Em evento exclusivo do LIDE, Dias Toffoli irá dialogar com filiados

LIDE LIVE recebe como convidado o presidente do STF

O LIDE dando continuidade a sua rica agenda recebe nesta sexta-feira (22), Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF). Durante o LIDE LIVE, em um evento exclusivo, os filiados do LIDE terão a oportunidade de ouvir e dialogarem com Toffoli.

O tema abordado será “O papel do Judiciário no combate à crise e defesa da estabilidade política”. Os três poderes, Executivo, Legislativo e Judiciário, possuem papel fundamental na estabilidade do país, principalmente em um momento de adversidade como o que enfrentamos. O poder Judiciário além de investigar e garantir que a lei seja cumprida, é fundamental para a defesa de direitos dos cidadãos e da nossa constituição.

Nas últimas semanas o cenário político foi coberto de polêmicas, muitos levaram como interferência a visita do presidente Jair Bolsonaro com um grupo de empresários ao STF, pressionando para que aconteça a reabertura econômica. Toffoli disse que o STF neste caso não pode tomar providências por iniciativa própria. Além disso, nesta terça-feira (19), durante videoconferência, o presidente do STF cobrou atitudes do Ministro da Economia, Paulo Guedes, e disse que este pode contribuir mais e que ações precisam ser coordenadas para o combate ao COVID-19. A esperada LIDE LIVE acontece a partir das 12h e é exclusivo para filiados.

Amcham realiza eventos online gratuitos para apoiar empresas durante a pandemia da covid-19

Até o final de maio, serão dez eventos online e gratuitos sobre temas econômicos, políticos e jurídicos

A Amcham (Câmara Americana de Comércio) realiza, durante o mês de maio, eventos online, os webinários. O calendário inclui discussões sobre áreas jurídica, econômica, política e temas diretamente ligados ao setor privado. Especialistas nas áreas vão comentar e compartilhar suas experiências durante o período pré e durante a pandemia do coronavírus e suas expectativas pós-covid-19.

De acordo com o gerente regional da Amcham Curitiba e Amcham Joinville, Gustavo Silvino, os eventos online são uma maneira de manter os associados e convidados atualizados sobre o mercado. ‘‘Todos os temas trabalhados passam pelas áreas mais e menos afetadas pela pandemia e a troca de experiências entre os participantes pode trazer insights e oportunidades de resoluções de problemas para a situação de cada empresa’’, diz.

Os eventos têm participação gratuita para os associados da entidade que reúne mais de cinco mil empresas em todo o País. A Amcham Curitiba e Amcham Joinville agregam 350 organizações no Paraná e em Santa Catarina, e colaboradores de todas elas poderão participar. Basta acessar o site da entidade www.amcham.com.br para saber mais e fazer a inscrição.

Confira abaixo os webinários programados em maio:

21/05, às 9h - Missões internacionais - o pós-China: estratégias inovadoras de negócios. O CEO na ChinaInvest, Thomaz Machado e o editor do portal de notícias Xinhua News, Rafael Gonçalves Lima serão os painelistas do evento;
22/05, às 16h – Webinar aberto de experiência do cliente – prevenção de churn: estratégias de retenção de clientes e redução dos índices de cancelamentos. O evento vai contar com a palestra do coordenador de Customer Success na Resultados Digitais, Yorran Rogick Dias;
22/05, às 11h – Webinar de compliance: compliance e gestão de risco em tempos de covid-19. O conselheiro da Unidade de Inteligência Financeira, Antônio Carlos da Nobrega; o diretor de compliance da Petrobrás, Marcelo Zencker; o diretor de compliance da BRF, Reynaldo Goto; e a chief risk & compliance da Votorantim, Ana Paula Carracedo serão os palestrantes do evento;
26/05, às 17h – Webcomitê de Tecnologia & Inovação – Robô Laura: Inteligência artificial salvando vidas, como a tecnologia pode salvar a sua empresa? O evento online realizado pela Amcham Curitiba, terá a palestra do CEO da Robô Laura, Cristian Rocha;
27/05, às 8h30 – Covid-19: força maior/onerosidade excessiva de contratos em tempos de pandemia. A sócia da Demarest, Maria Helena Ortiz Bragaglia Marques; o presidente do Comitê aberto de Legislação da Amcham, Maximilian Fierro Paschoal; e a vice-presidente do Comitê aberto de Legislação da Amcham, Monica Ailt, serão os palestrantes;
27/05, às 9h – Comitê Aberto de Gestão de Pessoas: O papel do RH na retomada das atividades. O evento terá as palestras do CEO & Cofounder, Enora Leaders, João Marcelo Furlan e a diretora de Recursos Humanos da Vedacit, Elizabeth Rodrigues;
28/05, às 11h – Comitê de Economia e Finanças – Ensaio para a retormada: quais impactos de uma possível flexibilização? O economista chefe do banco Bradesco, Fernando Honorato e o CEO da rede Mastercard, João Pedro Paro Neto, serão os palestrantes do evento online.

Sobre a Amcham

A Amcham (Câmara Americana de Comércio) é uma das maiores associações de empresas do Brasil, com 15 filiais em todo o país e mais de 5.200 empresas associadas. O objetivo da Amcham é criar um ambiente favorável de negócios por meio de boas práticas de mercado, capacitação profissional e cidadania empresarial. A Amcham visa facilitar relações empresariais, gerar negócios, ser ponte no relacionamento governamental e internacional, além de prover conteúdos que amplifiquem o conhecimento de seus associados.

Escoteiros do Brasil lançam plataforma online de atividades educativas

Em meio à pandemia do coronavírus, os Escoteiros do Brasil oferecem novas iniciativas de educação não formal para crianças e jovens

Adeptos da vida ao ar livre e das atividades junto a natureza, mais de 110 mil jovens e adultos em todo o país estão buscando novas alternativas para seguir realizando atividades escoteiras. Pensando nisso, os Escoteiros do Brasil lançam nesta quarta-feira (25) o projeto Escoteiros Online. A iniciativa contribui para a democratização do acesso à informação e permite que o desenvolvimento do programa educativo proposto pela organização seja realizado nesse momento de afastamento social, mesmo que à distância e de forma virtual.

Segundo o presidente dos Escoteiros do Brasil, Rafael Macedo, esta é uma maneira de reforçar a importância do Movimento Escoteiro no enfrentamento da crise que toda a sociedade está passando neste momento. "O escotismo surgiu há mais de cem anos e sempre atuamos de modo a contribuir na construção de um mundo melhor, agora não seria diferente. Este novo projeto, mais do que uma medida de enfrentamento à crise atual, é também uma maneira inovadora de praticar o escotismo e levar a nossa proposta educativa para milhares de famílias brasileiras que agora estão procurando alternativas saudáveis de educação e entretenimento, enquanto permanecem no isolamento domiciliar. Afinal, o escotismo continua muito ativo e relevante para os jovens e suas famílias", considera Macedo.

