Pague o quanto quiser pelo chope no aniversário de 1 ano do Porks Portão

Pague o quanto quiser pelo chope no aniversário de 1 ano do Porks Portão
Neste sábado, dia 14 e maio, os clientes poderão pagar o valor de sua escolha pelos 365 primeiros chopes da casa

12/05/2022 – Que tal provar um copo de 300ml de Chope Pilsen artesanal geladíssimo e pagar o quanto quiser? Os curitibanos que curtem cerveja já têm compromisso marcado para o final de semana. Neste sábado, dia 14 de maio, o Porks Portão vai comemorar seu 1º aniversário com uma ação especial: 365 chopes para que cliente dê o preço.

Para participar da promoção é bem fácil. A partir das 16h, os clientes poderão pagar o valor de sua escolha pelos 365 primeiros chopes da casa. Todo o valor arrecadado será doado à Associação Lar CriançArteira, entidade sem fins lucrativos criada para atender crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade.

Além disso, o evento vai contar o flash de tatto, Mingau American IPA em dobro até às 19h, Cosmopolitan em dobro até às 20h30 e seis horas de música ao vivo com o melhor do rock e do blues da região. No cardápio, o púbico poderá encontrar diversos sanduíches e petiscos preparados com porco, entre eles o Porks Bacon Burger, com burger de costelinha de porco, creme de cheddar e tiras de bacon crocante, e a Coxinha de Linguiça Blumenau, com seis unidades de coxinhas artesanais recheadas.

O Porks – Portão está localizado na R. João Bettega (nº 351). Mais informações no perfil oficial da unidade no Instagram (@porksportao).

Cervejas artesanais sem álcool e mais saudáveis são tendência no mercado

Escola de profissões de Curitiba oferece curso completo de especialização em Beer Sommelier e Home Brewer.
A inovação do mercado cervejeiro artesanal nacional já trouxe uma série de novos aromas e sabores à bebida e tende a chegar, também, no ramo saudável.

De acordo com Gabriel Sant’anna Vasques, sommelier e professor do Centro Europeu a cerveja é uma bebida rica em vitaminas e considerada saudável quando produzida de forma artesanal. "As bebidas artesanais tem um processo de produção sem aditivos químicos ou qualquer forma de conservante, tornando a cerveja mais natural, com água, malte, cevada e lúpulo, sem os outros ingredientes utilizados nas grandes indústrias", afirma.

Uma pesquisa realizada pela agência Mintel (2020) aponta que cerca de um terço dos adultos brasileiros que já consumiram álcool afirmam que experimentariam uma cerveja em versão menos calórica e alcoólica.

Ainda de acordo com o levantamento Mintel, os consumidores de álcool com idades entre 18 e 24 anos apresentam maior interesse em experimentar bebidas não alcoólicas do que os de outras idades.

CARBOIDRATOS: A composição da bebida com e sem álcool é parecida, sendo que no segundo caso a cerveja passa por um processo específico para a retirada do teor alcoólico.

"Durante o processo de produção da cerveja (alcoólica ou não) fazemos o cozimento dos maltes que seriam as principais fontes de carboidratos e que, em sua maior parte são desfeitos ou consumidos pelas leveduras, reduzindo de forma significativa a quantidade. A fonte existe, mas na comparação com outros elementos se torna baixa concentração", explica Gabriel.

ISOTÔNICO OU UMA CERVEJA APÓS O TREINO?

A cerveja é uma ótima fonte de vitamina B e de acordo com Gabriel auxilia a melhorar nosso desempenho. "Essas vitaminas, principalmente a B9, são responsáveis pela produção de energia no corpo. Durante o treino, se consumida com parcimônia, é uma ótima fonte de energia. O lúpulo é rico em antioxidantes e a única forma de alimentação que temos com o lúpulo é a cerveja, que nos auxilia principalmente nesse processo de regeneração de células", afirma.

