Chitãozinho & Xororó são as primeiras atrações confirmadas no line-up do Curitiba Country Festival 2023

14º edição do maior festival da música do Paraná será realizada nos dias 6 e 7 de maio, no Expotrade Convention Center

Venda de ingressos para o público em geral acontece a partir do dia 3 de outubro, pelo site Uhuu.com e pontos autorizados

Evento promete atrair fãs de várias cidades dos Estados do Paraná e Santa Catarina, além de capitais como São Paulo, Porto Alegre, Rio de Janeiro e até Belo Horizonte

Mais novidades serão anunciadas em breve

Viva essa história!

Foto: Marcos Hermes
O Curitiba Country Festival, um dos eventos mais importantes, consagrados e tradicionais da música sertaneja e popular do Brasil, já tem data, local e a primeira grande atração confirmada.

Apesar do clima frio, 15 mil pessoas prestigiaram a festa de lançamento do evento, realizada na última sexta-feira (23/09), na Pedreira Paulo Leminski. Maiara & Maraisa, o projeto Irmãos de Seu Jorge e Alexandre Pires, o DJ brasileiro EME e a cantora Ana Clara esquentaram ao público e a organização aproveitou a oportunidade para divulgar algumas novidades.

Consolidando a ideia de ser um festival que abrange todos os gêneros musicais, a 14ª tão aguardada edição do CCF acontecerá nos dias 6 e 7 de maio de 2023, no Expotrade Convention Center, em Pinhais, região metropolitana de Curitiba (RMC). O primeiro headliner confirmado é Chitãozinho & Xororó, uma das duplas mais aclamadas da música brasileira.

Comemorando meio século de carreira, os Reis do Sertanejo trazem especialmente o show da tour “50 anos - Por Todos os Tempos”, que promete emocionar o público mundo afora. A apresentação vai muito além de um repertório cirurgicamente selecionado; é uma imersão e uma homenagem a tudo o que eles construíram durante este período.

No setlist, uma combinação de hits que não podem faltar, com um toque diferenciado nos arranjos. “Evidências”, “Fio de Cabelo”, “No Rancho Fundo”, “Alô”, entre outras, revelam uma pitada de nostalgia, acompanhadas dos mais recentes lançamentos da dupla, como “Pássaros”, para completar a entrega de um repertório mais que especial.

“Ao longo de todos esses anos como dupla, fortalecemos nossa relação com os fãs, que, desde o início, são imensamente receptivos e carinhosos com a gente. Essa turnê não é só uma celebração nossa, é também um presente para eles. Estamos trabalhando nisso há bastante tempo, com todo nosso cuidado e dedicação para que tudo saia do jeitinho que sonhamos”, conta Chitãozinho.

“Temos muito orgulho de tudo o que compartilhamos nesses 50 anos e seria injusto dizer que resumimos em apenas um show. Ele é um espetáculo em sua essência, e é só uma parte de tudo o que planejamos fazer para comemorar um marco tão importante para nós. Nosso maior desejo é que todos sintam a nossa vibração e a energia que depositamos neste projeto, e mais ainda para reencontrar as pessoas que sempre nos apoiaram”, completa Xororó.

CCF 23 - Com o objetivo de proporcionar uma verdadeira experiência musical de altíssima qualidade, trazendo grandes nomes do sertanejo e de outros segmentos à capital paranaense, o CCF 23 terá grande infraestrutura e ainda mais conforto ao público, com quatro setores: arena VIP, arena normal, camarote e backstage. Serão muitas horas de diversão e entretenimento.

O público, que esteve no Curitiba Country Festival 2022, terá vantagens para adquirir ingressos para a próxima edição. São duas categorias: CCF DAY PASS e CCF PASSAPORTE.

Conheça as vantagens:
CCF DAY PASS - você adquire o seu ingresso com desconto especial, sem definição de data ou show, e depois que houver a divulgação das datas e atrações, você poderá escolher um dia da sua preferência para curtir a festa.

CCF PASSAPORTE – você adquire o passaporte com valor promocional e curte os dois dias de festival.

A abertura de vendas para o público em geral acontece no dia 3 de outubro de 2022, às 21h, pelo site uhuu.com e pontos autorizados. A venda de PASSAPORTE será realizada exclusivamente de forma on-line. Mais informações sobre line-up serão reveladas em breve.

A classificação etária do CCF 23 será de 12 a 17 anos, acompanhado dos pais ou responsáveis. Nas áreas open bar (camarote e backstage) será permitida a entrada apenas maiores de 18 anos.

O camarote terá open bar de água, refrigerante e cerveja, entrada exclusiva, visão privilegiada do palco, lounge de descanso e praça de alimentação. Já o setor backstage disponibilizará open bar de água, refrigerante, cerveja, vodka, whisky, gin, energético, bar de drinks especiais, restaurante e finger foods, entrada exclusiva, visão privilegiada do palco, lounge de descanso, salão de beleza e shows exclusivos .

O Curitiba Country Festival é mais uma realização da Opus Entretenimento, em parceria com AME e Like Entretenimento.

O local, totalmente adaptado e com infraestrutura completa para receber grandes eventos com banheiros, guarda volumes, stands de lojas diversas - inclusive com merchandising, bares, área de alimentação com opções diversificadas de bebidas e comida.

Além de contar sempre com público fiel, eclético e uma excelente opção de entretenimento, vale a pena lembrar que o festival também movimenta vários setores da economia na região, criando postos de trabalho direta ou indiretamente na hotelaria, comércio, gastronomia e prestação de serviços de transporte durante todo o final de semana.

Outro ponto positivo é que o Expotrade é de fácil acesso, localizado praticamente no limite territorial de Curitiba, o que ajuda principalmente a chegada das excursões e pessoas de cidades de outros Estados e de regiões próximas. A cidade de Pinhais é considerada um importante polo de serviços e comércio da região.

Realizado desde 2007, o Curitiba Country Festival tem o importante papel de fomentar e enaltecer a cultura sertaneja na região. Por conta da pandemia do novo coronavírus Covid-19, o evento não foi realizado durante três anos.

Mais informações podem ser obtidas em http://www.opusentretenimento.com.br.

Links relacionados:
https://www.facebook.com/cwbcountryfestival
https://www.instagram.com/countryfestival
Sobre a Opus Entretenimento - Celebrando 46 anos de atividade, a Opus Entretenimento é a maior plataforma de shows e entretenimento ao vivo do Brasil e acredita no poder transformador da tríade cultura, conteúdo e experiência, trazendo ao Brasil grandes artistas nacionais e internacionais.

Administradora de 10 casas de espetáculos pelo país nas regiões Nordeste, Sul e Sudeste, responsável por receber mais de dois milhões de espectadores por ano, também faz a gestão artística de importantes nomes da música e do entretenimento brasileiro como Ana Carolina, Seu Jorge, Alexandre Pires, KLB, Luccas Neto, EME, Daniel, Maurício Manieri, Roupa Nova, Munhoz & Mariano, Só Pra Contrariar, Hello Adele Tribute, Sinatra 1915 Tribute, além dos ilusionistas Henry e Klauss. Para mais informações, acesse o site da Opus.

ACADEMIA LATINA DA GRAVAÇÃOTM ANUNCIA OS INDICADOS DA 23.A ENTREGA ANUAL DO LATIN GRAMMY®

1==QNyoTMjhjY0YjOyJmLt92YuEmcyVGdAlGbsV2Y1xWYtF2czVmbhZnOyMDM2czM0cTOyozZwpmL1IjNzEzMyMDMyYkMlMDMy8Gd1FmRyUSNwIDNx8VL0ETLfpzN

ACADEMIA LATINA DA GRAVAÇÃOTM ANUNCIA OS INDICADOS DA 23.A ENTREGA ANUAL DO LATIN GRAMMY®

Entre os brasileiros indicados estão Luísa Sonza, Anitta, Jão, Bala Desejo, Gilsons, Marina Sena, Baco Exu do Blues, Criolo, Erasmo Carlos, Chico Chico, Marisa Monte, Liniker, Caetano Veloso, Ney Matogrosso e Ludmilla

MIAMI (20 DE SETEMBRO DE 2022) — A Academia Latina da GravaçãoTM anunciou os indicados para a 23.a Entrega Anual do Latin GRAMMY®, a proeminente distinção internacional que celebra a excelência da música latina e o único prêmio concedido por profissionais da indústria da música. A votação durante o processo de premiação é realizada por criadores de música que são membros da Academia Latina da Gravação, representando os vários gêneros e campos criativos, incluindo artistas, compositores, produtores e engenheiros de gravação e mixagem.

A categoria Gravação do Ano deste ano apresenta um grupo excepcional de gêneros, criadores e artistas que refletem a diversidade atual da música latina e sua grande influência cultural em todo o mundo. Entre os indicados desta categoria, o destaque brasileiro vai para a cantora Anitta com “Envolver”. Na categoria Melhor Álbum Instrumental, destaque para Hamilton de Holanda com “Maxixe Samba Groove”. Na categoria Melhor Álbum de Jazz Latino/Jazz, destaque para Chano Domínguez, Rubem Dantas & Hamilton De Holanda com “Chabem”.

Além disso, a categoria Melhor Artista Revelação apresenta um conjunto único de indicados: Angela Álvarez, Sofía Campos, Cande y Paulo, Clarissa, Silvana Estrada, Pol Granch, Nabález, Tiare, Vale, Yahritza y Su Esencia, e Nicole Zignago A grande diversidade deste grupo reafirma o compromisso de A Academia Latina em oferecer oportunidades a todos os artistas.

“Na Academia Latina da Gravação, nos esforçamos continuamente para apoiar e incentivar os criadores de música latina, e estes indicados incorporam a excelência musical e representam o grande momento que atravessa a nossa música”, disse Manuel Abud, CEO de A Academia Latina da Gravação. “Estamos orgulhosos de apresentar as indicações deste diversificado grupo de artistas talentosos, que refletem a evolução de nossa Academia como instituição moderna e relevante, dando oficialmente início à 23.ª temporada do Latin GRAMMY®”.