Todo o trabalho será realizado por meio de uma nova plataforma disponível em www.escoteirosonline.org.br. A programação de conteúdo está sendo elaborada por voluntários e profissionais das mais diversas áreas, de diversos estados do país. Diariamente serão publicados artigos, dicas de saúde, sugestões de atividades escoteiras, transmissões ao vivo, vídeo aulas, além de atividades educacionais que serão realizadas com parceiros institucionais dos Escoteiros do Brasil.

A primeira grande ação online será no próximo sábado, dia 28 de abril, durante o Festival Digital da Hora do Planeta, promovido pelo WWF-Brasil. Os escoteiros irão realizar uma transmissão ao vivo sobre diferentes tipos de nós escoteiros, às 10h30, além de participarem de uma live exclusiva com especialistas sobre os cuidados com os oceanos, florestas, consumo consciente e mudanças climáticas, às 14h. Ambas as atividades serão divulgadas e compartilhadas nos canais oficiais do WWF-Brasil, dos Escoteiros do Brasil e, em especial, na nova plataforma dos Escoteiros Online.

Serviço:

Plataforma de educação não formal Escoteiros Online

Disponível em www.escoteirosonline.org.br

Escoteiros do Brasil

Os Escoteiros do Brasil é a única organização do país reconhecida e certificada pela Organização Mundial do Movimento Escoteiro. É responsável por dirigir e acompanhar as práticas escoteiras adotadas no Brasil. Ao todo, são mais de 110 mil escoteiros, reunidos em 1533 Unidades Escoteiras locais, em 722 cidades espalhadas em todo o território nacional.

Ferramenta de educação não formal, o Escotismo ultrapassa as barreiras e se firma como um movimento educacional por proporcionar aos jovens desenvolvimento em diferentes áreas, de forma sempre contemporânea e variada. O Movimento Escoteiro é uma organização do terceiro setor, sem fins lucrativos, que atende crianças, adolescentes e jovens por meio de um programa educativo próprio, presente há mais de 100 anos no Brasil. Saiba mais em https://www.escoteiros.org.br

https://www.facebook.com/EscoteirosDoBrasilOficial

https://www.instagram.com/escoteirosdobrasil

“Qualquer empreendimento pode se reinventar em meio a crise do coronavírus”, afirma a CEO Yasmin Melo

O evento Evolution, promovido por Yasmin Melo promete revolucionar o mercado, usando tecnologias inéditas no Brasil como o audio 6D para reunir empresários de todo o país trazendo soluções para superar a crise econômica causada pela pandemia do coronavírus

Devido a pandemia do coronavírus, o cenário é desolador, devido a paralisação de boa parte dos meios de produção, cancelamento de eventos ao redor do mundo e quarentena, causando prejuízos aos que se viram da noite para o dia obrigados a fechar as portas para conter o avanço do covid-19. Para muitos destes empresários e profissionais liberais de diversas áreas, o que parece estar à frente são tempos difíceis e crise econômica. Mas existe algum meio de superar as dificuldades e prosperar em meio a um prognóstico tão desolador?

A empresária e especialista do setor de crédito Yasmin Melo, CEO e fundadora do movimento Gigantes do Consignado, acredita que qualquer profissional e qualquer empreendimento pode se reinventar mesmo em meio a crise: “Depois de reinventarmos o mercado de crédito no Brasil, criamos o movimento Evolution, que irá ensinar como qualquer tipo de empreendimento pode se reinventar e evoluir junto com os novos meios de trabalho e alcance proporcionados pela tecnologia e a internet. Vamos expandir os horizontes de empresas e profissionais liberais para juntos vencermos a crise, promovendo uma mudança completa de mindset e, em vez de projetar prejuízos, objetivar metas macroeconômicas e as alcançar através da inovação e da criatividade.”

Coronavírus x crescimento empresarial

Tomando como exemplo histórias de superação, Yasmin Melo começa por motivar os participantes do evento e mostrando que a crise e a pandemia do coronavírus podem ser superadas: "Estamos montando uma campanha publicitária em vídeo que mostra como a humanidade já superou outras crises até maiores que o coronavírus. A pandemia não vai nos parar, vamos nos adaptar, evoluir e seguir em frente, mais fortes. A mensagem que queremos passar é que mesmo tendo que se adaptar a cada vez menos contato presencial, é possível alcançar o cliente final e crescer em vendas. Não estamos propagando a ideia das empresas se manterem abertas fisicamente, colocarem em risco a saude de seus funcionários, mas de inovarem e encontrarem meios na era digital e da tecnologia de prosperarem como nunca.”

Inovação para vencer a crise

O movimento Evolution surge com a ideia de priorizar a inovação em uma vertente virtual, digital, para obter resultados independente da área de atuação profissional: “Todos podem se reinventar, sem exceções. Vamos ensinar a utilizar gatilhos que outras empresas e sites de sucesso utilizam para se tornarem campeões de vendas e alcance. É saber como se diferenciar e chamar a atenção do seu cliente em meio a um mundo onde todos podem fazer propaganda de seus produtos na internet, investir de forma inteligente em branding e posicionamento de marca para obter lucros consistentes. E é esse tipo de conhecimento que vamos tirar da teoria e trazer para a prática, para que sejam implementadas no cotidiano de cada empresa ou profissional liberal.”

Experiência imersiva e áudio 6D

Yasmin Melo revela que o evento irá fazer uso de uma experiencia imersiva virtual inédita no Brasil, recorrendo até mesmo ao chamado áudio 6D: “O congresso vai acontecer também na modalidade online, com transmissão ao vivo. A ideia é uma proposta imersiva, como um show, algo que maravilhe o espectador, utilizando audio 6D, que é o que há de mais moderno envolvente em tecnologia, para dar a impressão que o telespectador está no auditório presencialmente.”

Temas abordados

A especialista aponta quais serão os temas abordados do Evolution: "vamos trabalhar a inteligência emocional, necessária em um momento de crise como esse, e ensinar todos os caminhos estratégicos para não apenas sobreviver à crise, mas evoluir e tirar proveito dela, alcançando novos níveis em nossos negócios, para gerar soluções práticas e teóricas em conjunto para revolucionar mais uma vez o mercado.”

CARTA DIREX MANIFESTO – 002/2020

Ref.: Efeitos do COVID-19 no

Segmento de Eventos e

Entretenimento e Pleitos do Setor

A Indústria de Eventos e Entretenimento, assim como ocorre nos principais destinos do mundo, integra uma diversa cadeia econômica e de serviços em todo o país, incluindo negócios, feiras, congressos, entretenimento e turismo.

É uma das mais importantes atividades econômicas do país, representando 13% do PIB nacional, movimentando 936 bilhões de reais na economia anualmente e gerando cerca de 25 milhões de empregos diretos e indiretos.

No Estado do Rio de Janeiro, principal porta de entrada de turistas e segundo maior destino de eventos do Brasil, o segmento engloba setores como os da cultura, do esporte, do entretenimento e demais atividades ligadas ao turismo, que, juntos, representam o segundo PIB do Estado, ficando atrás apenas da indústria do óleo e gás.

