Luan Santana assume perfil de @JimBeamBr na sexta-feira (31/07)

O cantor e embaixador do bourbon nº1 do mundo mostrará sua rotina durante o isolamento, com uma programação especial em família
Nesta sexta-feira (31/07), Luan Santana tomará conta do perfil de Jim Beam (@jimbeambr) no Instagram. O cantor e embaixador da marca vai dividir com os seguidores como tem sido a sua rotina e, como pede uma boa sexta-feira, reunirá a família do jeito que mais gosta: com churrasco, boa música e drinques.

“Estou animado para passar o dia com os meus fãs no instagram da @JimBeamBr e espero que gostem do que preparei para eles”, diz Luan. O cantor também deixará uma caixa de perguntas aberta e, no final do dia, responderá algumas delas.

O almoço será um típico BBQ americano, ideal para acompanhar drinques com bourbon, como o Highball, um dos favoritos de Luan. Ele ainda ensinará os fãs como é simples de preparar essa bebida. No piano, o cantor trará versões de suas músicas preferidas, de diferentes estilos e que gosta de tocar em casa.

Este encontro com os fãs no perfil de Jim Beam dá início à contagem regressiva para o mês do bourbon, comemorado em setembro, e que terá diversas novidades e ações da marca.

Em 2020, Jim Beam, que é o bourbon número 1 do mundo, completa 225 anos de história. Produzida no Kentucky pela mesma família há sete gerações, a bebida se destaca por sua versatilidade para ser apreciada pura ou em diversas receitas de drinks. O predileto de Luan é o Highball, muito refrescante e simples de fazer.

Sobre a Beam Suntory Inc.

Como líder mundial em bebidas alcoólicas premium, a Beam Suntory inspira conexões humanas. Consumidores de todos os cantos do mundo pedem as marcas da empresa, incluindo as icônicas marcas de bourbon Jim Beam e Maker’s Mark, o scotch whisky Teacher’s e a Tequila Sauza, além de marcas premium reconhecidas mundialmente, incluindo o conhaque Courvoisier, Knob Creek, Basil Hayden e Legent bourbon; Yamazaki, Hakushu, Hibiki e Toki, Kakubin whisky japonês; Laphroaig e Bowmore Scotch whisky; Canadian Club; Tequila Hornitos; Effen, Haku e Pinnacle vodka; Larios, Sipsmith e Roku gin; e licor Midori. A Beam Suntory foi criada em 2014, combinando o líder mundial em bourbon e o pioneiro em uísque japonês para formar uma nova empresa com uma herança profunda, paixão pela qualidade, espírito inovador e visão do Growing for Good. Com sede em Chicago, Illinois, a Beam Suntory é uma subsidiária da Suntory Holdings Limited do Japão. Para mais informações sobre a Beam Suntory, suas marcas e seu compromisso com a responsabilidade social, visite www.beamsuntory.com e www.drinksmart.com. © 2019 Beam Suntory, Inc., Mercadoria Mart, 222 W. Mercadoria Mart Plaza, Suíte 1600, Chicago, IL 60654.

Jim Beam

@jimbeambr

Angela Federau fala sobre comer a culpa em live no Instagram

A nutricionista é convidada do projeto @voe_borboleta, movimento que incentiva mulheres a voarem livremente, nesta quinta-feira, às 21h

Angela Federau é a convidada do projeto @voe_borboleta, movimento que incentiva mulheres a voarem livremente, para live no Instagram, nesta quinta-feira (30) às 21h. A nutricionista será recebida por Ana Ens para um bate-papo sobre mulheres que comem a culpa.

As pessoas lidam de forma diferente com os desafios do dia à dia. Cada indivíduo tem seu jeito de processar sentimentos e emoções, porém, nem sempre é possível passar ileso ao que acontece em casa, no trabalho e na família. “Quem nunca chegou estressado em casa e descontou toda sua frustração na cozinha? Isso acontece, porque a comida ativa no cérebro o sistema límbico, ligado às emoções, e o hipotálamo, relacionado a funções básicas como fome e sede”, explica Angela Federau.

O problema é que aliviar os sentimentos com comida pode ter trazer ganho de peso e com ele todas as doenças associadas à obesidade e sobrepeso. “Por isso, uma das formas para manter uma boa relação com a comida é investigar o ato de comer. Se, por exemplo, esse ato está relacionado à culpa, toda vez que a pessoa tiver acesso a esse sentimento, ela estará condicionada a comer demasiadamente para amenizar essa sensação”, diz a nutricionista.

