A história de um mito celebrada em música, samba e folclore popular por meio da religiosidade e combate às intolerâncias.

Essa é a premissa do espetáculo a “História de um Certo Zé”, que entra em cartaz no Teatro Zé Maria, no Centro de Curitiba, a partir do dia 2 de junho (quinta), às 20h.
A peça celebra a pluralidade em torno do mito Zé Pelintra, cultuado nos ritos brasileiros de matriz africana, através de ritmos e gêneros musicais que contam sua trajetória e narram a saga do personagem símbolo da malandragem. O espetáculo fica em cartaz até o dia 12 de junho, sempre às quintas (20h), sextas (20h), sábados (20h) e domingos (19h), com ingressos a preços populares.
O espetáculo conta a história de José, um pescador de Recife que ao chegar ao Rio de Janeiro, reduto dos malandros, berço do samba e da boemia carioca tem em sua conturbada vida, o destino de se tornar um dos ícones da cultura brasileira. A encenação tem a direção de Leo Campos, carioca radicado em Curitiba, indicado ao Troféu Gralha Azul 2018 pela direção da comédia de sucesso “A Animalesca Fortunada Aventura de Reconto de Amor e Morte”.
“Montar um espetáculo sobre a história do “Seu Zé”, no momento em que a gente vive todas as formas de preconceito, é fundamental. Estamos utilizando essa poderosa ferramenta de comunicação chamada Teatro, em uma de suas funções mais lindas, que é a função social”, ressalta Leo Campos, diretor da montagem.
“A História de um Certo Zé” volta aos palcos curitibanos após temporada de 2020 sendo prematuramente interrompida pela pandemia. O espetáculo reúne mais de 20 profissionais entre atores, músicos e técnicos em prol da encenação que promete emocionar e divertir o público. “O objetivo desse espetáculo, além de contar a história de um homem é, por meio dessa narrativa, fazer com que as pessoas conheçam e se informem sobre as religiões de matriz africana e celebrem as diversidades religiosas, deixando o preconceito de lado”, explica Campos.
Instagram
Peça: @ahistoriadeumcertoze
Diretor: @leonardocampos.rj

CIA ILIMITADA APRESENTA ESPETÁCULO CONTOS NO TEATRO CLEON JACQUES

As apresentações do espetáculo que integra música, teatro e contação de histórias será terça e quinta (10 e 12), às 20h. Ingresso gratuito.

downloadAttachment&Message%5Buid%5D=244910&Message%5Benvelope%5D%5Bmessage-id%5D=%253CPH0PR22MB3521E05D230442F8E37C85F5A1C69%2540PH0PR22MB3521.namprd22.prod.outlook.com%253E&Message%5BmailBox%5D%5Bmailbox_id%5D=INBOX&MessageAttachment%5B%5D%5Battachment_id%5D=%3CPH0PR22MB3521E05D230442F8E37C85F5A1C69%40PH0PR22MB3521.namprd22.prod.outlook.com%3E-1.1.2

Foto: Maringas Maciel

O espetáculo Contos, uma remontagem da Cia Ilimitada com direção e dramaturgia de Marcio Juliano e direção musical de Sérgio Albach, faz apresentações esta semana no Teatro Cleon Jacques (dentro do Parque São Lourenço), terça e quinta (10 e 12), às 20h. A entrada é gratuita.

No palco, atores e músicos da Orquestra à Base de Sopro narram histórias construídas a partir de contos da tradição oral com música executada ao vivo. No elenco: Glaucia Domingos, Marcel Malê, Marcio Juliano e os músicos: Sérgio Albach, Luís Rolim e Davi Sartori, integrantes da OABS. Nadja Naira (cia brasileira de teatro) assina a luz e divide a assistência de direção com Mônica Infante que também é responsável pela preparação corporal. As composições feitas especialmente para o trabalho são de Davi Sartori, Sérgio Albach e Gilson Fukushima.

A indicação é livre, pode ser visto por toda a família. A plateia, disposta em semicírculo, ocupa o palco do teatro e se acomoda bem próxima dos atores para ouvir as histórias.

A Pele da Alma é um dos contos, se passa em uma terra gelada à beira mar e narra o encontro e desencontro de um solitário homem com a mulher foca, abrindo espaço para a discussão sobre a essência feminina e a busca pelo resgate da natureza instintiva.