As cervejas também nos hidratam. "Grandes quantidades fazem nosso corpo usar água para nos purificar e retirar o álcool do organismo. Por outro lado, a bebida sem álcool acaba sendo quase isotônica, servindo muito bem como fonte de hidratação após um treino pesado". Gabriel.

Algumas cervejarias artesanais já trabalham com as opções de cervejas sem álcool, como desenvolver uma IPA zero, por exemplo. "Esse processo é mais caro devido a levedura e a tecnologia que é utilizada. A cerveja também chega mais cara para o consumidor final.", explicou Spindola.

CURSO - Os amantes de cervejas que desejam se especializar podem ingressar no Curso Beer Sommelier - Home Brewer que é oferecido nos formatos presenciais e online pelo Centro Europeu que prepara o aluno para além de produzir sua própria cerveja, desenvolver técnicas de degustação, análise sensorial e harmonização gastronômica com a bebida.

As aulas no formato online iniciam no dia 27 de setembro, sempre às segundas e quartas. De acordo com Edinéia Biassi, Coordenadora do curso de Beer Sommelier e Sommelier, o aluno sai preparado para o mercado de trabalho. "São ministradas aulas de insumos, produções, técnicas de harmonização e contamos também com técnicas de serviços da bebida e glassware - adequação de taças à bebida. Os alunos receberão um case com taças para degustação, livro de conteúdos, caderno de análise sensorial, abridor de cerveja, kit de análise sensorial (on off flavors) e aproximadamente 40 rótulos de cervejas das principais escolas cervejeiras mundiais, para que possam acompanhar as degustações que serão conduzidas para cada aula".

Os alunos recebem a certificação da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes. Para saber mais e realizar a sua matrícula, acesse: centroeuropeu.com.br

No Paraná, iniciativa une cervejarias artesanais e atrativo natural para promover o turismo

Ação no Parque de Natureza Buraco do Padre valoriza as cervejarias do município de Ponta Grossa, nos Campos Gerais

Corpo de jurados participou de degustação às cegas em evento realizado no Buraco do Padre. Crédito: Laertes Soares

Uma caverna vertical (furna) com cerca de 40 metros de profundidade visível e 30 metros de diâmetro, por onde deságua uma cascata de 30 metros de altura em solo arenoso. O Parque de Natureza Buraco do Padre, localizado em Ponta Grossa, no Paraná, passa a contar com quatro estilos de cervejas artesanais que serão “marcas” do atrativo turístico, visitado anualmente por 50 mil turistas do Brasil e do exterior.

Os estilos foram selecionados nesta terça-feira (10), em evento promovido pelo Buraco do Padre e pela Associação Ponta-Grossense da Indústria Cervejeira (APIC), com o apoio do Sebrae/PR e a da Secretaria Municipal de Turismo de Ponta Grossa. Na ocasião, foi lançado também o concurso para a escolha do design dos rótulos das cervejas oficiais do Buraco do Padre, aberto para participação popular.

A degustação às cegas foi realizada por um corpo de jurados composto pela prefeita de Ponta Grossa, Elizabeth Schmidt; pelo empresário Beto Madalosso, proprietário do Carlo Ristorante e Mada Pizza e Vinho, em Curitiba; pelo secretário Municipal de Turismo de Ponta Grossa, Paulo Stachowiak, que também representou o Operário Ferroviário Esporte Clube (OFEC); pelo diretor da Serra Verde Express e da BWT Operadora, Adonai Aires de Arruda Filho; pela influenciadora Giselle Alonso; pelo gestor do Buraco do Padre, Álvaro Fernandes Dias Filho e pelo empresário Maurício Dobis, o chef Dobis.

Buraco do Padre desperta atenção de 50 mil turistas todo o ano. Crédito: Laertes Soares

A cerveja Pilsen selecionada foi da OAK Bier. A estilo APA foi da Partner Brewwery House. A Strasburger Cervejaria teve a sua IPA escolhida e o estilo ‘diferenciada’ foi para a Brauerei Schultz. A iniciativa contou com a participação de cervejarias de Ponta Grossa, tendo no total 24 cervejas inscritas.

