Kit Dia das Mães ØL Beer traz combinações para presentear as guerreiras paranaenses

Promovendo uma experiência com cervejas e doces artesanais da região, a cervejaria ØL Beer lança kits cheios de mimos para surpreender as mães

O segundo domingo de maio é sempre uma data especial. Para homenagear essas mulheres que criam, educam, ensinam e alimentam nossos sonhos desde somos pequenos, a cervejaria artesanal ØL Beer lança um kit especial para o Dia das Mães. Cada caixinha vem repleta de mimos, com cerveja, chocolate e palha italiana, todos feitos por produtores locais.

“Datas como essa, em que temos a ‘desculpa’ para mimar nossas mães, combinam com esse clima artesanal. Como nossa história e a da ØL permeia esse meio, decidimos criar um kit para o Dia das Mães com produtos artesanais produzidos aqui em São José dos Pinhais e em Curitiba. Dessa forma, além de ajudar a divulgar e fomentar a produção local possibilitamos que cada um presenteie sua mãe com a cerveja ØL que mais agradar e somar isso a experiência de degustar esses mimos regionais”, comenta Isadora Neier, mestre-cervejeira e sócia-proprietária da ØL Beer.

Com estoque limitado, os kits Dia das Mães da ØL contém: 1 garrafa de cerveja ØL de 500 ml a escolha do cliente (Baldr Pilsen, Thor Belgian IPA, Odin Witbier, Loki APA ou Bragi Oatmeal Stout) + 1 barra da chocolate artesanal + 1 pacotinho de palha italiana artesanal.

Cada kit fica pelo valor de R$60 e pode se encomendado pelo delivery exclusivo da ØL no (41) 99676-8354 (WhatsApp) ou pelo e-commerce da cervejaria: https://olbeer.com.br/loja/.

Vale ressaltar que a ØL também pensou nas futuras mamães e incluiu a HOP Lager 0% álcool como opção para o Kit Dias das Mães. “Sabemos que há mães que não podem ou que não gostam do consumo do álcool. Por isso, incluímos nossa cerveja sem álcool como uma possibilidade. Para completar os mimos para o Dia das Mães e deixar cada presente ainda mais personalizado, quem quiser também pode inserir uma mensagem especial ao kit”, complementa Eduardo Vosgerau, mestre-cervejeiro e sócio-proprietário da ØL Beer.

Sobre os tipos de cerveja da ØL Beer

Baldr Pilsen: uma cerveja leve e refrescante, de baixa fermentação e coloração dourada. Perfeita para todos os momentos.
Thor Belgian IPA: a cerveja duplamente premiada da ØL traz um incrível aroma cítrico, além de sabor picante, frutado adocicado e um corpo médio.
Odin Witbier: uma cerveja de trigo com adição de casca de laranja, casca de limão siciliano e especiarias, como coentro, noz moscada e zimbro. A citricidade das cascas de laranja e limão combina com o leve sabor picante das especiarias, proporcionando uma combinação equilibrada e refrescante.
Loki APA: essa cerveja traz aromas equilibrados entre maltes e lúpulos, remetendo a caramelo, frutas doces e um toque levemente cítrico.
Bragi Oatmeal Stout: essa cerveja leva em sua receita uma incrível combinação de maltes torrados e aveia que proporcionam corpo médio, cremosidade e textura aveludada. Tanto no aroma, quanto no paladar, a complexidade dos ingredientes resulta em notas de amêndoas, nozes, café, caramelo e leve chocolate.
HOP Lager 00%: leve, possui coloração dourada, baixo amargor e traz aromas de frutas cítricas. Possui uma altíssima drinkability.
Mais informações: olbeer.com.br

Facebook: @cervejariaolbeer

Instagram: @cervejariaolbeer

Cervejaria Artesanal ØL Beer ganha medalha de prata com a Thor Belgian IPA no Concurso Brasileiro de Cervejas

Além de acumular mais um prêmio com a Belgian IPA, a ØL Beer também concorreu com a Hop Lager 0% entre as melhores cervejas sem álcool do Brasil

A Cervejaria Artesanal Paranaense ØL Beer mostra que com energia e dedicação é possível se diferenciar no mercado e expandir horizontes. A cerveja Thor Belgian IPA acaba de ganhar a medalha de prata no 9º Concurso Brasileiro de Cervejas. A premiação coloca a cerveja da marca entre as melhores cervejas da categoria Ale, subcategoria American-Belgo-Style Ale. Com isso, a Thor da ØL acumula seu segundo prêmio, somando com a medalha de bronze conquistada na categoria Belgian IPA na Copa Cervezas de América 2019.

Realizado pela Associação Blumenauense de Turismo, Eventos e Cultura (ABLUTEC), o concurso é um dos maiores do mundo e este ano analisou mais de 150 estilos de cerveja entre os tipos: Ale, Lager e Hybrid/Mixed Lagers ou Ales.

Isadora Neier, sócia-proprietária e mestre-cervejeira da ØL Beer conta que o evento analisou 448 cervejarias que somaram 3.099 rótulos: “Ter recebido a medalha de prata com a Thor, uma de nossas criações de maior sucesso, nos enche de motivação para evoluir nossos processos e receitas e continuar a promover a cultura cervejeira no Paraná e em todo país”. Isadora reforça que a marca também concorreu com a Hop Lager 0% (lançada em garrafas de 355 ml no ano passado) entre as melhores cervejas sem álcool do Brasil.

A 9ª edição do Concurso Brasileiro de Cervejas começou no dia 17 de novembro de 2020 e encerrou o julgamento das amostras recebidas no dia 8 de março. A premiação aconteceu no último dia 18 de forma virtual, respeitando as normas de segurança recomendadas pelo Ministério de Saúde para a contenção ao Coronavírus.

Para Eduardo Vosgerau, sócio-proprietário e mestre-cervejeiro da ØL Beer, além da premiação, o evento promove um diferencial estratégico para as cervejarias participantes. Segundo o mestre-cervejeiro, as avaliações e comentários dos juízes ajudam a melhorar processos produtivos, o que promove uma evolução das cervejas brasileiras.

“A edição deste ano foi muito humana, pois entendeu o quanto o ano de 2020 foi complicado para o mercado brasileiro. As inscrições foram realizadas em dois lotes e para ajudar as cervejarias, o primeiro lote teve um valor promocional. A edição anterior contou com mais de 600 cervejarias e esta 9ª edição teve ainda mais participantes. Isso só indica que o mercado cervejeiro permanece aquecido. Prova dessa perseverança foi a classificação da nossa Thor Belgian IPA como uma das melhores cervejas do país. Estamos muito animados!" revela Eduardo.

O Concurso Brasileiro de Cervejas é uma realização da Associação Blumenauense de Turismo, Cultura e Eventos (Ablutec) com a coordenação técnica da Escola Superior de Cerveja e Malte.

Conheça as cervejas da ØL Beer que concorreram no evento

A Thor Belgian IPA é uma cerveja forte e clara. A campeã da ØL soma vários ingredientes especiais para trazer um incrível aroma cítrico, além de sabor picante (devido à levedura belga), frutado, adocicado e um corpo médio. Com 6,7% vol. e 65 IBU, é representada por Thor, o deus nórdico do trovão, da guerra e da força. Combina bem com carnes vermelhas, hambúrgueres, queijos duros de média maturação, carne crua, carnes selvagens suculentas e/ou gordurosas.

