Delivery de pizzas em Curitiba é feito por super heróis

A ideia é da Liga dos Heróis Pizzaria

Já imaginou o Homem Aranha ou então o Super Homem entregando uma pizza quentinha na sua casa? Pois isso já é realidade em Curitiba. A Liga dos Heróis Pizzaria, pizzaria toda tematizada nos desenhos em quadrinhos, diante do cenário que se instalou frente ao novo Corona Vírus, inaugura seu sistema delivery a partir de 4 de abril. Toda a comunicação das embalagens segue o tema da casa e traz estampados os heróis exclusivos do lugar, Velox, Méri Star e Mister Massa. O cardápio, como não poderia deixar de ser, traz pizzas com nomes de vários personagens e se divide entre Tradicionais, Salgadas e Doces.

O Super Homem aqui é uma pizza de calabresa; a Mulher Maravilha é Marguerita; Incrível Hulk leva carne seca com queijo coalho; Velox é feita à base de abobrinha; Capitão América é à base do prato típico paranaense, barreado. Somadas às demais, elas completam o menu com 12 opções. Entre as doces, tem a Coringa que mistura chocolate branco e chocolate preto e a que divide opiniões, Dr. Caos, feita com chocolate e alho, ao todo são cinco sabores. As tradicionais tem preço de R$ 39,90 e as especiais R$ 49,90, ambas servem 10 fatias. A pizza doce tem preço único de R$ 29,90 com seis pedaços. A área de entrega assiste 18 bairros com taxa única de R$ 10.

“Esse já era um projeto, porém, adiantamos o processo devido aos últimos acontecimentos. Desde o decreto do Governo do Estado, estamos com as portas fechadas e ativar o delivery foi uma forma de nos mantermos ativos”, explica Fernanda Polichuk Vendramin, proprietária da casa. Todas as pizzas vem acompanhadas de um chaveiro de herói surpresa para as famílias colecionarem. A distribuição será feita até durarem os estoques. Os pedidos podem ser feitos pelos telefones 41 99193 1888 e 41 3319 0803 ou pelo whatsapp 41 99144 5678. “Nossa entrega será feita por motoboy e também por ciclistas, então as pessoas não estranhem se olharem pela janela de suas casas e verem super heróis circulando”, se diverte Fernanda.

Bairros Atendidos
Ahú, Alto da Glória, Alto da XV, Batel, Bigorrilho, Bom Retiro, Cabral, Centro, Centro Cívico, Cristo Rei, Hugo Lange, Jardim Botânico, Jardim Social, Juvevê, Mercês, Prado Velho, Rebouças, São Francisco.

Serviço
O que: Liga dos Heróis Pizzaria – Delivery
Pedidos: 41 99193 1888 e 41 3319 0803 ou pelo whatsapp 41 99144 5678
Funcionamento: de terça a domingo da 18h30 às 23h30

Crédito de foto: Priscilla Fiedler

UFPR produz álcool para atender demanda de diferentes regiões

·
· UFPR participa da produção de máscaras de proteção ao Coronavírus em impressoras 3D

Solicitações de entrevista dependem da disponibilidade das fontes, mas o material abaixo pode ser livremente utilizado. Também dispomos de vídeos gravados pelos envolvidos no projeto, que podem ser solicitados via e-mail.

Valorize a ciência! Valorize o saber técnico e o conhecimento científico!

_________________________________________________________________________________

UFPR participa da produção de máscaras de proteção ao Coronavírus em impressoras 3D

Resumo: Laboratórios da Universidade Federal do Paraná (UFPR) estão participando de uma ação integrada para a impressão de equipamentos utilizados como proteção de equipes de saúde à frente da pandemia de Coronavírus. As impressoras 3D da instituição produzem estruturas para as máscaras, recurso indispensável para o atendimento de casos suspeitos e confirmados do vírus.

Segundo o professor José Eduardo Padilha de Sousa, vice-diretor do campus da UFPR em Jandaia do Sul, um grupo da instituição dividiu o trabalho por regiões, em seus diversos campi, justamente para suprir demandas locais. Na sua unidade, por exemplo, são duas impressoras trabalhando diariamente, 24 horas por dia, com capacidade de produção de 20 máscaras.

Padilha conta que a equipe trabalhou para otimizar o processo, aliando o conforto necessário aos equipamentos à velocidade da impressão.

SAIBA MAIS

FALE COM O CIENTISTA: professor Márcio Carboni, Expressão Gráfica - 41 99971-3641

________________________________________________________________

UFPR produz álcool para atender demanda de diferentes regiões

Laboratórios e equipes da Universidade Federal do Paraná (UFPR) estão atuando na produção de formulações de álcool, produto essencial para prevenção e controle da pandemia do Coronavírus. No campus de Jandaia do Sul, por exemplo, somente em um dia foram produzidos 700 litros do álcool 70% glicerinado. Em Palotina, foram 125 litros da formulação teste. Setenta litros do produto também serão doados, nos próximos dias, para redes de banco de sangue do estado via Pró-reitoria de Administração (PRA).

Em texto, o professor do departamento de Ciências Exatas do campus Jandaia do Sul, Simão Nicolau Stelmastchuk, explica que a iniciativa começou com o desejo de atender a região do Vale do Ivaí e norte Pioneiro com a produção de Álcool 70% para a higienização das mãos. Como o álcool em gel estava em falta ou era vendido por preços muito acima da média, adotou-se uma formulação eficiente, aprovada pela Agência de Vigilância Sanitária da Regional de Apucarana.