Serviço
Live - Comendo a Culpa com Angela Federau e Ana Ens
Data/horário: quinta-feira (30), às 21h
Local: https://www.instagram.com/voe_borboleta/

---
Sobre Angela Federau
Angela Federau é nutricionista clínica (CRN-8: 5047), pós-graduada em fitoterapia aplicada à nutrição, especializada em nutrição funcional, pediátrica e escolar. Atua como professora de nutripediatria na pós-graduação de medicina da Faculdade Inspirar, participa como convidada de pesquisas científicas e genéticas da UFPR como o mapeamento e estudo genético da comunidade Menonita e é revisora de artigos científicos e textos para sites médicos. É palestrante, escritora de livros, artigos e colunas em jornais e revistas. Nutricionista responsável pela APSAM - Associação Paranaense Superando a Mielomeningocele. Além disso, a nutricionista é empresária do segmento alimentício e atua como parceira da Polícia Militar do Paraná e de clínicas de fertilidade.

Contatos:
Instagram @angelafederau.nutri
Facebook: www.facebook.com/angelafederau.nutri
Contatos para atendimento:
Centro: (41) 3027-3931/99534-9489
Xaxim: (41) 99844-0043
Consulta online: (41) 99657-0134

----

UNIÃO LANÇA PROMOÇÃO E CONCURSO COM SUA LINHA DE MISTURA PARA BOLO

Marca devolverá parte do dinheiro dos compradores de sua Mistura para Bolo e premiará os melhores bolos que foram compartilhados no Instagram

image.png
São Paulo, julho de 2020 - O período de quarentena imposto pela pandemia da Covid-19 despertou nos brasileiros a vontade, e a necessidade, de retornar à cozinha e preparar pratos deliciosos para si e para aqueles que amam. Nesta redescoberta pelo prazer de cozinhar, o doce tem se destacado: a internet foi tomada por fotos e receitas de bolos fresquinhos, saídos do forno, gerando momentos recheados de doçura e afeto, mesmo em tempos de isolamento social.

Pensando nos consumidores que buscam praticidade e também nos que não tem tantas habilidades na cozinha, União lança a promoção #DesembolaComUnião visando gerar experimentação de sua linha de mistura para bolo.

Até o dia 15 de setembro, todo consumidor que adquirir três misturas para bolo da marca poderá solicitar resgate de R$ 5 em créditos no aplicativo PicPay. Quem quiser ir além e concorrer a um prêmio de R$ 1.000 toda semana, deverá preparar seu bolo e postar a foto no Instagram, com a embalagem utilizada e a #DesembolaComUnião. Os bolos vencedores serão selecionados pela equipe da tradicional Cozinha Experimental União.

“Com nossa mistura para bolo os consumidores têm um bolo tão gostoso quanto o bolo feito com receita caseira, só que com muito mais praticidade e com a garantia de um bom resultado mesmo para quem não tem tanta habilidade na cozinha. O objetivo da promoção é gerar experimentação da linha e consequentemente fomentar momentos mais doces nos tempos difíceis que estamos vivendo” afirma Fabio Oliveira, gerente de marketing de União.

A promoção conta ainda com um amplo plano de comunicação nas redes sociais além de parcerias firmadas com influenciadores digitais para amplificar a divulgação. “Uma narrativa divertida potencializará ainda mais o engajamento da ação. Identificamos um comportamento que cresceu no período de pandemia, o ato de cozinhar em casa ganhou bastante relevância e as pessoas passaram a compartilhar as suas receitas, sejam elas bem-sucedidas ou até mesmo as tragédias gastronômicas", explica Fabio.

A campanha foi idealizada e executada pela agência Bullet.

SOBRE A CAMIL ALIMENTOS

Uma das maiores empresas de alimentos da América Latina, a Camil iniciou sua trajetória no mercado nacional em 1963. Atualmente, conta com portfólio de marcas top of mind em seus segmentos no Brasil e em outros quatro países da América do Sul. São elas: Camil, Coqueiro, União (Brasil), Saman (Uruguai), Tucapel (Chile), Costeño (Peru) e La Loma (Argentina). Com uma equipe de aproximadamente 6.100 colaboradores nos países em que atua, o grupo conta com 34 unidades e exporta para mais de 50 países.

