“De Criança Pra Criança”

Grupo amador da Cia. Verás de Teatro apresenta:

“DE CRIANÇA PRA CRIANÇA”

Obra de Alice Guerra
Adaptação e Direção: Orly Veras

Local: Teatro Zé Maria (O Teatro da Classe)
R. Treze de Maio, 655

Datas: de 08 à 10 de julho de 2022 (sexta às 20h / sábado e domingo às 17h).

Ingressos: R$ 40,00.(inteiro) e R$ 20,00 (meio)

Na Bilheteria do Teatro Guaíra - de segunda a sexta, das 12 às 18 horas.
  Nos dias de evento, a bilheteria do Teatro Zé Maria, abre com 01h de antecedência.
  Compras via internet: www.ticketfacil.com.br
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

RELEASE: “De Criança Pra Criança”

Em 2022, a Cia Verás de teatro completa 26 anos e para comemorar essa data, o Grupo escolheu realizar um workshop de Teatro com alunas ex-integrantes e como resultado, a reestreia do espetáculo adaptado do livro “De Criança pra Criança”, por ser de autoria da escritora Alice Guerra, a qual participa do elenco atual do grupo de teatro amador da Companhia.

O texto foi adaptado com poemas retirados deste belo livro e trata de assuntos relacionados ao dia-a-dia das crianças, incentivando a leitura, a escrita, e valores como amizade, escola, sonhos e brincadeiras.

O espetáculo conta com diversas personagens, entre elas uma repórter, uma menina sonhadora, e histórias que retratam a natureza, o sorriso, a amizade e a coragem para encarar os desafios.

Boas lembranças e momentos vividos quando mergulhamos numa leitura através da imaginação e expectativas.

ELENCO

Alice Guerra, Camila Capanema, Helena Amorim, Jessica Melech, Lydia Stiza,
Manuella de Paola, Rafaella Fahd e Veridiane Paludo

FICHA TÉCNICA:

Orly Veras Direção Geral / Sonoplastia / Cenografia
Isabelle Crystina Assist. Direção / Figurino / Maquiagem

UP ExperienceDo rock ao pagode, Teatro Positivo divulga programação de julho

O maior teatro do Paraná chega ao mês de julho com todos os finais de semana com shows e espetáculos. Parte do complexo UP Experience, em Curitiba (PR), o Teatro Positivo recebe apresentações de rock, pagode, MPB, Hip Hop até espetáculos infantis. Entre os nomes que sobem ao palco, Sérgio Reis, Renato Teixeira, Maria Rita, Zeca Pagodinho, CPM22 e Luccas Neto.

No dia 2, a apresentação Romaria - Trilhas de Fé com Sergio Reis, Renato Teixeira e Pe. Alessandro Campos é um espetáculo à parte para quem gosta de música sertaneja. O repertório conta com os maiores sucessos dos três artistas como “Menino da Porteira”, “Panela Velha” e “Romaria”.

Já no dia 3, quem se apresenta no teatro é a banda de rock brasileira CPM 22, formada por Badauí (vocal), Luciano Garcia (guitarra), Phil Fargnoli (guitarra), Ali Zaher (baixo) e Daniel Siqueira (bateria). Com músicas tocadas nas festas dos anos 2000, a banda traz sucessos como “Um minuto para o fim do mundo”, “Dias Atrás” e “Tarde de Outubro”.

Nos dias 8, 9 e 10, o Teatro Positivo é palco do Festival Internacional de Hip Hop (FIH2), evento que traz ao público a expressão da linguagem artística do Hip Hop. O maior festival de dança da América Latina é um encontro nacional e internacional de dançarinos, professores e coreógrafos. Nesta edição, participam Lola Beckers, que já atuou com artistas mundiais como M.I.A. e Ed Sheeran; Marlee Hightower, destaque no vídeo “Happy”, de Pharrel William; Selene Haro, que já fez parte do elenco do Cirque Du Soleil, trabalhou com Paula Abdul, Beats by Dre e Billie Eilish; e Pam de Brito, maringaense que integrou o elenco profissional na cerimônia de abertura das Olimpíadas do Rio de Janeiro, em 2016.

A icônica cantora Maria Rita volta a Curitiba no dia 16, com o espetáculo inédito “Voz e Piano”. Em arranjos mais intimistas, a artista traz gêneros que vão do baião ao jazz. O repertório inclui sucessos do início da carreira como "Cara Valente", "Pag" e "Num Corpo Só", além de uma apresentação de releituras de clássicos como "Asa Branca" e "Romaria".

Dia 17, um dos maiores clássicos da Disney, "A Bela e a Fera", ganha uma nova roupagem com o musical A Bela e a Fera in Concert, e desembarca no Teatro Positivo depois de atrair mais de 100 mil pessoas por todo o Brasil. No mesmo dia, às 20h, o público tem uma imersão musical e visual na história do Pink Floyd, com o Pink Floyd - Experience In Concert. Os músicos Nando G. Torres (voz, guitarra e violão), Tito Falaschi (baixo e voz), Peu Mendes (guitarra solo e violão), Vitinho Silva (bateria), Wilson Esteves (teclado) e Mari Nunes (voz) prometem trazer os maiores sucessos da histórica banda britânica.

No dia 23, o Festival Brasileiro de Taiko se apresenta no Teatro Positivo. Realizado anualmente, é um evento que reúne as equipes associadas para se apresentarem em diferentes categorias. Além de ser a primeira apresentação no Paraná, o Festival Brasileiro de Taiko tem uma edição especial com o tema “Reencontro”. Quase fechando o mês, no dia 30, o Teatro Positivo recebe um dos grandes nomes da música brasileira, que promete deixar todo mundo de pé. Zeca Pagodinho se apresenta com muito samba e grandes sucessos como “Deixa a vida me levar”, “Mais Feliz” e “Sonho Meu”.

No último dia do mês, uma apresentação que vai ficar marcada na memória de cada um dos fãs do youtuber infantil Luccas Neto. Dono de um dos maiores canais do YouTube no Brasil, o artista promete um musical para toda a família, repleto de coreografias, danças e efeitos especiais.

Considerado o maior teatro do Paraná e um dos mais bem equipados do Brasil, o Teatro Positivo tornou-se referência no calendário de grandes espetáculos culturais. "A realização de ações culturais dentro de todos os protocolos e as orientações das autoridades responsáveis são fundamentais para que possamos voltar a contribuir com o desenvolvimento da sociedade paranaense e sermos uma das principais capitais artísticas do país", ressalta o diretor da UP Experience, Eduardo Faria Silva.

Os ingressos estão à venda no Disk Ingressos. Mais informações no site https://upx.art.br/.

