Sommelier explica para que serve a cavidade nofundo da garrafa de vinho

Entenda as teorias que envolvem essa peculiaridade.

Você já comprou alguma garrafa de vinho que tinha uma cavidade ao fundo e ficou se perguntando para que ela serve? Existem muitas hipóteses para responder a esta curiosidade. Uma delas está relacionada à qualidade do vinho, conforme revela o sommelier da Decanter Blumenau, Sidney Lucas. “Uma delas, que posso afirmar que é apenas uma lenda, diz que quanto mais funda e côncava a cavidade, melhor a qualidade da bebida. Outras ainda trazem a explicação de que a cavidade serve para facilitar a execução de servir o vinho, ou até mesmo para criar uma ilusão de ótica para parecer que há mais líquido no interior do que realmente tem”.

Porém, atualmente a versão mais aceita sobre a questão, está relacionada à origem do processo de produção das garrafas de vidro, quando ainda eram feitas com a técnica de sopro, explica Lucas. "Enquanto o artesão soprava o vidro para ganhar forma, a garrafa que ia se formando era apoiada por uma base de metal de formato convexo e isso então criava a curva para o interior da garrafa", conta o sommelier.

Lucas conta ainda que há outra teoria, de que essa cavidade era feita para aumentar a capacidade do vidro de suportar a pressão interna do líquido, especialmente aquelas destinadas à elaboração ou guarda de espumantes. Também para suportar maiores atritos. "Mas hoje há tecnologia para fabricar garrafas de vidro super-resistentes sem necessidade da tal cavidade", complementa.

Seja qual for de fato a explicação sobre a cavidade ao fundo da garrafa, o vinho é uma das bebidas mais consumidas no país e no mundo. O Brasil é um dos países que mais consomem vinho no mundo, ocupando o 17º lugar no ranking, segundo Organização Internacional da Vinha e do Vinho. A média de consumo anual do país fica em torno de 330 milhões de litros, o que equivale a aproximadamente 1,7 litro por pessoa, ou mais ou menos duas garrafas.

Decanter

Uma das maiores e mais destacadas importadoras de vinhos do Brasil, a Decanter foi eleita a Importadora do Ano, na edição anual de vinhos da revista Gula. Fundada em Blumenau, em 1997, conta com mais de 50 distribuidores por todo o país, além da rede de Enotecas Decanter. Seriedade, respeito ao cliente e uma política de preços convidativos têm sido alguns dos suportes desse crescimento. No entanto, é a esmerada seleção de vinhos que dá corpo à empresa.

​Sommelière prepara seleção de vinhos para celebrar o Dia da Pizza

Comemorado em 10 de julho, desde 1898, a data celebra um dos preparos mais consumidos no mundo; conheça vinhos que harmonizam com os sabores mais consumidos na Itália

Comando News - A importância da pizza para felicidade da humanidade não é recente. Historiadores contam que o rei Umberto I e a rainha Margherita gostaram tanto da receita napolitana preparada por Rafaelle Esposito, no longínquo dia 10 de julho de 1889, que instituíram a data como o Dia da Pizza. De lá para cá a pizza vem sendo considerada sinônimo de bons momentos em diversos países.

O alimento, que chegou ao país com os imigrantes italianos no século XIX, caiu no gosto dos brasileiros e, hoje, estima-se que o país consuma cerca de 620,5 milhões de pizzas por ano. Os sabores de pizza mais comuns no país são as de calabresa, portuguesa e margherita. Mas o Brasil tem suas extravagâncias como as pizzas de acarajé da Bahia e de churrasco do Rio Grande do Sul.

Uma das combinações mais democráticas do mundo da gastronomia é pizza e vinho. “Para saber como harmonizar o vinho com a sua pizza preferida, tenha sempre em mente que o importante é levar em consideração, na hora da escolha do vinho, o principal ingrediente da pizza. Aqui vão valer as mesmas regras que as harmonizações em geral. Ingredientes mais leves com vinhos mais leves, ingredientes mais elaborados com vinhos mais encorpados”, explica Lindslei.

Dia da Pizza com sabores tradicionais da Itália e vinhos do Rio Grande do Sul

Então, para comemorar o Dia da Pizza em grande estilo, a sommelière Lindslei Monteiro Antunes e a VinVino, loja online, sugerem alguns rótulos que harmonizam perfeitamente com os sabores mais consumidos na Itália.

Margherita é recheada com ingredientes que remetiam às cores da bandeira italiana: mussarela (branco), tomate (vermelho) e manjericão (verde).

Marinara é temperada apenas com molho de tomate, alho, orégano e azeite de oliva;

Diavola tem à base com ingredientes da Margherita acrescida de salame picante (ou peperoni);

Prosciutto e funghi o molho de tomate e queijo mussarela permanecem como base, mas são cobertos com fatias de presunto e cogumelos;

4 Stagioni é dividida em 4 partes, com 4 ingredientes diferentes (cogumelos, presunto, alcachofra e azeitonas pretas), mantendo a base com molho de tomate e mussarela;

Boscaiola é feita com mussarela, cogumelos e linguiça;

Mare e Monti, molho de tomate, mussarela, cogumelos, camarões, alho e salsinha.

Para esses sabores de pizza você pode escolher esses vinhos

Fabian Intuição Cabernet Sauvignon 2018

Fabian Intuição Vinho Merlot 2018

Fabian Intuição Vinho Rosé (Merlot, Pinot Noir)

Fabian Pinot Noir Reserva 2019

Fabian Gran Reserva F35

Sobre Lindslei Monteiro Antunes
Lindslei Monteiro Antunes é sommelière profissional formada pela Escola Alta Gama de Curitiba, com curso de especialização em harmonizações realizado em Roma na Itália.

Sobre a VinVino - loja online

A VinVino é uma loja virtual de vinhos e espumantes, que seleciona, indica e entrega os melhores rótulos do novo e velho mundo para ajudar você a viver o vinho e a vida com mais intensidade. Além do site, também é possível fazer sua compra via WhatsApp (41) 98725-6329. O frete é grátis para Curitiba e região. ​