Senac realiza semana de estudos dedicada a carne de cordeiro

Senac realiza semana de estudos dedicada a carne de cordeiro
A carne de cordeiro está cada vez mais presente na mesa dos brasileiros. Com sabor marcante, preparo versátil e propriedades saudáveis, famílias e restaurantes estão se rendendo as suas qualidades.
O Senac PR, em parceria com a Castrolanda, realiza de 8 a 11 de outubro a Semana de Estudos e Pesquisas da Carne de Cordeiro, nos restaurantes-escola de Curitiba, Foz do Iguaçu e Maringá. Em sua 30ª edição, a Semana de Estudos e Pesquisas do Senac traz uma programação e cardápio especial sobre o tema.
Os Restaurantes-escola do Senac são consumidores do Cordeiros Castrolanda, tanto para a oferta nos cardápios quanto para a prática das aulas. “Queremos melhorar ainda mais a qualidade de nossos cursos e a ideia é trazer capacitação de desenvolvimento com novos cortes de carnes”, explica o diretor regional do Senac PR, Vitor Monastier.
Cheios de personalidade, seus cortes podem ser preparados utilizando várias maneiras de cocção, além de harmonizar com várias opções de temperos e ervas. Seja assada, cozida ou na brasa, o cordeiro não passa despercebido por quem experimenta. Esses preparos serão servidos no modo buffet o empratado. O cardápio completo pode ser conferido no site www.pr.senac.br/semanagastronomica .
Palestra
Na segunda-feira (8) o médico veterinário e coordenador do setor de ovinocultura da Castrolanda, Tarcísio Nicolau Bartmeyer, irá ministrar a palestra ‘Os segredos da carne de cordeiro’ no Restaurante-escola do Senac Curitiba Centro, às 19h. A atividade é gratuita e as inscrições podem ser feitas pelo 0800 643 6 346. Essa edição traz uma novidade, a palestra será transmitida ao vivo pelo canal do Youtube do Senac: https://www.youtube.com/watch?v=E-MyXeAysTs .

Serviço
Semana de Estudos e Pesquisas da Carne de Cordeiro
Data: 08 a 11 de outubro
Local: Restaurante-escola do Senac Curitiba, Foz do Iguaçu e Maringá
Horários: 11h30 às 14h
Valores: Empratado – R$ R$ 39,60 por pessoa (bebidas não inclusas) / Buffet - R$ 42,00 por pessoa (bebidas não inclusas)
Reservas: Curitiba - (41) 3219-4854 / Maringá - (44) 3218-5100 / Foz do Iguaçu - (45) 3521-6200/6220
Informações e cardápio: www.pr.senac.br/semanagastronomica
Palestra: Curitiba - 08/10 às 19h – Gratuita (transmitida ao vivo nos restaurantes de Maringá e Foz do Iguaçu)

Projeto de Marina Werneck une surf feminino e sustentabilidade em São Francisco do Sul, Santa Catarina

Projeto de Marina Werneck une surf feminino e sustentabilidade em São Francisco do Sul, Santa Catarina

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=101149&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253C05f501d459c9%2524e0e06d50%2524a2a147f0%2524%2540criarteproducoes.net%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3C05f501d459c9%24e0e06d50%24a2a147f0%24%40criarteproducoes.net%3E-1.2

Fotos em alta: https://we.tl/t-GVDOl7d5H6

Entre os dias 05 e 07 de outubro, a cidade mais antiga de Santa Catarina, São Francisco do Sul volta a sediar um evento do Circuito Mundial da World Surf League após seis anos. O São Chico Eco Festival é patrocinado pela Prefeitura de São Francisco do Sul, com envolvimento da Secretaria de Meio Ambiente e da Gerência de Esportes, e faz parte do projeto da embaixadora do surfe feminino na WSL South America, Marina Werneck, de fomentar o desenvolvimento da categoria no país.

“A minha bandeira sempre foi desenvolver projetos para fortalecer a categoria no Brasil. O São Chico Eco Festival é só o primeiro evento especial voltado para o empoderamento feminino e para a preservação do meio ambiente. Tenho muito orgulho de estar representando o surfe feminino na América do Sul como embaixadora junto a WSL South America”, ressalta.
O São Chico ECO Festival será o primeiro campeonato exclusivamente feminino da World Surf League a ser realizado em Santa Catarina. E o mais importante do Brasil esse ano para as meninas, valendo 1.500 pontos para o WSL Qualifying Series e 1.000 para o ranking regional da WSL South America, que define a campeã sul-americana da temporada.