Confira a programação completa para 2022:

Julho

2 - "Romaria - Trilhas de fé", com Sérgio Reis, Renato Teixeira e Pe. Alessandro Campos

3 - CPM 22

8, 9 e 10 - Festival Internacional de Hip Hop (FIH2)

13 - Show: Mundo Bita Sinfônico

14 - Guns N'Roses Sinfônico

16 - Maria Rita

17 - "A Bela e a Fera - Musical In Concert"

17 - Pink Floyd - "Experience In Concert"

24 - Festival Brasileiro de Taiko

30 - Zeca Pagodinho

31 - Luccas Neto e a Escola de Aventureiros

Agosto

5, 6, 7 - GAP Discovery

10 e 11 - Jão

14 - Paulinho Mixaria - "Tá todo mundo louco”

Setembro

1 - Corinne Bailey Rae

2 - O Grande Encontro com Elba Ramalho, Geraldo Azevedo e Alceu Valença

4 - Hermanoteu na Terra de Godah

9 e 10 - Marisa Monte

14 - Ricardo Amorim - Economia e Oportunidades

18 - Queen Experience

Outubro

1 - Queen Celebration

16 - Matogrosso & Mathias + Trio Parada Dura

27 - GIL em Curitiba

Novembro

6 - Bruna Louise

11 - Bonnie Tyler

14 - Orquestra Jovem Alegro

18 - Anavitoria

19 - Sidney Magal - "No ar Rádio Magal"

Dezembro

14 - Orquestra Jovem Alegro

16 - Boate Azul Ao Vivo

Sobre o Teatro Positivo

Com 2.400 lugares, quatro camarins e quatro camarotes, o Teatro Positivo é o maior teatro do Paraná e um dos mais bem equipados do Brasil. Sua infraestrutura o transformou em referência no calendário de grandes espetáculos culturais no Brasil. Seu projeto arquitetônico foi inspirado no teatro grego Epidaurus, do século IV a.C. O teatro tem instalações e equipamentos que permitem receber todos os tipos de eventos, desde grandes espetáculos de música, dança e teatro até formaturas, aberturas de congressos, convenções e eventos corporativos.

Cícero se apresenta em Curitiba no dia 02/09

Artista carioca tem apresentação marcada na Ópera de Arame

IU5aHRjqVjmDu79KIQ1JQRGwt3vztLf0As9CRMMU6KI0m_77ICCeLTsGK0UABI0wTdGIfgpyCD4CVWyQb3z-Rk6ApUDaLvT-071-v_B9idaG7bG0PcKJxH43BamzmY4b83_iJwqKoVlloKaXvg
Foto por Chico Canella

O cantor, compositor e produtor carioca Cícero, que vem criando sua própria linguagem dentro da MPB e do Rock Alternativo, se apresenta em Curitiba no dia 02/09 (sexta-feira). O show acontecerá na Ópera de Arame a partir das 20h e os ingressos variam entre R$ 55 e R$ 154. A classificação etária é 18 anos.

A apresentação faz parte de sua primeira turnê nacional desde 2018. O repertório do show será composto de novas composições e de clássicos da obra de Cícero. Recentemente o artista lançou o single e clipe “Sem Distância”.

Assista ao clipe “Sem Distância”: https://youtu.be/jNF9znllVhQ
Ouça “Sem Distância”: https://links.altafonte.com/semdistancia

O artista estourou nacionalmente em 2011 com seu primeiro álbum solo “Canções de Apartamento”, que dialogava diretamente com toda uma geração que lidava com a recente vida adulta. O disco esteve presente na maioria das listas de melhores lançamentos nacionais de 2011, venceu dois prêmios Multishow, teve reconhecimento internacional e inaugurou uma história que hoje conta com dezenas de milhões de execuções de suas músicas nas plataformas de streaming, presença em grandes festivais como o Coala, Coquetel Molotov, Primavera Sound (Portugal), e uma discografia rica e propositiva de novos caminhos dentro da música brasileira.

Indo do experimental “Sábado” (2013) ao solar “A Praia” (2015), passando pelo coletivo e expansivo “Cícero & Albatroz” (2017), Cícero condensou todos os silêncios, fragmentos poéticos, ruídos e anseios trabalhados em forma de canções no seu mais recente álbum, o maduro “Cosmo” (2020).

A Ópera de Arame fica localizada no R. João Gava, 920.

Serviço:
Link: https://www.sympla.com.br/evento/cicero-em-curitiba---turne-2022/1572536

1º Lote:
Inteira: R$110
Meia: R$55
Ingresso Solidário: R$66 (mediante doação de 1kg de alimento não perecível)

2º Lote:
Inteira: R$132
Meia: R$66
Ingresso Solidário: R$77 (mediante doação de 1kg de alimento não perecível)

3º Lote:
Inteira: R$154
Meia: R$77
Ingresso Solidário: R$88 (mediante doação de 1kg de alimento não perecível)

* O ingresso de meia-entrada destina-se a: Estudantes, Idosos, PCD's, Jovens de baixa renda (CadÚnico), Professores (mediante documentação - confira as condições aqui: https://bit.ly/MeiaEntradaEvento)
* A doação do alimento não perecível deverá ser entregue na entrada do evento
Apresentação de comprovante de vacina contra COVID-19 obrigatória em todos os casos.

Classificação Etária: 18 anos

Data: 02/09
Abertura da casa: 20h
Show: 21h
Local: Ópera de Arame
Endereço: R. João Gava, 920 - Abranches, Curitiba - PR

Siga Cícero:
https://www.instagram.com/cicerorosalins
https://twitter.com/cicerorosalins
https://www.facebook.com/cicerorosalins

Icônico pianista e roqueiro Glaucio Cristelo faz show no Teatro Fernanda Montenegro em Curitiba

A proposta musical e o jeito descontraído com que ele toca o piano, descontruindo a formalidade que o instrumento exige, são destaques de suas apresentações
Releituras instrumentais de clássicos do rock e do pop integram o repertório da apresentação “Piano Rock” de Glaucio Cristelo, no próximo dia 6 de agosto, às 21h, no Teatro Fernanda Montenegro, em Curitiba.

Dono de performance única e visual típico rock ́n ́roll, o pianista brasileiro Glaucio impressionou o público da área vip em oito edições do Festival Rock in Rio (e se prepara para participar do festival em setembro deste ano), em três versões do evento em Lisboa (Portugal) e em inúmeras casas de shows no Brasil, Estados Unidos, Argentina, programas de televisão e até eventos e moda.

A proposta musical e o jeito descontraído com que ele toca o piano, descontruindo a formalidade que o instrumento exige, são destaques de suas apresentações. Influenciado por Led Zeppelin, Deep Purple, Muse e U2, o pianista acrescenta novos elementos ao estilo rock. Ele toca em pé, dá algumas cotoveladas, socos e pontapés no piano, ao mesmo tempo em que acaricia as teclas, fazendo o público se sentir completamente imerso e, muitas vezes, boquiaberto.

Glaucio, que toca piano desde os 10 anos e tem três cds gravados, é apontado como um verdadeiro “showman” e tem conquistado o público nos locais em que se apresenta. Por exemplo, em 2020, subiu com o seu piano o bondinho do Pão de Açúcar para gravar o projeto “Piano Rock no Morro da Urca”. Composto por 16 vídeos gravados por diversas câmeras e drones, mostrando, além da energia ímpar do pianista, a maravilhosa vista da cidade do Rio de Janeiro.

No ano seguinte, o pianista carioca voou para o Deserto do Atacama para gravar o comercial oficial do festival Rock in Rio 2022. O comercial foi veiculado em todo o território brasileiro e foi considerado um sucesso.

Glaucio ultrapassou a marca de 150 mil inscritos em seu canal no YouTube com vários vídeos com mais de 1 milhão de exibições e que não param de crescer.

Recentemente, Glaucio que é fãs do Foo Fighters, fez uma versão de “Everlong” ao piano - com a particularidade de a ter tocado num centro comercial do Rio de Janeiro, e viralizou na internet.