Segundo estudo da Fundação Getúlio Vargas, entre 2018 e 2019, para cerca de 150 projetos de eventos de entretenimento prioritários, selecionados pelo Governo e com forte indução no turismo, houve um impacto econômico de 13,6 bilhões de reais na economia, gerando cerca de 350 mil empregos e propiciando uma arrecadação de novos impostos de aproximadamente 800 milhões de reais.

É notório que no Rio de Janeiro, o impacto pelos imediatos cancelamentos dos eventos e demais medidas restritivas para o setor do turismo em função da pandemia de COVID-19 já representam, um prejuízo enorme para a Indústria como um todo, para a sua cadeia produtiva e para a economia fluminense em geral.

Esta crise sem precedentes para o setor, sem dúvida alguma, trará relevantes impactos financeiros e econômicos, por períodos prolongados e que serão de extrema dificuldade, tanto para a população, quanto para o empresariado, o que coloca em risco não somente o cenário presente mas também o futuro da indústria de eventos de entretenimento e dos diversos segmentos do setor do turismo como um todo.

Dessa forma, a APRESENTA RIO (Associação dos Promotores de Eventos do Setor de Entretenimento e Afins do Estado do Rio de Janeiro), entidade que atualmente conta com 170 empresas associadas, entre empresas e profissionais do segmento, vem, pela presente, solicitar a intervenção do Governo para a apreciação, discussão e concessão dos seguintes pleitos, com o objetivo de auxiliar a sobrevivência e a manutenção de toda a cadeia produtiva da Indústria de Eventos e Entretenimento, ligadas ao turismo, durante os tempos de extrema crise que vivemos:

(i) Acesso imediato à linhas de crédito específicas, junto a bancos públicos, ao BNDES, às instituições de fomento e/ou ao Fundo de Cultura (federal, estadual ou municipal), para capital de giro das empresas da Indústria de Eventos e Entretenimento, sem juros, carência de pagamento de, pelo menos 12 (doze) meses e pagamento parcelado, sem juros ou correção, em até 24 (vinte e quatro) meses.

(ii) Diferimento do recolhimento dos impostos e contribuições aplicáveis à nossa atividade (notadamente IR, Simples Nacional, CSLL, PIS, COFINS, INSS, ICMS, ISS e IPTU), pelo menos, até 31 de dezembro de 2020, de modo que os mesmos voltem a ser pagos em 2021, de forma parcelada, em até 24 (vinte e quatro) meses, sem juros, multas ou correção monetária – inclusive para empresas que estejam inscritas no SIMPLES e em regimes de tributação diferenciados.

(iii) Diferimento de impostos (federais, estaduais e municipais) que estejam sendo pagos via parcelamento ou para empresas que recorram ao parcelamento de tributos nos próximos 90 (noventa) dias – inclusive para empresas que estejam inscritas no SIMPLES e em regimes de tributação diferenciados.

(iv) Instituição de regime de tributação diferenciado temporário, com aplicação de alíquota fixa adequada à realidade do momento e necessidade das empresas, para impostos federais, estaduais e municipais – inclusive para empresas que estejam inscritas no SIMPLES e em regimes de tributação diferenciado.

(v) Considerar o segmento dos eventos e entretenimento, em relação à apuração do PIS e da COFINS, no regime da cumulatividade.

(vi) Para os contribuintes sujeitos ao regime do Lucro Real, por apuração anual, suspensão dos pagamentos das estimativas mensais – o montante total será recolhido quando do ajuste anual.

(vii) Desoneração da folha de pagamento para os empregadores da cadeia produtiva da Indústria de Eventos e Entretenimento, com isenção do recolhimento de INSS e FGTS pelos próximos 180 (cento e oitenta) dias.

(viii) Para os empregadores que optarem pela concessão de férias coletivas de 60 (sessenta) dias, concessão de redução no recolhimento do INSS, em 33% (trinta e três por cento) – tanto da parte do empregador, como a do empregado.

(ix) Regime temporário extraordinário simplificado para suspensão de trabalho por falta de recursos financeiros (lay off), para empresas que apresentem uma queda de receita igual ou superior a 30% (trinta por cento), de forma que os trabalhadores da respectiva empresa recebam 2/3 (dois terços) de suas remunerações pelo período de vigência do regime temporário

(x) Suspensão das contrapartidas sociais, para os casos de recebimento de verbas incentivadas, no âmbito da legislação federal, estadual e municipal, até 31 de dezembro de 2020 e a não paralisação dos processos de concessões dos benefícios fiscais para os diversos projetos culturais e esportivos ao longo do ano, assim como permitir a prorrogação dos prazos para captação, execução e prestação de contas no período da crise e, especialmente, após o seu término, como incentivo à sua retomada.

Temos convicção que somente com o auxílio do Poder Público conseguiremos atravessar esse momento de turbulência, reiteramos, sem precedentes e, por este motivo, urgimos para que sejam tomadas as medidas necessárias para o atendimento dos pleitos acima – todos eles essenciais para a sobrevivência do setor nos próximos meses, para a manutenção do trabalho das pessoas envolvidas na Indústria de Eventos e Entretenimento, que compõe, assim como outras atividades, a diversa cadeia do turismo em todo o país.

Além disso, é importante também ressaltar que, diferentemente de outros segmentos da nossa economia, para as quais o Governo já sinalizou com possíveis medidas de auxílio (como as companhias aéreas, por exemplo) a Indústria de Eventos e Entretenimento não é composta apenas de grandes empresas e conglomerados. Temos empresários de todos os portes e que atendem os anseios de todas as classes sociais, com grande capilaridade – o que torna nosso pleito ainda mais legítimo.

Os cancelamentos dos eventos já geraram, de imediato, uma série de prejuízos econômicos e afetaram uma cadeia que contempla milhares de empregos diretos e indiretos. Por esta razão, ressaltamos, neste momento, também as nossas preocupações quanto às atuações dos órgãos de proteção, controle, fiscalização e defesa do consumidor, dentre outros. É fundamental atentar para as questões que envolvem, por exemplo, o necessário respaldo jurídico por conta dos adiamentos dos eventos, dos pacotes de viagens e da aquisição prévia de ingressos para as atividades turísticas e de entretenimento em geral, sem que haja a necessidade de devolução dos recursos já efetuados, permitindo os respectivos reagendamentos.

Por fim, gostaríamos de nos colocar à disposição para discutir cada ponto contido no presente Ofício, bem como para realizar reuniões de trabalho (ainda que remota, por conta do COVID-19) para a implementação urgente dessas medidas, que julgamos absolutamente imprescindíveis para a manutenção de nossas atividades em tempos de crise mundial.

Certos da especial sensibilidade e atenção para com o tema em referência e pela urgência que o momento traz, renovamos aqui nossos mais sinceros protestos de elevada estima e consideração, pelos quais cordialmente subscrevemo-nos.