ENTREGA-PAM-1-1-800x389.jpeg
Segundo o professor e pesquisador do Laboratório de Espectrometria de Massas da UFPR, Eduardo Meurer, o álcool 70% glicerinado é o produto ideal para desinfecção, e sua diferença para o popular álcool em gel, hoje em falta no mercado, é basicamente a sensação de conforto do usuário. “O álcool em gel é fabricado com Carbopol, um polímero que muda a consistência do produto e que encarece a produção”, explica. “As pessoas costumam gostar mais desse para as mãos, mas o líquido é mais eficiente, pode estar em frascos de pulverização, tem melhor espalhabilidade, além de ser muito mais barato”.

A produção em Jandaia do Sul está em um ritmo intenso, chegando a ocupar três turnos, que envolvem duplas de professores e acadêmicos, para respeitar a recomendação de isolamento e distanciamento social.

Produtores rurais se adaptam às mudanças de consumo de alimentos devido à pandemia

É preciso buscar novos canais de venda e repensar formas de relacionamento e atendimento do cliente

Crédito: Divulgação

Apesar de não haver risco de desabastecimento de alimentos no País em virtude da pandemia do novo Coronavírus, os pequenos produtores rurais enfrentam o desafio de chegar até o cliente que, por prevenção, mudou os hábitos de consumo e basicamente tem se alimentado dentro de casa. Com a perda dos principais canais de venda, que são as feiras, bares e restaurantes fechados, temporariamente, os donos de pequenos negócios rurais devem buscar novos canais de comercialização e repensar formas de relacionamento e atendimento ao cliente.

Diante de um momento de crise, é preciso soluções para o negócio e enxergar novas possibilidades, que incluem a realização de parcerias, sejam elas por meio de associações ou cooperativas, para fazer as entregas (delivery) e aumentar o mix de produtos. Além disso, é importante encarar a situação como uma oportunidade de se aproximar do cliente, ouvindo demandas e, assim, fidelizá-lo para que se lembre do seu negócio depois que a crise passar.

Por exemplo, como muitos profissionais estão trabalhando em casa em regime de home office, pode ser uma oportunidade para agregar valor ao produto entregando-o em porções menores, já acondicionadas em kits específicos, como um kit de frutas, kit de folhosas e raízes. Também vale incluir um brinde na hora da entrega ou até mesmo uma sugestão de receita.

Marilini Della Valentina, produtora de verduras e legumes em Umuarama, noroeste do Paraná, vem recebendo pedidos e realizando entregas para os moradores da cidade. Para isso, ela montou um grupo com clientes para divulgar seus produtos pelo whatsapp e tem buscado ampliar o número de clientes. Ela manteve os preços cobrados na feira em que participava, antes da pandemia do Coronavírus. Há a isenção de taxa de entrega para compras acima de R$20.

Segundo ela, as entregas têm sido essenciais para o sustento de sua família. “Temos diversos custos com as nossas produções e essa foi a saída que a gente encontrou para conseguir se manter e conseguir ter algum lucro”, afirma ela.

Juanice Boszcz Brongel, que produz cogumelos, tomates e morangos para molhos e geleias na cidade de Contenda, região metropolitana de Curitiba, também tem investido em entregas para seus clientes, que incluem moradores e alguns estabelecimentos do município e da capital paranaense. Ela percebeu a queda da demanda e, por conta disso, resolveu ajudar outros produtores locais.

“A gente tem estocado alguns alimentos de cinco produtores da região que não estavam conseguindo vender em feiras ou no Ceasa. Dessa forma, eles não perdem aquilo que já plantaram e a gente busca realizar a venda desses produtos também para os nossos clientes. É uma maneira de ajudá-los em um momento tão difícil”, afirma.

Para que os produtos não estraguem, são armazenados dentro das próprias instalações da empresa. Ela também ressalta o cuidado com que o trabalho é feito. “Temos feito tudo de maneira muito organizada, observando os padrões de segurança e higiene para oferecer mais qualidade aos clientes”, ressalta.

O Sebrae recomenda que este momento de quarentena também seja uma oportunidade para os pequenos produtores rurais reunirem a família para discutir e planejar o empreendimento rural com ações de curto, médio e longo prazo. Além disso, devem rever os investimentos da produção para a próxima safra e, se os recursos estiverem apertados, reprogramar a produção, plantando em menos áreas da melhor forma possível sem esquecer da qualidade do processo produtivo.

Atento às necessidades específicas desses empreendedores, o Sebrae preparou um conjunto de sugestões que podem ser adotadas para minimizar os prejuízos com a pandemia do novo Coronavírus:

• Estabeleça novos canais de comercialização, principalmente de pequenos mercados locais. Existe uma tendência de os consumidores buscarem esse pequeno negócio;

• Explore plataformas de comercialização e/ou vitrine de produtos online para encontrar novos clientes. O Sebrae criou a plataforma Mercado Azul para anúncio de produtos e serviços;

• Utilize as redes sociais para divulgar seus produtos e agendas de entregas, criando uma rotina semanal. Ao divulgar a lista de produtos disponíveis, separe-os por grupos de alimentos para melhor visualização;

• Estabeleça um dia e horário da semana para realizar as entregas aos clientes, sempre evitando a aglomeração e o contato físico com as pessoas neste momento. Não se esqueça que é preciso disponibilizar os produtos de forma segura e em condições adequadas de higiene e transporte;

• Utilize a criatividade para o condicionamento do seu kit de produtos por cliente fidelizado para facilitar as entregas. Para isso, realize um planejamento prévio dos produtos que cada cliente deseja consumir, semanalmente.