Nas demais categorias, entre os brasileiros indicados para a premiação deste ano estão:

Melhor Álbum de Pop Contemporâneo em Língua Portuguesa
1. “SIM SIM SIM” - Bala Desejo [Coala Records]
2. “PRA GENTE ACORDAR” - Gilsons [Xirê Produções e Eventos Ltda.]
3. “PIRATA” - Jão [Universal Music],
4. “DE PRIMEIRA” - Marina Sena [Marina Sena]
5. “DOCE 22” - Luísa Sonza [Universal Music]

Melhor Álbum de Rock ou de Música Alternativa em Língua Portuguesa
1. QVVJFA? Baco Exu Do Blues [999]
2. O FUTURO PERTENCE À ... JOVEM GUARDA Erasmo Carlos [Som Livre]
3. SOBRE VIVER Criolo [Oloko Records / Altafonte]
4. MEMÓRIAS (DE ONDE EU NUNCA FUI) Lagum [Sony Music]
5. DELTA ESTÁCIO BLUES Juçara Marçal [QTV]

Melhor Álbum de Samba/Pagode
1. BONS VENTOS Nego Alvaro [Sony Music Brasil]
2. MISTURA HOMOGÊNEA Martinho Da Vila [Sony Music Brasil]
3. DESENGAIOLA Alfredo Del-Penho, João Cavalcanti, Moyseis Marques e Pedro Miranda [Som Livre/MPB]
4. NUMANICE #2 LUDMILLA [Warner Music Brasil Ltda.]
5. CÉU LILÁS Péricles [ONErpm]

Melhor Álbum de Música Popular Brasileira
1. POMARES Chico Chico [Selim De Música]
2. SÍNTESE DO LANCE João Donato e Jards Macalé [Rocinante]
3. INDIGO BORBOLETA ANIL Liniker [Altafonte]
4. NU COM A MINHA MÚSICA Ney Matogrosso [Sony Music Entertainment Brasil Ltda.]
5. PORTAS Marisa Monte [Sony Music Brasil]
6. MEU COCO Caetano Veloso [Sony Music Brasil]

Melhor Álbum de Música Sertaneja
1. CHITÃOZINHO & XORORÓ LEGADO Chitãozinho & Xororó [Onerpm]
2. AGROPOC Gabeu [Independente]
3. EXPECTATIVA X REALIDADE Matheus & Kauan [Universal Music]
4. PATROAS 35% Marília Mendonça, Maiara & Maraísa [Som Livre]
5. NATURAL Lauana Prado [Universal Music]

Melhor Álbum de Música de Raízes em Língua Portuguesa
1. AFROCANTO DAS NAÇÕES Mateus Aleluia [Sanzala Cultural / Altafonte]
2. NA ESTRADA - AO VIVO Banda Pau E Corda Featuring Quinteto Violado [Biscoito Fino]
3. REMELEXO BOM Luiz Caldas [ONErpm]
4. BELO CHICO Targino Gondim, Nilton Freittas, Roberto Malvezzi [ONErpm]
5. SENHORA DAS FOLHAS Áurea Martins [Sarapuí Produções]
6. ORÍKI Iara Rennó [Dobra Discos / Altafonte]
7. SENHORA ESTRADA Alceu Valença [Deck]

Melhor Canção em Língua Portuguesa
1. BABY 95 Liniker, Mahmundi, Tássia Reis & Tulipa Ruiz, songwriters (Liniker) [Altafonte]
2. IDIOTA Jão, Pedro Tófani & Zebu, songwriters (Jão) Track from: Pirata [Universal Music]
3. ME CORTE NA BOCA DO CÉU A MORTE NÃO PEDE PERDÃO Criolo & Tropkillaz, songwriters (Criolo Featuring Milton Nascimento) Track from: Sobre Viver [Oloko Records/Altafonte]
4. MEU COCO Caetano Veloso, songwriter (Caetano Veloso) Track from: Meu Coco [Sony Music Brasil]
5. POR SUPUESTO Iuri Rio Branco & Marina Sena, songwriters (Marina Sena) [Marina Sena]
6. VENTO SARDO Jorge Drexler & Marisa Monte, songwriters (Marisa Monte Featuring Jorge Drexler) Track from: Portas [Sony Music Brasil]

Os indicados para a 23.a Entrega Anual do Latin GRAMMY foram selecionados entre mais de 18.000 inscrições, em 53 categorias, e refletem uma grande variedade de artistas que lançaram gravações durante o período de elegibilidade (1 de junho de 2021 a 31 de maio de 2022). Todas as músicas consideradas para indicações devem ser novas e ter um percentual mínimo de letra (51%) em espanhol ou português, ou qualquer um dos dialetos indígenas de nossa região.

A rodada final de votação para selecionar os ganhadores do Latin GRAMMY® terá início em 30 de setembro. A Academia Latina realizará a 23.a Entrega Anual do Latin GRAMMY na quinta-feira, 17 de novembro de 2022, a partir da Michelob ULTRA Arena, no Mandalay Bay Resort and Casino, em Las Vegas. O programa será transmitido ao vivo pela Univision a partir das 20h (costa Leste/Pacífico e 19h Centro, nos EUA). A transmissão será precedida pela cerimônia La Premiere do Latin GRAMMY® — a noite comemorativa que vem de longa data e que conta com apresentações memoráveis e discursos de aceitação emocionantes — onde os vencedores da maioria das categorias serão anunciados.

Para ajudar a manter um ambiente saudável e reduzir o risco da COVID-19, todos os eventos de A Academia Latina da Gravação terão protocolos de segurança apropriados em vigor. Neste momento, de acordo com as recomendações dos governos federal, estadual e municipal, a Academia Latina da Gravação prevê que não haverá requisitos de vacinação ou máscara facial para os participantes. Continuaremos a avaliar estas exigências, que estão sujeitas a mudanças. É claro que qualquer pessoa que não se sinta bem ou que tenha qualquer sintoma de COVID-19 e/ou outras doenças infecciosas, não deve participar de nenhum evento da Academia Latina. A Academia Latina se esforçará para notificar prontamente todos os participantes sobre qualquer mudança de política, protocolos adicionais ou novos requisitos.

A seguir está a lista de indicados em algumas das Categorias Gerais. Para a lista completa dos indicados em todas as 53 categorias, por favor, visite o site do LatinGRAMMY
Gravação do Ano
"Pa mis muchachas" -- Christina Aguilera, Becky G, Nicki Nicole com Nathy Peluso
"Castillos de arena" -- Pablo Alborán
"Envolver" -- Anitta
"Pa’lla voy" -- Marc Anthony
"Ojitos lindos" -- Bad Bunny & Bomba Estéreo
"Pegao" -- Camilo
"Tocarte" -- Jorge Drexler & C. Tangana
"Provenza" -- Karol G
"Vale la pena" -- Juan Luis Guerra
"La Fama" -- Rosalía com The Weeknd
"Te felicito" -- Shakira & Rauw Alejandro
"Baloncito viejo" -- Carlos Vives & Camilo
Álbum do Ano
Aguilera -- Christina Aguilera
Pa’lla voy -- Marc Anthony
Un verano sin ti -- Bad Bunny
Deja -- Bomba Estéreo
Tinta y tiempo -- Jorge Drexler
Ya no somos los mismos -- Elsa y Elmar
Viajante -- Fonseca
Motomami (Digital Album) -- Rosalía
Sanz -- Alejandro Sanz
Dharma -- Sebastián Yatra
Canção do Ano
"A veces bien y a veces mal" -- Pedro Capo, Ignacio Cibrián, Ricky Martín, Pablo Preciado, Julio Ramírez, Mauricio Rengifo & Andrés Torres, compositores (Ricky Martin com Reik)
"Agua" -- Rauw Alejandro, Emmanuel Anene, David Alberto Macias, Nile Rodgers, Juan Salinas, Oscar Salinas & Daddy Yankee, compositores (Daddy Yankee, Rauw Alejandro & Nile Rodgers)
"Algo es mejor" -- Mon Laferte, compositora (Mon Laferte)
"Baloncito viejo" -- Camilo, Jorge Luis Chacín, Andrés Leal, Martín Velilla & Carlos Vives, compositores (Carlos Vives & Camilo)
"Besos en la frente" -- Fonseca & Julio Reyes Copello, compositores (Fonseca)
"Encontrarme" -- Carla Morrison, Juan Alejandro Jiménez Pérez & Mario Demian Jiménez Pérez, compositores (Carla Morrison)
"Hentai" -- Larry Gold, Noah Goldstein, Chad Hugo, David Rodríguez, Rosalía, Jacob Sherman, Michael Uzowuru, Pilar Vila Tobella, Dylan Wiggins & Pharrell Williams, compositores (Rosalía)
"Índigo" -- Édgar Barrera & Camilo, compositores (Camilo & Evaluna Montaner)
"Pa mis muchachas" -- Christina Aguilera, Jorge Luis Chacín, Kat Dahlia, Becky G, Yoel Henríquez, Yasmil Marrufo, Nicki Nicole & Nathy Peluso, compositores (Christina Aguilera, Nicki Nicole, Becky G com Nathy Peluso)
"Provenza" -- Kevyn Mauricio Cruz Moreno, Carolina Giraldo Navarro & Ovy On The Drums, compositores (Karol G)
"Tacones rojos" -- Juan Jo, Manuel Lara, Manuel Lorente, Pablo & Sebastián Yatra, compositores (Sebastián Yatra)
"Tocarte" -- Jorge Drexler, Pablo Drexler, Víctor Martínez & C. Tangana, compositores (Jorge Drexler & C. Tangana)
Mejor Nuevo Artista
Angela Álvarez
Sofía Campos
Cande y Paulo
Clarissa
Silvana Estrada
Pol Granch
Nabález
Tiare
Vale
Yahritza y Su Esencia
Nicole Zignago
Este comunicado foi preparado com texto das capas e gravações fornecidas por gravadoras e membros da Academia Latina. Modificações na lista oficial de indicações podem ser feitas após uma revisão posterior das informações fornecidas.
Para mais informação e as últimas notícias, por favor, visite o website oficial de A Academia Latina da Gravação. (#LatinGRAMMY).
Facebook: LatinGRAMMYs | Twitter: LatinGRAMMYs | Instagram: LatinGRAMMYs
###
SOBRE A ACADEMIA LATINA DA GRAVAÇÃO:
A Academia Latina da Gravação™ é uma organização internacional sem fins lucrativos dedicada a promover, celebrar, homenagear e engrandecer a música latina e seus criadores. Estabelecida como uma referência global em música latina, a organização, composta por profissionais da música afiliados, produz a Entrega Anual do Latin GRAMMY®, A Noite Mais Importante da Música Latina™, que homenageia a excelência nas artes e ciências da gravação, além de fornecer programas de educação e divulgação para a comunidade da música por meio de sua Fundação Cultural Latin GRAMMY®. Para obter mais informações, visite o site oficial.

