Sommelier explica para que serve a cavidade nofundo da garrafa de vinho

Entenda as teorias que envolvem essa peculiaridade.

Você já comprou alguma garrafa de vinho que tinha uma cavidade ao fundo e ficou se perguntando para que ela serve? Existem muitas hipóteses para responder a esta curiosidade. Uma delas está relacionada à qualidade do vinho, conforme revela o sommelier da Decanter Blumenau, Sidney Lucas. “Uma delas, que posso afirmar que é apenas uma lenda, diz que quanto mais funda e côncava a cavidade, melhor a qualidade da bebida. Outras ainda trazem a explicação de que a cavidade serve para facilitar a execução de servir o vinho, ou até mesmo para criar uma ilusão de ótica para parecer que há mais líquido no interior do que realmente tem”.

Porém, atualmente a versão mais aceita sobre a questão, está relacionada à origem do processo de produção das garrafas de vidro, quando ainda eram feitas com a técnica de sopro, explica Lucas. "Enquanto o artesão soprava o vidro para ganhar forma, a garrafa que ia se formando era apoiada por uma base de metal de formato convexo e isso então criava a curva para o interior da garrafa", conta o sommelier.

Lucas conta ainda que há outra teoria, de que essa cavidade era feita para aumentar a capacidade do vidro de suportar a pressão interna do líquido, especialmente aquelas destinadas à elaboração ou guarda de espumantes. Também para suportar maiores atritos. "Mas hoje há tecnologia para fabricar garrafas de vidro super-resistentes sem necessidade da tal cavidade", complementa.

Seja qual for de fato a explicação sobre a cavidade ao fundo da garrafa, o vinho é uma das bebidas mais consumidas no país e no mundo. O Brasil é um dos países que mais consomem vinho no mundo, ocupando o 17º lugar no ranking, segundo Organização Internacional da Vinha e do Vinho. A média de consumo anual do país fica em torno de 330 milhões de litros, o que equivale a aproximadamente 1,7 litro por pessoa, ou mais ou menos duas garrafas.

Decanter

Uma das maiores e mais destacadas importadoras de vinhos do Brasil, a Decanter foi eleita a Importadora do Ano, na edição anual de vinhos da revista Gula. Fundada em Blumenau, em 1997, conta com mais de 50 distribuidores por todo o país, além da rede de Enotecas Decanter. Seriedade, respeito ao cliente e uma política de preços convidativos têm sido alguns dos suportes desse crescimento. No entanto, é a esmerada seleção de vinhos que dá corpo à empresa.

Harmonização: importadora de vinhos dá dicas de como harmonizar a bebida

Grand Cru compartilha seleção de vinhos para combinar em diversas ocasiões
Vinho e carne são uma combinação clássica, mas e vinho com pipoca, você arriscaria experimentar? A Grand Cru, importadora e distribuidora de vinhos finos da América Latina, apresenta ao público, junto com o sommelier executivo, Massimo Leoncini, uma série de rótulos para aproveitar momentos clássicos e inusitados combinados com a bebida.

Do tinto ao espumante, todo momento do dia a dia pode se tornar diferente com uma taça de vinho ao lado. Seja em uma leitura, na cozinha preparando uma refeição com uma música, no seu momento de relaxamento assistindo séries e filmes com uma pipoca, inserir a bebida no seu estilo de vida é uma alternativa para dar novos significados aos momentos rotineiros.

Confira algumas combinações para sair na rotina:

O momento de leitura pode harmonizar muito bem com os tintos e brancos. Uma dica é combinar o tipo de livro com a uva escolhida. Para um romance, por exemplo, uma uva como a carmenére, que pode resultar em um vinho macio, frutado e fácil de beber é uma ótima pedida. Um rótulo em destaque na importadora é a Leyda Carmenere Reserva 2020.

Para uma pausa e descontração na hora de curtir um filme com pipoca, a sugestão é um blend de uvas, 50% Malvasia Branco e 50% Sauvignon Blanc com o San Marzano Il Pumo Sauvignon Malvasia.

Pensando em deixar mais gostoso aquele momento na cozinha, de receita com uma música ao fundo, as combinações são inúmeras com os vinhos. Para um jantar especial e leve, por exemplo, o espumante sempre é uma ótima pedida. O Nocturno Brut 2020 é alegre, democrático e fácil de beber, com toque de frutas frescas como pêssego, lichia, lima e maçã verde. Mas a dica de ouro para uma rotina mais leve é deixar sua criatividade escolher a bebida certa para o seu momento especial

Sobre a Grand Cru

A Grand Cru é a maior importadora e distribuidora de vinhos finos do Brasil, fundada em 1998 e que hoje possui um portfólio com mais de 1300 rótulos de todo o mundo entregue para qualquer região do país. É a única empresa do segmento com forte atuação multicanal, incluindo franquias, lojas de operação própria, live commerce, app, e-commerce, clube de assinaturas e distribuição aos melhores restaurantes, hotéis e bares, além de empórios e supermercados. São décadas de tradição sendo reconhecida como sinônimo de qualidade pela experiência única que proporciona aos apaixonados por vinhos, dos experts aos iniciantes.

Site: https://www.grandcru.com.br

Instagram:@grandcruvinhos
Facebook: https://www.facebook.com/grandcruvinhos

Youtube: https://www.youtube.com/channel/UCpiJ7K5VMDwZlqkdCD1cefA

Para mais informações e dicas de como incluir os vinhos na sua rotina, basta acessar: https://www.grandcru.com.br

Cervejas artesanais sem álcool e mais saudáveis são tendência no mercado

Escola de profissões de Curitiba oferece curso completo de especialização em Beer Sommelier e Home Brewer.
A inovação do mercado cervejeiro artesanal nacional já trouxe uma série de novos aromas e sabores à bebida e tende a chegar, também, no ramo saudável.

