Abrasel Paraná & Lançamento do Livro *”Segredos dos Chefs”* – Brasil Sabor 2021

Nesta terça- feira  aconteceu o  lançamento do Livro *"Segredos dos Chefs"* - Brasil Sabor 2021.

 A Abrasel Paraná realizou neste ano de 2021, a 15ª edição do Festival Brasil Sabor, e como todos os anos ao final do Festival, nós lançam o livro com as receitas dos restaurantes participantes.

"E será uma honra ter você presente em nosso evento"! , convite recebido  presença confirmada, confira algumas imagens do evento.

*Obs:* Cada convidado será direcionado para sua mesa.

Foi em formato de restaurante, seguindo todos os protocolos de segurança contra a Covid-19.
@eduardopslaviero @goulart.nelson @vania_krekniski @divaldomaciel @joicecontibartolomeu @lucianofbartolomeu Faculdade Inspirar foi a anfitriã.
Parabéns!
Foi bem super organizado, agradeço o gentil convite!

ØL Beer aposta em cervejas não pasteurizadas para intensificar a experiência sensorial dos clientes

As "cervejas vivas", como são conhecidas, trazem sabores e aromas mais frescos, proporcionando uma intensa experiência de degustação

Diariamente, as tendências de mercado e o paladar cada vez mais exigente de apreciadores de cerveja criam novos desafios para os produtores. Uma dessas questões é a maior preservação das características da cerveja. "Quanto mais fresca a cerveja, maior e melhor será a experiência de degustação", comenta a mestre-cervejeira e sócia-fundadora da Cervejaria ØL Beer, Isadora Neier. Para alcançar esse resultado, uma das formas é a não pasteurização, processo adotado pela ØL Beer em toda a sua linha especial, a UsinØL.

Eduardo Vosgerau, sócio fundador da ØL, explica a diferença entre chopes e cervejas não pasteurizadas. "Ao passar pela pasteurização, a cerveja se torna um produto mais estável e com maior tempo de validade e armazenagem, possibilitando, assim, o envio dessas cervejas para regiões mais afastadas e até mesmo para exportação. Por outro lado, as cervejas e chopes não pasteurizados oferecem uma experiência sensorial mais intensa, mas devem ser consumidos em um curto período de tempo", pondera Eduardo, que também é mestre-cervejeiro da marca.

Isadora explica as particularidades do processo: "as cervejas não pasteurizadas contém leveduras vivas e isso ajuda a preservar o frescor, sabor e aroma. Por isso as cervejas não pasteurizadas são famosas por serem mais frescas e por apresentarem as características sensoriais do produto de forma mais pronunciada". De acordo com a mestre-cervejeira, a pasteurização é um processo físico importante e feito para esterilizar os alimentos. Porém, modifica levemente os aromas e sabores da cerveja por submetê-la a uma alta temperatura.

Como funciona na ØL
Os tanques da ØL Beer produzem tanto cervejas pasteurizadas, quanto as não pasteurizadas. As 5 cervejas da linha principal da ØL (Baldr Pilsen, Odin Witbier, Thor Belgian IPA, Loki APA e Bragi Oatmeal Stout), quando pasteurizadas, são comercializadas em garrafas de 500ml.

Já as cervejas não pasteurizadas da cervejaria — que incluem toda a linha de cervejas especiais UsinØL — são comercializadas em barris e growlers (de vidro ou PET). Após o envase, as cervejas da ØL vão direto para a câmara fria, onde ficam até o momento do transporte.

"O transporte de nossas 'cervejas vivas' é limitado às cidades mais próximas da nossa fábrica, evitando exposições longas a altas temperaturas e garantindo que o produto chegue sempre fresco aos nossos clientes", esclarece Eduardo. "O objetivo é garantir a qualidade e nosso compromisso em entregar a melhor experiência", complementa Isadora.

Entre as cervejas não pasteurizadas da ØL Beer, vale destacar:
Thor Belgian IPA: nessa versão, a cerveja duplamente premiada da ØL destaca ainda mais o incrível aroma cítrico e o sabor picante, frutado e adocicado, advindos da levedura belga e um corpo médio.
Odin Witbier: a cerveja de trigo da ØL proporciona uma degustação equilibrada e refrescante. As notas de casca de laranja e de limão siciliano, combinadas ao leve sabor picante das especiarias coentro, noz moscada e zimbro, surpreendem a cada gole.
Bragi Oatmeal Stout: com uma incrível combinação de maltes torrados e aveia, a Stout da ØL Beer traz cremosidade e textura aveludada no paladar, trazendo sabores complexos com notas de amêndoas, nozes, café, caramelo e leve chocolate.
Belgian Tripel Wood Aged: aromática e intensa, a Cerveja da Poesia é a mais recente criação da UsinØL. Feita com malte belga Abbey, cascas de laranja, limão siciliano e coentro em grãos, recebe uma infusão de chips de carvalho francês que complementa o buquê aromático, trazendo uma cerveja encorpada e com boa drinkability.