ALOK e Free Fire destravam sensações em campanha de lançamento de Trident XSenses

A parceria faz parte da estratégia de consolidar a atuação da marca no universo gamer com linguagem que se conecta à Gen Z

image.png

São Paulo, setembro de 2022 – Trident, pertencente à Mondelez Brasil, acaba de elevar a experiência de mascar para outro nível com o lançamento de novos sabores da linha sensorial Trident XSenses, Morango Lime e Melancia Mint. Para garantir que a novidade seja apresentada em grande estilo, a marca uniu o DJ e produtor musical ALOK e o jogo Free Fire, uma das franquias mobile mais promissoras atualmente, para estrelar a campanha, desenvolvida pela agência Leo Burnett Tailor Made.

O roteiro do filme segue a proposta de evidenciar a experiência sensorial das novas gomas de mascar. ALOK começa jogando Free Fire pelo celular, sentado no sofá. Ao mascar e sentir os novos sabores XSenses, ele é transportado para outra dimensão, onde é possível explorar todo o potencial do jogo, onde, inclusive, ele já tem um avatar personalizado. Por lá, ele começa a destravar sensações level hard – nível difícil, em inglês -, reforçando o nome da campanha. Tudo isso ao som do hit “Vale, Vale”, de ALOK e Zafir.

Inovações além do sabor

Os novos sabores são Morango Lime, com notas adocicadas e azedinhas, e Melancia Mint, também doce, mas com toda a refrescância da menta. A cada mascada, é possível sentir diferentes texturas, afinal, agora as gomas contam com uma casquinha crocante e recheio líquido.

A linha XSenses faz parte da plataforma sensorial de Trident, destinada a proporcionar experiências diferenciadas aos consumidores, especialmente do universo gamer, que é o foco da nova campanha. “Trident incentiva as pessoas a usarem seu lado mais autêntico para aproveitar todos os momentos. Essa nova linha intensifica essa experiência com suas múltiplas sensorialidades. Precisávamos de alguém que tivesse forte influência com o target e o público gamer e representasse os valores da marca. A parceria com o ALOK e Free Fire ganha uma nova estatura pela sinergia que ele possui entre os territórios de games e música. Estamos muito felizes com esse lançamento”, comenta Anna Carolina Teixeira, Diretora de Marketing de Balas e Gomas da Mondelēz Brasil.

A estratégia da campanha está concentrada no ambiente digital, com veiculação nas plataformas TikTok, Instagram, Facebook, Twitter, Google, entre outros, e contempla, ainda, outras ações com foco no universo gamer, utilizando uma linguagem que também conversa com o público comum.

Entre as iniciativas estão duas partidas de Free Fire com dois secrets players, que usarão o nickname XSENSES e prometem surpreender o público ao revelarem as verdadeiras identidades, e ações em lives na Twitch, entre setembro e outubro. A marca tem realizado novas sessões de “Gank de Trident”, prática comum entre streamers que transferem altas audiências em live para streamers menores. Por meio de uma parceria com a IWM, a campanha garante ainda entregas de conteúdos nas mídias sociais com a visão de especialistas no universo gamer como os streamers como Nobru, Calango, Zigueira, Paula Nobre, entre setembro e dezembro.

“A campanha tem, sim, o objetivo de estar presente no território gamer. Porém, tomamos o cuidado de incluir as pessoas que não jogam necessariamente todos os dias, mas que curtem Trident. Por conta disso, fizemos escolhas estratégicas para incluir personalidades, meios e mensagens que seriam reconhecidos e entendidos por um público mais amplo, composto de pessoas que jogam de forma mais casual e, eventualmente, aprofundando em gamers hardcore”, explica Matheus Brasileiro, gerente de estratégia da Leo Burnett TM.

A IWM, ao lado da Leo Burnett, foi responsável por toda a estratégia, seleção e criação da mecânica da campanha de Trident XSenses junto à comunidade gamer. “Com certeza a ousadia na estratégia de proporcionar algo único para o público gamer foi essencial em todo o processo de planejamento dessa campanha. As estratégias de Trident estão muito bem alinhadas com a gama de oportunidades que temos no cenário. Com o Gank, a marca proporciona a oportunidade de realização de sonhos de streamers não conhecidos se tornarem notórios e se consolida definitivamente como a marca gamer do segmento", conta Brunno Ortiz, Diretor de Planejamento da IWM.

Link do filme: https://www.youtube.com/watch?v=uDrJMUW8nVs

FICHA TÉCNICA

Agência: Leo Burnett Tailor Made

Título: Trident Xsenses
Produto: Trident Xsenses
Anunciante: Trident | Mondelez

Cco: Marcelo Reis
Vp De Criação: Pedro Utzeri E Vinicius Stanzione
Diretor De Criação: Alessandra Sadock
Redator: Rodrigo Martin, Ester Pereira E Thais Neves
Diretor De Arte: Cleber Tadeu Cardoso, Andre Teixeira, Ranieri Gonçalves
Diretora De Conteúdo: Andreza Aguiar
Conteúdo: Carolina Reis

Atendimento: Tania Muller, Gulherme Nogueira, Fernanda Amadio, Débora Maíra Sartorio, Emilly Mello.
Mídia: Heloisa Goldman, Katarine Sanches, Sheila Uyeda, Camila Lopes, Fernanda Pelizon, Vitoria Coelho, Henrique Lima, Gabriela Alvarenga, Carol Ribeiro
Planejamento: Joana Dambros, Matheus Brasileiro, Juliana Tobisawa, Marcela Meneghel
Assessoria De Imprensa: Jef Martins, Nathalie Ursini, Leandro Bernardino, Mar Facciolla.

Aprovação Do Cliente: Álvaro Garcia, Anna Carolina Teixeira, Isabela Elias, Rose Lima, Pedro Studart, Laryssa Farias E Gabriela Lima

Parceiro Global De Produção: Media.Monks
Diretor De Negócios: Paulo Saias
Gerente De Negócios: Paulo Oda
Produtora Executiva: Gabriela Carvalho
Produtora Sênior: Cris Almeida
Client Leader: Rodrigo Alvarado
Pós Produtores: Cassiana Umetsu E Jorge Bannoki
Motion Designer: Eduardo Oliveira
Gerente De Projetos: Vinícios Dos Anjos

Demo De Produto 3d – Media Monks
Diretor De Animação: Gonzalo Toso
Produtor: Luana Guareschi
Animatic: Juan Saavedra | Francisca Mejia
Modelador: Alan Calleja
Houdini: Mauro Petrelli
3d Animador: Kara Leib
Designer: Laura Mac Grath
Compositor: Ulisses Ribas
Produtora: Vetor Zero
Direção: Coutinho&Batti E Fabio Acorsi
Direção Executiva: Alberto Lopes
Produção Executiva: Fernando Carvalho, Francisco Puech
Diretor De Fotografia: Fernando Bertolucci
Diretora De Arte: Patricia Pereira
Assistente De Direção: Renata Racy
Direção De Atendimento: Marcia Guimarães
Atendimento: Rubia Elias E Pedro Victor
Diretor De Produção: Edu Ramos
Figurinista: Rodrigo Antonio De Sousa
Maquiadora: Rosangela Teixeira Araujo
Fotografo Virtual: Leo Sang
Montagem: Federico Fede
Lead De Cg: Fabio Shigemura
Lead De 3d: Paulo Sampaio
Modelagem: Gabriel Souza
Rigging: Thiago Valentim
Animação 3d: Marcio Nicolosi
Composição: Leandro Pena
Motion: Estevão Santos, Felipe Silva E Murilo Lopes
Color Grading: Bleach
Coordenação De Pós-Produção: Clara Morelli E Tatiana Caparelli
Finalização: João Laion

Produtora De Som: Hefty
Produtores: Edu Luke, Cris Botarelli, Otávio Cavalheiro, Celso Moretti, Tuco Barini E Rud Lisboa
Atendimento: Debora Carvalho E Daniella Cabaritti
Coordenação: Larissa Durante E Susi Rodrigues.

Snack Talk – Mondelez Brasil: Thaisa Ribeiro, Leticia Leite, Juliana Porto, Rhayssa Souza, Luiza Moraes, Gustavo Ferreira, Thelma Tanaka, Rafael Silva, Aparecida Larissa, Vanessa Viana, Gabriella Machado, Hellen Villarroel e Enzo Lino

Data 1ª Veiculação: 02.08.22

Sobre a Mondelēz Brasil

A Mondelēz International, Inc. (Nasdaq: MDLZ) é líder global em snacks e está presente em 150 países. Com receita líquida de aproximadamente US$ 27 bilhões em 2020, a Mondelēz International tem em seu portfólio marcas amadas, como Lacta, Bis, Oreo, Club Social, Tang, Clight, Halls, Trident, Philadelphia, entre outras. A Mondelēz Brasil é o quarto maior mercado da companhia do mundo e está presente em mais de 600 mil pontos de venda em todo o território nacional. No Brasil, a operação da Mondelēz conta com oito mil colaboradores e 2 parques industriais, um em Vitória do Santo Antão (PE) e outro em Curitiba (PR), que abriga a maior fábrica de chocolates da companhia no mundo e exporta para 11 países. Visite www.mondelezinternational.com/br/ e siga nosso perfil no Facebook www.facebook.com/mondelezinternational/.