Serviço
Piano Rock com Glaucio Cristelo
Dia: 6 de agosto, às 21h
Local: Teatro Fernanda Montenegro (Rua Cel. Dulcídio, 517, Batel), Curitiba-PR
Ingressos: https://www.diskingressos.com.br/event/3274

Acompanhe Glaucio Cristelo em:
YouTube - www.youtube.com/cristelo
Instagram - www.instagram.com/pianorock
TikTok - https://vm.

Flávio Venturini, Sá & Guarabyra e 14 Bis apresentam em Curitiba o show “Encontro Marcado”

Projeto reúne grandes amigos, carreiras de sucesso e um repertório inesquecível que vem embalando gerações. Os ingressos podem ser adquiridos pelo Disk Ingressos.

Para comemorar quatro décadas de carreira, sete amigos se reunirão em Curitiba no dia 22 de julho, no palco do no Teatro Guaíra, às 21h, para um show histórico o “Encontro Marcado” de Flávio Venturini, Sá & Guarabyra e 14 Bis será repleto de grandes sucessos que embalaram muitas gerações. O projeto que costura a trajetória desses grandes talentos que fazem parte da história da música brasileira, conta com a produção local da Orth Produções e com os ingressos sendo vendidos pelo Disk Ingressos.

No repertório, os artistas juntos vão acompanhar todos os seus clássicos como Nascente, Me Faça um Favor, Planeta Sonho, Mestre Jonas, Céu de Santo Amaro, Noites com Sol, Linda Juventude, Dona, Primeira Canção da Estrada, O Pó da Estrada, Criaturas da Noite, Caçador de Mim, Espanhola, Sobradinho, Todo Azul do Mar, Nave de Prata e Canção da América - única música do repertório que não é autoral, mas representa bem o momento entre amigos.

“Imagina você ter amigos há mais de 40 anos e, depois de tanto tempo, ter a oportunidade de se reunir para tocar e viajar. É isso que está acontecendo agora!”, comemora Luis Carlos Sá, que junto com o diretor da Nó de Rosa Gegê Lara, conduziu a concretização desse antigo sonho. “A ideia é irresistível porque, além de músicos competentes, são também responsáveis por um repertório que acompanha gerações”, explica Gegê.

Unindo forças com a Cadoro Eventos, comandada por Carlos Alberto Xaulim, o show foi testado anteriormente em Belo Horizonte, para privilégio do público mineiro. “A resposta foi extremamente positiva. Quem não conhece Dona; Espanhola; Caçador de Mim; Criaturas da Noite e Sobradinho? Um show com 100 porcento de hits no repertório só poderia ser sucesso”, explica Xaulim. Agora o Brasil inteiro terá a oportunidade de ouvir e cantar junto com os ídolos reunidos as 28 canções clássicas que tocam mentes e corações.

Encontro Marcado

Há quem acredite que esse encontro já estava marcado há muitos anos, no início da década de 70, quando a nova dupla Sá &Guarabyra convidou o jovem Flávio Venturini para participar da gravação do primeiro disco lançado desde a saída do parceiro Zé Rodrix. “Nunca” promoveu o encontro de Flávio com O Terço, que se tornaria o embrião do 14 Bis com a formalização da parceria entre Flávio e Vermelho, em composições como Espaço Branco, gravada pelo O Terço para um festival de música.

“Quando eu estava começando a tocar fui para São Paulo ver meu irmão Flávio que já estava com o Sá e Guarabyra. Sá queria que eu fosse o guitarrista da banda, mas não me deixaram porque eu era muito novo, só tinha 14 anos. Só fiquei sabendo disso muitos anos depois!”, diverte-se Cláudio Venturini, ao perceber que Sá e Guarabyra foram, de fato, um elo de ligação entre os músicos que hoje fazem parte desse grande projeto de reencontro.

Repertório

O repertório é um clássico, mas também traz grandes novidades. Espanhola, composição de Flávio Venturini e Guarabyra, nunca foi executada ou gravada pelos dois juntos. “Essa música é emblemática na minha carreira, uma das mais antigas. Quando fundamos o 14 Bis ela fazia parte da fita demo que entregamos na EMI/Odeon. Foi imediatamente aceita pela gravadora, que contratou o grupo”, conta Flávio. “Espanhola foi a primeira música que fiz para o Flávio. Ele tinha acabado de se mudar para São Paulo quando me mostrou a composição. Escrevi a música de uma só vez, sem voltar uma palavra. Estava pensando nessa menina. A espanhola da música é real”, relembra Guarabyra.

O mesmo acontece com Caçador de Mim, composição de Sá e Sérgio Magrão, que também nunca foi gravada pelos autores juntos, ouCriaturas da Noite, de Sá e Flávio Venturini, e que só tem uma gravação feita pelo O Terço. Sobradinho, reconhecida pelo seu regionalismo ganha uma pegada mais rock com a base do 14 Bis. São propostas inteiramente novas para canções eternas no imaginário dos amantes da música brasileira.

Serviço:

Flávio Venturini, Sá & Guarabyra e 14 Bis apresentam em Curitiba o show “Encontro Marcado”

Data: 22 de julho de 2022 – Sexta-feira
Horário: Abertura do teatro: 20h / Previsão de início: 21h.

Local: Teatro Guaíra. (R. Amintas de Barros, S/N - Centro, Curitiba - PR).
Classificação etária: Livre.

Ingressos: A partir de R$ 95,00 meia-entrada no 1º Balcão / Azul + taxa administrativa. **Desconto de 40% para assinantes do Clube Gazeta e para os beneficiários do Clube Disk Ingressos.

** A meia-entrada é válida para Doadores de Sangue devidamente comprovados, Estudantes devidamente comprovados, Idosos conforme Lei, PNE, Portador de Câncer e Professor.

** IMPORTANTE: Serão exigidos os documentos e comprovantes que constam nas respectivas leis.

** OS DESCONTOS NÃO SÃO CUMULATIVOS.

Pontos de venda: Disk Ingressos (Call Center 41 3315-0808). Site do Disk Ingressos:

https://www.diskingressos.com.br/evento/3340/22-07-2022/pr/curitiba/encontro-marcado-de-flavio-venturini-sa-guarabyra-14-bis

Ingressos para turnê de Chico Buarque em Curitiba

A venda de ingressos para a turnê ‘Que tal um samba?’, de Chico Buarque, que acontece em Curitiba, no Guairão, nos dias 23 e 24 de setembro, começa na próxima semana, no dia 1º de julho, sexta-feira. Clientes Icatu tem pré-venda exclusiva, no dia 30 de junho, quinta-feira. As compras podem ser feitas pelo site do Disk-Ingressos ou presencialmente nos quiosques do Disk Ingressos no Shopping Ventura – Setor Azul (antigo shopping Total) e/ou na recepção do Hotel Mabu. No show, Chico terá como convidada a cantora Mônica Salmaso, que fará números solo e em dueto em todas as apresentações da turnê. O artista será acompanhado pelos músicos Luiz Claudio Ramos (Violão, Guitarra, direção musical e arranjos), João Rebouças (Piano), Jorge Helder (Baixo acústico e elétrico), Jurim Moreira (Bateria), Chico Batera (Percussão), Bia Paes Leme (Teclados e vocais) e Marcelo Bernardes (Sopros).
‘Que tal um samba?’ é também o nome do single de Chico Buarque lançado no dia 17 de junho, pela Biscoito Fino (https://youtu.be/G7i1g3I2AT4). A canção inédita tem a participação especial de Hamilton de Holanda.
A turnê ‘Que tal um samba?’ tem patrocínio da Icatu, produção geral de Vinícius França, cenários de Daniela Thomas, iluminação de Maneco Quinderé, figurinos de Cao Albuquerque e direção técnica de Ricardo Tenente Clementino. A estreia nacional será em João Pessoa (Teatro Pedra do Reino – 06 e 07 de setembro), depois a turnê segue por mais dez cidades brasileiras: Natal (Teatro Riachuelo - 09 e 10 de setembro), Curitiba (Teatro Guaíra - 23 e 24 de setembro), Belo Horizonte (Palácio das Artes - 05, 06, 07 e 08 de outubro), Fortaleza (Centro de Eventos do Ceará - 22 e 23 de outubro), Porto Alegre (Auditório Araújo Vianna - 03 e 04 de novembro), Salvador (Concha Acústica - 11, 12 e 13 de novembro), Brasília (local a ser anunciado - 29 e 30 de novembro), Recife (Teatro Guararapes - 08, 09 e 10 de dezembro), Rio de Janeiro (Vivo Rio - De 05 a 15 de janeiro (quinta a domingo) e São Paulo (Tokio Marine Hall - De 02 a 12 de março; de 23 de março a 02 de abril (quinta a domingo).