Como adquirir sua ØL Beer fresquinha
Todas as 5 cervejas de linha da ØL podem ser encontradas nas unidades das redes de supermercados Angeloni, Big, Colatusso, Festval, Muffato, Verde Mais e Zamprogna, e também nas unidades da Adega Brasil.

Outra opção é pedir seu chopp dos deuses direto da câmara fria da ØL Beer pelo delivery próprio da marca ou pelo e-commerce: https://olbeer.com.br/loja/. O delivery da ØL funciona por Whatsapp: (41) 99676-8354 (válido para Curitiba e Região Metropolitana), de segunda a sábado, sendo que os pedidos feitos até as 14h são entregues no mesmo dia. A partir desse horário, a entrega ocorre no próximo dia útil. Vale lembrar que a cervejaria oferece frete grátis para Curitiba e São José dos Pinhais em pedidos acima de R$100.

Serviço
Site: https://olbeer.com.br/
Facebook: @cervejariaolbeer
e Instagram: @cervejariaolbeer

Alemão deixa luta novamente, e Lucas ‘‘Mineiro’’ tem novo adversário para o BRAVE CF 53

Almaty, Cazaquistão - 17 de Agosto de 2021

Pela segunda vez em menos de três meses, o brasileiro Lucas ‘’Mineiro’’ viu seu adversário Marcel Grabinski ser obrigado a deixar um duelo marcado entre os dois pelo BRAVE Combat Federation. Após o cancelamento a cinco minutos do combate no BRAVE CF 51, desta vez o alemão não vai enfrentar o brasileiro por conta de protocolos do covid-19.

Com o novo cancelamento, Lucas optou por permanecer no card do BRAVE CF 53, evento que ocorre neste sábado (21), em Almaty, no Cazaquistão. ‘’Mineiro’’ irá enfrentar o atleta local Olzhas Eskaraev em luta de peso casado com limite de 74kg.

O brasileiro expressou sua frustração com o novo cancelamento de sua luta com Grabinski, mas agradeceu ao atleta cazaque por se prontificar a enfrentá-lo.

‘’Foi difícil, eu não acreditei quando fui informado do novo cancelamento. Eu tenho treinado especificamente para o Grabinski por quatro meses e agora terei que traçar nova estratégia em quatro dias. Mas quero agradecer ao Olzhas por aceitar a luta. Tive uma longa viagem até o Cazaquistão e quero muito lutar’’, declarou o brasileiro.

O BRAVE CF 53 ocorrerá em associação com a principal organização cazaque de MMA, a Octagon League e terá como luta principal o duelo peso pena entre Nurzhan Akishev e Tae Kyun Kim. Além de Lucas, outros dois brasileiros entrarão em ação: Flavio Queiroz enfrenta Azat Maksum, enquanto Roger Sampaio estreia no BRAVE CF diante de Vasiliy Takhtay.

O BRAVE CF 53 será transmitido ao vivo e de graça para todo o Brasil através do website www.bravecftv.com. O evento começa às 9h (horário de Brasília).

Card atualizado do BRAVE CF 53
Peso pena: Nurzhan Akishev vs Tae Kyun Kim
Peso casado 73kg: Vasiliy Takhtay vs Roger Sampaio
Peso mosca: Asu Almabaev vs Aleksander Doskalchuk
Peso casado 74kg: Olzhas Eskaraev vs Lucas Martins
Peso galo: Brad Katona vs Bair Shtepin
Peso mosca: Azat Maksum vs Flavio Queiroz
Peso casado 68kg: Ilyar Askhanov vs Akhmed Magomedov