Semana animada no Jokers

Uma semana musical animada e eclética no Jokers (R. São Francisco, 164 – Centro-Histórico). Na terça-feira (13) tem a tradicional noite de música celta com Mandala Folk Trio. Na quarta (14) é a vez do Jazz Flamenco com uma mistura de ritmos. Quinta-feira (15) Fábio Elias (da Relespública) faz show solo com composições próprias e a clássicos do rock. Na sexta-feira (16) tem um tributo a David Bowie com a banda Spiders From Bars. E no sábado (17), o DJ Julio Mayo vai discotecar e relembrar os hits pop atuais.
Conhecida por abrigar vários gêneros musicais – a tradicional casa noturna de Curitiba comemora este ano 21 anos de atividade, e apresenta uma variedade de atrações tanto no salão principal quanto no seu palco principal. Os lugares são limitados, com reservas antecipadas pelo telefone (41) 3324-2351.
A abertura do Jokers é às 18h, de segunda a sexta-feira, e às 21h nos sábados, com os shows iniciando às 19h30. A casa oferece o Happy Jokers das 18h. até as 20h30 com mais de 100 produtos com 50% de desconto. De quinta a sábado o cliente pode utilizar o estacionamento Gralha Azul – ao lado do Jokers que fica aberto durante o funcionamento da casa.

Confira a programação até o dia 17 de setembro:

TERÇA 13 SET, 20 horas – Mandala Folk Trio - Terça Celta. Músicas típicas do folclore celta e seus agregados. Ingressos R$10 – a partir das 20 horas.

QUARTA 14 SET, 20h30 –Jazz Flamenco – mistura de ritmos, conduzido pelo trio Daniel Argolo, Murillo da Rós e Neil Rangel. Ingressos R$10 – a partir das 20 horas.

QUINTA 15 SET, 20h30 – Fábio Elias – O músico (Relespública) faz show solo trazendo suas músicas e junto com outros clássicos do rock R$10 – a partir das 20 horas.

SEXTA 16 SET, 22 horas– Spiders from Bars - No repertório tributo a David Bowie. Ingressos R$20 – a partir das 21 horas.

SÁBADO 17 SET, 22 horas – DJ Júlio Mayo – discotecagem de hits pop atuais –. Ingressos R$10.

Jokers – R. São Francisco, 164 – Centro Histórico
Reservas e informações: (41) 3324-2351.
Atenção: de quinta a sábado o estacionamento Gralha Azul - ao lado do Jokers estará atendendo durante o funcionamento da casa – R$20 o período.

Marisa Monte chega a Curitiba com show inédito

MCA Concerts

Apresentações acontecem nesta sexta e sábado no palco do Teatro Positivo; restam apenas ingressos para sexta (09)

Chegou a vez de Curitiba abrir as portas para Marisa Monte. Nesta semana, sexta e sábado, dias 09 e 10 de setembro, às 21h, a cantora com umas das vozes mais marcantes do país chega à capital paranaense com a turnê inédita “Portas”, para duas apresentações no palco do Teatro Positivo. Restam poucos ingressos apenas para a sessão de sexta-feira (09), via Disk Ingressos, a partir de R$ 290. A produção do show na capital paranaense fica por conta da MCA Concerts.

Além das canções do novo álbum, o repertório do show destaca os momentos importantes da carreira de mais de três décadas da cantora e compositora.

Com direção e concepção visual de Marisa Monte, Cláudio Torres e Batman Zavareze, no palco Marisa é acompanhada por Dadi (baixo, teclado e guitarra), Davi Moraes (guitarras), Pupillo (bateria), Pretinho da Serrinha (percussão, cavaquinho e voz), Chico Brown (teclado, guitarra, baixo e voz), Antonio Neves (trombone, adaptações e arranjos de metais), Eduardo Santanna (trompete e flugelhorn) e Lessa (flauta e sax).

Serviço – Marisa Monte em Curitiba

Quando: 09 e 10 de setembro de 2022 (sexta-feira e sábado)

Local: Teatro Positivo (Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300)

Horários: abertura da casa às 20h e show às 21h

Ingressos: variam de R$ 290,00 (meia-entrada) a R$ 880,00 (inteira), de acordo com setor e modalidade escolhidos – ingressos de sábado (10) estão esgotados

Vendas: Disk Ingressos (Ventura Shopping - de segunda a sexta, das 11h às 22h, aos sábados, das 10h às 22h, e aos domingos, das 14h às 20h e Call-center Disk Ingressos (41) 33150808 (de segunda a sexta, das 9h às 22h, e aos domingos, das 9 às 18h)

Forma de pagamento: Dinheiro | Pix | Cartão de Débito | Cartão de Crédito

Classificação Etária: 14 anos. Menores de 14 anos somente acompanhados dos pais ou responsáveis legais

Realização: MCA Concerts

Atrações de renome na música e sucesso de público marcam 8ª edição do Jazz na Ilha

Festival já torna mês de agosto um dos mais procurados na Ilha do Mel

(Confira fotos oficiais aqui. Créditos: Pangea Narrativas Ilimitadas)
8==gMyoTZ4Q2MyUmOyJmLt92YuEmcyVGdAlGbsV2Y1xWYtF2czVmbhZnO2IDOyMzMwcDOyozZwpmL1cTN0UTNygjMGJTJygjMvRXdhZkMlUTOyIjM5kzM18VL0ETLfpTO
Festival animou os finais de semana do mês de agosto em um dos destinos mais importantes do Paraná (Foto: Pangea Narrativas Ilimitadas)

Paraná, 2 de setembro de 2022 - O que antes era um mês de baixa temporada, agora se tornou um dos mais movimentados do ano. O Festival Jazz na Ilha terminou no último fim de semana na Ilha do Mel, no Paraná, movimentando cerca de 16 mil turistas de quinta a domingo durante todo o mês de agosto, segundo dados da produção do evento. Em quase todos os dias de festival, a ocupação das pousadas e hotéis da Ilha esteve em mais de 90%, e os bares e restaurantes com movimento de alta temporada.

“Começamos o Jazz na Ilha com intuito de fomentar a economia local trazendo arte, música e cultura para um mês de baixa procura do destino. Hoje, esse é um dos meses mais concorridos, disputando com pacotes de ano novo e carnaval”, aponta Luis Henrique Stinglin, idealizador e diretor geral do Jazz na Ilha.

Entre os 12 dias de evento, mais de 100 músicos passaram pela Ilha em cerca de 90 apresentações entre os palcos públicos e o Circuito +Jazz - os shows extra oficiais em bares, restaurantes e pousadas. Foram 137 inscrições de bandas no festival, e o palco público em Encantadas esse ano dobrou as possibilidades de escolha de músicos.

Ian Giller Branco, curador, produtor e diretor de palco do festival, destacou na programação Marília Giller, pianista de Jazz; Amanda Ventura, gaiteira de Blues; Jamaican Quartet, tocando reggae instrumental; Marinonio Trio, pianista e cantora; Matita Peré, com “Maria Bethânia” no violino, Rebeca no violoncelo e Celso no piano; Sotak Comfusion Family, uma banda com mais de 40 anos; Wes Ventura; além de 8 DJs, que subiram ao palco como atração e, para ele, “somaram muito ao festival”.

8=IjM6IDO4EzN0ojci5SbvNmLhJnclRHQpxGblNWdsFWbhN3cl5WY2pjNygjMzMDM3gjM6cGcq5yM4QTM0gDO1cTMGJTJ1cTMvRXdhZkMlUTOyIjM5kzM18VL0ETLfpjM
Festival recebeu públicos de todas as idades e estilos (Foto: Pangea Narrativas Ilimitadas)

“Conseguimos fazer uma curadoria com vários estilos diferentes, entre música latina, brasileira, blues, jazz rock, jazz fusion, jazz reggae, jazz tradional… O Jazz é uma mescla de muitos estilos”, aponta o curador. “Produzir o Jazz na Ilha é uma experiência que exige muita energia, mas ver a comunidade envolvida e notar que as pessoas já não conseguem lembrar de agosto sem Jazz na Ilha é algo que traz muito orgulho e muita satisfação”, completa Giller.

Para o próximo ano, agosto segue sendo a data pretendida para realização do festival. “Esperamos voltar, como tradicionalmente, em agosto de 2023. Mas é bom todo mundo ficar ligado, pois pode vir novidade por aí!”, provoca Luiz Mourão, produtor executivo do Jazz na Ilha, sobre possibilidade do festival migrar para outro mês considerado de baixa temporada.

A 8ª edição do Festival Jazz na Ilha foi uma realização de Pagea Narrativas Ilimitadas e Jazz na Ilha Produções, com patrocínio da Ligga e cervejaria St. Paulie e apoio Thoro Empreendimentos, Vale Fértil, PUC-PR, Agência 433 e Brisa Arquitetura. Para mais informações, visite o site ou acesse o Instagram jazznailha.

Sobre o Festival Jazz na Ilha:
Realizado anualmente desde 2014, o Jazz na Ilha mudou o panorama do mês de agosto da Ilha do Mel, no Paraná, transformando um período de baixa procura e movimento em um dos mais disputados pelos turistas. A programação do festival oferece aos espectadores artistas de renome na cena com shows intimistas ao vivo e gratuitos. Quem visita a Ilha do Mel para prestigiar o evento, pode se hospedar nas pousadas apoiadoras oficiais, as quais estarão distribuindo copos reutilizáveis, fortalecendo um movimento ambientalmente consciente e coletivo que contribui cultural e economicamente com a região. Além das praias paradisíacas e trilhas, os participantes também podem realizar atividades como yoga, mutirões de limpeza e oficinas.

Sobre a JAZZNAILHA Produções Ltda:
Jazznailha é uma produtora cultural com base no litoral paranaense, mais precisamente em Pontal do Paraná. Criada a partir das demandas de um dos maiores eventos de jazz do país, o Jazz na Ilha, realizado há nove anos na Ilha do Mel (PR), a empresa busca levar a outros ambientes paradisíacos a marca de uma execução profissional e ecologicamente responsável em festivais e mostras culturais.

Administrada por Luis Henrique Stinglin, a empresa se credibilizou a atuar em todas as esferas da realização de um evento de grande porte e longa duração em meio à natureza. Buscando equilíbrio socioeconômico e ambiental, uma de suas principais premissas é executar projetos em baixa temporada, para oferecer variedade ao turismo, movimentando um mercado sazonal em momento oportuno e beneficiando toda a cadeia produtiva da região.

Sobre a Pangea Narrativas Ilimitadas:
Produtora audiovisual e cultural baseada em Curitiba, responsável pela realização do Jazz na Ilha em 2022, a Pangea Narrativas Ilimitadas tem foco na música e registros documentais, atuando como promotora da cultura em mais de 50 clipes musicais, 6 festivais, mostras de arte e live streams. Mais informações no site e Instagram pangeanarrativas.