Já a Hop Lager 0% é leve, possui coloração dourada, baixo amargor e traz aromas de frutas cítricas. Possui uma altíssima drinkability. A cerveja sem álcool da ØL segue a inspiração da cultura nórdica característica da marca e traz a Yggdrasil, a árvore da vida que une os nove mundos da mitologia nórdica estampando seu rótulo. Combina muito bem com queijos, petiscos em geral e carnes.

Sobre ØL Beer

Inspirada na cultura viking, a ØL Beer nasceu para desbravar e compartilhar novas receitas, conhecer novos sabores e ampliar a cultura cervejeira. Localizada em São José dos Pinhais (PR), a fábrica artesanal conta com estrutura de 1.200 m2 e que se destaca pela atenção à sustentabilidade, com aproveitamento de água e redução do desperdício energético e de matérias-primas. Vencedora da medalha de bronze na categoria Belgian IPA na Copa Cervezas de América 2019, a ØL Beer foca em utilizar apenas insumos de qualidade para elaborar cervejas criativas e entregar qualidade e preço competitivo para consumidores e compradores.

Mais informações: olbeer.com.br

Facebook: @cervejariaolbeer

Instagram: @cervejariaolbeer

Pela primeira vez, Mostra Paranaense de Dança tem edição online e gratuita

Vídeos podem ser enviados até dia 21 de março e serão comentados por curadores de peso. Selecionados terão suas produções exibidas ao vivo pelo YouTube

Totalmente online, a 13ª edição da Mostra Paranaense de Dança já faz história. Esta é a primeira vez que o maior festival de dança amadora do Paraná acontece virtualmente. Estudantes de dança, bailarinos e grupos já podem fazer inscrições e enviar suas coreografias produzidas e gravadas durante a pandemia. O prazo vai até o dia 21 de março e a participação é gratuita.

A Mostra é realizada pela Associação Brasileira de Apoiadores Beneméritos do Teatro Guaíra (ABABTG), e essa edição conta com recursos da Lei Emergencial Aldir Blanc e do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura da Fundação Cultural de Curitiba, Prefeitura de Curitiba e Ministério do Turismo.

Com a possibilidade da edição online, a mostra abre-se para dançarinos de qualquer região, ganhando assim abrangência nacional. “A ideia é estimular a produção do maior número possível de estudantes de dança e bailarinos amadores, grupos e escolas, além de fomentar o trabalho dos profissionais envolvidos na organização dessas produções, inclusive nas edições dos vídeos”, explica a coordenadora de projetos da Mostra, Simone Bönisch.

Os vídeos enviados podem ter até 3 minutos e 30 segundos e utilizar qualquer linguagem, contanto que respeitem a classificação indicativa livre. Não serão aceitos espetáculos filmados antes da pandemia e o participante pode enviar quantos trabalhos quiser. “É nos momentos críticos que deixamos fluir a criatividade. Acredito que essa Mostra trará trabalhos nunca vistos antes, com ousadia e emoção”, diz a coordenadora.
Análise artística

Cada vídeo inscrito será avaliado e comentado por um time de peso – os curadores Daniel Siqueira, Ian Mickiewicz e Patrícia Machado –, que enviará o feedback em formato de áudio aos participantes individualmente. Além disso, os materiais escolhidos serão exibidos ao vivo pelo YouTube em um evento online previsto para os dias 24 e 25 de abril, às 19h.

Além do evento final, nos dias 17 e 24 de abril estão programadas sete oficinas virtuais escolhidas a dedo: Pilates e Fortalecimentos para Dança (com Daniel Siqueira); Balé Clássico Intermediário (com Ian Mickiewicz); Balé Clássico Infantil e Adulto (Erickson Oliveira); Laboratório de Danças Urbanas (com Raphael Fernandes); Dança Contemporânea (com Patrícia Machado) e Tudo é Jazz (com Juliana Caillot). Para participar é preciso fazer inscrição prévia e não há custo.

No dia 23 de abril, às 19h30, o webinar gratuito “Eventos online e a produção de dança em tempos de pandemia” reunirá os organizadores Simone Bönisch e Jorge Schneider, além dos curadores da Mostra Paranaense de Dança Online 2021 num bate-papo sobre como é fazer dança na atualidade e o papel do artista em tempos de pandemia. “Acredito que o momento de retorno presencial será uma explosão de produções. Mas, enquanto isso não acontece, precisamos entender os limites e os benefícios do audiovisual e dos espetáculos virtuais para a dança”, acredita Simone.

Em 2020, a Mostra Paranaense de Dança chegou a ser organizada e divulgada, mas foi cancelada devido ao distanciamento social imposto pela covid-19. “O virtual não substituirá o presencial – mas é necessário aprender a usar a tecnologia a favor das iniciativas culturais”, finaliza a organizadora.

SERVIÇO

13ª Mostra Paranaense de Dança (Online)

Inscrições de 15 a 21 de março de 2021 pelo site https://www.mostraprdedanca.com.br. Consulte o regulamento.

Dia 23 de abril às 19h30: Webinar “Eventos online e a produção de dança em tempos de pandemia”, com os organizadores Simone Bönisch e Jorge Schneider e curadores da Mostra Paranaense de Dança Online 2021

Dias 24 e 25 de abril às 19h: Live com os vídeos selecionados pelo canal da ABABTG no YouTube.

FOTOS:

- Fotos da edição de 2019, do fotógrafo Cayo Vieira
https://www.dropbox.com/sh/t57a4yzdlhhqhtc/AADsO49vH1bpOfFCrQNMdr7Aa?dl=0

- Alguns vídeos de coreografias apresentadas em 2019
https://www.dropbox.com/s/n10rqzlat7rk7yg/36-%20Jazz%20Juliana%20Hauth%20-%20Fragmentos%20de%20Um%20Elo.wmv?dl=0

https://www.dropbox.com/s/9zbxhu3aax3b9ci/14-%20Cia%20de%20Dan%C3%A7a%20Ol%C3%ADvia%20Hauptmann%20-%20As%20Wandinhas.wmv?dl=0

https://www.dropbox.com/s/6nhvapgp5u7aqbt/17-%20Escola%20de%20Dan%C3%A7a%20Teatro%20Gua%C3%ADra%20-%20La%20Fille%20Mal%20Gard%C3%A9e%20-%20Pas%20de%20Deux.wmv?dl=0

https://www.dropbox.com/s/rbzkq5jp9lktiad/30-%20Amusic%20Escola%20de%20M%C3%BAsica%20e%20Dan%C3%A7a%20-%20ShitPost.wmv?dl=0

ABABTG – A atual Associação Brasileira de Apoiadores Beneméritos do Teatro Guaíra foi fundada em 2008, na cidade de Curitiba. Na época denominada Associação de Bailarinos e Apoiadores do Balé Teatro Guaíra, ela surgiu com o propósito de fortalecer a dança e demais artes, motivando uma ligação sinérgica entre os setores público e privado. Durante esse período, foram realizados diversos projetos culturais, com repercussão local, nacional e internacional, que promoveram ações de formação, atualização, divulgação, fomento e democratização das artes em suas diversas linguagens. A atual nomenclatura foi assumida recentemente, para adaptar-se aos novos níveis de atividades operacionais e aos novos mercados de atuação da ABABTG.