De acordo com Gabriel Sant’anna Vasques, sommelier e professor do Centro Europeu a cerveja é uma bebida rica em vitaminas e considerada saudável quando produzida de forma artesanal. "As bebidas artesanais tem um processo de produção sem aditivos químicos ou qualquer forma de conservante, tornando a cerveja mais natural, com água, malte, cevada e lúpulo, sem os outros ingredientes utilizados nas grandes indústrias", afirma.

Uma pesquisa realizada pela agência Mintel (2020) aponta que cerca de um terço dos adultos brasileiros que já consumiram álcool afirmam que experimentariam uma cerveja em versão menos calórica e alcoólica.

Ainda de acordo com o levantamento Mintel, os consumidores de álcool com idades entre 18 e 24 anos apresentam maior interesse em experimentar bebidas não alcoólicas do que os de outras idades.

CARBOIDRATOS: A composição da bebida com e sem álcool é parecida, sendo que no segundo caso a cerveja passa por um processo específico para a retirada do teor alcoólico.

"Durante o processo de produção da cerveja (alcoólica ou não) fazemos o cozimento dos maltes que seriam as principais fontes de carboidratos e que, em sua maior parte são desfeitos ou consumidos pelas leveduras, reduzindo de forma significativa a quantidade. A fonte existe, mas na comparação com outros elementos se torna baixa concentração", explica Gabriel.

ISOTÔNICO OU UMA CERVEJA APÓS O TREINO?

A cerveja é uma ótima fonte de vitamina B e de acordo com Gabriel auxilia a melhorar nosso desempenho. "Essas vitaminas, principalmente a B9, são responsáveis pela produção de energia no corpo. Durante o treino, se consumida com parcimônia, é uma ótima fonte de energia. O lúpulo é rico em antioxidantes e a única forma de alimentação que temos com o lúpulo é a cerveja, que nos auxilia principalmente nesse processo de regeneração de células", afirma.

As cervejas também nos hidratam. "Grandes quantidades fazem nosso corpo usar água para nos purificar e retirar o álcool do organismo. Por outro lado, a bebida sem álcool acaba sendo quase isotônica, servindo muito bem como fonte de hidratação após um treino pesado". Gabriel.

Algumas cervejarias artesanais já trabalham com as opções de cervejas sem álcool, como desenvolver uma IPA zero, por exemplo. "Esse processo é mais caro devido a levedura e a tecnologia que é utilizada. A cerveja também chega mais cara para o consumidor final.", explicou Spindola.

CURSO - Os amantes de cervejas que desejam se especializar podem ingressar no Curso Beer Sommelier - Home Brewer que é oferecido nos formatos presenciais e online pelo Centro Europeu que prepara o aluno para além de produzir sua própria cerveja, desenvolver técnicas de degustação, análise sensorial e harmonização gastronômica com a bebida.

As aulas no formato online iniciam no dia 27 de setembro, sempre às segundas e quartas. De acordo com Edinéia Biassi, Coordenadora do curso de Beer Sommelier e Sommelier, o aluno sai preparado para o mercado de trabalho. "São ministradas aulas de insumos, produções, técnicas de harmonização e contamos também com técnicas de serviços da bebida e glassware - adequação de taças à bebida. Os alunos receberão um case com taças para degustação, livro de conteúdos, caderno de análise sensorial, abridor de cerveja, kit de análise sensorial (on off flavors) e aproximadamente 40 rótulos de cervejas das principais escolas cervejeiras mundiais, para que possam acompanhar as degustações que serão conduzidas para cada aula".

Os alunos recebem a certificação da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes. Para saber mais e realizar a sua matrícula, acesse: centroeuropeu.com.br

Vinhos da Família Fardo são premiados em concursos do Rio Grande do Sul e São Paulo

Chardonnay, Rubis e Viognier recebem medalhas de Ouro e Prata

Três rótulos da Família Fardo Vinícola – Chardonnay, Rubis e Viognier - receberam, respectivamente, medalhas de Ouro e Prata, em concursos realizados no Rio Grande do Sul e São Paulo, no último mês de outubro.

O Chardonnay conquistou medalha de Ouro no Concurso Brazil Wine Challenge, único realizado no Brasil com certificação da Organização Internacional do Vinho (OIV), promovido pela Associação Brasileira de Enologia (ABE). Com o recorde de número de amostras, o evento aconteceu em Bento Gonçalves.

Já os rótulos Viognier - vinho branco (medalha de Prata) e Rubis – vinho tinto (Grande Medalha de Ouro), são premiações do 19º Concurso de vinhos e destilados do Brasil 2020, que aconteceu em São Paulo.

Ambos os concursos tiveram como júri sommeliers e críticos da enologia. “Essas premiações são o reconhecimento de toda a nossa equipe, que é dedicada em elaborar vinhos para saborear e celebrar os bons momentos da vida. Estamos orgulhosos”, declara a sócia proprietária da vinícola, Justina Fardo.