Informações de Imprensa | Jazz na Ilha
Juliana Andrade: (41) 99914 5453
juliana@agenciacasa.com.br
Rafaela Nogueira: (11) 97161 1995
rafaela@agenciacasa.com.br
CASA Coletivo de Comunicação
São Paulo | Curitiba

ACORDES NA CASA ESTÁ DE VOLTA

Centro Cultural Sesi Heitor Stockler de França retorna apresentações de música instrumental aos sábados, a partir de setembro. Entrada gratuita.
downloadAttachment&Message%5Buid%5D=253216&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253CPH0PR22MB3521A3B3D1B29D882E25D832A17B9%2540PH0PR22MB3521.namprd22.prod.outlook.com%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3CPH0PR22MB3521A3B3D1B29D882E25D832A17B9%40PH0PR22MB3521.namprd22.prod.outlook.com%3E-1.1.2
Quartilis, apresentação neste sábado, 03/09.

O projeto Acordes na Casa, uma realização do Sesi Cultura Paraná, retorna em setembro de 2022, com programação gratuita no Centro Cultural Sesi Heitor Stockler de França, em todas as apresentações. As atrações, com foco na música instrumental, começam neste sábado, dia 03 e seguem até o mês de dezembro, sempre aos sábados, às 11h. Quartilis Toca Beatles será o primeiro show da temporada, um trio de Curitiba composto por cello, piano e violino.

A Cia Ilimitada, sob a curadoria do produtor e cantor Marcio Juliano, abre a temporada com apresentações de duos, trios e quartetos que trazem vários estilos e vertentes da música instrumental contemporânea, uma mostra do que circula na capital paranaense e na cena nacional.

Todos os shows apresentados são inéditos para o programa, tendo grupos já conhecidos da Casa, que retornam com novo repertório, e estreias pensadas especialmente para o Edital. Uma celebração das artes vivas no encontro de gerações de instrumentistas que farão ressoar seus acordes na programação da Casa Heitor Stockler de França em 2022.

A edição do programa Acordes na Casa deste ano é viabilizada pela Lei Federal de Incentivo à Cultura e tem patrocínio da Bosch.

Confira a programação de setembro:

03 de setembro - Quartilis Toca Beatles

Com Estela De Castro, Ervin Fast e Ana Paula Cervellini

Trio de cello, piano e violino propõe um concerto através da história musical da banda The Beatles, mostrando diferentes possibilidades dos instrumentos clássicos nas interpretações populares.

10 de setembro - Iskundum

Com Érica Silva, Rafael Chamone e Daniel D'Alessandro

O trio traz em sua sonoridade uma visão que alia a estética do jazz contemporâneo, R&B e elementos da música popular improvisada em composições próprias e releituras.

17 de setembro - Sons Nikkei

Com João Egashira, Juliana Saemi e Lilian Nakahodo

Sons Nikkei promove a mistura de instrumentos usuais dos universos musicais brasileiro e japonês para interpretar um repertório com canções tradicionais do Brasil e do Japão, além de composições autorais.

24 de setembro - Edith em casa

Com Edith de Camargo, Marcio Juliano, Priscila Graciano e Lúcio Lowen

O projeto Edith em Casa é uma instalação / performance sonora especialmente pensada para ocupar os diferentes cômodos da Casa Heitor e convidar o público para conhecê-los enquanto aprecia temas musicais variados.

Serviço:

Acordes na Casa

Quando: início 03 de setembro, sempre aos sábados.

Que horas: 11h

Onde: Centro Cultural Sesi Heitor Stockler de França (Av. Mal. Floriano Peixoto, 458 – Centro)

Preço: Gratuito (retirada de ingresso a partir das 10h)

Informações: 41 3322 2111

Semana eclética no Jokers

O Jokers (R. São Francisco, 164 – Centro-Histórico) preparou para esta semana uma programação musical bem eclética. Na terça-feira (30) tem a tradicional noite de música celta com HyBrazil. Na quarta (31) é a vez do Clube do Jazz com Samuel Strapasson Jazz Trio. Quinta-feira (1º) a noite promete com Dose in Blues tocando muito blues e soul. Na sexta-feira (02) tem Monster Truck - Rock party com clássicos do rock. E no sábado (03) as bandas curitibanas Machete Bom e Notívagos fecham a semana com uma mistura de ritmos que vai do rap ao reggae.
Conhecida por abrigar vários gêneros musicais – a tradicional casa noturna de Curitiba comemora este ano 21 anos de atividade, e apresenta uma variedade de atrações tanto no salão principal quanto no seu palco principal. Os lugares são limitados, com reservas antecipadas pelo telefone (41) 3324-2351.
A abertura do Jokers é às 18h, de segunda a sexta-feira, e às 21h nos sábados, com os shows iniciando às 19h30. A casa oferece o Happy Jokers das 18h. até as 20h30 com mais de 100 produtos com 50% de desconto. De quinta a sábado o cliente pode utilizar o estacionamento Gralha Azul – ao lado do Jokers que fica aberto durante o funcionamento da casa.

Confira a programação até o dia 03 de setembro:

TERÇA 30 AGO, 20 horas – Terça Celta. Trio HYBrazyl - Músicas típicas do folclore celta e seus agregados. Ingressos R$10 – a partir das 20 horas.

QUARTA 31 AGO, 20 horas – Clube do Jazz – com Samuel Strapasson Jazz Trio no repertórios standards do jazz. Ingressos R$5. Ingressos R$10 – a partir das 20 horas.

QUINTA 1º SET, 20 horas – Dose in Blues – Com Jamy Savtchen e Zé Nelson, no repertório muito blues e soul misturados com vários hits mesclados no ritmo Ingressos R$10 – a partir das 20 horas.

SEXTA 02 SET, 20 horas– Monster Truck - Rock party – No repertório muitos clássicos do rock. Ingressos R$15 – a partir das 20 horas.

SÁBADO 03 SET, 22 horas – Machete Bom + Notívagos – A banda curitibana Machete Bomb investe numa mistura de rock, samba e rap. Nessa fusão de estilos, a surpresa fica por conta do cavaco bomba, que soa mais pesado que guitarras elétricas. A banda Notívagos traz um repertório com muito Roots // Dub // Rap // Reggae. Ingressos R$40. Antecipado pelo site: https://www.sympla.com.br/evento/machete-bomb-notivagos-01-cerveja-ipa-do-machete/1671889

Jokers – R. São Francisco, 164 – Centro Histórico
Reservas e informações: (41) 3324-2351.
Atenção: de quinta a sábado o estacionamento Gralha Azul - ao lado do Jokers estará atendendo durante o funcionamento da casa – R$20 o período.

No sábado, dia 08/10, o Medieval Market e a Ordem do Grifo de Fogo reunirão artesãos, músicos, artistas e atletas em torno da temática medieval com programação especial também de Dia das Crianças.

O evento contará com atrações das 10h às 18h e inclui bardos medievais, simulação de acampamento histórico dos séculos X e XV, torneios de artes marciais históricas, arremesso de machado e arquearia medieval promovidos pela Ordem do Grifo de Fogo na chácara Refúgio do Vale, em Almirante Tamandaré.

O evento conta com 100 mil metros² de área verde, com trilha e bosque onde adultos, crianças, pets e toda a família podem se divertir com música ao vivo, dança folclórica, artesãos e mercadores temáticos, além da gincana medieval com jogos e contação de histórias para celebrar o Dia das Crianças.

A alimentação no evento conta com foodtrucks e culinária histórica com a Comidas da Sigvord preparando receitas da Escandinávia da Era Viking, tudo voltado para trazer a Idade Média de volta à vida em um ambiente próximo à natureza, aumentando ainda mais todo o encanto do período.

Nesta edição, intitulada “Despedida”, os organizadores e professores André Barreto e Luana Azevedo celebram as amizades criadas na empreitada do Medieval Market, que promove eventos na temática medieval há 5 anos, conquistando pessoas de diversos Estados. Como estão se mudando para continuar os estudos sobre a Idade Média na Europa, a organização incluiu ingressos promocionais que vão desde camisetas temáticas até um hidromel especialmente produzido pela Empório Stonehenge para a ocasião.

MAIS INFORMAÇÕES: ingressos (apenas com compras antecipadas, vagas limitadas: a partir de 30 reais*)

Endereço: Rua João Wicki, 263 (Chácara Refúgio do Vale)

Horário: 10h às 18h no dia 08/10

*Crianças de 0 a 5 anos não pagam

Para adquirir os ingressos, acesse o link: https://www.even3.com.br/despedidamedievalmarket/

Confira a programação do evento no site e nas redes sociais do Medieval Market:

Site: www.medievalmarketbrasil.com.br

Instagram https://www.instagram.com/medievalmarket/ (@medievalmarket)

Facebook: https://fb.me/e/3NVYP1ZPu

PROGRAMAÇÃO DO EVENTO

Mandirituba recebeu o projeto musical que leva conhecimento de música erudita e concertos a escolas municipais do Paraná

Grupo passa por 10 cidades do interior levando história, oficinas e concertos didáticos para alunos e professores

O Almanaque de Música Brasileira para Crianças, idealizado pelo Duonovo e Diversa Produções, leva conhecimento de música erudita para dentro das escolas municipais do Paraná entre os dias 24 de agosto e 18 de novembro. O projeto é um incentivo da Copel, por meio do PROFICE (Programa de Fomento e Incentivo à Cultura do Estado do Paraná). Na cidade de Mandirituba, as instituições que receberam o projeto foram as Escolas Municipais Alice Machado Ferreira Lagoinha e Escola Rural Municipal Nossa Senhora do Rocio.

Após ter passado por 20 escolas públicas do Ensino Fundamental de Curitiba, capacitar 100 professores, distribuir 3 mil livros e apresentar concertos para 5 mil crianças, o Almanaque de Música Brasileira para Crianças agora vai passar por dez cidades paranaenses de até 50 mil habitantes. Nas apresentações entre os dias 10 a 19 de agosto da segunda edição do projeto, só em Mandirituba e São Mateus do Sul, o grupo já atendeu 100 professores, quatro escolas, distribuiu mais de 260 livros e apresentaram-se para cerca de 800 crianças.