AMSTEL PROMOVE RESENHA DE FUTEBOL ONLINE SOBRE A CONMEBOL LIBERTADORES

Realizadas no Instagram, lives contam com nomes das Lendas da CONMEBOL como Diego Lugano, Danilo Gabriel, Djalminha, Luizão e perfis como Denilson, Esse Dia Foi Louco, Ale Xavier e 90 min

Após o patrocinar festivais de música online, Amstel, a puro malte nascida em Amsterdã do Grupo HEINEKEN e cerveja oficial da CONMEBOL Libertadores, dá continuidade às suas ativações digitais e apresenta o Amstel Resenha em Casa. A ideia é falar um pouco sobre o esporte mais amado pelos brasileiros em épocas de isolamento social e campeonatos suspensos.

Nos dias 20 e 27, às 21h, a cervejaria promoverá lives de uma hora de duração que contarão com diversos convidados para um bate papo leve e descontraído sobre um dos maiores campeonatos futebolísticos da América Latina, a CONMEBOL Libertadores.

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=169963&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253CCPXP152MB3206363BC4D21198316D1F50BFB60%2540CPXP152MB3206.LAMP152.PROD.OUTLOOK.COM%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3CCPXP152MB3206363BC4D21198316D1F50BFB60%40CPXP152MB3206.LAMP152.PROD.OUTLOOK.COM%3E-1.2downloadAttachment&Message%5Buid%5D=169963&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253CCPXP152MB3206363BC4D21198316D1F50BFB60%2540CPXP152MB3206.LAMP152.PROD.OUTLOOK.COM%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3CCPXP152MB3206363BC4D21198316D1F50BFB60%40CPXP152MB3206.LAMP152.PROD.OUTLOOK.COM%3E-1.3

As resenhas terão como mediadores o ex-jogador e comentarista Denilson (@denilsonshow) e Carter Batista do perfil Esse Dia Foi Louco (@essediafoilouco) e serão realizadas nos perfis do Instagram de cada um respectivamente no dia e horário que aconteceria uma disputa do torneio. Na pauta, assuntos como os melhores momentos, jogadas históricas, a participação dos jogadores e as expectativas para quando a CONMEBOL Libertadores voltar.

No dia 20, o bate-papo será comandado por Denilson que conversa com Luizão, ex-jogador e lenda da CONMEBOL e considerado como um dos maiores artilheiros da história, Tomer Savoia, responsável pelo conteúdo do portal 90Minutos e o ex-jogador, também lenda da CONMEBOL e atual comentarista Djalma Feitosa, conhecido como Djalminha.

Já no dia 27, quem puxa a resenha é o influenciador Carter Batista, criador do perfil @EsseDiaFoiLouco, que já conta com mais de 1 milhão de seguidores. Ele vai falar com o jogador Danilo a influenciadora Alê Xavier, do canal Desimpedidos, e com o ex-jogador uruguaio e atual diretor de relações institucionais do São Paulo, Diego Lugano. Danilo e Lugano também integram o time de craques da Lendas da CONMEBOL.

“Sem dúvida, o Brasil é o país do futebol e um momento como este que estamos passando, poder falar de um campeonato tão querido como a CONMEBOL Libertadores é algo que nos alegra e queremos trazer para o público. Nós como uma marca democrática e patrocinadora oficial do torneio vimos que nada melhor do que uma boa resenha com um time de craques para o pessoal matar a saudade em casa”, conta Renan Ciccone, gerente de marketing da Amstel.

Amstel Em Casa

O Amstel Resenha em Casa integra uma série de ações que a marca iniciou na segunda quinzena de abril com um filme veiculado em suas redes na qual reforça a mensagem para que todos fiquem em casa, respeitando as determinações de isolamento social. A marca foi parceira do “Kondzilla Festival em casa”, que contou com nomes como Kevinho, Lexa, Dani Russo Kekel, e Jottape e promoveu o “Festival do Orgulho Live”, com shows ao vivo e simultâneos dos artistas Pabllo Vittar, Aretuza Lovi, Pepita, Mateus Carrilho e Urias. As ações incluem outras lives relacionadas às plataformas da marca e uma parceria com o Rappi.