DIA DAS CRIANÇAS NO FANTÁSTICO MUNDO DAS CORES COM VINHO TINTA

Com distanciamento social, grupo de empresas vai proporcionar festa virtual para os pequenos
Dia 12 de outubro está chegando e como tornar a data especial? Um grupo de empresários de Curitiba montou uma tarde de experiências para a galerinha, via zoom meeting. Ao aderir ao evento, cada criança receberá um kit em sua casa contendo massinhas de comer, suco de brincar, kit de pintura em tela com tinta e pincel, e giz de cera!
“A ideia é original, exclusiva e saudável”, diz Marcos Santos, empresário da Vinho Tinta, que participa do grupo. A sua empresa fará a live que ensinará os pequenos a pintura em tela. “Toda criança gosta de brincar com tinta. Nós mostraremos a eles uma forma diferente de pintar”, diz Marcos, salientando que a criançada não precisa ter qualquer noção de pintura em tela e que a live não é uma aula.
Além de Vinho Tinta, as atrações contam com o chef Piu José e Sal Divino Temperos e chás, promovido pelo programa Festas e realizado por Zoli Eventos Exclusivos. Os kits atendem a crianças a partir de 2 anos, com supervisão dos pais, e estão sendo vendidos pelo site www.zolieventos.com.br e custam R$ 98,90 por criança. Mais informações: (41) 9 9266 3450.

Cerveja: descubra como a bebida trazida pelos portugueses caiu no gosto dos brasileiros

O beer sommelier da cervejaria Berggren, Robson Vergillio, fala sobre as primeiras cervejas produzidas no país e explica como elas chegaram no Brasil

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=178905&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253C224401d692a1%2524a1f0a160%2524e5d1e420%2524%2540noticiaexpressa.com.br%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3C224401d692a1%24a1f0a160%24e5d1e420%24%40noticiaexpressa.com.br%3E-1.5Muitos não sabem, mas uma das bebidas mais consumidas em nosso país, a cerveja, chegou antes da independência e foi bastante consumida pelos portugueses que moravam aqui. Se antes o mercado era limitado e com pouca variedade, hoje os consumidores podem explorar novos sabores e estilos com as cervejas artesanais.

Segundo dados divulgados pela startup myTapp, em 2018, o Brasil contava com 889 cervejarias operantes e cadastradas no MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento). Já em fevereiro deste ano, o mercado abrigava por volta de 1.171 estabelecimentos. “Por conta da facilidade de conseguir informações através da internet, os brasileiros estão mais informados e interessados em descobrir os sabores, estilos e combinações que uma cerveja artesanal é capaz de proporcionar”, explica Robson Vergillio, beer sommelier da cervejaria Berggren.

O início de tudo

Quando as primeiras indústrias de cervejas nacionais foram implantadas no país, as bebidas recebiam o nome de cerveja barbante, já que elas eram envasadas como os “growlers” de hoje em dia e os barbantes é que seguravam as rolhas das garrafas para evitar que saltassem por conta do gás da bebida engarrafada. “No fim do período monárquico, as cervejarias brasileiras deram os primeiros passos, e foi a família real portuguesa responsável por trazê-las ao Brasil”, afirma Vergillio.

Para evitar que a bebida conquistasse o paladar de todos, e no intuito de incentivar o consumo do vinho que era produzido em Portugal, a produção da cerveja era apenas para as famílias de imigrantes. “No Brasil, as primeiras cervejas vendidas recebiam o nome de Gengibirra e Caramuru. A Gengibirra era feita com cascas de limão, água, farinha de milho e gengibre, e custava 80 réis. Já a Caramuru, levava em sua receita gengibre, milho, água e açúcar mascavo, e tinha um preço mais acessível, custava 40 réis”, ressalta o beer sommelier.

A partir de 1840, os primeiros alemães começaram a chegar ao Brasil e fizeram com que a bebida ficasse ainda mais relevante no país, pois eles foram os responsáveis em dar continuidade na cultura cervejeira implantada pelos colonizadores. Depois disso, a cerveja caiu no gosto dos brasileiros e foi crescendo cada vez mais através de grandes cervejarias que foram surgindo no decorrer da história do Brasil. “Hoje é possível encontrar facilmente, em qualquer local, cervejas cada vez mais elaboradas e que levam em sua composição chocolate, café e manga”, finaliza Vergillio.

Sobre a Berggren

A Berggren é uma cervejaria que foi oficialmente inaugurada em novembro de 2015. Quem está à frente dos trabalhos é o Diretor Geral Lucas Berggren. A empresa teve seu projeto iniciado entre 2008/2009, quando a família Berggren começou a estudar o funcionamento dos equipamentos para a montagem da fábrica e entre 2013/2014 a família, que tem atuação na indústria têxtil, ganhou um fôlego financeiro e deu retomada definitiva ao projeto.

Produzindo cervejas de estilo clássico, e outras inspiradas na Escola Americana, a Berggren Bier conta com uma fábrica piloto (com laboratório e estrutura de envase) para testar as cervejas – algo presente em poucas cervejarias do país.

Batalha dos Sommeliers online vai escolher melhores harmonizações para cervejas e vinhos

O Centro Europeu promove, no dia 11 de agosto, às 19h, uma batalha online entre sommeliers de vinhos e cervejas. Os profissionais serão desafiados a encontrar as melhores combinações para pratos do dia a dia, que serão sugeridos, na hora, por um Chef e pelo público. As harmonizações vencedoras serão escolhidas com a ajuda dos espectadores.

O Chef convidado para propor os pratos do desafio é Washington Silvera, especialista em análise sensorial e fundador da Confraria Honesta Volúpia. Os sommeliers desafiados são o enólogo Alcioni Dumes e o beer sommelier Guilhermo Spindola.

Todos são professores do Centro Europeu e o desafio integra três cursos da escola: Gastronomia, Beer Sommelier e Sommelier.