O projeto tem como objetivo fortalecer a identidade sonora brasileira e, por isso, na visão da diretora editorial e produtora executiva do programa, Priscila de Morais, faz sentido atuar dentro das escolas. “Nós queremos formar novos consumidores de música erudita e contar a história dos compositores brasileiros. Nas escolas, nós conseguimos fidelizar esse público”, conta a produtora.

Mas, segundo um dos idealizadores do projeto, Francisco de Luz, o Almanaque é muito completo porque oferece oficina de capacitação musical para professores, o almanaque com a história de compositores brasileiros para crianças e, por fim, um concerto musical para os alunos.

“Eu e o Audryn Souza [também idealizador] já fizemos muitos concertos didáticos nas escolas ao longo dos anos. Isso gera muitos momentos bacanas, mas percebemos que faltava embasamento para que os alunos sentissem melhor aquilo. Foi aí que veio o almanaque. O concerto ainda é o principal, mas há um livro que conta a história da música no Brasil e uma oficina que profissionaliza melhor os professores em relação à música”, conta Francisco, que é o violonista do Duonovo, junto do trompetista Audryn.

O Almanaque, inclusive, auxilia às escolas a cumprirem as determinações da Lei 13.278/16 (substituta da 11.769/08) que determina o ensino de música e outras linguagens artísticas nas escolas de Educação Básica. Por isso, a educadora musical Ana Marques, explica que as oficinas com os professores servem para que ela possa apresentar ferramentas musicais para que eles possam trabalhar com seus alunos.

“Muitas vezes nós associamos a música com algo muito técnico, isso é verdade, mas também temos que mostrar que a música é para todo mundo. Por isso, nós ensinamos aos professores como escutar de verdade e também apresentamos muitos jogos e brincadeiras que eles podem fazer com os alunos de uma forma leve, lúdica e acessível”, conclui Ana.

Segundo os organizadores, o projeto é, portanto, um despertar. “O Almanaque serve para as pessoas conhecerem mais sobre a música brasileira e, principalmente, como passar a ouvir música com mais cuidado, estimular uma escuta atenta desde criança”, afirma o idealizador.

O livro

O almanaque é um livro ilustrado que conta a história da música de concerto no Brasil através de 8 compositores desde o período colonial, quando a música de câmara chegou no país, até os dias de hoje. O livro é distribuído gratuitamente em todas as escolas que recebem as ações do projeto, acompanhado de um folheto de atividades para orientação dos professores.

No site do projeto qualquer pessoa pode baixar o livro em PDF e ter acesso aos links para ouvir gratuitamente o disco gravado pelo Duonovo, contendo músicas de Padre José Maurício, Carlos Gomes, Brasílio Itiberê, Chiquinha Gonzaga, Villa-Lobos, Camargo Guarnieri, Henrique de Curitiba e Egberto Gismonti.

Os concertos

Formado pelo violonista Francisco Luz e o trompetista Audryn Souza, o Duonovo realiza concertos interativos dentro das salas de aula de 1º a 5º ano do Ensino Fundamental, apresentando o repertório dos compositores retratados no livro.

“Por estarem em seu próprio ambiente, as crianças sentem-se confortáveis para se expressarem e conversarem com a gente. Sem necessidade de infraestrutura complexas, nós passamos um período de até 4 horas dentro das escolas, nos adaptando aos horários das turmas para fazer apresentações de até 20 minutos em cada sala”, completa Luz.

As oficinas
As oficinas possuem carga horária de 4 horas e tem como intuito instrumentalizar os professores a utilizarem o material impresso em suas aulas. São 40 vagas gratuitas com preferência aos professores das escolas onde se realizarão os concertos didáticos. Também haverá emissão de certificados para os participantes.

Confira o cronograma das ações
10/08 - Oficina “Uma escuta criativa” em Mandirituba

12/08 - Oficina “Uma escuta criativa” em São Mateus do Sul

18/08 - Concertos didáticos com Duonovo em São Mateus do Sul

19/08 - Concertos didáticos com Duonovo em Mandirituba

24/08 - Oficina “Uma escuta criativa” em Palmeira

26/08 - Oficina “Uma escuta criativa” em Prudentópolis

01/09 - Concertos didáticos com Duonovo em Prudentópolis

02/09 - Concertos didáticos com Duonovo em Palmeira

08/09 - Oficina “Uma escuta criativa” em Marialva

09/09 - Oficina “Uma escuta criativa” em Ubiratã

15/09 - Concertos didáticos com Duonovo em Ubiratã

16/09 - Concertos didáticos com Duonovo em Marialva

07/10 - Oficina “Uma escuta criativa” em Ibiporã e Cornélio Procópio

20/10 - Concertos didáticos com Duonovo em Cornélio Procópio

21/10 - Concertos didáticos com Duonovo em Ibiporã

A amizade em forma de música

Um dos nomes mais importantes da música instrumental do Paraná, o saxofonista e clarinetista Daniel Miranda – que faleceu em 2019 –, recebe uma homenagem à altura de seu talento com o CD Notas para Daniel Miranda, com o grupo Choro e Seresta. O show de lançamento acontece nesta sexta-feira, dia 26, às 20 horas, no Centro Cultural FIEP Unidade Dr. Celso Charuri - Sala Black Box (Rua Paula Gomes, 270 – São Francisco). No repertório serão apresentadas 12 obras – que tem como espinha dorsal as faixas do disco e algumas composições que ficaram de fora da gravação, mas que Daniel adorava tocar. Todas as músicas foram compostas e/ou arranjadas por renomados instrumentistas de Curitiba como Cláudio Menandro, Julião Boêmio, João Egashira, Daniel Migliavacca e Lucas Melo – que fez a direção musical do CD.
Daniel Miranda era um músico talentoso, inquieto e polivalente. Sua atuação musical na cidade foi marcada por uma trajetória impecável onde ele mantinha cadeira cativa todos os domingos com o grupo Choro e Seresta na Feirinha do Largo da Ordem, e, também, se apresentava com a Banda Lyra (que ele foi um dos fundadores) em diversos espaços públicos e solenidades da Prefeitura de Curitiba, e com várias orquestras e grupos de choro e samba da cidade. Dono de uma personalidade amável e extrovertida, o músico conquistou uma legião de amigos. O CD Notas para Daniel Miranda traduz esse sentimento de gratidão e reconhecimento: a amizade em forma de música.
Uma curiosidade deste álbum é a faixa “Luquinha”. A única composta pelo homenageado e que traz no título o apelido de seu filho Lucas Miranda. Na gravação do grupo Choro e Seresta o arranjo é do próprio Lucas num encontro musical familiar emocionante. Lucas, por sua vez, compôs para o pai, o choro “Mirandão”, que está no disco e também será apresentado no show. O Conjunto Choro e Seresta é formado atualmente por: Joãozinho do Pandeiro, Lucas Melo, Marcos Almeida, Clayton Silva e Lucas Miranda (que assina a direção musical do espetáculo). O projeto foi realizado com recursos do programa de apoio e incentivo à cultura – Fundação Cultural de Curitiba, da Prefeitura Municipal de Curitiba.
Daniel Miranda
O saxofonista e clarinetista Daniel Miranda teve importante papel na história da música em Curitiba. Fez parte de bandas de diferentes estilos e foi um dos fundadores da Banda Lyra Curitibana, além do Conjunto Choro e Seresta, participou de várias orquestras e grupos musicais, entre eles a Orquestra À Base de Sopro do Conservatório de MPB de Curitiba. Ao longo da carreira, Miranda dividiu palco com diversos músicos locais e com lendas da música brasileira que passavam por Curitiba para se apresentar como Nelson Sargento, Guilherme de Brito, Argemiro Patrocínio, Noca da Portela, Silvério Pontes e muitos outros.
Choro e Seresta
O conjunto Choro e Seresta foi criado no início da década de 70 e é o regional em atuação de maior representatividade na história do choro de Curitiba. Atualmente o Conjunto Choro e Seresta é formado por músicos que se encontram em três gerações da formação inicial. O conjunto mantém a tradição de se apresentar aos domingos na feirinha do Largo da Ordem. No repertório, além dos clássicos do gênero, o grupo busca valorizar a música curitibana como um todo, incentivando a produção musical e a apreciação da população, ressaltando e resgatando a arte local, reforçando e fortalecendo uma identidade cultural própria da Cidade.

Serviço:
Lançamento do CD Notas para Daniel Miranda com o Conjunto Choro e Seresta. Sexta-feira, dia 26 de agosto, às 20 horas, no Centro Cultural FIEP - Unidade Dr. Celso Charuri – Sala Black Box
(Rua Paula Gomes, 270 – São Francisco). Ingressos: R$15 (inteira) e R$7,50 (meia). A venda no local ou pelo Sympla:
https://www.sympla.com.br/show-lancamento-disco---notas-para-daniel-miranda__1678277
Classificação: Livre

Assessoria de Imprensa Curitiba:
RB – Escritório de Comunicação
Rodrigo Browne – (41) 99145-7027

Sugestão de BOX

Roteiro do show

01 - Malandro velho na roubada (Daniel Migliavacca)
02- Choro pro Daniel Miranda ( Cidinho 7 cordas)
03 - Sargento Miranda (João Egashira)
04 - Ebubu fulô (Julião Boêmio)
05 - Poeira D’ água (Cláudio Menandro)
06 – Mirandão (Lucas Miranda)
07 - Ahi! Cavaquinho (Erothides de Campos)
08 - No balanço (Lucas Melo)
09 - Mas eu te disse (Wilson Moreira)
10 - Luquinha (Daniel Miranda)
11 - Zequinha na Esbórnia (Julião Boêmio)
12 - Vida de músico (Luiz Otávio)

Primeiro dia do Rock in Rio, 02 de setembro, é anunciado oficialmente como o “Dia do Reencontro” e decretado ponto facultativo na cidade pelo prefeito Eduardo Paes

Portões da Cidade do Rock abrem em 25 dias para o público celebrar a vida

Primeiro dia de Rock in Rio será de festa e muito reencontro. É que nesta segunda-feira, 08 de agosto de 2022, o dia 02 de setembro foi oficialmente declarado como ponto facultativo em repartições públicas municipais e intitulado de “Dia do Reencontro” pelo Prefeito do Rio de Janeiro Eduardo Paes, ao sair a publicação no Diário Oficial do Munícipio do Rio de Janeiro, com decreto que garante esta celebração.

