Santan anuncia revitalização de área nobre do Mercadão de SP para receber pequenos produtores de todo o Brasil

O empresário André Santin, idealizador da Santan, e o presidente do conselho de administração do Mercado Municipal de São Paulo, Aldo Bonametti, firmaram um contrato de parceria que prevê a revitalização de um dos mais belos e nobres espaços do Mercadão para receber pequenos produtores rurais de todo o Brasil. O antigo espaço de eventos, com cerca de 800 metros quadrados, será totalmente reformado pela Santan para que os produtores possam vender seus produtos diretamente ao consumidor final. O projeto será assinado pelo escritório de arquitetura Edgar Ribeiro, especializado em projetos gastronômicos, e executado em parceria com um grupo de empresários e investidores.

Fotos (Divulgação):
André Santin
André Santin e Aldo Bonametti
Espaço de Eventos do Mercado Municipal de SP
Esboço do projeto de Edgar Ribeiro

Fim do isolamento social pós-pandemia: alívio ou pavor?

Professora de Psicologia do UniCuritiba explica a Síndrome da Cabana, um estado emocional que vem afetando brasileiros na retomada às atividades presenciais
Voltar à normalidade e ao convívio social após dois anos de pandemia pode ser uma tarefa desafiadora para muitos brasileiros, especialmente quando se fala sobre novas variantes da Covid-19 e o novo surto de gripe H3N2. Enquanto alguns comemoram aliviados o progressivo desconfinamento, outros experimentam uma sensação desconfortável de medo e ansiedade na retomada das interações sociais.

Para a psicologia, o receio de voltar ao convívio presencial tem nome: Síndrome da Cabana. A supervisora do Serviço-Escola de Psicologia do UniCuritiba – instituição que faz parte da Ânima Educação, uma das maiores organizações educacionais de ensino superior do país – psicóloga Daniela Jungles explica que o termo não é novo, mas vem ganhando fama no contexto da pandemia.

“As pessoas aprenderam que muitas coisas podem ser feitas remotamente e que ficar em casa tem benefícios. Muitas associaram o ‘fique em casa’ com algo muito positivo porque ficaram longe do olhar e do julgamento dos outros. Voltar ao nível de socialização de dois anos atrás não vai acontecer da noite para o dia”, explica.

O segredo está na alternância dos períodos de interioridade e exterioridade e na fluidez das transições. Para que a retomada das relações sociais presenciais seja tranquila e leve, é necessário respeitar a fase de adaptação. “É preciso dar tempo ao cérebro antes de retomar um hábito. Quando estamos adaptados a uma situação, a mudança exige esforço e energia. O cérebro é programado para desencadear uma resposta ao estresse gerado pelas mudanças. Assim que a rotina social for retomada, a reação ao estresse tende a diminuir.”

Sintomas e cuidados
A Síndrome da Cabana não é um transtorno psiquiátrico, mas um estado emocional transitório que desaparece após o retorno gradual às atividades. Os sintomas se assemelham a um quadro de ansiedade ou depressão, com inquietação, medo e desconfiança das pessoas, fadiga, tristeza e angústia na hora de sair de casa.

Também conhecido como Síndrome do Caracol, o problema se caracteriza pela ansiedade em relação à vida social. “A prevalência tem sido maior em pessoas que antes do confinamento já passavam por um episódio depressivo ou sofriam com crises de ansiedade”, explica a professora do UniCuritiba.

Passo a passo
Daniela Jungles recomenda que a retomada às atividades presenciais seja gradativa. “O mais importante é não se comparar com os outros. Dê um passo de cada vez, fazendo o que é cômodo para você e evite enfrentar todas as fontes de estresse do mundo exterior de uma só vez.”

Embora o desejo de voltar à normalidade parecesse unanimidade, o medo de sair do “mundo protegido”, distante da visão e dos julgamentos dos outros, é até comum. “Todos nós já sonhamos viver em uma cabana, muitas vezes no sentido literal, mas acima de tudo no sentido figurado: em um lugar isolado e agradável, longe do mundo, das obrigações e dos constrangimentos, onde ficaríamos bem e seguros. Um lugar em harmonia com a natureza e seguindo nosso próprio ritmo. Isso realmente nos faz sonhar”, comenta.

A questão, continua a especialista, é que depois de um tempo de solidão vem o tédio. “Pensamos apenas na parte fantasiosa e desejável de viver isolados em uma cabana, sem perceber que perdemos habilidades sociais muito rapidamente. Depois de se trancar, é difícil sair, não necessariamente porque você quer ficar lá, mas porque há dificuldades ao viver em sociedade.”

Casulo protetor
No contexto da pandemia, sair da “vida normal” para o isolamento em casa foi uma mudança radical. Aceitar o isolamento, diz a professora do UniCuritiba, foi uma forma de se proteger e participar do esforço coletivo de luta contra a Covid-19.