Lênin Palhano, chef mais premiado de Curitiba, anuncia seu primeiro restaurante próprio na cidade

O projeto do Obst., que vai funcionar na charmosa Alameda Prudente de Moraes, reúne outros grandes nomes do mercado gastronômico paranaense e promete surpreender com um conceito único e autêntico

CURITIBA, 26/11/2020 - O premiado chef paranaense Lênin Palhano, um dos grandes nomes da gastronomia brasileira, acaba de anunciar seu primeiro empreendimento próprio na cidade de Curitiba. Batizado de Obst., o novo espaço, uma parceria de Lênin com o sommelier José Vinícius Chupil e o empresário Marcelo Muggiati Vaz, abrirá as portas oficialmente no próximo dia 09 de dezembro, prometendo um conceito inédito na capital paranaense.

O novo espaço, com capacidade para 55 lugares, foi implantado em uma aconchegante casa térrea, na charmosa Alameda Prudente de Moraes, região central de Curitiba, divisa entre os bairros Mercês e Batel. Com portas e janelas que dão diretamente para a calçada arborizada, onde também haverá mesas, o Obst. chega para oferecer uma experiência gastronômica com produtos de alto nível de forma descomplicada, informal e divertida, apostando em uma interação direta entre os principais personagens do empreendimento e o público. O Obst. contará, por exemplo, com um balcão dentro da cozinha, semelhante aos de restaurantes orientais, com lugar para quatro pessoas, onde o serviço, com valor fechado, será feito "às cegas", sem escolha de cardápio. "O cliente vai poder nos ver trabalhando, enquanto servimos um menu surpresa, com o que tivermos de melhor naquele dia", explica Lênin.

Conceito

Após sete anos no comando do Nomade – restaurante de sua concepção, que funciona no sofisticado Nomaa Hotel – e dezenas de prêmios, Lênin resolveu aproveitar o período de isolamento social para colocar em prática sua vontade de empreender. "O Obst. surgiu da minha vontade de ter um projeto meu. Após 15 anos de profissão, achei que era um bom momento. Fui sacudido por essa ideia durante a pandemia. Foi quando tive tempo e energia para executar algo que já estava na minha cabeça há uns dois anos", conta.

Com apenas 34 anos de idade, Lênin Palhano tornou-se na última década um dos principais nomes do cenário gastronômico nacional, graças a uma proposta culinária multicultural e seu livre trânsito entre diversas técnicas. A brilhante trajetória, coroada com inúmeros prêmios, é fruto de um trabalho incessante, de uma pesquisa minuciosa e de uma quase obsessão pela perfeição do que é servido. E é justamente essa obstinação que dá nome ao novo projeto: Obst. (pronuncia-se óbsti). "Eu queria um nome imponente, sério, mas que causasse uma certa dúvida e despertasse a curiosidade. Tem muito a ver comigo e com os profissionais envolvidos. As pessoas vão entender quando chegarem lá", explica.

À frente do Obst., Lênin dará continuidade a elementos que caracterizam a identidade de seu trabalho, como a valorização e a busca pelo preparo ideal de cada ingrediente, além da utilização de produtos frescos e de pequenos produtores. Porém, nesta nova fase, com uma ênfase mais sutil ao viés regional e de forma ainda mais autoral e criativa. "Apesar de eu sempre ter tido liberdade total, a operação hoteleira exigia um grande envolvimento em todo o serviço de refeições. Eu agora vou poder trabalhar com mais criatividade e tempo para desenvolver as minhas pesquisas."

No que depender da chef Julia Schwabe, Lênin terá tempo de sobra para seguir seus estudos. Seu braço direito no Nomade, a jovem de 28 anos agora será a chef de cozinha do Obst., comandando todo o serviço no dia a dia. A preocupação na formação de novos chefs de cozinha é uma das características do trabalho de Lênin, que se enche de orgulho ao falar de Julia e de Luan Honorato, seu ex-sous-chef, que o substituiu no posto de chef do Nomade. "É uma felicidade enorme saber que o Nomade agora está nas mãos de um chef jovem como o Luan, que começou como auxiliar e teve sua formação praticamente toda no lá no restaurante", ressalta.

Inspirado em alguns de seus restaurantes favoritos de ambientes descolados e menus não convencionais – entre eles, o Tickets (dos irmãos Albert e Ferran Adrià, em Barcelona, na Espanha), o Nit (do chef catalão Oscar Bosch, em São Paulo) e o badalado A Casa do Porco (do casal Jefferson e Janaína Rueda, também em São Paulo) – Lênin tenta trazer o mesmo tipo de leveza e despojamento a seu primeiro empreendimento. "Eu quis criar um lugar que eu acho que não existe em Curitiba. Onde eu gostaria de estar e onde me sentisse bem como me senti quando estive nesses restaurantes", conta.

A começar pelo conceito aberto do Obst., que segundo o chef, não pode ser definido como um restaurante ou um bar, mas sim um ambiente que reúne ambas as coisas e que oferece uma experiência gastronômica de excelência, mas descontraída. "Vai ser tudo mais leve, solto e casual", descreve. Essa liberdade também se reflete no cardápio, que é flutuante e estará em constante transformação, seguindo a disponibilidade dos melhores ingredientes. Outra novidade é a ausência dos tradicionais pratos principais individuais: todo o menu é voltado ao consumo compartilhado de porções, algumas para comer com as mãos, ao estilo Tapas, que podem ser combinadas entre si ou saboreadas separadamente.

Entre os ingredientes de mais destaque no cardápio do Obst., segundo Lênin, está "o mar", referindo-se ao contato próximo que mantém com produtores especializados em pesca e cultivo de ostras, mariscos e vieiras, em Santa Catarina. Os produtos e técnicas paranaenses, objetos de uma vasta pesquisa do chef, continuam presentes no Obst., que vai expandir os limites até São Paulo, Minas Gerais ou até onde for preciso na busca pelo ingrediente ideal. Mas o chef faz questão de frisar que continua a praticar uma gastronomia sem rótulos ou especialidades. "É uma culinária sem fronteiras, que busca servir os melhores e mais diversos produtos, com foco na técnica", define. Lênin tranquiliza os clientes mais saudosos, adiantando que eles que vão encontrar no Obst. o famoso "Porquinho na Couve" (consagrada entrada servida no Nomade). Mas o chef também alerta para que eles se preparem para uma experiência menos convencional que de costume. "O cliente precisa botar na cabeça que não vai comer nhoque ou bacalhau. Precisa só saber que vai comer bem, em um bom ambiente, com bons vinhos e bons drinks."

Vinhos e coquetéis

Para harmonizar com tamanha variedade de opções, Lênin tem a seu lado como sócio no Obst. o também laureado sommelier José Vinícius Chupil (ex-La Varenne), que garante uma carta de vinhos dinâmica, em que prevalece a qualidade, a safra e a diversidade. Ao todo, a casa servirá cerca de 45 rótulos, que vão variar na mesma medida (ou quase!) que as mudanças de cardápio. "Estamos trabalhando com total autonomia e independência, o que nos possibilita ter acesso a uma variedade enorme de países, regiões e estilos de vinhos", conta Chupil.

