Pepernoten: o biscoito que inunda a Holanda próximo ao Natal

Pepernoten: o biscoito que inunda a Holanda próximo ao Natal

Receita é tradição na noite mais esperada do ano pelas crianças

O início de dezembro marca um período muito especial para a cultura holandesa. A celebração Sinterklaas (São Nicolau), que começa em novembro, dura semanas e termina na Pakjesavond, dia 5 de dezembro, com a noite dos presentes, marca o final de ano holandês. O auge dessa celebração é marcado pela presença do Sint, que, vestido de vermelho, com seu cavalo branco chamado de Amerigo, visita as criancinhas comportadas para deixar um presente.

Para dar início à mais importante tradição holandesa, São Nicolau chega ao país em um navio a vapor vindo da Espanha. A celebração exige uma grande preparação, pois o Sint é recebido no porto e, acompanhado de seus Pieten, vai até uma cidade na Holanda, anteriormente escolhida. O evento é nacional e atrai multidões, sendo televisionado ao vivo.

O Sint é recebido pelo prefeito da cidade e, durante um desfile pelo local, os Zwarte Pieten distribuem biscoitinhos e um mix de docinhos típicos da época para as crianças. Ao longo de todo o período da festividade, os Pieten distribuem todas as noites schoencadeautjes, que são os “presentinhos do sapato” nas casas.

O Natal, como os brasileiros conhecem, também é comemorado na Holanda. Porém, depois de tanta festividade, a data tem uma conotação mais espiritual e familiar.

Da Holanda para o Brasil

Moradora de Arapoti, região em que a cultura holandesa predomina, Femmy de Groot afirma que a comemoração da data se mantém em sua casa até os dias de hoje. “Nós comemoramos sempre o dia 5 de dezembro, aniversário de Sinterklaas. Nesse dia, crianças menores ganham presentes e os adultos preparam os pepernoten em suas próprias casas”, diz.

“Os pepernoten, também conhecidos como kruidnoten, são bolachas pequenas feitas com um pouco de pimenta, servidas no período anterior e durante as celebrações de Sinterklaas na Holanda, assim como em outros lugares onde a festa típica acontece, como nas colônias holandesas”, conta a coordenadora da Associação Cultural Brasil Holanda, Marina van der Vinne. A denominação Pepernoten pode ser traduzida como "noz apimentada", a palavra 'peper' significa pimenta, porque algumas receitas usam esse ingrediente, mas a maioria usa principalmente especiarias conhecidas como ‘speculaaskruiden’. Os pepernoten têm um tamanho parecido com uma noz ('noot' significa noz em neerlandês).

“Com o passar do tempo, a receita foi ganhando adaptações, de acordo com os gostos e ingredientes utilizados por cada família”, comenta Cleonir Vitorio Ongaratto, coordenador de negócios do moinho da Herança Holandesa que tem uma receita tradicional do pepernoten, para quem quiser experimentar fazer em casa.

Ingredientes:

2 xícaras de farinha de trigo Herança Holandesa
1 colher de chá de fermento em pó
2 colheres de chá de canela em pó
1 colher de chá de cravo em pó
1/2 colher de chá de gengibre em pó
1 colher de pimenta
2 colheres de manteiga
1 xícara de açúcar mascavo
50 gramas de schenkstroop- pode ser substituído por melado
1 colher de sal
Modo de preparo:

Misture a farinha, o fermento e as especiarias numa tigela. Em uma panela, derreta a manteiga com o açúcar mascavo, o mel e o sal, e mexa até que a manteiga esteja derretida e bem incorporada.

Junte a mistura de farinha com a manteiga derretida e mexa bem até formar uma massa macia. Deixe esfriar num lugar fresco por 2 horas.

Pré-aqueça o forno em 180 °C. Faça rolos com a massa de 0,5 cm de espessura e fatie, produzindo os mini cookies.

Distribua-os numa forma forrada com papel manteiga e leve ao forno por aproximadamente 15 minutos, posicionando a forma no meio do forno. Tire do forno e deixe-os esfriar sobre uma grade.

