cesta básica com pelo menos 31 itens para quem se inscrever nos cursos regulares e duas latas de leite em pó para os interessados nos workshops. Os cursos são destinados a maiores de 16 anos.

Confira a grade completa com datas e horários dos cursos e workshops da Academia Alfredo Andersen no site www.mcaa.pr.gov.br.

DOAÇÕES – As doações arrecadadas com a “Matrícula Solidária” vão beneficiar a Associação Caminho da Vida - Lar Dona Vera, uma entidade sem fins lucrativos com mais de 20 anos de atuação que abriga crianças retiradas da guarda dos pais pelo Conselho Tutelar devido a denúncias de maus tratos e violência. Essas crianças são acolhidas e permanecem na instituição enquanto aguardam reintegração à família biológica ou são direcionadas à adoção. Conheça mais sobre a entidade pelo site www.lardonavera.org.br.

SERVIÇO
Inscrições abertas para a Academia Alfredo Andersen
De 16 a 20 de março de 2020
Matrícula Solidária: 1 cesta básica com pelo menos 31 itens | cursos regulares
2 latas de leite em pó | workshops
Início das aulas: 23 de março de 2020 (segunda-feira)
Faixa etária: maior de 16 anos
Museu Casa Alfredo Andersen
Rua Mateus Leme, 336. Centro. Curitiba/PR.
(41) 3222-8262 | www.mcaa.pr.gov.br

Fotos: Kraw Penas/SECC

Os direitos do consumidor e a pandemia coronavírus

*Por Emerson Magalhães

A organização mundial da saúde declarou recentemente que o coronavírus tornou-se uma pandemia, e isso quer dizer que se trata de uma enfermidade epidêmica amplamente disseminada.
E logicamente, em consequência dessa situação, as pessoas passam a se resguardar de uma maneira maior, evitando aglomerações e viagens para centros onde a pandemia se alastra com maior intensidade.
É evidente o risco em caso de deslocamento para centros infestados pela pandemia, não podendo o consumidor ser penalizado com multas ou perda de valores pelo simples fato de optar pela preservação da integridade de sua saúde.
Frisando que países de vários continentes já fecharam ou estão em vias de fechar suas fronteiras, não sendo possível entrar ou sair de determinados locais, sendo o cancelamento ou remarcação da viagem um fato não mais discricionário do consumidor.
Neste sentido o artigo sexto do Código de Defesa do Consumidor estabelece em seu inciso primeiro que são direitos básicos do consumidor a proteção da vida, saúde e segurança contra os riscos provocados por práticas no fornecimento de produtos e serviços considerados perigosos ou nocivos.
E ainda, no mesmo artigo sexto, inciso quinto, está previsto que também é direito básico do consumidor a modificação das cláusulas contratuais que estabeleçam prestações desproporcionais ou sua revisão em razão de fatos supervenientes que as tornem excessivamente onerosas.
E evidentemente, pagar multas ou perder valores de maneira integral, em razão do cancelamento de viagem para locais fortemente afetados por uma pandemia, mostra-se, sem dúvida nenhuma excessivamente onerosa.
E neste sentido, as pessoas com passagens áreas ou pacotes de viagens já comprados, possuem o direito legal de cancelar a viagem ou remarcar para quando a pandemia efetivamente estiver sob controle.
Importante frisar, que caso o consumidor opte pelo cancelamento da viagem, este terá direito ao reembolso integral de todos os valores que eventualmente tenha desembolsado, sejam os relacionados diretamente a passagens aéreas, sejam os relacionados a hospedagens, ingressos e etc.

*é advogado Gestor no escritório Küster Machado Advogados. Iniciou sua trajetória profissional em 2005, quando começou a trabalhar no setor administrativo na Unidade de Blumenau do escritório Küster Machado Advogados. Em 2006, quando iniciou a graduação em Direito, passou a desenvolver atividades na Controladoria Jurídica, Departamento Financeiro e estágio na área de Direito Securitário, onde permaneceu até a conclusão do curso. Em seguida, assumiu a função de advogado assistente e logo após tornou-se Coordenador de um cliente no contencioso cível de massa em Santa Catarina, o qual, em seguida, assumiu a Gestão do Contrato.

Happy Saint Patrick’s Day na OX Room Steakhouse

Nessa terça-feira, dia 17 de março, o mundo comemora o Saint Patrick’s Day! E a OX Room te convida para uma festa DOUBLE: peça um chopp, poste uma foto no instagram (stories ou feed, marcando o instagram OX Room) e ganhe o segundo!

Shamrock (trevo), Leprechaun (duende) e litros de chopp para você comemorar essa festa tradicional no lounge mais chique de Curitiba. Ambiente único e inovador, que combina artisticamente a Steakhouse moderna e a Vibe Dining, oferecendo experiência gastronômica dinâmica e requintada.

Para quem curte chopp e happy hour, a casa oferece variadas opções a partir de R$19. Já para quem quer viver a experiência do jantar, está acontecendo o Festival Bom Gourmet, com a sequência de entrada + prato principal + sobremesa por R$59,90.

E por falar em trevo da sorte, a sorte já está a seu favor com esse chopp duplo, mas se você quer dobrar, triplicar, multiplicar drinks, jogue o Flip Night com o bartender: dispute na CARA ou COROA. Se você acertar, ganhe um drink por conta da casa. O Flip Night acontece até às 20h, mesmo horário do Happy Hour.

Serviço:
Saint Patrick’s Day na OX Room
Data: 17/03
Endereço Alameda Dom Pedro II, 390 - Batel