Serviço:
‘Que tal um samba?’ – Show com Chico Buarque. Convidada: Mônica Salmaso. Sexta-feira, dia 23 e sábado, dia 24 de setembro de 2022, às 21h, no Grande Auditório do Teatro Guaíra (Praça Santos Andrade s/n). Classificação indicativa: livre

Abertura das vendas: 01 de julho (sexta-feira), às 10h

*pré-venda Icatu (exclusivamente online): 30 de junho, a partir das 10h (25% sobre o valor da inteira na compra de até 02 ingressos por cpf. Desconto não cumulativo).

Preços:
Plateia - R$ 310,00 (meia) / R$ 620,00 (inteira)
1º balcão - R$260,00 (meia) / R$ 520,00 (inteira)
2º balcão - R$ 210,00 (meia) / R$ 420,00 (inteira)

Compras pelo site do Disk Ingressos (www.diskingressos.com.br) ou de forma presencial no quiosque do Disk Ingressos no Shopping Ventura – Setor Azul (antigo shopping Total) e/ou no quiosque do Disk Ingressos na recepção do Hotel Mabu.
Na bilheteria do Guairão serão disponibilizados ingressos somente no dia do show das 10h até às 21h30.

30% de desconto em todos os setores do Teatro sobre o preço de inteira e não cumulativo com outras promoções ou descontos beneficiados por lei para Clube DISK INGRESSOS na compra de até dois ingressos válidos somente para o titular do cartão.

FORMAS DE PAGAMENTO: Dinheiro, cartões de crédito (em até 3 parcelas com acréscimo), cartões de débito e Pix. Não serão aceitos cheques.

MEIA-ENTRADA:
Idosos
Professores
Estudantes
Doador de sangue
Portador de câncer
Pessoas com deficiência (PNE)
Jovens de 15 a 29 anos comprovadamente carentes

Inicia a venda de ingressos para o show de Almir Sater no Guairão

O cantor Almir Sater retorna a Curitiba, onde se apresentará em 29 de outubro (sábado) no Teatro Guaíra, após um hiato de dois anos sem realizar shows na capital paranaense devido à pandemia. Os ingressos já estão disponíveis, com valores a partir de R$ 120,00 pelo Disk Ingressos (www.diskingressos.com.br) ou de forma presencial no quiosque do Shopping Ventura (de segunda a sábado das 10h às 22h e domingos das 14h às 22h) e na recepção do Hotel Mabu (Rua XV de Novembro, 830, de segunda a sábado das 10h às 14h e das 15h às 18h). Será concedido 50% de desconto (não cumulativo com outras promoções ou descontos) para pessoas vacinadas contra Covid-19, titulares do cartão do Clube do Assinante da Gazeta do Povo ou Clube Disk Ingressos (na compra de até dois ingressos) e demais condições para meia entrada previstas em lei. Almir Sater fará uma única apresentação, cantando seus principais sucessos (como “Tocando em Frente”, “Chalana”, “Trem do Pantanal”, entre outros) e também composições mais recentes como “D de Destino” e “Assim os Dias Passarão”, em um repertório que contempla diversos períodos de sua carreira.

Link do evento no Disk Ingressos: www.diskingressos.com.br/event/3273

Chico Buarque anuncia dois shows em Curitiba

Nesta sexta-feira, dia 17, Chico Buarque vai lançar em todas as plataformas de streaming o seu novo single, ‘Que tal um samba? ’, que batiza a próxima turnê do compositor, e tem duas apresentações confirmadas em Curitiba, no Grande Auditório do Teatro Guaíra, nos dias 23 e 24 de setembro. Afastado dos palcos há quatro anos, Chico vai circular o Brasil – já tem shows confirmados em 11 cidades – e traz a cantora Mônica Salmaso como convidada em toda a temporada. A turnê tem patrocínio da ICATU. A venda começa no dia 1º de julho pelo Disk Ingressos e os valores dos ingressos serão anunciados em breve.
Por enquanto ainda não foi revelado o repertório que, a princípio, só terá o novo samba como música inédita. A banda será formada pelos músicos que acompanham Chico há alguns anos. O maestro Luiz Claudio Ramos (Violão, Guitarra, direção musical e arranjos), João Rebouças (Piano), Jorge Helder (Baixo acústico e elétrico), Jurim Moreira (Bateria), Chico Batera (Percussão), Bia Paes Leme (Teclados e vocais) e Marcelo Bernardes (Sopros). A equipe de criação do show traz ainda Daniela Thomas no cenário, Maneco Quinderé na iluminação, Cao Albuquerque nos figurinos.

Serviço: ‘Que tal um samba?’ – Show com Chico Buarque. Convidada: Mônica Salmaso. Sexta-feira, dia 23 e Sábado, dia 24 de setembro de 2022, às 21h, no Grande Auditório do Teatro Guaíra (Praça Santos Andrade s/n٥).
Assessoria de Imprensa Curitiba:
RB – Escritório de Comunicação
Rodrigo Browne – 99145-7027

