Premiada Barbarella Bakery tem pão quentinho e fresco do café da manhã ao anoitecer

Encontrar aquele pãozinho quente e fresco a qualquer hora do dia é uma das principais dificuldades para quem tem os horários habituais tomados por atividades de trabalho. É pensando nos períodos menos tradicionais de fornadas, como o meio da manhã ou da tarde, que a premiada Barbarella Bakery serve seus premiados pães em mais de 20 variedades.

Aberta no final do ano passado na charmosa Rua Comendador Araújo, no bairro do Batel, a premiada bakery gaúcha traz à Curitiba uma seleção de pães de fermentação natural sem aditivos ou qualquer mistura pronta.

Para isso, a chef Ana Zita Klein resgata a tradição do “pain au levain”, a receita natural que torna os preparos mais saudáveis e menos agressivos a quem possui de algum tipo de intolerância. Não à toa, a qualidade fez com que a Barbarella fosse premiada 11 vezes como o melhor pão de Porto Alegre.

“A nossa receita é a mais tradicional possível, apenas com farinha, água, sal, fermento biológico e longos descansos. Esse é o segredo do melhor pão que os curitibanos agora têm o prazer de experimentar”, conta Ana Klein, engenheira de alimentos por formação e apaixonada pela panificação.

O segredo, de acordo com ela, é o que traz “complexidade, sabor e digestibilidade dos preparos”, como o tradicional francês, a baguetinha crocante, o croissant, os pães integrais com grãos, os mais diferenciados de aipim, milho, entre outros.

“Não importa a hora que o cliente chegar, tem sempre pão fresquinho e quente disponível das 8h às 22h”, completa.

Preparos na hora

Além dos pães fresquinhos, a Barbarella Bakery também oferece um amplo cardápio para qualquer hora do dia, desde o café da manhã até o jantar. São cerca de 60 opções entre sanduíches, quiches, sopas, saladas e sobremesas disponíveis a qualquer hora do dia.

“O nosso objetivo é estar no dia a dia dos curitibanos na hora que ele precisar. Para isso, nossos chefs e mestres de panificação pensaram em uma linha de preparos que são refeições completas”, explica Ana Zita Klein.

São preparos como os tradicionais frios selecionados nos pães francês, baguetinha ou croissant, à baguete na tábua com pastas da casa, como manteiga temperada, frango rosé e sardela. Ou ainda nos molhos quentes scarpetta (carne de panela à italiana), fonduta de gorgonzola e cogumelos ao creme.

Há, ainda, os sanduíches especiais frios e quentes, como o Alaska, de cream cheese e carpaccio de salmão no bagel; a Barbarella, de queijo mozzarella gratinado com rosbife de filé e cebolas caramelizadas na baguete tradicional aberta; e também o Mata Hari, da baguete viennoise com scarpetta queijo brie gratinado.

Entre as opções mais saudáveis, a linha Health & Comfort oferece o preparo vegano de Avocado Toast, com a torrada de pain au levain com a variedade do abacate temperada com molho de limão siciliano e cobertura de tomate cereja em cubos.

Por fim, entre as opções doces, o croissant Gilda é um dos mais pedidos pelos clientes da Barbarella por seu generoso recheio de doce de leite e cobertura de chocolate meio amargo derretido. O pão é acompanhado de uma bola de sorvete de baunilha em fava e mais chocolate meio amargo derretigo.

Bebidas

Para acompanhar os preparos, a equipe liderada por Ana Zita Klein oferece uma série de preparos à base de café proveniente de grãos especiais de origem. Há as opções de expressos lungo, doppio e descafeinado, os cappuccinos, o tradicional com leite, o cold brew, entre outros.

Um dos destaques é o cappuccino “Las Chicas”, em que o tradicional preparo italiano é acompanhado de uma generosa colherada de doce de leite dentro e na borda da xícara.

Nos preparos que levam leite, é possível substituir por opções sem lactose, desnatado ou de aveia da marca Nude.