Octagon Prelims
Peso casado 59kg: Damir Tolenov vs Nurbek Bolotbekov
Peso mosca: Aktore Batyrbek vs Ernis Abdilakim Uulu
Peso meio-pesado: Karim Ruzbakiev vs Kodirkhon Ganiev
Peso meio-médio: Bauyrzhan Kuanyshbayev vs Fakhriddin Mardiev
Peso casado 59kg: Alisher Gabdullin vs Bekzat Saparov
Peso pesado: Islambek Baktybekuulu vs Zhasur Mirzamukhamedov
Peso superleve: Maksat Zholdosh vs Sanjarbek Erkinov

JOÃO E MARIA GANHA NOVA VERSÃO NO FESTIVAL DE TEATRO INFANTIL “ERA UMA VEZ…ERAM DUAS, ERAM TRÊS”

“Em formato online, a nova adaptação do clássico da literatura infantil, que estreia a partir de quinta, dia 19 de agosto, aborda a situação das crianças e pais em tempos de isolamento social na pandemia e seu comportamento. Toda a renda será revertida para as crianças e adolescentes atendidos pelo Programa Dedica e na ala Pediátrica do HC”.

Divertida, com bom humor e temática atual, a nova adaptação da peça “João e Maria” dos irmãos Grimm retrata a situação das crianças e pais em tempos de isolamento social na pandemia e seu comportamento. A segunda obra do Festival de teatro infantil “Era uma vez...Eram duas, eram três”, que este ano apresenta novo formato em versão online, realizado pela Montenegro, por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura e apoio da Associação dos Amigos do HC, estreia nesta quinta, dia 19 de agosto. A partir desta data, quem adquirir o ingresso poderá assistir ao vídeo da peça em alta qualidade com duração de 40 minutos de onde quiser, independente de horário, e ficará disponível até fevereiro de 2022. Os espetáculos produzidos com exclusividade para o Festival estão sendo gravados no palco do Teatro Bom Jesus, cumprindo todos os protocolos de segurança e prevenção a disseminação da Covid. As gravações contam com uma plateia diferenciada, formada por bonecos dos personagens pintados por pacientes do programa DEDICA, da Associação dos Amigos do HC e terão suas transmissões na plataforma Hotmart (www.hotmart.com). A primeira exibição foi Cinderela e depois de João e Maria, o festival dá sequência com Chapeuzinho Vermelho (30.09) e encerra com João e o Pé de Feijão (28.10).

As produções trazem leituras contemporâneas dos clássicos com linguagens que refletem temas cotidianos de pais e filhos. Um festival de múltiplas ideias, incontáveis saberes, diversas expressões de linguagens e qualificação, com atrações que ao mesmo tempo aproximam o tradicional teatro para a infância e juventude, da produção teatral contemporânea. Como seria a convivência de dois irmãos com muita energia e seu pai, que deve conciliar trabalho em casa e ainda enfrentar o desafio de cuidar dos filhos ao mesmo tempo? Muitas situações vividas na peça são cotidianas e comuns na época da quarentena e será facilmente reconhecida pelos pais, já que atualmente todos tiveram que se adaptar.

Diferente da peça tradicional, escrita pelos irmãos Grimm, a Bruxa má não aparece como encantadora de crianças, atraindo-os para dentro de casa na promessa de vários doces, mas sim, surge a figura da Rainha Tech, uma mulher poderosa, moderna e responsável por toda internet e tecnologia no mundo que tem por objetivo conectar as pessoas e fazê-las esquecer da vida normal e monótona. Ao ser descoberta em seu esconderijo na floresta, Rainha Tech decide manter João e Maria presos em sua casa, para que não espalhem seu segredo. Depois de se unirem para fugir e burlar o sistema, os irmãos finalmente conseguem despistá-la e sair correndo em busca do seu pai, que os procurava aflito.

“Sabemos que hoje em dia o uso de aparelhos eletrônicos e da tecnologia é inevitável, e, sem dúvida necessário tanto para adultos quanto para crianças. Pensando nisso, e em todo o momento que estamos vivendo, ContArte procura trazer na nova adaptação da peça "João e Maria" uma reflexão do ponto de equilíbrio entre o uso da tecnologia, sem deixar que ela domine o universo da criança. Através das cenas de humor do pai com os filhos João e Maria, fica também clara a relação de exemplo que o pai representa, bem como da atenção que toda criança necessita e do carinho e companheirismo da família”, revela Gizáh Ferreira, diretora da ContArte. O recurso de gênero artístico do festival é a comédia, o deboche, a paródia. Nada mais adequado para tratar de assuntos tão distópicos, delicados e urgentes.