A batalha será mediada por Rogério Gobbi, diretor acadêmico responsável pelos cursos de Gastronomia. "O objetivo é trazer o público para uma discussão sobre as possibilidades de harmonizar diferentes pratos com vinho ou cerveja", afirma Gobbi. "O beer sommelier e o sommelier de vinhos deverão fazer sua defesa, com todos seus argumentos, sobre qual é a melhor harmonização para que haja uma vencedora. Além de inusitada, será uma atividade divertida".

Ainda segundo Gobbi, serão harmonizados pratos populares da cozinha paranaense, brasileira e clássicos da cozinha italiana, além de algumas surpresas. "Todos poderão participar desafiando a harmonização com aquele prato consumido em seu dia a dia", finaliza Gobbi.

A Batalha dos Sommeliers será transmitida em uma live no canal do YouTube da escola.

Batalha dos Sommeliers
Data: 11 de agosto de 2020
Horário: 19h
Canal: YouTube Centro Europeu (https://www.youtube.com/channel/UCsRiBSYy2Kme7ur3uU9M_LQ

Guia MICHELIN dá início a leilão para ajudar restaurantes

Inédita em todo o mundo, iniciativa leiloará objetos do acervo pessoal dos chefs e peças que são parte da história dos restaurantes, além de experiências exclusivas

Começa o leilão beneficente online promovido pelo Guia MICHELIN com objetos diversos, de cozinha e artísticos, e experiências gastronômicas exclusivas. O objetivo é ajudar os estabelecimentos selecionados em sua 5ª edição a manterem suas equipes e contribuir para outras ações solidárias.

Os itens vão desde peças de estimação da família Rueda (Casa do Porco) até uma parede a ser grafitada por Helena Rizzo (Maní), passando por dólmãs autografados por Claude Troisgros (Chez Claude) e Luiz Filipe Souza (Evvai), ou por um par de poltronas desenhadas por Thomaz e Cafira Foz (Fitó).

Entre as experiências, aulas de culinária e degustações virtuais com Felipe Bronze e a sommelière Cecilia Aldaz (Oro) e com Elia Schramm (Pici Trattoria); um jantar preparado com ingredientes dos produtores familiares orgânicos por Roberta Sudback (Sud, o pássaro verde) e menus preparados na própria casa do cliente, ao fim da pandemia, como os oferecidos pelos chef Cesar Costa (Corrutela), Guilherme Tse Candido e Juliana Amorim (Ecully) e Valdir Oliveira (Cantaloup). Serão também oferecidos jantares no jardim privativo e no heliponto, com vista de 360º da capital paulista, no hotel Emiliano (SP).

Serão leiloados mais de 70 lotes. Confira os restaurantes participantes:
AMADEUS
CANTALOUP
CASA DO PORCO
CHEZ CLAUDE
CIPRIANI
CORRUTELA
COSÍ
DINHO’S
DOM
ECULLY
EMILE
EMILIANO
EVVAI
FASANO
FITÓ
MANÍ
ORO
PICCHI
PICI TRATTORIA
SUD, O PÁSSARO VERDE
SKYE
TANIT
VINHERIA PERCUSSI

Nespresso, Veuve Clicquot, Tramontina, Callebaut, Borriello e Mbee também oferecerão itens e experiências únicas no leilão.

Todos os arrematantes do leilão ainda ganharão 1 ano como membro do Programa Tablet Plus, que oferece benefícios às pessoas que fazem reservas nos hotéis pelo tablethotels.com, e uma assinatura anual no RobertParker.com, que dá acesso a mais de 400 mil notas de degustação de vinhos, análises sobre os vinhos, artigos de experts.

O leilão será realizado no site Sold Leilões até 30 de junho, às 15h, com o apoio da at2d Live Marketing. Conheça todos os itens e experiências leiloados: https://www.sold.com.br/lote/lista/leilao/9885.

Grand Cru lança campanha “Ciao Itália”

Uma seleção com os melhores vinhos italianos onde o cliente compra cinco garrafas e paga quatro

A Itália é um dos países mais importantes e pioneiros na produção de vinhos, tendo as mais icônicas regiões vinícolas. Então, nada melhor que conhecer um pouco mais dessa história e dos sabores dos vinhos italianos com a promoção que a Grand Cru, maior importadora e distribuidora especializada em vinhos da América Latina, lança: “CIAO ITÁLIA” – Na compra de 5 vinhos selecionados o cliente paga 4. Além disso, na compra dos ESPUMANTE TERRA SERENA GRAN CUVEE BRUT e ALLEGRINI PALAZZO DELLA TORRE VERONESE IGT, o cliente ganha 10% de desconto, cumulativos a campanha.

E para fechar a experiencia, a importadora promove toda semana lives com sommelier italiano Massimo Leoncini, que no próximo dia 15 (sexta-feira), às 19h30 bate um papo pra lá de descontraído e cheio de informações, com o Mariano Levy, sócio fundador da importadora. Os dois falarão sobre winehunting, ou seja, como pesquisam e selecionam os vinhos e as aventuras e histórias dessa jornada. Outra live sobre vinhos italianos também está na grade de programação. Tudo em @grandcruvinhos

Então, separe seu vinho da promoção, uma bela comida italiana para harmonizar, como pizza, massas, queijos e antepassos e acompanhe esse bate papo.