E como a ideia da Barbarella Bakery é estar com os curitibanos a qualquer hora do dia, o happy hour e o jantar também tem seus acompanhamentos. Os drinks especiais de Espresso Gin Tônica e Espresso Martini marcam o período depois do expediente.

Já a carta de vinhos tem cerca de 40 opções do velho e do novo mundo, com rótulos tintos, brancos, rosés, naturais e espumantes.

Para levar

Além do serviço presencial, a Barbarella Bakery também oferece uma linha de pães pré-assados preservados a vácuo que podem ficar resfriados por 30 dias. Ao aquecê-los, resgatam a crocância e todo o sabor das variedades francês e baguete.

A premiada bakery também serve alguns dos seus pães e preparos no iFood, com o delivery ativo desde a manhã até o anoitecer.

Serviço:

A Barbarella Bakery fica na Rua Comendador Araújo, 795, Batel. Abre de segunda a domingo, das 8h às 22h, com serviço presencial (estacionamento gratuito disponível) e delivery através do iFood e Uber Eats (em breve entrega própria). Mais informações: @barbarellabakery .

Croasonho celebra Dia do Croissant com oito sabores pela metade do preço

Promoção ocorre somente nesta quinta-feira, 30 de janeiro

Janeiro, 2020 - Em comemoração ao Dia do Croissant, celebrado no próximo dia 30 (quinta-feira), a Croasonho, única rede de franquias do país especializada em croissants recheados, oferecerá, pelo segundo ano consecutivo, oito sabores do cardápio com 50% de desconto. As promoções serão em três opções salgadas (Brócolis, Requeijão e Mussarela; Churrasco; e Frango com Cream Cheese e Bacon) e cinco doces (Chocolate ao Leite; Chocolate ao Leite com Morangos; Ovomaltine; Gotas de Chocolate; e Frutas Cristalizadas com Uvas-Passas). A ação é válida para os itens no tamanho M. As lojas participantes do Dia do Croissant podem ser conferidas no site: http://www.croasonho.com.br/.

Conhecido em muitos países, o croissant na tradução para o português chama-se “crescente”. A principal história de sua origem atribui a criação aos padeiros da Áustria, que impediram a invasão otomana no país, pois passavam a noite fazendo pães e, assim, a cidade “não dormia”. Dessa forma, surgiram os pequenos pães folheados em forma de meia lua, chamados de "viennoiserie". Quem levou o croissant para a França foi Maria Antonieta, uma princesa austríaca que buscava um prato para o seu casamento com o Rei Louis XIV e que lembrasse sua terra natal. Após a Segunda Guerra Mundial, o croissant passou a ser produzido em escalas ainda maiores e foi popularizado em todo o mundo, chegando ao Brasil.

Em 1997 surge a Croasonho, na Praia do Rosa, em Imbituba (SC). Com uma receita única e artesanal, aliada à criatividade e aos detalhes, rapidamente a Croasonho influenciou a percepção dos consumidores e se espalhou por todo o país.
Croasonho
A Croasonho está presente nas principais cidades do Brasil e atua no mercado com dois modelos de negócios: o de rua, presente em pontos centrais das metrópoles, e o sistema em praças de alimentação de shoppings. O grande diferencial gastronômico da marca são os Croasonhos artesanais, produzidos com massa crocante e recheios surpreendentes. Em 2019, a Croasonho registrou faturamento de R$ 140 milhões, com o atendimento nas lojas físicas e o serviço delivery. Para 2020, a previsão de crescimento da rede é de 15%.
Sobre a Halipar
A Halipar abriga mais de 400 unidades franqueadas distribuídas em 24 estados. Com a união de marcas voltadas a diferentes públicos e gostos, a holding é um dos maiores grupos do mercado nacional de franchising no ramo de alimentação. Em 2019, as quatro marcas da Holding foram premiadas com 5 estrelas no Guia de Franquias da revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios, que avalia o desempenho de excelência 2018.