SERVIÇO:
Dia: 20 e 27 de maio
Local:
20/05 – Instagram Denilson - https://www.instagram.com/denilsonshow/
27/05 – Instagram Esse dia Foi Louco - https://www.instagram.com/essediafoilouco/
Horário: 21h
Sobre o Grupo HEINEKEN no Brasil

O Grupo HEINEKEN chegou ao Brasil em maio de 2010, após a aquisição da divisão de cerveja do Grupo FEMSA e, em 2017, adquiriu a Brasil Kirin Holding S.A ("Brasil Kirin"), tornando-se o segundo player no mercado brasileiro de cervejas. O Grupo gera mais de 13 mil empregos e tem 15 unidades produtivas no país, sendo 12 cervejarias, localizadas em Alagoinhas (BA), Alexânia (GO), Araraquara (SP), Benevides (PA), Caxias (MA), Igarassu (PE), Igrejinha (RS), Itu (SP), Jacareí (SP), Pacatuba (CE), Ponta Grossa (PR) e Recife (PE), duas micro cervejarias em Campos do Jordão (SP) e Blumenau (SC) e uma unidade de concentrados para refrigerantes em Manaus (AM). No Brasil, o portfólio de cervejas do Grupo HEINEKEN é composto por Heineken, Sol, Amstel, Kaiser, Bavaria, Eisenbahn, Baden Baden, Devassa, Schin, Glacial, No Grau e Kirin Ichiban. O portfólio de não alcoólicos inclui Água Schin, Schin Tônica, Skinka e os refrigerantes Itubaína, Viva Schin e FYs. Com sede em São Paulo, a companhia é uma subsidiária da HEINEKEN NV, a maior cervejaria da Europa.

Corpus Academia disponibiliza aulas nas redes sociais

A mensagem das academias sempre foi com o propósito de tirar as pessoas de casa e estimular a praticar atividade física. Mas por causa Covid 19 a mensagem agora é ficar em casa. Porém, nunca parado.

Para isso, a Corpus Academia está apostando nas aulas através do Instagram. Uma vez por dia entra um professor ao vivo para ministrar aulas variadas como pilates, localizada, mix corpus, power hit e alongamento. Além disso, outras aulas são gravadas e dicas de exercícios serão postadas no instagram e no facebook da academia. Mesmo que não usa o aplicativo pode acompanhar

“Praticar atividade física é fundamental para manter a saúde em dia. Não é porque está em casa que a pessoas não podem se cuidar. Estamos dando todo o estímulo necessário para que nossos alunos continuem ativos”, explicou o proprietário da Corpus, Anderson Lorenzatto.

Especialista em mídia social dá dicas de como vender mais para mulheres na internet

Se você é empreendedor digital, não pode ignorar o potencial das redes sociais para a divulgação e venda de seus produtos. Mas com tanta informação e tantos usuários nesses canais de comunicação é preciso fazer algo diferente para se destacar de seus concorrentes e chamar a atenção de clientes em potencial, em especial se o seu produto está direcionado ao público feminino.

O influencer Tulio Borgias é um especialista em redes sociais e palestrante do mundo corporativo. O consultor revela alguns de seus segredos para que você aumente suas vendas na internet e conquiste o público feminino. Confira:

1. Saiba usar cada canal de comunicação e cada rede social

É fundamental entender a particularidade de cada rede social para usá-las da melhor forma e agregar na comunicação.

O Facebook hoje é a presença da empresa, e propicia a construção de imagem e do relacionamento por meio de interação com os fãs.

Já o Instagram mostra o cotidiano do influenciador ou as novidades e campanhas de uma marca por meio de fotos e vídeos curtos, mostrando muitas vezes o que está por trás das cortinas, ou seja, o que o cliente não vê no dia a dia.

O Twitter é melhor utilizado para conteúdos atuais e curtos. É a rede mais dinâmica de todas e um dos melhores canais para acompanhar as tendências do mercado e para onde a atenção dos usuários está direcionada.

O Youtube é a rede mais consumida e permite explorar vídeos em diversos formatos como série, entrevistas, manuais de como fazer coisas e algo e mais.

O WhatsApp é o canal que aproxima o empreendedor do cliente de forma mais relacional, por isso deve ser usado de forma consciente e não invasiva. É possível convidar clientes de outras redes para terem mais explicações via WhatsApp e deve forma permitir uma negociação mais personalizada.