“Nossa casa era uma arma de defesa, um casulo protetor, uma ‘cabana’. Voltar ao convívio presencial explicita vários medos, como o da contaminação, de adoecer, do olhar dos outros, da multidão, de retornar a um cotidiano estressante. Depois de tanto tempo em confinamento, muitos terão de reaprender a se adaptar a um novo modo de vida, ao qual nem estávamos mais acostumados”, avalia.

A dica é respeitar o tempo necessário para os ajustes à nova realidade e, se os sintomas persistirem, procurar um profissional de saúde mental para evitar que a Síndrome da Cabana se instale de forma prolongada ou se transforme em um Transtorno Mental Ansioso ou Depressivo.

Sesc PR comemora 74 anos como agente transformador de histórias no estado

Na próxima segunda-feira (10), o Sesc completa 74 anos de história no Paraná e durante todo o mês de janeiro, abre suas unidades com atividades especiais e gratuitas disponíveis a toda a população. “Estamos comemorando 74 anos de muitas histórias de transformação, de mudança de vida, de conquistas, realizações e alegrias. Isso tudo não seria possível sem o nosso público, por isso lançamos a campanha ‘Sesc Paraná: Portas Abertas’. O Sesc é seu, pode entrar!”, ressalta o diretor regional em exercício do Sesc PR, Ulisses Fernando de Moraes Rodrigues.

Além das atividades que celebram o aniversário do Sesc PR, o público poderá ter acesso e conhecer as ações sistemáticas das unidades. “Para mim, a palavra que melhor traduz o Sesc é acolhimento. Tem sempre um sorriso te esperando, refeições excelentes, uma academia com profissionais extremamente competentes, passeios, viagens, enfim, sou uma ‘devota’,” conta sorrindo a cliente do Sesc da Esquina, em Curitiba, Ana Carolina Fernandes.

No site www.sescpr.com.br é possível ter acesso a toda a programação comemorativa e às atividades regulares das unidades em todo o estado.

Sobre o Sesc:

Desde 10 de janeiro de 1948, o Sesc Paraná reafirma diariamente o compromisso assumido pelos empresários em sua criação: justiça social. Para cumprir essa missão, o Sesc PR promove soluções para a melhoria da qualidade de vida e o bem-estar dos mais de 1,75 milhões de trabalhadores do comércio de bens, serviços e turismo, seus familiares e toda a população paranaense, cooperando com a sociedade e contribuindo para a igualdade social.

O Sesc PR conta com 42 unidades de serviços localizadas em todas as regiões do estado e outras seis unidades móveis, para realizar projetos e serviços nas áreas de educação, cultura, lazer, esportes, saúde e assistência social. Em 2021 beneficiou os 399 municípios do Paraná com pelo menos uma destas ações.

Confira a programação em Curitiba:

Sesc Água Verde

11/1 - das 14h às 15h: Aula aberta de violão

13/1 - das 8h15 às 9h45: Avaliação Física (IMC) e Dicas de Atividade Física

14/1 - das 12h20 às 13h: Apresentação Musical

Sesc da Esquina

10/1 a 15/1 - das 12h às 13h30: Atividades Recreativas

11/1 a 15/1 - das 7h às 22h: Aulão de Ginástica Multifuncional

12/1 a 14/1 - às 14h: Aulas abertas de dança: várias modalidades

12/1 - às 17h: Contação de histórias

13/1 e 14/1 - das 11 às 13h30: Quiz sobre Turismo

14/1 - das 7h às 22h: Passe livre na Academia do Sesc

14/1 - das 13h30 às 18h: Walking Tour - Edição Comemorativa

14/1 - às 19h30: CineSesc Especial

15/1 - às 9h: Aulas abertas de dança: várias modalidades

15/1 - às 11h: Contação de Histórias

15/1 - das 10h às 12h: Oficinas de Jogos Teatrais

Sesc Paço da Liberdade

12/1 - das 4h às 15h: Oficina de Gravura: técnica de monotipia

14/1 - das 10h às 11h: Oficina de Gravura: técnica de monotipia

14/1 - das 13h30 às 18h: Walking Tour - Edição Comemorativa

Sesc Portão

10/1 a 14/1 - das 7h às 22h: Aulas de Ginástica

10/1 a 14/1 - das 19h às 21h: Voleibol para Jovens e Adultos

11/1 a 13/1 - das 13h30 às 17: Voleibol para Jovens e Adultos

13/1 - das 14h às 17h: Oficina de Macramê

14/1 - das 12h às 13h: Apresentação Musical

14/1 - das 14h às 17h: Oficina de porta-retrato

Imagens relacionadas

Sesc PR comemora 74 anos
Sesc PR comemora 74 anos
Divulgação Sesc PR
baixar em alta resolução

Depoimento de Ana Carolina Fernandes, cliente do Sesc da Esquina, em Curitiba
Depoimento de Ana Carolina Fernandes, cliente do Sesc da Esquina, em Curitiba
Divulgação Sesc PR
baixar em alta resolução

Em expansão, Voltz inaugura loja de motos elétricas na cidade de Curitiba

A Voltz, empresa de tecnologia fabricante de scooters elétricas, inaugura nesta sexta-feira, 7, uma loja na cidade de Curitiba, no Paraná. O lançamento faz parte da estratégia de expansão da companhia, que já conta com lojas-conceito em São Paulo, Recife, Brasília, Belo Horizonte, Porto Alegre. Além disso, a companhia ainda possui mais de 30 unidades ‘pop-up’ - estabelecimentos menores comandados por parceiros e instaladas em locais estratégicos, como os postos da Rede Ipiranga.