Atendimento Sebrae/PR

Desde que as medidas oficiais previstas para combater a pandemia do Coronavírus foram anunciadas, o Sebrae/PR promove uma força-tarefa para atender, digitalmente e sem custos, empreendedores de micro e pequenas empresas em todo estado. O contato pode ser feito pelo portal do Sebrae/PR. Nele é possível acessar canais como whatsapp, 0800 570 0800 e telefones regionais, onde o empresário tem acesso orientações, consultorias, exemplos de empreendedores que encontraram soluções inovadoras no momento de crise, além de cursos online com conteúdos diversos.

Beto Carrero anuncia espetáculo ao vivo com mais de 50 artistas e gera revolta nas redes sociais

O “O Sonho do Cowboy”, maior musical da América Latina, será apresentado ao vivo nesta sexta-feira, dia 3 abril, às 20 horas, pelas redes sociais do parque Beto Carrero. Fãs do espetáculo e artistas de todo o país tem se manifestado nas redes sociais contra a exibição, que contraria as recomendações do governo e expõe os artistas a riscos de saúde em troca de likes para a empresa. “Que exemplo está sendo passado às pessoas em casa?” “Utilizar da fragilidade de profissionais num momento em que podem perder seus empregos é algo que passa do ridículo”, “Mais uma empresa que se aproveita do poder do capital para explorar seus funcionários, que aproveita a situação grave, pisa em cima da OMS e coloca uma mordaça em seus funcionários”, são alguns dos comentários do público, incluindo dos atores protagonistas do espetáculo na montagem original.

O autor, dramaturgo, diretor e coreógrafo do musical “O Sonho do Cowboy”, Maicon Clenk, discorda da atitude e reforça que não possui qualquer envolvimento com a exibição. Além disso, ele ressalta que o “Beto Carrero World” não poderia utilizar a obra, tampouco veicular a apresentação, pois não possui autorização para sua exibição e comercialização, tendo inclusive feito um registro da obra na Biblioteca Nacional, na tentativa de apropriação. Maicon Clenk é o autor da obra que estreou em 2010 e foi diretor artístico geral do parque entre os anos de 2009 a 2011.

Segundo os advogados do autor, o parque não possui o direito de transmitir a obra, muito menos de exibi-la desrespeitando a lei autoral e o autor. O parque utiliza ilegalmente duas obras do autor que são objeto de ações judiciais para apuração dos danos causados por exploração ilegal, plágios, modificações não autorizadas, venda de produtos e omissão de créditos. O Tribunal de Justiça do Paraná em Curitiba proibiu com uma liminar, ainda em 2013, o Beto Carrero World de apresentar o espetáculo fora das diretrizes do autor e da lei, porém, quando a multa ultrapassava a casa dos 15 milhões de reais por descumprimento, o processo foi transferido para a comarca de Piçarras em Santa Catarina, onde o juiz desconsiderou a decisão do Tribunal Paranaense.

O processo segue a passos lentos aguardando avaliação, inclusive com fatos no mínimo curiosos como o desaparecimento de provas do cartório local. Um novo pedido emergencial de interrupção total das exibições do “O Sonho do Cowboy” foi protocolado pelos advogados do autor e aguarda decisão. “Os danos aos artistas e o descumprimento às determinações de saúde são questões exclusivas que responderá unicamente o Beto Carrero World, JB World. Nesta quinta feira, dia 02, protocolamos uma petição de urgência que visa proibir a exibição do espetáculo também pela internet devido à falta de regularização”, disse o advogado do autor, Marcio Andraus.

O espetáculo musical “O Sonho do Cowboy”, no Parque Beto Carrero World já foi assistido por mais de dez milhões de pagantes desde sua estreia, em 2010. A plateia lota um teatro com capacidade para quatro mil pessoas, que adquire ingressos de até duzentos reais para frequentar o parque e chega a pagar quarenta reais extras por um lugar VIP no espetáculo. Só em 2019 o parque recebeu mais de 2 milhões de pessoas.

Força tarefa reúne entidades para produzir álcool 70% e distribuir gratuitamente para hospitais de Curitiba

A iniciativa formada por UFPR, UTFPR, Defesa Civil, Secretaria de Municipal de Segurança, Exército Brasileiro, Rotary Club e Hospital Erasto Gaetner já entregou mais de 1.000 litros de álcool 70% aos hospitais da capital paranaense; Voluntários recebem doações

Comando News - Universidade Federal do Paraná, Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Defesa Civil, Secretaria Municipal de Segurança, Exército Brasileiro, Rotary Club e Hospital Erasto Gaetner se uniram para atender à crescente demanda por álcool 70% (líquido e em gel) nos serviços essenciais ligados ao enfrentamento da pandemia de COVID-19. A expectativa do grupo é produzir e distribuir o desinfetante, gratuitamente, à hospitais públicos e privados, postos de saúde, postos de triagem, órgãos de segurança e outros serviços essenciais da cidade.

A operação intitulada Força Tarefa Paraná COVID-19 foi criada para organizar os pedidos, a produção, a distribuição e a captação de doações e insumos para a atividade. Até o momento, o grupo já entregou mais de 1.000 litros de álcool 70% para o Hospital das Clínicas, Hospital Cajuru, Hospital do Trabalhador, Hospital Pequeno Príncipe, Hospital Erasto Gaetner, Santa Casa de Misericórdia, Hemepar e Exército Brasileiro. A ideia, agora, é envolver a sociedade civil e captar doações para ampliar ainda mais a distribuição deste item fundamental no combate ao novo coronavírus.

Como solicitar álcool 70% (líquido e em gel) para Força Tarefa Paraná COVID-19
Podem solicitar álcool 70% para à Força Tarefa Paraná COVID-19 hospitais públicos e privados, postos de saúde, órgão de saúde, órgãos de segurança e organizações não governamentais de assistência. As solicitações podem ser feitas por meio do e-mail ftparanacovid19@gmail.com e serão avaliadas pela coordenação da operação, levando em conta as prioridades de atendimento.