‘Que tal um samba’
Foram antes os dedos no violão – antes mesmo da cabeça pensar, do peito sentir – que pareciam fazer uma proposta à cabeça e ao coração: ‘Que tal um samba?’.
Depois de alguns anos praticamente dedicados à literatura, que resultaram no romance ‘Essa gente’ e no volume de contos ‘Anos de chumbo’ - cujo título e histórias refletem o contexto desses anos de baixo astral, pandemia, abandono e tragédia política – os dedos largaram as teclas do computador e finalmente de volta ao instrumento pareciam mesmo se rebelar e a procurar uma batida diferente, feliz, quase eufórica, uma levada ao violão como a insistir: ‘Que tal um samba?’.
E aí, levada de samba nos dedos, cabeça e coração voltaram a pensar e a sentir a música e a agir. E Chico Buarque, como é bem de seu feitio, começou a recordar velhos sambas, um especialmente, sucesso de Blecaute no carnaval feliz de 1949, ‘Que samba bom’, composição de Geraldo Pereira também numa levada toda sincopada como a sua, algo eufórica, “ô, que samba bom/ô, que coisa louca/eu também tô aí/tô aí, que é que há/também tô nessa boca...”. Sambas sobre samba, o ‘Feitio de oração’ de Vadico e Noel Rosa, essa tradição e esse espírito vinham junto com a levada ao violão como a propor ao compositor enferrujado: ‘Que tal um samba?’.
E aí, da levada criada exclusivamente pelos dedos se exercitando ao violão, o coração e a cabeça fizeram brotar uma melodia espontânea, fluente, a harmonia como sempre personalíssima. A letra, depois de alguns caminhos abandonados, veio aos borbotões. Um samba novo enfim, diferente de todos os outros que já fez, mas no mesmo espírito que baixa sempre quando o compositor de ‘Tem mais samba’, de ‘Apesar de você’, de ‘Vai passar’, de ‘De volta ao samba’ parece ter algo importante a notar e a dizer. Como sempre, nessas ocasiões importantes, em forma de samba.
“Um samba pra alegrar o dia
Pra zerar o jogo
Coração pegando fogo
E a cabeça fria
Um samba com categoria, com calma”
‘Que tal um samba?’ é o que nos propõe agora, em junho de 2022, Chico Buarque: “Para espantar o tempo feio/Para remediar o estrago”.
É o novo hino que Chico nos oferece, um samba que parece, como os dedos do compositor no início de tudo, buscar um tempo melhor (“Cair no mar, lavar a alma/Tomar um banho de sal grosso, que tal?”), espantar o baixo astral (“Sair do fundo do poço/Andar de boa”), procurar um samba pela cidade para se divertir (“Ver um batuque lá no Cais do Valongo/Dançar um jongo lá na Pedra do Sal/Entrar na roda da Gamboa”, diz, referindo-se aos berços e até hoje rodas de samba importantes no Rio).
‘Que tal um samba?’, este samba tão ao mesmo tempo urgente e já histórico, será lançado pela Biscoito Fino nas plataformas digitais neste dia 17 de junho. E é a grande novidade da turnê pelo Brasil que o compositor inicia em setembro, por João Pessoa e, depois de percorrer Natal, Curitiba, Belo Horizonte, Recife, Fortaleza, Porto Alegre, Salvador e Brasília, chega ao Rio em janeiro e a São Paulo em março do ano que vem. No show, Chico terá no palco a companhia de Mônica Salmaso, a cantora dos compositores, que já gravou dois discos dedicados à sua obra (‘Noites de gala, samba na rua’, em estúdio e ao vivo) e fará números solo e duetos com ele, em todas as apresentações da turnê.
Conduzida evidentemente pela tal levada do violão de Chico, a gravação de ‘Que tal um samba?’ foi feita no estúdio da Biscoito Fino pelo conjunto que o acompanha há muitos anos, dirigido por Luiz Claudio Ramos, que toca o outro violão, João Rebouças no piano, Jorge Helder no baixo e Jurim Moreira na bateria. A cadência vibrante do samba fez necessária uma percussão, e para isso foi convidado Thiago da Serrinha. E um bandolim, do revolucionário do instrumento Hamilton de Holanda. Ambos, Thiago e Hamilton desde a introdução acompanham a caminhada literal do samba e costuram e enfeitam a gravação de contracantos e contrapontos exuberantes. Tornam-no ainda mais feliz.
Como ‘Apesar de você’ em 1970, ‘Que tal um samba?’ é em 2022 ao mesmo tempo um samba eterno, popular, mas essencialmente histórico, político. Política aí no sentido contemporâneo: vivida nas ruas, na praia, no futebol (“Fazer um gol de bicicleta/Dar de goleada”), no amor e na arte (“Deitar na cama da amada/Despertar poeta/Achar a rima que completa o estribilho”). E, sobretudo, na incorporação das causas mais abrangentes da vida das pessoas, como o antirracismo, explícito quando o samba propõe “Fazer um filho, que tal?”: “Um filho com a pele escura/Com formosura/Bem brasileiro, que tal?/Não com dinheiro/Mas a cultura/Que tal uma beleza pura”, em versos que citam a canção ‘Beleza pura’, de Caetano Veloso.
Tanto em 70, como agora, os sambas adotam uma posição evidente contra os governos de turno, e já celebram antecipadamente o seu fim (“Depois de tanta mutreta/Depois de tanta cascata/Depois de tanta derrota/Depois de tanta demência/E uma dor filha da puta, que tal?/Puxar um samba”).
É nessa postura desabridamente política que está, a meu ver, outro fascinante segredo da gênese de ‘Que tal um samba?’ e de seu encanto e importância. Sim, ele foi feito, como vimos, com os dedos, a cabeça e o coração, mas também com o inconsciente, esse “ambiente” tão importante para criação. Ele nem notou, enquanto compunha ou gravava, a identidade de seu samba novo com ‘Eu quero um samba’, música consagrada pela gravação de João Gilberto que Chico escolheu para cantar quando, depois de quase 15 anos sem fazer show, voltou a se apresentar ao vivo em 1988. Além da levada parecida no próprio violão de Chico, ‘Que tal um samba?’ e ‘Eu quero um samba’ são versos em cinco sílabas, redondilhas menores, e sugerem a mesma coisa, o samba para superar o tempo ruim.
Aí entram talvez os caprichos do inconsciente e das coincidências: a dupla Janet de Almeida e Haroldo Barbosa também lançou seu samba num mês de junho, só que de 1945. Não, como no caso de Chico, em forma de delicada proposta, ‘Que tal um samba?’, mas de desejo afirmativo, ‘Eu quero um samba’: “Porque no samba eu sei que vou/Me acabar, me virar, me espalhar/A noite inteira até o sol raiar”.
É que em junho de 45, eufóricos enfim com a derrota do nazifascismo depois de seis anos de guerra na Europa, e com a participação do Brasil, Janet, Haroldo e todo o samba brasileiro queriam e tinham mais é que já comemorar: “Vai melancolia/Eu quero alegria dentro do meu coração”, cantaria a plenos pulmões o grupo vocal Os Namorados da Lua, como a festejar a vitória do samba brasileiro sobre o fascismo e já vislumbrando a democracia brasileira que também seria estabelecida no ano seguinte.
Vivemos tempos ainda incertos, duros, pesados, e se Chico é mais cauteloso na proposta – ‘Que tal um samba?’ – já é ousadamente eufórico no samba que compôs para os dias que correm e os que virão. Que serão ainda de luta, afinal: “De novo com a coluna ereta, que tal?/Juntar os cacos, ir à luta/Manter o rumo e a cadência/Esconjurar a ignorância, que tal/Desmantelar a força bruta”.
Ignorância e força bruta, talvez uma definição de fascismo, certamente do espírito que se apossou do Brasil nos últimos anos, e que agora o samba brasileiro vem esconjurar, desmantelar. Cantando e feliz, no streaming, no teatro, na rua, até o pesadelo acabar. Hugo Sukman, junho de 2022.