A nova loja em Curitiba estará localizada na Rua Chile, nº1822, no bairro Rebouças. O CEO da Voltz, Renato Villar, explica que a inauguração da loja em Curitiba representa uma conquista importante para a companhia. “Queremos que, cada vez mais, os brasileiros utilizem veículos elétricos, e o estado do Paraná é de extrema relevância para nossos planos", conta.

No último ano, a Voltz recebeu um aporte de R$ 100 milhões em um rodada de investimentos liderada pela Creditas, que contou com a participação do UVC Investimentos, fundo de Venture Capital do Grupo Ultra, companhia multinegócios responsável por empresas como Ipiranga, Ultragaz e Extrafarma, entre outras. Com os recursos do aporte, a empresa pretende lançar, neste ano, novos modelos e projetos de conectividade para redefinir a mobilidade em duas rodas no Brasil.

0yEWZzkTZ6InYu02bj5SYyJXZ0BUasxWZjVHbh1WYzNXZuFmd6gTO0YTMzETN0EjOnVGcq5ydvxGOiRmZiZGNjFTYiNTOjBDN5EWN5MWNzIWZ0gTZwQmNyYkMlQmNyYkMlgzM3cTMGJTJ3ITOxgjM4kjMz8VL0ETLfpjN
Voltz em Curitiba

Fábrica em Manaus

A Voltz vai iniciar sua produção na nova fábrica da Zona Franca de Manaus no primeiro trimestre de 2022. A empresa afirma que precisou adiar a inauguração para garantir o pleno funcionamento e o padrão de qualidade da operação. Atualmente, a implantação da fábrica está no processo de montagem dos equipamentos.

Atualmente, a empresa importa todas as peças e monta seus veículos em sua base localizada em Cabo de Santo Agostinho (PE). A instalação da fábrica no PIM vai contribuir para uma significativa redução dos impostos de importação -- em razão dos incentivos fiscais da Zona Franca --, além de trazer agilidade de logística para a companhia.

No local, serão fabricadas uma série de peças de seus veículos, do pedal de apoios e retrovisores a pastilhas e discos de freios. Inicialmente, a capacidade mensal de produção será em torno de 10 mil veículos. Com investimento de R$54 milhões, a nova fábrica deverá gerar aproximadamente 200 novos postos de trabalho.

5 cervejas da ØL Beer para curtir o verão

Cervejaria artesanal paranaense traz opções refrescantes para a estação mais quente do ano, incluindo as novas opções de cervejas artesanais em lata
Para celebrar a chegada do verão, a ØL Beer preparou uma lista com 5 refrescantes sugestões de cervejas. A cervejaria artesanal paranaense tem na mitologia nórdica sua inspiração, e busca demonstrar que uma boa cerveja pode ser refrescante e marcante na mesma medida. Confira a seguir diversas possibilidades para fazer o combo que você preferir, seja para um churrasco, uma descida para a praia ou mesmo para curtir uma maratona de filmes e séries bem acompanhado.

Para começar, dois estilos que podem ser pedidos tanto em growlers com 1 litro de chopp quanto em garrafas de cerveja de 500 ml: o Baldr Pilsen e o Odin Witbier. O primeiro estilo traz no nome o sugestivo Deus nórdico da luz: uma cerveja de coloração dourada, leve e refrescante, de baixa fermentação. Já a Wit da ØL Beer se destaca pelo aroma e pelo leve sabor picante de especiarias como coentro, noz moscada e zimbro, que geram um delicioso equilíbrio com a citricidade das cascas de laranja e limão siciliano.

Se a ideia for combinar com o bronze do verão, que tal a Thor Belgian IPA, eleita medalha de bronze entre as três melhores cervejas na categoria White & Belgian IPA na Copa Cervezas de América? Também disponível tanto na versão growler de 1 litro quanto em garrafa de cerveja de 500ml, ela traz um conjunto de ingredientes especiais para compor um incrível aroma cítrico, além de sabor picante, advindo da levedura belga, frutado adocicado e um corpo médio.