Para o gestor do Buraco do Padre, Álvaro Fernandes Dias Filho, a ação tem como foco a promoção do atrativo turístico e do Município, pela sua vocação cervejeira. “Com isso, os turistas têm a opção de levar um souvenir para sua cidade, presentear ou consumi-lo no próprio parque”, diz.

Na ocasião também foi lançado o concurso para a escolha do design dos rótulos das cervejas oficiais do Buraco do Padre, aberto para participação popular. “Vamos abrir a negociação com as cervejarias que tiveram seus estilos selecionados e a estimativa é que o concurso aconteça em setembro”, antecipa Álvaro. A votação online do melhor rótulo vai contar com a participação da comunidade e deve ser realizada pelo Instagram do Buraco do Padre.

Evento escolhe os estilos de cervejas que serão oficiais do Buraco do Padre. Crédito: Crédito: Laertes Soares

“Além de promover o turismo e o desenvolvimento regional dos Campos Gerais, a iniciativa valoriza a história e a cultura de Ponta Grossa, que é conhecida como um polo cervejeiro. É uma ação que dá ainda mais visibilidade para esses produtos turísticos, levando o nome das cervejarias para outras diversas regiões do Brasil e do mundo”, frisa a consultora do Sebrae/PR, Nádia Terumi Joboji.

A opinião é compartilhada pelo presidente da APIC, Rogério Bortolato Garcia. “O setor cervejeiro tem se profissionalizado e aprimorado cada vez mais e, além disso, Ponta Grossa deve se tornar, em breve, a maior produtora de cerveja do mundo. A parceria com o Buraco do Padre vai render bons frutos para o setor e para o turismo local”, considera.

Selo Turismo

O Parque de Natureza Buraco do Padre recebeu o Selo de Qualidade no Turismo do Paraná, que tem como objetivo estimular a melhoria contínua da gestão do negócio e da qualidade dos serviços prestados pelas empresas do setor turístico, adotando boas práticas e procedimentos definidos para seu negócio com um conjunto de elementos para melhorar a competividade, a eficácia e a flexibilidade da empresa por meio de planejamento, organização e compreensão de cada atividade. No Estado, é a primeira vez que um atrativo turístico natural e cultural recebe Selo.

O projeto Selo de Qualidade no Turismo do Paraná é executado pelo Comitê Gestor formado pelas instituições Sebrae/PR e Fecomércio PR, com a parceria da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Paraná (ABIH-PR), Associação Brasileira de Bares e Restaurantes do Paraná (Abrasel-PR), Associação Brasileira de Agências de Viagens do Paraná (Abav-PR), Associação Brasileira de Empresas de Eventos do Paraná (ABEOC/PR), Paraná Convention e Paraná Turismo.

Cervejaria Artesanal ØL Beer ganha medalha de prata com a Thor Belgian IPA no Concurso Brasileiro de Cervejas

Além de acumular mais um prêmio com a Belgian IPA, a ØL Beer também concorreu com a Hop Lager 0% entre as melhores cervejas sem álcool do Brasil

A Cervejaria Artesanal Paranaense ØL Beer mostra que com energia e dedicação é possível se diferenciar no mercado e expandir horizontes. A cerveja Thor Belgian IPA acaba de ganhar a medalha de prata no 9º Concurso Brasileiro de Cervejas. A premiação coloca a cerveja da marca entre as melhores cervejas da categoria Ale, subcategoria American-Belgo-Style Ale. Com isso, a Thor da ØL acumula seu segundo prêmio, somando com a medalha de bronze conquistada na categoria Belgian IPA na Copa Cervezas de América 2019.

Realizado pela Associação Blumenauense de Turismo, Eventos e Cultura (ABLUTEC), o concurso é um dos maiores do mundo e este ano analisou mais de 150 estilos de cerveja entre os tipos: Ale, Lager e Hybrid/Mixed Lagers ou Ales.