Segundo o sommelier, que também faz sua estreia como empresário ao lado de Lênin, muitos desses vinhos estarão disponíveis em taça, para que o cliente tenha a oportunidade de provar diversos rótulos, de destaques nacionais a grandes produtores internacionais. Espumantes também estarão presentes na carta e, durante os próximos meses, de verão, os espumantes nacionais terão um destaque especial. Ao final do período de um ano, Chupil estima que cerca de 400 rótulos terão sido servidos no Obst.

Além de uma excelente carta de vinhos, o Obst. terá um bar de drinks sob o comando do jovem prodígio Zé Augusto Swaiger (ex-Officina Restô Bar), de 28 anos. Zé, único finalista paranaense no concurso nacional Bacardí Legacy, em 2018, já havia trabalhado durante três anos com Lênin no bar do Nomade e foi a escolha natural do chef para liderar a coquetelaria do Obst. Recém-chegado de uma temporada como barman no Bistrô Felissimo, na Praia Brava, em Balneário Camboriú, Zé traz para os coquetéis do Obst. o frescor e o descompromisso da praia, em equilíbrio com uma estética mais sóbria. Além de clássicos da coquetelaria, a carta do Obst. é composta por drinks de sua autoria que estão entre os preferidos de seus clientes, entre eles, Punch Clarificado, Grand Cru e Anna Karenina. "Gosto muito de usar técnicas diferenciadas, como clarificação, carbonatação e experimentação com diferentes tipos de acidez. Além disso, tenho trabalhado na criação de coquetéis que na aparência são inofensivos, devido à simplicidade, mas que no sabor surpreendem e são marcantes", revela Swaiger.

Serviço

O Obst. vai funcionar a partir do dia 9 de dezembro, na Alameda Prudente de Moraes (nº 983), no Centro de Curitiba. Funcionamento de terça a sexta-feira, das 18h às 23h e aos sábados das 14h às 23h. Para mais informações, acesse o perfil oficial do empreendimento no Instagram (@obst.lugar).

UM BRINDE À VIDA: CERVEJARIA ARTESANAL ØL BEER LANÇA TAG ALUSIVA AO OUTUBRO ROSA

Disponível exclusivamente para a cerveja Sunna Session Rye IPA – rótulo cor de rosa da ØL Beer – a ação tem como objetivo reforçar a importância do autoexame e da prevenção ao câncer de mama durante todo mês de outubro

Chegam aos bares, restaurantes, supermercados e demais pontos de vendas da cervejaria artesanal paranaense ØL Beer, a partir desta semana, as tags para reforço ao Outubro Rosa. A Campanha de Conscientização ao Câncer de Mama, que movimenta o país durante o mês de outubro, se faz ainda mais importante este ano, uma vez que o diagnóstico precoce da doença é fundamental para o sucesso do tratamento. Na ØL Beer, a nova tag será distribuída durante todo o mês de outubro e é uma exclusividade do estilo Sunna Session Rye IPA da ØL Beer.

A ação tem como objetivo reforçar a importância da prevenção ao câncer de mama, que só no Brasil apresenta mais de 60 mil novos casos por ano. No verso da tag, os consumidores e consumidoras encontrarão orientações de como realizar o autoexame e sobre a importância da prevenção.

A escolha da Sunna vai além da cor rosa, símbolo da campanha. Considerada a personificação divina da luz solar, a deusa é venerada pelos povos nórdicos como doadora da vida. “Com essa singela referência, a gente quis unir um dos prazeres da vida – uma boa cerveja – com a importância da prevenção à saúde para desfrutar bem dela”, explica a mestre-cervejeira e sócia da ØL Beer, Isadora Néier.

A Sunna leva centeio na receita e é uma ótima opção para quem aprecia cervejas IPA. “De amargor moderado e notas herbais e cítricas (como limão e capim limão). Ideal para degustar com carnes ou com uma cesta de queijos e petiscos”, completa Eduardo Vosgerau, mestre-cervejeiro e sócio da ØL Beer.

Além disso, ao longo do mês, a marca promoverá outras duas ações: a cada 3 litros de chopp Sunna Session Rye IPA pedidos pelo delivery, o(a) cliente receberá 1 litro a mais. Outra ação para incentivar a divulgação da campanha é a promoção realizada especificamente para bares: a cada Sunna pedida, o consumidor ou consumidora concorre a outros 3 litros desta Session Rye IPA.

Serviço
Informações sobre pontos de venda olbeer.com.br.
Pedidos também podem ser feitos direto no Whatsapp da cervejaria, pelo (41) 99676-8354.
Pedidos feitos até às 14 horas são entregues no mesmo dia e, após este horário, no próximo dia útil.

De um Filho, De um Cego busca a beleza em meio à rotina em single de novo EP

“Sibipiruna” marca uma nova fase do quarteto paranaense

Sibipiruna é uma árvore de grande porte nativa da Mata Atlântica que é muito comum em boa parte do país. Tão comum que muitas vezes sua beleza passa despercebida. Inspirando-se na poesia do dia a dia, a banda paranaense De um Filho, De um Cego lança o primeiro single de seu novo EP. Com nome dessa árvore, “Sibipiruna” está disponível em todas as plataformas de música digital.

Ouça “Sibipiruna”: https://smarturl.it/DUFDUCSibipiruna

“Minha mesa de trabalho ficava de frente pra uma parede de vidro, onde eu conseguia ver o estacionamento do local. Mas como meu andar era o 2º, as árvores do lugar eram tudo o que aparecia pra mim. Era um dia nublado, de vento, melancólico. Um dia lento. Parei pra sentir tudo - as árvores balançando, a digitação dos meus colegas de trabalho e a rotina - do começo ao fim do dia, nessa poesia que é a gente”, conta Lucas Waricoda, guitarrista e vocalista do De um Filho, De um Cego.

Além dele, completam a banda Galego Teixeira (guitarra), Guilherme Nascimento (baixo) e Pedro Dutra (bateria). Com pouco mais de 10 anos de história, o projeto que surgiu como um diário e se tornou um livro aberto sobre seus integrantes. Misturando vertentes do rock com harmonias e ritmos brasileiros, o quarteto - que hoje vê no cotidiano sua maior inspiração - surgiu de modo despretensioso como um projeto solo de Waricoda. Após dois EPs solo e a coletânea “Simplicidade”, de 2014, eles se consolidaram como banda com seu primeiro disco de inéditas “Outros Verões” (2016) e pegaram a estrada.

“Após rodar mais um pouco, paramos com a estrada para produzir um disco duplo chamado ‘Mente Andorinha’, lançado em duas partes. A primeira, ‘Mente’, foi lançada no início de 2019, e agora, a segunda parte, ‘Andorinha’, será lançada ainda em 2020. Estamos bem animados com o trabalho que, na nossa opinião, consolida a identidade da nossa banda e do nosso som, que é sincerão, tanto na mensagem quanto nas referências”, resume Lucas.

“Sibipiruna” é o primeiro single deste novo trabalho. A faixa, que conta com mixagem de Jr Tostoi (Lenine) e masterização de Carlos Freitas, está disponível em todas as plataformas de streaming de música.

