Evento online vai promover o mercado de franquias no Brasil

Salão de Franquias vai conectar 100 franqueadores de todo o País com mais de 1,5 mil possíveis franqueados, em dois dias
Na contramão da maioria dos negócios, que ainda sentem o forte impacto das crises sanitária e econômica, as franquias brasileiras devem encerrar o ano com crescimento de mais de 8% no faturamento. Projeção da Associação Brasileira de Franchising (ABF) revela que o setor deve fechar 2021 com alta de 5% em número de unidades. Para promover o contato e interação entre franqueadores que desejam expandir suas operações e futuros empreendedores, o Sebrae/PR e a Fecomércio PR, em parceria com a ABF, vão realizar, nos dias 10 e 11 de setembro, um Salão de Franquias 100% virtual.
A expectativa é que, em dois dias, o evento possa conectar 100 franquias expositoras de todo o país com mais de 1,5 mil possíveis franqueados. As inscrições para as franquias já estão abertas e podem ser feitas no link: www.sebraepr.com.br/salaodefranquias. O investimento varia de R$499 a R$ 699, de acordo com os lotes disponíveis. As vagas são limitadas. Para os interessados em conhecer mais sobre esse modelo de negócio, a participação será gratuita e as inscrições abertas em agosto. Além de conversas individuais com empresários desse mercado, os participantes terão acesso a painéis e materiais com informações sobre o segmento e funcionamento das franquias.
O coordenador estadual de Comércio, Mercado e Franquias do Sebrae/PR, Lucas Hahn, lembra que o segmento de franquias é muito importante no comércio varejista. O Brasil é um dos países que mais possuem franquias no mundo. “É uma possibilidade de empreender com um grau de segurança maior. O evento vai conectar franqueadores a potenciais franqueados e auxiliar na expansão dos negócios para que toda a cadeia ganhe, gerando um círculo virtuoso de desenvolvimento local e estadual”, afirma.
O coordenador de desenvolvimento empresarial da Fecomércio/PR, Rodrigo Schmidt, diz que o Salão de Franquias é uma excelente oportunidade de exposição das marcas das empresas participantes e de contato com pessoas que planejam investir nesse tipo de empreendimento que, apesar da pandemia, continua em crescimento. “O candidato a franqueado terá a oportunidade de obter informações valiosas para poder fazer as necessárias avaliações pessoais e comerciais antes de assumir uma franquia”, ressalta.
Os segmentos de casa e construção, serviços, e saúde, beleza e bem-estar foram os que mais cresceram na pandemia, segundo a ABF. O diretor da Regional Sul da ABF e franqueador de uma escola de inglês, André Belz, destaca que, em momentos de crise, as franquias oferecem o suporte necessário aos franqueados e isso ficou muito evidente no último ano. “Operadores de negócios, independente do setor, principalmente o pequeno e o médio, tiveram muitas dificuldades no período. Já as franquias apoiaram os franqueados nas áreas jurídica e financeira, e trouxeram soluções muito rápidas”, explica.
As franquias são modelos formatados de negócios gerenciados por empreendedores que já passaram por desafios de crescimento, possuem conhecimento do mercado, processos, produtos e tecnologias. As empresas oferecem treinamentos e manuais para que os franqueados sigam e sejam bem-sucedidos nos negócios. “Para ser empreendedor no Brasil é preciso ter planejamento financeiro adequado, mínimo de competência para fazer a gestão do negócio, habilidades comportamentais, e coragem. Eventos como o Salão de Franquias são excelentes oportunidades para que os futuros empreendedores encontrem o modelo de negócio compatível com seu gosto e condição de investimento”, completa.

Delivery, ‘chef at home’, inserção tecnológica e comida vegana estão entre as principais tendências na área gastronômica

Com o avanço da vacinação e a flexibilização da bandeira em alguns estados, inclusive no Paraná, novas tendências estão surgindo para atrair os clientes à área gastronômica, que - ainda preocupada com os feitos da pandemia - tem o delivery e a entrega de comida no balcão em alta.

De acordo com dados da Stock Apps, o mercado global de entrega de alimentos online deve atingir US $151,5 bilhões de receita e 1,6 bilhão de usuários até o fim de 2021, com crescimento de 10% no período de um ano. De acordo com diretor acadêmico e responsável pelos cursos de gastronomia do Centro Europeu, Rogério Gobbi, os restaurantes já se preparam para essa modalidade de atendimento. "Muitas empresas ligadas à gastronomia buscaram se adequar a esses formatos que antes não faziam parte de suas ofertas. Eles vieram para ficar e devem passar por um processo de melhorias no serviço, na adequação dos pratos, na logística, na forma de entrega e principalmente no aperfeiçoamento e na tecnologia das embalagens".

