Estão abertas as bilheterias da 29ª edição do Festival de Curitiba

As vendas nos espaços físicos, nos shoppings Mueller e ParkShoppingBarigüi, estão abertas.
Na sequência, os ingressos também estarão disponíveis no site e no aplicativo oficial.

Reunindo mais de 400 atrações em aproximadamente 70 espaços de Curitiba e da Região Metropolitana, o Festival de Curitiba chega a sua 29ª edição, com uma programação que contempla grandes nomes da classe artística nacional e internacional. Este ano, o Festival ocorre de 24 de março até 5 de abril, com estreias nacionais, espetáculos premiados e mostras que levarão teatro, dança, circo, música, oficinas, shows e performances para os diferentes públicos, de todas as idades. “Nesta edição mantemos nosso mote de ‘Festival para Todos’, com uma programação que possibilita arte e entretenimento para todos os tipos de públicos, de forma acessível e diversificada, em diferentes pontos da cidade”, explica Fabíula Passini, codiretora do Festival de Curitiba.

Os ingressos estão à venda nas bilheterias oficiais, localizadas no ParkShoppingBarigüi (Piso térreo próximo à praça de eventos) e no Shopping Mueller (Piso L3). Na sequência, as vendas dos ingressos nas plataformas online, pelo site www.festivaldecuritiba.com.br e aplicativo oficial “Festival de Curitiba 2020” (disponíveis para os sistemas Android e IOS), também estarão acessíveis.

Ao manter sua tradição em destacar os novos, bem como os experientes artistas, a programação do Festival de Curitiba este ano conta com montagens de sucesso, com nomes reconhecidos no cenário nacional, como Denise Fraga, Emicida, Luis Miranda, Mateus Solano, Laila Garin, Denise Stoklos, Otávio Mueller, Lúcio Mauro Filho, Marcos Breda, Cacá Carvalho, Grupo Corpo, Rodrigo Portella, Ranieri Gonzales, Grupo Armazém, Gabriel Villela, Renata Carvalho, Grupo Galpão, entre outros.

Na Mostra, a curadoria sequencial de Guilherme Weber e Marcio Abreu investiga “O que é um Corpo?”, pergunta que inspira e faz pensar a nova resistência do mundo, redefinindo a vida e seus sentidos de liberdade. As Interlocuções, espaço dedicado aos debates, encontros, pensamento crítico, performances e ações de diversas naturezas, com o intuito de ampliar a experiência e os sentidos de convivência e troca, ganham mais uma edição em 2020. Seguem com a palavra aberta, palestras documentadas, oficinas gratuitas, temporada de performance, lançamentos de livros, encontros e outras atividades reunindo artistas e o público. “O sentido maior de um festival”, observam Weber e Abreu.

No Fringe serão mais de 370 espetáculos, espalhados por 60 espaços de Curitiba e da Região Metropolitana, que atuarão nos mais diferentes gêneros artísticos (comédia, drama, infantil, lambe-lambe, de rua, entre outros), possibilitando ainda mais o enriquecimento e a democratização da programação do Festival de Curitiba. Entre as atrações, peças vindas de 17 estados brasileiros e de 9 países, como Argentina, Chile, Colômbia, Cuba, Equador, Paraguai, Peru e Portugal. Serão em média 1500 apresentações, sendo que mais de 390 são gratuitas e 340 no “Pague Quanto Puder”. Além disso, o Fringe este ano contará com 19 mostras especiais, propostas por grupos artísticos de Curitiba e de várias partes do Brasil. “O Fringe é um grande centro de encontro das artes cênicas do país e apresenta as principais tendências da área. Ele possibilita a troca de informações, a divulgação de trabalhos, a colocação de ideias em cena. O Fringe é uma mostra que promove a arte no geral”, comenta a coordenadora do Fringe, Carol Scabora.

No Guritiba, uma programação voltada para as crianças de todas as idades, com companhias premiadas e reconhecidas nacionalmente, além de atividades recreativas, educacionais e sociais. São 3 grandes espetáculos, com destaque para o Grupo Triii, um fenômeno da música infantil na internet. O MishMash, que ocorrerá nos dias 4 e 5 de abril, continuará trazendo a sua magia e fantasia, em uma atração para toda a família. Com sua variedade artística, que reúne circo, música, dança, mágica, performance e teatro, o show este ano promete, mais uma vez, ser inesquecível, para ser apreciado entre pais e filhos. Já o Risorama, um dos maiores festivais de humor do País, manterá sua tradição de reunir os maiores nomes da comédia nacional, da televisão, da internet e dos palcos, em uma verdadeira festa do riso. A convite de Diogo Portugal, nomes como Fábio Rabin, Murilo Couto, Rodrigo Marques, Marlei Cevada, Victor Sarro, Igor Guimarães, entre outros, já estão confirmados. Encerrando as atividades do Festival de Curitiba, o Gastronomix promoverá o encontro da arte e da gastronomia, reunindo nomes de destaque da culinária nacional.