2. Crie conteúdo relevante

Com tanta informação disponível online, você precisa diferenciar seu conteúdo para chamar a atenção de sua audiência. Crie um conteúdo que seja relevante para seu consumidor no momento que ele precisa. Isso significa que, ficar o tempo todo apenas tentando fazer vendas provavelmente não será a melhor estratégia.

As pessoas procuram por respostas na internet e é claro que nas redes sociais não seria diferente. Então, antes de sair por aí tentando vender seu produto a qualquer custo e para qualquer pessoa, tente conquistar sua audiência.

3. Invista em sua identidade visual

É muito importante ter uma identidade visual bem definida desde o começo. Assim, quando alguém chegar em suas redes sociais, já saberá logo de cara que se trata de sua marca ou produto. Isso vale também para a estética de sua página: utilize imagens de impacto, bem produzidas e que estejam relacionadas a seu produto.

4. Estabeleça uma frequência de publicação

As pessoas entram nas redes sociais praticamente todos os dias, então, é claro que elas vão querer ver postagens novas com regularidade, uma boa dica para isso é fazer com antecedência um calendário editorial.

Assim, você consegue saber tudo que precisa ser planejado para postar, as redes nas quais seus posts devem sair e as datas de cada publicação.

E lembre-se: é possível aproveitar o mesmo conteúdo para mais de uma rede social fazendo apenas algumas mudanças, o que já te ajudará na hora de pensar nas pautas de cada publicação.

5. Melhore os seus resultados

Não vale só postar, sem
Propósito, se você não souber os resultados do que está fazendo. Por isso, é fundamental medir o desempenho das suas publicações.

Conheça os horários de pico na sua página e os posts que tiverem mais sucesso. Ajuste o seu planejamento com base nesse resultado.

6. Faça campanhas planejadas

Uma estratégia importante para todo negócio online é investir em campanhas em sites como o Google e redes sociais como o Facebook e o Instagram. Mas, se essa campanha não for bem planejada, seu investimento pode ir pelo ralo.

Para isso saiba exatamente qual é seu publico alvo, atirar para todos os lados não irá te ajudar, além te fazer com que você perca tempo e dinheiro.

7. Faça parcerias com influenciadores

Para impulsionar ainda mais suas vendas, você pode fazer parcerias com influenciadores digitais. Um digital influencer é uma pessoa capaz de influenciar o comportamento e a opinião das pessoas por meio dos conteúdos que publica nas redes sociais.

Firmando parcerias com esses profissionais, você aumenta o alcance e reconhecimento de sua marca, atingindo segmentos específicos do público que podem se interessar por seus produtos.

Saiba quem são os 50 maiores cantores do Instagram mundial

Lista elaborada pela Tubelab mostra que 7 artistas brasileiros estão na lista dos 50 cantores mais influentes do Instagram. Saiba quem são eles

O Instagram é hoje a rede social mais popular do mundo, com mais de 1 bilhão de usuários, seguida de perto pelo Facebook. E entre as contas mais populares desta rede social estão as de músicos e cantores. Segundo levantamento feito pela Tubelab, mais de 28% das contas mais populares do Instagram pertencem a cantores, o que mostra que a comunidade de música é uma parte importante desta rede social.

O CEO da Tubelab, Fred Furtado, revela alguns dos motivos: “o Instagram se tornou a principal vitrine para artistas, tanto grandes como pequenos, dado o seu alcance, dinamismo e popularidade. É hoje uma das formas mais acessíveis para o público de acompanhar os seus artistas favoritos e interagir com eles”.

Fred Furtado também conta que os artistas brasileiros estão ganhando imenso destaque no Instagram e sendo reconhecidos mundo afora: “a rede social também ajudou a colocar em evidência alguns dos nossos mais proeminentes artistas, que hoje figuram entre os 50 perfis mais populares do mundo nesta categoria”.

Quem sãos os maiores cantores no Instagram?

Segundo uma auditoria realizada pela Tubelab, entre os 50 maiores perfis de cantores em número de seguidores no Instagram, aparecem no ranking os brasileiros Anitta (44M – 20.º), Ivete Sangalo (30M – 33.º) , Maísa (29M – 36.º) e Wesley Safadão (27M – 40.º), Marília Mendonça (26M – 42.º) , Luan Santana (26M – 44.º) e Gusttavo Lima (26M – 45.º).

