Novo restaurante do chef Vitor Bourguignon faz delivery de strogonoff para almoço e jantar

O Strô, inaugurado recentemente em Curitiba, é especializado na receita que ganhou o mundo e se transformou em um dos principais símbolos da gastronomia internacional
CURITIBA, 17/03/2021 – O restaurante Strô, recém-inaugurado em Curitiba (PR), mantém seu atendimento exclusivo por delivery. A primeira casa especializada em strogonoff da capital paranaense segue as normas do recente decreto municipal, que traz restrições para o funcionamento de estabelecimentos gastronômicos na capital paranaense. Os pedidos podem ser feitos pelo aplicativo Goomer (www.goomer.app/stro/menu) de segunda-feira a sábado durante o almoço e jantar.

Valorizando o processo artesanal na cozinha, o Strô é dedicado ao strogonoff, típico prato russo de grande sucesso no Brasil. A inovação de uma receita clássica é o destaque da casa, comandada pelo chef Vitor Bourguignon, vencedor do Masterchef Brasil – A Revanche. “Nossa proposta é servir uma variedade diferenciada, dando ao cliente a possibilidade de escolher, por exemplo, outros tipos de palha que não a de batata tradicional, entre elas a de mandioquinha e de batata doce, e provar novos sabores como strogonoff de mignon suíno”, explica o chef.

Outras pedidas de strogonoff disponíveis no menu, além do suíno, são frango, camarão, veggie e dois tipos de carne vermelha. O cliente escolhe ainda o arroz (branco ou integral) e batata palha (tradicional, mandioquinha ou batata doce). O cardápio apresenta opções prontas e também a possiblidade de montar seu prato, selecionando proteína, arroz e batata. O Strô conta ainda com saladas e dez tipos de sobremesa.

Os pedidos para delivery do Strô são feitos diretamente no aplicativo Goomer (www.goomer.app/stro/menu). O restaurante atende de segunda a sábado, das 11h30 às 15h (almoço) e das 19h às 22h (jantar). Mais informações pelo telefone (41) 98846-6726 ou no perfil oficial do empreendimento no Instagram (@stro.go.noff).

Accor dá boas-vindas ao Berkeley Park Hotel – MGallery em Miami

A Accor acaba de anunciar a inauguração - prevista para 01 de abril - do hotel Berkeley Park Hotel, em Miami, que leva a marca premium da Accor, MGallery Hotel Collection. A primeira propriedade MGallery na Flórida é um hotel boutique com 80 quartos e está localizada em um dos locais mais cobiçados de Miami Beach, o Collins Park "Arts Corridor". O bairro tem acesso direto a instituições de arte de renome mundial e está a poucos passos das praias. Com uma fachada mediterrânea atemporal, de 1936, o hotel homenageia as raízes arquitetônicas da cidade com todas as comodidades modernas esperadas em um hotel de luxo.

O Berkeley Park Hotel se junta ao MGallery Hotel Collection, uma marca global presente em mais de 100 locais únicos, em 31 países ao redor do globo. O MGallery foi criado em 2008 para compartilhar uma nova visão de acomodação de alto padrão: o luxo de experimentar novas emoções e sensações. Esta ambição deu origem a um conjunto de hotéis escolhidos pelo seu caráter memorável. Hoje, o MGallery apresenta hotéis cativantes de estilo individual: uma coleção global para exploradores intrépidos que são movidos pela paixão, curiosidade e interesse pelo mundo ao seu redor. Cada propriedade MGallery tem seu próprio design distinto e história para contar, do Hotel Molitor Paris - MGallery e INK Hotel Amsterdam - MGallery ao Hotel Muse Bangkok Langsuan - MGallery e Harbour Rocks Hotel Sydney - MGallery.

"O MGallery está crescendo mundialmente, com mais de 30 propriedades previstas para serem inauguradas nos próximos dois anos. O clima atual de negócios também abriu as portas para marcas como o MGallery continuarem crescendo por meio de oportunidades de conversão - há muitos hotéis independentes incríveis operando na América do Norte e em todo o mundo que podem se beneficiar da parceria com um líder global em hospitalidade como a Accor. O resultado é a oportunidade de crescimento para ambos ", disse Heather McCrory, CEO da Accor North & Central America.