A seguir, uma seleção de alguns vinhos italianos:

VINHO

VINÍCOLA

PREÇO

MILUNA PUGLIA BIANCO

San Marzano

R$ 59,90

EXTRA DRY ROSE

Terra Serena

R$ 74,90

PALAGETTO CHIANTI DOCG

Il Palagetto

R$ 84,90

ACQUERELLO NERO D'AVOLA TERRE SICILIANE IGT

Barone Montalto

R$ 99,90

ACQUERELLO PINOT GRIGIO TERRE SICILIANE IGT

Barone Montalto

R$ 99,90

IL PUMO ROSSO SALENTO

San Marzano

R$ 99,90

IL PUMO NEGROAMARO SALENTO

San Marzano

R$ 99,90

VINHO RICOSSA ASTI DOC DOLCETTO

Ricossa

R$ 99,90

IL PUMO SAUVIGNON MALVASIA

San Marzano

R$ 99,90

TERRA MAZZEI

Mazzei

R$109,90

PROSECCO DOC TREVISO EXTRA DRY

Terra Serena

R$ 114,90

RICOSSA ASTI DOCG BARBERA

Ricossa

R$114,90

POGGIO BADIOLA ROSSO TOSCANA IGT

Mazzei

R$129,90

FONTERUTOLI NUMERO 10 ROSSO TOSCANA IGT

Mazzei

R$129,90

COLLEZIONE DI FAMIGLIA NERO D'AVOLA IGT

Barone Montalto

R$144,90

TALO PRIMITIVO DI MANDURIA

San Marzano

R$179,90

VINHO MAZZEI BELGUARDO BRONZONE MORELLINO DI SCANSANO DOCG RISERV

Mazzei

R$ 239,90

RICOSSA BARBARESCO DOCG

Ricossa

R$259,90

ALLEGRINI PALAZZO DELLA TORRE VERONESE IGT

Allegrini

R$269,90

PRIMITIVO DI MANDURIA DOP SESSANTANNI

San Marzano

R$ 379,90

VINHO ALLEGRINI LA GROLA ROSSO VERONESE IGT 2015

Allegrini

R$ 389,90

VINHO SAN MARZANO PRIMITIVO MANDURIA DOP RIS. ANIVERSARO 62 2014

San Marzano

R$ 399,90

VINHO FANTI BRUNELLO DI MONTALCINO DOCG 2014

Fanti

R$ 499,90

VINHO MAZZEI ZISOLA DOPPIOZETA 2015

Zisola

R$ 499,90

VINHO MAZZEI CASTELLO FONTERUTOLI CHIANTI CLASSICO DOCG 2016

Mazzei

R$ 639,90

Mais informações em: www.grandcru.com.br. Siga-nos: @grandcruvinhos

Rosé Piscine leva o melhor da França para dentro da sua casa

Produzido no sudoeste da França, o vinho prolonga o verão e te leva para uma viagem degustativa à Côte d'Azur

Charme, luxo e paisagens naturais de tirar o fôlego, a região francesa conhecida como Côte d’Azur vive uma eterna atmosfera de bem estar com o despertar para o sol, o verde dos montes e o incrível azul do mar, é claro. Sonho de consumo de grande parte dos turistas, esse cenário cinematográfico foi a inspiração para a criação do vinho rosé francês mais vendido do Brasil. Com uma embalagem iconográfica de listras azuis e brancas, o Rosé Piscine, importado pela Wine To You, te faz viajar para as praias do Mediterrâneo sem precisar sair de casa.

Produzido nas cercanias da cidade de Fronton, sudoeste da França, entre as cidades de Gaillac e Toulouse, o Rosé Piscine é feito com uma uva autóctone a Négrette, um fruto pequeno, muito escuro e de casca dura conhecido por suas poderosas qualidades aromáticas. Segundo Rogerio Rebouças, representante da Vinovalie no Brasil, Portugal, Estados Unidos e Paraguai, todo o processo do rosé é feito de forma a deixar a casca em contato com o sumo a

pós a prensagem por um curto período, ao contrário dos tintos que ficam semanas em contato com o sumo, e por isso fica com a coloração mais escura. “O produto é elaborado por uma equipe técnica de enólogos renomados, e tem como alvo um perfil aromático, de acidez e sabor único para equilibrar perfeitamente sobre o gelo”.

Rogerio ainda diz que o Rosé Piscine possui uma concepção própria, pois foi criado para isso. “As cópias nunca se igualam ao original, já que diversas análises foram feitas por aqui por nossos enólogos e por técnicos. Nosso vinho rosé é trabalhado conceitualmente desde a colheita, sem adição de açúcar porque a uva Négrette é única”, afirma. O vinho tem na composição a uva 100% Négrette dando um paladar de um vinho rosé de

mesa suave, de aroma levemente frutado que traz notas de pêssego, limão e morango, com o sabor especial de lichia que dá um toque exótico.

Leve, fresco e de harmonização versátil, o Rosé Piscine é perfeito para o nosso clima tropical e é a pedida certa para qualquer ocasião. Sem necessidade de pré-resfriar a garrafa, o vinho deve ser consumido a uma temperatura ambiente, sempre acompanhando de 2 ou 3 pedras de gelo, em uma taça de vinho grande ou em uma taça de conhaque.

Contando com uma versão espumante e uma versão para ser servida apenas refrigerada, a linha Rosé Piscine pode facilmente ser adquirida pelo site https://rosepiscine.com.br/, que traz, também, sugestões de drinks além de vender kits e acessórios exclusivos da marca em até 6x sem juros .