E para fechar com novidades essa seleção, os sócios-proprietários e mestres-cervejeiros da ØL Beer, Isadora Neier e Eduardo Vosgerau, indicam as duas recém-lançadas latas da ØL Beer. Tratam-se da Jun, uma Hazy IPA com Hop Hash, e da Goddess, uma surpreendente e superfrutada Imperial Sour. “A Jun é uma cerveja potente e complexa. A presença do lúpulo traz amargor moderado e sabor marcante, evidenciando a natureza craft e o corpo robusto. Por isso, a Jun nos inspira uma guerreira viking e exploradora, uma mulher que tem força e personalidade, mas que tem dentro de si a delicadeza e a sensibilidade”, conta Isadora. Já a imperial sour da ØL Beer, explica Eduardo, é uma verdadeira “salada de frutas alcoólica”, que promete surpreender até os mais céticos ao estilo sour. “Levemente ácida e com alta drinkability, a Goddess se destaca pelos sabores e aromas de maracujá e tangerina”, completa o mestre-cervejeiro.

As cervejas em garrafas podem ser encontradas nos supermercados Angeloni, Festval e VerdeMais, em Curitiba, além de diversos bares e empórios da capital paranaense. Se preferir, você também pode pedir essas e outras opções da ØL Beer em casa. Para isso, basta fazer seu pedido pela loja da ØL: https://olbeer.com.br/loja/. Confira as novidades da cervejaria artesanal nas redes sociais da ØL: @cervejariaolbeer.

Serviço
Mais informações: olbeer.com.br e nos telefones (41) 9 9882-1077 e 9 9998-3037
Facebook: @cervejariaolbeer
Instagram: @cervejariaolbeer

O chá verde pode trazer diversos benefícios à saúde corporal

Sandra Ribeiro, terapeuta holística, comenta sobre as vantagens desconhecidas de um dos chás mais tradicionais do país

O consumo de chás é facilmente associado à resolução de doenças e mal estar, porém, o que não se sabe é que tornar esta bebida um hábito diário pode prevenir diversas condições e trazer inúmeros benefícios à saúde. “O chá verde contém potentes antioxidantes que melhoram o metabolismo oxidativo, reduzindo o nível de degeneração celular provocado pelos radicais livres”, explica a terapeuta holística, Sandra Ribeiro.

De acordo com ela, o chá verde pode ainda trazer resultados interessantes para a saúde mental, melhorando a disposição, por exemplo, por conta da cafeína presente na bebida. “Além disso, o consumo regular pode ajudar a prevenir até mesmo alguns tipos de câncer como o de próstata, de estômago, de mama, de pulmão, de ovário e de bexiga”, detalha.

Além de também ajudar na prevenção de doenças como as do coração, gripes e resfriados, diabetes e melhorar a saúde bucal, o chá verde pode ainda ser um importante aliado na perda de peso e na prevenção do envelhecimento precoce. “O chá verde age no combate à flacidez e tem um efeito diurético que ajuda em questões como a retenção de líquido”, pontua a especialista.

Este tipo de chá, que muitas vezes passa despercebido, é tão importante que pode agir na prevenção de doenças degenerativas como o Parkinson e o Alzheimer. “Os polifenóis do chá ajudam a melhorar a memória e a mobilidade de pessoas que já estão doentes também”, explica Sandra Ribeiro.

O chá verde da Life Natural não contém glúten e é solúvel, o que estimula a ação do metabolismo, promove a quebra das moléculas de gordura e possui ação termogênica. “Basta adicionar 1 colher de sopa em água quente e tomar. O chá verde é responsável por melhorar as atividades do sistema imunológico”, conta a terapeuta holística.

Sobre a Life Natural

O grupo Life Natural foi fundado em 2014 por Ricardo Maia em Rondônia. Atualmente, a matriz fica em São Paulo. O foco da empresa é a importação e o desenvolvimento de produtos naturais. Com o objetivo de proporcionar saúde, qualidade de vida e bem estar aos clientes, a Life Natural já conta com mais de 100 produtos e representantes comerciais espalhados por todo o Brasil e no exterior.

Hospital Marcelino ChampagnatHora do Detox: o poder antioxidante e anti-inflamatório dos alimentos

Como retomar a rotina alimentar depois das festas? A regra é clara: descasque mais e desembale com responsabilidade

Um cardápio carregado de bebidas alcoólicas e alimentos processados, com alto teor de aditivos químicos, conservantes e açúcares. É raro encontrar alguém que não se rendeu a esses alimentos pobres em nutrientes ou acabou cometendo excessos durante as festas de fim de ano. Esse comportamento, no entanto, tende a sobrecarregar o sistema digestivo e o fígado, prejudicando o bem-estar e a saúde de forma geral. Com a chegada de janeiro, quem agiu por impulso e extrapolou na alimentação já deve estar pensando: é hora de entrar na linha novamente.