Como ajudar a Força Tarefa Paraná COVID-19
As doações para Força Tarefa Paraná COVID-19 podem ser feitas por meio de depósito bancário no Banco do Brasil, agência 3404-5, conta corrente 111357-7, razão social Liga Paranaense de Combate ao Câncer, CNPJ 76.591.049/0001-28. Para mais informações sobre a atividades do grupo, acompanhe o perfil no Instagram https://www.instagram.com/_alcoolgel2020/

Mercedes-Benz celebra os 120 anos da menina que deu origem ao nome da marca

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=165841&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253Ce5fd4b5b2fe24188be86350d2e7d5e6c%2540DE35S004EXC63.wp.corpintra.net%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3Ce5fd4b5b2fe24188be86350d2e7d5e6c%40DE35S004EXC63.wp.corpintra.net%3E-1.5

Data da publicação: 02/04/2020

Há 120 anos, o nome de uma menina de onze anos de idade se tornou a síntese dos carros e deu nome à primeira marca de automóveis de luxo do mundo. Em 2 de abril de 1900, a Daimler-Motoren-Gesellschaft decidiu chamar seus automóveis de Mercédès, em homenagem à filha de Emil Jellinek.

O empresário austríaco, que morava em Nice, na França, trocou veículos Daimler e os registrou em eventos de corrida. O primeiro automóvel com este nome - o Mercedes 35 PS – gerou comoção na semana de corrida de Nice, já em março de 1901. Isso não se deu apenas pela sua tecnologia altamente avançada para a época- que permitiu vencer várias corridas por lá – mas, também, pelo seu design excepcionalmente elegante. O Mercedes 35 PS é considerado o protótipo do automóvel moderno e, com sua arquitetura progressiva, tornou-se um modelo para toda a indústria automobilística. Paul Meyan, então secretário-geral do Automobile Club of France, disse após a semana da corrida: "Entramos na era da Mercedes".

A partir de então, as letras curvas de "Mercédès" passaram a decorar os radiadores dos veículos de passeio da Daimler. O nome foi registrado como marca comercial em 23 de junho de 1902 e protegido legalmente em 26 de setembro daquele mesmo ano. Desde então, o nome da marca - que foi alterado para Mercedes-Benz após a fusão das empresas Daimler e Benz, em junho de 1926 - tem sido uma expressão do compromisso com a sofisticação e a inovação. Como nenhuma outra empresa automotiva, a Mercedes-Benz combina beleza e elegância com desempenho e tecnologia. Além disso, o segredo do sucesso do atual design da Mercedes-Benz é o encontro perfeito entre inteligência e emoção.

A única marca de automóveis com um nome feminino

Até hoje, a Mercedes-Benz é a única marca automotiva que leva um nome feminino. "Mulheres como Mercédès Jellinek ou Bertha Benz moldaram a história de sucesso da Mercedes-Benz desde o início”, diz Bettina Fetzer, diretora de Marketing da Mercedes-Benz AG. "Com nossa iniciativa She’s Mercedes, fundada em 2015, estamos construindo essa tradição para nossas inúmeras clientes mulheres. O futuro da Mercedes-Benz combinará sustentabilidade e luxo em todo o mundo, de maneira fascinante", conclui a diretora.

Desde 2016, a Mercedes-Benz tem sido eleita a marca de automóveis de luxo mais valiosa do mundo e é a única marca europeia entre as 10 melhores no ranking "Best Global Brands 2019" da Interbrand, renomada empresa de consultoria de marcas dos EUA.

Download do Press Release
https://www.mercedes-benz.com.br/resources/media/releases/gallery/thumb/20200402_c4d98af249304c728154e38df57d2cfd_19c0762-013.jpg https://www.mercedes-benz.com.br/resources/media/releases/gallery/thumb/20200402_48ae7ba6d9284aa39bbd877167034e80_abre-2.jpg https://www.mercedes-benz.com.br/resources/media/releases/gallery/thumb/20200402_0859570eabca442b8ae6e94abb97d384_11c1159-08.jpg

Confira o link: https://www.mercedes-benz.com.br/institucional/imprensa/releases/automoveis/2020/4/21727-mercedes-benz-celebra-os-120-anos-da-menina-que-deu-origem-ao-nome-da-marca

Visite o nosso site: https://www.mercedes-benz.com.br/

Siga nosso perfil no Facebook e Instagram: @MercedesBenzBrasil

Lojas Pão de Açúcar e Extra finalizam a instalação de painéis de acrílico

Em apenas uma semana, as redes Pão de Açúcar e Extra concluíram a instalação de painéis de acrílico transparente nos caixas de seus 810 hipermercados, supermercados, drogarias e lojas de vizinhança em todo o Brasil. No total, foram 8700 placas instaladas. A medida protege funcionários e clientes – já que reduz o risco de contaminação do novo coronavírus ao evitar o contato direto – e se soma a outras ações já adotadas, como a sinalização no chão das lojas com a distância recomendada entre clientes nas filas; e controle do número de pessoas no interior de cada unidade.

Universo do futebol é retratado no premiado “Aspirantes”, que estreia dia 4, no Canal Brasil

O sonho de se tornar um grande jogador de futebol, comum a tantos jovens brasileiros, pauta o roteiro de “Aspirantes”, que estreia sábado, dia 4, no Canal Brasil. No longa dirigido por Ives Rosenfeld, Junior (Ariclenes Barroso), um garoto de uma pequena cidade da Região dos Lagos do Rio de Janeiro, tem como maior objetivo na vida brilhar nos gramados. A realidade, no entanto, é bem diferente dos salários milionários dos ídolos do esporte. O menino divide seu tempo entre os treinos em um clube de várzea e um subemprego como carregador para complementar a renda da família. A expectativa de fazer sucesso com a bola nos pés acaba de encontrar um novo percalço: a namorada, Karine (Julia Bernat), está grávida.