Rosé Piscine – ficha técnica

Vinho rosé de mesa suave

Origem: França

Região: Sudoeste

Produtor: Vinovalie

Uva: 100% Négrette

Graduação alcoólica: 11%

Temperatura: ambiente e servir com 2 ou 3 cubos de gelo

Cor: rosa claro com tons salmão

Aroma: levemente frutado com aromas de pêssego, limão e morango

Sabor: toque de lichia com final exótico

Amadurecimento: vinho jovem pronto para consumo

Onde encontrar:

Instagram: @rosepiscineoficial

www.rosepiscine.com.br

Sobre o Rosé Piscine

O Rosé Piscine é uma bebida sofisticada e irreverente, já que possibilita ao consumidor degustar o vinho de forma diferenciada – com duas a três pedras de gelo. Feito sob medida para aqueles que gostam de drinques refrescantes, ele é composto por 100% de uva Negrette, traz graduação alcoólica de 11% e deve ser consumido em uma temperatura ambiente. Seu aroma é levemente frutado, com notas de pêssego, limão e morango e traz um sabor com toque de lichia, mistura que proporciona um final exótico para quem o aprecia. Reconhecido como o primeiro vinho rosé do mundo a ser bebido com cubos de gelo, Rosé Piscine tem se tornado cada vez mais uma das preferências dos brasileiros, sendo o vinho francês importado mais vendido no Brasil, em 2018 –, segundo dados da Ideal Consulting. Seu rótulo colorido, com listras azuis e brancas, a garrafa se destaca em qualquer lugar que é exibida. Este refrescante vinho foi criado em Saint-Tropez e produzido na região sudoeste da França, país onde a bebida vende mais de um milhão de garrafas por ano.

Vinhos e astrologia: confira dicas sobre a bebida que combina melhor com cada signo

As afinidades e características de cada signo combinam com um estilo de vinho, diz apaixonado pela bebida e por astrologia.

Levante a mão quem nunca leu uma previsão do zodíaco, mesmo que por curiosidade, não é mesmo? A verdade é que, mesmo sem acreditar totalmente no que está sendo dito sobre seu signo, a grande maioria das pessoas costuma olhá-lo e, a questão não está em acreditar nas previsões, mas em aprender um pouco mais sobre este enigma que é a astrologia.

Para o publicitário da Decanter Blumenau, estudioso e admirador de vinho e astrologia, Renato R. Rita, a astrologia tem tudo a ver com vinhos, pois, são dois temas com infinitas possibilidades e que, se combinados podem dar muito certo. “A astrologia não é ciência, é autoconhecimento, são variações de personalidades que se completam”, explica.

Para auxiliar na hora de escolher um bom vinho, o estudioso alinhou as características de cada signo com o vinho que melhor se encaixa nas preferências de cada um. Confira.

Áries (21/01 a 20/04) – Este signo é regido por Marte e é um signo de fogo. Considerados fortes e ativos, os arianos são zero frescuras e gostam de novidades. Por isso, o vinho que mais combina com este signo é o Malbec, que está sempre pronto para qualquer ocasião.

Touro (21/04 a 20/05) - O nome desse signo já fala muito sobre sua personalidade. Forte e determinado, os taurinos são sensuais e adoram os prazeres da vida, como um bom vinho, boa comida e conforto. Gostam de vinhos aromáticos e cheios de sensações como um Late Harvest, um vinho de sobremesa ou para aqueles momentos doces.

Gêmeos (21/05 a 21/06) - Signo regido por Mercúrio, planeta da comunicação, são os repórteres e jornalistas natos. Para serem comunicadores têm que ter mente rápida, característica desse signo. São ótimos companheiros para tomar um vinho e curtir um bom papo. Com relação à escolha do vinho, aposte nos espumantes, pois são vinhos que combinam com tudo.

Câncer (22/06 a 22/07) – Sentimento é a palavra deste signo, com certeza o mais sensível emocionalmente do zodíaco, por ser um signo impulsivo de água, qualquer motivo desperta neles uma emoção. Para os cancerianos não há problemas na hora de escolherem o vinho ideal, estando sempre prontos para novos sabores, o Merlot por ser amável e com certeza agradará este signo.

Leão (23/07 a 23/08) – Se tem algo que passa longe dos leoninos é a baixa autoestima. Como são regidos pelo sol, costumam se achar o centro das atenções. Apesar de serem muito caricatos, talvez o de mais fácil leitura, têm algumas qualidades a serem destacadas, como a generosidade. Adoram um bom vinho, e se impressionam facilmente. Para agradá-los, aposte em um imponente Brunello, uva conhecida por produzir um dos melhores vinhos italianos.

Virgem (24/08 a 22/09) – Os virginianos são considerados céticos, então, para fazê-los acreditar em algo, tenha uma prova científica sobre o assunto. Como é um signo mutável de terra, tem uma ótima percepção para os sabores da vida. O vinho que mais combina com este signo é o Chardonnay, pois é correto e claro, encaixando-se perfeitamente nas características virginianas.

Libra (23/09 a 22/10) – Libra é o signo da balança, por isso, é o signo da perfeição, buscando sempre o equilíbrio. Signo impulsivo de ar, demora a tomar decisões por conta dessa busca por equilíbrio. Inteligentes e racionais, tendem a aceitar sugestões, tudo que tire a obrigação de decidir, principalmente, se for alguma decisão imediata. Para agradá-los, escolha um vinho por eles, o Pinot Noir é elegante e certamente fará a felicidade do libriano.

Escorpião (23/10 a 21/11) – Considerado o signo mais misterioso do zodíaco, os escorpianos são ótimos ouvintes e possuem uma memória incrível. Não gostam de falar de si e nem que falem de sua vida. Um vinho que combina com este signo são os profundos e intensos como o Amarone, cuja origem é um mistério e especula-se que tenha surgido por um erro, há cerca de 70 anos, quando um enólogo esqueceu de interromper a fermentação de um Recioto, vinho de sobremesa, dando origem a um vinho muito mais seco e amargo, amaro em italiano.