“Será um dia não apenas de reencontro como de paz. Há pouco mais de 37 anos, em 1985, o Rock in Rio nascia para dar voz a uma população que saía de um longo período de ditadura. Hoje, em 2022, o festival traz mais uma vez o sentimento de esperança, alegria para dentro da atmosfera da mágica Cidade do Rock. A vida, mais uma vez, está recomeçando e o Rock in Rio chega como um verdadeiro parque de experiências que trará a música como símbolo maior para o reencontro dessas pessoas.”, conta Roberto Medina, presidente e criador do Rock in Rio, que complementa “Ter o apoio da Prefeitura e do Prefeito da nossa cidade é fundamental. Estamos celebrando o fato de o “Dia do Reencontro” ter sido escolhido para a mesma data de início do Rock in Rio, afinal, qual melhor lugar para celebrar e se reunir com os amigos e a família do que o Rock in Rio?

Ainda este ano, o Rock in Rio foi declarado patrimônio cultural imaterial pela cidade e estado do Rio de Janeiro, reforçando sua relevância. A edição de 2022 está marcada para os dias 2, 3, 4, 8, 9, 10 e 11 de setembro, com artistas no Palco Mundo como IRON MAIDEN, Sepultura, Post Malone, Justin Bieber, Demi Lovato, Guns N' Roses, Måneskin, Coldplay, Camila Cabello e Dua Lipa.

Sobre o Rock in Rio
O Rock in Rio foi criado para dar voz a uma geração e promover experiências únicas e inovadoras. Em 1985, o evento foi responsável por colocar o Brasil na rota de shows internacionais. Batendo recordes de público a cada edição e gerando impactos positivos nos países onde é realizado, se consagrou como o maior festival de música e entretenimento do mundo. Consciente do poder disseminador da marca, hoje o Rock in Rio pauta-se por ser um evento com o propósito de construir um mundo melhor para pessoas mais felizes, confiantes e empáticas num planeta mais saudável.

A internacionalização da marca começou por Portugal, Lisboa, em 2004, onde o evento acontece até hoje, seguido por Espanha (Madri) e pelos Estados Unidos (Las Vegas). No Rock in Rio, os números não param de crescer. Pelas Cidades do Rock já passaram mais de 10 milhões de visitantes nestas 21 edições. Em 37 anos, o festival ganhou o mundo e tornou-se um verdadeiro parque de experiências, mas muito além disso, cresceu e ampliou a sua atuação, sempre com o olhar no futuro.

Adotando e incentivando práticas que apoiam o coletivo, o Rock in Rio preza pela construção de um mundo melhor e se une a empresas que possuem este mesmo olhar e diretriz. Em 2013, foi reconhecido por seu poder realizador ao receber a certificação da norma ISO 20121 - Eventos Sustentáveis. Desde a primeira edição, já gerou 237 mil empregos diretos e indiretos e investiu, junto com seus parceiros, mais de R$ 110 milhões em diferentes projetos, passando por temas como sustentabilidade, educação, música, florestas, entre outros.

Ladies Ensemble traz as três culturas para o palco, num concerto que celebra a paz e o entendimento

Músicas do século XII dos povos árabe, judeu e cristão serão acompanhadas por instrumentos da época. Cada etnia será representada por uma cantora

O próximo concerto da Orquestra Ladies Ensemble será uma verdadeira celebração do espírito de irmandade. Nos dias 12 e 13 de agosto, o “Concerto Concerto Étnico - As 3 Culturas” levará ao palco do Auditório Regina Casillo músicas antigas das culturas árabe, cristã e judaica. A época focada, entre os anos 1100 e 1200, foi um momento em que esses povos conviviam em harmonia. A realização é do Solar do Rosário.

A música é uma linguagem universal, capaz de tocar a alma dos ouvintes. O concerto concebido pela fundadora, diretora artística e musical da orquestra Fabiola Bach Akel traz mais do que a arte musical, mas uma rica tradição cultural, que propõe uma profunda reflexão.

Na Península Ibérica, árabes, judeus sefarditas e cristãos compartilharam em vários séculos de história comum, idiomas perfeitamente entendidos entre si, refrões, contos, lendas, vivências e, ainda, tristes desencontros produzidos ao longo de séculos de convivência e separação. “O Sul da Espanha naquela época era muito desenvolvido. Em Córdoba e Toledo eles já tinham iluminação pública, a parte cultural era muito evoluída, havia um entrosamento entre as culturas. Dali saíram alguns grandes tratados de Medicina, de História, de Astronomia”, conta Fabiola.

Este concerto reúne um legado extraordinário, uma herança cultural que ainda se mantém viva na língua ladina - semelhante ao castelhano, uma mistura do hebraico com os idiomas da região, amplamente falada no passado, hoje restrita a alguns povos depositários deste verdadeiro tesouro - que neste espetáculo extravasa na musicalidade. Fabíola, modestamente, lembra por meio da música que há caminhos capazes de levar povos irmãos ao entendimento.

Para contribuir com o Hospital Pequeno Príncipe, o público é convidado a levar doações de alimentos não perecíveis. Como os concertos têm incentivo fiscal da Lei Federal de Incentivo à Cultura, os ingressos têm valores acessíveis.

Instrumentos e cantoras

Naquela época e local, havia uma maioria árabe, que também falavam outra língua, o algemiado - espécie de mistura entre o árabe e o espanhol. Sua influência na música das outras duas culturas fica evidente nos instrumentos musicais compartilhados por todos: pela similaridade, há momentos em que não é possível identificar de qual etnia é a música.

Para reproduzir essa riqueza, a orquestra traz instrumentos da época, como o alaúde, que será tocado pelo solista convidado Abed Tokmaji. Refugiado sírio, Abed mora em Curitiba e é irmão da integrante da Ladies Ensemble Myria Tokmaji, que trouxe para a orquestra a sonoridade do qanum, instrumento de cordas originário do século X. “Inserimos o qanum com a Myria em 2018. Foi um desafio fazer essa conversa entre ele e os instrumentos ocidentais modernos”, diz Fabiola. Desta vez, além do qanum, a conversa inclui o alaúde.

Lucia Loxca, esposa de Aded, também participará do concerto, como cantora. A ela caberá o repertório andaluz. A mezzo soprano Daniele de Oliveira, de Curitiba, canta as músicas cristãs e de São Paulo vem a cantora Fortuna, responsável pelas obras em sefaradi e hebraico.

“É linda essa escolha da Fabiola e da Orquestra de trazer um tempo áureo, de grandes avanços. Além da convivência pacífica e da riqueza cultural, foi um berço de uma civilização e cultura que trouxeram a Filosofia, a Ciência, era uma época muito iluminada. E uma grande oportunidade ouvir uma música tão antiga, tão importante para a História, com instrumentos antigos”, afirma Lucia Casillo Malucelli, diretora do Solar do Rosário.

A Ladies Ensemble

Primeira orquestra formada só por mulheres no Brasil, a Ladies Ensemble atua desde 2009 e reúne musicistas de diferentes idades, vertentes, influências e inspirações. A orquestra é expoente em um universo com diminuta presença feminina em posições de liderança e mostra que mulheres podem ser protagonistas em uma orquestra.

O apoio a causas da mulher é uma de suas missões centrais — entre elas, a conscientização sobre o câncer de mama. Para isso, produz iniciativas como o “Concerto das Rosas” — espetáculo apresentado para milhares de pessoas entre 2017 e 2018 com o objetivo de arrecadar fundos para a compra de próteses mamárias.

Hoje com “casa própria” no Auditório Regina Casillo, a Ladies Ensemble tem entre suas missões a formação de plateia, a democratização da música clássica e a formação de musicistas. Desde seu início pioneiro como noneto, em 2009, até hoje, a orquestra influencia e inspira outras mulheres a seguirem seus sonhos e paixões sem medo.

O projeto anual “Orquestra Ladies Ensemble no Auditório Regina Casillo” foi viabilizado pela Lei Federal de Incentivo à Cultura, do Ministério do Turismo, Secretaria Especial da Cultura, e conta com patrocínio das empresas BHS Corrugated, Oregon, Nórdica Veículos, Guararapes, Impextraco, Tintas Dacar, Sollo Sul, Ferragens Negrão, Transunion, Abase Vet, Grupo Barigui Veículos, Grasp, Milium, Trutzschler, Agrosul Catarinense, GV2C, Tintas Alessi, Fobras, PASA, Delta Cable, Plast & Pack, M.A. Máquinas, Dissul, Stampa Food e Perkons. Conta com apoio de Casillo Advogados e Cia da Roupa, Hotel Bourbon. A instituição beneficiada é o Hospital Pequeno Príncipe. A realização é do Solar do Rosário, espaço particular de Arte e Cultura em Curitiba fundado em 1992. Com direção geral de Lucia Casillo Malucelli.

Serviço
Concerto Étnico - As 3 Culturas
Datas: 12 e 13 de agosto de 2022
Horário: Sexta às 20h | Sábado às 17h
Local: Auditório Regina Casillo - Rua Lourenço Pinto, 500, Centro, Curitiba – PR
Ingressos: R$ 35 (inteira) / R$ 17,50 (meia)
Vendas pelo Disk Ingressos: (41) 3315-0808 | https://www.diskingressos.com.br/

Estacionamento gratuito no local

Crédito das fotos: Marcelo Elias

Instituto Festival de Dança de Joinville e Integrado lançam 3 cursos de pós-graduação em dança

Parceria reúne os conhecimentos dos palcos, o aprendizado das salas de aula e promove a dança em todo Brasil
O Instituto Festival de Dança acaba de fazer uma parceria com o Centro Universitário Integrado. Dessa forma, a partir de outubro, as instituições vão disponibilizar três cursos de pós-graduação em dança, na modalidade de ensino à distância.

De um lado, uma instituição de ensino superior com sólida trajetória no ramo da educação, que há 20 anos oferece cursos de pós-graduação. De outro, a organização responsável pelo maior festival de dança do Brasil e reconhecido como o maior do gênero no mundo.

O resultado da parceria são os novos cursos de “Dança, Consciência e Diferença”, “Ensino da Dança” e “Produção e Gestão de Projetos Culturais” com foco em estudos do corpo, dança adaptada para populações especiais e consciência corporal no ensino da dança.