O filme retrata o cotidiano de tantos meninos que, assim como o protagonista, buscam superar as adversidades para conquistar seu espaço no futebol. O roteiro aborda temas como a falta de estrutura familiar, a gravidez precoce na adolescência, as dificuldades financeiras da vida na periferia e a competição interna entre membros do mesmo time. O principal antagonista de Junior nas peladas é Bento (Sérgio Malheiros), seu melhor amigo desde a infância, maior estrela do time e que está prestes a fechar contrato com um clube profissional. Conforme Junior percebe que seu sonho de ser uma grande estrela do futebol pode desmoronar, o ciúme pelo sucesso do amigo cresce, até chegar em proporções perigosas.

“Aspirantes” estreou na competição do Festival do Rio e premiado como Melhor Filme, Melhor Ator e Melhor Atriz Coadjuvante. Foi exibido também na Mostra de Cinema de São Paulo, onde levou o prêmio da ABRACINE de Melhor Filme e na competição da mostra Panorama em Salvador.

ASPIRANTES (2019) (75’)
INÉDITO E EXCLUSIVO
Horário: Sábado, 4/04, às 21h55
Reapresentações: Domingo, 5/04, às 20h; segunda, 6/04, às 17h40; quarta, 8/04, às 18h15; terça, 14/04, às 14h; sexta, 17/04, às 11h45 e quinta, 23/04, às 10h20.
Classificação: 14 anos

LIDE Paraná Talks recebe Wilson Bley, diretor do BRDE para esclarecer o programa “Recupera Sul” que vai injetar R$1,3 bilhão na economia

Nesta quinta-feira (2), às 14h, acontece ao vivo o segundo episódio da websérie do LIDE Paraná

Em meio a um cenário de incertezas, nesta semana o Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) anunciou a criação de um programa de apoio nomeado “Recupera Sul”, que irá injetar R$ 1,3 bilhão na economia dos três estados da região Sul do país, projetando ajudar os empreendedores afetados pela pandemia do Covid-19. No Paraná serão disponibilizados R$ 670 milhões.

Nesta quinta-feira (2), o LIDE Paraná, por meio de sua websérie LIDE Paraná Talks, mais uma vez se posiciona como uma importante ferramenta de manutenção dos negócios paranaenses e proporcionará aos empresários uma oportunidade de entender como podem ter acesso ao “Recupera Sul”, que auxiliará as empresas mais afetadas pela crise.

O nosso convidado é o diretor do BRDE, Wilson Bley, que juntamente com a presidente do LIDE Paraná Heloisa Garrett, abordará o tema “Como funcionará o programa Recupera Sul que injetará R$ 1,3 bilhões na economia do Sul do país?”. Os participantes poderão mandar perguntas e tirar dúvidas durante o evento online.

O programa acontecerá nesta quinta-feira (2), a partir das 14h. A partir das 20h a versão editada da live será disponibilizada ao público em nosso site e canal do Youtube.

LIDE Paraná Talks - A websérie criada pelo LIDE Paraná tem a finalidade de auxiliar os empresários neste momento de incertezas, trazendo uma rica agenda com participação de especialistas de diversos assuntos. A programação acontece ao vivo de maneira online em nossa plataforma de webnair onde convidados e filiados possuem acesso exclusivo e, após isso são disponibilizadas através do canal LIDE Paraná no Youtube.

Mais informações: www.lideparana.com.br

Pipocas prontas e para micro-ondas da Cinemark levam o cinema até a sua casa em Curitiba

COM CINCO SABORES DIFERENTES, PRODUTOS PODEM SER ENCONTRADOS EM REDES DE SUPERMERCADO E LOJAS DE CONVENIÊNCIA

A Cinemark sabe que a saudade de quem gosta de cinema já bateu. Para diminuir um pouco esse sentimento e aproximar ainda mais os espectadores, nada melhor do que levar o gostinho de pipoca de cinema para o conforto de casa. Lançadas em 2017, as pipocas da Rede nas versões pronta e de micro-ondas têm os mesmos ingredientes e sabores das que são encontradas nas bombonieres dos cinemas.

Para estourar em casa, as pipocas de micro-ondas podem ser adquiridas tanto no sabor natural quanto no tradicional Manteiga Cinemark, sucesso entre os cinéfilos de carteirinha. Já as prontas vêm com os sabores doces de Chocolate ou Caramelo e o salgado Lemon Pepper.

Os produtos estão à venda em Curitiba nos supermercados BIG e nas lojas de conveniência AM/PM. Alguns desses estabelecimentos disponibilizam a opção de compra online – basta consultar os respectivos sites e aplicativos.

“Neste momento, os fãs de cinema não podem vir até nós, mas podem se sentir numa sessão da Cinemark com a pipoca para consumir em casa. Com sabores variados, elas são perfeitas para um lanche e também para acompanhar série ou filme”, diz Bruno Oliveira, diretor de Alimentos e Bebidas da Cinemark.

Onde comprar:
BIG Supermercado
AM/PM

Sabores: http://twixar.me/VBMT

ONGs intensificam ajuda solidária durante pandemia mundial

Entidades brasileiras se unem para combater a fome, promovem arrecadação de produtos de higiene básica e orientam sobre cuidados necessários para evitar o contágio do Coronavírus entre moradores de favelas

A Covid-19 já afeta a vida de milhões de pessoas no mundo todo e nem todos podem trocar os escritórios pelo home office. Com os filhos longe da escola, o consumo alimentar dentro de casa aumentou, mas a renda foi comprometida pela falta de trabalho. Preocupadas com a situação de moradores das favelas, entidades, como a ONG Incanto (Instituto de Cultura, Arte e Novas Tecnologias), de Curitiba, em parceria com a rede de ONGs Gerando Falcões, de São Paulo, conduzem uma campanha solidária com a entrega de cestas básicas digitais e arrecadação de álcool em gel.