Oferecendo experiências únicas em mais de 5.000 hotéis e residências em 110 destinos em todo o mundo, a Accor está atualmente posicionada como a segunda maior operadora de luxo nos Estados Unidos, com marcas renomadas, incluindo Raffles, Fairmont, Sofitel, SO /, MGallery e muitas outras. As propriedades icônicas da Accor incluem: The Plaza em Nova York e The Savoy em Londres, ambos hotéis administrados pelo Fairmont; Raffles Singapore; Sofitel Legend The Grand Amsterdam e Sofitel Legend Santa Clara Cartagena; SO / Bangkok; e o Fairmont Century Plaza, que fará sua tão aguardada estreia em Los Angeles este ano. Os hotéis Accor são alimentados por ALL - Accor Live Limitless, a plataforma de fidelidade lifestyle do Grupo.

"Estamos entusiasmados em continuar expandindo nosso portfólio na América do Norte com a adição do Berkeley Park Hotel - MGallery", disse McCrory. "Com sua ótima localização , arquitetura marcante e espírito vibrante, o hotel é uma grande adição ao portfólio de Miami da Accor, que também inclui: Faena Hotel Miami Beach, SLS South Beach, SLS Brickell, SLS LUX Brickell, Hyde Midtown Miami, Mondrian South Beach , Novotel Miami Brickell e Pullman Miami Airport. "

"O relançamento desta propriedade icônica de South Beach visa trazê-la de volta à sua glória total, durante uma época em que muitas pessoas estão ansiosas para começar a viajar novamente. Nossas adições à propriedade trarão um novo ponto de vista para as férias em South Beach; desde a inauguração do deck da cobertura até o acesso privilegiado às obras de arte locais ", disse Marcelo Tenenbaum, Diretor e Fundador da empresa de desenvolvimento Blue Road. "A adesão à Accor e à MGallery Hotel Collection nos ajuda a compartilhar esta propriedade incrível com os amantes de viagens, das artes e de experiências imersivas de todo o mundo."

Design

A renovação completa - cujo investimento foi de US$18 milhões - incorpora uma estética criativa contemporânea, inspirada nas águas azuis e na cultura vibrante de South Beach. Mantendo-se fiel aos seus belos elementos renascentistas do Mediterrâneo, a propriedade manteve muito de seu design original. O Berkeley Park Hotel - MGallery funde sua parte histórica com uma nova torre que expandiu a propriedade em torno de um pátio central.

"O hotel é uma curadoria para que nossos hóspedes e visitantes possam imergir completamente no clima de South Beach, que inclui paisagens tropicais e uma cultura vibrante, elementos que tentamos infundir nos principais pontos do hotel", disse Paola Córdoba, Gerente Geral do hotel.

Em relação à arte, com curadoria da famosa Grela Orihuela, os elementos internos do resort incluem belas peças de artistas locais que comemoram a impressionante flora nativa de Miami. Os 80 quartos contemporâneos, em tons turquesa, receberão os hóspedes e visitantes com ricos elementos de madeira, acabamentos em latão e uma ótima iluminação, vinda das janelas do chão ao teto.

Amenities

Para aqueles que procuram se deleitar com a brisa salgada do mar e as maravilhas naturais do sul da Flórida, o hotel oferecerá uma variedade de opções ao ar livre a poucos passos do hotel, incluindo espreguiçadeiras com serviço completo, remo e passeios ao longo da histórica South Beach. A localização invejável do hotel também concede fácil acesso a instituições culturais, como o Jardim Botânico de Miami Beach, o Museu Bass e o The Fillmore Miami.

A unidade também dispõe de um deck na cobertura com uma piscina ladeada e uma vista deslumbrante das palmeiras de Miami Beach.

Os viajantes a negócios que vêm à Magic City para qualquer uma de suas conferências anuais, podem ficar tranquilos sabendo que o Berkeley Park fica próximo ao recém-reformado Centro de Convenções de Miami Beach. Para reuniões e eventos, o Berkeley Park oferece uma sala de reuniões privativa e equipamentos de última geração.