O Comprador de Sonhos, o outro conto, nos apresenta Kanhru, indígena brasileiro, trabalhador braçal, sem-terra, que ao comprar um sonho, planta uma semente que transforma a realidade da sua comunidade.

Nos dias 28 e 29 de maio, o espetáculo também será apresentado no Teatro da Vila, na CIC.

Este projeto é uma realização da Cia Ilimitada e foi incentivado pelo EBANX por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura.

Ficha Técnica

Direção e Dramaturgia: Marcio Juliano

Direção Musical: Sérgio Albach

Composições: Davi Sartori, Sérgio Albach e Gilson Fukushima

Elenco: Marcel Malê, Glaucia Domingos, Marcio Juliano, Sérgio Albach, Luís Rolim e Davi Sartori.

Assistência de Direção e Iluminação: Nadja Naira

Assistência de Direção e Preparação Corporal: Mônica Infante

Operação de Luz: Henrique Linhares

Operação de Som: Chico Santarosa

Produção Executiva: Marcos Trindade

Assistência de Produção: Vinícius Jardim

Assessoria de Imprensa e Comunicação: Glaucia Domingos

Mídias Sociais: Vanessa Brollo

Design Gráfico: Adriana Alegria

Fotografia: Maringas Maciel

Produção e Realização: Cia Ilimitada

SERVIÇO:

Espetáculo CONTOS

*Teatro Cleon Jacques/São Lourenço - 10 e 12 de maio, às 20h

*Teatro da Vila/CIC - dias 28 e 29 de maio, às 17h

Ingresso: gratuito

Capacidade: 70 lugares

Classificação: Livre

Duração: 60 minutos

Realização: Cia Ilimitada

CONTATOS:

Produção

Marcio Juliano da Silva

marciojulianocontato@gmail.com

TRIBALTECH, um dos maiores festivais multiculturais do Brasil, acontece neste sábado (14), na Região Metropolitana de Curitiba

Com a temática Genesis, o festival terá sua primeira edição após mais de 2 anos. O evento será realizado na Fazenda Heimari, com 09 palcos e mais de 70 atrações

CURITIBA, 09/05/2022 – Após 2 anos de hiato, devido aos efeitos da pandemia, um dos maiores festivais de música do país está volta: a TRIBALTECH (TT). O evento, que será realizado neste sábado, dia 14 de maio, na cidade de Piraquara, na região metropolitana de Curitiba (PR), contará com uma ambientação inédita e curadoria musical de excelência, abraçando vários estilos musicais e evidenciado a marca de festival mais eclético do Brasil.

Consolidado como uma das mais importantes celebrações nacionais à música, a TRIBALTECH marcou gerações e fez seu nome ecoar por todos os cantos do país, se tornando uma referência nacional com uma combinação perfeita que mescla som de qualidade, estrutura de excelência e uma atmosfera voltada a imersão visual como diferencial. Desde sua primeira edição em 2004, o festival evoluiu, ganhou novas vertentes, abriu espaço para diferentes gêneros, indo muito além da música eletrônica, e ficou marcado por sua diversidade e multiculturalidade. Agora, em 2022, a TRIBALTECH faz seu grande retorno sob a temática Genesis, que remete a criação e origem, celebrando a história e as raízes do festival, proporcionando ao público uma experiência única de música e entretenimento.

Com uma estrutura inédita, instalada na Fazenda Heimari, a TRIBALTECH vai contar com 9 palcos posicionados em um espaço completamente ao ar livre, com 150.000 m2 de área verde. Outro grande destaque do evento ficará por conta de um inédito palco de Jazz, que chega para somar aos já tradicionais estilos do festival como Rap, Black Music, Break Beat, Drum & Bass, Soul, Samba, Pop, Rock e brasilidades, além, logicamente, da música eletrônica.