O Top 3 mundial do Instagram são os cantores Ariana Grande (173M), Beyoncé (140M) e Justin Bieber (127M).

Confira lista completa:

AcomMaioresCantoresMundo_Vertical-1.jpg

Cresce a procura de serviços de proteção contra crimes na internet

Cresce a procura de serviços de proteção contra crimes na internet

Além de crimes como pishing, pornografia infantil, violação de direitos autoriais e invasão de servidores, o Brasil tem sofrido cada vez mais como os trolls, "monstrinhos digitais" que atacam na internet.

Fernando Azevedo, sócio da Silicon Minds e autor dos livros “Segredos de Reputação Online” e “O Negócio Sujo das Fake News”, afirma que existem hackers profissionais operando neste segmento. Porém são muitos os casos de contas falsas no Instagram e Twitter criadas para difamar pessoas. Segundo ele, as pessoas confundem liberdade de expressão com discuro de ódio. "Quando você posta uma reclamação sem ofensas na sua conta pessoal, é liberdade de expressão. Quando você cria uma conta anônima para assediar e difamar, é crime. E as redes sociais são obrigadas pela lei a dizer quem as criou. Se você sofreu uma injustiça, contrate um advogado, entre com uma ação, não tente resolver o problema se tornando mais um troll na internet.

Segundo Fernando, no caso de hackers, a preocupação aumenta muito. "Vemos muitos casos de pessoas sem preparação e sem noção criando conta fake no Instagram para assediar pessoas e familiares, mas o que nos preocupa são hackers, que sabem usar VPNs (Virtual Private Network - rede privada virtual para mascarar seu endereço na internet), que sabem invadir emails e informações pessoais, estes podem fazer um estrago muito maior e ainda se conseguem manter no anonimato. Nossa empresa cria armadilhas para incrimar estes criminosos, mas sempre trabalhamos somente na defesa."

Perguntamos a jornalista Elaine Raquel Assis, especialista em crimes cibernéticos, como se aplica a lei brasileira para criação de perfil falso para difamação, bully, cybertalking e fake news. Elaine responde citando o advogado criminalista e constitucionalista, Dr. Adib Abduoni. Segundo ele, a criação e utilização de um perfil falso com a finalidade de caluniar, difamar, injuriar ou ameaçar alguém, além de representar causa de responsabilização penal pelos crimes em espécie (CP, artigos 138, 139, 140 e 147), também constitui a prática do crime de falsa identidade, previsto no artigo 307 do CP (atribuir-se ou atribuir a terceiro falsa identidade para obter vantagem, em proveito próprio ou alheio, cuja conduta dissimulada é repudiada pela Constituição Federal ao vedar o anonimato como forma de garantir a liberdade de expressão (CF, artigo 5º. IV).

Para rastrear o hacker através do endereço de internet, Dr. Adib diz que a obtenção da identificação do endereço de protocolo de internet constitui mecanismo indispensável acerca do descobrimento do criador do perfil falso, cuja obtenção, regulada pela Lei 12.965/2014 (Marco Civil da Internet), deve se dar por meio de autorização judicial – em caráter de liminar ou não – com vistas a formar o conjunto probatório do processo judicial cível ou penal, cuja ordem será dirigida ao provedor de acesso responsável pela guarda e fornecimento desses registros, desde que fundados os indícios da ocorrência do ilícito, sem prejuízo da preservação da intimidade, da vida privada, da honra e da imagem das partes direta ou indiretamente envolvidas.

Existe alguma legislação vigente no Brasil para crimes de internet?

A responsabilidade penal por crimes cometidos no ambiente digital – à exceção daqueles estabelecidos na Lei 12.737/12 (Lei Carolina Dieckmann) sobre a tipificação penal da invasão de dispositivos informáticos alheios, cometida por hackers para coleta de dados sem autorização – padece de uma legislação específica, o que não impede a incidência dos tipos penais comuns sobre essas condutas contrárias à norma penal.

Nessa senda, pouco importa o meio pelo qual a prática do crime seja consumada – real ou virtual -, a exemplo dos crimes contra a honra e a liberdade pessoal (calúnia, difamação, injúria, constrangimento ilegal ou ameaça) previstos no Código Penal, além dos crimes previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente, atinentes à produção e reprodução de cenas de sexo explícito ou pornográfica, envolvendo os infantes, assim como os delitos contra as relações de consumo estabelecidas no Código de Defesa do Consumidor cujo exemplo clássico é a propaganda enganosa.