A contrapartida social desse projeto é realizada em parceria com a Associação dos Amigos do HC, que ficará com a renda integral da bilheteria, além de apresentações exclusivas aos pacientes do DEDICA – Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, programa de enfretamento à violência infantil mantido pela associação, oficinas criativas e de contação de histórias. Ainda como parte do projeto, a construção de um novo espaço de leitura nas instalações do DEDICA está prevista para ser entregue no segundo semestre. Escolas públicas vão receber também apresentações dos espetáculos, que devem atingir um público total de 5.000 mil pessoas, entre alunos e professores.

Os ingressos para o espetáculo João e Maria estão à venda através da plataforma Hotmart (http://campanha.amigosdohc.org.br/festivaleraumavez). Podem ser adquiridos em duas modalidades: JOÃO E MARIA (ingresso digital dá acesso para assistir ao vídeo da peça + 1 livreto digital para colorir “Brincando com João e Maria” para download ou impressão) – R$25,00 / JOÃO E MARIA – COMBO (ingresso digital + 2 mini almofadas de João e Maria, que será enviada por correio para o endereço informado no cadastro do comprador com frete já incluso + 1 livreto digital para colorir “Brincando com João e Maria” para download ou impressão) – R$90,00.

Com uma equipe de produção formada por criativos, cenógrafos, figurinistas, jornalistas, designers, fotógrafos, cinegrafistas, técnicos de som e luz, músicos, produtores, advogados, contadores, intérpretes, entre outros, o festival movimenta a cena cultural desse início de ano. Com essa terceira edição, o festival deverá ultrapassar a marca de 10 mil espectadores. “Gerar valor aos produtos culturais é a fórmula de sustentabilidade de um segmento tão sensível as oscilações da política e economia. Ao nos colocarmos como parte da máquina, gerando empregos, renda, impactos sociais e de imagem, garantimos a continuidade das produções artísticas”, afirma Carolina Montenegro, diretora da empresa, que já aprovou e executou mais de 80 projetos.

A edição 2021 do “Era uma vez...Eram duas, eram três conta com os patrocínios da Credipar, Fertipar Fertilizantes, Cattalini, Jaguáfrangos, Tecnolimp, RDP Petróleo, Servopa, Engepeças, Trützschler, Elejor, Sanepar, Banco Digimais, PASA (Paraná Operações Portuárias), Ravato, Greca Asfaltos, Impress The Decor Company, Nórdica, Quasar, Ítalo Supermercados, Magnetron Componentes Elétricos. Apoio: Teatro Bom Jesus, Teatro Guaíra, Tutu Ateliê de Sapatilhas, Kromossomos Estranhos, Espaço Fantástico das Artes, Padaria América, Atelie Miniart. Instituição Beneficiada: Associação dos Amigos do HC

O ERA UMA VEZ...ERAM DUAS, ERAM TRÊS conta com o apoio financeiro de mais de 70 empresas patrocinadoras, sendo que 70% dessas mantém seus investimentos em todas as edições do projeto. As notícias do festival computam mais de 1 bilhão de reais em mídia espontânea, somados ao plano de mídia com inserções em rádio, mobiliário urbano, impressos e internet.

Sobre a Montenegro
Atuando há 11 anos, a Montenegro sempre apostou na cultura, o maior valor do Brasil. A empresa busca, com a realização de seus espetáculos, debater e desenvolver o teatro para a infância e juventude no Brasil, movimentando e valorizando o cenário artístico com as suas contribuições.

Além de colaborar com a formação artístico-pedagógica das crianças e adolescentes, a empresa oferece, através de espetáculos, exposições, oficinas, contação de histórias, encontros temáticos e rodas de conversa, toda a bagagem necessária para o fortalecimento da cultura no país.

FICHA TÉCNICA:
Direção: Gizáh Ferreira
Elenco: Janaína Fukushima, Leandro Oliveira, Max Carlesso, Patrícia Pluschkat
Direção Musical: Gilson Fukushima
Sonoplastia: Adolfo Tortelli
Iluminação: Raul Freitas
Cenário: Cenarium
Figurinos: Wanessa Silva
Vídeo: Fábio Ortolan

Dias das exibições pela plataforma hotmart (www.hotmart.com):

Cinderela – já está disponível na plataforma até fevereiro de 2022
João e Maria – a partir de 19 de agosto
Chapeuzinho Vermelho – a partir de 30 de setembro
João e o Pé de Feijão – a partir de 28 de outubro