Ouça “Sibipiruna”: https://smarturl.it/DUFDUCSibipiruna

Crédito: Lucas Klepa

Ficha Técnica:
Composição - Lucas Waricoda
Guitarra - Galego Teixeira
Baixo - Guilherme Nascimento
Bateria - Matheus Teixeira
Guitarra e voz - Lucas Waricoda
Gravação - Galego Teixeira no Estúdio Áudio 13
Mixagem - Jr Tostoi no Lab Tostoi – Ministereo Estúdio
Masterização - Carlos Freitas no Classic Master USA

Letra:
Assisto ao vento na sibipiruna
O sol não apareceu
Martelam firmes os dedos nas teclas (Descem pesados os olhos nas telas)
Que sinfonia (Que sincronia)
Mais outro dia brotou e morreu
Na poesia que é você e eu

Siga a banda:
https://linktree.com.br/new/deumfilhodeumcego

MUPA promove concerto de música paranaense para violino e piano

Interpretado pelas musicistas Bettina Jucksch e Carmen Célia Fregoneze, o evento integra a programação do Mês das Mulheres
Nesta quinta-feira, dia 12 de março, às 19h, o Museu Paranaense promove o concerto “Música Paranaense para Violino e Piano” com repertório dos mais renomados compositores paranaenses, executados pelas musicistas Bettina Jucksch (violino) e Carmen Célia Fregoneze (piano). O evento faz parte da programação do Mês das Mulheres da Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura (SECC). As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site www.museuparanaense.pr.gov.br.
Bettina Jucksch é violinista formada pelo Konservatorium für Musik Bern, na Suíça, sob a tutela do professor Max Rostal. Participou do corpo docente de vários festivais de música no Brasil e no exterior e é primarius do Quarteto Amabile. Atua como solista, camerista e professora.
Carmen Célia Fregoneze é doutora em Música pela The Catholic University of America, Washington DC, EUA. É professora adjunta da UNESPAR-EMBAP onde leciona piano, música de câmara e pedagogia do piano. Recentemente concluiu o pós-doutorado em Performance Musical na Cleveland State University, período no qual tocou com a Orquestra de Câmara da Cleveland State University e apresentou diversos recitais solo e de música de câmara.
MÊS DAS MULHERES - A Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura (SECC) promove em março o Mês das Mulheres, com destaque para o protagonismo das mulheres na cultura. O objetivo é apresentar ao público uma ampliação de repertório de mulheres na cultura: artistas, pesquisadoras, trabalhadoras do audiovisual, musicistas, poetisas, empreendedoras e agentes culturais. Na programação, mesas-redondas, palestras, declamação de poesias, roda de leitura, apresentações musicais, oficinas, visitas mediadas e uma exposição. As atividades são abertas a toda a população. Confira a programação completa em www.cultura.pr.gov.br.
SERVIÇO
Música Paranaense para Violino e Piano
Dia 12 de março de 2020 às 19h
Inscrições gratuitas: www.museuparanaense.pr.gov.br

Museu Paranaense
Rua Kellers, 289, São Francisco – Curitiba/PR
Visitação de terça a sexta-feira, das 9h às 17h30.
Sábado, domingo e feriado, das 10h às 16h.
(41) 3304-3300
Entrada gratuita

Paramount Pictures realiza premiere exclusiva de ‘Um Lugar Silencioso – Parte II’ em Curitiba com Recursos de Acessibilidade

O evento, em parceria com o Cineplus, Riole e a Prefeitura de Curitiba vai apresentar essa tecnologia e discutir a acessibilidade nos cinemas brasileiros

Você é nosso convidado para a premiere especial de ‘Um Lugar Silencioso – Parte II’, que apresentará o formato do filme com recursos de acessibilidade. A franquia ‘Um Lugar Silencioso’, da Paramount Pictures, além de ser um suspense de sucesso, aborda o tema em sua narrativa, já que os personagens se comunicam quase que todo o filme sem falas, e também por um deles, a Regan - interpretada por Millicent Simmonds - ser pessoa com deficiência auditiva, assim como a própria atriz.

Abraçando a questão da acessibilidade, a Paramount Pictures estreia em 19 de março ‘Um Lugar Silencioso – Parte II’ no Brasil também disponibilizando o formato que possibilita aos deficientes auditivos e visuais assistirem ao filme, que estará disponível em cinemas selecionados adaptados em todo o país.

Como uma demonstração de como funciona essa tecnologia, o estúdio realiza no dia 18 de março, no Cineplus Jardim das Américas, em Curitiba, uma sessão especial com recursos de acessibilidade. Em parceria com a Riole, empresa paranaense especializada em soluções inteligentes de áudio e vídeo, o exibidor Cineplus, que foi pioneiro no Brasil em acessibilidade nas salas de cinema, e com o apoio do Departamento dos Direitos da Pessoa com Deficiência da Prefeitura de Curitiba, o evento contará com legenda descritiva, audiodescrição e LIBRAS. Entre os convidados do evento estarão ONG’s que apoiam o terceiro setor e espectadores com deficiência visual e auditiva.

Antes da exibição do filme haverá um bate papo sobre o tema com o Gerente de Relações Públicas da Paramount Pictures, João Beltrão, a Diretora Comercial Cristiane Moro da Riole, a Diretora Administrativa Marina Pastre da Rede Cineplus e a Diretora Denise Moraes do Departamento dos Direitos da Pessoa com Deficiência da Prefeitura de Curitiba.

***Favor confirmar sua presença no E-mail: amanda.machado@espacoz.com.br

PREMIERE ESPECIAL DE ‘UM LUGAR SILENCIOSO – PARTE II’
DIA: 18 MAR (QUARTA)
HORÁRIO:
19H30 ÀS 20H30 - RECEPÇÃO
20H30 – APRESENTAÇÃO ACESSIBILIDADE
21H – INÍCIO DA SESSÃO
LOCAL: CINEPLUS JARDIM DAS AMÉRICAS
Shopping Jardim das Américas - Av. Nossa Sra. de Lourdes, 63 - Jardim das Américas

SOBRE ‘UM LUGAR SILENCIOSO – PARTE II’
Sequência de um dos maiores sucessos de 2018 com Emily Blunt e John Krasinski. Estreia no Brasil em 19 de março.
TRAILER: https://www.youtube.com/watch?v=YBnGl40DFL0&t=70s

SOBRE A PARAMOUNT PICTURES
A Paramount Pictures Corporation (PPC), uma importante produtora e distribuidora global de entretenimento filmado, é uma unidade da ViacomCbs, casa de marcas globais famosas que criam emocionantes programas de televisão, filmes de longa-metragem, conteúdo de curta metragem, apps, jogos, produtos de consumo, experiências nas mídias sociais e outros conteúdos de entretenimento para as audiências de mais de 180 países.

SOBRE CINEPLUS
Cineplus é uma rede de cinemas que atua há 15 anos no Paraná (Curitiba, Campo Largo, Fazenda Rio Grande e Castro) e em Santa Catarina (Mafra).
Com sete complexos e dezenove salas, sendo duas com tecnologia TSX laser e um cineteatro, foi pioneira no Brasil em acessibilidade nas salas de cinema, tanto para deficientes auditivos e visuais.