Antes de tudo, é importante ter em mente que episódios pontuais de exagero tendem a não afetar de forma agressiva o organismo e que não será um alimento específico que trará de volta o equilíbrio nutricional do corpo. “Tudo o que é muito agressivo e restritivo, ou que cause uma mudança grande na rotina alimentar, pode ser prejudicial. Mas, sim, uma dieta desintoxicante, feita por um curto período de transição e com acompanhamento médico, pode trazer benefícios quando a questão é se recuperar do período de festas”, explica o coordenador médico do Hospital Universitário Cajuru, de Curitiba, e especialista em nutrologia esportiva, José Rodriguez.

A dieta não “vinga”? Repense sua rotina alimentar

É muito comum as pessoas sentirem sintomas como cansaço excessivo, sono desregulado, ansiedade e estresse, inchaço causado pela retenção de líquido e sensação de fome constante. Todos esses sinais são indicativos que o organismo precisa eliminar impurezas e neutralizar toxinas. Tentar compensar ou restringir demais certos grupos alimentares não é a solução.

“É importante que qualquer prática detox seja realizada com acompanhamento nutricional individualizado. Com a exclusão de certos alimentos, o organismo pode levar um choque devido às carências nutricionais, além de reduzir o desempenho esportivo e até ocasionar alguma compulsão alimentar”, explica a nutricionista dos hospitais Universitário Cajuru e Marcelino Champagnat, Laleska Vignoli.

O consumo de alimentos com potencial anti-inflamatório e antioxidante pode ajudar bastante neste período pós festas. “Mas a recuperação do organismo deve passar pela retomada da rotina completa e pela prática diária de hábitos mais saudáveis, de forma consciente e contínua“, acrescenta Rodriguez. A orientação é simples: descasque mais e desembale com consciência.

“Desintoxicar o organismo significa fazer uma limpeza natural que começa estrategicamente pelo fígado e intestino. O fígado é o órgão que filtra o sangue do corpo humano, ou seja, ele retém grande quantidade de impurezas. Um corpo sobrecarregado de impurezas ou toxinas perde vitalidade”, complementa Laleska.

Para retomar a rotina alimentar, o ideal é se hidratar muito, procurar ingerir alimentos naturais, como frutas, vegetais, legumes, carnes frescas e cereais verdadeiramente integrais, que preservam as propriedades dos grãos inteiros e não possuem porções refinadas em sua composição. Cabe destacar ainda a importância de priorizar alimentos que tenham procedência e garantia de um processo produtivo cuidadoso, seguro e de qualidade, que realmente ofereça os benefícios que promete.

A Jasmine foi uma das primeiras empresas brasileiras a acreditar na agricultura orgânica. "Somos pioneiros no desenvolvimento de uma linha de orgânicos integrais e nossos produtos são livres de adubos químicos, agrotóxicos e sementes transgênicas”, destaca a gerente de P&D da Jasmine Alimentos, Melissa Gomide Carpi. Os produtos que compõem o portfólio da empresa, dentre eles, cereais, grãos e frutas desidratadas, são amplamente indicados pelos profissionais da área de nutrição para a retomada dos hábitos saudáveis e de um 2022 com vitalidade e bem-estar.

É mesmo possível desintoxicar o corpo?

Os consumidores estão fazendo escolhas cada vez mais conscientes e menos impulsivas nos últimos anos, indica a gerente de P&D da Jasmine Alimentos, Melissa Gomide Carpi. “Esse comportamento é fundamental para manter uma relação saudável e equilibrada com o alimento. Nosso propósito é mostrar que nossos snacks saudáveis, com verdadeiros benefícios nutricionais, são gostosos e de fácil inclusão no dia a dia”.

Para reequilibrar o fígado e a flora intestinal, e auxiliar no armazenamento e metabolização dos nutrientes, é importante incluir certos hábitos na rotina alimentar que impactam diretamente na redução da inflamação e na oxidação do corpo. Confira abaixo algumas dicas:

1) Beba água, pelo menos 35ml por quilo de peso diariamente.

2) Evite o consumo de carne vermelha em grande quantidade, pois é um alimento de difícil digestão.

3) Prefira proteína animal magra, como peixe, frango e porco e ovos.

4) Aumente o consumo de verduras, legumes e frutas, principalmente as vermelhas.

5) Alimente-se com cereais integrais e leguminosas (como aveia, linhaça), pois as fibras têm papel essencial no funcionamento do intestino.

6) Evite açúcar em excesso, principalmente as opções refinadas.

7) Reduza o consumo de frituras, dando preferência a preparos crus, assados, cozidos ou grelhados.

8) Para cozinhar, utilize azeite, manteiga ou óleo de coco, sempre na menor quantidade possível.

9) Substitua o sal por temperos naturais como alho, cebola, cúrcuma, coentro, manjericão, entre outros.

10) Na hora de montar o prato, dê mais espaço aos legumes e verduras.

11) Coma devagar e mastigue bem os alimentos.

12) Faça uso de probióticos, as conhecidas bactérias do bem, que reequilibram a flora intestinal.

