BRAVE Combat Federation anuncia criação de evento de boxe

Distrito de Seef, 18 de Maio, 2020

Maior evento de MMA do Oriente Médio, o BRAVE Combat Federation irá expandir suas fronteiras dentro dos esportes de combate. A organização anunciou a criação do BRAVE Boxing, que fará eventos de boxe profissional.

Desde sua criação em setembro de 2016, o BRAVE Combat Federation organizou 34 eventos de MMA, em 19 países - incluindo quatro shows no Brasil. Neste período, a companhia contratou mais de 200 atletas de mais e 60 nações diferentes. Os brasileiros são maioria, com 77 lutadores já tendo atuado pelo BRAVE CF, incluindo os atuais campeões Cleiton "Predador" (peso leve) e Daniel "Gaúcho" (peso médio).

Além de organizar shows em mercados tradicionais dos esportes de combate, como Brasil, Inglaterra, México e Emirados Árabes, o BRAVE CF também levou o primeiro evento internacional de MMA ao continente da África, com shows no Marrocos e na África do Sul, além de estrear em nações como Paquistão, Cazaquistão, Colômbia e Arábia Saudita.

Essas serão algumas das credenciais que o BRAVE Combat Federation trará ao mundo do boxe, com a organização, fundada por Sua Alteza Shaikh Khaled bin Hamad Al Khalida, esperando fazer um impacto imediato na nobre arte.

Presidente do BRAVE CF, Mohammed Shahid fez a seguinte declaração sobre o histórico anúncio.

"A visão de Sua Alteza Shaikh Khaled é a de desenvolver os esportes de combate em uma escala global. Agora estaremos combinando nossos esforços nos dois maiores esportes de combate. O objetivo do BRAVE CF é globalizá-los e emponderar todos os envolvidos, como lutadores, empresários, fãs, jornalistas, e promoters. Esta visão focada que tivemos para levar o MMA a outro nível será apontada agora também para o boxe".

Mais detalhes sobre a incursão do BRAVE CF no boxe serão divulgados nos próximos dias.

Instagram @bravemmaf
Facebook @BRAVE Combat Federation
Twitter @bravemmaf
www.bravecf.com

Daniel Kinahan confirmado como consultor especial da KHK Sports

Distrito de Seef, Bahrein - 14 de Maio, 2020

Daniel Kinahan, agente internacionalmente reconhecido no mundo do boxe, foi nomeado como consultor especial da KHK Sports, no Bahrein. Kinahan está envolvido no mais alto nível dos esportes de combate desde seus dias como um dos fundadores da MTK Global, antes de se fixar como consultor de alguns dos maiores nomes da indústria na última década. Ele foi fundamental na concretização de alguns dos maiores eventos esportivos dos últimos anos. Como consultor da Top Rank no Oriente Médio, sua perícia e conexões irão fortalecer a marca KHK Sports e expandir imediatamente seu alcance internacional.

O papel de Kinahan se estenderá a todo o portfólio da KHK Sports, que engloba a KHK MMA, KHK Boxing e a organização de MMA que mais cresce no planeta, BRAVE Combat Federation.

A KHK Sports foca no desenvolvimento dos negócios esportivos nacionais em 19 nações, trazendo relações de comércio, investimento estrangeiro direto e fortalecimento do turismo através dos esportes.

A KHK Sports é conhecida por desenvolver os negócios dos esportes de combate e organiza eventos internacionais mundo afora, além de ter em seu portfólio a maior propriedade de mídia esportiva do Oriente Médio.

A KHK Sports apoia atletas nacionais e internacionais e é responsável pelo desenvolvimento das artes marciais mistas no Bahrein em todos os níveis, incluindo o estabelecimento de uma equipe nacional e trazendo astros e eventos internacionais ao país, e encoraja o esporte como ferramenta de desenvolvimento social.

Além da KHK MMA, a KHK Sports lançou com sucesso outras iniciativas esportivas como KHK Boxing, KHK Racing, KHK Wrestling, KHK Cricket e a organização BRAVE Combat Federation, além de investir em outras áreas, como clubes de futebol da Europa.