Outra realidade e tendência que surgiu durante a pandemia foram cozinhas compartilhadas para a produção dos alimentos. "Vimos a ascensão dos ‘cloud foods’, o compartilhamento de espaços de produção gastronômica, em sua maior parte para o atendimento de sistemas de delivery. Muitos empresários que não tinham condições de manter suas estruturas de cozinhas, adaptaram esses espaços para atender e compartilhar com uma série de segmentos gastronômicos", afirmou Gobbi.

A pesquisa Taste Tomorrow, realizada pelo Instituto Ipsos aponta as principais buscas do consumidor na área gastronômica e, entre elas estão: mais sabor, frescor e textura, mesmo nas compras via aplicativos; alimentação saudável; embalagens transparentes, personalização dos pratos e pratos alinhados com os propósitos pessoais.

E os Cardápios? Em um futuro próximo todos devem digitais. "Ouso dizer que, em breve, os cardápios impressos vão deixar de existir mesmo no atendimento presencial, já que as pessoas querem evitar tocar ou compartilhar objetos e já existe tecnologia disponível para isso, com os QR Codes, por exemplo".

Também temos como tendência a redução significativa no número de convidados e participantes de eventos, aniversários, casamentos e formaturas - conforme a liberação das autoridades sanitárias.

Além disso, o atendimento em casa, com chefs at home, deve voltar com grande demanda. "As pessoas tendem a optar pela segurança, sem precisar se deslocar e expor a riscos, recebendo eventos em casa e resgatando os serviços gastronômicos ofertados nessa modalidade". Os restaurantes com espaços abertos também devem ter a preferência do público.

COMIDA SAUDÁVEL - 18% da população brasileira já se considera vegetariana, de acordo com uma pesquisa realizada pelo IBOPE. A tendência é que esse número cresça cada vez mais. "O período de isolamento permitiu que muitas pessoas buscassem informações sobre formas de auxiliar - com a alimentação - o organismo cuidar da imunidade. A tendência vegana e vegetariana, com a substituição da proteína animal deve ser ainda maior", disse Rogério.

NOVAS FORMAS DE ATENDIMENTO - O Chef Piu José, professor do Centro Europeu e empreendedor precisou se reinventar durante a pandemia e criou a cervejaria Baldória, dentro de seu espaço de eventos, onde também serve pratos da culinária brasileira. "Desenvolvemos um cardápio variado e harmonizado com as bebidas, que vai desde tartine, aperitivos, costela de fogo de chão - até pratos mais nobres e elaborados", afirmou.

CERVEJA DO FUTURO - A cerveja sem álcool e sem glúten é uma tendência no mercado, criando uma bebida saudável. "Pensamos em trazer uma cerveja que possa ser reposição de carboidrato, pós-treino, não completamente sem álcool, mas com índices bem baixos", disse o chef.

O processo para destilar - tirar o álcool da cerveja - aumenta o custo da produção da bebida artesanal, exigindo mais capital. Um exemplo é o investimento feito na fábrica da Heineken, no Paraná, para a Heineken zero álcool, que chegou a R$ 865 milhões.

MÃO DE OBRA QUALIFICADA - A capital conta com mão de obra qualificada para a reabertura dos restaurantes. "Boa parte dos empreendimentos mantiveram, através de acordos, seus funcionários, principalmente os de cargos mais importantes como os chefs de cozinha. Vemos um movimento muito positivo e que deve ser valorizado na área de gastronomia, onde muitos empreendedores estão inovando e criando novos espaços, mesmo diante da crise", afirmou o diretor acadêmico e responsável pelos cursos de gastronomia do Centro Europeu.