Beefeater & Tonic Frozen: o gin mais premiado do mundo* lança versões ainda mais refrescantes do gin tônica para o verão 

Quatro variações de drinks frozen são a aposta para aproveitar a estação mais quente e esperada do ano!
*Baseado na premiação internacional de destilados de 2004 a 2021

Beefeater & Tonic Frozen: preparado com o tradicional Beefeater London Dry
Fotos em alta: https://we.tl/t-Inou0R8Zz1
São Paulo, novembro de 2021 - Beefeater, o gin mais premiado do mundo* e que faz parte do portfólio da Pernod-Ricard, inova mais uma vez e traz uma tendência para o verão brasileiro: versões frozen do clássico Beefeater&Tonic em um novo ritual, onde a tradicional taça é substituída pela caneca.

Com a premissa de ser uma opção ainda mais refrescante, os drinks frozen de Beefeater são a nova forma de aproveitar o calor! A marca desenvolveu quatro coquetéis: todos fáceis de fazer, refrescantes, super instagramáveis e que agradam aos mais variados paladares. Beefeater & Tonic Frozen, o tradicional Beefeater & Tonic, feito com Beefeater London Dry gin, com uma refrescância a mais. Botanics & Tonic Frozen, para aqueles que buscam um drink com menor teor alcoólico ele é feito com o mais novo lançamento Beefeater Botanics. Pink & Tonic Frozen , para aqueles que amam morango e procuram um drink perfeito para adocicar e refrescar seu verão. Beefeater 24 & Tonic Frozen , com um toque de grapefruit irresistível para curtir um fim de tarde de verão.

Botanics & Tonic: preparado com Beefeater Botanics, o novo integrante da Família Beefeater, feito com ingredientes 100% naturais e com menor teor alcóolico (27,5% vs 47% London Dry)
"O primeiro verão após o período de isolamento é o mais esperado da década, o que promete uma grande movimentação, principalmente em celebrações de fim de ano e carnaval. Esse é o momento ideal para explorar a cidade em seus novos espaços urbanos, agora que podemos voltar a celebrar na rua, mas claro, seguindo todos os protocolos de saúde. Nos mantendo sempre antenados com tendências do mercado e de olho na constante mudança nos hábitos dos consumidores, as versões Frozen de Beefeater chegam como a alternativa ideal para um fresh start completo nessa estação e nesse momento de redescoberta", comenta Patrícia Cardoso, Diretora de Marketing da Pernod-Ricard Brasil.

Pink & Tonic: versão com o Beefeater Pink, que combina nove botânicos com morangos naturais
Os drinks "abaixo de zero" são extremamente versáteis e de rápido preparo, deixando o consumidor livre para aproveitar o calor na rua ou também em casa! Confira os ingredientes das quatro opções Frozen de Beefeater e torne o seu verão ainda mais refrescante:

Beefeater 24 & Tonic Frozen: versão de Beefeater possui 12 botânicos, entre os nove que também compõem a versão London Dry Gin, mais a adição de casca de grapefruit, folhas de sencha japonesa e chá verde chinês
Confira o modo de preparo das quatro variações de Beefeater & Tonic Frozen:

Beefeater & Tonic Frozen
231 kcal
Teor Alcoólico: 7%

Ingredientes
50 ml Beefeater Dry
40 ml suco de limão
40 ml xarope de açúcar
200-300g de gelo (aproximadamente 9 cubos de gelo)
50 ml água tônica

Guarnição: Fatias de Limão Siciliano e Laranja Bahia
Coloração: Turva/transparente

Modo de preparo
1. Em um liquidificador adicione 50ml de Beefeater Dry, 40ml de suco de limão, 40ml de xarope de açúcar, 50ml de água tônica e 5 cubos de gelo.
2. Bata todos os ingredientes até liquidificar. Em seguida adicione mais 4 pedras de gelo e bata novamente até atingir a cremosidade.
3. Passe para a caneca, decore com fatias de limão siciliano e laranja bahia e sirva.

Botanics & Tonic Frozen
183 kcal
Teor Alcoólico: 4%

Ingredientes
50 ml Beefeater Botanics
20 ml suco de limão siciliano
30 ml mel de agave
50 ml água tônica zero
200-300g de gelo (aproximadamente 9 cubos de gelo)

Guarnição: Fatias de limão siciliano e gengibre
Coloração: turva/transparente

Modo de preparo
1. Em um liquidificador adicione 50ml de Beefeater Botanics, 20ml de suco de limão siciliano, 30ml de mel de agave, 50ml de água tônica zero e 5 cubos de gelo.
2. Bata todos os ingredientes até liquidificar. Em seguida adicione mais 4 pedras de gelo e bata novamente até atingir cremosidade.
3. Passe para a caneca, decore com fatias de limão siciliano, gengibre e sirva.