A duração dos cursos é de 12 meses, com grades entre 360 e 400 horas de aulas, há disciplinas comuns e outras específicas em cada área. As aulas devem começar em 17 de outubro deste ano.

Aprendizado no seu ritmo
Os estudantes farão as aulas em um ambiente online de aprendizagem do Centro Universitário Integrado, podendo escolher o melhor dia e horário para os estudos. Ainda terão o apoio de um tutor para acompanhar a jornada de aprendizado.

A certificação do curso, reconhecido pelo MEC, será emitida pela instituição de ensino. Toda a estrutura pedagógica, matriz curricular e carga horária foram definidas por meio desta parceria entre o Integrado e o Instituto Festival de Dança de Joinville.

“Queríamos encontrar um parceiro que tivesse o melhor do Brasil na área da dança. O Instituto Festival de Dança de Joinville é muito forte naquilo que se propõe, que é trazer a dança para a vida das pessoas e o Integrado tem a finalidade de transformar as pessoas por meio da educação. Por isso, temos a certeza de que essa união irá promover uma revolução na vida de quem deseja se especializar nessa arte”, explica Vanessa Nicola Dallabrida, encarregada da pós-graduação no Integrado.

“A parceria entre o Instituto Festival de Dança de Joinville e uma instituição de referência como o Centro Universitário Integrado de Campo Mourão (PR) é de grande importância para o mercado da dança no país. Ela possibilita oferecer aos profissionais da dança um conteúdo rico, com a chancela do Festival, e os mais modernos recursos de educação à distância, proporcionando qualificação e atualização profissional”, destaca Deivison Garcia, assistente executivo do Instituto Festival de Dança de Joinville.

Inscrições promocionais
Os professores selecionados pela coordenação dos cursos são profissionais do segmento, que podem unir o conhecimento técnico com a parte prática.

Durante o Festival de Dança de Joinville - que acontece entre os dias 19 e 30 de julho, na cidade catarinense - haverá um espaço para a divulgação dos cursos de pós-graduação do Integrado. Neste período, as inscrições estão com valor promocional de R$ 99,90 para a primeira mensalidade e 40% de desconto nas demais.

Para a pós-graduação não é necessário fazer vestibular. Basta que o aluno tenha concluído a graduação - independente da área - para fazer a inscrição até o início das aulas, em um dos três cursos.

Curso: Dança, Consciência e Diferença
Carga horária: 360 horas
Disciplinas:
Estudos do corpo
O ser humano e a música
Metodologia da pesquisa
Práticas somáticas
Musicoterapia
Prevenção a lesões
Psicologia geral
Filosofia das diferenças
Dança adaptada para populações especiais

Curso: Produção e Gestão de Projetos Culturais
Carga horária: 360 horas
Disciplinas:
Estudos do corpo
O ser humano e a música
Metodologia da Pesquisa
Processos criativos da construção da cena
Estudos crítico-analíticos
Recursos tecnológicos e aspectos de sonorização
Fomento à cultura e técnicas de captação de recursos
Corpo e multimídia
Economia da dança: políticas e gestão cultural

Curso: Ensino da Dança
Carga horária: 400 horas
Disciplinas:
Estudos do corpo
O ser humano e a música
Metodologia da pesquisa
A consciência corporal no ensino da dança
Aplicabilidade do sistema Laban no ensino da dança
Psicologia da educação
Didática e práticas pedagógicas
Ensino de dança na educação formal
Discursos da dança contemporânea
Danças urbanas

Serviço
O que: Novos cursos EAD de pós-graduação em dança do Centro Universitário Integrado de Campo Mourão (PR)
Quando: Início das aulas em 17 de outubro
Onde: Plataforma online do Centro Universitário Integrado
Valor: Entre os dias 19 e 30 de julho as inscrições estarão com valor promocional de R$ 99,90 para a primeira mensalidade e 40% de desconto nas demais
Como se inscrever: Pelo site www.unidanca.com.br

Sugestão de legenda
Cursos online vão democratizar o conhecimento e o acesso à dança

Crédito das fotos
Divulgação

UP ExperienceAssociação Musical Alegro anuncia nova sede em Curitiba, com aulas gratuitas para comunidade

A partir do dia 1.º de agosto, a UP Experience - centro cultural, esportivo e científico responsável pelos espaços comerciais da Universidade Positivo - passa a ser casa oficial da Associação Musical Alegro. Ao longo de 2022, são várias apresentações, concertos didáticos e ensaios abertos nos espaços cedidos pela UP. Os ensaios da Orquestra Infantil Alegro (OIA), que acontecem aos sábados, serão realizados no Teatro UP Experience.

Por meio da parceria, batizada de Núcleo UP-Alegro, além dos ensaios da OIA acontecerem na UP, serão oferecidas aulas gratuitas de violino para toda a comunidade de dentro da universidade e ao redor dela. Estudantes de escolas públicas e privadas da região, professores, colaboradores e alunos da universidade, que tenham filhos e dependentes entre 7 e 16 anos de idade, poderão participar das aulas oferecidas pela associação.

Para o diretor da UP Experience, Eduardo Faria Silva, é imensurável a importância de abrigar um projeto como a Alegro. “Para nós, é motivo de muito orgulho ser a incubadora de um projeto social e educacional tão lindo, que impacta milhares de pessoas por meio de concertos musicais e ações didáticas”, ressalta.

Em janeiro deste ano, o Teatro Positivo já havia anunciado apoio à Associação Musical Alegro. Por meio da parceria, o maior teatro do Paraná vai sediar todos os concertos, de forma gratuita e aberta à população. O primeiro deles aconteceu dia 27 de junho e os outros estão programados para 14 de novembro e 14 de dezembro.

As vagas para as aulas gratuitas de violino já estão preenchidas, mas as inscrições para a lista de espera podem ser realizadas nesse formulário. As vagas são limitadas e destinadas a crianças e adolescentes entre 7 e 16 anos e não é necessário ter o instrumento para participar das aulas.

Sobre a Associação Musical Alegro

Fundada em março de 2016 pelo músico britânico Edward Matkin, a Associação Musical Alegro desenvolve um programa de educação musical de relevância e excelência no sul do Brasil. O trabalho da Alegro se desenvolve a partir de três pilares: núcleos de ensino de música, que dão a chance para que meninos e meninas de locais com desafios socioeconômicos aprendam música clássica; Orquestra Infantil Alegro (OIA), uma orquestra sinfônica formada por instrutores e maestros profissionais e composta por alunos de escolas públicas, com faixa etária entre 9 e 17 anos; e Orquestra Jovem Alegro (OJA), formada por jovens de até 29 anos com formação musical já avançada. A Alegro apoia seis Núcleos de Ensino que proporcionam acesso à educação musical para crianças e jovens, muitos em situação de vulnerabilidade social. Em 2022, a Alegro está apoiando mais de 800 crianças e jovens em Piraquara, Almirante Tamandaré, Antonina, Paranaguá, no bairro CIC, em Curitiba, e na cidade da Lapa. A Associação Musical Alegro também tem o apoio estratégico da embaixada britânica no Brasil por meio dos consulados e da ABRSM (Associated Board of the Royal Schools of Music) - maior órgão de educação musical do Reino Unido, que tem apoio da Rainha Elizabeth.

Sobre a UP Experience

Formada por Teatro Positivo, UP Expo e pelos campi da Universidade Positivo (Ecoville, Osório e Santos Andrade), e projetada pelo arquiteto Manoel Coelho, a UP Experience é o maior e mais completo centro cultural, esportivo e científico do Paraná para a realização dos mais diversos tipos de eventos. Com mais de 500 mil m², sendo 153 mil m² de área verde, UPX é parte indispensável do ecossistema de eventos e turismo do Paraná e de todo o Brasil. Atuando para ser referência nacional, a UP Experience supera as expectativas do mercado e da sociedade realizando ações com qualidade e sofisticação, democratizando o acesso de todos à cultura e ao conhecimento. upx.art.br

Festa Balaio de Gato no Jokers

O Jokers (R. São Francisco, 164 - Centro-Histórico) recebe neste sábado (23), a festa Balaio De Gato que comemora 10 anos de vida do brechó e collab comandada por mulheres. O evento começa às 19 horas com um pocket bazar de economia criativa de marcas locais e venda de arte indígena. A pista abre às 22 horas com 3 Djs - Ana Guimarães. Babi Oeiras e Isa Todt - que agitam as noites curitibanas com seus ritmos dançantes. Parte da bilheteria será destinada para a ONG @projeto_origem. A recepção será feita pela @juana.profunda ícone drag da cena de Curitiba.
Conhecida por abrigar vários gêneros musicais – a tradicional casa noturna de Curitiba comemora este ano 21 anos de atividade, e apresenta uma variedade de atrações tanto no salão principal quanto no seu palco principal. Os lugares são limitados, com reservas antecipadas pelo telefone (41) 3324-2351.
A abertura do Jokers é às 18h, de segunda a sexta-feira, e às 21h nos sábados, com os shows iniciando às 19h30. A casa oferece o Happy Jokers das 18h. até as 20h30 com mais de 100 produtos com 50% de desconto. De quinta a sábado o cliente pode utilizar o estacionamento Gralha Azul – ao lado do Jokers que fica aberto durante o funcionamento da casa.

SÁBADO 23 JULHO, 19 horas– FESTA BALAIO DE GATO - pocket bazar de economia criativa de marcas locais + venda de arte indígena. A pista abre às 22 horas com as DJs Ana Guimarães. Babi Oeiras e Isa Todt. Parte da bilheteria será destinada para ONG @projeto_origem. Recepção @juana.profunda ícone drag da cena de Curitiba. Promo: Double de Gin até às 23h. Ingressos R$25 (antecipado) e R$30 (na hora). Ingressos à venda no espaço físico do Balaio, na Rua Pres. Carlos Cavalcanti, 400 loja 06 e no Sympla www.sympla.com.br/festa-de-10-anos-do-balaio__1646526

Jokers – R. São Francisco, 164 – Centro Histórico
Reservas e informações: (41) 3324-2351. www.jokers.com.br
Atenção: de quinta a sábado o estacionamento Gralha Azul - ao lado do Jokers estará atendendo durante o funcionamento da casa – R$20 o período.