Os voluntários das entidades prestarão apoio social para 600 famílias. Cerca de 2.400 moradores de comunidades carentes serão beneficiadas com a ação, em Curitiba e Região Metropolitana. De acordo com a presidente da Incanto, Camila Casagrande, as famílias contempladas são de 20 favelas em que a ONG já atua. “Estamos em um momento muito delicado em que todos os planos tiveram que ser adiados e reformulados. Mas, para essas pessoas, não existem outras alternativas, então vamos nos empenhar ao máximo no que pudermos", explica.

O Instituto Incanto solicita ajuda como doações em dinheiro para realizar a compra de álcool em gel para ser enviado às famílias junto das cestas básicas. O produto não faz parte da realidade na vida dessas pessoas, pelo preço e a dificuldade de encontrar esse produto em mercados populares. É um item essencial que poderá mudar esse cenário de contato com a doença. "Diante da realidade dessas famílias que precisam ir às ruas buscar seu ganha pão, o vírus ganha ainda mais espaço. Precisamos minimizar qualquer possibilidade de contágio e levar esse vírus para dentro das favelas, uma vez que, essa quarentena é totalmente seletiva", concluiu Camila.

Serviço
Para ajudar com as doações acesse: https://painel.dupay.com.br/app/incantocovid19
Tem álcool em gel sobrando em casa, conhece algum fabricante, fornecedor ou comerciante que pode contribuir com grandes quantidades deste produto? Entre em contato agora mesmo através da nossa página na internet pelo link Instituto Incanto, pelo nosso perfil do Instagram: @institutoincanto ou pelo whatsapp +55 (41) 9 9223-5118.

Sobre as ONGS

O Instituto Incanto é uma ONG que faz a conexão entre voluntários artistas com outras ONG's para que sejam aplicadas aulas regulares de arte e cultura. Hoje, o Incanto atende 17 Casas Lares e projetos de contraturno escolar, transformando a vida de 510 crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade.

Gerando Falcões é uma rede de ONGs em âmbito nacional que transforma periferias e favelas. Eles conseguiram juntar em menos de uma semana, 60 mil cartões alimentação que garantem por três meses o sustento dessas famílias. Esses cartões estão sendo entregues nas favelas, via parceiros de todo o Brasil e o Instituto Incanto faz parte desse time.

Contato: Camila Casagrande 41 9 9758 5118

Tartuferia San Paolo Curitiba e Roberta Schwanke lançam ovo exclusivo com chocolate belga e trufas italianas para a Páscoa

Unindo duas paixões mundiais: callebaut e tartufo, ovo tem formato lapidado com toque de folha de ouro

Curitibanos, comemorem: a páscoa de vocês terá um sabor único, lapidado a mãos por quem entende do assunto. A Tartuferia San Paolo Curitiba - restaurante especializado em trufas italianas - e a Chef Roberta Schwanke (reconhecida na capital por suas criações autorais a cada páscoa) lançaram um inédito chocolate: Duo de chocolate Belga Al Tartufo.

Ovo Inteiro com uma camada de chocolate meio amargo e uma camada de chocolate ao leite, ambos em callebaut. Pintura black espelhada em formato lapidado com toque de folha de ouro. Acompanha bombons com ganache e doce de leite al tartufo com cumaru, produto exclusivo da Tartuferia San Paolo Curitiba. O ovo, resultado do chocolate belga mais admirado no mundo com a trufa, uma das mais nobres iguarias da gastronomia mundial.

No interior, bombons que surpreendem o paladar com a perfeita união de ganache de chocolate, cumaru e trufas negras. As encomendas podem ser feitas até dia 09/04 e serão entregues conforme agendamento ou Drive-Thru.

Telefone/WhatsApp para pedidos: 041. 99710.2985
O Ovo pesa 450 g.

@tartuferiasanpaolocwb
@robertaschwanke_gastronomie

Quase 1000 em Curitiba: McDonald’s doa refeições para profissionais de saúde em 22 cidades brasileiras

Em Curitiba, a Associação dos Amigos do Hospital de Clínicas e o Hospital Santa Cruz foram beneficiados pelo programa Bom Vizinho, que reconheceu o papel fundamental dos profissionais de saúde no combate ao Coronavírus

Desde a descoberta do novo coronavírus, a população no mundo inteiro tem contado com a dedicação e o trabalho incansável dos profissionais de saúde, que lutam para salvar vidas e manter o bem-estar de mais de 400 mil pessoas afetadas globalmente até agora.

Pensando em apoiar essas pessoas que estão na linha de frente dessa grande batalha, a Arcos Dorados, maior franquia independente do McDonald's no mundo, vai doar refeições aos profissionais de saúde de instituições distribuídas por todo o país. Com a ação, 29 instituições receberão produtos da rede em 22 cidades.

Em Curitiba, o Hospital de Clínicas, por meio da Associação dos Amigos do Hospital de Clínicas, e o Hospital Santa Cruz receberam, ao todo, 842 refeições que foram distribuídas aos seus profissionais de saúde por meio do programa Bom Vizinho, uma iniciativa da Arcos Dorados que busca contribuir em diversas frentes com as comunidades onde a companhia atua.