Sagitário (22/11 a 21/12) – Para eles a vida é uma festa. Regido por Júpiter, são o símbolo da abundância. Não são tão exigentes, aliás, possuem a característica de não cobrarem as pessoas. Vinho bom para eles, é vinho. Adoram brindar a vida com alegria, por isso, a festividade do Shiraz é perfeita.

Capricórnio (22/12 a 20/01) - Os capricornianos possuem muita paciência, às vezes até cansativa. É difícil brigar com eles. São bastante obstinados, acreditam que sempre irão atingir seus objetivos, que podem ser bastante ambiciosos. Para agradá-los, aposte em um Cabernet Sauvignon, pois é sério como eles.

Aquário (21/01 a 19/02) - O aquariano não tem pressa, pois para eles o tempo simplesmente não existe. São super inteligentes, donos da lógica. Por isso, são considerados os mais teimosos de todos. São os humanitários do zodíaco, gostam dos amigos e os amigos gostam deles. Costumam fazer sucesso com as pessoas, são muito queridos. Para acertar, aposte em um Riesling, o vinho branco do futuro.

Peixes (20/02 a 20/03) - Super sensíveis, quase sensitivos, sofrem muito por conta disso. Humildes na sua essência, pouca coisa os impressiona, a não ser compaixão verdadeira. Então para agradar um pisciano, aposte em um Rosé, pois reúne todas as cores num só vinho.

Decanter

Uma das maiores e mais destacadas importadoras de vinhos do Brasil, a Decanter foi eleita a Importadora do Ano, na edição anual de vinhos da revista Gula. Fundada em Blumenau, em 1997, conta com mais de 50 distribuidores por todo o país, além da rede de Enotecas Decanter. Seriedade, respeito ao cliente e uma política de preços convidativos têm sido alguns dos suportes desse crescimento. No entanto, é a esmerada seleção de vinhos que dá corpo à empresa.

Degustação de vinho ativa áreas do cérebro mais do que matemática, aponta estudo

Estudo da Universidade de Yale mostra também que o cérebro é responsável pela percepção do sabor da bebida

Você já tem motivos de sobra para beber um bom vinho, seja para confraternizar ou para apreciar o momento. E se houver mais uma razão, dessa vez científica, para aproveitar a bebida?

Uma pesquisa datada de 2017, realizada na Faculdade de Medicina de Yale (EUA), afirma que o consumo de vinho engaja mais o nosso cérebro do que qualquer outro comportamento humano.

Na prática, os resultados das análises feitas pelo neurocientista Gordon Shepherd indicam que a quantidade de atividade cerebral necessária para degustar um vinho é superior àquelas necessárias para ouvir música ou resolver um problema de matemática complexo.

Isso acontece porque uma parte fundamental de beber um vinho é a experiência, ou seja, avaliar a garrafa, notar a coloração da bebida, apreciar o aroma e afins, movimentar a língua, a boca, o diafragma e a garganta.

Além disso, as moléculas do vinho estimulam receptores de gosto e de odores, fazendo com que o cérebro trabalhe seu lado cognitivo para reconhecer padrões, ativar a memória, julgar o valor e ter prazer.

Dessa forma, o cérebro acelera quando você está ativamente focado em provar sua bebida, mas nem tanto se você só está engolindo um líquido sem prestar atenção, ou resolvendo um exercício matemático ou ouvindo uma melodia de Beethoven.

O cérebro e o paladar

Um ponto importante que contribui para a elevada ativação cerebral é que o sabor percebido ao beber o vinho não está na bebida em si. Ele é criado pelo cérebro de quem o ingere no momento em que expiramos o ar combinado com o aroma do vinho.

O professor e neurocientista responsável pelo estudo criou a expressão “neurogastronomia” para descrever como nossa mente constrói as distintas sensações de sabor. Em seu livro “Neuroenology: How the Brain Creates the Taste of Wine” é possível entender mais sobre o assunto.

Enquanto isso, você pode escolher e comprar o seu vinho online e continuar aproveitando uma garrafa com a certeza de que o seu cérebro terminará a experiência muito mais ativo.

Shopping Mueller recebe degustação de vinhos no Pecorino Bar e Trattoria

A sommelière Daniele Lopes conduzirá a degustação de vinhos

 

 

Na próxima quarta-feira (15), o Pecorino Bar e Trattoria no Shopping Mueller receberá a sommelière Daniele Lopes para uma degustação de vinhos italianos e antepasti no happy hour da comfort food. A degustação trará uma harmonização e caracterização dos vinhos da Itália e das principais regiões produtoras. Os vinhos apresentados são da importadora Mistral, e o evento terá o custo de R$105 por pessoa.  A degustação começa às 19h e finaliza às 21h, para mais informações entrar em contato pelo telefone (41) 99689-0236.

Sobre o Pecorino

O Pecorino Bar e Trattoria abriu as suas portas em Curitiba como a nova opção de comfort food italiana, no novo espaço gourmet do Shopping Mueller. A unidade é a 27ª do país e a segunda inaugurada na região Sul.

Com um cardápio de mais de 90 opções entre saladas, antepasti, massas, risotos, omeletes, carnes e frutos do mar, a casa tem 90 lugares disponíveis para almoço e jantar, de domingo a domingo, servidos à moda antiga com garçons.