Serviço:
Ministério da Cidadania e Montenegro apresentam
“Era uma vez...Eram duas, eram três”
JOÃO E MARIA
Estreia: a partir de 19 de agosto de 2021
Transmissão Online: www.hotmart.com
Duração vídeo da peça: 40 minutos
Vendas: http://campanha.amigosdohc.org.br/festivaleraumavez . JOÃO E MARIA (ingresso digital dá acesso para assistir ao vídeo da peça + 1 livreto digital para colorir “Brincando com João e Maria” para download ou impressão) – R$25,00 / JOÃO E MARIA – COMBO (ingresso digital + 2 mini almofadas de João e Maria, que será enviada por correio para o endereço informado no cadastro do comprador com frete já incluso + 1 livreto digital para colorir “Brincando com João e Maria” para download ou impressão) – R$90,00.
Classificação etária: Livre. De 04 a 08 anos para o público infantil, e 08 a 12 anos para o público infanto-juvenil.
Informações: www.montenegroproducoes.com
Realização: Montenegro

SAMI AKL & O Piloto.

SAMI AKL O Piloto. Peter Green .#TheGroupatFIR.com #parcerias internationais Grupo FIR Miami TheGroupatFIR.com The Group @ FIR 🇧🇷 Certificado de Autenticidade
001 - 2021
Título - Pole no GP San Marino 1987
Técnica - Mixed Media (Colagem, tinta e emulsão acrílica) Dimensões - 100 x 155 cm
Colecionador(a) - XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
EDIÇÃO LIMITADA DA COLEÇÃO “O PILOTO” por Sami Akl em parceria com o IAS - Instituto Ayrton Senna.
www.samiakl.com sami@samiakl.com +55 11 3088 5822
#Geracaonova #Geracaonova#Techboys#Techgirls #newgeneration #compartilharmomentos #centrogastronomico #churrasco #vinho #food #cwb #choppartesanal #bareserestaurantesemcuritiba #musicaaovivoemcuritiba #gastronomia #arteural #Guias #shows #teatros #agenda #moda #agendapersonalizada @peter_green_realestate @petergreenmiami @petergreenmiamibrasil Group FIR Miami #negocios #imoveis #imoveisdeluxo #altopadrao #MilosMiamiBeach #estiloaltopadrão #GeracaoProxima https://www.ayrtonsenna.com.br/palacio-tangara-promove.../
https://www.ayrtonsenna.com.br/palacio-tangara-promove... -sami-akl/
https://siterg.uol.com.br/.../palacio-tangara-promove... na-com-obras-do-artista-sami-akl-e-objetos-do-piloto/
https://www.f1mania.net/.../palacio-tangara-promove.../ https://www.lance.com.br/.../exposicao-sobre-senna...
https://www.terra.com.br/.../palacio-tangara-promove... do-de-ayrton-senna,d8196fbff9457480849b52176d19c3aelkey1htz.html
https://br.noticias.yahoo.com/exposi%C3%A7%C3%A3o-sobre... https://www.gazetaesportiva.com/.../exposicao-em-tributo.../ https://www.espn.com.br/.../exposicao-em-tributo-a-ayrton... #Samiakl3 @Samiakl3

Empreendimentos para pessoas com mais de 60 anos são tendência crescente no mercado imobiliário brasileiro

Clientes têm potencial de compra, são mais questionadores e atentos a detalhes. Soluções para atender diferentes públicos, incluindo pessoas acima de 60 anos, inspiram projetos da Construtora A.Yoshii

Até 2060, o número de brasileiros com idade acima de 60 anos deve representar 25,5% da população, ou seja, mais de 58 milhões de pessoas. Esse cenário se deve ao aumento da expectativa de vida no Brasil ao longo das últimas décadas. Em 2019, a projeção do IBGE (Instituto Brasileiro de Estatística e Geografia) chegou à média de 76,6 anos. São 31,1 anos a mais desde 1940.

Essa longevidade se reflete no ambiente socioeconômico do País. Dados do Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) apontam que no final de 2019, quase 23% da população com mais de 60 anos estava trabalhando.

Assim como a expectativa de vida incide nas transformações do mercado de trabalho e nos sistemas de saúde, ela também envolve soluções para melhor atender a esse grupo. É o caso do mercado imobiliário, que nos últimos anos vem observando mais atentamente o público 60+ dentro do conceito de Senior Living, que são empreendimentos alinhados às necessidades de pessoas dessa faixa etária.