Além da etapa do QS 1500, que vai atrair as principais surfistas da América do Sul e de outros continentes, o São Chico ECO Festival também vai promover a etapa decisiva do título sul-americano Pro Junior de 2018, coroando a melhor surfista da categoria Sub-18 do continente e as duas classificadas para o World Surf League Junior Championship, na primeira semana de dezembro em Taiwan.

Um dos pilares do projeto idealizado por Marina Werneck é unir esporte e ecologia. O grande destaque na programação extra para o público que comparecer na Prainha são as atividades de educação ambiental e preservação da natureza. A realização do evento será uma ferramenta para estimular a recuperação de Áreas de Preservação Permanente (APPs) no município.

O São Chico Eco Festival vai construir uma "Vila Ecológica" na Prainha, explorando seis linhas temáticas socioambientais, como praia acessível para todos, ecoturismo, gerenciamento de resíduos sólidos na orla da Prainha, educação socioambiental, preservação e recuperação das APPs do Município e fomento à alimentação saudável. Serão promovidas atividades para o público em parceria com instituições renomadas internacionalmente, como a ONU, por meio da campanha Mares Limpos, Projeto Ecosurf, Projeto Route, entre outros.

A Praia da Saudade de São Francisco do Sul, mais conhecida por Prainha, possui uma das melhores ondas de alta performance de Santa Catarina e do Sul do país. Ela fica a 16km do Centro Histórico de São Francisco do Sul, entre a Enseada e a Praia Grande. São Chico, como é carinhosamente chamada, é cercada pela Mata Atlântica e por belas praias, tendo uma das maiores baías do Brasil, a Baía Babitonga.

Marina Werneck
Marina Werneck nasceu no Rio de Janeiro e desde pequena tem uma relação especial com o mar. Cresceu inserida no mundo do surfe e começou a surfar com 5 anos por influência dos pais e amigos da família. Mudou-se para Florianópolis e na nova cidade o surfe foi se tornando cada vez mais presente no seu dia a dia. Aos 12 anos começou a competir e aos 15 se profissionalizou.

Destaque em circuitos nacionais e internacionais, a surfista profissional passou a dedicar sua carreira, desde 2012, ao Freesurf. Modalidade não competitiva que se tornou tendência entre jovens ídolos mundiais e nacionais valorizando o estilo de vida do surf e tudo o que está relacionado a ele.

Reconhecida como embaixadora do surf feminino, Marina luta para abrir espaço para as mulheres do esporte no Brasil, tendo idealizado o projeto Seaflowers Crown of Surfing em parceria com a World Surf League, que em 2016 colocou novamente em evidência as atletas do país.

Marina também foi uma das protagonistas do filme “Sea, Sun, Flowers” (dirigido por Pablo Aguiar e Manoela D’almeida), primeiro filme de surfe produzido somente com surfistas brasileiras, estampou as páginas do livro “The Love Of Surf”, produzido pela rede australiana Girl Surf Network, estrela constantemente das séries do Canal Off, fez uma participação especial na série JUACAS do Disney Channel e tem uma parceria com a revista Hardcore na qual assina uma coluna.

Buscando dar mais visibilidade para o surfe feminino, Marina criou o Seaflowers, um campeonato digital pela internet. Qualquer surfista poderia participar postando um vídeo no Instagram e ativando suas redes sociais e amigos para votarem na sua melhor onda. A campeã da primeira temporada foi Julia Santos, que, como prêmio, embarcou com Marina Werneck e mais nove meninas para uma viagem dos sonhos nas Ilhas Maldivas. No total, foram feitas 160 inscrições para participar do campeonato, atingindo mais de 200.000 likes e views só nos vídeos das classificadas, envolvendo um incrível número de 3.853.447 de pessoas nas redes sociais. Foram apurados 259.212 votos e a comissão julgadora foi formada por convidados de peso, a tricampeã mundial Carissa Moore, a própria Marina Werneck, Silvana Lima, Tatiana Weston-Webb, Andrea Lopes, Claudia Gonçalves, Nicole Pacelli, Teco Padaratz e Biel Garcia.

Depois do sucesso do campeonato digital, Marina Werneck agora vai promover o seu primeiro evento real, válido pelo Circuito Mundial. A proposta do São Chico ECO Festival é unir esporte e sustentabilidade.

Redes:
YouTube Oficial Marina Werneck: https://www.youtube.com/marinawerneck
Facebook - https://www.facebook.com/mawerneck
Instagram - https://www.instagram.com/ma_werneck/
Twitter - https://twitter.com/ma_werneck
Site Oficial: http://www.marinawerneck.com.br/