Acompanhe todas as novidades e informações pelo site do Festival de Curitiba, pelo aplicativo oficial “Festival de Curitiba 2020” (IOS e Android), pelas redes sociais disponíveis, no Facebook @fest.curitiba, pelo Instagram @festivaldecuritiba e pelo Twitter @Fest_curitiba. Cadastre-se também na newsletter oficial.

Apresentadores, patrocinadores e apoiadores

O Festival de Teatro de Curitiba tem parceiros fundamentais para sua realização e é patrocinado pelo Ebanx, Vivo, Uninter, Renault do Brasil, Electrolux, Banco RCI Brasil, Junto Seguros, Cielo, Copel - Pura Energia, Sanepar, Governo do Estado e GRASP. O Programa Guritiba é apresentado por New Holland, com patrocínio de Novozymes e Fibracem. O MishMash é apresentado pela Unimed Curitiba e Thales Group, com o apoio da Ritmo Logística. Quem apresenta o Risorama é a Potencial Petróleo, com o patrocínio de Previsul Seguradora, tendo como a cerveja oficial a Cacildis e o apoio de FH Consultoria e Grupo Barigui. As bilheterias do Festival de Curitiba são uma parceria com o ParkShoppingBarigüi e o Shopping Mueller.

Valores:
Mostra 2020 – De R$ 0 a R$ 80,00 (entrada inteira)*
Fringe – De R$ 0 a R$ 60,00 (entrada inteira) + taxa administrativa
Risorama – R$ 70,00 (entrada inteira) + taxa administrativa
MishMash – R$ 40,00 (entrada inteira) + taxa administrativa
Guritiba – De R$ 0 a R$ 40,00 (entrada inteira) + taxa administrativa
*Os espetáculos dos espaços José Maria Santos e Mini Guaíra, são acrescidos de taxa de R$ 1.44.

Serviço:
O que: 29.º Festival de Curitiba
Quando: De 24/03 a 05/04 de 2020.
Valores: Os ingressos vão de R$ 0,00 até R$ 80,00.
Ingressos: www.festivaldecuritiba.com.br, pelo aplicativo “Festival de Curitiba 2020”, e nas bilheterias físicas do ParkShoppingBarigui (Piso térreo próximo à praça de eventos), de segunda a sexta-feira, das 11h às 23h; sábado das 10h às 22h e domingos das 14h às 20h; e no Shopping Mueller (piso L3), de segunda-feira a sábado, das 10h às 22h; domingos e feriados, das 14h às 20h.
Verifique a classificação indicativa e orientações de cada espetáculo

Hashtags oficiais – #festivaldecuritiba #festcuritiba #ofestivalparatodos #omeufestival

Sugestão de Tags – festival, curitiba, festival de curitiba, mostra, fringe, teatro, gastronomix, mishmash, guritiba, risorama, stand-up, artes cênicas, artes, circo, dança, música, cultura, show, atrações

Mostra Paranaense de Dança divulga calendário 2019

Mostra Paranaense de Dança divulga calendário 2019
Já está no site oficial do evento o regulamento para a participação de bailarinos, companhias, grupos e escolas de dança

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=123845&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253C005d01d4da73%25243bc1fc50%2524b345f4f0%2524%2540smartcom.net.br%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3C005d01d4da73%243bc1fc50%24b345f4f0%24%40smartcom.net.br%3E-1.1.3
Créditos: Caio Vieira

Mais de 2 mil pessoas – entre bailarinos, companhias, escolas, academias e grupos de dança – aguardam ansiosos, todo o ano, a divulgação do calendário de um dos mais expressivos eventos do gênero no Brasil: a Mostra Paranaense de Dança realizada pela ABABTG. A iniciativa promove oficinas e espetáculos pelo Estado e recebe inscrições de artistas que queiram apresentar seus trabalhos e ambicionam a oportunidade de dançar em um dos palcos mais aclamados do país: o Teatro Guaíra. Este ano, o projeto acontece entre os dias 2 de maio e 23 de junho, o regulamento e o calendário já podem ser consultados no site oficial.