Khalid bin Hamad Al Khalifa Sports (KHK Sports) é uma visão de Sua Alteza Shaikh Khalid bin Hamad Al Khalifa, fundador do BRAVE Combat Federation.

Sua Alteza reconhece a importância de eventos esportivos promoverem o Reinado do Bahrein internacionalmente e aprecia o tremendo valor que o Sr. Kinahan irá trazer à organização.

"O esporte tem um grande papel na formação dos nossos jovens e no futuro do mundo. Tendo uma infraestrutura que tem a capacidade de se desenvolver, o esporte promove oportunidades, independente de raça, religião ou até mesmo poder de marketing, e sim baseado em talento e na possibilidade de se criar um projeto global que possa unificar o mundo. É uma questão de esperança e de crença que o impossível não existe. Essa é a visão que queremos atingir com a KHK Sports e sabemos que podemos fazer isso com esse time", comentou Sua Alteza Shaikh Khalid.

CEO da KHK Sports e presidente do BRAVE CF, Mohammed Shahid comentou: "Eu gostaria de dar as boas-vindas ao Sr. Daniel Kinahan, que agora faz parte da família KHK. É um prazer tê-lo conosco. Seu envolvimento nos esportes de combate, seus feitos e seu conhecimento são exatamente o que precisamos para estender a visão da KHK Sports. Daniel tem a mesma visão. Vamos mudar vidas, dar oportunidades iguais, fazer sonhos se tornarem realidade e unir o mundo através dos esportes."

O Sr. Kinahan adicionou o seguinte: "É uma honra trabalhar com Sua Alteza Shaikh Khalid bin Hamad Al Khalifa, o Sr. Mohammed Shahid e toda a equipe da KHK Sports. Esta organização deixou uma marca impressionante nos esportes de combate e tem ambições extraordinárias de crescer internacionalmente. Eu estou animado para trabalhar com o time e realizar esses sonhos, e ajudar a transformar os esportes de combate do Bahrein em uma presença reconhecida globalmente. Nós iremos criar oportunidades para lutadores barenitas nos palcos internacionais e, ao mesmo tempo, atrair os principais nomes dos esportes para o Bahrein. Sua Alteza é um visionário em seu approach aos esportes de combate e construiu a KHK Sports com muita paixão, o que é essencial para o crescimento contínuo e a inspiração do povo do Bahrein".

Instagram @bravemmaf
Facebook @BRAVE Combat Federation
Twitter @bravemmaf
www.bravecf.com

Espanhol do BRAVE CF dispara contra Gabriel “Fly” e diz: “Não tem coragem”

Distrito de Seef, Bahrein - 23 de Abril, 2020

Uma da grandes promessas do MMA europeu, o espanhol Ilia Topuria teve início perfeito em sua carreira pelo BRAVE Combat Federation. Em duas lutas, o peso pena conquistou duas vitórias, uma por finalização e outra por nocaute e ainda protagonizou uma rivalidade com o brasileiro Gabriel "Fly".

Em entrevista na Live do Instagram do BRAVE CF, Topuria criticou duramente "Fly" e se disse confuso pela postura do brasileiro que, segundo ele, era seu fã e até pediu uma foto quando os dois lutaram no mesmo card na Colômbia.

"Ele diz que a rivalidade começou na Colômbia, mas para mim ela começou duas horas antes da minha última luta, que aconteceu no Bahrein. Eu estava preparando para me aquecer quando recebi uma notificação dele no meu celular. Gabriel havia me marcado em um story do Instagram e colocado um emoji de uma galinha no meu rosto. Disse a ele que era fácil me provocar quando ele estava do outro lado do mundo, mas quando estivemos no mesmo ambiente, na Colômbia, ele não falou nada", declarou Topuria, que ainda acusou "Fly" de não ter coragem de desafiá-lo cara a cara.

"Para mim, faltam co***** a ele. Não tem coragem de vir falar comigo. Ele acabou assistindo à minha luta como um fã. Eu achei curioso ele ter me desafiado porque na Colômbia, ele chegou a pedir para tirar uma foto comigo. Essa luta vai acontecer, ele vai engolir suas palavras e depois, se quiser, podemos tirar outra foto", disparou o espanhol.