Pink & Tonic Frozen
238 kcal
Teor Alcoólico: 6%

Ingredientes
50 ml Beefeater Pink Strawberry
20 ml suco de limão
40 ml xarope de açúcar
6 morangos médios (congelados ou não)
200-300g de gelo (aproximadamente 9 cubos de gelo)
50 ml água tônica

Guarnição: Morangos
Coloração: Rosa vibrante

Modo de preparo
1. Em um liquidificador adicione 50ml de Beefeater Pink Strawberry, 20ml de suco de limão, 40ml de xarope de açúcar, 6 morangos médios, 50ml de água tônica e 5 cubos de gelo.
2. Bata todos os ingredientes até liquidificar. Em seguida adicione mais 4 pedras de gelo e bata novamente até atingir a cremosidade.
3. Passe para a caneca, decore com fatias de morango e sirva.

Beefeater 24 & Tonic Frozen
235 kcal
Teor Alcoólico: 8%

Ingredientes
60 ml Beefeater 24
40 ml suco de grapefruit (opção de congelar o suco para cor mais vívida)
10 ml suco de limão
30 ml xarope de açúcar
50ml água tônica
200-300g de gelo (aproximadamente 9 cubos de gelo)

Guarnição: Ramo de alecrim ou fatia de grapefruit
Coloração: Leve alaranjado/turvo

Modo de preparo
1. Em um liquidificador adicione 60ml de Beefeater 24, 40ml de suco de grapefruit, 10ml de suco de limão, 30ml de xarope de açúcar, 50ml de água tônica e 5 cubos de gelo.
2. Bata todos os ingredientes até liquidificar. Em seguida adicione mais 4 pedras de gelo e bata novamente até atingir a cremosidade.
3. Passe para a caneca, decore com ramo de alecrim ou fatia de grapefruit e sirva.

Todas as variações de Beefeater estão à venda no Drinks and Clubs, assim como as principais especiarias e acessórios para deixar seu verão ainda mais refrescante. Acesse: www.drinksandclubs.com.br/gin/beefeater
Sobre Beefeater

Criado pelo químico britânico James Burrough no início do século XIX, Beefeater é atualmente o único gin internacional ainda produzido no coração de Londres, na destilaria de Kennington, ao sul do Rio Tâmisa. Seu nome é inspirado nos guardas Yeoman, a mais antiga corporação militar britânica, criada por Henri VII, em 1485. Também chamados de Beefeaters, são tradicionalmente os responsáveis pela segurança da Rainha, e ainda hoje, guardam a Torre de Londres.

Beefeater é produzido artesanalmente por uma equipe chefiada por Desmond Payne, o renomado Master Distiller da marca, que há mais de 50 anos trabalha com gin e desde 1995 cuida pessoalmente de toda a produção de Beefeater, que utiliza a mesma receita inventada por Burrough. É o autêntico gin inglês, com espírito glamouroso e, ao mesmo tempo, urbano e moderno, assim como sua cidade natal, Londres. No Brasil, o portfólio da marca conta com Beefeater London Dry (receita original de 1876), Beefeater Pink (2017), Beefeater 24 (2008) e, traz em caráter de edição limitada mais uma variedade da família: Beefeater London Garden (2015), que até 2018 era item exclusivo da destilaria.

Beefeater London Dry Gin é o gin mais premiado do mundo, de 2004 a 2019. São mais de 15 anos no topo do ranking totalizando mais de 80 prêmios* nas principais competições de destilados que acontecem na Inglaterra e EUA, os principais mercados mundiais para gins.

* Awarding Body Years
International Wine and Spirit Competition
2004-2019
San Francisco World Spirits Competition
2004-2019
International Spirits Challenge
2007-2019
The Spirits Business (Gin Masters)
2008-2019

Borbulhas premiadas

Degustação às cegas de cerca de 200 champagnes elegeu Perrier-Jouët Belle Epoque 2012 e GH Mumm René Lalou 2006 entre os melhores de 2021 pelo ranking do Champagne Masters, com medalhas Ouro e medalha Champagne Master, iniciativa da The Drink Business

Pernod-Ricard inicia 2022 comemorando a inclusão de dois champagnes de seu portfolio de luxo, entre os melhores de 2021. A partir de uma degustação às cegas, em que foram provados quase 200 rótulos da categoria por um seleto público de experts e críticos de vinhos, na edição anual do Champagne Masters promovida pela The Drink Business, Perrier-Jouët Belle Epoque 2012 e GH Mumm René Lalou 2006 foram agraciados respectivamente com medalha de ouro e medalha Champagne Masters, esta última, premiação máxima concedida a rótulos que se destacaram no ano.

Perrier-Jouët Belle Epoque 2012 ilustra o savoir-faire da Maison na arte que domina por mais de 200 anos. Atraente e elegante, o novo cuvée seduz amantes do champanhe e hedonistas com sua riqueza e expressa plenamente a complexidade floral da Chardonnay. Uma elegância que também se nota na própria garrafa, um verdadeiro ícone: é a única cuvée a ser embelezada pela anémona desenhada em 1902 por Emile Gallé, um mestre da Art Nouveau, movimento intimamente ligado à Maison. Este frasco singular adornado com flores é um testemunho da relação da Maison com a arte e a natureza, que a caracteriza desde a sua fundação.