*link pra divulgação* (Disponível a partir 00h01 17/7)
https://orcd.co/quetalumsamba
*link para imprensa embedar online* (Disponível a partir 00h01 17/7)
https://youtu.be/G7i1g3I2AT4

SUGESTÃO DE BOX

QUE TAL UM SAMBA? (Chico Buarque)

Um samba
Que tal um samba?
Puxar um samba, que tal?
Para espantar o tempo feio
Para remediar o estrago
Que tal um trago?
Um desafogo, um devaneio

Um samba pra alegrar o dia
Pra zerar o jogo
Coração pegando fogo
E cabeça fria
Um samba com categoria, com calma

Cair no mar, lavar a alma
Tomar um banho de sal grosso, que tal?
Sair do fundo do poço
Andar de boa
Ver um batuque lá no cais do Valongo
Dançar o jongo lá na Pedra do Sal
Entrar na roda da Gamboa

Fazer um gol de bicicleta
Dar de goleada
Deitar na cama da amada
Despertar poeta
Achar a rima que completa o estribilho

Fazer um filho, que tal?
Pra ver crescer, criar um filho
Num bom lugar, numa cidade legal
Um filho com a pele escura
Com formosura
Bem brasileiro, que tal?
Não com dinheiro
Mas a cultura

Que tal uma beleza pura
No fim da borrasca?
Já depois de criar casca
E perder a ternura
Depois de muita bola fora da meta

De novo com a coluna ereta, que tal?
Juntar os cacos, ir à luta
Manter o rumo e a cadência
Esconjurar a ignorância, que tal?

Desmantelar a força bruta
Então que tal puxar um samba
Puxar um samba legal
Puxar um samba porreta
Depois de tanta mutreta
Depois de tanta cascata
Depois de tanta derrota
Depois de tanta demência
E uma dor filha da puta, que tal?
Puxar um samba
Que tal um samba?
Um samba

Participação especial / Feat Hamilton de Holanda
Voz e violão: Chico Buarque
Bandolim - Hamilton de Holanda
Violão: Luiz Claudio Ramos
Piano - João Rebouças
Baixo - Jorge Helder
Bateria e percussão: Jurim Moreira
Percussão - Thiago da Serrinha
Gravado e mixado no estúdio Biscoito Fino por Lucas Ariel
Masterizado no estúdio Batmasterson por Luiz Tornaghi
Produção musical: Luiz Claudio Ramos

ROTEIRO DA TURNÊ 2022/2023

JOÃO PESSOA – Teatro Pedra do Reino
Dias 06 e 07 de setembro

NATAL – Teatro Riachuelo
Dias 09 e 10 de setembro

CURITIBA – Teatro Guaíra
Dias 23 e 24 de setembro

BELO HORIZONTE – Palácio das Artes
Dias 05, 06, 07 e 08 de outubro

FORTALEZA – Centro de Eventos do Ceará
Dias 22 e 23 de outubro

PORTO ALEGRE – Auditório Araújo Vianna
Dias 03 e 04 de novembro

SALVADOR – Concha Acústica
Dias 11, 12 e 13 de novembro

BRASÍLIA – local a ser anunciado
Dias 29 e 30 de novembro

RECIFE – Teatro Guararapes
Dias 08, 09 e 10 de dezembro

RIO DE JANEIRO – Vivo Rio
De 05 a 15 de janeiro (quinta a domingo)

SÃO PAULO – Tokio Marine Hall
De 02 a 12 de março; de 23 de março a 02 de abril (quinta a domingo)

PAIXÃO DE CRISTO RETORNA AOS PALCOS NO FERIADO DE CORPUS CHRISTI, DIA 16 DE JUNHO, EM ARAUCÁRIA

Há dois anos suspensa a tradicional encenação que reúne cerca de 20 mil pessoas será apresentada pelo Grupo Lanteri, no Parque Cachoeira, na quinta-feira, às 19h. Entrada gratuita.

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=247252&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253CSJ0PR22MB35251448980015E92E95F0FEA1AB9%2540SJ0PR22MB3525.namprd22.prod.outlook.com%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3CSJ0PR22MB35251448980015E92E95F0FEA1AB9%40SJ0PR22MB3525.namprd22.prod.outlook.com%3E-1.1.2
Foto: Reinaldo Reginato

Já está tudo pronto para a encenação da “Paixão de Cristo” do Grupo Lanteri. Este ano será realizada no feriado de Corpus Christi, dia 16 de junho (quinta-feira), às 19h, no Parque Cachoeira, em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC).

Será a primeira vez que o espetáculo não será realizado na Sexta-Feira Santa. A última apresentação foi em 2019, nos anos seguintes foi suspensa por causa da pandemia da Covid-19. Esta será a 43ª montagem realizada pelo grupo, que atrai em uma única apresentação mais de 20 mil pessoas. A produção é grandiosa, entre atores, equipe técnica e de produção envolve cerca de 1.200 mil voluntários. A estrutura do espetáculo comporta sete palcos que juntos somam 1.200 m². A encenação que tem duração de 2 horas é composta por 31 cenas que narram a vida de Jesus, desde o seu nascimento até a sua morte, ascensão e ressureição.

A entrada é gratuita. “Como estamos em uma época de frio e muitos estão precisando de ajuda, quem quiser poderá colaborar doando 1kg de alimento não perecível ou um agasalho que será encaminhado via Provopar - Programa do Voluntariado Paranaense”, avisa Edson Luiz Martins, diretor de produção do Grupo Lanteri.

Para garantir um bom lugar, o público poderá chegar cedo ao local, o acesso é livre. A partir das 18h15 atores do grupo farão performances com cenas extras para entreter o público e prepará-lo para o clima do espetáculo.

De acordo com a Prefeitura de Araucária, no dia da apresentação, além das linhas do TRIAR que já circulam próximas ao Parque (como a F24 – São Francisco e a F25 – Costeira/Dampezzo), haverá ainda uma linha especial do TRIAR, com saída do Terminal Central de Araucária, até o local do evento. O tempo estimado para quem for de carro do centro de Curitiba até o Parque Cachoeira é de 40 minutos.

“Buscamos sempre trazer novidades ao trabalho, este ano incluímos cenas novas como o encontro de Jesus com a Mulher Siro-Fenícia e Jesus com a Samaritana. Nossa intenção é contar mais detalhes sobre a vida desse homem que foi um marco na história da humanidade e até hoje continua nos influenciando, através de suas ideias, posturas, atitudes, comportamento e ensinamentos”, revela o diretor geral, Aparecido Massi.

Projeto realizado pelo Grupo Lanteri, Secretaria Especial da Cultura e Ministério do Turismo, com apoio da Prefeitura Municipal de Araucária. Patrocínio: Sanepar, Copel e Governo do Estado do Paraná.

FICHA TÉCNICA
Elenco: Grupo Lanteri
Direção Geral: Aparecido Massi
Direção Artística: Aclélio Camargo Junior
Direção de Produção: Edi Proença, Edson Luiz Martins e Júlio Cesar Miranda do Rosário
Figurino: Andressa Paulin, Claudia Antonievicz Freitas e Luiz Flak
Adereços: André Costa Rosa e Nawbert Cordeiro
Cenografia: Gelson Freitas, Julio Cesar Mirando do Rosário e Lindon Pecile
Cenotécnica: Arildo Freitas
Maquiagem: Juceane C. M. Martins e Franciele Canova
Sonoplastia: Aparecido Massi
Realização: Grupo Lanteri e Prefeitura Municipal de Araucária

SERVIÇO
Espetáculo: Paixão de Cristo – Grupo Lanteri
Dia: 16 de junho (Quinta-feira) *Feriado de Corpus Christi
Horário: 19h
Local: Parque Cachoeira (Rua Guanabara/Iguaçu), Araucária/PR
Ingresso: Entrada Gratuita (Opcional: 1kg de alimento não perecível ou um agasalho)
Duração: 2h
Informações: 41 99935 8698 / 41 99623 9464
www.grupolanteri.com.br

Erasmo Carlos anuncia show em Curitiba

Apresentação acontecerá no dia 16 de setembro, no palco do Teatro Guaíra; os ingressos estão à venda a partir de R$ 60

Erasmo Carlos sempre foi um artista do futuro. Ou melhor, um artista que une presente, passado e futuro num tempo próprio, repleto de rock'n roll e poesia, numa viagem da qual, há 60 anos, ele nos convida a participar. Por isso, no dia 16 de setembro, sexta-feira, o tremendão chega a Curitiba com seu novo show “O Futuro Pertence à... Jovem Guarda”, para única apresentação no palco do Teatro Guaíra, às 21h. Os ingressos estão à venda a partir de R$ 60 via Disk Ingressos. O show na capital tem promoção da CULT! Produções e do Instituto Res Publica.