SOBRE A RIOLE
A Riole é uma empresa paranaense fundada em 1982, especializada em soluções inteligentes de áudio e vídeo. A empresa atua no mercado nacional e internacional, tanto na área pública como privada, e exporta para países da América Latina, Europa, África, Ásia e Oriente Médio. Com equipamentos que foram fundamentais em eventos de grande porte, como a Copa do Mundo, Olimpíadas e diversas conferências internacionais, a tecnologia rendeu clientes de grande porte, entre eles, a Disney World.
Com espírito inovador, a empresa já criou tecnologias que hoje são reconhecidas mundialmente. O objetivo é desenvolver e produzir equipamentos e sistemas que supram as demandas do mercado e necessidades dos clientes, sempre com inovação, inserção de novas tecnologias.
Uma das tecnologias mais recentes é o ProAccess, que trouxe acessibilidade às telonas. Para as pessoas com deficiência auditiva, o equipamento tem uma tela pela qual é transmitida a tradução em LIBRAS do filme. Já para as pessoas com deficiência visual, por meio de fones de ouvido, é possível ouvir a audiodescrição do filme. O sistema permite que as pessoas possam participar de uma sessão de cinema com toda a autonomia que precisam.

SOBRE A PREFEITURA DE CURITIBA/Departamento dos Direitos da Pessoa com Deficiência
O Departamento dos Direitos da Pessoa com Deficiência foi criado em 1986 e é um setor da Secretaria do Governo Municipal – SGM, da Prefeitura Municipal de Curitiba e tem como missão garantir que a pessoa com deficiência exerça plenamente a sua cidadania. A Diretora dos Direitos da Pessoa com Deficiência desde 2006 é a Sra. Denise Moraes, que atua há mais de trinta anos na área, com ampla experiência em instituições especializadas para pessoas com deficiência intelectual e transtorno do espectro autista.

S.Pellegrino anuncia jurados para final mundial do concurso Young Chef 2020

Chef paranaense Manu Buffara está entre os ”Sete Sábios”
A S.Pellegrino anunciou os sete integrantes do júri da grande final do concurso Young Chef 2020, que será realizada em Milão nos dias 8 a 9 de maio de 2020.

Incansável plataforma de talentos em prol do futuro da gastronomia, o Young Chef promovido por S.Pellegrino contou com 134 jovens chefs de cozinha de todo o mundo, que participaram de competições ao vivo avaliadas por júris internacionais de países de 12 regiões diferentes. Os 12 finalistas cozinharão diante dos Sete Sábios, um prestigiado júri composto por gigantes da gastronomia mundial. Acreditando que a cultura e a ética por trás de um prato farão a diferença para um chef no futuro, os jurados analisarão as criações dos participantes como um todo para eleger o vencedor final.

Para ver a notícia em multimídia, clique em: https://www.multivu.com/players/uk/8688951-young-chef-2020-competition-jurors/.

Os “Sete Sábios” são:

Mauro Colagreco, chef ítalo-argentino posicionado em primeiro lugar na lista The World’s 50 Best Restaurants Awards 2019 com seu restaurante três estrelas Michelin, o Mirazur, em Menton, na França. Mauro trabalha para proporcionar máxima qualidade usando ingredientes locais e afirma que, “como chefs, devemos nos concentrar em sustentabilidade e no futuro do nosso planeta”.

Andreas Caminada, chef e empresário suíço que detém três estrelas Michelin em seu restaurante Schloss Schauenstein. A filosofia desse chef é manter-se fiel às suas raízes, usando apenas ingredientes locais e sazonais dos campos que circundam o castelo ou de produtores locais selecionados. Andreas foi agraciado com o World’s 50 Best Sustainable Restaurant Award por seu método ambiental e social no Schloss Schauenstein em 2019.

Clare Smyth, primeira mulher britânica a receber e manter três estrelas Michelin, foi considerada Melhor Chef Mulher do Mundo em 2018 no ranking World’s 50 Best Restaurants. Os ingredientes que ela usa em sua culinária britânica são selecionados após uma longa pesquisa com agricultores locais e artesãos independentes e têm um forte aspecto ético e sustentável.

Pim Techamuanvivit, chef executiva do Nahm em Bangkok (uma estrela Michelin desde 2017) e chef-proprietária do Kin Khao (uma estrela Michelin desde 2015) e do recém-inaugurado Nari em San Francisco. Engajada em sustentabilidade e na prevenção do desperdício de alimentos, a chef estimula o futuro da comida tailandesa trabalhando de perto com produtores artesanais, pescadores e agricultores locais para obter ingredientes impecáveis para seus pratos.

Enrico Bartolini é atualmente o chef italiano com o maior número de estrelas Michelin. Seu restaurante, o Enrico Bartolini – Mudec, recebeu três estrelas em 2019, marcando o retorno de um estabelecimento triplamente estrelado a Milão depois de mais de 25 anos. Sua filosofia é ser um clássico contemporâneo, combinando tradição com inovação e experimentação sem fim para desenvolver novos sabores recheados de lembranças.

Manoella Buffara, chef brasileira que estudou na Itália. Seu restaurante Manu foi escolhido como ‘One to Watch’ no ranking Latin America’s 50 Best em 2018. Para promover a sustentabilidade, Manoella criou um modelo no qual proteger a natureza é tarefa de todos, usando hortas urbanas para reunir comunidades compartilhando colheitas.

Gavin Kaysen, proprietário do restaurante Spoon and Stable em Minneapolis, é um talentoso chef americano e empresário visionário. Convencido de que a mentoria ainda é muito relevante na profissão gastronômica, Kaysen está bastante empenhado em ajudar a próxima geração de jovens culinários a refinar suas habilidades na cozinha. É um dos mentores fundadores da organização sem fins lucrativos Ment’or BKB Foundation (antiga Bocuse d’Or USA Foundation) e participou do Young Chef 2018 da S.Pellegrino, orientando o candidato vencedor da equipe dos EUA.

Os jurados avaliarão os finalistas com base em três atributos principais: habilidades técnicas, criatividade e confiança pessoal – assim como o potencial de gerar mudanças positivas na sociedade por meio de alimentos. O chef que apresentar esses atributos com mais sucesso será o campeão do Young Chef 2020 da S.Pellegrino.

A jornada culinária deste ano também contará com um fórum de um dia com curadoria do Fine Dining Lovers – a principal voz online em gastronomia da S.Pellegrino e Acqua Panna para os fãs da gastronomia mundial. O fórum será dedicado à sustentabilidade humana e de alimentos em gastronomia. Jovens e grandes chefs se revezarão no palco para compartilhar suas visões e experiências sobre cultura na cozinha e práticas sustentáveis. Para citar um desses nomes, o mundialmente renomado chef Massimo Bottura dará uma palestra especial.

O FineDiningLovers compartilhará ideias sobre o S. Pellegrino Young Chef 2020: siga a história em http://www.finedininglovers.com e nas redes sociais com @finedininglovers.

Cristiano Marcello e CM System ganham prêmios de fim de ano do BRAVE CF

A pouco menos de dois meses do seu retorno ao Brasil, o BRAVE Combat Federation premiou a CM System e a lenda do MMA Cristiano Marcello com dois de seus principais prêmios de fim de ano. Em votação feita pelos panelistas do BRAVE Insider Podcast, a equipe paranaense foi eleita a melhor do mundo em 2019, além de Cristiano ser eleito o melhor treinador do ano.

É a segunda vez que a CM System e Cristiano Marcello recebem as premiações, e o ano de 2019 foi inesquecível para ambos. A equipe formou dois campeões do BRAVE CF, com Daniel "Gaúcho" no peso médio e Luan "Miau" Santiago entre os leves.