Embora a Maison Perrier-Jouët seja famosa por seu vinhedo onde cultiva a Chardonnay, ela também possui lotes excepcionais de Pinot Noir - fato demonstrado pela Perrier-Jouët Belle Epoque, que combina as duas variedades de uvas em proporções quase iguais. O notável cuvée 2012 também exemplifica a arte do blend típico Perrier-Jouët: as uvas Pinot Noir que compõem 45% do blend, cultivadas em Mailly, Verzy e Aÿ no norte da Montagne de Reims são utilizadas mas para realçar a delicada estrutura de Chardonnay (50%, na composição, egressas de Grand Cru de Cramant, Avize, Chouilly e Mesnil / Oger na Côte des Blancs). Uma pequena quantidade de uvas Pinot Meunier (5%) de Dizy no Vallée de la Marne aperfeiçoa o equilíbrio entre os dois.

Cuvée inspirador

Depois de envelhecer durante cinco anos nas caves da Maison, Perrier-Jouët Belle Epoque 2012 revela-se totalmente. “Um vinho raro e sedutor que se destaca pela harmonia floral e pela riqueza”, comentou Hervé Deschamps, ex- chef de Cave da Maison. É caracterizado por um ouro pálido e translúcido, com clareza radiante e reflexos sutis de verde maçã. No nariz, notas distintas de flores brancas combinam com pêssegos brancos, pêras crocantes e limão. Na paleta, o frescor prevalece, liberando uma bela harmonia.

Perrier-Jouët Belle Epoque 2012 é ideal para celebrar ocasiões especiais. Para apreciar a sua delicadeza floral, é servido idealmente a 12 ° C e acompanha na perfeição peixes delicados como o linguado, à meunière e o pregado na brasa.

Preço Sugerido: R$1429,90

https://www.drinksandclubs.com.br/perrierjouetbelleepoquebrutsafra2012750ml/p

(www.drinksandclubs.com.br )

Sentido de Terroir , Medalha “Champagne Masters”, premiação máxima

RSRV Lalou 2006 é um vinho excepcional que expressa a filosofia e legado do visionário René Lalou, presidente da Maison, baseada em um blend complexo e cuidadosamente selecionado a partir dos melhores lotes da Maison Mumm. Essas doze parcelas são divididas igualmente entre Pinot Noir na Montagne de Reims, e Chardonnay na Côte des Blancs. Estes são os mais prestigiosos, mais antigos e os mais bem situados das vinhas Maison Mumm, com os personagens mais fortes do Grand Cru da Casa.

Safra premiada

2006 foi uma grande safra. Marcado por condições climáticas contrastantes, teve, no entanto, uma vindima de elevada qualidade, com condições ideais para o amadurecimento das uvas. Sete parcelas foram selecionadas para a mistura única da safra 2006 RSRV Lalou. Estes sete vinhos foram primeiro prensados separadamente e posteriormente fermentados individualmente em barricas. Com um envelhecimento superior a dez anos e uma dosagem mínima de seis gramas por litro, conferem um cunho extra de qualidade, revelando na íntegra os aromas complexos e elegantes destes vinhos.

Notas de Prova

Cor dourada maravilhosamente pura. Aromas minerais elegantes, conduzindo a notas de pastelaria doce. Aromas de limão cristalizado e geleia de pêra com notas adicionais de baunilha, torrada e brioche. Um ataque poderoso e arredondado no palato. À medida que o vinho se instala, o sabor torna-se mais redondo e fresco, com um bom comprimento. RSRV Lalou 2006 é a combinação perfeita para trufas brancas ou queijos, como um Comté jovem.

Sobre o Champagne Masters

Champagne Masters é uma competição criada e gerida pela prestigiada The Drink Business, e uma extensão de sua bem-sucedida série Masters para variedades de cepas, como Chardonnay e Pinot Noir, bem como regiões como Rioja e Toscana. O concurso é exclusivamente para Champagne. Os melhores vinhos foram premiados com medalhas de Ouro, Prata ou Bronze de acordo com o resultado, e as expressões que se destacaram receberam o prêmio máximo - o título de Champagne Master.

Imagens relacionadas

39c382873c36485db4717c2b56d5c552_small.jpg
René Lalou 2006 da Maison Mumm conquistou a premiação máxima no Champagne Masters
Divulgação
baixar em alta resolução

f1549787a274e001c600188578a8b2e2_small.jpg
Em prova às cegas , champagne da Maison Mumm está entre os melhores de 2021
Divulgação
baixar em alta resolução

573204a18405530d005460a0d0bc8391_small.jpg
Perrier-Jouët Belle Epoque 2012 conquistou a medalha de ouro e está entre os melhores de 2021
Divulgação
baixar em alta resolução