No show “O Futuro Pertence à... Jovem Guarda”, Erasmo apresenta músicas que se tornaram parte da história cultural brasileira - e da vida de todos nós -, além de algumas surpresas. Afinal, Erasmo nos palcos cantando “Gatinha Manhosa” o Brasil já viu; cantando “Festa de Arromba”, também. Mas cantando "Meu carro é vermelho, não uso espelho pra me pentear”, de Eduardo Araújo, isso não foi visto. "Estou guardando o que há de bom, em mim" sucesso da dupla os Vips, também não.

Acompanhado por sua banda, com o maestro José Lourenço nos teclados, Luiz Lopes no violão, guitarra e vocal, Pedro Dias no baixo e vocal, Rike Frainer na bateria, Erasmo apresenta um show histórico, mostrando para o Brasil quando começou esse tal de rock'n roll por aqui.

ERASMO CARLOS

Artista em permanente ebulição, efervescente, inspirado, há 60 anos o Tremendão vem embalando gerações com suas canções. São mais de 500 composições que refletem da ingenuidade da Jovem Guarda e sua doce proposta de mudanças comportamentais à maturidade dos dias atuais, alçando Erasmo ao posto de Gigante Gentil da música brasileira (título reafirmado com o Grammy Latino 2014 de Melhor Álbum de Rock por Gigante Gentil e com sua escolha como Homem do Ano na Música da Revista GQ).

Em 2018, Erasmo foi homenageado com o Grammy Lifetime Achievement (Prêmio à Excelência Musical), concedido pela Academia Latina de Gravação. Em 2019, foi lançado o filme baseado em seu livro autobiográfico, “Minha Fama de Mau”.

SERVIÇO – Erasmo Carlos em Curitiba

Data: 16 de setembro de 2022 (sexta-feira)

Local: Teatro Guaíra (R. XV de Novembro, 971 - Centro)

Horário: 21h

Ingressos: Os ingressos variam de R$ 60,00 a R$ 280,00 de acordo com o setor e modalidade escolhidas

INTEIRA

MEIA-ENTRADA

Plateia

R$ 280

R$ 140

1º Balcão

R$ 230

R$ 115

2º Balcão

R$ 120

R$ 60

Vendas: Disk Ingressos (Ventura Shopping - de segunda a sexta, das 11h às 22h, aos sábados, das 10h às 22h, e aos domingos, das 14h às 20h, Call-center Disk Ingressos (41) 33150808 (de segunda a sexta, das 9h às 22h, e aos domingos, das 9 às 18h), na bilheteria do Teatro Guaira (de terça a sábado, das 12h às 21h)

**Entrega em domicílio com taxa de entrega

Classificação: Livre

Realização: CULT! Produções e o Instituto Res Publica

Orquestra feminina Ladies Ensemble toca tango de Astor Piazzolla

Clássicos do compositor argentino compõem o repertório dos concertos de junho da primeira orquestra formada exclusivamente por mulheres no Brasil

Toda a expressividade do tango do compositor argentino Astor Piazzolla será interpretada pela Orquestra Ladies Ensemble nos dias 22 e 23 de junho, no Auditório Regina Casillo. A ideia do repertório escolhido é abrir uma espécie de linha do tempo, conectando desde a referência de Piazzolla – o cantor Carlos Gardel – até o músico ítalo-francês Richard Galliano, que se inspirou em Piazzolla.

Para esse concerto, o destaque é a solista Carolina Kliemann, curitibana que desde 2007 atua como violinista da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo – Osesp.

O projeto anual “Orquestra Ladies Ensemble no Auditório Regina Casillo” foi viabilizado pela Lei Federal de Incentivo à Cultura, do Ministério do Turismo, e conta com patrocínio das empresas BHS Corrugated, Oregon, Nórdica Veículos, Guararapes, Impextraco, Tintas Dacar, Sollo Sul, Ferragens Negrão, Transunion, Abase Vet, Grupo Barigui Veículos, Grasp, Milium, Trutzschler, Agrosul Catarinense, GV2C, Tintas Alessi, Fobras, PASA, Delta Cable, Plast & Pack, M.A. Máquinas, Dissul, Stampa Food e Perkons. A Instituição beneficiada é o Hospital Pequeno Príncipe.

A realização é do Solar do Rosário, espaço particular de Arte e Cultura em Curitiba fundado em 1992. Com direção geral de Lucia Casillo Malucelli, direção musical e artística de Fabiola Bach Akel e apoio de Casillo Advogados. Realização Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo, Pátria amada Brasil, Governo Federal.

https://www.diskingressos.com.br/evento/3026/25-06-2022/pr/curitiba/ladies-tocam-piazzolla-ladies-ensemble

https://www.diskingressos.com.br/evento/3025/24-06-2022/pr/curitiba/ladies-tocam-piazzolla-ladies-ensemble

Orquestra Sinfônica do Paraná apresenta obras de Brahms e Korsakov no Guairão

Concerto terá regência do maestro Roberto Tibiriçá e presença de Winston Ramalho no violino solo

A Orquestra Sinfônica do Paraná se apresenta no domingo, dia 19/06, às 10h30, no Guairão. O maestro convidado Roberto Tibiriçá irá reger o Concerto para Violino, de Johannes Brahms, e Sheherazade, de Rimsky-Korsakov. O solo do violino será executado pelo músico curitibano Winston Ramalho.
As duas obras foram compostas no período do romantismo, movimento artístico que ocorreu no século XIX. Sheherazade é uma música inspirada em contos e cenários das Mil e Uma Noites. Ao longo da música, o público é convidado a visualizar a princesa árabe contando as aventuras de Sinbad, Aladim e vários outros personagens. Apesar de ser uma música romântica orquestral e, portanto, sem falas, os acordes da obra são vívidos e estimulam a imaginação.
Já o Concerto para Violino, de Johannes Brahms, é inventivo. Na época de seu lançamento, essa foi uma música que gerou debates entre os críticos. Houve quem disse que deveria ter sido chamada de Concerto contra o Violino e até músicos que se recusaram a tocar a obra por divergências artísticas com a maneira como ela explora os sons da orquestra.
No domingo, dia 19/06, o público em Curitiba poderá ouvir o Concerto para Violino com o violinista curitibano Winston Ramalho. O premiado solista já tocou com a Orquestra Sinfônica do Paraná em outras ocasiões, inclusive durante o encerramento do festival Violinfestspiele, na edição realizada em 2018.
Os ingressos para o concerto já estão à venda na bilheteria do Teatro Guaíra e também pelo site Ticket Fácil. As entradas custam R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada).