"Gaúcho" fez história ao se tornar o primeiro campeão dos médios ao surgir de forma meteórica. Ele nocauteou brutalmente Bruno Assis no BRAVE CF 25, depois foi à África do Sul, e venceu, também por nocaute, o dono da casa Chad Hanekom para conquistar o cinturão.

"Miau" conquistou o título de forma espetacular, nocauteando Abdul-Kareem Al-Selwady com uma cotovelada giratória, mas perdeu o cinturão para o arquirrival Cleiton "Predador". No fim do ano, voltou à coluna das vitórias com bom triunfo sobre o russo Gadzhimusa Gaziev para encerrar o ano de forma positiva.

Além de "Gaúcho" e "Miau", outros atletas também se destacaram em 2019, como Gabriel "Fly" e Felipe Silva. O próprio Cristiano precisou adiar seu retorno ao MMA no BRAVE CF pelo excesso de compromisso de seus alunos mundo afora pela organização que mais cresce no MMA.

Duetto é apoiadora da Arena Mundo RIC 2020

Curitiba, janeiro de 2020 – A linha de papéis Duetto, da Sepac, é uma das apoiadoras, pelo segundo ano consecutivo, da Arena Mundo RIC, que será realizada de 11 de janeiro a 09 de fevereiro, na Praia Brava, em Caiobá, no litoral paranaense.
Serão mais de 2 mil m² de estrutura, que oferecerá atividades variadas para o público, que vão desde um paredão de escalada, pista de skate, pocket shows noturnos, sessões de cinema, biblioteca, quadra de beach soccer, beach volley, redes de descanso, espaço kids, massagem, além de chuveiros para atendimento aos banhistas, empréstimos de cadeiras, guarda-sóis, raquetes e bolas de frescobol, atividades infantis, entre outras.
As atividades serão realizadas de terça a quinta-feira, das 8h às 18h; e sexta-feira a domingo, das 9h às 21h.
Para participar da Arena Mundo RIC é preciso seguir e fazer selfies em família com a hastag #arenamundoric
O papel higiênico Duetto é reconhecido pela maciez, resistência e incrível suavidade de sua folha dupla. É produzido com matérias-primas de alto nível e tecnologia de última geração, garantindo mais qualidade ao dia a dia. Esse processo alia a folha dupla à maciez do algodão, tornando-a muito mais suave ao toque.

Chef Andre Pionteke comanda jantar com inspiração paranaense em Witmarsum

Chef Andre Pionteke comanda jantar com inspiração paranaense em Witmarsum
O Bierwit Restaurante & Choperia vai receber uma deliciosa sequência de cinco tempos inspirada na cozinha regional paranaense

CURITIBA, 13/01/2020 – O Bierwit Restaurante & Choperia, localizado na Colônia Witmarsum, em Palmeira, nos Campos Gerais do Paraná, vai promover no próximo sábado, dia 18 de janeiro, um evento em parceria com o badalado chef Andre Pionteke, um dos grandes nomes da nova geração da gastronomia brasileira. O menu do evento é inspirado na cozinha regional paranaense e terá cinco tempos.

O chef convidado da noite ganhou destaque nacional ao participar do Masterchef 2018. O paranaense, especialista em cozinha de produto, desta vez aposta em cinco pratos para traduzir a essência do Paraná: Serra do Mar, Norte, Palmeira, Witmarsum e Indígena. “O Estado do Paraná assumiu um papel extremamente relevante na gastronomia nacional nos últimos anos. Neste jantar em Witmarsum, quero valorizar itens e conceitos da gastronomia paranaense”, comenta André Pionteke.

A sequência contará com tortilha de mandioca com siri catado, banana da terra, alga e brotos; creme de abóbora com café, cogumelo laqueado com missô e torrada; pão no vapor com Porco Moura e couve crocante; costela de porco laqueada, legumes da região, coalhada seca e queijo Asiago; e um delicioso pudim de tapioca com frutas vermelhas, crumble de erva mate e sorvete de iogurte.

A sequência de cincos tempos inspirada na cozinha regional paranaense acontece no próximo sábado, dia 18 de janeiro, a partir das 20h, no Bierwit Restaurante & Choperia (Avenida Presidente Ernesto Geisel, S/N – Colônia Witmarsum), na cidade de Palmeira. As vagas para o evento são limitadas e o menu completo custa R$ 110,00. As reservas podem ser feitas por meio do WhatsApp (42) 99144-9666.

Chemical Surf e Pimpo Gama estão no line up do Mindbreaker que acontece neste sábado no Summer Park Guaratuba

Eles estão entre as atrações confirmadas da 39ª edição do festival de música eletrônica, que chega primeira vez ao Litoral Paranaense.

O festival mais badalado da cena eletrônica paranaense, o Mindbreaker, chega pela primeira vez ao Litoral Paranaense neste sábado, dia 11 de janeiro, na arena de shows do Summer Park Guaratuba. O evento, que está na 39ª edição, reunirá um line up de peso com vários DJs de renome. Serão mais de 10 horas de festa para os apaixonados por música eletrônica. O destaque é para o duo de maior expressão da música eletrônica brasileira, que vem ganhando cada vez mais evidência na cena internacional, o Chemical Surf, formado pelos irmãos Lucas e Hugo Sanches. Outra presença confirmada, bastante aguardada pelo público, é o gaúcho Pimpo Gama. Os portões serão abertos às 14h e a previsão de início dos shows é às 15h. Os ingressos estão à venda pelo Disk Ingressos.

Os irmãos que são grandes expoentes da nova geração do estilo musical estão marcando presença em grandes festivais nacionais e internacionais como Rock In Rio, Lollapalooza, Ultra Music Festival, EDC e Beyond Wonderland, e com isso alcançando expressão em diversas partes do mundo com suas turnês. Com uma legião de fãs, eles que somam mais de 100 milhões de execuções em plataformas de streaming, vão agitar o público com seus maiores hits, como “Hey Hey Hey”, “Rockstar” e “I Wanna Do”.

O Chemical Surf figura entre as maiores gravadoras do mundo e é, sem dúvida, um dos nomes em destaque da música eletrônica no "spotlight", arrastando muitos fãs para suas apresentações.

Sobre Mindbreaker

O Mindbreaker nasceu em 2014, como um festival local, criado por artistas da região de Curitiba, e devido ao grande sucesso a cada edição, tem crescido e se consolidado no cenário musical. A organização tem investido em atrações de peso e já receberam nomes como Illusionize, Cat Dealers, de Ashibah, Dashdot e Future Class, Visage Music, Zelig, Dual Channels, MKJAY, Audio Loops b2b Gustavo Koch e Alex Meirelles.