Isadora Neier, sócia-proprietária e mestre-cervejeira da ØL Beer conta que o evento analisou 448 cervejarias que somaram 3.099 rótulos: “Ter recebido a medalha de prata com a Thor, uma de nossas criações de maior sucesso, nos enche de motivação para evoluir nossos processos e receitas e continuar a promover a cultura cervejeira no Paraná e em todo país”. Isadora reforça que a marca também concorreu com a Hop Lager 0% (lançada em garrafas de 355 ml no ano passado) entre as melhores cervejas sem álcool do Brasil.

A 9ª edição do Concurso Brasileiro de Cervejas começou no dia 17 de novembro de 2020 e encerrou o julgamento das amostras recebidas no dia 8 de março. A premiação aconteceu no último dia 18 de forma virtual, respeitando as normas de segurança recomendadas pelo Ministério de Saúde para a contenção ao Coronavírus.

Para Eduardo Vosgerau, sócio-proprietário e mestre-cervejeiro da ØL Beer, além da premiação, o evento promove um diferencial estratégico para as cervejarias participantes. Segundo o mestre-cervejeiro, as avaliações e comentários dos juízes ajudam a melhorar processos produtivos, o que promove uma evolução das cervejas brasileiras.

“A edição deste ano foi muito humana, pois entendeu o quanto o ano de 2020 foi complicado para o mercado brasileiro. As inscrições foram realizadas em dois lotes e para ajudar as cervejarias, o primeiro lote teve um valor promocional. A edição anterior contou com mais de 600 cervejarias e esta 9ª edição teve ainda mais participantes. Isso só indica que o mercado cervejeiro permanece aquecido. Prova dessa perseverança foi a classificação da nossa Thor Belgian IPA como uma das melhores cervejas do país. Estamos muito animados!" revela Eduardo.

O Concurso Brasileiro de Cervejas é uma realização da Associação Blumenauense de Turismo, Cultura e Eventos (Ablutec) com a coordenação técnica da Escola Superior de Cerveja e Malte.

Conheça as cervejas da ØL Beer que concorreram no evento

A Thor Belgian IPA é uma cerveja forte e clara. A campeã da ØL soma vários ingredientes especiais para trazer um incrível aroma cítrico, além de sabor picante (devido à levedura belga), frutado, adocicado e um corpo médio. Com 6,7% vol. e 65 IBU, é representada por Thor, o deus nórdico do trovão, da guerra e da força. Combina bem com carnes vermelhas, hambúrgueres, queijos duros de média maturação, carne crua, carnes selvagens suculentas e/ou gordurosas.

Já a Hop Lager 0% é leve, possui coloração dourada, baixo amargor e traz aromas de frutas cítricas. Possui uma altíssima drinkability. A cerveja sem álcool da ØL segue a inspiração da cultura nórdica característica da marca e traz a Yggdrasil, a árvore da vida que une os nove mundos da mitologia nórdica estampando seu rótulo. Combina muito bem com queijos, petiscos em geral e carnes.

Sobre ØL Beer

Inspirada na cultura viking, a ØL Beer nasceu para desbravar e compartilhar novas receitas, conhecer novos sabores e ampliar a cultura cervejeira. Localizada em São José dos Pinhais (PR), a fábrica artesanal conta com estrutura de 1.200 m2 e que se destaca pela atenção à sustentabilidade, com aproveitamento de água e redução do desperdício energético e de matérias-primas. Vencedora da medalha de bronze na categoria Belgian IPA na Copa Cervezas de América 2019, a ØL Beer foca em utilizar apenas insumos de qualidade para elaborar cervejas criativas e entregar qualidade e preço competitivo para consumidores e compradores.

Mais informações: olbeer.com.br

Facebook: @cervejariaolbeer

Instagram: @cervejariaolbeer