Para ficar por dentro de curiosidades, imagens históricas e momentos dos bastidores, siga a OSP nas redes sociais: facebook.com/OrquestraSinfonicaDoParana e @orquestrasinfonicaparana no Instagram. Acompanhe também o Teatro Guaíra no facebook.com/TeatroGuaira e no Instagram @teatroguaira.
Serviço
Concerto da Orquestra Sinfônica do Paraná
Domingo, 19/06, às 10h30
Auditório Bento Munhoz da Rocha Neto – Guairão
Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada)
Disponíveis em: https://bit.ly/OSP1906

Zé Neto e Cristiano se apresentam em Curitiba

Zé Neto e Cristiano, a dupla mais querida do Brasil, chega a Curitiba, no dia 07/07 na Live Curitiba, para mais um show incrível. Voltando aos palcos com muita animação, interação com o público e, claro, com as músicas que todo mundo já sabe cantar!
Atualmente entre as top 5 maiores duplas do Brasil, e a maior dupla da atualidade em shows, vendas, plataformas digitais, etc. Zé Neto (José Toscano Martins Neto) e Cristiano (Irineu Táparo Vaccari) vêm trilhando um caminho na música de forma acelerada.
Os novos lançamentos já são sucesso, como "Melhor Ser uma Saudade", single do EP "Tarja Preta". E o álbum lançado em 2021 "Chaaama", segue tocando muito nas rádios e streammings.
Em uma produção da Massa Fun, o show contará também com as clássicas "Notificação Preferida", "Largado às Traças", "Alô Ambev" e muitas outras!
Desde 2011 a dupla canta profissionalmente e hoje conta com milhares de fãs por todo o Brasil! No YouTube, já são 500 milhões visualizações com "Largado às traças" e "Seu polícia".

Ingressos a partir de R$ 60
Data: 07/07/2022
Hora: 23h
Local: Live Curitiba - R. Itajubá, 143 - Novo Mundo, Curitiba - PR, 81050-040
Classificação: 16 anos acompanhados dos pais.
Garanta já seu ingresso pelo site: https://uhuu.com/evento/pr/curitiba/ze-neto-cristiano-10212

Klér Amaral canta Alcione é adiado

O evento que aconteceria neste sábado no Teatro Bom Jesus terá nova data

O show da cantora paranaense Klér Amaral, que aconteceria neste sábado (11/06), no Teatro Bom Jesus, foi adiado, e a nova data será divulgada em breve pela produção.

Ela iria apresentar o show “Klér Amaral canta Alcione” apresentando os grandes sucessos de carreira da cantora Alcione, que é um dos grandes nomes da música popular brasileira, reconhecida nacionalmente como a Rainha do Samba. Mais informações através do Disk Ingressos no 41-3315-0808 ou diskingressos.com.br.

Bloco do Silva chega pela primeira vez a Curitiba neste sábado (11)

Cantor trará seu Bloco com muitas atrações ao palco da Ópera de Arame. Os últimos ingressos custam a partir de R$ 150

“Para abraçar o sol e fechar os olhos/ Para falar de amor, deitar em seu colo…”. Os versos da música “A cor é rosa” aquecem os corações saudosos e anunciam: o Bloco do Silva voltou! Depois de dois anos de hiato, o projeto do cantor capixaba Silva, que nasceu da vontade do artista em interpretar repertório especial de Carnaval, misturando canções autorais e clássicos dos anos 90, terá sua primeira edição em Curitiba, neste sábado, 11 de junho, na Ópera de Arame, em um formato no qual o público e cantor dividem o palco. Os últimos ingressos estão à venda no 4º lote, a partir de R$ 150, pelo site entreseven.com.br/ingressos. O show na capital tem a produção da Seven Experience.

No palco, Silva promete não deixar ninguém parado, ao som de sucessos de Daniela Mercury, Banda Eva, Ara Ketu, Olodum, Gilberto Gil, Caetano Veloso e Ivete Sangalo. O artista ainda contará com a presença de convidados especiais, como João Mar, Mulu e RDD, fazendo todo mundo dançar e cantar junto, do início ao fim.

"Esse show surgiu da vontade de homenagear o repertório de carnaval dos anos 90, que foi o primeiro carnaval da minha geração, uma música pop, mas com base tão forte nas raízes do Brasil, que me dá vontade de dançar e cantar junto com todo mundo, que me dá vontade de fazer um carnaval”, comenta Silva.

Nesse projeto, Silva se apresenta acompanhado de grande elenco formado por muitas percussões, metais, guitarra, baixo e bateria.

Serviço – Bloco do Silva em Curitiba

Quando: 11 de junho de 2022 (sábado)

Onde: Ópera de Arame (Rua João Gava, 920 – Abranches)

Horário: abertura dos portões às 16h / início dos shows às 17h30

17h30 – João Mar*

19h – Mulu*

20h30 – RDD*

22h30 - Bloco do Silva*

*Os horários podem sofrer alterações sem aviso prévio

Quanto: os ingressos variam de R$ 150 a R$ 350 + taxas administrativas e variam de acordo com o setor, modalidade escolhida e lote vigente, podendo sofrer alterações sem aviso prévio

Vendas: entreseven.com.br/ingressos

Faixa etária: 18 anos

Realização: Seven Experience

Novo lote de ingressos é disponibilizado para o show do A-Ha em Curitiba

Banda se apresentará em Curitiba no dia 25 de julho

Devido ao grande sucesso, o show da banda A-Ha, que passará por Curitiba, no dia 25 de julho, segunda-feira, no Estádio Athletico Paranaense, ganhou um novo lote de ingressos que já estão à venda pelo site da Livepass, a partir de R$ 270. Em Curitiba, o show é uma realização da Move Concerts e RW 7 Production & Entertainment.

A turnê mundial para celebrar o aniversário de 35 anos do álbum de estreia do A-Ha, “Hunting High And Low”, lançado em 1985, chega finalmente ao Brasil em julho de 2022. Além de Curitiba, que estava com os ingressos esgotados e ganha hoje (08) uma nova carga de entradas, a banda passará ainda por Recife (13/07), Salvador (18/07), São Paulo (18 e 19/07), Rio de Janeiro (21/07) e Belo Horizonte (22/07).

Considerado um dos mais importantes discos da história da música pop, o álbum, que é tocado integralmente nos shows da turnê, apresentou ao mundo hits atemporais como “Take On Me”, “The Sun Always Shines On TV”, “Train Of Thought” e, claro, “Hunting High And Low”. Adiada por causa da pandemia, a turnê recebeu críticas entusiasmadas da imprensa e aclamação do público.

Serviço – A-Ha em Curitiba

Quando: 25 de julho de 2022 (segunda-feira)

Local: Estádio Athletico Paranaense (Rua Buenos Aires, 1260 – Água Verde – Curitiba)

Horários: Abertura da casa às 18h30 | Show às 21h

Ingressos: os ingressos variam de R$ 270,00 a R$ 780,00 de acordo com o setor e modalidade escolhidos

Arquibancada Inferior – R$ 780,00 (inteira) / R$ 390,00 (meia-entrada)

Arquibancada Superior – R$ 540,00 (inteira) / R$ 270,00 (meia-entrada)

Vendas: LivePass

Forma de pagamento: Cartão de Débito | Cartão de Crédito em até 10x sem juros

Classificação Etária: 18 anos desacompanhados. De 16 a 18 anos mediante autorização por escrito dos pais ou responsáveis legais. Menores de 16 anos somente acompanhados dos pais ou responsáveis legais.

Realização: Move Concerts e RW7 Production & Entertainment