Como não poderia ser diferente, a TRIBALTECH voltará com um line-up incrível, com mais de 70 artistas, entre eles muitas atrações internacionais de peso, como a DJ ucraniana Nastia, que volta ao palco da TT com sua presença contagiante e setlist envolvente; o alemão Boris Brejcha, criador do “high´tech minimal”; o DJ e produtor tunisino-alemão Loco Dice, um dos artistas mais autênticos e respeitados da música eletrônica mundial; e a francesa Anetha, que vai estrear no festival consagrada como uma das principais figuras da nova geração de DJs franceses inspirados em Trance, Electro e Techno dos anos 90. Entre os brasileiros, figuram nomes como Allen Rosa, Ricardo Verocai Quartet, Machete Bomb, Janine Mathias e Olivia, além do destacado b2b dos DJs Gromma e Biel Précoma.

Palcos e line-up completo

TRIBALTECH STAGE: AEDOS / ANN CLUE / BORIS BREJCHA / D-NOX / KANIO / LOCO DICE / MURPHY

TIMETECH STAGE: ADIEL / ANETHA / DIS:ORDER / ENRICO SANGIULIANO / NASTIA / PERC / REGAL / SNTS / STEFANO TT

3DTTRIP STAGE: 4i20 / AKASHA / BECKER / CAPITAL MONKEY / DEKEL / DOUGUE / EARTHSPACE / KADUM / LIQUID SOUL / OMIKI / REALITY TEST / TRANG

SUPERCOOL STAGE: GROMMA B2B BIEL PRÉCOMA / HOLZ² / JOHN DIMAS / RON BASEJAM / STANCCIONE / SUGAR FREE / THE GHOST

ORGANIC BEAT STAGE: DOW RAIZ / JANINE MATHIAS / MACHETE BOMB / OLÍVIA / ORQUESTRA FRIORENTA / SIAMESE FEAT. KLÜBER E MANO CAPPU / WES VENTURA

COVIL STAGE: AGRABAH / GEZENDER / LUNA TIK / MARINA DIAS / PEDRO GREGO / VERMELHO (PERFORMANCE: DI VINA KASKARIA / MARITZA LA GATA / MARIYA NERVE / MORENA COMPLETA / PAULA COSTA)

TROOP STAGE: CAETANO / DUE / EDUARD / FABIAN / LYCRA PRETA / MARC-LO / NEY FAUSTINI / ROMINA

FREESTYLE STAGE: AFTERCLAPP / ALLEN ROSA / ANAUM / CAJU / DJ MARKY / MITAY / SCHASKO

JAZZ INAHOUSE STAGE: BARBARELLA GROOVES / DEMBEATS / LOW FLY TRIO / MANDOROVÁ / RICARDO VEROCAI QUARTET / SOTAK COMFUSION FAMILY (PERFORMANCE: HESTIA FLAME)

A TRIBALTECH Genesis será realizada neste sábado, dia 14 de maio, na Fazenda Heimari, em Piraquara, na região metropolitana de Curitiba (PR). O evento é uma parceria das produtoras Grupo T2 e Planeta Brasil Entretenimento. Os ingressos estão disponíveis no site www.ingresse.com. Mais informações no site www.tribaltech.com.br e no perfil oficial do evento no Instagram (@tribaltechofficial).

Fogo de Chão oferece Programa de Trainee no Exterior para estudantes e recém formados do Sul do Brasil

Como parte da estratégia de crescimento global, a Fogo de Chão, uma das empresas brasileiras com maior sucesso internacional, está com as suas inscrições abertas para seu programa de Trainee em vários países. São vagas em mais de 60 restaurantes em todo o mundo, uma grande oportunidade para jovens profissionais que querem uma experiência internacional. Dallas, Miami, Chicago, Las Vegas são algumas das cidades que irão acolher os selecionados.

A missão do programa de Trainee 2022 do Fogo de Chão é levar o espírito da hospitalidade do Sul do Brasil para o mundo todo, bem como oferecer oportunidade para jovens profissionais que querem vivenciar uma experiência internacional. Os interessados, além de estarem cursando ou terem cursado recentemente cursos de Turismo e/ou Hotelaria nos estados do Sul do país, devem ter inglês avançado ou fluente. Para ter sucesso no Fogo de Chão, os candidatos precisam também ter um perfil dinâmico e dedicação em seu DNA, além de se manter sempre atualizado, buscando uma formação contínua.

De acordo com Selma Oliveira, Chief People and Culture Officer do Fogo de Chão, um dos motivos do grande êxito da rede no exterior é a valorização dos colaboradores, do desenvolvimento das habilidades profissionais dos funcionários em todos os níveis hierárquicos, o que gera um baixo índice de turnover e um vínculo emocional com a empresa. Todos, do passador de carnes aos diretores, têm paixão pelo o que fazem e sabem de sua importância para o sucesso da rede.