Serviço:

Degustação de vinhos no Pecorino do Shopping Mueller

Local: Shopping Mueller, piso L4 | Avenida Cândido de Abreu, 127 - Centro Cívico – Curitiba (PR)

Telefone: 41 3074-1000

Informações: www.shoppingmueller.com.br

Facebook: www.facebook.com/MuellerCtba

Instagram: @muellercwb

Degustação de vinho no Pecorino, Bar e Trattoria com sommelière Daniele Lopes

A sommelière Daniele Lopes conduz uma degustação de vinhos italianos e antepasti no happy hour da comfort food italiana Pecorino, no espaço gourmet do Shopping Mueller, em Curitiba, na quarta-feira, 15 de janeiro, a partir das 19 horas. A degustação vai tratar da harmonização e caracterização dos vinhos da Itália e das principais regiões produtoras. Os vinhos são da importadora Mistral. O valor da degustação é R$ 105,00 por pessoa e o evento vai até às 21 horas. A proposta, segundo a sommelière, é trazer confrarias para participar de degustações no Pecorino.

Serviço:

Happy hour de vinhos com Daniele Lopes
Quando: 15 de janeiro (quarta-feira), das 19 às 21 horas
Onde: Pecorino, Bar e Trattoria. Shopping Mueller, Piso L-4, Avenida Cândido de Abreu, 127, Centro, Curitiba
Preço: R$ 105,00 por pessoa
Informações: 41 99689-0236

Pecorino, Bar e Trattoria - Curitiba

GRAND SOLDE 2020 DA GRAND CRU COM VINHOS EDIÇÃO LIMITADA

Rótulos únicos e selecionados com descontos especiais de até 40% de desconto– ótima oportunidade para adquirir vinhos que são a cara do verão e rótulos para deixar na adega para as próximas estações

Resultado de imagem para grand solde grand cru"

O ano já começou cheio de surpresa para os “Grand Cru lovers”. Nos meses de janeiro e fevereiro acontece o Grand Solde da Grand Cru. Uma seleção exclusiva com vinhos de edição limitada a preços especiais que chegam a 40% de desconto e algumas oportunidades em interior de lojas de até 60% de desconto.

Vinhos para todas as ocasiões: refrescantes e leves para o verão, maduros e encorpados para harmonizarem com pratos mais elaborados, churrasco ou até mesmo com aquela saborosa pizza. Vinhos para abastecer a adega, vinhos para presentear, Portos para degustar no final das refeições e espumantes para continuar os brindes do início do ano.

Na seleção, há oportunidades de conhecer uvas raras e vinhos provenientes de países pouco conhecidos, como Israel e África do Sul. Além de clássicos como pinot noir, cabernet sauvignon, riesling, malbec, etc. Todos, vinhos premiados e produzidos por vinícolas conceituados, além claro, de ser oportunidade única de adquirir vinhos de edição limitada.

A Grand Solde é sem dúvida uma excelente oportunidade para ter e provar os sabores do mundo.

Abaixo uma pequena seleção com curadoria da equipe de profissionais da Grand Cru, dos quase 600 vinhos em promoção.

Lista completa anexo.
MORANDE PIONERO SAUVIGNON BLANC 2015 R$ 34,95, CHILE
LES MIGNARDISES ST EUGENE BLANC 2018 R$ 38,94, FRANÇA
CORTE GIARA SOAVE DOC 2017 R$ 66,43, ITÁLIA
LEYDA SINGLE VINEYARD KADUN SAUVIGNON GRIS 2010 R$ 67, 45, CHILE
VINILO RUIDO BLANCO 2017 R$113,69, ARGENTINA
RE VELADO 2012 R$ 279,44, CHILE
ESPUMANTE TERRA SERENA GRAN CUVEE COL BRIOSO R$ 32,95, ITÁLIA
MORANDE M PINOT NOIR/ROSE 2018 R$ 34,93, CHILE
RIBERA DEL SEGURA ROSE 2015 R$ 37,45, ESPANHA
BARONE MONTALTO VISTAMONTE BARBERA PIEMONTE DOC R$ 39,92, ITÁLIA
SANTORO NEGROAMARO IGP PUGLIA 2015 R$ 53,94, ITÁLIA
MAZZEI BELGUARDO SERRATA TOSCANA ROSSO IGT 2012 R$ 79,92, ITÁLIA
KOYLE ROYALE CARMENERE 2013 R$ 90, 94, CHILE
SAINT CLAIR VICARS CHOICE PINOT NOIR 2011 NOVA ZELANDIA R$129,94
ZORZAL EGGO PINOT NOIR 2013 R$192, 43, ARGENTINA
DELAS CS DU RHONE ST ESPRIT ROSE 2014 R$ 68, 94, FRANÇA

Para mais opções, saber sobre cada rótulo ou comprar, acesse: www.grandcru.com.br ou ligue: 0800-777-8558. Se preferir,fale com um dos especialistas da Grand Cru na loja mais próxima de você

Sobre a Grand Cru
A Grand Cru é a maior importadora e distribuidora especializada em vinhos de qualidade da América Latina. Com sólida atuação omni-channel, oferece mais de 2000 rótulos do mundo todo em mais de 65 pontos-de-venda de Manaus a Porto Alegre – com previsão de fechar o ano com mais de 80 lojas. Além das franquias e operações próprias, tem e-commerce (www.grandcru.com.br), clube de vinhos e distribuição aos melhores restaurantes, hotéis e empórios. Com 15 anos de tradição é reconhecida como sinônimo de qualidade pela experiência única que proporciona aos apaixonados por vinhos: dos experts aos iniciantes.