Alguns exemplos interessantes já são realidade em países como Dinamarca, Estados Unidos e Canadá, que seguem fortemente a tendência do cohousing, onde moradores da terceira idade vivem em residências individuais, porém, em um mesmo terreno, compartilhando espaços como hortas, academia e piscina.

No Brasil, essas demandas também vêm ganhando mais atenção. No Grupo A.Yoshii, referência em construção civil há 56 anos, a gerente de Marketing Maria Fernanda Beneli Vicente observa que há uma boa parcela consumidora com mais de 60 anos. E lembra que este é mais um público para o qual a A.Yoshii vem olhando, a fim de atender e superar expectativas.

“Estamos sempre alinhados às tendências de mercado, o que nos permite incorporar soluções que atendam a diferentes públicos, incluindo o das pessoas acima de 60 anos. Esse é um público que tem potencial de compra, é mais questionador e atento a detalhes. Alguns destaques fazem muita diferença como acessibilidade, passagens amplas, tamanhos de portas e mobiliário ergonômico e adequado, espaços compartilhados na área comum, preparados para as atividades que atendam essa faixa etária. Outro ponto de atenção são as facilidades para o dia a dia”, destaca a gerente.

Em Curitiba (PR), o lançamento do Quintessence, no coração do bairro Batel, conta com amplos halls de acesso e um espaço refrigerado na portaria para conservar produtos perecíveis, pensando na comodidade do delivery; detalhes que estão alinhados ao novo modo de viver nos centros urbanos e ao conceito de Senior Living.

Outra tendência muito forte é o espaço para o “mercado autônomo” nos empreendimentos, assim como galerias de lojas e serviços. Diferenciais que estão no Terrazza di Rimini, novidade da construtora no alto do Bela Suíça, região nobre de Londrina (PR).

A socialização desse grupo específico também é extremamente importante. Diferente de anos atrás, os 60+ hoje participam ativamente da vida em sociedade, estão conectados e ocupando postos de trabalho.

A proposta de coworking para reuniões e home office no Harmonie, lançamento de alto padrão em Campinas (SP), são outras inovações da construtora que atendem a diversos públicos. Mais um ponto de destaque é o conceito de Biofilia - proposta de integração entre pessoas e natureza - aplicado nos jardins externos e espaços ao ar livre destinados à prática de exercícios e lazer.

Para Beneli, a busca por projetos mais modernos também deve estar no foco do Senior Living. Como exemplo, ela cita o wine bar para um encontro com amigos ou familiares, na companhia de bons vinhos.

No Sky Parque do Ingá, mais novo empreendimento em Maringá (PR), os moradores poderão desfrutar desses momentos no rooftop, com vista panorâmica para a Catedral Metropolitana e o Parque do Ingá. O espaço de convivência no alto dos 27 andares, contará com wine bar e fireplace (lareira).

Sobre a A.Yoshii

Desde 1965, a A.Yoshii atua na construção e incorporação de imóveis residenciais e comerciais de alto padrão. Localizados nos bairros nobres de Londrina, Maringá, Curitiba e Campinas, os empreendimentos se tornaram cartões postais dessas cidades. Com pontualidade na entrega e excelente padrão de acabamento, a construtora executa suas obras com excelência e inovação, priorizando as demandas do mercado, os anseios dos compradores, a segurança do trabalhador e a conservação ambiental. Mais informações: www.ayoshii.com.br.

Sobre o Grupo A.Yoshii

Fundado há mais de 55 anos, o Grupo A.Yoshii já construiu mais de 2 milhões de m² do Sul ao Nordeste do Brasil, entre obras industriais, edifícios corporativos e residenciais, escolas, universidades, teatros e centros esportivos. É composto pela A.Yoshii Engenharia, com sólida atuação em construções de edifícios residenciais e comerciais de alto padrão em Londrina, Maringá, Curitiba e Campinas; pela Yticon Construção e Incorporação, que realiza empreendimentos econômicos, localizados em regiões de potencial valorização em municípios do Paraná; e pelo Instituto A.Yoshii, voltado para a inserção social e democratização cultural. Além disso, atua em Obras Corporativas, atendendo grandes corporações em suas plantas industriais, nos mais variados segmentos da economia, como papel e celulose, alimentício, químico, agronegócio, energia, assim como usinas sucroalcooleiras, centros logísticos, plantas automobilísticas, entre outros. Mais informações: www.ayoshii.com.br.