“Os nossos colaboradores responsáveis pelo preparo das refeições têm enviado mensagens de apoio e agradecimento junto às entregas. Essa é uma atitude que nos enche de orgulho e reflete o caráter humano que buscamos ressaltar no dia a dia de nossa companhia”, comenta Paulo Camargo, presidente da Divisão Brasil da Arcos Dorados. “Acreditamos na união de forças para que o país possa superar esse período crítico causado pela pandemia” complementa.

As doações tiveram início na última semana, com a entrega de produtos em São Paulo, e estão sendo expandidas para outras praças brasileiras por meio do programa Bom Vizinho, uma iniciativa de voluntariado e apoio à comunidade que tem mais de 15 anos de atuação, contabilizando mais de 100 mil ações. Por meio do programa, a Arcos Dorados busca utilizar sua escala e relevância para promover o bem. O incentivo ao voluntariado entre seus colaboradores, formados em sua grande maioria por jovens altamente engajados em contribuir de forma positiva nas regiões onde a companhia atua, já é uma tradição na companhia. Entre as ações já realizadas, há desde a arrecadação de agasalhos, plantio de mudas, visita à asilos até a atual ação de apoio aos profissionais da saúde.

As entregas estão sendo realizadas em veículos de grande capacidade, evitando a circulação excessiva de motos e entregadores nos hospitais.

Medidas da Arcos Dorados para segurança de seus colaboradores

A Arcos Dorados tem como prioridade proteger a saúde e bem-estar de seus funcionários e clientes. A companhia implementou um comitê focado especialmente em monitorar e agir em torno de diversos assuntos relacionados ao tema.

A empresa estabeleceu um protocolo especial para a operação de seus serviços que serão mantidos – Delivery, Drive Thru, incluindo a demarcação de áreas de distanciamento social nos restaurantes, disponibilização de produtos para higienização das bolsas dos entregadores e lavagem de mãos, cuidado no condicionamento de produtos, além do reforço dos protocolos de higiene em todos os restaurantes da rede, como aumento na frequência da limpeza de equipamentos, ampliação do número de dispensers de álcool em gel, entre outras ações.

Além disso, entre as iniciativas já implementadas pela empresa, está o home office ou licença remunerada para seus colaboradores que pertencem ao grupo de risco, em todos os setores, inclusive restaurantes, e a recomendação de trabalho remoto para todos os funcionários da sede administrativa.

Apoio a micro e pequenos empreendedores

Acreditando na união de forças para que o país possa superar esse momento de pandemia causada pelo novo Coronavírus, a Arcos Dorados decidiu apoiar micro e pequenas empresas do setor de alimentação no Brasil, abrindo turmas de formação gratuita e online voltadas a profissionais que atuam nesse segmento.

Os cursos contam com uma grade dividida em três pilares principais: Segurança Alimentar, Higiene e Desenvolvimento Sustentável, áreas em que a companhia é reconhecida internacionalmente por sua excelência. Essas são esferas fundamentais para garantir medidas de prevenção de contaminação por microrganismos, incluindo o novo Coronavírus.

Com início programado para a próxima semana, os cursos terão inicialmente vagas limitadas. Poderão participar donos de pequenos estabelecimentos do setor e seus empregados.

Sobre a Arcos Dorados

A Arcos Dorados é a maior franquia independente do McDonald’s do mundo, tanto em vendas totais do sistema quanto em número de restaurantes. A Companhia é a maior rede de serviço rápido de alimentação da América Latina e Caribe, com direitos exclusivos de possuir, operar e conceder franquias de restaurantes McDonald’s em 20 países e territórios, incluindo Argentina, Aruba, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Curaçao, Equador, Guiana Francesa, Guadalupe, Martinica, México, Panamá, Peru, Porto Rico, St. Croix, St. Thomas, Trinidad & Tobago, Uruguai e Venezuela. A Companhia opera ou franqueia mais de 2.200 restaurantes McDonald’s com mais de 90.000 funcionários e é reconhecida como uma das melhores empresas para se trabalhar no América Latina. A Arcos Dorados está listada na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE: ARCO). Para saber mais sobre a Companhia visite a seção de Investidores de nosso site: www.arcosdorados.com/ir.

Chef indica 3 receitas saborosas para fazer com as crianças

Pão-de-Queijo baiaxa-e1427404971696
Abril de 2020 – Envolver os pequenos no preparo das refeições é uma ótima maneira de entreter as crianças e, ao mesmo tempo, uma excelente oportunidade para apresentar a variedade de gostos, sabores e texturas dos alimentos.

Essa atividade com as crianças na cozinha pode ser bastante educativa: ao separar os ingredientes, por exemplo, é possível estimular a organização. Além disso, a preparação da receita pode ser uma boa maneira de incentivar o interesse pela matemática, já que é preciso dividir porções, medir e até mesmo pesar.

Lisiane Miura, chef e nutricionista do Comitê Umami, organização responsável pela disseminação do umami - quinto gosto básico do paladar humano, separou três receitas saborosas para serem preparadas com a criançada: cookies de banana, mini hambúrguer caseiro e pão de queijo crocante. “A ideia é que a criança coloque a mão na massa junto com os pais e preencha seu tempo livre com atividades que estimulem sua imaginação”, explica.

Confira as receitas:

COOKIE DE BANANA

Ingredientes

1 banana nanica (110g);
5 colheres de sopa de aveia em flocos (60g);
1 colher de café rasa de óleo de canola (5g);
5 gotas de essência de baunilha;
1 colher de café de mel ou açúcar demerara (6g).