APRESENTA RIO - Associação dos Promotores de Eventos do Setor de Entretenimento e Afins

ABEOC - Associação Brasileira de Empresa de Eventos

AMPRO - Associação de Marketing Promocional

ABRAPE - Associação Brasilileira de Promotores de Eventos

UBRAFE - União Brasileira de Promotores de Feiras

RioCVB - Rio Convention & Visitors Bureau

ABREVIN - Associação Brasileira das Empresas de Vendas de Ingressos

FECOMERCIO RJ - Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Rio de Janeiro

FBHA - Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação

ABRASEL - Associação Brasileira de Bares e Restaurantes

ABIH - Associação Brasilileira da Indústria de Hoteis

HOTÉIS RIO - Sindicato de Hotéis e meios de Hospedagem do Município do Rio de Janeiro

SINDRIO - Sindicato de Bares e Restaurantes do Rio de Janeiro

ABAV-RJ - Associação Brasileira de Agências de Viagens do Rio de Janeiro

ForEVENTOS - FORUM DO SETOR DE EVENTOS

INTERARTIS BRASIL - Associação da Gestão Coletiva dos Artistas Intérpretes do Setor Audiovisual do Brasil

APTR - Associação dos Produtores de Teatro do Rio de Janeiro

UNEDESTINOS - União Nacional de Convention & Visitors Bureau e Entidades de Destinos

SINDEPAT - Sistema Integrado de Parques e Atrações Turísticas.

BITO - Associação Brasileira de Turismo Receptivo Internacional

FC&VB-RJ - Federação de Convention & Visitors Bureaux do Estado do Rio de Janeiro

ADIBRA - Associação das Empresas de Parques de Diversões do Brasil

COMUNICADO OFICIAL A SPORT HERO EVENTOS LTDA

Empresa responsável pelo evento CURITIBA FITNESS FAIR 2020, comunica o adiamento do evento, seguindo as orientações do Ministério da Saúde e da Secretaria Municipal da Saúde de Curitiba, divulgadas no dia 13/03/2020, contra o Coronavírus (Covid-19). O evento que ocorreria entre os dias 20 e 22 de março de 2020 na cidade de Curitiba-PR, no Pavilhão de Exposições do Parque Barigui – Centro de Eventos Positivo – tem sua data alterada para o segundo semestre, nos dias 22 e 23 de agosto de 2020.
A Curitiba Fitness Fair, maior evento de fitness, saúde e bem-estar do sul do Brasil, tem como objetivo principal promover e fomentar este mercado na região, oportunizando interação e conexão entre diversos públicos, através de produtos, serviços, entretenimento, informação, conhecimento e conscientização que envolvem o condicionamento físico e as diversas dimensões do Wellness.
Todos os ingressos já adquiridos serão ressarcidos. Agradecemos a todos os profissionais envolvidos, parceiros, expositores, fornecedores, público e seguidores, e contamos com a compreensão, apoio e participação de todos no segundo semestre.
Para esclarecimento de possíveis dúvidas, fica disponível o e-mail contato@curitibafitnessfair.com.br.
Curitiba, 13 de março de 2020. Atenciosamente,
Diretoria da Sport Hero Eventos LTDA.

Adiada a terceira edição do Smart City Expo Curitiba

Decisão foi provocada pelas inquietações causadas no cenário internacional pelo COVID-19 e atende a orientações das autoridades de saúde para garantir um grande encontro de todos os atores do setor de Smart Cities.
Evento foi adiado para os dias 18 e 19 de junho
JY8WX0qOM9Dwf-h_emXA7sPynUY3yPo0KKf9iQVp0nUnb12dc0PFo1VUfSHCc75fRmM_ahd4HPYLZCnWr2MOkWouLlMz9rKYOOGbxqr-Vj8gGeizrk17CqG5cM7slWGwSXlEColz
Equipe do iCities confirma nova data do evento. Foto: Divulgação
O iCities e a Fira Barcelona Internacional, organizadores do principal evento sobre Smart Cities do Brasil, e que tem como anfitriã a Prefeitura de Curitiba, decidiram transferir a terceira edição do Smart City Expo Curitiba, prevista inicialmente para 26 e 27 de março. O evento foi transferido para os dias 18 e 19 de junho, com reservas de datas também para novembro e dezembro, em caso de um possível novo adiamento.
Diante da atual situação internacional motivada pelo COVID-19, a medida foi adotada para garantir os melhores resultados para expositores e visitantes, assim como a mobilidade dos participantes das áreas pública e privada, que procedem de numerosos países.
O diretor da Fira Barcelona Internacional, Ricard Zapatero, explicou que “a decisão garante o melhor desenvolvimento de um evento tão relevante, de referência internacional”, a fim de preservar a “segurança e mobilidade de todos os participantes”.
Os preparativos do Smart City Expo Curitiba seguem se desenvolvendo com intensidade, em todos os aspectos, desde o comercial até os conteúdos do congresso e o planejamento de atividades de networking de alto nível. O evento é atualmente a plataforma de referência do setor, com a participação de especialistas importantes, além de expositores e visitantes.
iCities, Fira Barcelona e a Prefeitura de Curitiba mantém um estreito contato com as autoridades sanitárias para acompanhar a evolução do COVID-19 e dos protocolos estabelecidos, de acordo com as diretrizes das autoridades brasileiras e da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Os ingressos continuarão válidos até a próxima data. Nos próximos dias, o iCities divulgará novas orientações, inclusive pelo site e redes sociais do evento.

Sobre o Smart City Expo Curitiba 2020
O Smart City Expo Curitiba 2020 é chancelado pela FIRA Barcelona, consórcio público espanhol formado pela Prefeitura de Barcelona, Governo da Catalunha e Câmara de Comércio de Barcelona, e que é o organizador do Smart City Expo World Congress, maior evento sobre cidades inteligentes do mundo. No Brasil, o evento é organizado pelo iCities, empresa curitibana especializada em soluções inteligentes, e tem o apoio da Prefeitura Municipal de Curitiba.

O tema do evento, que será sediado no Centro de Eventos Positivo (antigo Expo Barigui) é “Smart Cities in Action”. “Queremos transformar o cidadão em protagonista para materializar as ações de smart cities”, afirma Beto Marcelino, sócio-diretor do iCities, empresa especializada em soluções para cidades inteligentes que organiza o evento no Brasil.

FEIRA ESTOPIM ADIADA Eventos de abril que fazem parte da programação da edição 2020 serão remarcados.

Com o intuito de colaborar com as tentativas de contenção do COVID-19 e seguindo as determinações oficiais do Ministério da Saúde e dos governos municipal e estadual a programação de abril da Feira Estopim foi adiada, isso inclui a feira que aconteceria nos dias 4 e 5 de abril, na Alfaiataria, em Curitiba / www.alfaiataria.art . A intenção é transferir a feira, o evento principal, para os dias 04 e 05 de julho, mas vai depender obviamente da evolução do vírus no país.

Foram adiadas também:

Exposição O INESPERADO SÓ TEM NOME DEPOIS QUE APARECE, com abertura prevista para dia 18/03.