CURSO DE GASTRONOMIA DO CENTRO EUROPEU - A escola de gastronomia do Centro Europeu oferece especializações em diferentes áreas da culinária, entre eles: Chef Gourmet, Chef de Cuisine - Restaurateur, Sommelier, Cake Design, Cuisine Sainté, Pâtisserie, Boulangerie e Beer Sommelier.
Para saber mais, acesse o site: centroeuropeu.com.br

Desvende os mistérios da Linha do Tempo Sagrada com a Loki APA da ØL Beer

Para acompanhar o final da temporada da série “Loki”, a cervejaria ØL Beer traz combos especiais para os fãs do Deus da Trapaça
A primeira temporada da série “Loki” está chegando aos últimos episódios. Para acompanhar as últimas peripécias do deus nórdico nas telinhas, a cervejaria paranaense ØL Beer traz a partir de hoje 2 combos promocionais para quem for assistir ao último episódio de “Loki”, que vai ao ar na próxima quarta-feira, dia 14/07.

Porém, assim como o carismático e temperamental Deus da Trapaça diz, tudo fica melhor com um jogo e uma brincadeira. Por isso, os fãs de “Loki” terão que provar que são dignos e enviar os códigos promocionais no momento em que pedirem suas cervejas no delivery da ØL.

São dois kits com cervejas ØL: o Combo Loki, com 25% OFF e o Combo ØL, com 15% de desconto:
O Combo Loki conta com um pack de 4 growlers da cerveja Loki APA. Quem quiser comprar com desconto esse kit para assistir ao final da temporada de “Loki” deve informar a senha "LOKIOL" para ganhar um cupom de 25% OFF.
Já o Combo ØL é montado com um pack contendo todas as 5 cervejas da linha principal da ØL (Baldr Pilsen, Loki APA, Thor IPA, Odin Witbier e Bragi Oatmeal Stout). Para desfrutar desse kit com 15% de desconto, acompanhado de todos esses deuses, a senha é "VARIANTE".

Com aromas equilibrados entre maltes e lúpulos, remetendo a caramelo, frutas doces e um toque levemente cítrico, a APA da ØL Beer representa Loki. Filho de gigantes mitológicos e agente do caos, ele é admirado ao mesmo tempo por sua inteligência e imprevisibilidade. Experiência igualmente marcante que os mestres-cervejeiros da ØL buscaram proporcionar na criação desta APA, que conta com 30 IBU, 5,3% de teor alcoólico e vai bem com hambúrgueres, carnes, pizzas, queijos e comida mexicana.

De acordo com as informações oficiais divulgadas no Disney+ Brasil, a primeira temporada da série “Loki” tem 6 episódios no total. O episódio 6, que marca o fim dessa temporada, será exibido no dia 14 de julho. Por isso, a promoção da ØL já está ativa e segue válida para pedidos até a mesma data.

Vale destacar que o delivery da ØL funciona de segunda a sábado, pelo (41) 99676-8354 (WhatsApp), sendo que os pedidos feitos até às 14h são entregues no mesmo dia. A partir desse horário, a entrega acontece no próximo dia útil. A cervejaria conta ainda com frete grátis para Curitiba e São José dos Pinhais para compras acima de R$50. Quem preferir também pode encomendar os produtos ØL Beer pelo e-commerce da marca. Basta acessar: https://olbeer.com.br/loja/.

Mais informações: https://olbeer.com.br/
Facebook: @cervejariaolbeer
Instagram: @cervejariaolbeer

Viviane Muller apresentará programa de incentivo a inovadores

A proposta do evento é atrair mais interessados no edital do Habitat de Inovação do Avançaraucária, que está com inscrições abertas até 16 de julho. Participação gratuita.

Curitiba, julho de 2021 – Amanhã, dia 08 de julho, às 19h, Viviane Serpa Muller, gerente sênior de pesquisa aplicada e inovação da Novozymes Latin America e coordenadora da Câmara Técnica de Biotecnologia do Avançaraucária, participa de um evento online de apresentação do Programa de Pré-Incubação de Araucária (PR).

O debate “O futuro da inovação do Ecossistema de Araucária” terá transmissão pelo youtube e contará com diversos convidados das áreas de tecnologia, desenvolvimento econômico e sustentável, empreendedorismo, inovação e gestão financeira irão participar da roda de conversa para esclarecer as dúvidas dos participantes e apresentar o programa. É possível fazer a inscrição gratuitamente no link: https://www.avancaraucaria.com/event-details/o-futuro-da-inovacao-para-o-ecossistema-de-araucaria/

A proposta do evento é atrair mais interessados no edital do Habitat de Inovação do Avançaraucária, que está com inscrições abertas até 16 de julho, nas áreas de: Automação industrial; Diversificação da economia com destaque para biotecnologia; Educação; Agronegócio e Soluções digitais.