Modo de Preparo

Preaqueça o forno a 200°C.
Amasse bem a banana.
Adicione a aveia, o óleo e o mel.
Com a ajuda de duas colheres pequenas faça bolinhas e coloque em uma assadeira untada com manteiga.
A massa fica mole, é normal.
Leve ao forno por 15 a 20 minutos.
Rendimento: 10 unidades
Tempo de preparo: 40 minutos

MINI HAMBÚRGUER CASEIRO

Ingredientes

80g de patinho moído
meio dente pequeno de alho, picado
1 colher (chá) de salsa picada
1 pitada de noz-moscada
1 pitada de sal
meia colher (chá) de azeite de oliva extra virgem
2 colheres (chá) de chia

Modo de Preparo

Tempere o patinho moído com o alho, a salsa, a noz-moscada, o sal e o azeite, misturando bem.
Acrescente a chia e separe as porções de mini hambúrgueres (divida a massa em duas partes iguais e molde as “bolinhas”, depois amasse levemente para dar o formato do hambúrguer)
Leve à geladeira por 15 minutos.
Grelhe em uma frigideira antiaderente em fogo médio, dos dois lados.
Caso necessário, pingue pequena quantidade de água para não queimar e garantir o cozimento da carne.
*Dica: você pode servir os mini hambúrgueres com pão caseiro de cenoura ou brócolis.

Rendimento: 2 unidades
Tempo de preparo: 35 minutos

PÃO DE QUEIJO CROCANTE

Ingredientes

4 xícaras (chá) de polvilho doce (400 g)
1 e meia xícara (chá) de leite (300 ml)
meia xícara (chá) de óleo (100 ml)
1 ovo inteiro
1 colher (chá) de sal
meia xícara (chá) de queijo parmesão ralado
1 xícara (chá) de queijo tipo minas padrão ralado

Modo de Preparo

Em uma tigela, coloque o polvilho e reserve. Em uma panela média, coloque o leite e o óleo, e leve ao fogo médio até ferver. Transfira para a tigela com o polvilho e misture bem com o auxílio de uma colher. Espere a massa esfriar um pouco e amasse com as mãos até amornar.

Acrescente o ovo e incorpore-o à massa. Adicione o sal e os queijos, e continue mexendo até obter uma massa lisa e homogênea. Modele pequenas esferas e disponha-as em uma assadeira untada. Leve ao forno médio (180 graus), preaquecido, por 20 minutos, ou até dourarem.

Retire do forno e sirva em seguida.

Rendimento: 42 unidades
Tempo de preparo: 30 minutos (+ 20 de forno)

UMAMI
É o quinto gosto básico do paladar humano, descoberto em 1908 pelo cientista japonês Kikunae Ikeda. Foi reconhecido cientificamente no ano 2000, quando pesquisadores da Universidade de Miami constataram a existência de receptores específicos para este gosto nas papilas gustativas. O aminoácido ácido glutâmico e os nucleotídeos inosinato e guanilato são as principais substâncias umami. As duas principais características do umami são o aumento da salivação e a continuidade do gosto por alguns minutos após a ingestão do alimento. Para saber mais, acesse www.portalumami.com.br e acompanhe também pelas redes sociais facebook.com/ogostoumami e instagram.com/ogostoumami.

Mercado estuda uso de Drones para entregas em casa

A pandemia ocasionada pelo novo Coronavírus (COVID-19) está fazendo com que muitas empresas de delivery repensem suas alternativas de entrega. Uma das opções é o uso de drone, tendo em vista que a tecnologia aumenta a velocidade da entrega e evita o contato entre cliente e entregador.

“Grandes marcas já estão com projetos de uso de drone prontos para serem colocados em prática. Em diversos países este sistema é uma realidade e, neste momento, se mostra uma alternativa eficaz e segura”, afirma o professor do curso de pilotagem de drones do Centro Europeu, Alexandre Scussel.

O mercado de delivery no Brasil está em constante expansão. O último levantamento realizado pelo Sebrae (2017) aponta que a movimentação chegou a R$ 9 bilhões em um ano, com crescimento de aproximadamente 12% no mesmo período. Em 2018 a movimentação ultrapassou R$ 10 bilhões.

Segundo ele, além da comodidade de escolher o que precisa por aplicativo e esperar o produto chegar em casa, agrada a muitos brasileiros e o serviço de entrega está passando por uma transformação. “Outra contribuição desta tecnologia - utilizada em países da Europa e África - está associada ao transporte de órgãos e medicamentos”, afirma.

Alexander Scussel conta que na área da alimentação os primeiros testes para entregas utilizando drones no Brasil foram feitas em 2018. “A realidade da entrega de comida por drones está mais distante do que o delivery utilizado pela indústria, mas tende a crescer rapidamente”, completa.

EXEMPLO - A startup SMX Systems é a primeira e única a atuar no Brasil com drones para o transporte e entrega de cargas leves. O serviço é prestado em Rifaina, cidade no interior de São Paulo que é cortada por um rio, e consiste na entrega de medicamentos.

Os equipamentos realizam entregas com segurança em um raio de aproximadamente 5 quilômetros. “Às vezes a distância não é tão grande, mas existem entroncamentos ou algum outro obstáculo de trânsito.Também sabemos que a quantidade de carros nas ruas é um problema global, o que pode incentivar ainda mais o mercado de entregas por drone”, explica Scussel.

MERCADO DE TRABALHO

Para prestar o serviço de pilotagem de drone é necessário ter autorização e cumprir as determinações da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC). Em Curitiba, o Centro Europeu possui um curso específico para a formação de pilotos de drone, demanda que surgiu devido ao crescimento do mercado.

“Hoje os pilotos trabalham principalmente com a produção de imagens e vistorias técnicas de áreas. No entanto, as crise está gerando novas áreas de atuação. Sabemos que será necessário muitos profissionais capacitados”, explica Alexandre.

--