Exibição do documentário IMPRESSÃO MINHA (roteiro e direção Daniel Salaroli, Gabriela Leite João Rabello) com roda de conversa sobre as feiras locais, agendada para dia 19/03.

Conversa ARTE IMPRESSA E PUBLICAÇÕES INDEPENDENTES ENTRE TÁTICAS E ESTRATÉGIAS com Nathanael Araújo, marcada para dia 02/04.

Oficinas:

PULCE – PUBLIQUE LIVROS, CRIE EDITORAS com João Varella e Oficina INTERROGAÇÕES DE GÊNERO, SEXUALIDADE, RAÇA/ETNIA NO MUNDO DAS ARTES IMPRESSAS com o antropólogo e editor Nathanael Araújo, que seriam dias 02 e 03/04.

A PINTURA É UMA COLAGEM com a artista multimídia Cintia Ribas, voltada para crianças acima de 8 anos, agendada para dia 04/04.

ANIMAÇÃO – FLIPBOOK com a artista visual e arte educadora Simara Ramos, destinada para crianças de 8 a 15 anos, agendada para dia 05/04.

MEU CADERNO QUADRADO com o encadernador, impressor e produtor gráfico Daniel Barbosa, fundador do ateliê/ editora Caderno Listrado, marcada para 23 e 24/04.

“Trata-se de uma decisão necessária e urgente no contexto que atravessamos, é preciso cuidarmos da saúde coletiva”, explica Luana Navarro, uma das coordenadoras da Estopim.

A Feira Estopim, antiga Feira da Baronesa, foi criada em 2014 pelos artistas Guilherme Jaccon e Luana Navarro. O foco segue sendo a comercialização de trabalhos impressos e publicações de artistas, coletivos e editoras independentes, com o intuito de viabilizar ao público a criação de um “acervo possível” com obras de arte de qualidade com valor acessível.

Projeto realizado com o apoio da Copel por meio do PROFICE (Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura), da Secretaria de Estado da Cultura – Governo do Estado do Paraná.

Para saber mais:

www.feiraestopim.com.br

https://www.facebook.com/feiraestopim/

Administradora do BRAVE CF se une à WBC e organiza cinturão árabe de boxe

A KHK Sports, empresa que administra, entre outras marcas esportivas, o BRAVE Combat Federation, principal organização de MMA do Oriente Médio e idealizada por Sua Alteza Sheik Khaled bin Hamad Al Khalifa, anunciou oficialmente uma parceria com o Conselho Mundial de Boxe (WBC, no inglês World Boxing Council) visando a expansão da nobre arte em seu território.

O primeiro fruto dessa parceria entre os dois titãs do mercado de esportes de combate será o título árabe da organização, nomeado “Arab Boxing Championship” (ou “Campeonato de Boxe Árabe”, em tradução livre), abrindo as portas para os talentos do Oriente Médio e desenvolvendo o boxe na região.

“A visão de Sua Alteza Sheikh Khaled bin Hamad Al Khalifa (fundador da organização) para a KHK Sports sempre foi de desenvolver o esporte em todos os seus aspectos”, disse Mohammed Shahid, CEO da KHK Sports. “Das categorias de base ao profissional. O que faz dessa iniciativa algo tão especial é o desenvolvimento desde a base, trazendo um novo sistema ao boxe. A WBC é um dos maiores e mais respeitados entidades do boxe e o cinturão do Arab Boxing Championship vai trazer grandes oportunidades para o futuro do boxe na região”, completou.

A WBC é uma das principais organizações internacionais de boxe e tem entre seus campeões figuras lendárias como Muhammad Ali, Joe Frazier, Sugar Ray Leonard, Floyd Mayweather Jr, Roy Jones Jr, Julio Cezar Chaves, bem como estrelas da atualidade, tais quais Canelo Alvarez, Manny Pacquiao, Tyson Fury e Vasyl Lomachenko.

A parceria entre KHK Sports e WBC é vista como um divisor de águas para o boxe no Oriente Médio, com ambas organizações visando o desenvolvimento do esporte e a promoção de grandes eventos na região.

Florianópolis recebe evento sobre o mercado de beleza natural, orgânica, vegana e cruelty free

A 4ª quarta edição do Slow.Market.Beauty estreia em Santa Catarina reunindo marcas, profissionais de beleza e sustentabilidade e consumidores. A entrada é gratuita.

A capital catarinense, Florianópolis, deve ser a primeira cidade no Brasil intitulada como zona livre de agrotóxicos até outubro de 2020. A cidade também é destaque nacional por conta do Programa Florianópolis Lixo Zero, no qual formalizou o compromisso de desviar 60% dos resíduos secos e 90% dos orgânicos até 2030. Neste movimento, diversos setores da economia estão se adequando e apresentando produtos ecologicamente sustentáveis. Um destes exemplos é o mercado de beleza que não para de se desenvolver e apresentar novas soluções. E é exatamente isto que poderá ser conferido na 4ª edição do Slow Market.Beauty que ocorre entre os dias 06 a 08 de março, no Multi Open Shopping, no sul da Ilha.

O evento, criado em 2016 pela publicitária Melissa Volk (foto), já contabiliza três edições de sucesso em São Paulo, reunindo conteúdo por meio de palestras, experiências e conhecimento sobre beleza natural, orgânica, vegana e cruelty free. “Para a nossa estreia em Florianópolis, reunimos também os principais movimentos sobre sustentabilidade, reciclagem e empreendedorismo consciente. Além disso, o evento será o primeiro no Brasil com selo Carbon Free”, destaca Melissa.

O evento, com entrada gratuita, é dedicado para varejistas, atacadistas, profissionais de beleza e estética, consumidores e amantes da beleza em geral que tenham interesse em entender melhor sobre transição de cosméticos, tendências de mercado, reciclagem, parcerias e negócios. A programação completa pode ser conferida no site:
https://www.slowmarketbr.com/

Tendência Internacional
O movimento Slow Beauty surgiu nos Estados Unidos, trazendo uma nova forma de enxergar e cuidar da beleza de forma consciente, beneficiando não só a pele, mas também a natureza. Ele ressalta a apreciação da beleza natural e real de cada um, a redução do uso de substâncias químicas e a introdução de ativos mais naturais no corpo, além de mais economia e menos desperdício.

O mercado de produtos conscientes é um dos que mais crescentes no Brasil e no mundo. De acordo com o estudo Global Consumer Trends 2019, o consumo responsável e a redução de plástico são duas das principais tendências de aquisições para as próximas décadas. Segundo o relatório da Grand View Research, divulgado em 2018, o mercado de cosméticos naturais e orgânicos irá movimentar 25,11 bilhões de dólares até 2025. No Brasil, o setor já movimenta aproximadamente 3 bilhões de reais, com potencial de crescimento de 20% ao ano.