Com 12 anos de existência, a Mostra Paranaense de Dança já ultrapassou fronteiras regionais e até nacionais com inscrições vindas de São Paulo e Santa Catarina e a participação de bailarinos internacionais em seus espetáculos de abertura. Este ano, uma cidade inédita entra para o circuito: Cascavel – que receberá os profissionais da ABABTG entre os dias 1 e 2 de junho. Maringá é outra novidade das seletivas 2019. Há mais de 10 anos a Mostra não passava pela cidade, que fez parte da segunda edição do evento. As demais localidades pelas quais a Mostra passará com seletivas e oficinas de aprimoramento técnico e artístico em modalidades diversas são: Curitiba, Ponta Grossa e Campo Mourão.
Interessados em participar devem consultar o calendário e o regulamento no site oficial (mostraprdedanca.com.br). As inscrições para as seletivas começam no dia 6 de abril e vão até o dia 17 de maio, mas cada cidade possui um período único. Para as oficinas, as inscrições começam no dia 29 de abril e também podem ser feitas pelo site, onde serão divulgadas as informações sobre datas e modalidades.

A grande abertura da Mostra acontece no Guairinha e ficou para o dia 1º de maio com a apresentação de solistas premiados no Internationales Solo-Tanz-Theater Festival Sttutgart, evento que acontece anualmente na Alemanha. O espetáculo contará com bailarinos da Lituânia, Burkina Faso, Itália e França. E a tradicional e tão aguardada Mostra Final ainda acontece, como de costume, no palco do Guairão, entre os dias 21 e 23 de junho.

A Mostra já passou por 12 cidades diferentes em suas 11 edições em um sucesso crescente. De 2015 para cá, houve um aumento de 48% no número de participantes: o evento contou com 1.540 inscritos em 2015 passando para 2.276 em 2018. Também houve um aumento de 55% no número de cidades participantes: em 2015, artistas de 40 cidades diferentes marcaram presença no festival. Em 2018, este número subiu para 62.

Em 2019, a Mostra dá continuidade aos seus objetivos de promover apresentações artísticas de companhias profissionais convidadas, revelar o talento de artistas e grupos amadores, promover a interação entre profissionais e estudantes da dança, ofertar iniciativas de formação e trazer para o Brasil artistas internacionais para apresentações inéditas.

Cronograma da edição 2019 da Mostra Paranaense de Dança da ABABTG

Período de inscrições de escolas, academias, grupos e artistas, via site:
mostraprdedanca.com.br
Curitiba: de 6 a 12 de abril
Ponta Grossa: 20 a 26 de abril
Campo Mourão: 27 de abril a 3 de maio
Cascavel: 4 a 10 de maio
Maringá: 11 a 17 de maio

Período de seletivas nas cidades do Paraná:
Curitiba: de 2 a 5 de maio
No Guairinha | Quinta a sábado, às 20h. Domingo, às 18h
Ponta Grossa: 18 e 19 de maio
CineTeatro Ópera | Sábado, às 20h. Domingo, às 18h
Campo Mourão: 25 e 26 de maio
Teatro Municipal | Sábado, às 20h. Domingo, às 18h
Cascavel: 1 e 2 de junho
Teatro Municipal Sefrin Filho | Sábado, às 20h. Domingo, às 18h
Maringá: 8 e 9 de junho
Teatro Calil Haddad | Sábado, às 20h. Domingo, às 18h
Ingressos: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)

Abertura com os solistas internacionais:
· Dia 1º de maio, às 20h, no Guairinha
Ingressos: R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia)

Mostra Final com os grupos selecionados e profissionais convidados:
· Entre os dias 21 e 23 de junho, no Guairão
Sexta e sábado, às 20h. Domingo, às 18h
Ingressos a R$ 30,00 (inteira) e R$ 15,00 (meia)

Inscrições para oficinas de aprimoramento técnico e artístico, via site:
mostraprdedanca.com.br
Ponta Grossa: de 29 a 12 de abril
Campo Mourão: de 6 a 19 de maio
Cascavel: de 13 a 26 de maio
Maringá: de 20 de maio a 2 de junho
Curitiba: de 10 a 16 de junho

Regulamento e informações:
mostra@ababtg.org.br
mostraprdedanca.com.br
www.facebook.com/ababtgoficial

ABABTG – A atual Associação Brasileira de Apoiadores Beneméritos do Teatro Guaíra foi fundada há 12 anos, na cidade de Curitiba. Na época denominada Associação de Bailarinos e Apoiadores do Balé Teatro Guaíra, ela surgiu com o propósito de fortalecer a dança e demais artes motivando uma ligação sinérgica entre os setores público e privado. Durante esse período foram realizados diversos projetos culturais, com repercussão local, nacional e internacional, que promoveram ações de formação, atualização, divulgação, fomento e democratização das artes em suas diversas linguagens. A atual nomenclatura foi assumida recentemente, para adaptar-se aos novos níveis de atividades operacionais e aos novos mercados de atuação da ABABTG.