PINT OF SCIENCE EM CURITIBA: FESTIVAL LEVA A CIÊNCIA PARA A MESA DE BAR

 

 “Edição de 2018 do festival de divulgação científica será realizada em 56 cidades brasileiras e em 20 países simultaneamente. De 14 a 16 de maio, pesquisadores deixarão as bancadas dos laboratórios para ocupar mesas de bares. We Are Bastards será palco para três das quinze palestras realizadas na cidade”.

 

Cientistas de 56 cidades brasileiras se preparam para participar de um dos maiores eventos dedicados à divulgação da ciência no mundo: o Pint of Science. Nos dias 14, 15 e 16 de maio, eles vão se unir a pesquisadores de outros 20 países e deixarão as bancadas dos laboratórios para ocupar mesas de bares e conversar sobre suas pesquisas com a população. Em Curitiba, haverá 15 palestras, das quais 13 serão ministradas por pesquisadores da Universidade Federal do Paraná (UFPR). Na edição 2018 do festival, o We Are Bastards (Av Iguaçu,2300) receberá três delas: My precious! Novos anéis no Sistema Solar”, ministrada pela professor Felipe Braga Ribas, no dia14, Big data e transparência: porquê isso é problema seu?,  ministrada pela professor Marcos Sfair Sunye, no dia 15, e As cientistas estão chegando…”, ministrada pela professora Elisa Orth. As palestras terão início às 19horas e a entrada é gratuita.  Apenas no Brasil, a expectativa é de que 50 mil pessoas de todas as regiões compareçam aos bate-papos.

 

Unir ciência e diversão é o objetivo do Pint of Science, evento científico que acontece pela segunda vez na capital paranaense. Mas ao invés de auditórios ou salas de aula, o palco das palestras serão os bares, ambientes conhecidos não somente por estudantes, mas também pelos próprios professores, que também usam parte de seu tempo livre socializando, e porque não, fazendo ciência. “Muitas ideias boas aparecem ao redor de uma cerveja. Uma maneira descontraída de debater sobre temas científicos e atuais”, conta Alessandro Reis, sócio-proprietário do We Are Bastards.
Os pesquisadores dos departamentos de Física e Química da UFPR, Marcos Gomes Eleutério da Luz, Rodrigo Mossanek, Fábio Zanetti, Márcio Bettega e Camila Silveira da Silva, são os organizadores do evento. Das 15 palestras, duas serão ministradas por integrantes da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR). De acordo com Lauro Luiz Samojeden, professor do Departamento de Física da UFPR e coordenador do Pint of Science na região Sul, além os pesquisadores, dez estudantes de Pós-Graduação fazem parte da equipe e vão colaborar nos dias do festival.

O objetivo é criar um canal de comunicação direto entre os cientistas e a sociedade, explica Natalia Pasternak Taschner, coordenadora do festival no país:“As pessoas querem saber, têm sede de ciência, e os cientistas querem falar”. Durante o festival, os pesquisadores conversam com o público de forma descontraída, respondem perguntas e não há formalidades como inscrição ou emissão de certificados. Também não é preciso pagar entrada, apenas o que for consumido nos estabelecimentos que sediam o evento.

Esclarecer como a ciência funciona e mostrar a beleza existente em sua capacidade de investigar e explicar o mundo estão também entre as metas dos organizadores. “É um desafio ensinar conceitos em uma conversa no bar, mas, se conseguirmos encantar as pessoas, despertar sua curiosidade, elas buscarão o conhecimento. É esse encantamento que procuramos despertar no Pint of Science”, afirma a coordenadora.

Fórmula de sucesso – Realizado pela primeira vez no Brasil em 2015, quando foi trazido da Inglaterra pelo Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) da USP, em São Carlos, o Pint of Science cresce a cada ano. Os 22 municípios da edição passada saltaram para mais de 50 e, com a entrada de cidades da região Norte, pela primeira vez o evento abrangerá todas as áreas do país.

“Para os municípios da região Norte, é interessante participar do Pint of Science porque podemos aumentar o intercâmbio e o fluxo de ideias, de troca de informações. Isso é fundamental para diminuir o preconceito com o trabalho de pesquisa que é realizado nessa parte do país e para ampliar a visibilidade dos nossos projetos”, afirma Adolfo Mota, professor da Universidade Federal do Amazonas que coordena o festival na região.

Palestras no We Are Bastards:

14/05 (segunda)
My precious! Novos anéis no Sistema Solar.
Prof. Felipe Braga Ribas – UTFPR

15/05 (terça)
Big data e transparência: porquê isso é problema seu?
Prof. Marcos Sfair Sunye – UFPR

16/05 (quarta)

As cientistas estão chegando…
Profa. Elisa Orth – UFPR

 

SERVIÇO

PINT OF SCIENCE 2018”
Local:
WE ARE BASTARDS (Av. Iguaçu, 2300 – Água Verde)

Quando: 14, 15 e 16 de maio de 2018 (Segunda, terça e quarta)

Horário de funcionamento: a partir das 18h / Início das palestras: 19h

Capacidade: 300 pessoas / 125 pessoas sentadas

NÃO É COBRADO VALOR DE ENTRADA

Cartões: Visa Electron, Visa, Mastercard,Elo, Amex e Hipercard
Informações: 41 33430113

*com divulgação

 

Categorias:AGENDA DA SEMANA, BARES, COLUNA VANESSA MALUCELLI, DIVIRTA-SE, FESTIVAL, FREE LIFESTYLE, GASTRONOMIA, LANÇAMENTOS, OPORTUNIDADE, PALESTRASTags:, , , , , ,

VanessaMalucelliAndersen

Colunista do Site — Divirta-se Curitiba!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s