Serviço
O quê: Slow Market.Beauty #4 Floripa
Quando: 06 a 08 de março de 2020
Horário: 10h às 20h
Onde: Multi Open Shopping | Rodovia Dr. Antônio Luiz Moura Gonzaga, 3339 - Rio Tavares | Florianópolis / SC

Acompanhe o Slow Market.Beauty #4 Floripa nas redes sociais
Site: https://www.slowmarketbr.com/
Instagram @slowmarket_br
LinkedIn @slowmarketbr
Facebook @slowmarketbr
YouTube https://bit.ly/2B8qCFO

Sebrae/PR aproxima empreendedores da cadeia de panificação e cafeterias

Comunidades Sebrae promove debate sobre o mercado e aproxima empresários da cadeia

Empreendedores e entusiastas do setor de panificação e cafeterias se reuniram nesta quinta-feira (20), no Sebrae/PR, para dialogar sobre as mudanças, desafios e projeções para o futuro nesses mercados. O evento contou com a presença de Divanildo Carvalho Junior, da Trilhas do Trigo, Oscar Pablo Luzardo, da La Panoteca, Rodrigo Santiago, do Chicago Bakery, Georgia Franco de Souza, do Lucca Cafés Especiais, Lara Saya, da Supernova Coffee Roasters e Guilherme Lucavei, do Moka Club, para os debates. Os painéis do evento “O que está mudando na panificação e nas cafeterias” tiveram moderação da jornalista Jussara Voss.
O Paraná tem uma longa tradição de ser o maior produtor de trigo no país, apesar de ter registrado uma perda de 34% na produção em 2019, de acordo com o Departamento de Economia Rural (Deral), da Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento. Por outro lado, Divanildo Carvalho Junior, do Trilhas do Trigo, afirma que já é possível produzir no Paraná grãos de excelente qualidade e que suprem a demanda de mercado devido aos avanços em pesquisas científicas. Essa foi apenas uma das várias modificações que ocorreram nesse setor.
"São muitas transformações em diferentes vertentes. Tivemos mudanças também nos equipamentos com a volta dos fornos de lastro e masseiras que trabalham melhor a massa. Porém, o fundamental é a formação de padeiros no Brasil. Precisamos ter grades curriculares formais e de longo tempo, com aulas de segurança alimentar, domínios de panificação e fermentação, além de outras para entender a padaria como negócio. Precisamos ter essa formação porque o mercado vai demandar”, analisa.
O Paraná também teve grande relevância para a história do mercado do café, uma vez que foi o maior produtor desse grão no país até 1975. A tradição do consumo da bebida é refletida hoje em consumidores mais exigentes e paladares mais apurados. Nessa perspectiva, existe uma abertura do mercado para os cafés especiais. Guilherme Lucavei, do Moka Club, comenta que, ao mesmo tempo em que existe a demanda do consumidor, também há a oferta do mercado em produtos diferenciados.
“A mudança vem nas duas pontas: da demanda de consumidores com referências diversas que procuram cafés diferenciados e, ao mesmo tempo, também vem do movimento da indústria que está buscando formas de agregar valor aos seus produtos. Os comerciantes de cafeterias querem trazer produtos melhores para vender mais”, pontua.

O evento
Assim como a união perfeita do feijão com arroz, a dupla café e pão também é símbolo de parceria na mesa do brasileiro. Entender os dois como complementares e conseguir explorar da melhor forma este dueto é a indicação da coordenadora estadual de agronegócios do Sebrae/PR, Maria Isabel Guimarães.
“São dois segmentos que estão em uma vertical. Estamos falando de produtores de grãos que fazem o trigo para panificadoras e o café para cafeterias. Hoje, o Sebrae trabalha o negócio como um todo. Não é só abrir uma cafeteria ou panificadora, é entender que existe um cliente que procura por produtos especiais. Para fazer um bom produto, precisa de conhecimento, que foi ofertado aqui. O ‘Comunidades Sebrae’ vem para trazer informações não só de gestão, mas também técnicas para microempresários que tem um bom produto e conseguem oferecê-lo com valor diferenciado para um cliente que está cada vez mais exigente”, analisa.
O evento contou com, aproximadamente, 100 participantes, entre eles, Leilane Locatelli, que fez a inscrição para o evento logo que soube da data.
“Tenho uma cafeteria que vende doces e cafés especiais, além de pão de fermentação natural. Este evento foi bem alinhado ao que meu negócio oferece. Tive vários insights do que foi falando aqui, como tendências para o mercado. Às vezes a gente não se atenta e, no fim, isso faz toda a diferença”, considera.
O Comunidades Sebrae é uma estratégia de relacionamento presencial do Sebrae/PR direcionada para um conjunto de empresas que possuem perfil de crescimento e que estão nos setores de Comércio e Serviços, Agronegócios, Indústria, Turismo, TI e Economia Criativa. No evento desta quinta-feira, depois dos painéis e debates, os empreendedores participaram de rodadas de networking, apresentação e degustação de produtos.

CURITIBA RECEBE EM ABRIL A 3ª EDIÇÃO DA OLD & LOW CAR

O evento automotivo mais completo da capital paranaense acontecerá, entre os dias 10 e 12 de abril, no Parque Barigui, o Centro de Eventos do Positivo.

Os apaixonados por carros antigos, rebaixados ou customizados, já têm um encontro marcado em Curitiba. Acontecerá entre os dias 10 a 12 de abril, a 3ª edição da Old & Low Car, no pavilhão de feiras do Parque Barigui, o Centro de Eventos do Positivo. Considerado um dos mais completos e maiores eventos do segmento na cidade, ele reunirá neste ano em exposição aproximadamente 140 veículos de diversos estilos e culturas automotivas, além de produtos e serviços com empresas ligadas ao universo automotivo apresentando suas novidades, tendências e muitas outras atrações voltadas para todas as famílias. Será ponto de encontro para os apreciadores e apaixonados por carros, clubes e colecionadores. Nesta edição, as novidades ficam por conta do evento Auto Detalhe, que acontece em paralelo, contando com cursos profissionalizantes e bate-papos com profissionais da área de Estética Automotiva Nacional, e também o 1° Campeonato de Detalhamento Automotivo.

Durante a feira, o público poderá acompanhar uma verdadeira viagem no tempo acompanhando a história dos veículos em exposição, seus estilos e conceitos como potência, características aerodinâmicas, estruturais. Vários clubes automotivos estarão presentes com suas belas máquinas a fim de reunir os fãs desse universo, entre eles destaque para o Clube Elas, o primeiro de colecionadores de veículos clássicos, exclusivamente feminino de Curitiba.

Além dos automóveis expostos, a Old & Low Car reunirá empresas com produtos e serviços que serão comercializados com preços de feira, abaixo do mercado. Estarão presentes fabricantes de peças, autopeças, comércio de rodas e pneus, som automotivo, consórcios, financiadoras, oficinas, restauradores, lataria, pintura, acessórios, artigos para decoração automotiva, além de vestuário e artigos para colecionadores.

O evento foi totalmente pensado para que os apaixonados pelo o universo automotivo possam se divertir junto com toda a sua família, conhecendo e explorando essa cultura e suas peculiaridades.