É importante ressaltar que, muitas vezes o ataque vem do ambiente familiar, atraves da internet.Se a vítima souber quem é seu agressor virtual (ex marido , namorados, amigos etc), basta imprimir a mensagem difamatória ou ameacadora e levar à Delegaciad a Mulher e prestar queixa, completa Elaine.

“O Brasil precisa acordar para que assédio e difamação na internet é crime! E as pessoas precisam parar de usar a distância para criticar usando difamação e assédio. Mais ainda, as redes sociais precisam ser mais ágeis na resolução destas contas e postagens”, diz Fernando Azevedo da Silicon Minds.

Segundo o Instagram, por exemplo: “Se uma conta for criada com o intuito de exercer bullying ou de assediar outra pessoa em seus posts, após a pessoa prejudicada denunciar o abuso, essa conta poderá ser bloqueada”.

Parece fácil, mas na verdade não é. “A maioria das pessoas desconhece esta regra e nem sabem como reportar. Além disso, a própria rede social exige dezenas de denúncias da conta do troll, com morosidade de semanas para tornar efetiva a ação.” – diz Azevedo.

Cyberbullying ou assédio virtual, segundo a Wikipedia, é uma prática que envolve o uso de tecnologias de informação e comunicação para dar apoio a comportamentos deliberados, repetidos e hostis praticados por um indivíduo ou um grupo com a intenção de prejudicar o outro. Entretanto, não é somente este o problema. Cyberstalking consiste no uso de ferramentas tecnológicas com o objetivo de perseguir ou assediar uma pessoa, segundo a Wikipedia. E ainda temos outros problemas como criação de fake news, pornografia infantil e violação de direitos autorais.

Fernando Azevedo reporta alguns passos importantes que uma pessoa pode utilizar quando é assediada na internet: “Existem alguns passos importantes que as pessoas podem seguir ao lidar com notícias falsas, cyberbullying e cyberstalking. Os processos legais podem demorar, então temos algumas dicas: “O primeiro passo salvar todas as etelas e depois reportar a conta que está causando o problema e pedir para que amigos, colegas e seguidores façam o mesmo. No caso de assédio em comentários, o Instagram, em “configurações”, tem um filtro de comentários que pode banir as palavras que o incomodam. O usuário pode fazer um post pedindo ajuda a seguidores e relatando o problema. Ele também pode emitir press releases informando a verdadeira história. Ao responder a notícias e ofensas falsas on-line, lembre-se da regra de ouro das mídias sociais: “seja positivo ou fique quieto”. Desativar contas de todos os membros que podem ter dificuldade em controlar seu temperamento.

Para os trolls amadores, Fernando ainda dá a dica: "Não é porque você está protegido atrás de uma tela que você vai ficar impune. Aja dentro da lei sem difamação e sem assédio. Você tem liberdade de expressão, use-a com responsabilidade." Fernando ainda completa com os 5 passos para uma crítica construtiva: seja gentil, seja objetivo, seja específico, seja claro no seu objetivo em como resolver o seu problema, não faça em anonimato.

O problema é tão grave que Fernando Azevedo, junto com a jornalista Livia Clozel, começaram uma campanha com o hashtag #helpmeinternet no site https://helpmeinter.net. A idéia é usar o poder do crowdsource para ajudar a reportar crimes nas redes sociais. “Caso eu esteja sofrendo cyberbullying de ‘fulanodetal’, eu posso fazer um post na minha conta ‘#helpmeinternet fulanodetal está me atacando’. Assim as pessoas poderão ver meu pedido, ir até a conta do suposto agressor e avaliar se realmente está ocorrendo um abuso para ajudarem a reportar a conta do troll para a rede social.”

Sobre a Silicon-Minds

A Silicon-Minds busca maneiras efetivas para marcas e pessoas físicas conquistarem uma presença positiva online, por meio de E-Commerce, Seo, Apps e Online Reputation. A empresa de Reputação Online é americana, fundada em 2014 por brasileiros, com sede em Miami e Vale do Silício. A inovação que apresenta ao mercado brasileiro,