SERVIÇO:
39ª edição Mindbreaker na arena de shows do Summer Park Guaratuba
DATA: 11 de janeiro de 2020.
HORÁRIO: Abertura a partir das 14h. / Previsão do show 15h.
CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 16 anos.
INGRESSOS: Lote 01 - a partir de 50,00 (Meia-entrada) PISTA. / 100,00 (Inteira) PISTA. +Taxa administrativa.
https://www.ingressonacional.com.br/evento/15712/

Acompanhe a programação:

Para acompanhar a programação completa, siga a Arena Summer Park Guaratuba nas redes sociais:
Instagram.com/guaratubasummerpark
Facebook.com/guaratubasummerpark

AirPromo ganha dois jacarés na edição 2019 do Prêmio Caio

AirPromo ganha dois jacarés na edição 2019 do Prêmio Caio

Agência paranaense agora acumula três troféus do “oscar” dos eventos brasileiros

Na noite da última terça-feira (10/12), aconteceu a cerimônia de entrega dos jacarés do Prêmio Caio. Pelo segundo ano consecutivo a AirPromo ficou entre as finalistas e, na edição 2019, trouxe para o Paraná um jacaré de ouro como o Case “São João do Boticário” - para o cliente O Boticário e um jacaré de prata o Case “Congresso Internacional de Felicidade 2018” para a Escola Brasileira de Ciências Holísticas.

Agora a agência acumula três jacarés. No ano passado, a AirPromo ganhou o ouro na categoria Evento de Responsabilidade Social com o “Case Outubro Rosa 2017” para o cliente Liga Paranaense de Combate ao Câncer.

Realizações que não seriam possíveis sem a confiança dos clientes e da incrível equipe da AirPromo.

Legenda da imagem: (esquerda para direita) Rafael Maia - Diretor de novos negócios da AirPromo e Marcelo Defante - Diretor Executivo da AirPromo.

Maureen Miranda vive Sheila em novela “Amor de mãe”

Maureen Miranda vive Sheila em novela “Amor de mãe”
A atriz paranaense também será estrela de Jesus Kid, filme de Aly Muritiba, previsto para 2020

Maureen Miranda volta à TV com a nova novela da Globo, “Amor de mãe”, que estreia dia 25 de novembro, no papel da dona do salão de beleza, Sheila. A trama, que se passa na cidade do Rio de Janeiro, conta a história de três mães, que vivem realidades diferentes, mas que terão suas vidas entrelaçadas. “A minha personagem faz parte da história que permeia a vida da Érica, personagem da Nanda Costa. Foi tudo muito rápido, mas o trabalho com o Felipe Barbosa está sendo incrível, ele é muito talentoso e muito paciente", conta Maureen.

A atriz também está no filme “Jesus Kid”, de Aly Muritiba, inspirado no livro de mesmo nome, de Lourenço Mutarelli. Maureen é a única protagonista feminina do longa, sua personagem se chama Nurse e é uma enfermeira que cuida de um senhor inválido vivido pelo ator Luthero de Almeida. O filme, com previsão de estreia para 2020, foi gravado em Curitiba, e a história se passa em um hotel, onde o personagem principal, Eugênio, vivido por Paulo Miklos, não pode sair enquanto escreve um livro durante três meses. “Nurse é a única personagem feminina da história e é o par romântico do protagonista. É uma mulher de certa forma sedutora, forte, que vive nesse hotel, que quase nunca sai, que cria relações ali dentro”, conta Maureen. O personagem Jesus Kid é vivido por Sérgio Marone, que também é o produtor do filme.

Recentemente, Maureen estreou no papel da produtora Valdete, no filme ‘Hebe - A Estrela do Brasil’. O longa se passa na década de 90, época que a ditadura já estava extinta, mas a censura não. O papel tem um apelo afetivo para Maureen, que trabalhou durante dois anos com Hebe, fazendo as ‘novelinhas’ no intervalo do programa na RedeTV, e também conduzindo entrevistas, “a Hebe marcou muito minha infância e adolescência e eu nunca imaginei que depois de adulta conseguiria trabalhar com ela e atuar no filme dela. É muito importante pra mim como atriz!”, comemora Maureen.

A atriz já participou da novela ‘O Sétimo Guardião’, da TV Globo, no papel de Dida, que era empregada da Valentina, personagem de Lília Cabral. Também participou de ‘I Love Paraisópolis’, e dos seriados ‘Os dias eram assim’ e ‘Som e Fúria’. Maureen começou no teatro aos 14 anos em Curitiba, onde realizou inúmeras peças e participou por 18 anos da Sutil Cia de Teatro sob direção de Felipe Hirsch. Em 2015, mudou-se para o Rio de Janeiro para iniciar sua carreira em novelas. Nos sets de filmagem se tornou muito amiga de Letícia Spiller, com quem montou a banda ‘El Camiño’, junto aos maridos. Além de atriz, Maureen também é diretora, escritora, desenhista, artista plástica e figurinista.

Recentemente escreveu dois livros adultos, ‘Ramira’ e ‘A Vida de Sunny’. Maureen possui um novo projeto de livro infantil chamado ‘O Mundo de todo mundo’ junto ao ator Leandro Daniel Colombo, os dois escreveram um livro sobre inclusão social para crianças. O livro conta com duas histórias, uma sobre deficiência visual, escrita por Maureen, e outra sobre a questão de gênero, escrita por Leandro. Como desenhista, Maureen já ilustrou mais de 20 livros voltados para o público infantil.

9 ª Tattoo Week supera todas as expectativas de público e de tattoos

9 ª Tattoo Week supera todas as expectativas de público e de tattoos

Com um público recorde de 95 mil pessoas, 3.200 tatuadores e 200 marcas, a Tattoo Week encerrou sua nona edição este fim de semana no São Paulo Expo, com a escolha da melhor da tatuagem do evento, do tatuador Danylo Stefan, no estilo Realismo, que reproduziu o rosto do vocalista da Banda Kiss

Foi o paranaense de Curitiba, Danylo Stefan, o grande vencedor do concurso da melhor tatuagem da 9ª Tattoo Week 2019, com a obrarealista em preto e branco, que reproduz o rosto do vocalista da Banda Kiss,tatuada na perna de Elô Gabardo.

Divulgação: Danylo Stefan Divulgação: Tatuagem vencedora

Surpreso e emocionado. Esta foi a reação do tatuador, que levou dois troféus do evento: o melhor do evento e o melhor de domingo, na categoria Realismo. Também ganhou uma exclusiva motocicleta customizada anos 60, adquirindo visibilidade e prestígio mundiais.

Para Stefan, a tatuagem tem um valor sentimental único, que expressa na precisão dos traços, em estilo realista, eternizando retratos na pele dos clientes. “Sou bem sentimental. Absorvo os sentimentos e assim como as pessoas me emociono com o resultado”, revela o artista. Para ele, o Realismo em preto e branco propicia uma tatuagem com volume, em 3D, e com maior durabilidade.

Durante o evento, estima-se que foram realizadas 40 mil tattoos e piercings .

Empresário e modelo são os novos Miss e Mister Tattoo Week

A mulher tatuada mais bonita do Brasil é a modelo Brenda Bubulla, 20 anos.É de Mogi Mirim e já ganhou o título de Miss Tattoo em Araras, interior de São Paulo. A loira de olhos azuis estava em êxtase após a coroação. Ela dedica o prêmio a todas as mulheres tatuadas e a suas colegas candidatas que, segundo ela, “são todas vitoriosas. ”

Foto: Mariana Cotrim - Miss e Mister Tattoo Week 2019

Também foi eleito o Mister Tattoo Week 2019, Thiago Molina, 39 anos, empresário e influencer. Após ganhar o título, destacou que pretende divulgar a arte na pele em todos os cantos do país e desmistificá-la, quebrando preconceitos.Ele mora em São Paulo e tem 95% do corpo tatuado.