Projeto Vozes de Outras Cidades apresenta show de Tibério Azul Com entrada gratuita

Projeto Vozes de Outras Cidades apresenta show de Tibério Azul

Com entrada gratuita, Casa Heitor recebe o artista nesta quinta-feira às 20h

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=84170&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253CCAGbXeWsmDHSZTtniA6oTXS_iVtXFvQS%253Dr8USkcQCzV9XHX5zHg%2540mail.gmail.com%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3CCAGbXeWsmDHSZTtniA6oTXS_iVtXFvQS%3Dr8USkcQCzV9XHX5zHg%40mail.gmail.com%3E-1.1.2
Crédito: Fabiano Cafure

O projeto Vozes de Outras Cidades, iniciativa do Sesi Cultura Paraná, traz para Curitiba o show do músico e poeta Tibério Azul. Em suas músicas, a literatura e a poesia são características marcantes e que encantam o público Brasil adentro. A apresentação gratuita ocorre no Centro Cultural Sesi Heitor Stockler De França, no dia 10 de maio, próxima quinta-feira, a partir das 20h. Os ingressos serão distribuídos no local com uma hora de antecedência (sujeito a lotação).

Expoente da nova música pernambucana, Azul possui a estrada repleta de projetos ousados e criativos. É cantor e compositor reconhecido pela verve declaradamente poética, seja nas suas apresentações, letras ou melodias. Em sua carreira solo fincou o pé na música brasileira ao lançar o primeiro disco “Bandarra ou o caminho que vai dar no sol”, em 2011. Na entressafra entre o primeiro e o segundo disco, fundou um selo de produção e divulgação de arte Pernambucana – o Santo de Casa Faz Milagre.

Em 2017, Azul lançou o segundo disco intitulado “Líquido ou a vida pede mais abraço que razão”. Junto com o segundo disco, também anunciou o seu primeiro livro de poemas intitulado “Líquido ou o homem que nasceu amanhã”, pela editora Confraria do Vento. As duas produções formam a mesma obra e dialogam sobre o mesmo tema – a liquidez dos sentimentos humanos.

O fascínio pela literatura enriquece as criações de Tibério Azul. Entre as personalidades de suas principais referências, temos Manoel de Barros (homenageado no primeiro álbum), Cora Coralina e Fernando Pessoa. Sua versatilidade e ousadia já o levou para importantes festivais, como o Rec-Beat, Abril Pro Rock, Festival Pernambucano Nação Cultural, Festival de Inverno de Garanhuns, entre outros. Em todos recebeu elogios de crítica e público e foi considerado revelação do Rec-Beat e Abril Pro Rock, o que resultou no título de “nova revelação da música pernambucana e brasileira”.

Sobre Vozes de Outras Cidades – o projeto é uma iniciativa do Sesi Cultura Paraná que contempla compositores, músicos e intérpretes de música popular urbana de outras regiões, que desenvolvem seus trabalhos autorais em um formato mais intimista, seja individual ou em duos e trios.

Serviço

Vozes de Outras Cidades apresenta Tibério Azul

Data: 10 de maio, quinta-feira

Horário: 20 horas

Valor: gratuito

Classificação: livre

Local: Centro Cultural Sesi Heitor Stockler De França

Endereço: Av. Marechal Floriano Peixoto, 458 – Centro

Observação: 40 lugares (sujeito a lotação)

Mais informações:

http://www.sesipr.com.br/cultura/
https://www.facebook.com/sesiculturapr/

SESI CULTURA – Foi em 2008 que a Regional Paraná do Serviço Social da Indústria inaugurou uma área especificamente dedicada ao desenvolvimento de ações culturais ancoradas nas diretrizes previstas na Declaração Universal dos Direitos do Homem, como a diversidade, a pluralidade e a autonomia. Desde então, o Sesi Cultura Paraná tem promovido o acesso à cultura com foco em programas de formação artística e cultural, investindo em processos criativos, formação de plateia para todas as linguagens e na formação e desenvolvimento cultural com vocação local. O Circuito Cultural Sesi, o Festival Sesi Música, os Núcleos Criativos do Sesi, o Zoom Cultural, os Programas Sesi Música, Sesi Arte, Sesi Audiovisual e Sesi Artes Cênicas são exemplos de programas desenvolvidos pela Gestão Cultural do Sesi. De 2008 até 2017, mais de um milhão de espectadores tiveram acesso à cultura por meio de cerca de 8,4 mil ações culturais realizados pelo Sesi Paraná. Todas essas ações sempre tiveram como objetivo o acesso ao bem cultural para o trabalhador da indústria, seus dependentes e para a comunidade de um forma geral, além da difusão da arte em todas as suas manifestações, valorizando a diversidade e a pluralidade do povo brasileiro.

Chocolates sem glúten e sem lactose e smoothies que seguem o conceito de “super food” foram os vencedores  do Desafio Gastronômico de Startups no Pátio Batel

Chocolates sem glúten e sem lactose e smoothies que seguem o conceito de “super food” foram os vencedores  do Desafio Gastronômico de Startups no Pátio Batel