Açaí da Barra chega a Curitiba (PR)

O primeiro self-service de açaí de São Paulo chega à capital do Paraná com mais de 10 tipos de açaís, entre outras opções de sobremesas e lanches no cardápio

Curitiba é uma cidade de destaque para quem quer empreender, segundo um levantamento realizado pela consultoria Urban Systems. Na pesquisa, que listou as 100 melhores cidades do país para se fazer negócios em 2020, a capital paranaense foi um dos territórios com a melhor colocação no ranking, com a 11º posição. A listagem considera os índices de desenvolvimento social e econômico, capital humano, de trabalho e de infraestrutura.

Procurando por uma cidade que proporcionasse qualidade de vida e também um bom ponto para investir, o empresário Eduardo Miara Costa encontrou, em Curitiba (PR), a oportunidade para abrir sua franquia do Açaí da Barra , primeiro self-service de açaí do estado de São Paulo.

"Fui em uma loja do Açaí da Barra em outra cidade e, quando vi o formato que a marca trabalha, identifiquei uma boa oportunidade de negócio. O autosserviço é muito interessante, o próprio cliente escolhe suas combinações e as várias possibilidades", diz Eduardo.

Na inauguração, que acontece nesta quarta-feira (17), o consumidor terá 15% de desconto nos mais de 10 tipos de açaí e 40 tipos de sorvetes, todos de fabricação própria e com o "selo de qualidade Açaí da Barra", os quais podem ser combinados com os mais de 60 tipos de complementos disponíveis na unidade. Sucos, vitaminas, milk shakes, lanches naturais, crepes e queijitos são algumas opções que também podem ser encontradas na loja.

A unidade seguirá todas as medidas de prevenção impostas pela Organização Mundial da Saúde (OMS), visando a prevenção da disseminação do novo Coronavírus. Durante as fases mais restritivas, a loja funciona essencialmente com sistema de delivery por aplicativos.

Serviço: Açaí da Barra Curitiba
Endereço: Avenida Presidente Getulio Vargas 1966 - Rebouças
Telefone: 041 995593733

Sobre o Açaí da Barra
Fundada em 2015 pelo empreendedor Everaldo Putti Alves Souza e seu sócio Jose Eduardo Volpato, em Barra Bonita, interior de São Paulo, o Açaí da Barra nasceu como o primeiro self-service de açaís do Estado de São Paulo. Com um ano, a marca alcançou 11 lojas em operação de forma orgânica e, atualmente, tem uma rede com 90 unidades, entre próprias e franquias. Com produtos de fabricação autoral, o Açaí da Barra conquistou seu público cativo, os Açaí da Barra Lovers, como são chamados, que apreciam produtos de qualidade e passar momentos bons ao lado de amigos e familiares. O cardápio da rede oferece mais de 10 tipos de açaís, 40 de sorvetes e 60 toppings, além de sobremesas, sanduíches, crepes, tapiocas, bebidas, milk-shakes e vitaminas, e as lojas estão espalhadas por todo o Brasil. http://www.acaidabarra.com.br

Nos 86 anos do Porto de Paranaguá, Ogmo celebra a importância dos trabalhadores

Responsáveis por uma das atividades essenciais que não parou durante a pandemia, trabalhadores portuários gerenciados pelo Ogmo Paranaguá são parte fundamental da história do maior porto brasileiro, que faz aniversário nesta quarta-feira

CURITIBA, 16/03/2021 - Nesta quarta-feira, 17 de março, o Porto de Paranaguá, no litoral do Paraná, completa 86 anos em operação, ocupando lugar de destaque entre os maiores da América Latina e do Brasil. Segue também batendo recordes de movimentação: em 2020, mesmo diante da pandemia do novo coronavírus, o Porto de Paranaguá movimentou, ao todo, 57 milhões de toneladas de produtos, um crescimento de 8% em relação ao ano anterior.