Cursos e bate-papos da área de Estética Automotiva Nacional

Paralelamente à feira, acontece o Auto Detalhe, evento que abordará cursos e bate-papos com profissionais da área de Estética Automotiva Nacional. Haverá dois cursos profissionalizantes de polimento técnico em todos os níveis, sendo um deles exclusivo paras as mulheres. O evento estará ainda apresentando aos visitantes lançamentos de equipamentos, produtos e serviços em um momento intenso de trocas de experiências, dicas e conhecimentos de um dos segmentos de maior ascensão do mercado. Os interessados devem entrar em contato pelo telefone (41) 98732-4513 para mais informações.

1° Campeonato de Detalhamento Automotivo

Acontecerá a 1ª edição do Campeonato de Detalhamento Automotivo que terá como objetivo demonstrar o exímio e minucioso trabalho dos profissionais que executam o processo de limpeza, proteção e restauração de automotores, transformando-os em obras de arte completamente recuperadas. Para a competição, poderão ser inscritas antecipadamente equipes de até quatro pessoas representando uma marca ou loja. Será um grande desafio onde o público poderá conferir de perto cada etapa do processo do detalhamento automotivo aprendendo a diferenciar as técnicas de cada grupo. Os interessados também devem entrar em contato pelo telefone (41) 98732-4513 para mais informações.

Presença de influenciadores

Além disso, o evento contará com a presença de um dos mais conhecidos influenciadores digitais de Curitiba, Digo Thuler. Com quase um milhão de inscritos em seu canal no YouTube, e 230 mil no Instagram, Thuler se tornou influencer falando em seus vídeos sobre a área automotiva de forma divertida e descontraída.

Exposição de colecionáveis

Como já é tradicional a Odin Collection marcará presença expondo seus grandiosos acervos da lenda da Fórmula 1, Ayrton Senna, e da saga de filmes, Star Wars.

SERVIÇO:

3ª EDIÇÃO OLD & LOW CAR CURITIBA

Data: 10 a 12 de abril de 2020 (Sexta a domingo)
Local: Expo Barigui (Centro de Exposições – Expo Barigui (Rodovia do Café (BR 277) KM 0 – Santo Inácio).
Horários: 10/04 sexta-feira (10h às 22h) / 11/04 sábado (10h às 22h) / 12/04 domingo (10h às 20h)
Classificação: Livre

Ingressos: 1° LOTE até 20/03 - R$ 10,00 nos pontos de venda nas seguintes lojas:
Loja Autocar Automotivo
Espaço Diecast
Circuito Tropical
Fixados Lava Car
* Após esta data, os ingressos custarão R$ 15,00 e serão vendidos nos dias e horários de funcionamento do evento na bilheteria do Expo Barigui.

Informações: https://www.facebook.com/events/816706355335975/

Realização: 2A Eventos
__________________

Veja o pôster oficial da luta principal do BRAVE CF 35, em Balneário Camboriú

Campeão peso leve do BRAVE Combat Federation, Cleiton "Predador" Silva fará a primeira defesa do seu cinturão em casa. Ele será a atração principal do BRAVE CF 35, que ocorre no dia 28 de março, em Balneário Camboriú, Santa Catarina, e enfrenta o sueco Guram Kutateladze. Nesta quarta-feira, a organização divulgou o pôster oficial da luta, que opõe o "Predador" ao "Viking Georgiano".

"Predador" está invicto pelo BRAVE CF, tendo estreado em 2018, com vitória sobre o egípcio Ahmed Amir no BRAVE CF 11. Logo após a estreia, Cleiton viajou à Colômbia, onde finalizou o argentino Marcelo Bustos, se credenciando assim à disputa de cinturão.

O title shot veio diante de Luan "Miau" Santiago, no BRAVE CF 25. Nas semanas que anteciparam a luta, os dois protagonizaram uma ferrenha rivalidade, mas Cleiton riu por último, finalizando "Miau" no primeiro minuto com um mata-leão.

Apesar de ter nascido na Geórgia, Kutateladze opta por representar a Suécia, país para o qual se mudou em no meio da década passada, e aonde treina e mora atualmente. Guram é companheiro de equipe do lendário Alexander Gustafsson, além de outros grandes nomes do MMA como Ilir Latifi, Reza Madadi, e Khamzat Chimaev.

O BRAVE CF 35 marcará o quinto evento no Brasil da organização de MMA que mais cresce no mundo. Em 2017, o BRAVE CF foi a Curitiba duas vezes, e também viajou a Belo Horizonte em 2018 e 2019.

Bienal Internacional de Arte Contemporânea de Curitiba

Exposição "A Espera – Fronteiras efêmeras do processo artístico" traz múltiplas linguagens para a Casa Heitor Stockler de França

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=160498&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253C0d3601d5dc51%2524f6804200%2524e380c600%2524%2540smartcom.net.br%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3C0d3601d5dc51%24f6804200%24e380c600%24%40smartcom.net.br%3E-1.1.2

A Bienal Internacional de Arte Contemporânea de Curitiba está presente no Sesi Casa Heitor Stockler de França. Sob a curadoria de Carolina Paulovski, um grupo de cinco mulheres artistas se reúne para pensar seu processo artístico e como ele se desenvolve ao longo de suas trajetórias. As artistas Ana Artigas, Giovana Casagrande, Leila Alberti, Sonia Vasconcellos e Verônica Filipak retratam nesta exposição seus percursos nos diversos territórios artísticos, discutindo seus universos particulares e apresentando trabalhos em diferentes materiais e técnicas, desde a solidez da cerâmica até as tramas do bordado e a pintura.

SERVIÇO
O Sesi Cultura Paraná apresenta:
Exposição "A Espera – Fronteiras efêmeras do processo artístico"
Datas: 01/02 a 17/02/2020
Horário: terça a sexta, das 13h às 17h

Valor: gratuito
Classificação: livre
Local: Centro Cultural Sesi Heitor Stockler De França
Endereço: Av. Mal. Floriano Peixoto, 458 – Centro
Observação: espaço sujeito a lotação (ingressos à venda no local 1 hora antes da ação)
Evento

12/02 - 18:30h

Conversa na Casa com a artista Sonia Vasconcellos, que recebe a psicanalista Priscila Frehse para falar sobre sua obra na exposição “A Espera”.

* Entrada gratuita

* Espaço sujeito a lotação

Mais informações:

www.sesipr.org.br/cultura

www.facebook.com/sesiculturapr

SESI CULTURA – Foi em 2008 que a Regional Paraná do Serviço Social da Indústria inaugurou uma área especificamente dedicada ao desenvolvimento de ações culturais ancoradas nas diretrizes previstas na Declaração Universal dos Direitos do Homem, como a diversidade, a pluralidade e a autonomia. Desde então, o Sesi Cultura Paraná tem promovido o acesso à cultura com foco em programas de formação artística e cultural, investindo em processos criativos, formação de plateia para todas as linguagens e na formação e desenvolvimento cultural com vocação local. O Circuito Cultural Sesi, o Festival Sesi Música, os Núcleos Criativos do Sesi, o Zoom Cultural, os Programas Sesi Música, Sesi Arte, Sesi Audiovisual e Sesi Artes Cênicas são exemplos de programas desenvolvidos pela Gestão Cultural do Sesi. De 2008 até 2019, mais de um milhão e duzentos e sessenta espectadores tiveram acesso à cultura por meio das ações culturais realizados pelo Sesi Paraná. Todas essas ações sempre tiveram como objetivo o acesso ao bem cultural para o trabalhador da indústria, seus dependentes e para a comunidade de uma forma geral, além da difusão da arte em todas as suas manifestações, valorizando a diversidade e a pluralidade do povo brasileiro.