O programa de Pré-Incumbação ocorrerá de agosto a dezembro de 2021, na modalidade digital (online) e tem como proposta a elaboração, juntamente com o empreendedor, de um modelo de negócio para as ideias selecionadas.

Entre os benefícios de participar do Programa de Pré-incubação Avançaraucária estão: 4 meses de programa online e alcance nacional; ferramentas, mentorias e orientação para tirar a ideia do papel; construção de modelo de negócio sustentável, conexão com o ecossistema de inovação do Paraná; desenvolvimento de rotas de inovação para resolver problemas e desafios e fomento da educação empreendedora.

Dia do Rock: 20 músicas que retratam momentos históricos

Historiadora explica a relação da música e de movimentos históricos ao longo das décadas

O dia 13 de julho é considerado o Dia Mundial do Rock. A data passou a ser celebrada em 1985, em homenagem ao Live Aid, megaevento que organizou simultaneamente apresentações em Londres, na Inglaterra e na Filadélfia, nos Estados Unidos. Dezenas de artistas e bandas famosos da época participaram com o objetivo de acabar com a fome na Etiópia. Os shows foram transmitidos ao vivo para vários países e chamaram a atenção do mundo todo para a causa humanitária. Entre os participantes estavam bandas como Queen, U2, Led Zeppelin, Scorpions e artistas como Paul McCartney, Madonna, David Bowie, Elton John e muitos outros.

Além de causas como a fome, a música sempre foi uma fonte histórica muito rica, mesmo antes de haver livros e registros oficiais. De acordo com a coordenadora de História do Colégio Marista Anjo da Guarda, Isabel Couto, qualquer gênero musical pode ser trabalhado dentro da disciplina, mas o rock tem um apelo mais forte. “Seja pelo período em que surgiu, seja por trazer à tona inúmeros movimentos contestadores. Desde os anos 60 até hoje, a música está nos trazendo reflexões do período em que ela foi produzida ou a que ela se refere”, explica.

História do Rock
Rock é um gênero musical que surgiu das camadas mais pobres de uma população extremamente excluída nos EUA e atingiu mundialmente a população. Isabel Couto conta que a riqueza musical do gênero foi sendo aumentada pelas letras provocativas, dança e linguagem corporal como um todo. “O Rock incorporou signos que puderam ser contra a ordem vigente como, por exemplo, a Guerra do Vietnã, em que a música serviu de pano de fundo para as manifestações gigantescas contra a guerra”, analisa.

A professora selecionou 20 títulos que têm ligação direta com períodos históricos importantes das últimas décadas. Confira:

Working Class Hero – John Lennon – Revolução Industrial
Another Brick In the Wall – Pink Floyd – Nazismo/Fascismo
Mother – Pink Floyd – Família – Sociologia
Money – Pink Floyd – Classes sociais – Sociologia
Kashmir – Led Zeppelin – Conflitos na Ásia
Vida de Operário – Pato Fu - Revolução Industrial
Que país é esse – Legião Urbana – Ditadura militar
Geração Coca-Cola – Legião Urbana – Crítica social?
Faroeste Caboclo – Legião Urbana – Desigualdade social
Polícia – Titãs – Instituições Sociais – Sociologia
Família – Titãs - Família – Sociologia
Televisão – Titãs – Meios de comunicação de massa
Homem Primata – Titãs – Sociedade primitiva x sociedade contemporânea
Wind of change – Scorpions – queda do muro de Berlim
Sunday Bloody Sunday – U2 – Guerra civil Irlandesa
Blackbird – Beatles – movimento por igualdade racial nos EUA
Bastille Day – Rush – Revolução francesa
War Pigs – Black Sabbath – Guerra do Vietnam
Alexander the Great – Iron Maiden – Antiguidade
Alegria Alegria – Caetano Veloso – Ditadura Militar
Sobre os Colégios Maristas: os Colégios Maristas estão presentes no Distrito Federal, Goiás, Paraná, Santa Catarina e São Paulo com 18 unidades. Nelas, os mais de 25 mil alunos recebem formação integral, composta pela tradição dos valores Maristas e pela excelência acadêmica. Por meio de propostas pedagógicas diferenciadas, crianças e jovens desenvolvem conhecimento, pensamento crítico, autonomia e se tornam mais preparados para viver em uma sociedade em constante transformação. Saiba mais em www.colegiosmaristas.com.br.