Topuria, assim como "Fly", é especialista em jiu-jitsu. O espanhol do Climent Club está invicto no MMA até agora com oito vitórias em oito lutas - sete delas por finalização e uma por nocaute. O brasileiro da CM System, por sua vez, tem 14 vitórias e cinco derrotas, com 13 dos triunfos sendo por finalização (e um por nocaute).

Instagram @bravemmaf
Facebook @BRAVE Combat Federation
Twitter @bravemmaf
www.bravecf.com

BRAVE CF irá reprisar evento histórico com seis brasileiros neste sábado

Maior evento de MMA do Oriente Médio, o BRAVE Combat Federation faria seu quinto show no Brasil neste sábado. Porém, a pandemia do Coronavirus mudou os planos da organização, que adiou o evento até segunda ordem. Fãs do esporte, porém, ainda terão muita ação do conforto de suas casas. O BRAVE CF 29, que ocorreu em novembro do ano passado, será reprisado neste sábado, a partir do meio-dia (horário de Brasília), no Facebook oficial do BRAVE CF.

O evento ocorreu no dia 15 de novembro e contou com seis brasileiros, além de atletas de outros 16 países (Líbano, Rússia, Coreia do Sul, Alemanha, Jordânia, Filipinas, Iraque, Irlanda, Espanha, África do Sul, Letônia, Bahrein, Inglaterra, Geórgia, Colômbia e Argentina).

Guto Inocente e Kleber Orgulho representaram o país no KHK World Championship, um torneio com semifinais e final na mesma noite, que deu ao vencedor um cheque de US$100 mil (R$ 420 mil na época), além do direito de ser o dono provisório do cinturão KHK, adornado com 6.2 kg de ouro.

Além de Inocente e Orgulho, o Brasil foi representado por Erick "Índio Brabo", Luan Santiago, Felipe Silva e Luana Pinheiro - esta última fez história ao fazer parte da primeira luta profissional feminina da história do Bahrein.

Neste sábado, o BRAVE Combat Federation irá levar os fãs de volta àquela que foi a maior noite na história da organização.

Para ver o evento, basta acessar a página oficial do BRAVE CF no Facebook - www.facebook.com/bravemmaf.

Administradora do BRAVE CF se une à WBC e organiza cinturão árabe de boxe

A KHK Sports, empresa que administra, entre outras marcas esportivas, o BRAVE Combat Federation, principal organização de MMA do Oriente Médio e idealizada por Sua Alteza Sheik Khaled bin Hamad Al Khalifa, anunciou oficialmente uma parceria com o Conselho Mundial de Boxe (WBC, no inglês World Boxing Council) visando a expansão da nobre arte em seu território.

O primeiro fruto dessa parceria entre os dois titãs do mercado de esportes de combate será o título árabe da organização, nomeado “Arab Boxing Championship” (ou “Campeonato de Boxe Árabe”, em tradução livre), abrindo as portas para os talentos do Oriente Médio e desenvolvendo o boxe na região.

“A visão de Sua Alteza Sheikh Khaled bin Hamad Al Khalifa (fundador da organização) para a KHK Sports sempre foi de desenvolver o esporte em todos os seus aspectos”, disse Mohammed Shahid, CEO da KHK Sports. “Das categorias de base ao profissional. O que faz dessa iniciativa algo tão especial é o desenvolvimento desde a base, trazendo um novo sistema ao boxe. A WBC é um dos maiores e mais respeitados entidades do boxe e o cinturão do Arab Boxing Championship vai trazer grandes oportunidades para o futuro do boxe na região”, completou.

A WBC é uma das principais organizações internacionais de boxe e tem entre seus campeões figuras lendárias como Muhammad Ali, Joe Frazier, Sugar Ray Leonard, Floyd Mayweather Jr, Roy Jones Jr, Julio Cezar Chaves, bem como estrelas da atualidade, tais quais Canelo Alvarez, Manny Pacquiao, Tyson Fury e Vasyl Lomachenko.

A parceria entre KHK Sports e WBC é vista como um divisor de águas para o boxe no Oriente Médio, com ambas organizações visando o desenvolvimento do esporte e a promoção de grandes eventos na região.