LIDE Futuro realiza mentoring com o empresário Beto Madalosso

Evento exclusivo para os filiados ao Lide Futuro aconteceu no último dia 27, no Madá Pizza e Vinho

O Lide Futuro realizou no último dia 27 de janeiro mentoring com o empresário Beto Madalosso. O encontro, que abriu o calendário do LIDE Paraná para 2020, aconteceu em um dos empreendimentos do palestrante, o Madá, trattoria que funciona dentro de um espaço colaborativo.

"Abrimos nossa agenda para mais um bate-papo descontraído sobre os desafios de empreender. Fico muito feliz em ver nossos filiados interagindo e nosso grupo se fortalecendo cada vez mais", destaca a presidente do LIDE Paraná, Heloisa Garrett que adianta que são mais de 50 eventos programados no calendário 2020.

Durante o encontro, Madalosso contou aos jovens sobre sua trajetória como empreendedor, do crescimento de seus negócios, desafios, governança e sobre o universo empresarial da gastronomia. Atualmente, Beto administra dois empreendimentos, o Forneria Copacabana e o Madá. Também, é fundador da Revista Tutano e do Fórum Tutano Gastronomia que discute negócios e tendências do setor.

Ao longo de sua exposição, o bem humorado empreendedor contou sobre o surgimento do negócio familiar, o tradicional restaurante Madalosso, “meu pai e os irmãos dele, nunca tinham entrado em um restaurante antes de começar a trabalhar no próprio empreendimento. Isso mostra o quanto a atividade em restaurantes é intuitiva, é um mercado formado pela informalidade”. Também, falou sobre as dificuldades de atuar no mercado gastronômico, “o grande desafio do crescimento de um restaurante, é conseguir profissionalizar o negócio sem perder sua essência e o prazer de trabalhar naquilo”, disse Beto..

Após a palestra os afiliados do LIDE Futuro, puderam desfrutar de um jantar oferecido pelo Madá. O mentoring é um dos eventos propostos pelo LIDE Futuro e tem como objetivo reunir grandes líderes com os jovens associados, para que possam contar sua trajetória, relatar experiência, desafios, superações e lições de carreira.

Sobre Beto Madalosso
Autêntico e criativo, Beto Madalosso se destaca não só na área gastronômica, onde mantém o legado de quatro gerações da família, mas é também um reconhecido influenciador. O empreendedor foi eleito Personalidade do Ano pelo Prêmio Personalidades 2019 da revista Topview. Com dois empreendimentos o Forneria Copacabana e o Madá, ele também é fundador da Revista Tutano e do Fórum Tutano Gastronomia que discute negócios e tendências do setor.

Um pouco sobre o LIDE
O Lide – Grupo de Líderes Empresariais é, atualmente, presidido por Luiz Fernando Furlan (chairman do LIDE e presidente do LIDE Internacional). O grupo conta com mais de 1.700 empresas filiadas, que juntas congregam 57% do PIB privado do Brasil, sendo a mais qualificada plataforma empresarial independente do país. Tem matriz em São Paulo e unidades em diferentes estados brasileiros, além do Paraná. O grupo também está presente internacionalmente, em quatro continentes, nos seguintes países: Alemanha, Angola, Argentina, Chile, China, Estados Unidos, Itália, Marrocos, Moçambique, Portugal, Uruguai e Oriente Médio. As atividades do Lide Paraná têm o patrocínio de gestão da Renault do Brasil..

Kitsune, restaurante do Masterchef André Pionteke, aposta em culinária “Nipo-Atlântica” em Curitiba

Com conceito exclusivo para a capital paranaense, o restaurante combina técnicas da culinária oriental com ingredientes regionais

Curitiba, 21/01/2019 – Um restaurante com preparos inspirados em ingredientes locais da região da Mata Atlântica - bioma do litoral do Paraná - aliados às técnicas da culinária oriental. Esse é o Kitsune, empreendimento gastronômico comandado pelo badalado chef Andre Pionteke, curitibano que ganhou popularidade com a participação no Masterchef Profissionais 2018, que acaba de abrir as portas em Curitiba.

Desde sua eliminação do programa, com muito choro da jurada Paola Carosella, o chef curitibano participou de muitos eventos, acumulando ainda mais experiência para abrir seu primeiro empreendimento próprio na capital paranaense. O Kitsune tem capacidade para receber confortavelmente 17 pessoas em um salão de 20m², com cardápio intimista. “A minha ideia é fazer uma culinária de verdade, valorizando os produtos locais, e entregando uma experiência única ao público curitibano”, enfatiza Pionteke. Especialista em cozinha de produto e culinária oriental, o chef apresenta receitas repletas de sabores marcantes e muito “umami”, palavra japonesa usada para definir um dos cinco gostos básicos do paladar humano, que significa “gosto saboroso e agradável”.

Atualmente, o Kitsune funciona durante o jantar, e trabalha com seis opções de conservas (R$ 10 a porção), que serão sazonais, ou seja, variam conforme a estação. São oferecidos sunomono de pepino japonês, sunomono de cenoura, beterraba, kimpira gobo, nasu desgaku e kimchi. Outros destaques da casa são os guiozas (5 unidades por R$ 25), que podem ser recheados com copa lombo, siri catado ou pupunha com banana-da-terra. Já o bao, sanduíche feito em pão cozido no vapor (2 unidades por R$ 25), está disponível em três versões: lambari frito, barriga de porco e vegana, feita de cogumelos.

Um dos preparos favoritos do chef André Pionteke, o lámen tem destaque especial no menu da casa. O caldo do preparo é feito com cabeça de porco, vegetais, alga e shiitake desidratado, além de alguns toques especiais do chef. No Kitsune, o lámen é montado com caldo, udon (macarrão popular japonês), copa lombo cozida ou cogumelos, alga nori, cebolinha e ovo cozido (R$ 38). A iguaria tem, também, uma opção vegetariana.

Para completar a refeição perfeita, sonho com recheio de doce de leite ou creme com matchá (R$ 18). Já quem valoriza bons drinks autorais pode saborear os preparos do mixologista Ariel Todeschini, que assina a carta de coquetéis que tem preparos com gin, cachaça e saquê. O Kitsune também oferece três opções de chopes rotativos.

O Kitsune fica na Rua Celeste Santi (nº 358), no bairro Ahú, e funciona de segunda a sábado, das 17h às 22h30. Para mais informações, acesse o perfil oficial do restaurante no Instagram (@kitsune.cwb).