Sobre a ACBH

A Associação Cultural Brasil-Holanda (ACBH) é uma organização formada por holandeses e descendentes de holandeses no Brasil, oriundos de diversas colônias. Visa preservar o patrimônio histórico artístico e cultural holandês e brasileiro para a posteridade. Também quer incentivar, desenvolver e divulgar as várias formas de expressão cultural. Mais informações: https://www.acbh.com.br/

Como planejar encontros de fim de ano com segurança

Laboratório oferece três tipos de testagem para COVID-19 e resultados em até 2h

Final de ano é sinônimo de reuniões familiares, confraternizações e aglomeração. Em meio a pandemia, é possível planejar um encontro familiar em segurança? Segundo o diretor técnico do LANAC, o especialista em bacteriologia Marcos Kozlowski, todo cuidado é pouco durante este momento em que vivemos. “Em novembro, tivemos um aumento de 300% nos resultados positivos para COVID-19 no laboratório”, afirma. Até o final de outubro, o LANAC realizava 100 a 120 testes por dia, entre sorológico e RT-PCR. Em novembro, a média diária foi de 350 testes/dia.

O laboratório oferece três tipos de testagem para o coronavírus: o sorológico, o antígeno e o RT-PCR. “É possível pedir aos familiares que realizem a testagem antes dos encontros. Neste caso, o ideal é consultar o médico, que irá avaliar cada caso e ver qual metodologia garante maior segurança para todos”, afirma.

O laboratório realizará as coletas até o dia 23 de dezembro, e respeitará o prazo de cada testagem para os resultados. Entre os dias 25 e 27 de dezembro, a coleta será feita somente nas unidades hospitalares. Para quem deseja fazer a testagem para o Ano Novo, coletas feitas até o dia 30 e, entre os dias 1 a 3 de janeiro, coleta apenas nas unidades hospitalares.

Conheça os testes para COVID-19:

Fabricado pela Roche, o teste sorológico utilizado no LANAC apresenta registro na ANVISA e conta com o certificado Emergency Use Authorization (EUA) da U.S. Food and Drug Administration (FDA). O teste apresenta 99,9% de especificidade e 98,3% de sensibilidade e identifica s anticorpos totais ( IgG / IgM / IgA). Segundo Kozlowski, quanto maior a sensibilidade, menor a chance de resultados falsos negativos. "Atingimos 99,9% de sensibilidade nesse teste quando é realizado a partir do 14º dia de contágio", explica. O resultado sai em até 24h e o valor é R$200, realizado em todos os postos de coleta do laboratório.

O RT-PCR é considerado o padrão ouro da testagem para COVID.19. Em parceria com o Genoprimer, laboratório especialista em diagnóstico molecular, o resultado sai em até 48h, e indica se a pessoa está com o vírus ativo no organismo. O teste é realizado exclusivamente na sede central, na Rua Itupava, 998, e custa R$350.

No começo de novembro, o LANAC passou a oferecer também o COVID-19 Ag ECO Teste, que faz a detecção de antígeno do vírus da COVID-19, com especificidade de 99% e sensibilidade de 96%. A coleta é feita por Swab, com a secreção nasal, e o resultado sai em até duas horas. Ele é indicado para pessoas a partir do terceiro dia de sintomas ou possível contato com o vírus. Este teste é uma opção em emergências, e é oferecido apenas nas unidades hospitalares do LANAC: Hospital das Nações, Hospital Pilar, Instituto de Neurologia de Curitiba – Hospital INC, Hospital do Rocio, Hospital Vita Curitiba e Hospital Vita Batel e na Unidade Paranaguá.

Sobre o LANAC:

Há 29 anos, o LANAC - Laboratórios de Análises Clínicas se diferencia por se manter, com orgulho, como empresa 100% paranaense. A empresa possui 45 unidades de atendimento em diversos bairros de Curitiba, além da Região Metropolitana, Litoral do Paraná, Ponta Grossa, Palmeira e Rio Branco do Sul. Hoje, o laboratório oferece mais de dois mil tipos de exames, além de coleta domiciliar e assessoria científica para médicos e conta com mais de 400 colaboradores. Recebe exames de 25 laboratórios, atuando como laboratório de apoio. A sede central, com 1.200 m², é o maior centro de análises clínicas de Curitiba. A empresa participa de testes de proficiência do Controle Nacional de Qualidade da Sociedade Brasileira de Análises Clínicas, com nota excelente desde 1992 e mantêm a certificação ISO 9001/2015 atualizada desde 2004.