Lucas Mineiro volta ao peso leve e encara russo no BRAVE CF 35, no Brasil

Ex-campeão dos pesos leves do BRAVE CF, o brasileiro Lucas “Mineiro” Martins está de volta à categoria que o consagrou na organização - após rápida passagem pelos pesos penas em 2019. A volta de Mineiro aos 70,3 kg ocorrerá no retorno da maior organização de MMA do Oriente Médio ao Brasil, em março.

O adversário de Lucas Martins será o russo Abdul-Rakhman Makhazhiev. “Soulman”, como também é conhecido, vem de uma vitória rápida em sua estreia na organização, em
dezembro do ano passado, no Quirguistão. Na ocasião, Makhazhiev finalizou Sanzhar Azhibaev ainda no primeiro assalto e ampliou seu cartel profissional para nove vitórias e
cinco derrotas.

Com 20 vitórias e apenas cinco derrotas em sua carreira, Lucas Mineiro chegou ao BRAVE CF ainda nos primórdios da organização e rapidamente se estabeleceu como um dos principais nomes do evento. Em sua mais recente aparição do cage do BRAVE CF, Mineiro desceu de peso e desafiou Bubba Jenkins pelo título mundial, em julho de 2019. Na ocasiãoo brasileiro acabou superado pelo rival norte-americano, em combate realizado na cidade de Londres (Inglaterra).

O BRAVE 35 acontece no dia 25 de março, em Balneário Camboriú. O evento marca a quinta visita da maior organização de MMA do Oriente Médio ao país, fazendo com que o Brasil empate com o Bahrein (casa do BRAVE) como nação com mais edições realizadas na história.

A luta principal da noite, a primeira realizada pelo organização no Brasil fora de Curitiba (PR) ou Belo Horizonte (MG), marcará a primeira defesa de cinturão do campeão dos pesos leves Cleiton “Predador” Silva, diante do sueco Guram Kutateladze.

“Macarrão” retorna a Balneário Camboriú e enfrenta inglês no BRAVE CF 35

Natural de Balneário Camboriú, Leonardo "Macarrão" terá a oportunidade de lutar em sua cidade natal pela primeira vez em seis anos. O peso superleve está escalado para o BRAVE CF 35, evento que ocorre no dia 28 de março na cidade catarinense. O brasileiro enfrentará o inglês Carl Booth na luta co-principal do show.

"Macarrão" vem de vitória pela organização de MMA que mais cresce no mundo. No BRAVE CF 25, disputado em agosto do ano passado em Belo Horizonte, ele dominou o holandês Djamil Chan, vencendo-o por decisão unânime e espera que novo triunfo sobre um gringo o deixe mais perto de uma disputa pelo cinturão de Eldar Eldarov.

"Fizemos um esforço a mais para ter o Leonardo no card, pois devemos isso à cidade. Ele é um grande astro de Balneário Camboriú, e levou o nome da cidade para o mundo todo. No BRAVE CF, não tem luta fácil e o "Macarrão" vai pegar uma pedreira, que é o Carl Booth, ex-desafiante ao cinturão da categoria de cima. Vai ser uma grande luta", comentou Marcos Ferraz, gestor do BRAVE CF no Brasil.

Booth, por sua vez, fará sua estreia entre os superleves. Ele vem de duas vitórias seguidas nos meio-médios, e escolheu descer de peso ao invés de esperar uma terceira luta contra o atual campeão Jarrah Al-Selawe. "The Bomber" vem de triunfo dominante sobre o ex-UFC Hayder Hassan na luta principal do BRAVE CF 32, que foi disputado no Quirguistão.

O BRAVE CF 35 marcará a quinta vez que a maior organização de MMA do Oriente Médio aterrisa no Brasil. Com a estreia em Balneário Camboriú, o país se torna a maior casa do BRAVE Combat Federation, junto ao Bahrein.

O show terá como atração principal a primeira defesa de cinturão do campeão peso leve Cleiton "Predador", que enfrenta o sueco Guram Kutateladze, algoz dos brasileiros Erick "Índio Brabo" e Felipe Silva. Também está confirmado para o evento o retorno de Luan "Miau" - o ex-campeão enfrenta o francês Amin Ayoub.