O bom desempenho deve se repetir em 2021, impulsionado pelo câmbio e pela demanda internacional. A confirmação desse resultado, no entanto, depende dos verdadeiros agentes construtores da história do Porto de Paranaguá: os trabalhadores portuários, responsáveis por uma das atividades essenciais que nunca parou durante a pandemia. Ao todo, mais de 4 mil trabalhadores acessam diariamente as instalações do Porto de Paranaguá, entre trabalhadores portuários avulsos (TPAs), operadores portuários (OPs) e prestadores de serviço.

Gerenciar essa volumosa mão de obra, garantindo o dinamismo e a qualidade das operações portuárias, além de assegurar as melhores práticas para os TPAs e OPs, é a missão do Ogmo Paranaguá - Órgão de Gestão de Mão de Obra do Trabalho Portuário do Porto de Paranaguá. Entidade civil sem fins lucrativos, o órgão atua há 26 anos na administração do fornecimento de mão de obra avulsa aos trabalhadores portuários de Paranaguá, com quem divide um papel de extrema relevância no desenvolvimento do porto com qualidade e segurança.

Atualmente, o Ogmo Paranaguá gerencia cerca de 3 mil trabalhadores, representados por seis sindicatos laborais que atendem 28 operadores portuários. O órgão é o responsável por fazer a conexão entre os OPs e os TPAs, investindo com frequência na modernização e criação de ferramentas que facilitam o acesso dos TPAs às oportunidades de trabalho a partir de critérios técnicos e de forma igualitária. Uma delas é a disponibilização das escalas em formato eletrônico.

Com controle de intervalo obrigatório de 11 horas entre os turnos, a escala eletrônica de rodízios - modelo pioneiro criado pelo Ogmo Paranaguá em 2006 e posteriormente adotado pelos principais portos brasileiros - é disponibilizada e atualizada on-line, por meio de website ou aplicativo próprios do órgão. Ao todo, a escala é dividida em seis atividades principais: Estiva (colocação, retirada e/ou arrumação de cargas nos porões ou sobre o convés de embarcações principais e auxiliares), Conferente (controle de recepção e de entrega das mercadorias nos cais, entrepostos, armazéns e terminais), Consertador (reparo e restauração das embalagens de mercadorias nas operações de carregamento e descarga), Vigia (fiscalização da entrada e saída de pessoas a bordo das embarcações e da movimentação de mercadorias); Arrumador (movimentação de cargas e mercadorias nas instalações portuárias em geral) e Bloco (limpeza e conservação de embarcações mercantes e de seus tanques).

Os TPAs podem acessar as oportunidades de trabalho de onde estiverem para se engajar nas funções requisitadas pelos OPs, dispensando-os de comparecer pessoalmente ao posto de escalação (a modalidade presencial foi extinta pelo Governo Federal em agosto de 2020). Somente no ano passado, foram ofertadas 274 mil oportunidades de trabalho pelo Ogmo Paranaguá.

“O Ogmo busca de forma constante contribuir para o desenvolvimento do Porto de Paranaguá, procurando sempre um ganho de eficiência para trabalhadores portuários avulsos e operadores portuários e assegurando as melhores práticas de segurança e qualidade de mão de obra”, define a advogada Shana Vaz Bertol, diretora-executiva do Ogmo Paranaguá.

Neste momento, em que as comemorações coletivas pelo aniversário do maior portodo país ainda não são possíveis devido à gravidade da pandemia, o Ogmo segue firme junto aos trabalhadores que atuam na atividade portuária no trabalho de prevenção à Covid-19, com campanhas de conscientização e divulgação de boletins atualizados. Além disso, os TPAs contam com equipes de saúde 24 horas, álcool em gel disponível, entre outras medidas, enquanto os órgãos responsáveis se empenham na busca pela vacinação prioritária da categoria.

A figura do Órgão de Gestão de Mão de Obra do Trabalho Portuário, Ogmo, foi criada em 1993, pela Lei de Modernização dos Portos Nº 8.630, que atribuiu exclusivamente ao órgão o dever de administrar o fornecimento da mão de obra portuária. Além disso, o órgão também é responsável por atribuições como cadastro, registro, seleção, expedição de documentos e treinamento dos TPAs; repasse dos valores relativos à remuneração e encargos dos OPs aos TPAs; zelar pelas normas de saúde, higiene e segurança no trabalho portuário; entre outros.