“O Fogo é uma empresa que promove um programa de carreira a seus colaboradores, formulado para reter talentos. Nosso business é pautado em preparar excelentes profissionais que se orgulham de vestir nosso uniforme. Podemos dizer que nosso diferencial é investir nas pessoas e oferecer incentivos para novos projetos, fomentando o desenvolvimento profissional e pessoal dos colaboradores, além de promover um ambiente que estimula o funcionário a se diferenciar, ou como falamos internamente, atingir o Next Level”.

“Os colaboradores imigrantes e suas famílias recebem toda assistência necessária, inclusive psicológica, para completa adaptação em outro país, com diferenças significativas em relação ao de origem como o próprio clima e cultura. “Sabemos que os Estados Unidos recebem uma atenção especial quando o assunto é escolher outro lugar para se viver”. A qualidade de vida está entre as principais questões levadas em consideração por quem planeja viver em um local diferente de seu país natal. Por isso, os EUA aparecem como uma das melhores opções disponíveis para cuidar e construir uma nova família além de desenvolver carreira. Dentro deste contexto, uma oportunidade de trabalho no país abre portas para um caminho de sucesso, conclui Selma.

Mais informações: mono@fogodechao.com.br
fogo.jpeg

Foto: divulgação

Um fabuloso espetáculo de circo e música

A flautista Marcela Zanette apresenta o espetáculo O Fabuloso Circo Musical de Marcelita Flores no próximo fim de semana, sábado (14) e domingo (15), sempre às 15 horas, no Circo da Cidade- Lona Zé Priguiça (Rua Dr. Benedicto Siqueira Branco, Sn- Alto Boqueirão). O show marca o lançamento do primeiro álbum da compositora Marcela Zanette que vai dividir o palco com alguns dos melhores músicos de Curitiba na atualidade: Audryn Souza (trompete), Lauro Ribeiro (trombone e tuba), Renan Bragatto (acordeom), Dênis Mariano (bateria), Gabriela Bruel (percussão) e Gustavo Moro (violão). E as participações especiais de Carla Zago (violino) e Jay Ferreira (voz). As apresentações têm classificação livre e entrada gratuita.
Como o próprio nome já adianta, O Fabuloso Circo Musical... vai proporcionar ao público um mergulho no universo do circo e da música. Durante a apresentação, três artistas de circo, Fábio Salgueiro, Marina Prado e John Salgueiro, farão performances acrobáticas, criando um clima lúdico e animado.
Para Marcela, esse espetáculo conta um pouco de sua história e sua relação com a música e com a arte. Para ela o seu fabuloso Circo Musical, tem a capacidade de encantar crianças, jovens e adultos. “É um espetáculo multimidiático, plástico e encantador. Faz a gente sorrir, imaginar, querer fugir com a trupe. Faz a gente concluir que viver é preciso, fazer arte é necessário e sonhar é fundamental”, finaliza.
Lona Zé Priguiça
Palhaços, equilibristas, trapezistas e outros personagens das artes circenses percorrem os bairros de Curitiba e valorizam a cultura local há mais de 30 anos. O responsável por tudo isso é o Circo da Cidade, que ganhou, em 2008, uma nova lona e equipamentos, e, em 2009, um nome novo: Circo da Cidade Zé Priguiça. Ao longo dos anos, o circo se adequou às políticas culturais, mas manteve como prioridade o atendimento à população da periferia. Atualmente, o Circo da Cidade Zé Priguiça está instalado no Jardim Paranaense, Alto Boqueirão.

Serviço: O Fabuloso Circo Musical de Marcelita Flores
Local: Circo da Cidade- Lona Zé Preguiça
Endereço: Rua Dr. Benedicto Siqueira Branco, Sn- Alto Boqueirão
Datas: sábado (14) e domingo (15)
Horário: 15h
Capacidade: 400 lugares.
Classificação: Livre
Entrada: Gratuita
INGRESSOS PELO SYMPLA
https://www.sympla.com.br/evento/o-fabuloso-circo-musical-de-marcelita-flores/1550959
Crédito fotográfico: Márcia Kohatsu